Archive for the ‘espectro eletro-magnético’ Category

Diferenca entre Luz e Radiacao: Desacoplamento da Materia da Radiacao

domingo, março 5th, 2017

xxxxx

Qual a diferença entre Luz ( pela definição da MatrixDNA) e radiação e espectro eletromagnético? Qual a diferença entre o estado inicial da luz no Universo visto pela teoria acadêmica e pela teoria da MatrixDNA? O texto a seguir lança alguma luz na questão:

Texto lido em ( seguindo o texto vem nosso estudo e conclusão):

http://www.bertolo.pro.br/fisica_cosmologia/Cosmologia/Cosmology/decoupling.htm

Era do Desacoplamento

Em todos os instantes iniciais, antes de cerca de 105 anos, a formação dos átomos foi sufocada pelas colisões energéticas de partículas com outras partículas. Para o elétron instalar-se numa vizinhança, grande o suficiente, de um próton, para as forças eletromagnéticas os ligarem, um certo período de paz relativa teve que ser estabelecido. O universo inicial foi, porém, algo mais calmo. As partículas eletricamente carregadas (principalmente prótons e elétrons) fortemente interagiram com radiação altamente energética (fótons) de tal um modo que nenhuma estrutura eletricamente neutra (tais como átomos) fosse capaz de existir. Quando a matéria estiver em um estado eletricamente carregado como este, é dita estar num estado de plasma. Daí a analogia do universo inicial com uma festa selvagem que tem sido usada para a época muito inicial do universo, a “festa” ainda continua a plena velocidade neste momento. Fique tranqüilo, as “fações anti-sociais” como os neutrinos já se foram, e as partículas exóticas, como os quarks, tem sido subjulgados em outras partículas, como os elétrons e prótons, e os fótons “social butterfly” ainda estão tendo um tempo selvagem juntos. Porém, é inevitável que as partículas eventualmente se ligarão eletricamente, pois o universo continua a se expandir. Esta expansão significa que as partículas se esfriam, o que é igual a dizer que a energia cinética que elas previamente tiveram das colisões com outras partículas, começa a se encolher. Aí entra um ponto, quando o fluxo de colisões não é grande o suficiente para prevenir a ligação elétrica. Finalmente são formados átomos estáveis. Estes átomos são os átomos mais simples desde que só os núcleos mais simples tiveram chance de serem formados no universo inicial. Conseqüentemente, o átomo mais abundante é o átomo de Hidrogênio. A maioria do universo seria Hidrogênio atômico (aproximadamente 75%). O resto seria principalmente Hélio

Os fótons que adoram interagir com partículas carregadas por espalhamento delas, têm agora que competir com estruturas atômicas eletricamente neutras. O número de fóton espalhando cai. Uma multidão de fótons, de repente nada tem a fazer. A festa finalmente terminou. Os fótones fluem fora passado os átomos recentemente formados. É dito agora que o universo é transparente a fótones. Este período, entre 1/10 de um milhão de anos e um milhão de anos após o big bang, veio ser chamado de ERA DO DESACOPLAMENTO pois os fótons desacoplam das partículas carregadas durante este período. Eles seguem adiante os “passos” dos neutrinos que fluiram para fora anteriormente,  somente 1 segundo após o big bang. A era anterior a este tempo de desacoplamento às vezes é chamada de ERA DOMINADA PELA RADIAÇÃO, pois a radiação foi tão crucial ao desenvolvimento deste estágio mais primitivo. A radiação destes instantes mais primitivos era a principal forma de energia. A matéria era a princípio quase inexistente e somente gradualmente tornou-se significante quando o número de partículas elementares foram produzidas do instante posterior a Era Inflacionária em diante. Quando os fótons desacoplaram, o último controle significante que radiação teve sobre a matéria diminuiu. Conseqüentemente, depois que este tempo de desacoplamento a era é chamada de ERA DOMINADA PELA MATÉRIA.

Fig 1: Desacoplamento da Materia e Radiacao – Big Bang Theory ( verde significa a era inicial de plasma de hidrogenio. Amarelo sinifica a formacao do primeiro atomo, de hidrogenio).

