Archive for the ‘Filosofia’ Category

Alan Sokal e o descarrilamento da Ciencia do seculo XX

sexta-feira, junho 16th, 2017

xxxx

https://universoracionalista.org/alan-sokal-o-pior-inimigo-da-ciencia-nao-e-deus-sao-os-politicos-e-a-propaganda/

Alan Sokal: “O pior inimigo da Ciência não é Deus; são os políticos e a propaganda”

Sokal demonstra arrogancia quando afirma porque acredita que as Ciencias Humanas seja o metodo correto na busca do conhecimento. Entao ele diz: ” As ciências usam as observações, os experimentos e a reflexão racional sobre dados empíricos, métodos que os seres humanos devem usar para chegar a um conhecimento confiável.”

Ocorre que a Ciencia Humana nunca agiu assim. Ela sempre foi antromorfizada e dirigida por ideologias e interesses monetarios e poder. Por exemplo, existem algumas experiencias e observacoes que servem como fatos empiricos confiaveis para induzirem a reflexao racional a concluir que existe evolucao biologica, ao contrario da crenca de que algum deus magico teria criado as especies prontas. Por outro lado outros tantos fatos conduzem a reflexao racional a concluir que houve ou ainda exista a evolucao cosmologica ( desde as particulas para atomos para galaxias).

Pois bem: se houve evolucaoo desde o ano zero (Big Bang) ate’ a completa formacao dos sistemas astronomicos `a 10 bilhoes de anos atras, e a seguir houve a evolucao biologica nos ultimos 3,5 bilhoes de anos, o que deve a reflexao raxional concluir? Que existe uma evolucao unica iuniversal. Claro.
No entanto, e nunca vou entender o porque, separaram as duas evolucoes de maneira que o ultimo topo da evolucao cosmologica nao pode ser o ancestral direto do primeiro ser biologico. Quebraram a evolucao universal em dois blocos sem nenhuma conexao entre si, e no vazio do meio, deu no que deu, criaram uma mistica, tal como fizeram as religioes. A mistica do Deus Acaso magico Absoluto. Capaz de criar humanos e auto-consciencia a partir de uma material insossa, disforme, estupida, de um pequeno planeta perdido na imensidao cosmica.

Claro que a reflexao racional saiu voandop pela janela  nesse caso. Entao inventaram um acaso construtor da extraordinaria engenharia que vemos perante nossos olhos aqui, e continuaram baseando-se nessa mistica para inventor a forca basilar da evolucao que sempre comecaria por uma mutacao ao acaso.
bastou-me manter a reflexao racional para descobrir que o modelo teoorico astronomico esta errado e por isso a busca pelo processo da origem da vida esta’ emperrada no item ” condicoes iniciais”. Nos ultimos dias alegam que ainda nao chegaram la’ somente porque ainda nao descobriram qual era o estado do mundo quando a vida apareceu, ou seja, as tais condicoes iniciais. Com os meus modelos astronomicos ( claro, tambem teoricos) a concepcao do mundo tomou outro rumo, as duas evolucoes tornaram-se uma unica e as premissas para a evolucao biologica foram encontradas no ultimo topo da evolucao cosmologica. inclusive encontramos o elo evolucionario entre uma galaxia e um primeiro ser vivo, ou seja, um sistema celular completo e functional.

Entao vem a pior consequencia deste comportamento ideologico insano que tanto esta prejudicando a maioria dos humanos que pode nos levar a total extincao. A visao de mundo errada e’ financiada e apenas experiencias ditadas por essa visao sao feitas. As doencas milenares continuam sem solucao e matando, 90% da populacao mundial continua sendo escravizada no trabalho rotineiro absurdo e as conquistas da Ciencia nao os alcanca, em nada esta’ melhorando suas vidas. A minha visao de mundo denominada Matrx/DNA Theory esta sugerindo calhamacos de novas experiencias cientificas sobre estas areas que mais torturam a humanidade, porem, nao existem vontade nem financiamentos para tais experiencias. Com isso, a Ciencia retroalimenta uma ideologia saindo fora daquela sua meta designada pelos pais fundadores do Iluminismo. Sokal nunca sequer pensou nisso que estou dizendo, por isso ele vem a publico afirmando com conviccao algo que os resultados sendo observados contrariam plenamente.

