Archive for the ‘Energia Solar’ Category

Matrix/DNA Tecnologica: Em busca do algoritmo para energia eficiencia dentro de sistemas

segunda-feira, setembro 25th, 2017

xxxx

https://wp.doc.ic.ac.uk/aese/project/energy-neutral-operation-of-wireless-sensor-systems/

( ver mais)

Energy Neutral Operation of Wireless Sensor Systems

Energy Neutral Operation of Wireless Sensor Systems

( Matrix/DNA: A pesquisa acadêmica e’ baseada em matematica: energia fornecida pelo exterior, energia armazenada na bateria e energia consumida por cada parte (sensor) do sistema. Então formulam as equações matematicas e algoritmos abaixo. No entanto, sistemas naturais possuem um recurso para máximo aproveitamento da energia que os pesquisadores desconhecem. Trata-se da parte da energia inicial que levanta o foguete (sensor) e reverte para manter o foguete quando inicia o decréscimo de sua energia. Na formula da Matrix/DNA e’ o fluxo F5 que vai de F4 para F1. temos que inventar um sensor que tenha duas saídas de energia. Uma direcionada aos outros sensores para manter o sistema trabalhando. Outra direcionada a bateria para retroalimentar as operações iniciais do sistema. para isso temos que pesquisar no sistema que as operações finais consomem menos energia que as iniciais, portanto, estão recebendo imput de energia maior do que necessitam, o que pode causar dissipacao da energia em gasto inútil. Portanto, pesquisar agora o que sao estes sensores que eles pesquisam.)

(Copia do texto para traduzir:

Energy neutral operation is a mode of operation where the energy consumption of the node is always less or equal than the energy harvested from the environment. Once in this state, the sensor is capable of operating perpetually. In order to achieve energy neutral operation, energy optimisation methods need to fulfil the energy neutrality constraints while maximising performance.Energy neutrality constraints deals with the relationship among the three different types of energy: the energy harvested by the harvesting device, the energy consumed by the sensor and the energy stored in the battery/supercapacitor. This relationship can be described through mathematical models, which helps to understand the energy behaviour and the amount of available energy for the next time slots. These models can then be used by an optimisation algorithm, such as an energy-neutral MAC protocol or task scheduling, to dynamically adapt the sensor or network behaviour. An energy neutral optimisation methodology, therefore, must have an optimisation algorithm associated with a good energy model in order to achieve better results.

ENO Final

Energia na Base dos Instintos para Predadores e Presas – Ben Davidson – ThumderboltsProject

segunda-feira, janeiro 23rd, 2017

xxxxx

https://www.youtube.com/watch?v=rJ08nS32KrI

xxxxx

Meu comentario postado no Youtube sobre este video:

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – jan-01/23/2017

Congratulations. The EU is developing in parallel with other world view, The Matrix/DNA Theory, which suggests the existence of a unique universal system containing different shapes of DNA, evolving since the Big Bang to us today. We suggest a universal formula for systems that suggests a lots about how energy works. The common points are:
1) New natural systems (as atoms, galaxies, biological cells), are composed when Nature applies the force of vital cycle upon a body resulting as mass of a prior less evolved system. The body change shapes like our body goes from the shape of fetus to kids to adults due this force. These new shapes becomes the working parts of a new complex system. A nebulae of atom becomes a galaxy, a mass of unicellular becomes a multicellular organism. But, where Nature gets the force of life’s cycles? From the universal light wave composed by all seven kinds of electromagnetic radiations. The exactly sequence of different frequencies/vibrations of this light wave is seeing as the exactly sequence that yours body is transformed into new shapes. So, we have found that when a light wave emitted by a source like the Big Bang and propagates through dark matter, it creates a system (atom) that evolves to galaxies, cells, human brains. But light does not creates it directly. When light propagates it causes friction at dark matter and the results is energy, electricity. So, the Electric universe is the link between the code for systems ( and life) imprinted into a light wave and the spatial substance, which can be called dark matter, aether, etc. It is important to know the destructive effect of electricity that occurs in chaotic environment like the Earth biosphere and the constructive effect created by energy at ordered state environments.
2) One of the biggest puzzle and mission of Matrix/DNA world view is exorcising the instincts for predator/preys from the human psyche and genetic charge inherited from animals, and yours video has contributed a lot for it. All social systems created till now ( feudalism, monarchy, communism, capitalism) are merely mimicking the rules of the jungle among animals, so, the big predators are at the high class, the medium predators composes the medium class and the mass of poors, the preys of the lower class. Our question was from what dimension of the non-biological world this mechanism came from. We can see the functions of predators and preys easy and clear at the galactic systemic model, we know where the ancestral of these instincts were at our ancestral and creator galaxy. But, where the galaxy got it? The image of DC showing how works the two sides sources of the electric current solved this problem. At Matrix/DNA formula, the stronger side is F1 and the weak side is F7, and mow we have a big understand about what is going on in this black box. You can see and analysing the inter-relations between the two sides and everything equal the relations between predators and preys. Now I will search what is the two magnetic sources at a human body, why they produces DC and not AC, end how to fix it. This will meaning the exorcism of these instincts, which leads all other species to their extinction and is the cause of the nowadays torture of 90 % percent of global population. If you see the universal formula for natural systems at my website, you can improve the EU knowledge. Google: ” The Universal Matrix of All Natural Systems and Life’s Cycles”. Cheers..

xxxxx

A Base Elétrica da Materia Mostrando os Princípios dos Instintos para Predador e Presa: Sensacional!

O que revela as imagens no vídeo, quando a corrente alternada e corrente continua são acionadas:

AC – Alternating current: os dois lados são iguais, a corrente vem dos dois lados, a descarga e’ igual nos dois lados, a imagem ‘e muito simples, forma-se um raio curvo e simples, completo, igual, dentro de toda a câmara.

DC : um lado e’ muito mais ativo que o outro. O anodo esta no lado onde o raio esta empurrando-se para longe dele e invadindo o outro lado. Quando se liga os emissores de DC, na câmara que estava apresentando o raio igual do AC, o raio inteiro e’ puxado apenas para um lado, o qual se apresenta como o mais forte e mais ativo.

Ok. Para mim, particularmente, da Matrix/DNA, a visão destas imagens imediatamente me lembra um dos maiores assuntos que estou pesquisando agora. Trata-se de buscar entender a presença dos instintos animalescos com tendência a predador e presa que estão encravados na genética e na psique humana. Entendo que exorcizar a alma humana destes instintos e’ a condição primeira exigida para eliminar este escravagismo de um lado e a luxuria com seu consumismo supérfluo dos recursos naturais, do outro, esta carnificina e tortura praticada por um dos lados, ou seja, mudar totalmente o estado da humanidade, e dirigir a humanidade a desviar-se do destino da auto-extinção. Acho que não existe outro objetivo mais supremo no momento para a humanidade… exorcizar estes instintos.