 

Os fótons que são libertados constituem uma nuvem de radiação que cobre o universo inteiro. Considerando que o  universo está principalmente vazio, não há nada que capturaria todos estes fótons. Conseqüentemente, eles ainda deveriam estar hoje ao redor. Além disso, desde que o big bang aconteceu em todos lugares, que estes fótons deveriam estar em todos lugares. Esta é uma predição da teoria do Big Bang.

Matrix: E esta teoria de que os fótons do Big Bang devem estar em todos os lugares ainda hoje seria a causa da radiação de fundo cósmica. Eles seriam a radiação. A radiação que segue este tipo de curva foi observada como vinda de todas as direções do espaço em 1965, nos Bell Laboratories Estados Unidos, por Arno Penzias e Robert Wilson.

xxxxx

” … Após a temperatura ter atingido níveis mais baixos, aproximadamente 3000 K, a Nucleossíntese Primordial cessou, pois, não mais existia calor suficiente para prosseguir com as reações de formação de novos elementos

Neste momento, o Universo tornou-se transparente à radiação. Este processo é conhecido como desacoplamento da matéria e da radiação (figura 1)

Nesta fase, com o decrescimento da temperatura a níveis cada vez menores, prótons puderam combinar com elétrons livres para formar o primeiro átomo, o átomo de Deutério. E, tendo o átomo de Deutério grande instabilidade, pares destes átomos puderam se unir formando uma molécula de Hidrogênio,H2.  2

A partir desta época, a matéria estava livre para se condensar. Agora, a matéria passa a dominar o panorama. O que antes era domínio da radiação passa a ser domínio dos átomos e moléculas e a gravidade reivindica o seu poder.

A gravidade, atraindo a matéria para regiões mais densas que outras da vizinhança durante milhões de anos, provocou a formação de grandes nuvens moleculares de onde serão formadas as estrelas e da reunião das estrelas, galáxias.

xxxx

Analise da MatrixDNA:

Primeiro, o conhecimento agora de que a teoria sugere ter havido nas origens do universo uma separação entre matéria e radiação ( que seria luz para Matrix) incita uma suspeita inquietante e muito profunda. Houve um conflito da matéria ou da formula da Matrix quando o sistema astronomico se formou como sistema fechado, cortando relações com o resto do mundo. Então seria o segundo conflito. Isto sugere a inquietante possibilidade de que neste universo existe duas entidades opostas, sempre se defrontando. E como estas substancias destas duas identidades vieram de antes do Big Bang, então parece que o conflito vem do alem do universo. E seriamos nos uma destas duas entidades ou um terceiro elemento que fica pagando o pato nestas guerras? Tenho que tentar esquecer esta suspeita, de entidades em conflito ( deuses e demônios?!), pois nunca poderia resolver isto.

Segundo, estes fótons seriam os bits-informação genéticos escapados da formula da Matrix na onda de luz primordial. Ou seriam os fótons negativos, escuros, do reino da energia negra e dark matter, que estão retornando, recompondo a luz, tendo como meta retornar a fonte da luz? Novamente sinto que estou saindo fora do aqui e agora pratico, vamos esquecer isto…

 

As 7 Formas/Dimensões Astrais do Corpo Produzidas pelo Ciclo Vital (Video)

terça-feira, janeiro 19th, 2016

xxxxx

Este não e’ um assunto para se discutir se existe ou não, se e’ cientifico ou não. O que existe são pessoas falando disso sem que eu saiba de onde tiram esta ideia, e existe as sugestões que emergem da Formula da Matrix/DNA. E neste caso estas duas vertentes estão falando, sugerindo existir isto e desta maneira. Se a sugestão da Matrix estiver correta, e pela sua promessa de possibilidade pratica, e’ aconselhável ver este assunto e deixa-lo pendente na mente, porque a partir deste ponto poem aparecer sinais na natureza que não temos percebido, os quais pode nos conduzir ao emprego util e pratico de algum conhecimento real que advenha do tema.