Vida Extraterrestre: Nova teoria

sábado, junho 3rd, 2017

xxxx

Interessante artigo onde enviei o post copiado abaixo que esta aguardando aprovacao do moderador

Gizmodo

Hibernating Aliens Could Explain The Great Silence

Read more at https://www.gizmodo.com.au/2017/06/hibernating-aliens-could-explain-the-great-silence/#comment-3885145#pSublsCE04V1Zfsl.99

https://www.gizmodo.com.au/2017/06/hibernating-aliens-could-explain-the-great-silence/#comment-3885145

 

thematrixdna @thematrixdna

Reading all comments here, nobody remembered this possibility. Matrix/DNA Theory is suggesting that any advanced life form more evolved than human beings, will create its own environment, where a unique astronomical body performs the seven systemic functions performed today by the known seven kinds of astronomic bodies. Such final astronomical body and the physical structure of such life form, I think, can not be detectable by our current technology.
Stars, planets, quasar, pulsar, comets ,black holes, moon, each one has a specific systemic function that fits this life form needs. So, why not resume 7 into 1, having everything at the same time/space?
For understanding such astronomical body you need know the astronomical systemic model that works like the perfect automated machine, almost a perpetum motor, at my website.
People are forgetting that the first change when any new intelligent species does is about its environment, like humans changed the landscape of jungle into urban cities.

O Tempo: Como Explica-lo?

segunda-feira, maio 29th, 2017

xxxx

Como explicar este fenomeno que “sentimos” existir, porem nao vemos, nao sabemos se ele tem uma forsa ou alguma substancia, ou e’ apenas um conceito abstrato criado pela mente humana?

Nao sei se este fenomeno e’ algo com alguma logica que possa ser captada pela razao humana, mas encontrei uma explicacao que pode ser aceita racionalmente, pelos menos pela minha razao.  No entanto ela se fundamenta numa premissa que nao foi ainda confirmada cientificamente. A de que a existencia deste mundo se move com um proposito pre-determinado. Sei que justamente esta ideia e’ bastante combatida pelos materialistas e que eles podem estar com a verdade, porem aposto mais no proposito porque a cosmovisao da Matrix/DNA aponta para a existencia de um proposito, meramente naturalista: o objetyivo deste universe e’ reproduzir o algo desconhecido que o produziu.

Se nao houver proposito, nunca pensei nisso, porem nao teria explicacao racional para o tempo e nao vi ninguem apresentar uma explicacao aceitavel pela minha razao. Entao, fundamentado na crenca de que existe um proposito, o fenomeno do tempo pode ser explicado racionalmente.

Imagine uma onda no mar que ainda se encontra longe do continente. Ela avanca para o continente levada simplesmente pelas forsas naturais e externas a ela. Se ela encontra ciscos, tralhas e ate navios neste avancar, em nada vai deforma-la ou atrasa-la. Ela e’ um produto casuistico que se move sem proposito, sem direcao escolhida por ela, etc. Agora imagine uma onda semelhante ( e vamos chama-la de onda do tempo), avancando no espaco cosmico em meio a uma possivel substancia espacial, quer seja o eter, a dark matter, ou outra coisa. E imagine que ela existe com o proposito de ser um dos suportes naturais num processo de reproducao de um sistema natural universal que se desenvolve fragmentado e multiplicado em particulas, pedacos, porcoes, espalhadas no Cosmos. Pode-se aqui fazer uma analogia entre este sistema fragmentado e multiplicado muitas vezes com o que observamos numa certa fase da reproducao do corpo humano, quando o corpo ainda e’ mera morula composta de muitas celulas iguais porem que comecam a se diferenciarem para gerarem os diferentes tecidos, orgaos.

Acontece que muitas vezes, as estruturas que estao sendo feitas numa regiao, dependam de partes ou estruturas sendo feitas em outras regioes para quando ambas ficarem prontas, serem conectadas e iniiar o funcionamento sistemico. Ora, se uma estrutura que pode ser feita rapida depende de outra que e’ mais complexa e portanto toma mais tempo, a primeira vai ter que ficar parade esperando. As galaxias ficaram prontas e pararam no tempo para que as celulas e sistemas biologicos se desenvolvessem. Assim a onda vai avancando mas criando invaginacoes, porque certas regioes ficam para tras.