Mas de onde os animais receberam estes mecanismos, processos, forças? Na formula da Matrix/DNA para o estado de sistema astronomico se vê claramente ali estes instintos, quando a peça anterior no circuito sempre se transforma na peça seguinte, ao mesmo tempo que pode se interpretar ao reverso, onde a pesa seguinte sempre devora a anterior. Isto faz parte inevitável do ciclo vital. Que as moléculas orgânicas, e depois as bactérias, repteis, leões, e humanos apresentem este fenômeno, já era de se esperar.

Mas porque a formula tinha que ser assim? Ela vem de um onda de luz, e nesta vemos que toda frequência se transforma numa frequência seguinte. Tambem continua isto acontecendo na formula quando ela montou os sistemas astronômicos. Que a forma seguinte engole a forma anterior e’ apenas uma questão relativa do ponto de observação. Vendo-se por outro ponto o que se vê e’ a forma anterior transformando-se na forma seguinte. Porem quando se formaram os sistemas biológicos, a linha evolucionaria que carrega a transformação funcionou mas ao mesmo tempo, se dividiu e funcionou também pela outra perspectiva, aquela onde realmente a forma seguinte – que e’ a maior, mais forte – devora, se sobrepõe, escraviza, parasita, a forma anterior – que e’ a menor, mais fraca. A linha da transformação funcionou transformando bactérias em repteis e repteis em mamíferos. Mas surgiu em paralelo a linha da cadeia alimentar, dividida entre predadores e presas. Este surgimento e’ o grande mistério e o qual precisa ser eliminado da face da Terra. Sabemos que ele surgiu quando a Natureza apresentava como dominante a sua face do caos, mas ainda não resolvi se o caos produz a carnificina primeiro, ou se o cais foi produzido pela carnificina primeiro. Este fenômeno, estava presente na onda luz original? Sim, mas apenas a linha das transformações de sequencias. A luz nunca se colapsa fazendo o caminho inverso. A ano ser que uma outra nossa teoria tenha consistência: a de que a onda de luz original de fragmenta em fótons e estes reencetam o caminho inverso através da matéria, reproduzindo a onda de luz, dirigindo-se de volta a fonte inicial. mas isso envoveria

Ora, as imagens de DC (   ….  ) do que ocorre na dimensão evolucionaria anterior `a existência de sistemas astronômicos e biológicos, revelam que esta dicotomia conflitante já existia desde quando o avançar da luz criou a energia. Então a causa primeira destes instintos esta no Universo Elétrico?! Entao estes instintos fazem parte de um significado cosmico muito distante do nosso conhecimento? Entao seria impossivel exorcizar estes instintos da psique humana, pois toda vez que o cortassemos fora, a base energetica da carga genetica o traria de volta?

Sinto que acabamos de dar um grande passo na busca do entendimento destes insintos, porem, caimos numa dimensao muito distante e complexa, e nela teremos que esmiucar e buscar explicacoes.

Sera um efeito da diferenca entre sistema fechado e sistema aberto? Porque essa diferenca entre os efeitos da AC e da DC? Ok,… de subito nos surge a verdade de que nao avancaremos aqui senao voltarmos ao tempo da escola e pesquisar tudo o que define AC e DC.

( hipotese em desenvolvimento)

xxxx

The Fibonacci Spirals no Sol

Não apenas Ben Davidson e seu pessoal da Teoria do Universo Elétrico defende essa ideia, mas também a NOAH, do governo Americano desenharam a espiral de Fibonacci sendo vista no Sol. Ben diz que essa espiral e’ vista em todo lugar no Sol.

Isto une duas predições feitas a 30 anos atras tendo como base a formula da Matrix/DNA:

  1. Na origem dos sistemas biológicos entraram informações carregadas por fótons vindos de dois lugares principalmente: do Sol e do núcleo da Terra onde jaz um germe estelar. O processo que determinou estas duas vindas e’ o mesmo processo sexual mostrado pela formula, onde a energia da Terra seria feminina e a energia do Sol, masculina. Sendo assim, a energia do Sol opera com base na F5, que e’ a carga genética masculina emitida para fecundar a carga feminina na Terra. Ora,…
  2. A espiral de Fibonacci esta relacionada com o numero Phi, responsável pela simetria dos corpos que da ordem e beleza aos corpos. Mas a formula da Matrix/DNA mostra que no circuito sistêmico onde cai o numero de Phi (1,618…) e’ justamente a posição ocupada por F5. Sendo responsável pela função da reprodução, deduzimos que a simetria ocorre porque F5 copia ou reproduz a face esquerda dos sistemas e a situa a sua direita, para se tornar a face direita. Portanto a formula já havia previsto que o Sol produz F5, o qual e’ Phi, através da espiral de Fibonacci.

Grande evidencia para a teoria da Matrix e ótima informação fornecida por Ben Davidson, novamente.

xxxx

Teoria da Mente tendo como substância, um plasma:

Num frasco-câmara passa a corrente eletro-magnética gerada por dois magnetos. O ambiente dentro da câmara pode ser mudado, do vácuo total para atmosfera. Cada ambiente muda e produz um estado específico da corrente. Num ambiente ela se apresenta como plasma (no vácuo total), no outro se apresenta como linhas ou raios vibrantes de eletricidade ( quando a câmara e’ enchida com ar).

Dai me leva a suspeitar e elaborar os princípios de uma nova hipótese, quando junto isso com a formula da Matrix/DNA. Sabemos que as imagens das sinapses se assemelham ‘a imagem da energia na forma de raios, aleatórios. Isto acontece no ambiente da massa de neuronios. Mas dessa massa e destas sinapses, se produz a mente, os pensamentos, e mais exatamente em outro local, o neocortex. Então podemos suspeitar que no neocortex o ambiente e~diferente, e produz o outro estado desta energia, uma espécie de plasma.

A primeira questão aqui seria: se na câmara podemos ver o estado de plasma, porque o MRI que vê as sinapses não pode ver o plasma da mente?

( teoria a desenvolver ) 

xxxx

Elegant Simplicity

Ben defende que a teoria do Universo Elétrico e’ construída sobre argumentos que são elegantemente simples. O que define esta expressão? penso que se trata do seguinte: pega-se fenômenos naturais simples e conhecidos e interpreta-se de maneira diferente do que foi interpretado ate agora, mas de maneira que na imagem do simples se adivinha encriptado complexos significados, processos e mecanismos. Se for isso, isso e’ justamente o que e’ a Teoria da Matrix/DNA, principalmente ‘e o que sente ao ver a formula da Matrix.