Entao antes de fornecer o link para o video, disponho apressadamente a sugestão que se extrai da formula (este comentario foi publicado no link ao artigo no Facebook):

Louis Charles MorelliLouis Charles Morelli – Jan – 9 – 2016
Se você entender porque e’ logico e natural ter estes sete corpos, este assunto sai da metafisica da qual você não obtêm nada pratico para aplicar na sua vida material, e entra na sua natureza envolvente para você começar a descobrir como aplicar de fato este conhecimento. Temos sete corpos porque somos envolvidos em sete diferentes dimensões de densidade da substancia universal e estas sete dimensões foram produzidas pela força do ciclo vital, a mesma que atua em seu corpo material fazendo-o se transformar em sete formas principais: embrião, baby, criança, jovem, etc. Tudo começou com ondas de luz que possuem sete tipos de frequência/vibrações dispostas numa sequencia logica, e estas ondas transferiram sua dinâmica para a substancia escura inerte que preenche o espaço sideral.
Então, uma dimensão inicial na forma de embrião foi se devolvendo como se desenvolvem os corpos humanos, cada forma de dimensão ficou fixada na matéria e quando a dimensão atingiu a fase senil,a sétima forma, ela parou de se transformar.. Agora, dentro de cada humano o que tem de trilhar o caminho destas sete dimensões e’ esta nova forma de sistema que surgiu denominada ” auto-consciência” Assim como uma onda de luz nascente contem em si todas suas formas futuras, mas em apenas uma forma se situa a atividade vibratória em uma fase de sua existência, a nossa consciência já tem em si estas sete formas porem esta’ vibrando, existindo de fato, apenas na forma de embrião, por enquanto. Mas com esse entendimento em mente, sua mente vai poder se ampliar e existir e ate atuar nas outras seis faixas onde não se encontra sua forma agora. Na formula da Matrix/DNA você entende melhor vendo as sete formas e como elas se conectam ( o meu avatar ao lado já da uma ideia)

Os Sete Corpos

xxxxxxxxxxxx

Back Up – Como aparece no Back Up arquivado no cartão de memoria SHDC

 – observar que o titulo dos artigos sempre aparecem no fim da copia.

INSERT INTO `wp_ptbr_posts` VALUES (10259, 2, ‘2016-01-19 19:25:38’, ‘2016-01-20 00:25:38’, ‘xxxxx\r\n\r\n

Este não e\’ um assunto para se discutir se exist ou não, se e\’ cientifico ou não. O que existe são pessoas falando disso sem que eu saiba de onde tiram esta ideia, e existe as sugestões que emergem da Formula da Matrix/DNA. E neste caso estas duas vertentes estão falando, sugerindo existir isto e desta maneira. Se a sugestão da Matrix estiver correta, e pela sua promessa de possibilidade pratica, e\’ aconselhável ver este assunto e deixa-lo pendente na mente, porque a partir deste ponto podem aparecer sinais na natureza que não temos percebido, os quais pode nos conduzir ao emprego util e pratico de algum conhecimento real que advenha do tema.\r\n\r\n

Entao antes de fornecer o link para o video, disponho apressadamente a sugestão que se extrai da formula (este comentario foi publicado no link ao artigo no Facebook):

\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”><a id=”js_2p” class=”img _8o _8s UFIImageBlockImage” style=”color: #3b5998;” tabindex=”0″ href=”https://www.facebook.com/TheMatrixDNA?fref=ufi” data-ft=”{&quot;tn&quot;:&quot;T&quot;}” data-hovercard=”/ajax/hovercard/hovercard.php?id=1614614673&amp;extragetparams=%7B%22hc_location%22%3A%22ufi%22%7D”><img class=”img UFIActorImage _54ru img” src=”https://scontent-lga3-1.xx.fbcdn.net/hprofile-xfp1/v/t1.0-1/q73/c143.54.674.674/s32x32/317557_2330484034263_190396842_n.jpg?oh=1987c30ac0f8d33a88bd63dd8be2db4c&amp;oe=56FBD09F” alt=”Louis Charles Morelli” /></a><a class=” UFICommentActorName” dir=”ltr” style=”font-weight: bold; color: #3b5998;” href=”https://www.facebook.com/TheMatrixDNA?fref=ufi” data-ft=”{&quot;tn&quot;:&quot;;&quot;}” data-hovercard=”/ajax/hovercard/hovercard.php?id=1614614673&amp;extragetparams=%7B%22hc_location%22%3A%22ufi%22%7D”>Louis Charles Morelli</a> – Jan – 9 – 2016</div>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”></div>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”><span data-ft=”{&quot;tn&quot;:&quot;K&quot;}”><span class=”UFICommentBody”>

