Archive for the ‘Mensagens da Matrix/DNA’ Category

Mensagem da Matrix/DNA: Tenha um sonho grande, maior que você, e a sua velhice não sera’ sua armadilha.

sábado, junho 23rd, 2018

xxxxx

Um conselho: Você tem que ter um sonho, muito maior que você, um ideal quase inalcançável, senão a velhice sera’ triste, aborrecida… um fracasso. Um ideal que até no ultimo suspiro te mantenha com energia e mãos levantadas tentando realiza-lo, assim nem perceberas a morte chegar. Mas qual exemplo de sonho?

Muitos tem um sonho comum – o de apenas gerar e criar filhos que tenham melhores condições de vida do que as que tivemos. Mas este é um sonho comum e muitas vezes falso, egoísta, leva as pessoas a pecarem contra seus semelhantes humanos sem o perceberem. Pois criar filhos com mérito significaria trabalhar feito burro e no serviço pesado produzindo seus alimentos, suas roupas, suas casas, seus minérios, etc. ou então ser associado a uma comunidade que tenha maquinas e propriedades, onde todos fazem de tudo, etc.  Muita gente que e’ dona de uma loja ou trabalha na sombra e ar condicionado do banco e sustenta os filhos até enviando-os `a universidade, e então pensam que são cidadãos do bem, que foram aprovados por Deus. Ora, residiram, alimentaram e vestiram seus filhos com os produtos de escravos que não recebem deles o dinheiro ou outros produtos suficientes para dar o minimo de vida digna e mandar os filhos deles `a universidade também. Aproveitam as brechas num sistema corrupto mantido por policia e exércitos contra, por exemplo, os pais de 120 milhões de menores de 14 anos que hoje no Brasil estão na tortura do ciclo da miséria. E todos estes produtos produzidos por escravos chineses? Não, o sonho, o grande ideal, tem que ser algo relacionados a nos querermos sair desta vida enganosa deste pecado, é trazer justiça ao mundo melhorando o caráter e as condições de vida de todos os humanos.

Ter o sonho comum de gerar e criar com sucesso os filhos sempre foi velho costume dos humanos. Muitas cidades da Europa tiveram gerações fazendo isso e foram até 15 vezes atacadas, espoliadas, por invasores e seus filhos perderam tudo. Hoje temos a ilusão que isso não ocorre mais, porque tem impérios nos protegendo, mas na verdade acontece de outra maneira mais sofisticada: o que toma tudo são as tramas jogadas pelos predadores nas bolsas de valores e em seus bancos, mascaradas de “crises econômicas”. E também ficar nascendo, reproduzindo, casando-se, trabalhando e reproduzindo, sem evoluir o intelecto e a mente cientifica para voar ao Cosmos, de que adianta? Se o nosso Sol e este planeta muda e um dia vai destruir tudo em sua superfície? E’ ir para lugar nenhum.

Eu tenho dois sonhos que se resumem num só, que morrerei lutando para realiza-los, e isto continuara a ser minha ocupação 24 horas por dia inclusive depois da aposentadoria, quando então terei mais tempo para trabalhar mais, melhor, com mais eficiência e energia. Nunca serei o que vejo quando retorno `a minha cidade natal: os amigos de infância, das escolas primarias, aposentados a passarem os dias sentados nos bancos da praça a jogarem baralho. Olhares vagos, vidas perdidas, o não ter e não saber o que fazer da vida… só lhes resta esperar a morte.

Como diz ABBA nesta saudosa musica… ” O meu sonho me empurra no meio da escuridão desta vida e sua realização esta’ sempre uma milha `a frente…

https://www.youtube.com/watch?v=KsS1Qz7WyII&feature=share

 

Mensagem da Matrix/DNA para 2018: Como dirigir a força e vencer a crise no ano esta nascendo

domingo, dezembro 31st, 2017

xxxx

Para você apreciar, se animar, se entender e melhor viver neste 2018

São muitos os apelos dos vendedores para que aumentes o seu consumo e a gama de tentações oferecidas nos deixam em constante estado de frustração devido nossas novas necessidades criadas por eles não poderem ser satisfeitas. Basta abrir o imenso leque da Internet e a tela já mostra um monumental cruzeiro numa ilha paradisíaca do Caribe, mas nem 0,00001% dos humanos conseguem entrar num monumental yate daqueles que aparecem na tela. Por outro lado, cerca de 90% não-privilegiados dos brasileiros estão em quase estado de torpor e temor ao assistir e sentir o estado de crise no pais, então 2018 e o futuro em si fica incerto. Mas…

Felicidade acho que é uma palavra ilusória pois os humanos jamais poderiam experimenta-la, não esta’ em nossa natureza permitido alcançar esse estado fruto da imaginação. Então não vou dizer onde esta’ e como alcançar sua felicidade, mas eu tive uma experiencia de vida diferente de vocês onde aprendi que é possível a qualquer um quase chegar nela e no meio das grandes crises, mesmo maiores que essa no Brasil agora. Eu estive isolado na selva amazônica reduzido a semi-macaco deficiente de tudo que um humano necessita fisicamente, enfrentando malaria, espinhos, insetos venenosos de toda especie, mas por incrível que pareca, me lembro daqueles dias como os mais “felizes” que já experimentei, e mesmo estando agora numa cidade como New York com dinheiro no bolso para fazer inclusive os cruzeiros que a Internet sugere, no fundo, me pego desejando a selva. Como explico isso?

Você precisaria investir um pouquinho de seu tempo hoje assistindo um vídeo como o que forneço o link a seguir. Sei que para a maioria é um assunto chato, desinteressante porque não vai dar dinheiro algum, mas ele pode fornecer algo valioso se você assisti-lo apos ler este texto: algo que pode trazer um profundo e intimo bem-estar atravessando a crise em 2018.

O vídeo insiste numa questão existencial: como a vida se originou neste planeta? E quando dizem “a vida” entendemos “eu”, pois eu sou vivo. Então, como eu vim parar aqui e porque me puseram nesta enrascada de ambiente e sistema todo errado?

No vídeo, se você prestar bem atenção, veras que o profundo sentido da historia das origens que tentam descrever teoricamente, é que sempre ali no meio de um ambiente horrível, inóspito, existiu uma força minuscula, frágil, mas com uma vontade incrivelmente tenaz, uma determinação de continuar a frente custe o que custar, uma meta de vencer o mundo. Esta força parece começar dentro dos minúsculos e solitários átomos de carbonos, mas eles a alimentam e a fazem crescer tornando-se aminoacidos, e nesta nova forma a força continua avançar teimosamente contra tudo e todos, e vai se tornando moléculas cada vez maiores e capazes de fazerem mais coisas, abrirem mais caminhos, e estas moléculas avançam tornando-se proteínas, chegam a uma vitoria, a algo quase inacreditável, em que seguram e mantem os registros de toda sua historia de origens e lutas, na forma de um código secreto, ao qual denominamos de DNA. Que força sera esta, de onde veio isso?! Nos somos essencialmente, enquanto humanos, DNA, pois resumindo todo nosso corpo ele esta encriptado em cada uma das bilhões de copias desse elemento misterioso que na verdade sou eu. E quando essa força chegou ao estado de DNA, a mais ou menos 3 bilhões de anos atras (!), um tempo impossível ao nosso cérebro de calcular e saber o que ele significa, ela se estabeleceu de uma maneira que veio vencendo crises infernais muito maiores do que a que se abate ao pais hoje, pois a cada 50.000 anos este planeta tem se tornado um inferno seja em fogo ou em degelo, e inacreditavelmente esta força vestida de DNA resistiu a tudo a ponto de hoje mostrar a idade de 3,8 bilhões de anos! Sem nunca ter morrido, nunca ter sido totalmente vencida!!! Essa a nossa verdadeira idade hoje quando lembramos que nossa essência, nos somos, em síntese, nosso DNA: temos 3,8 bilhões de anos de idade!

