Archive for the ‘The Matrix/DNA Theory’ Category

Proton: Astonishing Image

Thursday, September 19th, 2019

xxxxx

colorful balls in the middle of black background

A proton is made of a swarm of quarks and gluons, as imagined in this illustration. ILLUSTRATION: CERN

 

Mais uma nova descoberta sobre este mundo que deve obrigar os filósofos de plantão a repensar tudo o que acreditam e imaginavam conhecer. Uma mudança no conhecimento do mais intimo da matéria tem que corresponder a uma mudança na inteligência e na mais cósmica das consciências. Como fica agora o novo mundo com este novo próton?!

Por isso é bom estar sempre procurando o que a humanidade vai descobrindo e se desenvolvendo em todos seus aspectos. Principalmente no que se refere ao conhecimento da Natureza, deste mundo, do qual dependemos mortalmente. Sempre fizemos uma ideia errada de como seria a imagem do núcleo de um átomo – este elemento que é mortalmente importante em nossa existência, pois cada ser humano é dono de trilhões, quatrilhões deles: tanto os trilhões que constituem seu corpo como os que constituem seus objetos e propriedades, e o mundo em geral.

Nossa imaginação imaginava um núcleo formado de bolinhas brilhantes amarelas como o Sol, que seriam os prótons, misturadas com igual quantidade de bolinhas escuras, que seriam os nêutrons. E emanando delas, do núcleo, uma serie de ondas em camadas magnéticas, pelas quais orbitariam os elétrons. E eu ficava surpreso quando estas pessoas céticas pregavam com imposição que ” que nada, nosso corpo não tem campo magnético, não tem essas coisas de energia aparecendo nas fotos, isso tudo é misticismo!”. Mas como não se num átomo 95% é campo magnético, e somos constituídos de átomos…, o certo é dizer que somos mais magnetismo que carne e osso…”

Mas de fato não conseguimos imaginar a realidade mais profunda das coisas, então para não complicar nossas vidas e não fundir nossa cuca, vamos embalar com o povo na ideia da carne com osso. “Não pode! Você tem que entender que se você enfia uma agulha cujos átomos tem a vibração P no seu corpo onde os átomos tem a vibração X, vai haver tempestades do choque entre diferentes vibrações, então não enfie agulha no seu corpo…” – ” Ora, fica mais fácil dizer que se enfiar agulha na carne vai doer”. ” mas assim você não entende o que é dor, um conflito de vibrações com ressonância nos átomos dos sensores no seu cérebro que…” – ” Louis, por favor, cale a boca, pare de complicar…” – “” Mas é por causa desta atitude que os humanos ainda sentem dores. Uma questão de vibrações a nível profundo da matéria é tratada por médicos que lidam com carne e osso quando devia ser tratada por físicos quânticos…” – “Cale a boca Louis!”

Agora de repente uma imagem que me ocupou a mente por toda a vida e que me desviava do maior conhecimento da Natureza foi derrubada em um flash do olhar, menos de um segundo! O próton continua sendo como uma bolinha, mas que complexidade! nada do sol luminoso amarelo, parece mais como um montículo feito de muitos ingredientes, sementes, como ervilhas, feijão, semente de girassol, lentilhas, grãos de arroz, milho… tudo misturado, e tudo cozido, porque esta tudo colado entre si! São como um armazém de sementes de todas as agriculturas… agora dá para entender porque os átomos formaram tantas coisas, tantos objetos, tantas especies de vida diferentes… eles tinham as sementes, as informações para tudo isso! E… epa… sim… vou comemorar, porque eu cantei essa bola a 30 anos atrás, apesar de não ter a ideia exata do que isso significava. Previ isso mas não por intuição ou inteligência e sim porque meus cálculos apontavam essa solução. O que mais é a fórmula da Matrix/DNA que estou defendendo que deve existir na Natureza com informações para tudo, senão a criadora de sistemas complexos assim, com as informações para tudo neste Universo? Ganhei mais uma, você tem que pagar a próxima cerveja… taí a imagem como mais evidências para minha teoria…

Na minha teoria, existe uma formula universal que  contem todas as informações para construir e de fato construiu todos as formas de sistemas naturais, de átomos a galaxias a corpos humanos, cujas formas são apenas variações de um único sistema surgido no Big Bang inicialmente na forma de uma onda de luz natural que se propaga no tempo/espaço ao desenvolver uma anatomia própria pela força do ciclo vital e de cuja anatomia emergem todas as informações.. ou seja, uma especie de genoma. Como o átomo foi uma das primeiras formas do sistema criado por essa formula/genoma, a onda de luz impregnou-o com as informações que estavam registradas nela. Como essas informações tornam a onda de luz algo muito complexo, que o próton tenha nascido com essa complexidade estava automaticamente previsto na teoria. Se fosse uma simples bola de luz homogênea, o próton não se encaixava nos meus cálculos da macro-evolução universal.