Tempo e’ apenas o nivel que resulta da harmonizacao ou escala de acontecimentos dos eventos. para a natureza este conceito de tempo nao existe, ela apenas desenvolve seu proposito. Os humanos precisam ordenar os eventos da maneira como eles vao ocorrendo. Fulano nao foi enterro do pai no Brasil porque ele estava em Paris quando o pai morreu. Entao para entender o ocorrido e’ preciso que os relogios marquem que o evento no Brasil ocorreu enquanto ocorria o evento em Paris. nao creio existir uma substancia ou forsa do tempo, porem na teoria de que a existencia tenha um proposito.

https://www.youtube.com/watch?v=mfo7yXSNDXA

Porque A Mecanica Celeste Parece Ser Desenhada por uma Inteligencia e a Matrix/DNA Explica que Nao

sexta-feira, maio 26th, 2017

xxxx

Até o que eu considero o maior gênio existido nesta Terra até hoje, Sir Isaac Newton, deixou uma nota de rodapé dizendo que a incrível maravilha da mecânica celeste não pode ter outra causa senão uma inteligencia divina.

De fato, basta apenas se lembrar que neste momento a Terra é uma esfera ( que seja oval) movendo-se numa imensidão de espaço vazio, sem ter uma trilha, uma estrada, e todo o espaço aberto `a sua frente, quando ela pode ir em todas as direções, mas não, ela vai exatamente numa só e precisa direcao, fazendo uma curva, como ela sempre fez por bilhões de anos! Bastaria ela errar agora para a esquerda ou direita talvez apenas um quilometro e isto daqui alguns meses seria um erro de milhões de quilômetros, e toda a vida desapareceria de sua superfície!

Mas tem uma outra situação exatamente igual tao estonteante, aqui na frente de nossos olhos. Me refiro ao esqueleto humano. Não sei fazer isso mas tenho certeza que uma descrição por um anatomista de cada detalhe do esqueleto e como ele realiza seus movimentos nos deixariam embasbacados. O joelho só pode fazer movimentos para a frente ou para traz, o que produz nossos passos, mas se não tivéssemos um jeito de mudar os lados seria um grande problema ao caminhar. Só seriamos capazes de ir em linha reta e quando chegássemos numa esquina necessitando ir a direita ou esquerda, se fossemos fazer um giro de 9o graus, teríamos que parar, esperar outras pessoas que nos levantasse do chão, virasse nosso corpo… Para isso o esqueleto possui os quadris onde as pernas podem ir para os lados e a planta do pé que pode girar em si mesma.

Image result for esqueleto humano

Vamos então fazer como Newton e a maioria dos humanos que concluem decididamente que o esqueleto humano foi inteligentemente desenhado? Sabemos que não. Apesar do esqueleto ser ósseo e assim diferir do resto de carne mole do corpo, foi a carne mole que criou e gerou o esqueleto, modelando-o para ele se adaptar a ela, prestar o melhor tipo de serviço que ela precisa. O esqueleto pode ser formado de cálcio, minerais, mas quem o criou, quem o modelou, foi a vida. Pelas leis da evolução biológica.

Agora vamos voltar `a mecânica celeste. Aqui nesta cosmovisão da Matrix/DNA estamos descobrindo que galaxias e átomos são na sua estrutura, mecânicos e eletromagnéticos, porem possuem uma cobertura de fenômenos biológicos. Todas as propriedades existentes no corpo do mais evoluído dos seres vivos – os humanos, estão sendo descobertas existirem num sistema galáctico que existia bilhões de anos antes da vida surgir por aqui. E mais: quando nossos modelos chegam e param nas fronteiras do Universo, no primeiro minuto do tempo e no menor ponto do espaço, e usamos o que aprendemos ser o Universo aqui para projetar tudo isso para alem destas fronteiras e tentar calcular o que existe alem… nos deparamos com os fenômenos vitais. Talvez o Universo tenha uma cobertura biológica também. E pela logica tem que ter. Por não acreditarem num Deus criador das coisas aqui e por desconhecerem a biologia no universo e’ que os ateus acreditam que o mundo e a vida surgiram por mero acaso. Ora, teria que ser um Acaso Inteligente Magico!