Mas em que ao me lembrar disso vai me animar a atravessar o 2018? Como o conhecimento disso pode fazer um semi-macaco malárico no inferno da selva viver daquele jeito rindo porque por dentro esta em constante sentimento de orgasmos intelectuais, algo que nem a redução ao estados primitivos da evolução consegue reduzir: uma coisa denominada “consciência” e da qual ainda quase nada entendemos.

O grande golpe de inteligencia de sua parte hoje, seria você se tornar e se sentir maior do que os exibicionistas se jactando como nadando em felicidade nas selfies postadas no Facebook e Instagran, passando a informação de que se sentem felizes e mostrando, como pano de fundo das fotos, uma posição em algum ambiente exalando luxuria. Porque ali, nestas pessoas, a força esta’ moribunda, indo para sua morte, como foram todos os iludidos espertos e mais “fortes” em cada época: onde estão os reis de outrora, como os dinossauros, os leões nas selvas, as águias nos ares? se tivessem cameras todos teriam tirado selfies registrando e mostrando seu auge. Mas a Historia Natural e depois a Historia das Civilizacoes Humanas mostraram que o estado de estar no auge e feliz com o jeito que o sistema esta’, é o trampolim inevitável para sua extinção. As “selfies” trazem uma etiqueta invisível implacável: a força aqui já morreu, só falta cair de vez! A força continua viva e tenaz com chances de evoluir naqueles que estão fluindo no meio de coisas mais simples, menos resistentes e mais duradouras, mesmo que o quadro revele estado de crises. Foi assim que um pequeno réptil parecendo um porquinho, feinho, e chamado de cinodonte vivendo numa das maiores crises – pois os grandes repteis estavam devorando toda a vegetação e alimento do planeta e deles tinham que viverem escondidos nos buracos escuros para não serem devorados – foi assim que a natureza, o mundo, voltou seus olhos para a sofrida mas mantenedora da chama da vida pequena criatura e lhe entregou o troféu máximo, a transformação para sua transcendência e a herança da Terra toda, tornando-a o primeiro mamífero do planeta. A Natureza sempre atuou assim, descartando o que mais se aparecia, dando uma volta no tempo, retornando atras, para selecionar seu escolhido. Ela fez assim inclusive antes das origens da vida com átomos para a transcendencia a estrelas e destas para galaxias. Mas se conheceres a historia anterior alem deste pequeno cosmos, veras que dessa mesma maneira atuou o mundo antes e sempre, quando deu a transcendência aos átomos tornando-os estrelas, `as estrelas tornando-as galaxias… O grande golpe da inteligencia é detectar e seguir o caminho da continuidade dessa quase eternidade de 3,8 bilhões de anos emque pode inclusive nos levar ao salto transcendental.

Assistindo o vídeo nos assalta e incomoda uma questão profunda: que raios de força é essa no meio dessa matéria toda que tem lutado e teimado dessa maneira, para que, para onde ela pensa que vai, onde ela quer chegar? Nenhum dos cientistas no vídeo respondem, pois ao contrario, a todo momento se fazem esta mesma pergunta. E para quem passou pelas escolas mais avançadas, do segundo grau para cima, e foi educado sob o bombardeio destas teorias e questões no vídeo, aquelas velhas respostas ofertadas pela imaginação sobre entidades e paraísos sobrenaturais a serem apenas alcançados depois da morte, isso já não nos serve mais de muletas psicológicas. Mas… vou sugerir uma maneira de dar o grande golpe da inteligencia, existe uma alternativa.

Os macacos na selva entendem mais de sobrevivência do que os homens brancos que caem nela, parece que eles tem sentidos, sensores, que captam coisas da natureza que nos perdemos na evolução quando criamos este ambiente artificial em que vivemos. Seja como for, no meio de macacos e reduzido fisicamente ao estado deles, me parece que a Natureza, enquanto me surrava sem piedade, sussurrava coisas aos meus ouvidos, segredos que ela não conta aos urbanos modernos, pois estes se afastaram dela. Dai eu trouxe da selva uma nova interpretação do mundo, na qual eu não acredito porque tenho o defeito de ser um cético radical inclusive desconfiando das minhas próprias produções, mas essa interpretação, verdadeira ou não, justamente nos fornece o elemento para estar melhor dentro das crises, pois ela reanima aquela força misteriosa que hoje, somos nos mesmos, lutando, tentando, apanhando, mais sempre teimosos, uma vontade inexplicável de ir em frente custe o que custar, mesmo que não saibamos o que existe la’ na frente. E dentro desta nova interpretação vem a sugestão do que é essa força, de onde ela veio, porque e para que ela esta aqui, e para onde ela esta se dirigindo. Ao menos, para mim ela sempre funciona e sou muito grato a isso. Por exemplo, mesmo sentindo os amigos a sentirem a falta de esperança e esperando dias piores, eu estou vibrando de energia querendo arregaçar as mangas e por para quebrar os laços desta crise e resolver isto custe o que custar. Mas nesse estado, por dentro, me sinto mentalmente muito bem. A ponto de desprezar as “selfies” dentro dos iates em cruzeiros e valorizar a simplicidade dos meios que me cercam agora, pois aqui vejo a vida viva tentando avançar, e la’ vejo a historia afirmando que a vida esta indo para sua morte. esperemos mais algumas dezenas de anos, as selfies terão se apagado e esquecidas pelo tempo, enquanto a vida aqui na simplicidade poderá estar ate dentro de incríveis naves espaciais conquistando o Universo. Podemos não ser nos em carne e osso dentro das naves, mas não se esqueça que somos nosso DNA, 3,8 bilhões de anos de idade, e nos como esse DNA estaremos dentro das naves, talvez ate com algo mais… com nossa própria e desconhecida alma de hoje.

Aquela força que emergiu de dentro daquele turbilhão de forças gigantescas causando maremotos e cobrindo a superfície do planeta de lavas incandescentes, depois degelando, depois queimando de novo, e ela ali resistindo e avançando, segundo a selva me sugeriu, nada mais era e é que simples partículas vindo de algo maior, muito, muito grande, muito forte. E aquelas partículas continuam aqui até hoje,  elas constituem a nos, pois comandam nosso DNA, que esta inclusive nos centros de nossos neurônios, e portanto se projetando na forma de nossa mente, de nossa consciência. Ao falar em consciência devo mencionar que a onda de luz geradora das partículas atua como se fosse duas coisas ao mesmo, como se fosse constituída de hardware e software, e como nos computadores os hardwares vão sendo ultrapassados e descartados para o lixo, o software sobrevive, evolui e entra nos novos hardwares, ou seja, então ele já’ conta no minimo com `13 bilhões de anos… e da sua evolução resulta o que hoje denominamos nossa “consciência”. mas isto e’ uma historia mais complicada, deixemo-la para outra ocasião.