E você deve comemorar também porque esse átomo ai muito mais complexo e rico em detalhes e informações vale muito mais que o átomo antigo, e como você é dono de uns quatrilhões deles, seu corpo aumentou de valor… Quando você publicar aqueles anúncios que esta vendendo dois quilos de gordura da sua barriga, não se esqueça de corrigir o valor…

Um novo Deus, para uma Nova Era

Saturday, September 7th, 2019

xxxx

Se eu tivesse uma capacidade de raciocínio, mas não o conhecimento que tenho hoje quando era aquela microscópica única célula, dois minutos apos a fecundação, e quando olhasse a distância, veria um oceano de líquido terminando numa casca, acreditaria que aquele era o inteiro universo, meu mundo se resumiria aquilo dentro da casca. Mas se nos dias seguintes visse meu corpo se transformando de formas mais simples para formas cada vez mais complexas, concluiria que estaria sendo objeto de uma evolução. Se nessa evolução, logo nos dias seguintes, desenvolvesse uma visão de raios-X e uma mente capaz de ver o passado, veria além da casca do ovo, o mundo dos meus pais, e os genomas deles produzindo aquele enorme Big Bang no centro do meu mundo quando a membrana do espermatozoide explodiu. E concluiria que além e antes do meu mundo é tudo natural, não existem seres supernaturais, e o processo pelo qual meu mundo foi feito é simplesmente um processo natural, sem nenhuma magica. E então também compreenderia que o que pensei ser evolução era, na verdade, uma ilusão, pois o que estava acontecendo dentro do meu mundo era um simples processo natural de reprodução genética. Nada supernatural, nada magico. E meu pai, e minha mãe, seriam meus deuses, o que mais amaria no mundo, mesmo eles sendo simplesmente naturais e incapazes de fazerem magicas.

Hoje estou sentado numa pedra grande que tem ao lado da porta da minha casinha numa pequena terra rural, ‘a meia-noite. Olho para o céu estrelado, penso que este é o meu mundo. Sei que o Universo esta se expandindo, então obrigatoriamente ele tem um limite, não é infinito. Mesmo que seja uma aureola de vácuo circundando-o, ele deve ter algo como a casca membranosa alem das últimas galaxias. E sei que o Universo teve início num Big Bang, similar ao do que ocorreu no primeiro instante da existência do meu corpo carnal. Tudo igual, me sinto como nos meus primeiros segundos neste mundo, um microscópico ser, que sente apenas as coisas naturais de seu mundo. Mas eu estudei muito, passei a vida carregando uma luneta para ver o céu e um microscópico rustico para ver as criaturinhas na lama dos pântanos. Sinto que minha mente se desenvolveu com as descobertas que fiz, como a existência da formula universal da Matrix/DNA, ao ponto de ter uma visão mais profunda e calcular com bom grau de probabilidade o que existe além das últimas galaxias. Também as Ciências Humanas e a minha fórmula me ajudaram a ver mais profundo no passado. Estou neste universo no ponto que estava alguns dias apos meu aparecimento como célulazinha no seu pequenino universo. E o que vejo além e no passado deste Universo, antes do meu aparecimento?

 

A fórmula universal mostrou as causas das existências de todas as coisas existentes dentro deste universo, e mais ainda, as causas de todos os eventos ocorridos nesta natureza universal. E para minha surpresa, tudo o que ela sugeriu bateu exatamente com minhas exigências racionais. Se ela sugeriu uma nova versão mais racional da Historia Universal, e nesta historia esta claramente revelado um longo processo de reprodução genética que ate ontem eu pensava, como meus amigos humanos, estar vendo evolução, então bastaria projetar a logica do processo ocorrendo aqui dentro deste mundo, para calcular o que deve existir alem e antes das fronteiras deste Universo. De certa forma adquiri uma visão de raios-X, pois agora olho o Universo pelos olhos de uma fórmula universal. Realizei os cálculos em enorme excitação e impaciência, pois intuitivamente eu sentia o que ia descobrir. E não foi surpresa quando vi, além e antes deste Universo, meus pais, naturais e auto-conscientes, mas nada de mágicas e nada supernaturais. São simples, mas sei que observam o universo engravidado, e esperam ansiosos pelo meu nascimento. Eles não desenharam este mundo onde estou, assim como minha mãe não desenhou a placenta que me envolveu e nutriu.  Assim existem os maus obstáculos, mas quando a coisa aqui vai mal, nós chutamos a barriga, gritando, rezando alto, então nossos pais percebem e administram alguma medicina, que meus irmãos aqui dizem ser “milagres que caíram do céu”… kkkkkk. São seres naturais, mas eu os amo como meus deuses. Aliás, os únicos deuses que tenho.