Se você entender porque e\’ logico e natural ter estes sete corpos, este assunto sai da metafisica da qual você não obtêm nada pratico para aplicar na sua vida material, e entra na sua natureza envolvente para você começar a descobrir como aplicar de fato este conhecimento. Temos sete corpos porque somos envolvidos em sete diferentes dimensões de densidade da substancia universal e estas sete dimensões foram produzidas pela força do ciclo vital, a mesma que atua em seu corpo material fazendo-o se transformar em sete formas principais: embrião, baby, criança, jovem, etc. Tudo começou com ondas de luz que possuem sete tipos de frequência/vibrações dispostas numa sequencia logica, e estas ondas transferiram sua dinâmica para a substancia escura inerte que preenche o espaço sideral. Então, uma dimensão inicial na forma de embrião foi se devolvendo como se desenvolvem os corpos humanos, cada forma de dimensão ficou fixada na matéria e quando a dimensão atingiu a fase senil,a sétima forma, ela parou de se transformar.. Agora, dentro de cada humano o que tem de trilhar o caminho destas sete dimensões e\’ esta nova forma de sistema que surgiu denominada ” auto-consciência” Assim como uma onda de luz nascente contem em si todas suas formas futuras, mas em apenas uma forma se situa a atividade vibratória em uma fase de sua existência, a nossa consciência já tem em si estas sete formas porem esta\’ vibrando, existindo de fato, apenas na forma de embrião, por enquanto. Mas com esse entendimento em mente, sua mente vai poder se ampliar e existir e ate atuar nas outras seis faixas onde não se encontra sua forma agora. Na formula da Matrix/DNA você entende melhor vendo as sete formas e como elas se conectam ( o meu avatar ao lado já da uma ideia)

</span></span></div>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”></div>\r\n<h3 class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”><span style=”color: rgb(0, 0, 255);”><strong>

Os Sete Corpos

</strong></span></h3>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”><a href=”https://www.facebook.com/hashtag/compartilhe?source=feed_text&amp;story_id=775025035974303″ target=”_blank”>https://www.facebook.com/hashtag/compartilhe?source=feed_text&amp;story_id=775025035974303</a></div>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”></div>\r\n<div class=”_ohe lfloat” style=”color: #141823;”><a href=”https://www.facebook.com/182363741848862/videos/670085699743328/” target=”_blank”>https://www.facebook.com/182363741848862/videos/670085699743328/</a></div>\r\n&nbsp;’,

‘As 7 Formas/Dimensões Astrais do Corpo Produzidas pelo Ciclo Vital (Video)’, 0, ”, ‘publish’, ‘open’, ‘open’, ”, ‘as-7-formasdimensoes-astrais-do-corpo-produzidas-pelo-ciclo-vital-video’, ”, ”, ‘2016-01-19 19:25:38’, ‘2016-01-20 00:25:38’, ”, 0, ‘http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=10259’, 0, ‘post’, ”, 0);

Luz: Mais Informacoes Primarias

quarta-feira, setembro 9th, 2015

 

xxxx

http://www.sofisica.com.br/conteudos/Otica/Fundamentos/luz.php

1) Aqui posso eliminar a confusao entre luz e ondas eletromagneticas:

Há muito tempo sabe-se que a luz faz parte de um grupo de ondas, chamado de ondas eletromagnéticas, sendo uma das características que reune este grupo a sua velocidade de propagação.

A velocidade da luz no vácuo, mas que na verdade se aplica a diversos outros fenômenos eletromagnéticos como raios-x, raios gama, ondas de rádio e tv, é caracterizada pela letra c, e tem um valor aproximado de 300 mil quilômetros por segundo, ou seja:

A luz, ou luz visível como é fisicamente caracterizada, é uma forma de energia radiante. É o agente físico que, atuando nos órgãos visuais, produz a sensação da visão.