Aquela força estava dentro de partículas chamadas fótons, resultantes da fragmentação de ondas de luz que atravessam este Universo. São partículas que resultam da propagação e fragmentação da onda de luz, mas partículas que lutam no meio da matéria tentando se reunirem e reconstruírem-se como a onda de luz e retornarem `a fonte de onde foi emitida essa onda de luz. Ai esta o segredo de sua existência, você é hoje um pacote maior e muito complexo que reúne muitas daquelas partículas e você, inconscientemente, esta’ indo onde as partículas querem ir. Elas devem ter lembrança da fonte para se comportarem com tal tenacidade, com tanto desejo e determinação atravessando os longos tempos cósmicos se necessário, então deixe-se levar, atravesse as crises com cabeça erguida, aguente tudo porque el vieram aguentando tudo e todas as armas e forças contrarias. Neste barco que é seu corpo existe o verdadeiro cruzeiro que não te leva `as selfies prenunciando a morte, mas sim a vida, a transcendência, a evolução, ao retorno a fonte que, apesar de misteriosa, desconhecida, deve ser o máximo e supremo objetivo, pois aquela força de 3,8 bilhões de anos atras tudo tem feito para a ela retornar. Mas agora faltam os detalhes mais explicativos do que é essa força e o que são, mais especificamente os tais “fotons”. Ora, hoje em nossos corpos eles se transcenderam para ‘biofotons” e dentro dos nossos corpos eles geram as suas networks mas por serem de luz original muito forte eles cegam inclusive as mais potentes lentes dos cientistas assim como o repentino farol alto de um carro nos cega a vista. Suas networks são formadas por fios tao tênues que são mais difíceis de ver e detectar que as sinapses que eles formam em nosso cérebros conectando nossos neurônios as quais já podem serem vistas com instrumentos científicos. os detalhes sobre eles são cada vez mais intrigantes, fenomenais, porem aqui não podemos descreve-los, apenas em meu website tem mais algumas informações.

Esta crise nos vai colocar em maior simplicidade ambiental do que a propaganda dos vendedores desejam nos colocar. Mas e’ justamente assim que um equilíbrio entre o nosso profundo mental eu e a superfície dos nosso corpo que toca o mundo externo encontra um equilíbrio que nos gera uma sensação de ótimo bem-estar, o qual não pode ser obtido nem no mais luxuosos ambiente produzido pela parafernália dos vendedores da morte. Esteja vivo, mantenha a fossa e tente leva-la a frente, custe o que custar, permaneças no tronco da arvore da evolução rumo `a fonte, e não se deixe cair no mundo das selfies que se constituem em galhos desprendidos do tronco sem outro destino senão o de se secar e se extinguir. E por falar nisso, vou já largar essa tela, arregaçar as mangas e ir la fora ver o que posso fazer para levar esta força `a frente, a qual esta fragmentada em bilhões de humanos tentando lutar, alguns precisando de minha ajuda, e a qual sou eu mesmo… E que venha o 2018, pois como aconteceu com os outros 3,8 bilhões anteriores, eu e minha força mais uma vez venceremos…

Link para o vídeo:

Mistérios da Ciência – Origem da Vida no Planeta Terra

A Natureza tricotando proteinas, que representam o dinheiro no sistema social

sexta-feira, dezembro 29th, 2017

xxxx

Texto postado no Facebook:

Em que estou pensando? Eu ja nasci bobo, sou bobo sempre, mas quando penso no que minha cabeca esta aprontando, fico mais bobo ainda. Como exemplo cito esta frase que minha cabeca acabou de produzir no ultimo artigo que estou escrevendo no meu website. Nunca ninguem disse tal coisa e ninguem na Terra vai entender bulhufas disso, mas, se isto for verdade, sera’ importante demais para entender o mundo e a existencia dos nossos corpos nele, porem, nao da’ para calcular em que alturas minha cabeca voa viajando:

Matrix/DNA: “Proteinas sao as ferramentas materiais de funcoes sistemicas universais organizadas biologicamente que executam a funcao do circuito sistemico total do sistema universal. No seu estado de sistemas astronomicos, este circuito e’ apenas um fluxo espiralado, um fio por onde passam toda energia/informacao do sistema. Com a diversidade propiciada pelo ambiente terrestre o unico fio foi multiplicado e pode ser tricotado, emaranhado de diferentes maneiras, como a artesa tricota o fio do novelo e cria diferentes “pontos” ou desenhos. E assim como a artesa produz o tecido que sera modelado num tipo de roupa, a natureza terrestre tricotou o fio que veio do ceu em diferentes tipos de tecidos que produzem os diferentes tipos de organismos.”

Que Deus seja louvado por tamanha sabedoria…

ou que o Acaso Absoluto seja excomungado por tamanha estropolia…

ou que eu ganhe na loteria por tamanha heresia…

`a crenca pseudo-cientifica da academia…

Se um academico ou cientista ler isso, vai logo se perguntar: ” Mas o que esse cara esta dizendo? Proteinas sao ferramentas materiais? Circuito sistemico? Sistema universal natural?! O que tem a ver proteinas com sistemas astronomicos? Fluxo espiralado? Proteinas? O que esse cara entende por proteina? Fio por onde passa energia/informacao? Tecido organico? Tricotando? Estara este cara tiricotando de febre? O que ele fumou? O fio veio do ceu? Ah… deve ser mais um desses alucinados filosofos da New Age, tudo bobagem…”

Pois e’. Fico imaginando a dificuldade que tiveram o Darwin para escrever os detalhes de um fenomeno que nunca ninguem pensou ou teve palavras para explicar antes, o Mendel para explicar a genetica que ele acabou de descobrir, ou Copernico para explicar um mundo em que a Terra saia do centro…

Para Galileo sair gritando de madrugada rua afora e segurando a ciroula que ele viu uma nova estrela no ceu e portanto o ceu nao e’ imutavel como a Biblia disse, foi facil. O dificil foi e esta sendo para os astronomos a cada dia criarem novas palavras, nomes, para as coisas novas que vao vendo e explicarem esse ceu mutavel pululando de eventos.