E agora admiro ainda mais aquele simples carpinteiro que um dia perguntado qual era o segredo fundamental deste mundo, ele levantou os olhos para o céu e disse: “Pai”. Em seguida abaixou os olhos à Terra, olhando seu corpo e disse: “Filho!”

Seus discípulos pensaram que quando ele olhou para si ele estava se vendo como Deus. Não, ele estava vendo seu corpo de homem, um corpo humano. O humano é o filho. Grande intuição! Se seus discípulos conhecessem estas coisas de DNA e genética, ao invés de filho ele teria dito “Genes”. Pois, na verdade, carregamos 8 bilhões de bolhas de auto-consciência com as quais estamos construindo-nos como o futuro filho. Mas mesmo assim, ele acertou na mosca!

A PRISÃO DE CADA UM… E a explicacao da Matrix/DNA

Monday, August 12th, 2019

xxxxx

Prison Cartoon

O máximo de liberdade que o ser humano pode aspirar é escolher a prisão na qual quer viver.

Pode-se aceitar esta verdade com pessimismo ou otimismo, mas é impossível refutá-la.

A liberdade é uma abstração.

Liberdade não é uma calça velha, azul e desbotada, e sim, nudez total, nenhum comportamento para vestir. No entanto, a sociedade não nos deixa sair à rua sem um crachá de identificação pendurado no pescoço.

Diga-me qual é a sua tribo e eu lhe direi qual é a sua clausura.

São cativeiros bem mais agradáveis do que Carandiru (ex-presídio brasileiro de péssimas condições). Para pegar sol, ler livros, receber amigos, comer bons pratos, ouvir música, ou seja, uma cadeia à moda Luis Estevão (parlamentar preso em cela especial), temos que advogar em causa própria e habeas corpus, nem pensar.

O casamento pode ser uma prisão. E a maternidade, a pena máxima …

Um emprego que rende um gordo salário trancafia você, o impede de chutar o balde e arriscar novos vôos. O mesmo se pode dizer de um cargo de chefia. Tudo que lhe dá segurança, ao mesmo tempo o escraviza.

Viver sem laços igualmente pode nos reter.

Uma vida mundana, sem dependentes para sustentar, o céu como limite: prisão também.

Você se condena a passar o resto da vida sem experimentar a delícia de uma vida amorosa estável, o conforto de um endereço certo e a imortalidade alcançada através de um filho.

Se nem a estabilidade e a instabilidade nos tornam livres, aceitemos que poder escolher a própria prisão já é, em si, uma vitória.

Nós é que decidimos quando seremos capturados, para onde seremos levados. É uma opção consciente. Não nos obrigaram a nada, não nos trancafiaram num sanatório ou num presídio real, entre quatro paredes.

Nosso crime é estar vivo e nossa sentença é branda, visto que outros, ao cometerem o mesmo crime que nós – nascer – foram trancafiados em lugares chamados analfabetismo, miséria, exclusão..

Brindemos: temos todos cela especial!

Autora: Martha Medeiros

Comentario da Matrix/DNA

Bem,… isso é mais uma evidencia de que a minha teoria esta certa. Um nosso ancestral, sem consciencia e ainda não-vivo, escolheu ser um sistema fechado em si mesmo, isolando-se do mundo e tornando seu corpo num Paraiso. Basta dar uma olhada no meu modelo teorico desta galáxia para se entender tudo.

Mas ele não sabia que sistema fechado é tornar-se a si mesmo como a cela de uma prisao, encarcerando-se nela. Libertado de seu proprio inferno ao ser transformado em sistema biologico na Terra, e sendo gerado de seu proprio ventre para existir dentro de seu corpo, o processo de sua cura deve ser lento e lenta é sua libertação da prisao, a qual vem com a evolucao total… Isto não é minha opiniao, mas sim o resultado no prosseguimento dos cálculos lógicos.

