Archive for the ‘Teorias Existentes Atuais’ Category

Biological SETI – Video com 10 teorias sobre o Universo. Pesquizar esta.

segunda-feira, dezembro 11th, 2017

xxxx

A ultima t4eoria neste video e’ a “Biological SETI”, mais proxima da minha, pesquisar:

 

Semelhancas entre Matrix/DNA Theory e o Omega Point de Teilhard de Chardin

segunda-feira, novembro 20th, 2017

xxxx

A Matrix/DNA Theory projetou os fenomenos naturais que ocorrem na dimensao perceptivel aos nossos sentidos ao passado, ao futuro, ao micro e macrocosmos. O exercicio foi efetuado buscando outras alternativas `as duas visoes de mundo dominantes na epoca, que era a materialista teoria do acaso e a mistica teoria de divindades magicas. Era possivel que uma terceira alternativa meio-termista entre as duas existentes, nos aproximasse mais da verdade final ( se e’ que exista alguma).

A reducao evolucionaria do fenomeno biologico aqui e agora levou-me a calcular um modelo de sistema astronomico supostamente ancestral e diretamente gerador dos sistemas biologicos que apresentasse em sua anatomia as forssas e elementos naturais que se tornaram as propriedades vitais. Obtido um modelo astronomico que obedecia os fatos astronomicos conhecidos e provados e ao mesmo tempo, apresentava os principios biologicos, ele foi reduzido evolucionariamente ao calculo do Sistema atomico, que contivesse ainda mais remotos principios biologicos e os principios mecanicistas dos sistemas astronomicos. Obtido tambem este modelo atomico que se encaixam com o astronomico e o biologico numa unica linhagem evolucionaria, descemos mais no passado e projetamos tudo para calcular as origens do Universo, e novamente se conseguiu um modelo teorico na mesma unica logica e linhagem evolucionaria. Neste modelo das origens tambem se revelou como momento incial um evento semelhante ao Big Bang da teoria academica, porem interpretado de maneira diferente, pela perspectiva de um observador vivo. Assim este aglomerado de galaxias surgiu como uma especie de placenta dentro da qual nascia e se desenvolvia um unico sistema natural, do atomo ao sistema corpo  humano. Explicava esta alternativa tudo o que existe nos limites deste universo perceptivel aos nossos sentidos, com excessao de um fenomeno – a auto-consciencia.

Na busca da procedencia da auto-consciencia, e sem ter um conhecimento solido como ela surgiu no conjunto da humanidade, buscou-se estudar como ela surge hoje no cerebro individual ainda em formacao embrionaria. Entao projetando-se este processo individual sobre a totalidade universal surgiu a racional teoria de que os 8 meses de gestacao quando a consciencia se expressa no individuo corresponde a 13,8 bilhoes de anos de evolucao dos sistema universal, prazo para se manifestar a consciencia no universo. E como nao e’ cada cerebro de cada embriao humano que cria ou inventa a consciencia pela primeira vez no mundo, mas sim ele o herda da consciencia ja existente em seus pais, a projecao indicou que a consciencia universal foi herdada de um Sistema natural que produziu o Big Bang como uma ato de fecundacao para se reproduzir pelo processo genetico. O genoma deste Sistema ex-machine foi localizado como encriptado nas ondas de luz originais que resultam das radiacoes dos sete elementos do espectro eletromagnetico universal. As caracteristicas de frequencia/vibracao/energia de cada faixa desta onda estao ordenadas na mesma sequencia do processo conhecido ciclo vital, e este pode conter todas as informacoes geneticas suficientes para gerar a vida e reproduzir a auto-consciencia extra-universal.

Se a teoria estiver correta, isto significa que na Terra somos 8 bilhoes de genes semi-conscientes construindo uma consciencia terrestre. Esta consciencia terrestre deve-se somar ha outras populacoes de genes semi-conscientes espalhados por todo o universe, e no final cada consciencia planetaria se juntarao como os orgaos do corpo se juntam formando um Sistema, para entao ultrapassar as fronteiras do universe e nascer do outro lado, num evento que de antemao denominamos The Big Birth.