Esta esta’ sendo minha grande dificuldade agora, inventar palavras, expressoes, nomes, para tentar comunicar imagens, ideias, que existem apenas dentro da minha cabeca, que surgem das calculacoes dos meus modelos teoricos…

Porem, aqueles revolucionarios tiveram muita sorte porque o que eles imaginaram foi provado como de fato existente. Teve muita gente imaginando mais coisas que nao tiveram esta sorte, pois o que imaginaram nao foi provado existir. Daniken morreu frustrado sem provar que os e.ts. estiveram na Terra depois de passar a vida buscando evidencias e expondo-as num livro colossal. Sera que terei sorte ou serei da turma dos azarados? Seja como for, as criacoes intelectuais da nossa cabeca sao como filhos espirituais gerados, dos quais nao conseguimos nos afastar e cuidar e alimentar… Raios, eu tenho que arrumar recursos e uma maneira laboratorial pratica de comprovar a existencia dos biofotons e suas networks repetindo dentro de nossos corpos a formula universal da Matrix/DNA, para nao morrer mais bobo do que nasci… Senao vou ser o bobo da corte no ceu ou vou baguncar a vida do capeta no inferno…

O capeta vai dizer:

– ” Pelo amor de Deus, tirem esse cara daqui…” – ki ki ki…

E eu vou responder:

– ” Seo Capeta. Preciso voltar urgente a Terra. Acontece que as proteinas perfazem uma funcao da formula do sistema universal no sistema celular e depois no sistema-corpo humano. Quando os humanos criaram os sistemas sociais, (sem o saberem porque isso esta no instinto), o fizeram como uma copia da formula do sistema universal. Entao quando ainda estava na Terra eu me perguntava qual seria o elemento material no sistema social que estaria fazendo a funcao de proteinas. E agora me deu mais um chimelique no cocuruto – daqueles que abortam novas descobertas – e descobri: e’ o dinheiro! Money, seo Capeta, money! As proteinas providenciam tudo no corpo mas quando sao mal feitas produzem muitas doencas tambem, igual ao que faz o dinheiro no sistema social. Tenho que ir la’ por isso no meu livro…”

E o capeta:

– ” Oba! Tenho uns cientistas la’ comecando a produzirem proteinas artificiais. Voce quer dizer que quando introduzirem essas proteinas artificiais nos corpos dos humanos elas vao baguncar o sistema todo como faz o dinheiro falso? Ha-ha… meus homens la’ vao aprontar mais uma das minhas diabices…”

 

Governo Global Único: “O Livro”

quinta-feira, dezembro 21st, 2017

xxxx

Em que estou pensando? Que acabei de fazer mais uma daquelas grandes descobertas de jerico… A sociedade humana apenas seria perfeita se tivesse um governo global único, chamado… ” O Livro”. Nenhum humano no poder, apenas um Livro, o qual todos defenderiam ate com armas… pensei nisso agora quando li o discurso de um Rockfeller: ” Nos chamam de illuminatis, nos acusam, ao 1% mais rico. de conspirar-mos para derrubar todos os governos e instalar o governo global único. Se e’ disso que me acusam, sim, eu sou um conspirador e tenho orgulho dessa causa!”

Ai eu perguntaria a ele:

– ” Ok, você quer um governo unico. Porem um governo que aplicasse o seu sistema ideológico, um sistema dividido entre poucos ricos e muitos pobres trabalhando 30 anos no trabalho duro, enquanto os ricos ficam tomando “liqueur” na praia, com um tendo muitas terras e outros sem terra nenhuma, etc.. não e’?

-” Sim, o mundo e’ assim, sempre foi assim…”

– ” Não, o mundo não e’ assim, não ter que ser assim, e nunca foi assim antes dos humanos aparecerem aqui e antes dos seus ancestrais predadores criarem esse sistema porco que ai esta. Eu tambem quero um único governo porem antes tem que passar o trator e desmanchar tudo o que esta ai, fazendo tudo de novo e muito diferente. Basta imaginar um mundo onde todos serão iguais, escrever as regras que a gente vê nesse mundo, por tudo num livro, e o Livro sera o governo único…”

Mas essa ideia genial de jerico não veio de graça. Eu estava estudando a minha formula universal para sistemas naturais, onde um fator interessante ‘e que, apesar de não ter um líder comandante, o sistema tem um conjunto de regras que atua sobre todas suas partes, mantendo o equilíbrio termodinâmico, a homeostase, a longa sobrevivência, etc. Quer dizer, o sistema perfeito e’ governado por uma entidade abstrata que ele mesmo cria. Para um sistema social humano perfeito, estão entidade comandante abstrata seria um livro… Afinal não tem uns livros de ficção e lendas escritos a milhares de anos que continuam a dominar a mente de muitos humanos?

 

Mensagem da Matrix/DNA em Dezembro de 2017

segunda-feira, dezembro 18th, 2017

xxxxx

Inicialmente escrita no facebook em:

https://www.facebook.com/TheMatrixDNA

Uma das grandes desvantagens do tipo de sonhos que você criou para si próprio(a) e’ que ele te faz ficar demasiadamente pesado(a) e esse peso vai te absorvendo por completo. Você quer uma casa só para ti e isso e’ um grande peso a sustentar, e não sendo rico(a), são mais horas obrigadas a suportar o trabalho árduo não-voluntário, portanto, escravo. Você quer um carro só para ti, sua ambição por mais e mais objetos não se sacia nunca, e assim a carga vai se tornando cada vez mais pesada, e tens que sustenta-la. Assim você vai cada vez mais se colapsando internamente para dentro do seu ego, individualismo e torna-se totalmente inútil para quem precisar algo de ti, mesmo que seja um minuto de companhia, pois nunca terás tempo para o que não produza o dinheiro que cada vez mais necessitas. Quem está apanhado nessa arapuca não o percebe, porém, quem como eu, tento escapar dela, quero cada vez ser mais leve, me despojando o mais possível de toda a parafernália de objetos, evitando cada vez mais assumir compromissos financeiros com coisas materiais que exijam minha atenção e tempo, e `a medida que isso vai crescendo vou me exteriorizando, cada vez mais procurando compromissos sociais, para satisfações além do meu umbigo. cada um vive como quer e não sou eu – um reles cego que nada sabe – que vou dar pitecos diretos na vida de outros, mas nada me impede de na minha pagina divulgar o bem que vou descobrindo para mim. Estou muito melhor agora do que quando vivia como a maioria e tinha o mesmo tipo de sonho. Uma sociedade humana onde o patrimônio fosse social ao invés de individual, seria muito mais inteligente. Para que estamos escravizando milhões de irmãos chineses que passam 12 horas a dois dólares para fabricarem 8 bilhões de tesouras porque cada humano quer a sua tesoura só para si? Para ficar a maior parte de tempo na gaveta encostada? Porque cada casa tem que ter dúzias de garfos, colheres, onde muitas vezes têm duas ou três pessoas, para ficar inúteis na gaveta? Quanto material virgem da terra está sendo retirado, queimado, poluindo, para fazer estas tesouras, colheres, inúteis? Mas claro, para tal sociedade seria antes necessário `as pessoas entenderem que não deve haver “sistema social”. Onde tem sistema tem choro e ranger de dentes, ate’ mesmo entre átomos e galáxias. Sistemas implicam na necessidade de hierarquias, dominantes e dominados, líderes e liderados, predadores e presas. Ao criar sistemas sociais não tem como escapar de faze-los ou capitalista, ou comunista, ou monarquista, ou seja, tudo errado se nossa meta e’ a felicidade igual para todos os irmãos e irmãs em espécie. Mas um convivência entre humanos sem sistema e’ necessário que cada um seja educado numa diferente interpretação do mundo, diferente de todas ate agora conhecidas por vocês. Uma interpretação mostrando a realidade: a Natureza, aqui e agora, esta investindo tudo numa meta evolutiva – a gestação, nutrição e desenvolvimento do embrião de consciência que está separado em 8 bilhões de porções sendo carregadas em cada cabeça humana. Portanto somos 8 bilhões de genes semi-conscientes trabalhando para construir este embrião que ainda nem abriu seus próprios olhos de ver seu corpo e de qual substância e’ feito. Oito bilhões de informações únicas, específicas, 8 bilhões de missões naturais e quem sabe, divinas, todas mortalmente necessárias, pois se uma apenas for prejudicada em sua vida, em sua missão, o embrião que conterá todos nos em uma só vida, nascera com algum aleijão. Por acreditar nisso que procuro desviar as satisfações supérfluas de mim, que se me tornam um peso, para investir-me o mais possível na missão da espécie. As 8 bilhões de tesouras, de garfos de carros de mansões, não vão trazer a felicidade a todos porque a natureza sugada será estéril e não mais poderá suportar a vida aqui, tornando os dias das nossas queridas futuras gerações em verdadeiros martírios. Mas, como eu disse, sou ainda tão cego que não consigo ver nada do que e’ iluminado e revelado nas outras seis faixas da luz do espectro eletromagnético, sou tão insensível ainda que não consigo captar mais que os poucos objetos organizados nesta minima faixa de vibração da matéria, e meu cérebro e’ tão pequenino que jamais conseguiria processar as informações da verdade dessa imensidão cósmica, portanto, nunca me ouças, nunca se deixe impressionar pelas narrativas de meu sonho. Apenas queria por último acrescentar mais algo do que penso e talvez não tenhas percebido. La’ fora existem humanos ainda com fortes instintos para grandes predadores. Leões possuem caninos para devorar presas, precisam dominar vastos territórios, precisam de um sistema social onde se garantam pela hierarquia, para manter sob controle os lobos e raposas, e tudo isso para manter as ovelhas trabalhando o máximo possível transformando o pasto em suculenta carne. Você está sendo obrigado a cada vez mais trabalhar para instalar pesos num território que na verdade não e’ seu. Você está sendo instigado a cada vez mais exigir trabalho dos escravos. Mas para quem, na verdade, você está existindo? Porém, mesmo que você concordasse comigo que estas desviado da sua verdadeira felicidade, entenderias que nada podes mudar porque o mundo e’ assim, contra a força maior não tem como reagir, tu não es culpado da existência de predadores e escravos…etc. Mas quando dizes que o mundo e’ assim, e eu digo que não, não e’ assim, o mundo quer que você seja um gene trabalhando sua missão universal, que você evolua a porco de consciência que carregas em ti, e que o mundo ao qual você se refere não e’ o mundo real feito pela natureza, mas sim feito por humanos, e humanos com instinto predador – nós estamos em caminhos separados. No entanto, tu não me magoas, pois sei que sou um cego a não enxergar onde vai dar o meu caminho, portanto prefiro que sigas o teu, se isto tem faz sentir melhor. Apenas saiba que se as coisas se complicarem aí, porque a Natureza comece reclamar e reagir demais, enquanto por aqui as coisas não estejam tão complicadas, as portas do meu caminho estarão sempre abertas para ti… não para seguires atrás de mim, não para seres prisioneiro(a) no caminho de outros, mas lado a lado, pois aqui neste caminho não existem líderes, aqui ninguém e’ mais que eu, e que a minha atual temporária visão do mundo… Deixo `a sua disposição o mapa para encontrar o caminho que sigo, o qual pode ser visto na homepage do meu website.