Essa cobertura biológica pode ter feito o que as substancias liquidas e moles dos corpos vivos, principalmente das primeiras células originais, fizeram: desenvolveram sistemas estelares e galácticos como o esqueleto do universo.

Pois as Ciências Físicas – e mesmo sua linguagem logica, a Matemática – apenas lida com o aspecto mecânico das coisas dentro do Universo, por isso a cosmologia entrou como sua área de estudos. A Física e a Matemática praticamente nada tem a fazer para explicar o sistema sexual, o figado, o pâncreas. Ela trata do esqueleto e para ai. Por isso ela ainda não conseguiu uma boa teoria das origens e formação do universo, das galaxias, das estrelas… ela ignora a vida que esta’ na causa destas coisas.

Continuo dizendo: os modelos teóricos da Matrix/DNA apontam com veemência para fora do Universo dizendo que la’ existe uma super-consciência. mesmo que ela arremate dizendo que esta super-consciência nada faz de magico, que é um sistema e natural. E assim como mamãe girafa fez o esqueleto e a carne mole do seu baby girafinha sem usar um pingo de inteligencia, assim a consciência alem do Cosmos desenvolveu as galaxias como processo natural para sua reprodução.

Afinal qual inteligencia iria fazer galaxias com centenas de milhões de estrelas, bilhões de planetas, trilhões de seres vivos, e a seu lado faria um buraco negro para a qualquer momento engolir tudo isso?…

Ok,… a Matrix/DNA esta’ apontando fortemente também que não existem buracos negros tal como teorizados pela Física, que nada engole galaxias, mas isso apenas demonstra como o desconhecimento pode nos iludir sobre as causas e até nos tornar cegos a ponto de não verem a maravilha da mecânica do esqueleto ósseo quando pensam na maravilha do esqueleto cósmico.

Sri Prem Baba, Filosofia Oriental e Paralelos com Matrix/DNA

quinta-feira, maio 11th, 2017

xxxx

Um brasileiro foi aos monges orientais aprender sua filosofia e voltou como um guru com sugestões interessantes. Ele tem muitos videos em português e algo interessante é o paralelo entre o seu tipico linguajar e assuntos que tratamos dentro da filosofia naturalista. Meu comentário abaixo é um exemplo:

https://www.youtube.com/watch?v=WtkB5WQ1QkA

Como sair da repetição do padrão destrutivo?/How to stop repeating a destructive pattern?

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – 5/11/2017

Creio que “vícios” é outro nome para “instintos”, herdados pelos nossos corpos carnais dos ancestrais animais. Os “eus inferiores” são nossas formas humanas anteriores, nossas ancestrais formas animais, porem não para ai, pois galaxias e átomos também são nossos ancestrais. Sera’ difícil para religiosos que creem ter sido o corpo humano ( não apenas a auto-consciência) criado por magica de algum Deus sobrenatural aceitar, entender e combater estes vícios/instintos. estes instintos são naturais, estão registrados em nossa genética a qual modelou nossa psique. Então, por exemplo, o individuo que expressa fortemente a tendencia para predador de humanos ( os escravagistas, os “patroes”, etc.) tem ainda na psique a forma dos caninos e sua grande batalha sera’  fazer encolher estes caninos pois enquanto existirem, ele não poderá deixar de ser como o leão, dependente da posse de território cada vez maior e do maior numero de presas/ovelhas possível. Enquanto aqueles que expressam o instinto de presa/ovelha possuem na psique a baba fraca e chorosa que nunca os permite serem mais fortes e acreditarem em possibilidades de vitorias na luta pela competição materialista. Quanto a auto-consciência creio que ela vem de outra linhagem evolucionaria, que apenas dormia nas nossas formas ancestrais anteriores, assim como a consciência herdada e inscrita na genética dos pais dormem na formação inicial do feto e só vai se expressar no embrião quase pronto a nascer. Enquanto os instintos dominam, a consciência não atua, e nem pode iniciar a formação de um intelecto. No fundo, os gurus orientais se referem `a mesma coisa que a ciência moderna, porem usam metáforas, num linguajar mais afetado pela mistica, espiritualidade, que talvez de fato exista e a ciência vai descobri-la mais tarde também.