Se ainda estiver correta esta teoria, isto significa que cada ser humano carrega no cerebro uma informacao genetica unica, especifica. E enquanto se encontre neste estado primordial – se na forma fetal ou ja na forma embrionaria – estes fetos isolados dentro de caixas craneanas osseas, nao podem se comunicarem entre si e nem com seus genitores ex-machine. Mas, assim como quando os humanos nascem podem se intercomunicarem, a teoria preve que `a medida que avanca o processo evolucionaria, cada vez mais vai srurgindo e se sedimentando uma especie de network de sinapses conectando consciencias com consciencias.  Rumo `a formacao de uma consciencia global terrestre.

Descobrimos depois que este resultado final sugerido pelo metodo aplicado, nao e’ uma ideia nova na humanidade. Ela foi intuida primeiramente por Vladimir Vernadsky quando ele cunhou o nome “noosfera” supondo uma especie de nuvem baixa circundando o planeta e constituida de reflexos de todas as porcoes de semi-consciencias geradas por humanos. Vladimir inspirou o filosofo e padre frances Teilhard de Chardin a desenvolver a hipotese, o qual ampliou a nocao de noosfera para a nocao de elevada esfera de auto-consciencia que seria alcancada no Omega Point – o ponto maximo de complexidade, coerencia e consciencia que seria o ponto final da evolucao. Teilhard teorizou ainda que ajudada pela tecnologia otimizada pelo crescimento populacional, a Terra como um todo se tornaria eventualmente auto-consciente e esta consciencia global retornaria como um feed-back sobre cada individuo enriquecendo o seu despertar para a consciencia cosmica.

Portanto, ao acrescentar o fenomeno genetico, a linagem ada evolucao cosmologica e outros adrecos, a Teoria da Matrix/DNA apenas prosseguiu as intuicoes de Vladimir e Teilhard, apesar de nao estar ciente quando o fazia, de que existiam estes dois autores e sua teoria.

A Teoria da Consciencia pela Matrix/DNA ainda insere varios outros fatores naturais. Um deles e’ a percepcao de que os sistemas naturais ancestrais nao eram auto-conscientes porem apresentavam os principios que iriam se maniofestar como consciencia quando geravam sua “identidade abstrata de Sistema”. Esta surge pela soma total das informacoes de todas suas partes mais as informacoes transversais que surgem das interacoes entre as partes e destas para com o mundo externo. Este conjunto final de informacoes nao cria um corpo ou ferramenta material porem ele se manifesta no controle do Sistema inteiro buscando sua mais longa sobrevivencia, o melhor estado homeostatico, e o equilibrio termodinamico interno. esta identidade abstrata e’ muito primordial e rudimentar no Sistema atomico, menos rudimentar nos sistemas estelares e galaticos. Disto surge a frase definidora: ” A consciencia dormia no atomo, sonhava na galaxia, comecou a acordar nas plantas, despertou nos animais, e se levantou no homem”, assim como a consciencia de cada individuo dormia na forma de morula, sonhava na forma de blastula, comecou a acordar na forma de feto e se levantou na forma humana.

Esta teoriaa se encontra na fase de testes contra os novos fatos reais que vamos conhecendo, na confericao das previsoes sugeridas pelos modelos teoricos em cada element natural, na busca de acumulacao de evidencias como fatos reais e/ou na busca de algum fato real cientificamente comprovado que a contrarie e a descarte.

na busca da origem da vida, o obvio observado na superficie oculta a essencia do obvio que jaz na profundidade.

domingo, novembro 19th, 2017

xxxx

Muitas vezes cientistas se encontram face a face com detalhes da vida que estao claramente apontando para a cosmologia, mas eles nao captam e ignoram estas pistas, porque nao estao habituados a ligar a evolucao cosmologica `a vida. Um exemplo que me ocorre agora e’ o fato de que no campo de estudos da dinamica molecular, sao aplicadas simulacoes computacionais para calcular as reacoes entre moleculas organicas, porque descobriu-se que o resultado destas simulacoes se dao muito bem com dados obtidos na experimentacao pratica. Porque essa coincidencia? Sera que os cientistas se fazem essa pergunta, ou nao a fazem porque a resposta lhes parece obvia, porem, na realidade a resposta deles esta’ errada? Penso que eles reduzem a questao rapidamente pela crenca de que a matematica explica o mundo e portanto a dinamica entre celulas organicas, e, ao mesmo tempo, a matematica esta na logica do computador e das simulacoes. Entao simplesmente uma coisa leva `a outra, segundo eles pensam.