Mas porque a Teoria do Universo Elétrico impregna estes fenômenos simples com elegância? Baseando-me na Teoria da Matrix/DNA, realmente deve existir um mundo elétrico como template, como substancia de fundo, do universo material que nossos sensores captam. Isto porque tudo tem inicio quando a onda de luz universal composta dos sete tipos de radiações eletromagneiticas, se expande infiltrando-se na substancia do espaço – que deve ser a dark matter – ela produz friccao neste contacto. O produto desta friccao e’ o que denominamos de energia, ou pode ser o mesmo que eletricidade. Então como essa luz contem em si o código para ciclo vital que e’ o que monta os sistemas naturais, ela passa esse código para a energia. Esta existindo no meio da dark matter, separa-a em porcões de acordo com cada tipo de sua vibração e assim cria as partes para montar os sistemas. Então, a energia ‘e o elo entre a dark matter – que fornece a massa para o hardware – e a luz, que e’ o software. Se realmente for assim, então e’ claro, a energia esta na base, como pano de fundo, de todas as coisas materiais desse Universo. Não se esta errando ao chamar isto de Universo Elétrico e realmente os modelos teóricos desta teoria são elegantemente simples – porque na verdade revelam uma complexidade estonteante e bonita.

xxxx

Teoria da Gravidade versus Teoria da Atracão da Eletricidade:

Mostrando como um lado e’ mais forte e puxa o mais fraco, Grahan sugere que esta eletricidade e’ o que mantem astros e galaxias unidos e não a hipotética força chamada de gravidade.

xxxx

Jatos cosmicos de luz dos buracos negros sugere a emissão de um circuito sistêmico vital pelo núcleo galáctico segundo a Matrix/DNA

A imagem de um jato emitido por uma região do espaço sideral ( onde, como Ben diz, o mainstream diz existir um buraco negro, mas ele não concorda com esse nome e teoria, e espera que se ache um nome melhor, justamente como nos da Matrix/DNA não concordamos e esperamos esse nome melhor) mostra o jato dividido em segmentos que são “equidistantes `a parte”, quer dizer, o jato e’ dividido em segmentos de tamanhos iguais e têm distâncias iguais entre si. Isto bate com o que sugeriu a Teoria da Matrix, 30 anos atras. Este emissor deste jato seria um astro executando a função número 1 da formula (F1) e ele deveria emitir o template do circuito por onde a semente ou germe de um novo astro vai percorrer tocado pelo processo do ciclo vital. Como este processo vem de energia produzida por uma onda de luz – e a onda de luz contem a formula para este processo vital – cada segmento antecipa uma das formas que o astro vai apresentar em determinada idade. Em outras palavras, se a Matrix/DNA estiver acertando aqui, este jato cósmico deve ser dividido em sete segmentos, cada qual composto pelo estado vibratório da frequência eletromagnética que ele representa. Muito boa previsão da Matrix e ótima informação do Grahan.

xxxx

Efeito Placebo: Efeito de ondas magnéticas emitidas pelo cérebro sobre a química do corpo…?

Estas possibilidades sugeridas pelo Universo Elétrico leva Ben Davidson a citar o The Global Consciousness Project

xxxx

Pesquisa:

Procurar no website de Ben e outros lugares, imagens dos dois magnetos lado a lado da câmara produzindo a visão da eletricidade, para por no site e fazer cartaz para palestra.

Surpreendentes Propredades Descobertas na Água Comum, e Apenas Agora!

domingo, abril 3rd, 2016

Sobrevivemos em cima do fio da navalha! Veja o porque neste video sobre o Sol

sábado, julho 25th, 2015

xxxx

Vídeo muito instrutivo sobre o Sol mostra como vivemos no fio da navalha, sobrevivendo ainda porque estamos gastando o premio maior ganhado na loteria do Universo, uma sorte incrível. Bastaria que num de seus giros, uma quantidade maior de substancia escaldante se deslocasse para um lado do Sol, e a vida seria eliminada da Terra em minutos. E` quase impossível acreditar no equilíbrio das coisas dentro do sistema solar por tanto tempo que desde as origens da vida aqui ainda não aconteceu qualquer desequilíbrio, por minimo que fosse. Por ser quase impossível acreditar nessa extrema regulação deste sistema natural é que a maioria dos humanos tem razão quando sua crença só encontra uma explicação plausível: o controle de algum Deus.

Mas pensando bem, esta conclusão não sera tão confiante, se nos lembrar-mos que aqui na Terra podemos observar cenas onde ocorrem situações semelhantes de equilíbrio. Uma sopa numa panela no fogo sendo sacudida para misturar, quando se apaga o fogo a sopa começa a esfriar e se acalmar até que fica num equilíbrio total. Enquanto estava sendo cozida nem pensar que alguma forma de vida vindo pelo ar pudesse nela sobreviver, mas depois que ela se estabiliza, se a panela ficar destampada, fatalmente veremos nela a vida pululando com micróbios. Assim “parece” que aconteceu com o sistema solar, que desde sua formação teve um inicio turbulento sem vida mas depois entrou num equilíbrio, a vida floresceu e por enquanto, aqui estamos.

Digo por enquanto porque no sistema solar o fogo continua aceso, apenas foi bastante abaixado. Ainda substancias são aquecidas dentro da sopa que formam bolhas na superfície, o que no caso da Terra e seu núcleo sob fogo lento produz as erupções de vulcões e no caso do Sol produzem as chamas solares que se espalham no espaço como energia e vento solar. Mas o pior é que a “panela solar” ainda continua sendo sacudida. No nosso tempo de infância, desta geração mais velha de hoje, crescemos vendo nossos pais torrando café pelo método de girar por manivela uma bola de ferro cheia de grãos, para que todos os grãos se torrassem por igual. Mas em cada girada todos os grãos iam para o lado mais baixo da esfera. Pois o sol é esta esfera que esta girando, e pelo cumulo da nossa sorte, os grãos não são empurrados para um lado como na panela de café. E` um equilíbrio aterrador que significa para nos mais algum tempo de vida, mas esse equilíbrio pode dar uma desequilibradinha a qualquer momento.

Para quem conhece a formula para sistemas naturais que estou publicando neste website, fica mais fácil aceitar essa extraordinária aberração da sorte porque entendemos que o sistema solar foi feito em cima desta formula e ao observa-la, concluímos que não tem como ela se desequilibrar em seu circuito corrente de massa e energia interno. A formula, e por conseguinte o Sistema Natural Solar é um sistema fechado em si mesmo. Portanto, para a maioria que acredita existir um Deus controlando esse equilíbrio e pisando nos freios do Sol, continua ganhando, pois, quem fez esta formula e a introduziu no Universo no momento inicial do Big Bang? Ai a Matrix/DNA fica calada, empaca, diz que não sabe pois ela só pode ir até os limites do Universo, e deixa a conclusão ao sabor de cada humano.