Porem, ainda tem os que acreditam que os seres vivos foram criados por magica por um desenhista sobrenatural, que seria muito burro e cruel para criar essa carnificina que vemos aqui…

Teoria Darwiniana x Cambrian Explosion

Tuesday, July 23rd, 2019

xxxx

Ha 540 milhões de anos atras apareceram grande quantidade de novas especies sem evidencias de terem vindo pela evolução das especies anteriores. No quadro abaixo se nota a diferença dos dados em fóssil record entre Cambrian e pre-cambrian. Isto esta sendo usado com insistência pelos contra-evolucionistas como “prova” de que evolução não existe. na teoria da Matrix/DNA, no entanto, isto não é problema para manter a teoria de que evolução existe. Senão vejamos:

- A Matrix/DNA sugere o modelo anatômico de LUCA, como building block de sistemas astronômicos;

- A Matrix/DNA sugere um mecanismo entropico pelo qual fragmentos de LUCA – que consistem nos bits-informação do corpo de LUCA – são espalhados no espaço sideral e por vários tempos diferentes:

- A Matrix/DNA, baseada no mecanismo genético, sugere o mecanismo pelo qual estes bits-informação caem nas superfícies de planetas e tentam reconstruir o mais próximo possível o sistema astronômico de onde vieram;

- A Matrix/DNA sugere como a entropia ataca inicialmente a periferia do corpo de LUCA. A partir da periferia vai se desprendendo bits cada vez mais internos ate alcançar o centro nuclear do sistema. isto implica que informações diferentes relacionadas a diferentes estágios da reconstrução de LUCA chegam aos planetas em pacotes em tempos e lugares diferentes.

- Assim a Matrix/DNA sugere todos os passos que seriam suficientes para provocar a explosão cambriana.

- A mesma explicação serve para elucidar as novas especies, como os primatas, que surgiram a 65 milhões de anos com a queda de meteoritos: meteoritos, por estarem no espaço sideral recebem em tempos e lugares diferentes, diferentes informações chegadas a Terra.

Vejamos como argumentam os anti-evolucionistas:

The Cambrian explosion of life has long been a major hurdle for the naturalistic theory. The fossil record shows the first three quarters of the earth’s history to have nothing but very simply structured organisms. Then all of the sudden, 542 million years ago, vast quantities of complex creatures emerged without any of the evolutionary precursors demanded from Darwin’s theory.

In fact Darwin himself was perplexed by this event and in his book stated; “It’s as though they were just planted there without any evolutionary history”. He concluded that the fossil record was incomplete and said “To the question of why we do not find rich fossil deposits belonging to these…periods prior to the Cambrian system, I can give no satisfactory answer”. This fact caused great doubt in Darwin’s mind. He proposed that the fossil evidence was yet to be found and that without it his theory would collapse.

Since publishing his book, “The origin of species”, there have been new discoveries. Advanced life forms from the Cambrian era were discovered all around the world. However the findings only served to refute Darwin’s theory as there was no evolutionary species found for the Cambrian animals.

It is clear that the fossil record does not support Darwin’s theory of a common ancestor but in fact it undoubtedly refutes it. Yet the Cambrian explosion is not even mentioned in many text books and when it is mentioned it is not presented as evidence against Darwin’s theory but instead as an event that requires no further justification.

Similar situations also occur throughout time including the period after the extinction of the dinosaurs 65 million years ago. This is where many modern animals, including primates, appear without any evolutionary evidence.

From observing the fossil data of the pre Cambrian period we should find evidence of evolution and a common ancestor as predicted by Darwin. We find no such evidence therefore, as Darwin himself knew, the theory is falsified. It also fails both criminal and civil legal standards of evidence.

But,… don~t forget that there are evolutionists, and they does not accept any assumption from the arguments above. Only as example, look haow they answer the text above:

BY CARWINIAN’S EVOLUONISTS

I was impressed that you intend to use the ‘highest standard of evidence” in you arguments but you then spoiled it by immediately not using any standards of evidence at all.

Just taking your very first example of “A false representation of an evolutionary tree that would be typically presented as factual to young school kids“ you need to show, ‘with the highest standard of evidence’ where that diagram is used in schools, to whom and when, then show where it is wrong and why any errors might give a fatally false impression to its intended audience. Finally you have to show why it affects the ToE’s validity as settled science.