Para saber mais…

Energia radiante é aquela que se propaga na forma de ondas eletromagnéticas, dentre as quais se pode destacar as ondas de rádio, TV, microondas, raios X, raios gama, radar, raios infravermelho, radiação ultravioleta e luz visível.

Uma das características das ondas eletromagnéticas é a sua velocidade de propagação, que no vácuo tem o valor de aproximadamente 300 mil quilômetros por segundo, ou seja:

Podendo ter este valor reduzido em meios diferentes do vácuo, sendo a menor velocidade até hoje medida para tais ondas quando atravessam um composto chamado condensado de Bose-Einstein, comprovada em uma experiência recente.

A luz que percebemos tem como característica sua freqüência que vai da faixa de (vermelho) até (violeta). Esta faixa é a de maior emissão do Sol, por isso os órgãos visuais de todos os seres vivos estão adaptados a ela, e não podem ver além desta, como por exemplo, a radiação ultravioleta e infravermelha.

2) Aqui da uma ideia de como a luz interage com a dark matter ( entao preciso fazer uma pesquisa sobre “sais do filme”):

Câmera fotográfica

A câmera fotográfica é um equipamento capaz de projetar e armazenar uma imagem em um anteparo.

Nos antigos equipamentos, onde um filme deve ser posto dentro da câmera, o anteparo utilizado é um filme fotossensível capaz de propiciar uma reação química entre os sais do filme e a luz que incide nele.

xxxx

3) Aqui tem-se a confirmacao que a luz carrega energia:

Cor de um corpo

Ao nosso redor é possível distinguir várias cores, mesmo quando estamos sob a luz do Sol, que é branca.

Esse fenômeno acontece pois quando é incidida luz branca sobre um corpo de cor verde, por exemplo, este absorve todas as outras cores do espectro visível, refletido de forma difusa apenas o verde, o que torna possível distinguir sua cor.

Por isso, um corpo de cor branca é aquele que reflete todas as cores, sem absorver nenhuma, enquanto um corpo de cor preta absorve todas as cores sobre ele incididas, sem refletir nenhuma, o que causa aquecimento.

xxxx

4)

Cor e frequência

No intervalo do espectro eletromagnético que corresponde à luz visível, cada frequência equivale à sensação de uma cor.

Cor

Comprimento de onda
( = )

Frequência
()

Violeta

3900 – 4500

7,69 – 6,65

Anil

4500 – 4550

5,65 – 6,59

Azul

4550 – 4920

6,59 – 6,10

Verde

4920 – 5770

6,10 – 5,20

Amarelo

5770 – 5970

5,20 – 5,03

Alaranjado

5970 – 5220

5,03 – 4,82

Vermelho

6220 – 7800

4,82 – 3,84

 

Conforme a frequência aumenta, diminui o comprimento de onda, assim como mostra a tabela acima, e o trecho do espectroeletromagnético abaixo.

Quando recebemos raios de luz de diferentes frequências podemos perceber cores diferentes destas, como combinações. A luz branca que percebemos vinda do Sol, por exemplo, é a combinação de todas as sete cores do espectro visível.

A Luz Que Vem da Matrix/DNA Para Anima-lo(a) Nesta Semana

domingo, março 4th, 2012

Observar o espectro que captamos nas telas do computador das ondas de luz, com a visão e o entendimento da nossa mente, nos causa uma sensação profunda de paz com o mundo, de esperança no futuro, de entendimento dos fenômenos e eventos que existem ao nosso redor. Um raio de luz se propaga em sete diferentes formas de frequências, de vibrações, (do raio gama ao raio X), assom como seu corpo após ter nascido se propagou no tempo em sete primcipais formas: desde a forma da mórula, da blástula, do feto, passando pela forma de baby, da criança, do adulto… Assim como eras no momento que nasceste, inquieto(a) e peralta por que cheio(a) de energia meio descontrolada, assim é um raio de luz quando parte de sua fonte emissora na sua mais alta frequência causando os temidos choques na matéria. Mas no final um raio se decompõe em fragmentos, os fótons, assim como nossos corpos no final se decompõe em seus fragmentos.