As simulacoes sao feitas  atraves de um computador que e’ uma maquina, operacoes mecanicistas. Ambito da Fisica e da Matematica. Materia organica e principalmente moleculas organicas sao produto de outro tipo de operacoes – a organizacao biologica da materia. Entao, pela logica nao era para computador e moleculas biologicas apresentarem exateamente o mesmo comportamento. Fazerem suas coisas aplicando o mesmo metodo. Como explicar isto?

Ou a maquina do computador tem alguma oculta propriedade biologica, ou a molecula biologica tem alguma oculta propriedade mecanicista… ?

Vamos descartar a primeira hipotese: parece impossivel que a maquina computador tenha alguma propriedade biologica. Resta entao a hipotese dos compostos organicos terem propriedades mecanicistas.

E de fato, me parece obvio que tenham. Para um hipotetico observador que fosse inteligente e menor que um atomo e situado dentro de atomos ou ao lado deles, observando as reacoes entre atomos pareceriam puros processos mecanicos dentro de um contexto geral governado pelo acaso. Tal observador nao poderia ver as influencias naqueles atomos vindas de um sistema muito maior, biologico, nao saberia da existencia biologica e nao necessitaria dela para descrever as reacoes.

Estas moleculas estao no inicio, nas origens da vida. Sao os elementos mais simples em que pode se constatar um efemero principio vital. Como se comportam mecanicamente, devia ser indutivo concluir-se que a vida, ou a organizacao biologica da material, veio, e foi um produto evolucionario do mundo mecanico primordial. Mecanicas, porem com um toque biologico, o qual insere e centraliza o compost molecular sobre o atomo de carbon, estas moleculas seriam o elo evolucionario entre o mecanicista nao-organico e a vida.

Ok, este mecanicista meio nao-organico e’ o meio ambiente dos planetas, dos elementos e forssas na superficie terrestre, o qual teria por si so produzido a vida, Segundo a teoria da abiogenesis. Hoje se considera com certo realce a hipotese de elementos trazidos de fora do planeta a bordo de meteoritos teriam definido as origens da vida, mas isso nada muda o fato de que a materia de outro astro seja a criadora da vida. Porem,…

Ainda existem muitos problemas para se certificar de que a materia de planetas possa ter criado a vida. E existe uma teoria em que estes problemas todos sao resolvidos quando ela sugere que a vida nao veio apenas da materia planetaria, e sim, do sistema astronomico onde o planeta existe. Pois a vida propriamente dita so existiu quando se formou a primeira celula complete e functional, a qual era, em si, um Sistema. Os materiais da Terra nao sao sistemas, apenas partes dele. E o planeta inteiro e’ demasiado simples para ter dado esse quase infinito salto evolucionario para a intrigante complexidade ddo ser vivo. Mas a teoria da Matrix/DNA sugere um modelo dos building blocks das galaxias que contem todos os principios de todas as propriedades biologicas. ‘E um Sistema mecanico, suas reacoes, interacoes, sao mecanicistas, mas o significado final de seua operacoes sao identidcas aos resultados finais das operacoes biologicas.

As moleculas organicas foram os primeiros passos vindos do mundo mecanicista sendo dados na direcao do mundo biologico. Logico portanto que elas apresentem mais processos mecanicos que biologicos. Estes devem serem tao abstratos que imitam a situcao das galaxias, onde eles de fato nao existem, apenas se insinuam em termos de significado final. Por isso um computador mecanico se alinha com as operacoes destas moleculas.