Maybe when you’ve done that to everyone’s satisfaction, you can move on to your second claim.

Bom para Matrix/DNA Theory: A escolha teorica em controversias cientificas

Saturday, July 20th, 2019

xxxxxx

Paper em PDF baseado em Kunh, Popper, muitos argumentos a favor de uma teoria controversa como foi a copernicana

https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/1982-5153.2019v12n1p331/40034

Como sera’ a trajetória da Teoria da Matrix/DNA

Thursday, July 18th, 2019

xxxxx

Phrase from Jonas Salk (1958)

” The way an idea eventually becames an accepted truth is revealed by the stages through which it passes: First, it is said that “It can’t be true”; then, “If true, it is not very important”; and finally, ” We knew it all along”.

Esta teoria ainda esta no primeiro estagio.

My Theory being used in a book from Sri Lankan about “life after death”

Monday, July 15th, 2019

xxxxx

The Astounding Revelations of Rebirth

by the Sri Lankan writer S. Gurupadam for the thesis on Religious Philosophy, Department of Philosophy, University of Jaffna, Sri Lanka Anunciado no site: https://writervamumurali.wordpress.com/2014/03/

VAMUMURALI - Jornalista e blogueiro hindu, criticas de livros, etc.

Sobre o Livro:

Amazing information about rebirth

Eskurupatam 384 pages, Price: Rs. 250, Manimekala Publication, TBN: 1447, 7, Thanikasalam Road, Thyagarayanagar, Chennai- 600 017, Phone: 044- 2434 2926. Critica de  VAMUMURALI:

What is life after the death of man ? This question is often debated in all religions. It is a common belief that the soul is reborn according to its good and evil uses.

The question of rebirth has puzzled not only the religious but also the scientists and thinkers. The fact that no conclusive answer has yet been made makes the study of the later stage of life interesting.

The main philosophy of the rituals is that not only man, but also the life of any person from the beginning to the end of life, takes the next birth. The author is trying to compile this information in one book.

This book was written by the Sri Lankan writer S. Gurupadam for the thesis on Religious Philosophy, Department of Philosophy, University of Jaffna, Sri Lanka; In 67 of the five parts, he compiled information on reincarnation, prehistoric memories, posthumous experiences, saints’ ideas, and resurrection.

In the simplest case, writing a bunch of sensational information, but a query could not be found in the book. Although the author claims that the reader has decided to do so without any conclusions, it is disappointing that the book does not provide the surprise of the title.

In addition, many popular names in this book (eg: Sigman Bferait, Socrates, Pataliputra, Pythagoras, Maitrene) are spelled wrong. The widespread typographical errors in the text indicate that there must have been more difficulty in the preparation.

Se as evidencias e previsões da Teoria da Matrix/DNA não fossem cientificas, seriam ao menos filosóficas?

Monday, July 15th, 2019

xxxx

- ” Just as science is not a proving process, neither is philosophy. But what they both do is ask those that make extraordinary claims to provide extraordinary evidence to support their claim.”

- ” I would say science does ask for evidence but philosophy asks for arguments as many things just cannot be proven with evidence. Or maybe you talk about the philosophy of science but is again a bit different than just bringing evidence forward. When there is an evidence it stops being philosophy, it’s only science.”

- “Philosophy without evidence is religion.”

Ok…

Evidence = the available body of facts or information indicating whether a belief or proposition is true or valid.

Scientific evidence consists of observations and experimental results that serve to support, refute, or modify a scientific hypothesis or theory, when collected and interpreted in accordance with the scientific method.

In philosophy, the study of evidence is closely tied to epistemology, which considers the nature of knowledge and how it can be acquired.

Qual a natureza do conhecimento sobre a Matrix/DNA?

Ela teria iniciado pelo método da anatomia comparada, comparando-se o primeiro ser vivo ( um sistema celular completo e funcionando) com a galaxia, o sistema natural existente antes, mais complexo conhecido. A razão da aplicação deste método entre estas duas estruturas naturais era apenas a intuição de que a primeira célula teria sido mero produto da evolução direta do sistema natural mais complexo que existia antes, que era a galaxia. Nesta comparação não se detectou que as sete organelas celulares mais seu código genético estariam presentes em formas menos evoluídas na estrutura física da galaxia. Esta correlação seria detectada se uma organela da célula tivesse a mesma função sistêmica de um tipo de astro na galaxia. E isso não foi encontrado na primeira pratica da anatomia comparada.