Observe a figura abaixo (clique nela para ver ampliada):
xxxx
…………………………………Luz – O Espectro Eletro Magnético pela teoria da Matrix/DNA…………………………………….


xxxx
Esta onda, ou raio de luz, representada na tela, tem origem em alguma fonte que se situaria na parte direita da figura e que não está aí. Na faixa onde estão os nomes das formas do corpo humano sob um ciclo vital, no lugar dessa fonte à direita estariam nossos pais. Na faixa dos nomes dos astros celestes, nêste lugar estaria um nucleo galático. Observe na faixa mais abaixo a sequência das côres da luz. Pergunto: porque os antigos orientais, a milhares de anos atrás, que nunca viram tal gráfico, desenharam a aura humana na mesma exata sequencia de côres? Pode ter sido porque viam essa mesma sequência das côres nos arco-íris e suas imaginações teriam elaborado uma teoria da aura, mas com o conhecimento que temos hoje a lógica sugere que esta sequência existe trilhões de vêzes repetida em nosso corpo, desde os fragmentos dos genes, do DNA, das moléculas de proteína. Assim como você sente que possue algo ao qual denomina de “mente”, que não consegues ver, apalpar, mas sabe que existe porque é uma fôrça que influe no seu corpo e dirige seu corpo segundo suas decisões, a Luz é algo invisivel que adentra tôda a matéria inerte do Universo, e ao vibrar naquelas diferentes frequências dentro da matéria a faz animada e a se organizar em formas modeladas por aquelas vibrações. A Luz Natural carrega em si um ciclo vital e com êle ela contem o código da Vida, é a fonte primeira da Vida, ela é a base primordial viva, ela cria a Vida. Quando ela atinge os astros celestes ela os conforma segundo um ciclo vital, o mesmo fazendo depois com os corpos humanos como podes ver na figura seguinte:
xxxx
"Luz - O Espectro Eletro-Magnético pela Teoria da Matrix/DNA"
xxxx
É certo que a figura acima é “teórica”, que foi elaborada pela minha imaginação, mas ela foi baseada em calculos dirante 30 anos, em milhares de tentativas de conectar todos os dados, informações coletadas pelo nosso método cientifico e/ou percebidas empiricamente, e ela tem nos ultimos 20 anos acertado mais em suas previsões que qualquer outro modêlo teórico astronomico. Seja como for, ela faz sentido, é de uma lógica irrefutável, ela explica as origens das sete formas principais de astros celestes. A Luz natural teria se infiltrado no primeiro corpo celeste que emergiu da nebulosa de átomos a 13 bilhões de anos atrás e o animado, levando-o a se transformar, a completar um ciclo vital, e depois torceu êste ciclo final unindo suas duas pontas, criando assim o primeiro sistema natural que surgiu no mundo. Onde tudo o que o nosso corpo faz, até a maravilhosa engenharia da reprodução sexual, já era realizada numa forma eletro/magnética/mecânica, nos céus, muito antes das origens da Vida na Terra. Ao descobrir isso e observar essa figura pela primeira vez numa madrugada e isolado em plena selva, sentí um arrepio frio pelo corpo, levantei os olhos para o céu límpido e estrelado da Amazônia, fitei as profundezas escuras do imenso Universo que se descortinava à minha visão, e meus olhos se encheram de lágrimas, mas lágrimas de alegria, de maravilhamento. Quem havia fugido para a a selva porque não mais suportava o mundo aqui fora, de repente renasceu e com muito mais vigor para o estudo e o trabalho, com muitas esperanças, pois tinha as provas agora de que não sou mera verruga incongruente que nada teria a fazer no Universo como pensava antes, não sou mero virus que incomodaria um Universo inamistoso que logo faria algo para me eliminar, não sou aquêle que na adolescência ainda me sentí um fraco e reles produto da Natureza e que tinha de ter a dignidade de me retirar do mundo sem me reproduzir, não reproduzindo o que é fraco, sem utilidade para a Evolução e o Universo, e para evitar à Evolução o trabalho de me descartar na sua seleção natural. Naquela madrugada na selva eu me ví conectado ao mundo e sentí que o Universo investira em mim e estaria conspirando para me empurrar à frente, ao menos a minha ultima forma evolutiva, a mental, rumo à formas transcendentes. Hoje continuo sem nada, na mesma condição de menor abandonado que era na infancia, mas continuo tendo vigor para trabalhar no pesado e nas horas vagas estudar com afinco e alegria por existir. Talvez êste seja o segrêdo que me me manteve nos ultimos 30 anos, desde aquela noite na selva quando observei estas figuras pela primeira vez, de nunca ter precisado tomar um comprimido sequer, pois meu corpo nunca adoeceu nem com um resfriado, apesar da vida desregrada que continuo levando. E isso, apenas essa dádiva, uma enorme energia e um indescritivel bem-estar fisico, uma constante alegria, apesar de uma vida semenhante a de um escravo, a de uma bactéria débil perante a imensidão dêste Universo, é isso e apenas isso que me faz vir aqui e tentar lhe transmitir essa mensagem. Eu o(a) necessito forte, livre. com vigor e mente aberta para o mundo, pois preciso de sócios(as) nesta empreitada de seguir à frente arrancando da Natureza todos seus segrêdos até atingir seu leito de pura luz, nesta aventura jamais realizada pelos seres humanos, e uma andorinha sózinha não faz verão, bem o sabes.