Mas o mecanicismo nas moleculas estao enviando um sinal ao observador sobre a sua procedencia. E o cientista nao presta atencao neste sinal porque ele acredita de antemao que o mecanicismo dos ingredients das moleculas – a materia terrestre – e’ sufiente para expressr o obvio.  Mas nao e’. Nas reacoes e interacoes com estes ingredients, em nenhum momento e’ detectado precursors do que estava ali sendo iniciado, as propriedades biologicas, como a auto-replicacao, o metabolismo, a homeostase, etc. Ento quando nos debates eu pergunto porque nao estao procurando nestes conjuntos destes ingredients, estes prinicpios, respondem que nao veem necessidade disto. Estas propriedades surgiram depois por acaso, no simples desenrolar dos acontecimentos.

Se algum dia for provado que os modelos astronomicos da Matrix/DNA Theory estao corretos, vao perceber que se tivessem suspeitado da teoria do acaso e tivessem procurado estes principios, teriam percebidos esta material nao foi a criadora, e teriam elevado ao Cosmos os olhos da inquiricao. E teriam economizado muito tempo e dinheiro.

Material Escolar Usando Figuras com fonte deste Website: PDF – Teoria do Big Bang

quarta-feira, novembro 15th, 2017

xxxx

Material do Ensino Medio, contem 3 figuras do meu website

DO BIG-BANG AO URÂNIO:

As Nucleossínteses Primordial, Estelar e Explosiva – Uma abordagem para o Ensino Médio.

http://www1.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20140721092520.pdf

Luis Adriano Pedrosa

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS

Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática

Área: Física

E o link para este PDF no meu arquivo:

file:///C:/Users/austr/Downloads/DO%20BIG-BANG%20AO%20URÂNIO%20%20PUC.pdf

Origem da Vida: Recente teoria: Vida na Terra pode ter iniciado por meteoritos (RNA World)

terça-feira, novembro 14th, 2017

xxxxx

https://www.seeker.com/earth/life-on-earth-may-have-started-with-a-cosmic-splash

 EARTH

Life on Earth May Have Started With a Cosmic Splash

Could the building blocks for life on Earth have been delivered by meteorites crashing into ponds of water 4 billion years ago?

It was not the meteorites, it was just the ultraviolet light reaching precursors of biological systems emerging from the deep oceans thermal vents. Why not an experiment applying ultraviolet light upon deep ocean molecules? The seeds for biological systems ( aka, “life”) are splitted everywhere in this galaxy, produced by the galaxy as a system which already shows primitive biological organization of matter, so, the galaxy is LUCA – the last non-biological ancestor. But the complete collection of bits-informations from astronomical systems are 50% furnished by planetary nuclear reaction and stellar radiation ( even cosmic radiation), and the packet from the star could be furnished by ultraviolet light. Panspermia does not comes from a point inside the galaxy, but as projection of the entire galactic system. ( ok, it is theory against theory; I am based on Matrix/DNA Theory. This theory, like yours, could be wrong)

Origens da Vida: Teoria do RNA World

domingo, novembro 12th, 2017

xxxx

Paper: Origin of Life: Transitioning to DNA genomes in an RNA world

https://elifesciences.org/articles/32330

Abstract

The unexpected ability of an RNA polymerase ribozyme to copy RNA into DNA has ramifications for understanding how DNA genomes evolved

Matrix/DNA: ‘Ok. De repente descobriram que o RNA tem uma polymerase ribozyme que copia o RNA e como resultado aparece o DNA ! Por isso surgiu a nova teoria do RNA-world. E com isso eles creem que vao obter o entendimento de como o genoma do DNA evoluiu. Nos percebemos a 30 anos atras quando elaboramos o modelo teorico da formula, que esta pode ser dividida em duas metades, uma face esquerda e outra direita. Observando-se a formula, percebe-se que a funcao 5 que ‘e intermitente, quando emerge e atua, ja’ divide a formula nas duas faces. Se o fluxo de informacoes que vem desde F1 no sentido horario, pela face esquerda, ultrapassar F4, ele constroi F6 e continua agora em queda entropica ate completar o circuito esferico. Isto significa que a formula determina que toda estrutura material elaborada por ela tenha a face direita como uma especie de copia da esquerda. Quando comparamos a formula com um building block do DNA percebemos que as duas sao a mesma configuracao e funcionamento, o que indica que o DNA pode ser dividido pela formula entre haste esquerda e direita. E qualquer uma das faces depois da divisao tambem representa a anatomia geral do RNA. Mais tarde descobrimos que F5 e’ o phi number, responsavel pela bi-lateral simetria. Ora, replicar o DNA, abrindo o zipper, separando os nucleotideos em duas hastes com suas bases, e’ produzir bi-lateral simetria.