Pensou-se então que a falta em encontrar tal correlação podia ser devido ao pouco que se conhece da galaxia. Este pouco teria produzido um modelo teórico do sistema galáctico errado em relação ao real, ou então bastante incompleto.

Mas como detectar o modelo correto do sistema galáctico contando com as poucas informações existentes?

Passou-se a fazer vários exercícios tentando conectar os sete tipos de astros de todas diferentes maneiras, para ver se haveria um modelo em que todas as funções sistêmicas dos astros fossem similares a todas funções sistêmicas das organelas da célula.

Tais exercícios mostraram-se nulos.

Porem, a intuição e que a célula teria sido produto evolucionário da galaxia implicava que as propriedades dos seres vivos deveriam existir numa forma física simples e mecânica como propriedades da galaxia. Uma das propriedades dos seres vivos é o ciclo vital. O qual transforma a forma inicial de um corpo embrionário em múltiplas formas diferentes subsequentes ao logo de sua existência. Ao aplicar-se o processo do ciclo vital sobre os sete tipos de astros, descobriu-se que tudo o que se sabe sobre estes astros indicam uma figura de cada um e todos estes astros seriam originados por este processo. Ainda mais: o quadro final era um novo modelo teórico astronômico e funcionava como uma sistema, e mais, um sistema auto-reciclável.

Mas não posso omitir que outros fatores fora da pesquisa vieram a influenciar sobremaneira a intuição de aplicar o ciclo vital nos sistema galáctico.

Ocorreu neste ínterim na selva amazônica uma suposta informação nova, inédita, sobre o sistema galáctico, através da fala de um nativo amazônico com o cérebro alterado por alucinógenos. A fala descrevia um visionário corpo energético embutido nos corpos humanos semelhante ao que asiáticos visionários descrevem como “aura”. Porem a “aura” descrita pelo nativo pouco se referia aos “sete sois”, que seriam os “chacras” dos asiáticos, e focalizava-se num oitavo elemento, posicionado no local do neocortex cerebral, ao qual o nativo deu o nome de “buraco negro”. Mas a descrição relatava uma especie de simples tornado ou rodamoinho na forma cônica, destes existentes na Terra, apenas enriquecido com as informações de forças atuando como atracao e repulsao. esta atracao ou repulsao se dava em relacao a coisas vagantes no espaço aéreo logo acima da superficie terrestre e aqui o fato chamou a atencao do ouvinte: as descricao da anatomia fisica das coisas microscopiccas vagantes era semelhante a descricao das ciencias fisicas sobre particulas. Pareceu-nos que o estado mental alterado “via” algo de real, concreto, e se fosse assim, a informacao sobre o “buraco negro” precisava ser pensada. E o nome buraco negro nos lembrava astronomia, o modelo teorico cientifico sobre o que pode existir no nucleo galactico.  Porem o buraco negro aqui era diferente da teoria cientica e constatou-se que alem de buracos negros nunca terem sido observados como objetos existentes, tudo o que se dizia deles era fruto de calculos matematicos e observacoes do que acontecria nas suas redondezas como efeitos do buraco negro.

Resolveu-se entao trocar no modelo teorico galactico cientifico o buraco negro cientifico pelo buraco negro descrito pelo nativo. E trocar o horizonte de eventos calculado matematicamente pelo horizonte de eventos do nativo povoado com particulas sendo atraidas ou repelidas pelo buraco negro de acordo com suas especies. desta troca observou-se no quadro resultante que o nucleo galactico produziria “sementes ou embrioes de astros”, na forma de estrelas anas. Todos os processos nas movimentacoes do objeto ni nucleo galactico se asselhavam a todos os movimentos na evolucao da embriogenese de um corpo humano ou antes, de uma planta. Transplantou-se entao este elemento funcionando dessa maneira como o nucleo e o horizonte de eventos do modelo teorico cientifico e calculou-se qual seria o desenvolvimento desta semente ou embriao. neste desenvolvimento observou-se que o embriao se transformava em mais seis formas diferentes, selelhantes as formas dos outros seis tipos de astros conhecidos, e notou-se que o alinhamento destes astros neste desenvolvimento revelava um processo genuino de ciclo vital.

Mas este evento fora da pesquisa pode ser todo ignorado e considerar-se apenas que houve a intuição de aplicar o processo do ciclo vital sobre o sistema galáctico.