Porque as celulas fazem tanto trabalho sem beneficios, pagamentos?

quarta-feira, abril 26th, 2017

xxxx

Interessante pergunta nos comentarios abaixo deste video suscitou nossa resposta, copiada abaixo:

Molecular Visualizations of DNA – Original High Quality Version

https://www.youtube.com/watch?v=OjPcT1uUZiE

Ben David Ben David – 3 years ago

The real question here is….why? What makes these cells DO what they DO? What if they decided not to form chromosomes one day. What is the reason these cells want to do this? I want a Vsauce video on that.
xxx

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – 4/26/2017

Maybe epigenetics could answer that? It is obvious that cells did not created this things for itself, the cell alone do not need it for surviving. The order for creating these things came from outside the cell?
If so, it was something that need these things and jobs done. What? Who?
My personal method of investigation (comparative anatomy between living and non-living systems) suggested a surprising answer: it is this galaxy…
How? For what? How is merely entropy fragmenting the stars into bits-information and these bits joining at a planet surface try to reproduce the system where they came from, naturally and microscopically, applying nanotechnology. Like an adult human applies nanotechnology and is reduced to a microscopic genome.
The cell is a real and faithful reproduction of our galaxy, with some mutations due different environment, matter, water, etc.. The problem that humans are not seeing it is due they do not know how this galaxy works as a system, their theoretical model of galaxies are wrong.
But… why this galaxy wants to reproduce itself?
It doesn’t. It is a force that passing through it that leads to reproduction. This force is waves of light, coming since the Big Bang. A natural original wave of light seems a living thing. Its propagation is due the same force that makes your body to propagating into space time, growing and becoming old. We cal this force as ” life’s cycle”. This force makes your body be transformed into seven meaning shapes: blastulae, foetus, baby, kid, teenager,adult, senior,… cadaver. A wave of light has changed seven shapes as gamma rays, ultraviolet, radio waves,etc.
So, why cells do what they do? The answer is the same for why galaxies and atoms do what they do. The why comes with a wave of light at the Big Bang. And why light do it? Well, my method lead me till the last frontier of the universe and at the moment of the Big Bang. I stopped there. Since that light is coming beyond… I don’t know…
But, the universal history suggests a theory: that light is the genome of the thing that produced this egg universe for reproducing itself, naturally… What is the “thing”? I don’t know… What else we can see is that every living and counscious being in this Universe is a gene building the counciousness of the baby of that “thing”…
( if you want to see the models of cells, galaxies, atoms that fits this evolutionary lineage, google ” The Universal Matrix for Natural Systems and Life’s Cycles”.

A Cultura Predadora Esta’ Na Psique que Produz o Ego Pensador e Nao na Auto-Consciencia?

sexta-feira, abril 21st, 2017

xxxx

Esta seria uma novidade, uma perspectiva muito interessante e importante. Minha missão é desconstruir a cultura milenar e Eckhart Tolle diz que ela é a produtora do pensamento continuo, do ego coletivo, não do “Eu-Consciência”. O qual seria separado, e que pode assistir os pensamentos olhando de fora. Ele diz que colapsou este pensamento continuo e consegue se separar dele, vendo-o de fora. Mas creio que ninguém mais consegue por estar preso na maquina da sobrevivência ( ele se tornou alienado, mendigo). Então o método que ele prega não serve para ninguém. Porem ele levanta esta possibilidade.

Eu estou usando o método de re-interpretar todos os conceitos, todas interpretações erradas e falsos conhecimentos dos fenômenos naturais e da natureza/instintos humanos. O que eu estaria fazendo é trazendo ao jogo o outro extremo da dualidade, o oposto oculto, para faze-lo ser conhecido e afrontado com o oposto reinante. Para os dois se auto-anularem. E segundo esta perspectiva do Tolle, estou atacando o pensamento continuo, sem o saber. Atacando o ego. Eu não estaria apenas tentando corrigir a cultura, mas alem desta, já promover o salto transcendente para o espiritual, ou consciência cósmica.