Entao tinhamos a forte suspeita de que o RNA tivesse surgido primeiro que o DNA, e este apenas se formou quando a molecula de RNA foi capturando bits-informacao ralacionados `a face direita. nao nos surpreendeu quando depois surgiu a teoria do RNA-world. Porem aparentemente temos dois problemas entre as duas teorias.

  1. Enquanto existia apenas RNA – Segundo a teoria da Matrix – este era incapaz de replicar-se… ou nao? Vejamos. Quando o circuito chegou a F4, ele teria diretamente formado F6 ou F5? Se formou primeiro F5, a funcao replicadora, nao vejo como esta poderia funcionar sem o circuito esferico completo, na forma do DNA. Parece-me que F4 apenas seja estimulado a produzir F5 se a entidade do Sistema estiver instavel e buscar a estabilidade termodinamica. Alem disso, sabendo-se que RNA nao possui o acucar desoribose – que e’ F1 – ele deve ser constituido apenas de F2, F3 e F4. mas como F5 e’ uracila, que e’ uma base presente apenas no RNA, ele teria o orgao reprodutor porem nao teria a carga genetica completa para produzir DNA. Para ter ela complete precisaria ter F1. Entao o RNA nao podia se auto-replica. Ora, acredito que para o projeto de criar o primeiro DNA, a partir do RNA teria que existir muitos exemplares de RNA, apenas um nao teria tempo para executar tudo. O que significa que teriamos de considerer a hipotese de que nao houve um unico primordial RNA, mas sim, que essa molecula surgiu varias vezes separadas entre si. Mas se, formado o RNA, ao inves de partir para elaborar F5. o fluxo tivesse entrado a fazer a face direita fazendo ja F6, entao a direita construiu F1, o que permitiu ao Sistema iniciar sua replicacao.

Mas sabemos que o RNA tem a capacidade de se replicar. Como ele o faz, sem F1. Parece impossivel, a nao ser que F2 tenha em si mais da metade das informacoes de F1, o que tambem nao ‘e uma ideia confortavel. Entao surge aqui uma ideia e uma pergunta aos quimicos: Onde e como o RNA se auto-replica? Porque a Matrix sugere apenas uma possibilidade: que ele atue como virus, ou seja, ele precise penetrar no nucleo da celula e utilizer a F1 do DNA para se replicar.

Esta  questao preciso consultar os quimicos ou a biologia molecular.

2. O Segundo problema e’  que no DNA, os dois fluxos de informacoes – da haste esquerda e da direita – tem sentidos e significados opostos entre si. Na primeira a energia e’ crescente, fase de desenvolvimento e construcao; na segunda a energia e’ entropica, decrescente, fase de degeneracao, auto-aniquilamento. Entao para que o RNA produzisse DNA, quando seu fluxo chegasse a F4, e ao sair dessa funcao, teria que ter em si agregada a funcao da entropia. Vinda de onde, e como? A entropia nada constroi a nao ser caos, nao iria construir F6. E se o RNA adquirisse a entropia a partir de F4, ele nunca se auto-replicaria.

Este problema nos leva a suspeitar que o RNA surgiu, originalmente, em duas formas, opostas entre si. Digamos, uma spin right e a outra, spin left. Alias, parece-me que tudo na natureza tem que surgir nestes dois pares opostos. O problema e’ que, tendo-se duas fitas de aparencias iguais, e nas duas correm um fluxo de energia de uma ponta a outra, e sendo as duas aparentemente no sentido horario, como se vai detectar que numa o fluxo vai da ponta A para a B e a outra vai de B para A? Se as 4 pontas parecem iguais, quem determina qual seja A ou B?