Mas saindo da filosofia e retornando ao mundo real aqui e agora, então o que deveria procurar aquele que não quer ser nem muito pesado e nem muito leve? Simples: comece a procurar maneiras de convidar a família, os vizinhos, ao amigos da cidade, do mundo, a constituírem unidades de consumo conjunto e produção dos artigos básicos que consomem, criando as tais sociedades anonimas. Dependendo do numero de convites aceitos, ate vinte reais da para começar alguma coisa, e depois, o progresso pode continuar movido por este impulso inicial. Simples assim. Boicote seus predadores, estenda os limites da sua família nuclear para a amplitude daquela família universal onde ” todas as mães são minhas mães, todos irmãos são meus irmãos…”, mas famílias que tem uma meta real, concreta, que se torne uma força cada vez mais poderosa.

Vou lhe contar um segredo. Tenho um amigo, do coração, pois me salvou a vida uma vez e sempre me convida para sua casa, portanto, sempre procurarei retribuir como um irmão. Acontece que ele e’ muito rico, eu, muito pobre. Porém, acontece também que nunca tenho vontade de usar o que ele tem, nem mesmo o seu precioso tempo, eu já’ não consigo usar tudo do pouco que tenho. E acontece que quase todos os dias ele está me chamando a sua casa, e eu muitas vezes impossibilitado de ir, pois tenho muito trabalho a fazer. Acontece que ele vive só, e tem desconfiança dos velhos vizinhos, a de que querem dele apenas usarem o que ele tem. Não aguenta ler um livro, não gosta de televisão, de nenhum assunto intelectual, apenas rememorar todos os dias as mesmas histórias onde ele venceu uma competição no ramo dos negócios, ou quando uma situação tendeu a violência e ele ainda venceu. E sinto pena ao vê-lo sempre estressado, triste, irritado. Então de que adiantou o grande patrimônio individual separado? Sinto muito confessar, mas me vejo em melhor situação que ele, mesmo sem grande patrimônio material, porem com meu patrimônio mental a me proporcionar orgasmos fantástico a cada momento que aprendo mais e mais coisas novas vou descobrindo… Eu não tenho histórias de vitórias em competições, sempre fui um perdedor, e mesmo que eu intimamente soubesse como ganhar um caso, optei por empatar, e satisfazer a minha consciência. não sou o espelho da verdade em que alguém deva se mirar, apenas relato uma realidade para que se despertem a questionarem o que estão fazendo…, quero idosos felizes e não tristes. Não quero ser o espelho porque ainda não sei como será o dia do amanhã, onde talvez o meu estado de perdedor possa me custar caro, e para ele, seu estado de vencedor, pode pagar e lhe proporcionar tempo melhor. Ate agora me “parece” que a Natureza tem conspirado a meu favor, fazem 40 anos que não preciso tomar um comprimido nem para uma ressaca, sinto-me sempre com vibrante energia, mas isso não e’ suficiente para eu dar conselhos, pois também observo que a Natureza parece ter conspirado para o lado dos predadores. Quem sabe para onde a Natureza- que e’ este inteiro Universo – esta’ indo? Acho que nem Ela mesmo o saiba…

As estrelas são nossas ancestrais, como o são as bactérias, que ainda existem aos milhões prestando trabalho a nós dentro dos nossos corpos… As estrelas tiveram uma vida ditada pela Natureza, cumpriram sua missão, chegaram ao seu final quando produziram os elementos que hoje constituem os nossos corpos. Assim não apenas transferiram para nos as partes de seus corpos, mas também a sua alma, na forma do ancestral do DNA, e hoje, plantadas la’ no céu nos miram esperançosas, torcendo por nos, para que continuemos a carregar suas almas rumo ao supremo destino. Além disso elas fizeram as estruturas da nossa morada, ela nos cedeu o seu rebento, e hoje a nossa estrela mais perto e’ como a mãe atarefada em alimentar seu rebento com seu néctar luminoso e mante-lo protegido dentro das suas amplas asas gravitacionais. Assim também estou torcendo para que sejas iluminado(a) a seguir o caminho mais sábio, seja o seu ou qualquer outro, pois sinto que a minha alma apenas se realizará na sua plenitude se você cumprir a sua grande missão. Então,… muitas boas sortes…