Observe na figura da luz que o espectro em “hertz” apresenta as duas grandes margens laterais em negro. As faixas de côres visiveis estão confinadas no meio. E agora lembre-se que as ultimas grandes teorias cientificas estão tôdas chegando à mesma conclusão: No Universo a matéria visivel é apenas 10% e parece que os outros 90% é matéria escura, ou como dizem “dark energy”. Será mesmo que o Universo material está assentado, mergulhado num infinito oceano de substancia amorfa, inerte, sem sentido, sem cor? Me lembro quando na escuridão de cavernas na selva eu virava o facho de luz da lanterna diretamente para meus olhos. Ou quando numa noite qualquer a caminhar na rua focava diretamente os faróis de um carro. Meus olhos cegavam, fechavam-se rapidamente e tudo ficava na mais copmpleta escuridão. Voltemos agora ao Universo e seus 90% de escuridão. Será mesmo escuridão? Ou o Universo está banhando num infinito oceano de luz tão intensa que nos cega os olhos e até nossos mais importantes aparelhos ópticos? Energia escura ou luz natural, original, talvez material?

Quando observo a luz natural com êste novo entendimento, quando lembro que ela carrega o código fundamental da Vida, tudo à volta adquire um significado lógico, racional, e suspeito que tudo faça parte de uma extraordinaria engenharia de uma inteligencia mil vêzes superior a que é possivel ao meu pequeno cérebrosinho. Não sei qual é, não faço a minima idéia do que seja, a fonte primeira de toda luz natural. Pode ser um Universo antigo ou desaparecido que renasceu num Big Bang, pode ser um mero vórtice turbilhonar no infinito contendo universos como num buraco negro, mas seja o que fôr essa fonte primordial, a obra que observo sugere que essa fonte contem muita inteligencia. Seja o que for a fonte original emissora, ela estará lá, na direita do inicio de um raio de luz, e na mesma posição que estiveram meus pais carnais no dia da primeira manifestação do meu corpo carnal. Assim ela deve ter estado tambem quando surgiram as primeiras auto-consciências nêste planeta, na sua posição, à direita, como fonte emissora. Seja o que for esta fonte, pensem o que quiserem dela, mas tôda lógica nos leva a ela, e quando dela nos aproximamos assim, desarmados de todos nossos julgamentos, sentimos que estamos levantando nossas mãos e tocando os arredores dessa fonte, e não existe vergonha alguma quando confesso que sinto que assim me parece que estou tocando as vestes ou as sandálias dos pés de Deus.