Olhem…, sabe de uma coisa? Para mim nao vejo vantage nenhuma em ficar titrando a poeira de cima dos registros historicos para saber quem veio primeiro ou depois. O importante e’ saber que tanto RNA como DNA estao contidos na formula da Matrix que veio do ceu. O que ela fez aqui primeiro ou depois nao me interessa a ponto de ficar quebrando a cabeca com esse enignma complicado. certo que sempre e’ util elaborar um esquema destas especulacoes, um raciocinio metodico e escrito como fiz acima, pois destes raciocinios muitas vezes surgem importantes insights para outros problemas. Como foi a cima a repentina questao ou hipotese de que o RNA primordial funcionou como virus. Mas eu vou parar esse assunto por aqui.

  • ” Ok, senhor Louis, podes parar e descansar a cabeca. Mas antes voce me permite apenas mais uma perguntinha, que nao tem a ver com RNA, DNA…?”
  • “Pois nao…”
  • ” Quem surgiu primeiro, o ovo, ou a galinha”? ( e o perguntador vai se afastando e saindo correndo…)
  • – ” Arrrrghhh…. vem aqui, moleque, ah, se eu te pego…”

z

 

Teorias Cientificas: Todas Contem Algum Absurdo

quinta-feira, novembro 9th, 2017

xxxx

Para quando criticarem minha teoria:

Divagações noturnas sobre conhecimento científico

Por melhor que seja uma teoria, se bem analisada, veremos que ela sempre incorre a algum absurdo…

Para a Dinâmica de Newton funcionar, é necessário admitir que a velocidade da gravidade é infinita. Isto é um absurdo.

Para a Dinâmica de Einstein funcionar, é necessário reconhecer que o tempo é relativo. Isto também é um absurdo.

A vitoriosa física quântica que não é de Freud, mas explica tudo, aceita pacificamente que um corpo pode estar em dois lugares ao mesmo tempo. Idem, absurdo.

A maravilhosa e exata matemática admite um infinito maior que outro. Idem, ibidem, absurdo.

No campo religioso, o absurdo tem um significado muito simples: é apenas um milagre

Qual a origem das informacoes que transformaram o universo simples em universo complexo? Pela Perspectiva de um acdemico moderno.

sábado, setembro 2nd, 2017

xxxx

https://www.edge.org/conversation/the-computational-universe

THE COMPUTATIONAL UNIVERSE

Seth Lloyd [10.22.02]

… by the basic laws of quantum mechanics, full of quantum fluctuations are all the time injecting, programming the universe with bits of information.”

(… pelas basicas leis da mecanica quantica, cheia de flutuacoes quanticas, estao todo o tempo injetando, programando o universe com bits de informacao).

Visao de um mundo puramente casuistico. Assim diria um microbio assistindo a evolucao de um feto e estando dentro do ovo. A Matrix/DNA sugere outra resposta, baseada na opiniao de outro microbio assistindo o mesmo processo estando fora do ovo: as informacoes foram fornecidas pelos pais, elas sao expressadas devido aos movimentos (flutuacoes) dos genes.

O fato e’ que ninguem sabe explicar o que sao flutuacoes quanticas e menos o que as produzem, assim como ninguem explica energia,gravidade, apenas sabemos descrever o que as vemos fazer. Entao, o que ha’ de errado com a tese na minha Matrix/DNA Theory comparando flutuacoes quanticas nas origens do sistema universal com movimentos geneticos na origem de um sistema biologico?!

(… hi… hi…hi… Acontece que penso como filosofo sistemico sempre conduzindo minha mente fora de um sistema para analiza-lo melhor, enquanto o metodo reducionista que estes caras sempre praticaram e so’ sabem fazer os mantem sempre dentro do ovo…)

Eis um trecho da tese de Seth Lloyd:

Another feature that everybody notices about the universe is that it’s complex. Why is it complicated? Well nobody knows. It turned out that way. Or if you’re a creationist you say God made it that way. If you take a more Darwinian point of view the dynamics of the universe are such that as the universe evolved in time, complex systems arose out of the natural dynamics of the universe. So why would the universe being capable of computation explain why it’s complex?