O composto de todos estes elementos formam um sistema completo e funcional. As funções de cada tipo de astro no sistema astronômico se assemelham as funções de cada uma das sete organelas da célula vital. Então notou-se que a constituição geral do novo modelo teórico astronômico era exatamente igual ao composto por um par lateral de nucleotídeos no DNA, com suas correspondentes sete tipos de moléculas. Percebemos então que erramos no inicio ao aplicar anatomia comparada entre galaxia e célula, pois entre elas havia um elo evolucionário, que foi a primeira unidade de informação do DNA. A qual se revelou agora como um sistema completo e funcional. Mas como teria sido o processo de transformação da galaxia astronômica para a célula microscópica? Sendo que o sistema galáctico inteiro teria que se auto-projetar a frente carregando e transmitindo todos seus detalhes fisiologísticos? Isto foi resolvido quando se intuiu que este processo teria sido exatamente como o processo da transmissão genética.

Mais tarde se descobriu que também o sistêmico atômico se sobrepõe perfeitamente ao design da formula. E mais recentemente se encontrou serias evidencias de que a mesma funcionalidade anatomia da formula também corresponde a funcionalidade e anatomia de uma onda de luz natural composta pelos sete tipos de radiações eletromagnéticas, o o dito “espectro eletromagnético”. Surge então a  teoria geral de que todos os sistemas naturais no Universo são montados em cima de uma formula que uma onda de luz funcionamento como uma especie de software que cria seus próprios hardwares materiais, os quais são estes sistemas naturais conhecidos.

Teríamos então uma teoria geral a qual seria imputado a definição de ser um “extraordinary claim”. Para nos esta imputação seria equivocada porque a teoria foi mero produto da mais pura logica racional. De onde mais teria vindo o primeiro sistema celular senão do mero desenvolvimento evolutivo de outro sistema natural pre-existente? As outras teorias existentes sim, são “extraordinary claims”, pois todas sugerem que existem eventos que não são produzidos pelo livre fluir da avalancha naturalista de causas e efeitos que teve inicio no Big Bang. Isto implicaria que algo fora dessa cadeia de causas e efeitos teria vindo de outro lugar e interferido no seu deslanchar natural. Então são apelos aos supernaturais e magicismos.

Mas agora vamos as provas e ou evidencias. Penso que evidencias aqui seria todo fenômeno e evento natural existente aqui e agora se encaixando como sendo produzidos pela formula encontrada, ou seja, o template que teria produzido galaxias, átomos e células. Quando percebemos que todos se encaixam, teríamos que arrolar uma unica evidencia: o Universo inteiro.

Mas isto seria inaceitável cientificamente e talvez também filosoficamente, porem ninguém se disporia a ler ou ouvir um relato abordando todos os fenômenos e eventos naturais do Universo, o qual demoraria talvez os 13,8 bilhões de anos do Universo.

Então percebemos que existe uma outra maneira para tornar a teoria a ser considerada ao menos filosoficamente: apontando todas as descobertas empíricas ou cientificas ocorridas apos a formulação da teoria a 30 anos atras como perfeitamente encaixável na formula da teoria, o que significa”previsões corretas”. Ja reunimos uma enorme coleção delas. Outra maneira de tratar esta teoria seria apontar ao menos uma lei natural ou fato real devidamente comprovado que nao se encaixe como produzido por esta formula, ou que derrube o edifício todo da teoria. Nunca foi encontrado nenhum fato.

Portanto o estado atual desta teoria seria a uma visão do mundo perfeitamente logica e racional para um homem só e incompressível e desconhecida por todos os outros seres humanos.

 

How and why Nature produced wings, arms, legs…?

Monday, July 15th, 2019

xxxxx

Segundo a teoria da Matrix/DNA, os fenômenos naturais aos quais denominamos “membros” ou acessórios dos corpos vivos, foram criados por informações disponíveis existentes na formula universal de todos sistemas naturais. A necessidade pela sobrevivência leva as criaturas a inconscientemente fazerem expressar informações, mecanismos, processos, existentes em sua formula matricial encriptada nas unidades de informações do DNA. Por exemplo, a necessidade de uma célula inicial, esférica, se mover, agarrar alimentos, se defender, disparou o gatilho da formula que colocou a sua disposição seus recursos para serem modelados pela criatura segundo sua melhor forma de adaptação e execução de operações. Os membros por exemplo surgiram inicialmente na forma de simples cílios naquela célula primordial, e a informação para cílios estava armazenada na mesma posição dentro da formula que produziu antes a calda dos cometas, ou seja, em F5 e também na capacidade de emitir jatos de matéria armazenada em F4 e F1. Assim como para a exuberante maquinaria do motor rotativo molecular na sua base existia a informação do mecanismo na posição F1 da formula.