Estou agora concentrando minhas investigações na LUZ. Busco desesperadamente todo dia na Internet e nas bibliotecas universitárias quaisquer publicações vindas de quem quer que seja, de qualquer corrente do pensamento, mas principalmente qualquer nova descoberrta cientifica, sôbre a luz. Nela estou me concentrando com tôda minha energia que sobra do trabalho diario pesado. Porque? Porque sou um ser fraco, chorão, pidonxo. Me sinto como um mero virus ou como uma pequenina bactéria deve se sentir dentro de um corpo humano. Temos 10 bilhões de células em nosso corpo que “não” nos pertence realmente, são micro-organismos que não fazem a menor idéia do que é o ser dentro do qual existem. Mas e se estes micro-organismos tivessem a inteligencia e conhecimento que nós humanos já temos? As bactérias dos intestinos bem poderiam suspeitar que existe as regiões do pancreas onde existiriam outras formas de vida, quer dizer, de bactérias, assim como nós humanos estamos suspeitando que em outros sistemas estelares bem podem existir outras formas de vida. Poderiam suspeitar que exista em algum outro lugar uma consciência como a dêles, ou até mesmo maior e superior, e estariam corretas estas bactérias, pois os corpos humanos a possuem. E quando assim corretamente suspeitassem, perceberiam que todos seus problemas, todas suas dificuldades nas suas vidas, seriam resolvidas se conseguissem encontrar ou estabelecer um canal de comunicação com essa mente superior. Então nós humanos captariamos reinvidicações vindas do nosso pancreas ou estômago tais como: – “Precisamos de mais cobalto, êle está na alface, come mais alface!”. Dos intestinos podia vir: – “Gostamos de bolo de chocolate, coma bolo de chocolate senão entramos em greve e paralizamos o tráfico por aqui!”.

Muitas pessoas a já alguns milhares de anos suspeitam disso tudo, formaram em suas imaginações essa nossa imagem de micro-seres vivendo dentro de um alguma forma de ser universal, como pequenas mentes auto-conscientes vivendo dentro ou nas margens de alguma super mente auto-consciente. Mas assim como nossas mentes humanas sabe hoje que existem as bactérias internas mas não tem a menor sensibilidade para conhecer cada população de bactérias em seu corpo, muito menos para saber o que acontece a cada momento com uma unica dessas bactérias, qual o seu estado atual, qual está sendo suas condições de vida, o que ela está precisando que eu poderia fornecer sem muito esforço me custar para que ela realize melhor seu trabalho e assim meu corpo todo esteja tambem melhor… talvez assim tambem seja essa possível mente universal em relação a nós, humanos. Estas pessoas acreditaram que a forma de chamar a atenção de uma mente superior seria as orações com fé, e até mesmo algumas se miram nos exemplos dos embriões que esperneiam e chutam a barriga de suas mães quando querem algo, para edificarem templos onde vão e ficam gritando, chorando, tudo para tentar chamar a atenção e alcançar os ouvidos, a percepção, de alguma mente superior. Por meu lado tentei isso tambem quando criança e jovem, mas concluí que êsse método nunca surtiu efeito, sempre com os mesmos problemas financeiros e ficando às vêzes tão doente que necessitava internações hospitalares, e tenho buscado outros métodos. Elaborei um método muito complexo de meditação imaginando a minha mente esperneando para chamar a atenção e adentrar uma onda de luz natural, tenho repetido-o sempre que as coisas se tornem piores por aqui, mas seja mera imaginação ou um método realmente mais eficaz, acho que os resultados espetaculares de saude, de energia, de alegria e esperanças na vida, que tenho obtido, são demasiadas e materialmente inexplicaveis para o ser débil que sou. Por isso acho que as evidências estão apontando que estou no caminho certo. A Luz… ela pode ser o elo entre nós e Deus, ou seja lá que nomes queres dar à fonte primordial, à talvez existente consciência cósmica que provavelmente existe por aí. Que esta fôrça esteja convosco tambem,… é o que sempre peço gritando quando esperneio e chuto mentalmente a barriga desta consciencia cósmica, pois cheguei a um ponto da evolução em que uma andorinha sózinha não fará mais verão algum, e o (a) necessito forte lutando ao meu lado.