Certa vez a Natureza não favoreceu o caminho do grande dono do território e sim o caminho da sua pequena presa. Ela castigou e destruiu o grande dinossauro, enquanto voltou-se no tempo e contraiu o espaço para focalizar o pequeno e desajeitado cianodonte, quando então sobre ele Ela aplicou toda sua força, todos os recursos da sua evolução, e o fez transcender-se para a forma de mamífero que seria a vitoriosa a herdar a Terra. E parece que não foi apenas daquela vez. Para que destino estão indo os grandes reis da selva, os leões. as anacondas, os gorilas? E quanto aos grandes reis dos mares, como as baleias, os tubarões? Mas e quanto aos grandes reis dos ares, como a águia, o condor? Tens visto muitos deles em algum lugar? Mas apesar da rainha não querer que saiba deste seu vergonhosos segredo, as pequenas lagartixas ainda do tempo dos dinossauros continuam em grande numero nas selvas, inclusive saltitando no teto do palácio londrino da rainha, para o desespero dela. Portanto, a tendencia da Natureza – para que lado ela tende e conspira – e’ imperscrutável, não tem como saber. Estou desconfiado que – pelo menos aqui nestas perdidas regiões do Universo – ela fica balançando entre as duas opções. Pois ela conspirou e favoreceu meu amigo ate nossa meia idade, enquanto ela me foi dura, me testou de todas as maneiras. Mas depois da meia idade – e se o nível de satisfação na vida e’ o que vale – ela mudou, a meu favor, e contra o caminho dele. Então seria este o segredo? Penso que ainda não, pois observo que existem muitos como o presidente Trump, o presidente Temer, etc., que nasceram ricos, favorecidos, e na velhice continuam a ganhar. Então, sinto muito, mais uma vez a minha ignorância em nada pode lhe ajudar. Talvez estejamos sós e abandonados quando temos que decidir isso, então, apenas nos resta consultar a nossa intuição. O que me leva a concluir que preciso trabalhar mais nos estudos sobre esta Natureza, preciso conhecer mais dela, enquanto o meu amigo rico nem sequer pensa nestas coisas, não tem estes problemas a ocupar-lhe a vida. Quem está melhor, quem finalmente venceu mais? Quando comparo nos dois, logo digo que estou melhor, eu não suportaria estar no seu lugar. Mas tenho certeza que se perguntarem a ele, ele dirá que ele está muito melhor, não suportaria estar em meu lugar. Engraçado, não? Se você tiver alguma evidência melhor, por favor, me ensine.

Oh… me desculpe, mas preciso de mais umas linhas ainda, se e’ que alguém conseguiu me ler ate aqui. Acho que encontrei a grande solução final. O ideal seria o indivíduo que tivesse ambos, o patrimônio real, material do meu amigo, e o patrimônio tangível, talvez abstrato, no nível mental, que acredito ter. tal indivíduo estaria super-atarefado mas muito feliz podendo desenvolver os projetos sociais que tenho em mente e não posso faze-los. Raios, acho que acabei de definir um casal: Bill e Melinda Gates? Então a Natureza também tende para esta terceira opção? Vou já me empenhar em tentar desvendar quais as forças e elementos que Ela emprega nesta opção, para agarrar-me a ela com unhas e dentes, e se descobrir, prometo que lhe aviso.

Ate já’ vislumbro o ponto de partida nesta nova pesquisa. As ondas de luz universal, invisível, formadas pelas irradiações das sete faixas eletromagnéticas, contém todas as partes de um sistema completo, mas elas não se configuram como sistema, por dois motivos. Primeiro porque suas extremidades inicial e final não estão ligadas entre si, não formando um corpo fechado; segundo porque elas são atravessadas pelos raios de uma infinidade de outras ondas, e ao mesmo tempo, ela está muito difusa porque ela mesmo atravessa outra infinidade de ondas convergentes. Opa…. Já comecei a descobrir algo muito curioso: a explicação do porque alguns homens conseguem criar gigantescas companhias. Ser difuso em si mesmo significa não ser egocêntrico, individualista, puxando tudo que tem valor para si, e sim, tentando entrar na vida dos outros, o que implica que para isso tem-se que conhecer mais e mais dos outros, a desenvolver o dom da empatia. E’ o movimento natural conhecido como “força centrífuga”, uma fuga do seu centro, em contraposição `a forca contraria, centrípeta. Mas para alguém ser assim, e’ preciso que ele tenha uma terceira meta, suprema, algo que transcenda tanto a ele como os outros a quem ele tenta conhecer. Assim como eu tento fazer no meu website criando a categoria chamada ” a Grande Causa Transcendental da Humanidade”, a qual me surgiu depois que penso ter descoberto aquelas figuras do ” O Código Cósmico Humano e a Formula da Matrix/DNA”. Ora, mas não e’ justamente isso que indivíduos como Henry Ford, Bill Gates, Steve Jobs, etc., fizeram ao criarem a Ford, a Microsoft, a Apple? Estas companhias, algo em que investiram suas vidas e todas suas energias, foram a meta transcendental em que acreditaram. Fizeram exatamente e justamente imitar, reproduzir, o que existe no mundo da luz! Alguém vai logo contestar dizendo que a natureza não poderia apoiar essas companhias multinacionais que muitas vezes prejudicam principalmente os povos do terceiro mundo, e tal. Certo, mas também sei que muitos dos grandes iluminados que fundaram novas filosofias saudáveis com toda boa intenção, foram deturpados e traídos pelos seus discípulos que não tinham a mesma grandeza de intenção e desviaram as filosofias para religiões e ideologias. A culpa pode não ser do Gates, do Ford, e sim de quem assumiu a sua direcao depois deles.

Ponto final, papo encerrado, as ondas de luz universais venceram: vou agora tentar modelar o meu caminho tando esta nova intuição em mente. Abraços…

 

Einstein na praia, mas sempre com o olhar no firmamento

segunda-feira, novembro 6th, 2017

xxxx

A maioria dos humanos estão sempre com suas mentes focalizadas no ambiente imediato, captando cada detalhe. E uma minoria cujas mentes estão sempre pensando nos invisíveis mais amplos horizontes, seja no micro ou no macrocosmos. Nesta foto temos exemplares dos dois casos. Enquanto os olhos do interlocutor se concentram na figura imediata do vizinho, os olhos de Einstein se desviam do interlocutor e das coisas da praia prescrutando o firmamento, talvez pensando no fenômeno da luz que na praia é mais forte. Os dois casos pecam por extremismos, o ideal seriam mentes meio a meio. Se concentrar apenas no imediato, torna-se esta moderna louca caravana em correria circulando no imediato sem um conhecimento elevado para guia-la em seus caminhos. Se concentrar apenas no longínquo pode não sobreviver ao imediato e produzir teorias supérfluas. Porem, tem sido a mente nos horizontes longínquos que tem movido os saltos evolutivos da humanidade. pensando assim, eu tenho feito no máximo possível a divisão meio-a-meio: 8 horas por dia envolvido exclusivamente nas lides imediatas da sobrevivência e 8 horas envolvido exclusivamente na busca de conhecimentos sobre os invisíveis. Ou 6 meses por ano trabalhando duro para pagar as contas e seis meses trabalhando duro para evoluir a mente. Quando retorno a minha cidade de infância e vejo os mesmos moradores agora idosos como eu, e procuro trocar informações com eles, sinto no intimo que eu fiz o mais certo. Eu seria muito infeliz se na velhice estivesse como os vejo.  Mas como eles não sabem e nem imaginam o que existe na minha mente, talvez eles sejam felizes com sua maior posse e segurança material. Enfim, cada ser representa uma possibilidade do Universo, e quando tem liberdade para escolher executar a sua possibilidade, ele esta’ em seu elemento. Infelizes serão os que não podem escolher e exercer sua vocação.