Nenhuma descrição de foto disponível.

 

Conselho de um velho pesquisador aos estudantes (postado no Facebook na pagina da Bio+ em 7/15/19):

“Não adianta muito ser mero buscador e repositório memorizado dos fenômenos observados na natureza aqui e agora. Limitar-se a isso em nada desenvolve a mente, apenas garante uma melhor habilidade no mercado de trabalho. Observe com atenção e reflita sobre o fenômeno. Busque suas causas primeiras, seu significado geral no grande concerto da natureza universal. Como aquelas iniciais forças brutas e elementos simples de 3 bilhões de anos atrás desenvolveram asas para corpos voarem, de onde a Natureza tirou isso?!! Seria alguma força ainda desconhecida que existia dentro das criaturas que tinham a capacidade de modelar a matéria segundo as necessidades de sobrevivência de tais criaturas? Isso veio de dentro para fora ou de fora para dentro? Surgem mil questões aqui que nunca foram explicadas ainda. Habituando-se a ser além de um profissional, um buscador de conhecimentos mais profundos, você pode ser alguém de destaque no assunto da biologia evolutiva e dar grandes contribuições a humanidade. Podes te surpreender onde podes chegar…

 

My Avatar being used by other websites, books, etc.

Friday, July 12th, 2019

xxxxx T em outros dois artigos neste assunto, no pt-br. Sao: http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=16058&preview=true e…

Imagens Deste Website Que Estão Mostradas pelo Google e Usadas em Outros Websites

http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=11521 Ajuntar todos num artigo apenas quando consertar a editoracao do artigos-portugues. Aqui estou obtendo estas ligacoes quando digitei este codigo na busca do Google ( acho que consegui este código no inspect da imagem)

https…e=5D86FCA2 ( escrito no Google Search – Imagens)
xxxxxx
Seven-year cycles of human life (Russia)
xxxxx
xxxxx

Color in psychology. The black. Notes art-therapist.

xxxxx

MEU AVATAR USADO COMO CAPA DE LIVRO?!

Meu avatar usado como capa de livro

 https://writervamumurali.wordpress.com/2014/03/ Dados do Livro:

Amazing information about rebirth

Eskurupatam

384 pages, Price: Rs. 250,

Manimekala Publication,

TBN: 1447, 7, Thanikasalam Road,

Thyagarayanagar, Chennai- 600 017,

Phone: 044- 2434 2926.

xxxxx

Minha imagem esta neste livro> comprar e-book – U$ 10,00

Front Cover

https://books.google.com/books?id=C0JDDwAAQBAJ&pg=PT146&lpg=PT146&dq=theuniversalmatrix.com&source=bl&ots=Oae_wKf-bj&sig=ACfU3U2WeRbDWL5zdG4GuCrItjSG7SB-cw&hl=en&sa=X&ved=2ahUKEwiepLjSgNDjAhWST98KHatvBFQQ6AEwCXoECAkQAQ#v=onepage&q=theuniversalmatrix.com&f=false

xxxxxx

Minha imagem neste livro:  (google books):

Front Cover

BY SATCHITANANDA VANDANA KHAITAN.

https://books.google.com/books?id=0pFRDwAAQBAJ&pg=PT59&lpg=PT59&dq=theuniversalmatrix.com&source=bl&ots=HjZdgQ6Uzh&sig=ACfU3U0alw3KdgrnIRJ0DNP_cl6RJMfwNw&hl=en&sa=X&ved=2ahUKEwiDlYaYhtDjAhWpTt8KHQI0AgU4ChDoATAAegQIBxAB#v=onepage&q=theuniversalmatrix.com&f=false

xxxxxx

Trechos de meus textos publicados no meu website estao neste livro:

Front Cover

https://books.google.com/books?id=S_KKDwAAQBAJ&pg=PT129&lpg=PT129&dq=theuniversalmatrix.com&source=bl&ots=KjDwLeMdgf&sig=ACfU3U1_NF76JgXt3zm8O7COtxMYUUplAg&hl=en&sa=X&ved=2ahUKEwiDlYaYhtDjAhWpTt8KHQI0AgU4ChDoATAEegQICRAB#v=onepage&q=theuniversalmatrix.com&f=false

xxxx

https://prezi.com/2ktmxa9gns7e/psicologia-del-ciclo-vital/