Por ora isto é assunto novo, veio de repente, não sei ainda o que pensar. Registro aqui, traduzindo o principal texto onde Tolle diz isto, para pensar… opa… para conscientizar, e pesquisar.

http://www.eckharttolle.com/article/The-Power-Of-Now-Spirituality-And-The-End-Of-Suffering

Every morning we awaken from sleep and from our dreams and enter the state we call wakefulness.

Toda manhã nos acordamos do sono e de nossos sonhos e entramos no estado que nos denominamos de “despertado”.

A continuous stream of thoughts, most of them repetitive, characterizes the normal wakeful state. So what is it that we awaken from when spiritual awakening occurs?

Uma continua corrente de pensamentos, a maioria deles repetitivos, caracteriza o estado normal do acordado. Então o que é aquele despertar desde quando o espiritual despertamento ocorre?

We awaken from identification with our thoughts. Everybody who is not awake spiritually is totally identified with and run by their thinking mind – the incessant voice in the head.

Nos despertamos ou nos separamos da nossa identificação com nossos pensamentos. Todos aqueles que não são despertados espiritualmente estão totalmente identificados com sua mente pensante e são dirigidos por ela – aquela incessante voz em sua cabeça.

Thinking is compulsive: you can’t stop, or so it seems. It is also addictive: you don’t even want to stop, at least not until the suffering generated by the continuous mental noise becomes ‎insuportável‎.

Pensar é compulsivo: você não pode parar, ou ao menos parece que não. pensar também é viciante: você nem quer mesmo parar, ao menos não até que o sofrimento gerado pelo ruido mental continuo se torne insuportável.

In the unawakened state you don’t use thought, but thought uses you. You are, one could almost say, possessed by thought, which is the collective conditioning of the human mind that goes back many thousands of years.

No estado de “não-despertado” você não usa pensamentos, pois os pensamentos usam você. Você esta’, alguém poderia dizer, possuído pelo pensamento, o qual é o condicionamento coletivo da mente humana que retorna ao passado por milhares de anos.

You don’t see anything as it is, but distorted and reduced by mental labels, concepts, judgments, opinions and reactive patterns. Your sense of identity, of self, is reduced to a story you keep telling yourself in your head.

Você não vê nada como realmente é, mas torcido e reduzido por mentais conceitos, julgamentos, etiquetas, opiniões e padrões reativos. Seu senso de identidade, do seu eu, esta reduzido a uma historia que você mantem dizendo a você mesmo em sua cabeça.

“Me and my story”: this what your life is reduced to in the unawakened state. And when your life is thus reduced, you can never be happy for long, because you are not yourself.

“Eu e minha historia”: isto é ao que sua vida é reduzida no estado de despertado, acordado. E quando sua vida é assim reduzida, você nunca pode ser feliz por um tempo mais duradouro, porque você não é você mesmo.

xxxx

Analises da Matrix/DNA:

Isto faz um tremendo sentido, para mim, depois que descobri a teoria que liga a evolução biológica `a evolução cosmológica e com isso descobri uma outra visão do mundo. As minhas descobertas indicam que a humanidade esta’ pensando tudo errado, esta dessintonizada da logica natural, sem sintonia com o ritmo natural da evolução, porque construiu para si uma visão do mundo falsa.

Mas não faz sentido esta separação entre auto-consciência e mente, não consigo captar bem isto. O que faria sentido seria dizer que temos uma auto-consciência errada, falsa, que nao somos a consciência da natureza, do universo. Mas que por vir de uma raiz natural, ela seria sujeita a ser consertada. Isto significaria que nos não temos e nunca tivemos a consciência verdadeira, nem o embrião dela. O que pode ser respaldado num fenômeno real, conhecido por todos: a consciência/imaginação das crianças, que acredita nas causas erradas, fantasiadas, para os fenômenos que observa. Em termos coletivo, ou de unidade de consciência fragmentada em fracões nas cabeças humanas, o coletivo imitaria o individual, ou seja, a humanidade ainda esta’ na sua infância.

O Tolle diz que não, que ele teve uma experiencia de transformação dentro da cabeça, com colapsos mentais, clarões, afloramento espiritual, etc. Como não posso saber como foi essa experiencia, tenho que manter tanto a minha teoria quando a dele, em suspenso.