Mas seja qual for a vocação, ainda prefiro e aconselho o meio-a-meio. Pois o Universo que captamos com este pequeno cérebro, tem estas possibilidades que captamos, mas com certeza este Universo não é a totalidade da existência e do mundo, portanto, alem deste imediato Universo – e talvez bem aqui ao nosso lado, influenciando ocultamente nossas existências – existam as outras seis dimensões da luz alem da nossa luz visível, e com muito mais possibilidades. Alem disso, as experiencia tem ensinado que perante a universal dualidade das alternativas, sempre a sabedoria esteve na alternativa do meio. E alem disso, todas as especies que cresceram em tamanho e força material, mas se moveram sem um guia alem do seu horizonte imediato, foram extintas ou estão em processo de extinção.

88

Mantendo a suspeita racional `a minha teoria

domingo, novembro 5th, 2017

xxxxx

Foto de Elizabeth Cardoso Damballah Jacu Cool.

Alerta: para sua saúde, veja quantos quarks voce tem que comer por dia!

sábado, outubro 28th, 2017

Pergunta para filosofar neste final de semana:

Sabendo-se que:

Neurônios do seu cérebro são imóveis, plantados como árvores. E como árvores, eles tem raízes penetradas na massa cinzenta e galhos que ficam fora para fazerem as sinapses, contactos com seus vizinhos neurônios. Ao lado de cada neurônio passa o rio vermelho de sangue e os fluxos de ar da nossa respiração. Então quando vem o fluxo de ar eles capturam um átomo de oxigênio e o comem. Mas os átomos de oxigênio não devem ficar inteiros dentro do corpo dos neurônios. Estes devem ter um tipo de estomago rudimentar com ácidos que quebram o átomo, retira o nutriente e expulsa o que não é nutriente. Mas oxigênio tem partículas – prótons, nêutrons e elétrons, 8 de cada. Por certo o neurônio se alimenta de um tipo destas partículas apenas, no máximo dois. Qual será a partícula descartada e qual a absorvida? Próton, elétron, ou nêutron? Mas não se esqueça que estas três são as super-partículas, formadas de partículas menores, elementares, como quarks, leptons, bosons, e sei mais lá o que. O neurônio tem que distribuir nutrientes entre os órgãos de seu corpo, que são os ribossomos, as mitocôndrias, lisossomos, etc. Então cada organela destas repetem o que fazem os neurônios a que pertencem: ficam plantadas esperando entrar no neurônio e passar por elas as partículas, das quais elas agarram e comem a que lhes apetece. Mas estas organelas são compostas de átomos. Que ficam plantados como ficam os neurônios e a organela a que pertencem. De quais partículas se alimentam os átomos? Ora, da mesma forma que humanos não comem figados inteiros, nem corações inteiros, e não vão juntando mais estômagos e corações dentro de seus corpos, assim também neurônios não comem organelas inteiras, e portanto, átomos, qe tem órgãos as super-partículas, não podem comer prótons, elétrons, nêutrons. Eles devem se alimentar das partículas elementares, como os quarks. Enfim, você percebeu que para a saúde de seu cérebro, você precisa comer quarks. Pergunto: para manter felizes e saudáveis os trilhões de átomos do nosso corpo, os bilhões de neurônios do nosso cérebro, e mais as bilhões de células bacterianas que não nos pertencem, são “pessoinhas” diferentes de nos, porem dependentes do ecossistema que somos por dentro, como a ciência nutricionista está orientando pessoas sobre quantos quarks se precisa comer por dia? Hein? Hein?… Ah… e tem mais: nesta historia de um sistema dentro de outro toda vez lá para baixo que não termina mais – é o sistema corpo humano que dentro está o sistema celular que dentro está o sistema átomo que dentro está o sistema super-partícula… – ainda tem outro elemento dentro do cérebro esperando nutrientes. E’ a mente,… a poderosa. Desconfio que esta não se alimenta de nada que ingerimos na respiração e na alimentação. Então do que ela depende para se alimentar, crescer, evoluir? Ora, coisas abstratas se alimentam de coisas abstratas, então vamos chutar que ela se alimenta de “informação”. Mas existem as informações toxicas ( como melhor roubar a energia dos empregados), as informações inúteis ( se concentrar apenas na busca de informação do mercado de momento para ganhar mais dinheiro são mentes que um dia estarão totalmente obsoletas como estão os espíritos daqueles que a mil anos atras se especializaram no mercado que era chamado de escambo. Você está sabendo que nos bastidores do mercado esta ocorrendo uma agitação dos diabos pois os países do BRIC liderados pela China querem derrubar o dollar como moeda internacional e tem a invenção da nova moeda, a bitcoin, que já está no montante de 100 bilhões de dólares, correndo oculta no mercado? Vai mudar tudo e quero ver o que vão fazer com seu conhecimento este monte de gente especuladora que só adquiriram informações sobre este mercado que não vai existir mais… Li um artigo ontem dizendo que no rancho do Bush no Texas estão reunidos os Rothichilds, a mafia dos Kazarians, os Rockfellers, o cardeal do banco do Vaticano, os aristocratas brasileiros patroes do Temer, etc., todos os iluminatis, desesperados pois vão lhes tirar o Federal Reserve Bank que imprime o dólar e vão quebrar… apesar de que este tipo de noticia pode ser falsa, mas…),  e existem as informações nutritivas para a mente. Quais seriam estas? Um tipo delas tenho certeza: informações sobre todo tipo de fenômeno e evento natural, o que significa transferir a Natureza toda para dentro da mente que assim pode crescer do tamanho do universo natural ( na minha teoria, o que carrega informações da Natureza são os fótons de luz que vem dentro dos elétrons, e como não enxergamos a luz dos fótons também não enxergamos nossa mente que e’ feita com estas partículas da luz… não existem fótons registrando informações dos boatos das fofocas da vida da vizinha, dos jogos de futebol, das novelas, do valor das acoes do mercado, ou do bumbum da Rita Cadilack ( mas, raios, quando eu vejo aquilo não consigo segurar os neurônios no cérebro e descem para a cabeça do pipi e só fica um neurônio funcionando no cérebro, fazer o que?)… por isso o povão pobre e rico não evolui mentalmente). Então, esta pergunta trata de muitas informações e questões sobre a Natureza, por isso estou fazendo minha boa ação neste final de semana. Mas não me esqueci: quantos quaisquéis, quero dizer, quarks, você deve comer hoje? Nenhuma nutricionista sabe? Ora, que Ciência mais atrasada! Por meu lado estou sabendo que cerveja tem muitos quarks por isso estou já sei o que vou fazer neste final de semana… iak iak…

Matrix/DNA Website: 10 Anos Caminhando Lado a Lado com a Ciencia (2008-2018)

segunda-feira, outubro 9th, 2017

xxxx

Matrix/DNA Website: 10 Anos Caminhando com a Ciencia

Matrix/DNA Website: 10 Anos Caminhando com a Ciencia (2008-2018)

E milhoes de visitantes agora sabem da nossa existencia. Uma nova visao do mundo, um novo e sublime significado para nossa existencia, uma mensagem de uniao inteligente, o sonho de deixar aos jovens um mundo melhor do que recebemos, uma instropeccao para testar sua correcao, uma luta por espaco, porque as visoes ocupando espacos nao deram certo…

Um Hino as potencias do homem, da mulher, do jovem, da crianca,… um brado retumbante:

“Voce pode! Nos Podemos! Vamos la’…”

O CRISPR e a ética moral numa Ciência ideológica

quarta-feira, setembro 27th, 2017

xxxx

Re-escrevendo o Código da Vida

https://www.newyorker.com/magazine/2017/01/02/rewriting-the-code-of-life

Uma ameaça séria que paira sobre a humanidade e somente a Matrix/DNA pode perceber. Nos temos o poder e talvez vamos fazer o paraíso ajardinado humano na Terra, porém ele poderá ser nosso inferno.