Mas existe uma maneira de perturbar esse sistema e até iniciar sua destruição: se algum objeto ou energia ou raio-gama, de considerado tamanho e intensidade vier de fora do sistema solar e conseguir penetra-lo passando no meio da sua “casca”, que é o Cinturão de Belt. Então dependemos não apenas do equilíbrio do sistema solar, mas também do equilíbrio do sistema maior em que o solar existe: esta galaxia chamada Via Láctea. E se ela for de acordo com o modelo teórico da academia escolar moderna que acredita num céu cheio de acontecimentos gigantescos ao sabor do acaso, onde a violência seria regra comum… não adianta a sopa escaldante do Sol ficar eternamente em equilíbrio enquanto a panela esta girando, pois a qualquer momento a explosão de uma supernova, um cometa ou planeta errante do espaço sideral, um jato de raio-gama de um buraco negro mais intenso e, nem o Universo se lembrara mais que numa época do passado existiu vida na Terra e uns bichinhos engenhosos que construíam até naves espaciais.

Mas aqui tambem a formula da Matrix/DNA vem ao socorro dos que a conhecem para diminuir o medo, o stress que esta situação nos provoca. Pois só não fica preocupado quem não sabe que estamos no fio da navalha, porque ainda não adquiriu o conhecimento cientifico sobre o Sol. Ora, a Via Láctea tambem é um sistema natural e portanto construída tendo por base essa formula. Quer dizer, a galaxia tambem é um sistema fechado, assim como todas suas vizinhas. Então a ideia dos grãos de café na esfera girante sobre o fogo, que foi ampliada macroscopicamente como a ideia da sopa escaldante do Sol girando dentro da sua esfera sob fogo  mais lento, pode agora ser ampliada mais ainda para alcançarmos o nível do Universo: ele tambem teve um inicio turbulento sob fogo intenso, mas se esfriou, a sua sopa assentou, e esteja ele tambem ou não girando sobre sim mesmo, hoje sua sopa interna esta em equilíbrio. E` este equilíbrio do sistema maior que se projeta internamente e tambem obriga os equilíbrios dos sistemas menores que existem dentro dele.  Acho que assim a formula explica o porque de já se passar 3,5 ou 4 bilhões de anos que a Vida surgiu na Terra e ainda continuar existindo, porque nenhum objecto ou raio de energia veio de fora do sistema solar. O universo inteiro esta em equilíbrio. E’ por isso tambem que gosto ainda mais do modelo astronomico teorizado pela Matrix/DNA, pois nesse modelo não existe lugar e vez para a violência no céu, como a que vemos na superfície da Terra. Esta nossa biosfera se iniciou em estado de caos e ainda é muito caótica, mas basta levantar os olhos para ver uma noite estrelada e entender que no céu reina o estado de ordem. Somos filhos do caos, mas netos da ordem. Podemos ser filhos do errático Adão, mas somos netos do seu equilibrado Pai.

Para pensar neste final de semana e adquirir um pouco mais de consciência sobre o que somos neste mundo e qual o estado da nossa existência hoje, sugiro que se assista ao menos o primeiro da serie de videos cujo link vai abaixo ( o inglês é um problema, mas já vale ver apenas as imagens e vale tambem acionar o cc-closed caption, que as legendas ajudam um pouco). Good weekend e feliz natal pra todo mundo….hein?… opa… não repara não porque ainda estou com a cabeça no mundo do Sol…

https://www.youtube.com/watch?v=_kZ6HSPkf8U&list=PLHSoxioQtwZcJj_9clLz7Bggso7qg2PDj&index=1 

Tecnologia e a Matrix/DNA: Novo Computador Dentro de uma Gota de Agua

quinta-feira, junho 11th, 2015

xxxx

Observando a formula para sistemas naturais que descobri no Amazonas e prestando atencao como os fluxos de informacao e energia correm dentro dos canais de comunicacao entre as partes do sistema, e agora sabendo desta noticia, vendo como paticulas artificialmente magnetizadas correm dentro dos canais do labirinto de um processador de computador… me da’  uma revolta imensa porque nao disponho do laboratorio e recursos tenicos que estes engenheiros possuem… porem, quase como sempre fizeram, estao produzindo coisas sem saberem seu real significado, sem conheceram suas causas profundas, e portanto, sem saberem os proximos passos corretos a seguir… a nao ser aqueles ditados pelos patroes que apenas visam o lucro e nao o bem dos humanos e o progresso da Ciencia. Registro o artigo com link abaixo e a seguir meu comentario postado naquele artigo:

Engineers create a computer with a water droplet processor

https://plus.google.com/u/0/+CbsanjeevBalan/posts/REHjVm66jHP?cfem=1

So, we are mimicking organism based water as a mechanical system. The great advantage of this technique could be doing what no organic machine can do: developing its own solutions as an opened system. Of course, living brains are slowly than computer when repeating predetermined tasks. If these researchers go to my website for knowing the universal formula for natural closed and opened systems, they will get better results. They have the lab’s resources and I have only the formula, so, I can’t do anything. 
But, I still think that instead artificially magnetized particles, should be better using natural sun’s light/photons, because they know and are trained to perform tasks of opened living systems.

Matrix/DNA Pesquisa a Troca de Energia do Petróleo por Energia Solar Para manter a Civilização Industrial

sábado, março 21st, 2015

xxxx

[–]TheMatrixDNA  

Solar and planetary nuclear energy can move natural systems better than fossil fuel – accordingly Matrix/DNA Theory. If you see the formula of all natural systems in its website you will understand what I am telling about. We have mimicked Nature’s mechanisms and systems by artificial way, with new materials, and then, we had to use artificial energy. Maybe another life form got the easiest way for natural industry.

Yours own body is a machine, an industrialized one. Is there any human made machine superior to that? And what is the energy that created the human-machine? It comes from plants. What energy created and still fuels plants? So, the very secret is to known better the chloroplasts and photosynthesis, trying to mimic this natural device for getting natural energy without changing it, without killing its free movement and then, finding the soft materials that this energy will arrange as industrial machines. At Matrix/DNA world view we are researching this issue. But the problem is more complex due two things that the Matrix’s models are pointing out that the Earth and solar magnetic fields also contributed when driving the natural energy to create biological natural systems and both – light and magnetic field – works under the process of life’s cycle nad here lays their ability to create natural system/machines.