There’s a very nice explanation about this, which I think was given back in the ’60s, and actually Marvin, maybe you can enlighten me about when this first happened, because I don’t know the first instance of it. Computers are famous for being able to do complicated things starting from simple programs. You can write a very short computer program which will cause your computer to start spitting out the digits of pi. If you want to make it slightly more complex you can make it stop spitting out those digits at some point so you can use it for something else. There are short programs that generate all sorts of complicated things. That in itself doesn’t constitute an explanation for why the universe itself exhibits all this complexity, but if you combine the fact that you have something that’s dynamically, computationally universal with the fact that you’re constantly having information injected into the universe, — by the basic laws of quantum mechanics, full of quantum fluctuations are all the time injecting, programming the universe with bits of information — then you do have a reasonable explanation, which I’ll close with.

Astronomia: Formação de Sistemas Astronômicos pelo Segundo Método

domingo, agosto 20th, 2017

xxxx

Assistindo ( link abaixo) a moderna teoria astronômica acadêmica sobre formação de sistemas estelares onde a estrela nasce primeiro que os planetas – tive uma ideia para explicar o segundo método da formação de sistemas astronômicos.

Depois de seu primeiro método de formação – que foi simbioses – a célula aprendeu a se replicar já adulta, meramente se multiplicando já pronta. Então porque este método não teria vindo do ancestral astronomico? Se sim, isto significa que depois do método da simbiose – que formou as primeiras galaxias ou o building block de galaxias – tanto sistemas estelares quanto galácticos aprenderam a se reciclarem já adultos, prontos. Então neste segundo método, realmente a teoria acadêmica está correta.

Isto encerra a pesquisa da Matrix/DNA sobre o segundo método na formação de sistemas astronômicos.

Porem ela não conhece ainda o primeiro método e isto desvirtua a interpretação do que são sistemas astronômicos em seguida desvia o conhecimento dos processos nas origens da vida e de seu significado, pois o primeiro método mostra sua face biológica, que obedeceram, na sua primeira geração, a formação de cada astro pelo processo do ciclo vital.

https://www.youtube.com/watch?v=VAKSzsJcpQk

Onenessofall.com: Psicografia (?) batendo com previsões racionais da Matrix/DNA

sexta-feira, agosto 4th, 2017

xxxx

Como no exemplo da frase abaixo, o que tem sido previsto pela logica da Matrix/DNA, encontrei estas previsoes sendo citadas e bem escritas em ingles neste website, o qual e’ mistico, refere-se inconfortavelmente a um “Deus de amor”, quando as evidencias aqui sugerem ausencia disso, porem, quando alguem diz coisas que batem com previsoes logicas, merece um estudo mais acurado. Tentarei traduzir os textos aqui:

http://www.onenessofall.com/

All organized religions begin with messages of truth received and taught by an individual who has attained a highly evolved state of consciousness. However, within a generation or two the purity of the original messages is always lost and begins to fill with falsehoods.

Todas as organizacoes religiosas comecam com menssagens verdadeiras recebidas e ensinadas por um individuo que tem obtido um elevado estado de auto-consciencia. Todavia, dentro de uma geracao ou duas, a pureza da mensagem original e’ sempre perdida e comeca a ser preenchida com falsidades. …

(pelos discipulos que nao alcancaram o estado do mestre e estao mais em busca da sua zona de conforto, cujo intento os fazem inventar mentiras).

Foi justamente isso que descobri a 30 anos atras sobre as grandes escrituras, principalmente a Genese, na Biblia. Alguem teve uma intuicao fantastica sobre um aspecto da Natureza e do passado, que apenas a Ciencia agora esta comecando a descobrir ( ou ao menos eu descobri com a Matrix), pois ele descreveu metaforica mas quase exatamente o estado do mundo antes das origens da vida aqui. Essa “visao” serviu de base desde ao judaísmo aos simbolos do taoismo, etc., porem, a partir desta descricao, os textos das escrituras se desviram da realidade por mentiras e mais mentiras. Bateu o que a Matrix disse com o que a autora do website diz, portanto, o resto dos seus escritos merece estudo cuidadoso, mesmo apesar de que eles parecem beirar a fantasia, pois ela diz estar psicografando os “arcturians”…