O Cientista personagem deste artigo, Kevin Elvest, é um militante aguerrido da crença que a nova técnica genética – CRISPR… – pode mudar, manipular o DNA de todos os seres vivos, eliminando os defeitos atuais que causam doenças e produzindo super-homens. Para convencer a sociedade a deixá-los avançar na técnica ele tem corrido o mundo em palestras. Porem, ele tem um problema. Esta firme na crença de que os defeitos se devem `a evolução que funciona a partir de mutações ao acaso e terminando com a seleção natural, o que transforma as espécies em novas espécies ou formas.

Ora, esta crença baseada numa teoria sem provas cientificas ( a de que as causas destas mutações são sempre o acaso), em um cientista, apenas se gerou e se mantem devido a profunda visão de mundo, que é o materialismo niilista, oriundo da crença no… NADA. Do qual também não tem provas cientificas. Então o Sr. Elvest quer fazer a raça perfeita de humanos, animais e plantas, criando um paraíso automático, eterno, bom para a especie humana, ou melhor, segundo o que ele acredita. Pode ser que ele esteja certo na sua teoria dos acasos, do nada, e se assim for, uma paraíso mecanizado no seu funcionamento e adornado com jardins seria realmente o ideal. O pior que poderia acontecer aqui seria a concretização das profecias de Huxley e Orwel , onde esta humanidade viveria o Admirável Mundo Novo sob o governo do Big Brother. Isto ameaça a consciência de parar de evoluir, todo mundo seria estupido pois neste paraíso mecânico até o Líder torna-se escravo, basta ver que insetos como abelhas e formigas já formaram este tipo de sociedade e na verdade a rainha não tem livre-arbítrio, ela é uma escrava do próprio sistema, o qual parou de evoluir. Mas a humanidade estaria sorridente, saudável, bem alimentada e confortada, muito melhor do que 90 % da humanidade está hoje.

Porem,… e se o Senhor Elvest estiver errado em suas crenças e teorias? Obviamente a Natureza iria estrebuchar e destruir nossa civilização, pois suas forças e elementos estariam indo em outra direcao.

O problema da crença nas mutações por acaso como ponto de partida desta teoria, e que portanto torna a teoria toda um produto do acaso, é que não existe como a Ciência comprova-la. Supomos que realizemos experimentos onde consigamos construir uma exata replica das condições anteriores do mundo antes das origens da vida e dessas condições surgissem uma forma de vida igual a nossa. Ora isto não seria acaso, pois um acaso jamais se repetiria. Se ele se repetir, é um acontecimento natural normal, talvez uma lei natural e não mais acaso. Poder-se – ia alegar que não se trata de acaso a origem da vida, uma vez que se formaram aquelas condições, ela sempre surgira. Então o acaso estaria nas condições anteriores antigas que produziu aquelas condições anteriores imediatas. Novamente, vamos ao mais antigo, conseguimos uma replica que funciona… e o problema seria adiado para condições anteriores mais antigas ainda. Nunca será provado pelas Ciências, e quem de fato ama e tem esperança que a Ciência seja a tradução do mundo natural para o conhecimento e controle do homem, esconderia esta terrível hipótese do acaso, pois ela num ponto futuro seria a morte da Ciência. O acaso, assim como a magia, como geradora de crenças de causalidade, acontece quando ignoramos as reais causas. E quem sabe quais reais causas por trás destas mutações estariam sendo provocadas por uma das seis faces deste Universo que nos ignoramos? Certamente isto está acontecendo.

O ser humano ainda é quase cego e insensível porque apenas consegue ver a parte do mundo que é iluminada por apenas uma das sete faixas da onda de luz e apenas percebe com seus sentidos a matéria formada por uma das sete intensidades de vibrações do espectro electromagnético. Acreditar em qualquer visão de mundo imaginada agora por este cérebro tao incapaz é loucura irracional.

A evolução sugere claramente que ela não terminou, portanto a forma humana é apenas provisoria, ela deverá mudar para uma forma transcendente, talvez mais energia e consciência que massa e instintos. Quem tentar bloquear ou interromper esta caminhada da Natureza será por ela atropelado e eliminado. O paraíso do Sr. Elvest – um humano com um cérebro incapaz de processar as informações totais do mundo total – certamente será esta tentativa de bloqueio desejando eternizar uma forma evolutiva provisoria.

Porem, não será por isso que iremos nos contrapor ao objetivo de sua pregação. Claro que precisamos eliminar as doenças e se possível, conseguir um corpo mais poderoso. Claro que queremos todas as acomodações possíveis nesta biosfera. Portanto o temos a fazer é apoiar o Sr. Elvest na sua intenção porem critica-lo energeticamente na sua ideologia fundamentalista. Ou, se for o caso dos engenheiros genéticos chegarem ao ponto de terem trocado 95% do genoma de qualquer especie – principalmente da humana – impedi-los veementemente de trocarem os restantes 5%. Tem-se que manter a natureza da vida e seu desígnio no DNA, apenas a natureza transformará uma especie para a forma que vai se encaixar na forma que a natureza está se tornando naquele ambiente. Nos nunca poderemos prever qual será a próxima forma da natureza, por isso nunca poderíamos transformar a forma humana para a forma transcendente que sobreviverá. Temos que combater a crença arraigada do Sr. Elvis, mostrar-lhe, lembrar-lhe que ele não está se comportando como bom cientista quando apregoa com firmeza a sua visão de mundo niilista como faz neste artigo, uma visão fundada na fé e não em fatos provados cientificamente.

Existem outros modelos de mundo como possibilidades, captados por outros seres humanos. Um deles e o meu preferido porque penso ser o mais racional e “cientifico” – mas nem por isso acreditado como a verdade ultima – está sugerindo um desígnio da Natureza que faria o Sr Elvest dirigir a tecnologia poderosa genética com um freio e ao mesmo tempo, para fora do falso paraíso. Ele sugere que somos 8 bilhões de genes semi-conscientes construindo um feto de auto-consciência, e a Terra modelada como a melhor placenta para acomodar e nutrir a próxima forma transcendente deste feto, que será o embrião de consciência, deve ser a nossa meta. E ainda assim com um pé no freio enquanto prescrutamos a Natureza, em busca de algum indicio que nos informe em que ela estará transformando este planeta.