Este comentario acima veio como resposta a uma pergunta feita no Reddit:

http://www.reddit.com/r/AskScienceDiscussion/comments/2zr0xn/if_life_is_possible_on_other_planets_how_likely/

If life is possible on other planets, how likely is it that fossil fuels would develop? Would industrialization be possible without fossil fuels?  – self.AskScienceDiscussion

submitted friday, march, 2015, by thapopjackson

Origem da Vida: Livro Expõe Nova Teoria Contradizendo a Standard Theory

quinta-feira, março 19th, 2015

xxxx

Planetary Formation and Biogenesis (Elements of Theory Book 2)

http://www.amazon.com/Planetary-Formation-Biogenesis-Elements-Theory-ebook/dp/B007T0QE6I

Ian Miller – Author – blog: http://www.amazon.com/Ian-Miller/e/B004XXEUZQ/ref=ntt_athr_dp_pel_pop_1

Book Description

 April 10, 2012

Why is our solar system different from most of the others we see? How common are planets like Earth that have life on them? Is there life under the ice of Europa? Why will alien life have similar systems to ours? How did we get homochirality, and more to the point, why? Planetary Formation and Biogenesis is the second ebook in my series Elements of Theory, which is designed to illustrate how to form a theory by inducing from the set of observations. There is a review of the literature with over 700 references, most presenting different aspects. This review shows there are significant problems with standard theory, including: there is no known mechanism to form the required planetesimals, there are no explanations for the fact that all the planets in our system are different from each other, the Martian surface is incomprehensible on standard theory, the initial conditions argued for Earth should not lead to life, there is no standard explanation for homochirality and standard theory fails to give clues as to when to expect life and what variations are possible. Perhaps most critically, standard theory requires longer than 15 My to form Jupiter to the stage where gas can rapidly accrete, and the accretion disk usually lasts 1-10 My following stellar formation. Critically, LkCa 15b has formed in 2 My, it is three times further than Jupiter from a smaller star than the sun, and it is 5 times bigger than Jupiter. That requires new theory.The second part employs Aristotelian methodology to induce a theory. It proposes that accretion is actually a chemical phenomenon, that our solar system represents a solar system where the stellar cleanout was ca 1 My after stellar cleanout. It predicts four major ice cores, each with their own characteristic composition, and shows why the four rocky planets have the composition they have. The biochemicals required for life arise naturally, it shows why homochirality arises, and why all carbon-based life will almost certainly commence with RNA, even though ribose is the least stable and least likely to be formed of the common sugars, why ATP is the energy transfer chemical, and it proposes some simple experiments to show how it probably developed. There are over 80 predictions, one of which includes no life under-ice on Europa.

Planetary Formation and Biogenesis (Elements of Theory Book 2)

Sol Campo Magnético Vira ao Contrário! Completo Mistério

terça-feira, outubro 21st, 2014

Tenho o maior mêdo quando penso no gigantesco tamanho e na descomunal fôrça do Sol que está sempre se movendo internamente e me lembro que a qualquer momento um revertério qualquer naquela caldeira efervescente pode nos eliminar aqui num piscar de piolhos… digo,… de olhos.

Existimos por um fio, como se estivéssemos equilibrando no fio da navalha! A unica coisa que poderia evitar o inteiro desaparecimento da espécie humana por um minimo evento fora do normal no Sol seria uma rápida evolução cientifica e tecnológica. Os dinossauros não foram avisados que iria cair um meteorito, mas nossa ainda engatinhante tecnologia espacial nos pode avisar e ao menos, saber antes que vamos ter sérios problemas. Mas a maior ameaça não vem de corpos perdidos movendo-se no espaço, e sim, das súbitas emissões de chamas carregadas de energia, pelo Sol. Basta lembrar-nos de como nosso corpo depende do relógio biológico, do ciclo arcadiano, quando a simples luz do Sol faz nosso cérebro produzir a melatonina que nos faz dormir ou acordar. Basta aquela caldeira pender um pouquinho para um lado, o seu caldo se acumular muito deste lado, e essa energia muda, somos torrados ou congelados aqui em minutos! É estonteante como o sistema solar tem funcionado perfeitamente como um relógio, mas ele não é um relógio, pois ele muda, nasce, vive e morre, e todo relógio pode apresentar problemas no seu mecanismo. E nós existiremos aqui apenas enquanto o relógio sideral não for penetrado por alguma poeirinha, ou por alguma radiação cósmica anormal!

Portanto deveríamos investir muita energia e trabalho na busca do  desenvolvimento do conhecimento do que é, como foi formado, e como funciona, o Sol e este sistema inteiro onde está nosso planeta. E quando lemos artigos como esse do link abaixo – feito por quem mais entende de Sol, como o pessoal da NASA – no qual os cientistas confessam não terem ainda a minima idéia de como e porque acontece as constantes mudanças eletro-magnéticas no Sol, que alcançam o nosso planeta,… realmente ficamos preocupados. É preciso urgente trabalhar isso, e todos os humanos, colaborando de alguma forma, que ninguém queira ficar nas costas dos que trabalham pois se muitos fizerem isso, o barco todo vai para o fundo, como foram os dinossauros.

A cada 11 anos o fluxo de energia dentro do Sol pula do seu polo norte para o polo sul! Isso causa na superfície do Sol gigantescas labaredas de fogo energético que chegam aqui no nosso planeta. Este planetinha construiu em volta de si uma espécie de armadura na sua atmosfera para impedir que estas partículas alcancem o solo, mas… nós estamos cavando buracos nesta capa e se as partículas souberem disso… estamos fritos. Mas o fato mais intrigante é esse pulo instantâneo de energia de um lado para outro, num astro daquele tamanho e que todo mundo pensava ser quieto, estável, equilibrado, eterno, e sem explicações! Mas enquanto os cientistas coçam a cabeça intrigados procurando uma explicação, o meu modelo teórico astronomico está sugerindo um monte de explicações de detalhes e o quadro completo do que está acontecendo! E como precisamos que os cientistas tenham estas respostas! Antes que seja tarde demais…

Mas a minha explicação parece vir do outro mundo e eles não entenderiam nada sem antes conhecer toda a nova visão do mundo que calculei na selva. O Sol – segundo estes modelos – tem que ser visto como algo dinâmico seguindo as mesmas sequencias e processos que seguem os seres vivos controlados por um processo maior chamado de ciclo vital. É preciso ver um Sol vivo, e eles estão vendo e acreditando num Sol morto! O Sol muda bruscamente o polo onde concentrar sua energia porque ele foi formado por um ancestral que tinha um ciclo de vida, que nascia, morria e renascia, se auto-reciclando. O Sol herdou este mecanismo assim como eu herdei o mecanismo digestivo de uma ancestral lagartixa. Ele não nasce e morre a cada 11 anos porque tem um segundo sistema servindo como feed-back que retroalimenta o sistema superficial, mas ele não pode e não consegue evitar este ciclo herdado. E essa herança vem desde os instantes iniciais do Universo, quando o primeiro sistema ancestral do Sol, e nosso tambem, era apenas uma onda de luz… Portanto tambem temos que ver na minha teoria o meu modelo de onda de luz para entender porque o Sol vira a caldeira de boca para baixo e depois desvira-a novamente a cada 11 anos. Eu não tenho meios para apresentar e discutir esta teoria com os cientistas, e mesmo que tentasse, chamariam os seguranças e mandariam me levar para o manicômio ( ainda bem que os tempos mudaram pois se fossem os cientistas-mor da Idade Média, me mandariam para a fogueira). Realmente isso tudo é uma situação inacreditável! Mas vamos lá… abordar esse problema da virada dos polos do Sol.

How the Sun’s Magnetic Field Works (Infographic)

http://www.space.com/22393-sun-magnetic-field-explained-infographic.html

What Causes the Sun’s Magnetic Field Flip?

http://www.space.com/22310-sun-magnetic-field-flip-mystery.html

Sun's Magnetic Field to Flip

Credit: NASA

A seguir, cópia do meu meu post postado no Space.com:

Louis Charles Morelli ·  Top Commenter · Works at Self employed – Outubro, 23, 2014

Excellent materials, but, with some “philosophical” problems, which generates new theories which leads to deep knowledge. Here we are describing what happens, without the explanations “why and what’s?” But, when describing something that we does not know in full, we use wrong words. Like the word “flip” used here. Then, it has been a big mystery this cycle of 11 years, due we are using the wrong concepts. Answers must be search at ancestors, going down till the first causes at the Big Bang. Which were the ancestors of astronomical systems? I think, they were, the next ones, the atomic systems. Explanations for why the sun flips must be searched at the flipping of atoms, the particles that goes from protons to neutrons and goes back. . And so on, till the Big Bang. So, following this kind of method, Matrix/DNA Theory is suggesting that the changing of polarities are not flipping, because it is a continuing move. If you see the Matrix/DNA formula for natural systems, you will add some understandings to this phenomena. The finishing of a cycle produces the beginnings of a new cycle, at closed systems, like astronomical ones. Using a bar magnet for illustrating what is happening is not a good idea. At closed systems, dying is born, and born is dying, at same time. So, about the sun’s polarities, south is north and north is south, at same time. Same thing happens at atoms, when a proton becomes a neutron e neutron becomes proton. It is different from opened systems, when death does not causes birth.

xxxx

Informações uteis do artigo:

– If you’re confused about the sun’s impending magnetic field flip, don’t feel bad — scientists don’t fully understand it, either.

– “We still don’t have a really self-consistent mathematical description of what’s happening. And until you can model it, you don’t really understand it — it’s hard to really understand it.”

– During the field flip, the sun’s polar magnetic fields will weaken all the way down to zero, then bounce back with the opposite polarity.

Matrix/DNA: “Na formula da Matrix/DNA, quando o fluxo alcança F7, o sistema “morre” durante um período, enquanto sua matéria estiver fragmentada, indo compor F1. De fato, F7 e F1 são as duas pontas opostas do fluxo. A informação abaixo ( regiões ativas geram ou alimentam o campo magnético que toma a direção do polo e quando neste se concentra, causa a reversão para o outro polo), sugere que regiões são ativadas de acordo com o avançar da sequencia/vibração da onda de energia tal como modelada pela Matrix/DNA. Isto sugere ainda que o Sol é composto de camadas circulares ( provavelmente sete camadas) pelas quais passa a onda de energia, causando cada camada vibrar operar na sua especifica frequência, dominando as outras seis camadas/frequências. Então realmente parece que a formula da Matrix, e mais exatamente o building block dos sistemas astronômicos está embutido no Sol. Portanto vamos trazer a formula para cá nos seus dois aspectos:

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

Para o Sol, cada volta que o fluxo de energia dá no circuito esférico da formula, corresponde a 11 anos.

Matrix/DNA: O template para todos os sistemas naturais, de átomos a nucleotideos a galáxias e células. O circuíto energético padrão.

Matrix/DNA: O template para todos os sistemas naturais, de átomos a nucleotideos a galáxias e células. O circuíto energético padrão.

Observe na base inferior da figura acima, quando a estrela se desmancha em poeira, dirigindo-se ao turbilhão. É neste trecho do circuito que acontece a mudança dos polos.

E mais o gráfico do espectro de uma onda eletromagnética segundo a Matrix/DNA:

Light - The Electro-Magnetic Spectrum - by Matrix/DNA

Light – The Electro-Magnetic Spectrum – by Matrix/DNA

Considere-se que o fluxo elétrico magnético tem inicio no núcleo solar, o qual, corresponde à fonte à direita da onda, ou onde a onda começa como raio gama. Quando atinge a ponta do polo a onda está em F7, ou onda radio, e aquele pedaço de linha tracejada à esquerda corresponde ao período quando o magnetismo solar decai ao ponto zero. De alguma maneira a onda recomeça no núcleo outra vez ( no polo correspondente ao inicio do fluxo, que não sei se é o Sul ou o Norte) e isto sugere que a ativação de cada camada gera material e/ou energia degradada que ao invés de ser expulsa do Sol, ela se dirige internamente rumo ao centro, num simples comum processo de entropia de sistemas fechados. Quando se acumula essa massa/energia degradada no centro, reativa a atividade do núcleo.

xxxx

– “The magnetic field from active regions makes its way toward the poles and eventually causes the reversal,” 

– “The field reversal is nothing to worry about, Scherrer and Hoeksema stress; it won’t spawn any big solar storms or otherwise cause problems for people here on Earth. Its chief effect on us, in fact, will likely be beneficial.”

Matrix/DNA: Precisamos urgentemente conhecer o quadro inteiro do sistema solar no seu nível eletro-magnético, pois isso deve influenciar enormemente o corpo humano, talvez a psique, etc. Alem do que podemos desenvolver em muito nossa tecnologia, com esse conhecimento.

– “The sun’s slowly rotating magnetic field induces an electric current in a huge surface that extends from our star’s equator far out into the solar  system.”

Matrix/DNA: “Aqui está o ponto principal dessa necessidade urgente de conhecimento. O campo elétrico magnético do Sol, começa nele mas se estende por todo o sistema solar, portanto passando por aqui, atravessando nossos corpos, e produzindo sabe-lá que efeitos…

– “The polar fields have been getting weaker and weaker over the last 30 years, and so also the following sunspot cycles have been getting weaker over the years,” he said. “We don’t really understand why, or even if that’s the cause or if they’re both symptoms of the same thing. It’s a fun and interesting puzzle.”

Matrix/DNA: Deve haver então outro nível de eventos onde a onda se repete, porem num período maior que 30 anos. Talvez seja influencia da onda que pervade a galaxia?…

Meu post publicado no Space.com

Mike, these researchers need to know the astronomical model from Matrix/DNA Theory that suggests an explanation for these flips. But is impossible to have any clue if not seeing the pictures of those models ( You can Google the article: Sol Campo Magnético Vira ao Contrário! Completo Mistério ).

We need understanding that this solar system works as any natural system and its formations/functionality obeys the universal formula for systems, which is still unknown by those researches ( it is only at my website). The formula has a flow of energy which mimics the sequence of frequencies/vibrations of any light wave. This flow has a beginning point and an end point, which are the electric-magnetic “poles”. Since that the flow performs the known vital cycle process, it dies and reborn again, at each period of 11 years. But, only one pole ( be it south or north poles) is related to the beginning, the other being related to the end, then, that’s the cause of the flips.

There are a lot of details about the sun’s cycle suggested by Matrix/DNA’s models, and human kind need to know how it works, quickly, because these electric-magnetic waves are reaching us here, crossing ours bodies, with effects for our health, and besides that we can improve our technology.  Matrix/DNA Theory is result of a different approach/method never applied before, the results are suggesting a new meaning of this universal Nature never thought before, but, due the increasing accumulations of evidences and the amount of proved right predictions, besides the fact that it is entirely rational, deserves a quickly look by those researches.

Imagem dos Tornados Iselle e Julio Lembram as Origens do Universo ! Mera Coincidencia?

quinta-feira, agosto 7th, 2014

xxxxxx

Hurricanes Iselle and Julio Nearing the Hawaiian Islands

Hurricanes Iselle and Julio Nearing the Hawaiian Islands

NASA



In early August 2014, not one but two hurricanes were headed for the Hawaiian Islands. Storms arriving from the east are a relative rarity, and landfalling storms are also pretty infrequent.

On Aug. 5, the Visible Infrared Imaging Radiometer Suite (VIIRS) sensor on the Suomi National Polar-orbiting Partnership (NPP) satellite captured natural-color images of both Iselle and Hurricane Julio en route to Hawaii. This image is a composite of three satellite passes over the tropical Pacific Ocean in the early afternoon. Note that Iselle’s eyewall had grown less distinct; the storm had descreased to category 2 intensity. The bright shading toward the center-left of the image is sunglint, the reflection of sunlight off the water and directly back at the satellite sensor.

Image Credit: NASA image by Jeff Schmaltz, LANCE/EOSDIS Rapid Response. Caption Credit: Mike Carlowicz.

Comentário da Matrix/DNA:

Foi bater os olhos nesta imagem e lembrar-me dos desenhos feitos na selva há 30 anos atrás quando iniciava a perceber a existência da Matrix e tentava calcular como ela teria surgido. Não é de todo um descalabro ou desvario mental comparar o que ocorre na atmosfera terrestre com o que ocorreu na atmosfera do Universo primordial, pois a atmosfera de qualquer lugar do Universo hoje é mero produto evolutivo da atmosfera primordial… claro, isto é pura lógica. Não é a tremenda complexidade de hoje resultante das diferentes combinações das partículas-informação originais que vai nos cegar para este imperativo da lógica naturalista.  O fato de fazer-mos mentalmente esta conexão no tempo e espaço tão distantes entre si é fundamental para ver no fenômeno acontecendo na atmosfera terrestre – o qual é de muita importância porque afeta nossas vidas – elementos e fôrças que aqueles que não fazem este exercício mental não estão percebendo. Por exemplo, esta nova maneira de ver os fenômenos naturais está sugerindo que a energia solar tem grande influencia na formação e direção dos tornados, e que existe a possibilidade da Humanidade atuar também influenciando nesse processo, de maneira que lhe convenha.

Como me falta tempo agora para terminar este artigo, apenas copio abaixo o comentário que postei na noticia da NASA. Mas antes, para os que nada entendem da Matrix/DNA:

Os desenhos feitos na selva na época eram baseados em varios assuntos, tais como:

1) A Física do Prêmio Nobel Hideki Yukawa quando teoricamente calculou como seria a cola nuclear que liga prótons e nêutrons no núcleo atômico. Tenho artigos aqui falando dos “balões ou bolhas-rodamoinhos de Yukawa”, pois eles são fundamentais para começar a se entender como esta matéria organizada em sistemas se manifestou e afirmou neste Universo, e sobre de onde estes bits-informação vieram;

2) A intuição de que o Universo é meramente o palco onde está ocorrendo um processo natural de reprodução genética do desconhecido sistema que havia ou ainda há antes dele. A partir desta intuição comecei a calcular como teriam os bits-informações atuados pelos mesmos processos que os genes atuam a partir do “big bang” da fecundação;

3) A transferência do sistema galáctico e/ou solar para a forma de primeira célula biológica, através de fótons vindos de estrelas como o Sol e do núcleo terrestre; etc…

Comentário postado na noticia da NASA: ( para não ser lido por inteiro porque está em sofrível inglês ( preciso de alguém fazendo as revisões), porque leva o leitor a um palavreado e linguagem que parece de outro mundo, porque expressa uma visão de mundo totalmente diferente e contraria ao que o leitor acredita e portanto, para ser apedrejado… mas tenho que ir insistindo em cumprir a minha missão).

Louis Charles Morelli – 2:07 PM – Thirsday, August 7, 2014
Why this image remembers the beginnings of the Universe, where two opposite spinning groups of microscopic quantum tornadoes made off the first material particles?!
What’s the role of sunlight at tornadoes formation and maintenance?
Suggestions from Matrix/DNA Theory are that the Sun is  a kind of station for repetition and re-transmission of the light waves produced by a pulsating Universe. And… “since that the light waves emitted by “big bangs” penetrates inertial dark mater and imprints the process of life’s cycles, they are the creator of primordial natural systems, from atoms to galaxies”. In the Cosmos universal light waves are fragmented into microscopic particles-vortexes called photons; here, at Earth’s surface, Sun’s photons makes the reverse way, creating giants vortexes. (?)

What do you think?  Will be the human control of hurricanes dependable of more knowledge about the role of Sun’s energy?

Rãs Congeladas e Mortas Como Pedra, Retornam à Vida Miraculosamente… A Matrix/DNA Explica que é a Luz do Sol

quinta-feira, março 20th, 2014

A neve faz rãs congelarem até todos seus órgãos tornarem-se totalmente parados, inertes, quando ela fica dura como uma pedra. Você poderia atirar aquela rã-pedra na parede, soca-la de toda maneira, e ela continuará assim, morta. Mas então começa a primavera, a neve derrete, a luz do Sol invade a Terra… de repente a rã se move e sai saltitando, viva!

O que mais incomoda os cientistas que não conseguem entender o fenômeno ( pois isto seria a chave para se conseguir congelar corpos humanos e ressuscita-los mil anos depois), é que o coração não pode ressuscitar primeiro pois faltaria oxigênio ao cérebro, e o cérebro não pode ressuscitar primeiro que o coração, não haveria como a rã se tornar viva por partes. Tudo ( dos átomos às células aos órgãos) tem que ser ressuscitado ao mesmo exato momento! Como isto é possível?

A tempos venho acumulando evidencias reforçando que a minha teoria sobre a luz natural é real: veja no gráfico abaixo, a minha teoria de que a luz natural contem o código da vida, ou seja, ela ( as ondas de luz emitidas com o Big Bang),  foi o elemento criador da vida e todos os sistemas naturais. E o que eu tinha descrito como sendo o processo pelo qual a luz transformou matéria inerte em sistemas,  e sistemas funcionais, é exatamente a forma como descreveríamos a ressurreição espontânea da rã quando atingida pela luz natural do sol. Mais um fantástico ponto para a Matrix/DNA? Ou mera coincidência? Vamos ter muita pesquisa e testes pela frente…

A seguir está o link para um artigo com excelente vídeo mostrando o fenômeno das rãs. E a seguir está a explicação que postei naquele artigo, e depois, o gráfico da luz. E depois começa os registros da pesquisa que farei, com links para scientific papers, definições de termos técnicos e outras informações  

I Can’t Believe What I’m Seeing: A Springtime (Froggy) Miracle

http://www.npr.org/blogs/krulwich/2014/03/20/292137753/i-cant-believe-what-im-seeing-a-springtime-froggy-miracle?utm_medium=facebook&utm_source=npr&utm_campaign=nprnews&utm_content=03222014&uidt=1395497517#commentBlock?provider=Facebook

Robert Krulwich – March 22, 2014 5:03 AM

From Louis Morelli:

The explanation is: the Sun’s light has the code for life. You can know how the code for life is encrypted into any natural light wave seeing the electromagnetic spectrum’s graphic at “The Universal Matrix of Natural Systems and Life’s Cycle”. Any light wave is shared into different frequencies or vibrations following a determined sequence, the sequence of life’s cycle. Penetrating at inertial mass ( like dark matter) light breaks the mass into slices, each one with a specific state of vibration. Then, these pieces free in the space are attract one to another in the same sequence, reproducing what was a light wave into a material working system. The frozen frog is the inertial mass which already contains its body assembled as a system. It is composed of sub-systems inside super-systems like fractals, all systems are reproduction from the initial light wave. What connects and give motion to the atoms, the particles into atoms, the atoms into molecules, molecules into DNA, etc., are photons, particles of light. The spontaneous invasion of a light wave coming from the sun connects all them immediately, leading them to move. It happens with any astronomical body: they are born as spheres of hot iron, these spheres falls into frozen space, the frozen stellar dust covers them, but when they gets int a star orbit, the stars light reaches the nucleus and the nucleus resuscitates as a germ of a new star ( going before that to the shape of pulsars). Its the light that wake up the inertial germ inside a grain of corn and bring it to life. Thanks by the information, I will research this phenomena with frogs, trying to improve the theory.

Light - The Electric-Magnetic Spectrum by Matrix/DNA

Nota:  Excelente post no artigo acima:

william cooper • 9 hours ago

“How else to explain the frogs awakening?”. Well yeah, if you look at a frog, or any expression of Nature, as a mechanistic bucket of bolts or separate things, it is downright confounding, huh?, how could such an amazingly complicated thing be orchestrated so perfectly? Science as yet does not have the answers, and the far reaches of Nature remain a mystery. Science has landed us on Mars and allowed us to walk on the Moon, but stop and realize this: it cannot make one blade of grass — and imagine how much more complex a frog is than that! Yes, Life IS a miracle, any way you slice it. Nature is full of wonders and mysteries which we thankfully cannot fathom, and perhaps never will, and an intelligent person will be humbled by the fact that we may never understand the Whole. I love people of science who were/are able to keep this awe, wonder, and humility about the miracle of life and Nature alive in thier work, such as Rachel Carson and Albert Einstein.

xxxxx

Icing Organs  – ( Longo artigo, terminar de ler)

http://www.the-scientist.com/?articles.view/articleNo/34190/title/Icing-Organs/

Why scientists are so near and yet so far from being able to cryopreserve organs

antifreeze proteins (AFPs)

xxxxx

Antifreeze-Like Blood Lets Frogs Freeze and Thaw With Winter’s Whims

http://news.nationalgeographic.com/news/2007/02/070220-frog-antifreeze.html

In nature the frogs consistently go through freeze-thaw cycles

Freezing organs isn’t an option, as the cells dehydrate.

Special proteins in their blood, called nucleating proteins, cause the water in the blood to freeze first. This ice, in turn, sucks most of the water out of the frog’s cells. At the same time the frog’s liver starts making large amounts of glucose—a type of sugar—which packs into cells and props them up. The concentrated sugar solution helps prevent additional water from being pulled out of the frog’s cells, which can destroy them. “Inside the cells there’s no ice,” Storey explained. “It’s just really, really, really dehydrated, all shrunk down osmotically and full of massive amounts of sugar.” Humans lack these nucleating proteins. So when our skin freezes, we get frostbite, which lethally sucks all the water out of our cells and causes them to collapse. “Even if you take the ice away, it’s way too late,” Storey said. “All the cells are broken because you haven’t made all that sugar. The frogs, however, enter a state of suspended animation. Inside the cells there’s thick sugary syrup, while outside the cells all the water is frozen. “It can stay like that apparently, no beating heart or brain activity or anything, until you decide to thaw it,” When temperatures warm and the ice melts, the frogs thaw. Water slowly flows back into the cells, blood starts flowing again, and the frog revives. In the lab, Storey said, ice thaws in about 20 minutes and the heart takes another 20 or 30 minutes to start. “Once the heart starts, it pumps the blood around the animal and the animal starts to revive, then it starts to gulp, then it starts to breathe, then it starts to hop away. So it takes a little while to reactivate after you’ve been frozen down,” he said.

xxxxx

Post postado no artigo acima: 

Ok,… thanks to Robert, the Matrix/DNA has opened new charter for research. The scientific knowledge about this phenomena and its useful practices will not be reached without the knowledge about the formula for natural systems and the graphic about living light waves, both pictured by Matrix/DNA Theory. Reading more accurate scientific articles, we learn that the re-animation is not from all organs suddenly and before frozen the liver produces “anti-freezing proteins- AFPs”. That’s a confirmation of my first suggestion described at the post below here, about the sun’s energy. It is missing to researchers working this issue the knowledge about natural systems, the formula for systems described by Matrix/DNA. I have discovered that proteins are the representative at biological level of the flow of informations contained in the energy that runs inside the systemic circuit performing the waves of time, while organelles and organs are representative of this flow in state of particles expressed in space. So, now it makes sense: the liver produces a copy of the whole systemic circuit, packed it in cells, and as this circuit is the same sequence of frequencies of light waves coming from the sun or from the Earth’s nucleus, the light waves fits as super-position over those proteins, waking up the system. But, as we can see at Matrix/DNA formula, the pieces of systems obeys the chronological time of life’s cycle sequences. The first piece at this sequence is the pump that replicates the anterior circuit, then, that’s why the heart of the frog begins to work first. To human bodies, the systemic circuit as waves of time is performed by the circular blood flow, that’s why the blood begins working after the heart. The problem for those researches is that they still are believing ( as said Willian Cooper in his post below) that natural systems as the human body as a mechanistic bucket of bolts or separate things. That’s why they need to know the first real and complete model of natural system pictured by matrix/DNA as a diagram’s software. Now I will studying each of those proteins, etc.