Nos precisamos urgente de um método, uma estrategia, não para impor a minha visão de mundo, mas para desconstruir as falsas interpretações que são os alicerces da visão do mundo reinante. Precisamos salvar 7,8 bilhões de humanos sob o instinto de presas e médios predadores que serão eliminados enquanto os 200 milhões de grandes e médios predadores os mantem em estado vegetativo e estarão preparados tecnologicamente para deixar o planeta quando a Terra não mais suportar a vida aqui… o que pode acontecer a qualquer momento daqui para a frente… ou demorar milhões de anos. Seria impossível transformar a cultura na cabeça do grande predador – ele tem os caninos psíquicos que exigem este tipo de sistema social para sobreviverem – e talvez também seja impossível faze-lo com os 7,8 bilhões dependendo do grau em que esta o condicionamento mental. Mas se a vaca soubesse o que a espera alem da cerca do seu pasto, no matadouro, talvez ela se motivasse a romper a cerca. Nisto deve consistir enfaticamente minha pregação.

O que é que – em relacao ao individual – conduz a mente imaginativa e fantasiosa da criança a ser corrigida `a medida que vai entrando na vida adulta e enfrentando o mundo real? Sera’ que este processo também vai ser aplicado naturalmente `a criança coletiva? Se sim, minha missão nada tem a fazer. Talvez apenas pudesse acelerar o processo. O que já é um motivo para continua-la, pois não sabemos se haverá tempo para o processo apenas natural.

Eckhart Tolle: Impressionante evento psiquico, lider espiritual americano

terça-feira, abril 18th, 2017

xxxxx

http://www.eckharttolle.com/article/The-Power-Of-Now-Spirituality-And-The-End-Of-Suffering

For two years, a small man sits quietly on a park bench. People walk by, lost in their thoughts. One day someone asks him a question. In the weeks that follow there are more people and more questions. Word spreads that the man is a “mystic,” and has discovered something that brings peace and meaning into our lives. It sounds like fiction, but today that man, Eckhart Tolle, is known worldwide for his teachings on spiritual enlightenment through the power of the present moment. His first book, The Power of Now, is an international bestseller, and has been translated into 17 languages. More than 20 years have passed since Eckhart Tolle answered his first question on that park bench. While his audience has grown, his message remains the same: that it is possible to stop struggling in your life, and find joy and fulfillment in this moment, and no other.

Says Eckhart:

“For most people, spiritual awakening is a gradual process. Rarely does it happen all at once. When it does, though, it is usually brought about by intense suffering. That was certainly true in my case. For years my life alternated between depression and acute anxiety. One night I woke up in a state of dread and intense fear, more intense than I had ever experienced before. Life seemed meaningless, barren, hostile. It became so unbearable that suddenly the thought came into my mind, “I cannot live with myself any longer.” The thought kept repeating itself several times. Suddenly, I stepped back from the thought, and looked at it, as it were, and I became aware of the strangeness of that thought: “If I cannot live with myself, there must be two of me – the I and the self that I cannot live with.” And the question arose, “Who is the ‘I’ and who is the self that I cannot live with?” There was no answer to that question, and all thinking stopped. For a moment, there was complete inner silence. Suddenly I felt myself drawn into a whirlpool or a vortex of energy. I was gripped by an intense fear, and my body started to shake. I heard the words, “Resist nothing,” as if spoken inside my chest. I could feel myself being sucked into a void. Suddenly, all fear disappeared, and I let myself fall into that void. I have no recollection of what happened after that.

The next morning I awoke as if I had just been born into this world. Everything seemed fresh and pristine and intensely alive. A vibrant stillness filled my entire being. As I walked around the city that day, the world looked as if it had just come into existence, completely devoid of the past. I was in a state of amazement at the peace I felt within and the beauty I saw without, even in the midst of the traffic. I was no longer labeling and interpreting my sense perceptions – an almost complete absence of mental commentary. To this day, I perceive and interact with the world in this way: through stillness, not through mental noise. The peace that I felt that day, more than 20 years ago, has never left me, although it has varying degrees of intensity.

At the time, I had no conceptual framework to help me understand what had happened to me. Years later, I realized that the acute suffering I felt that night must have forced my consciousness to withdraw from identification with the unhappy self, the suffering “little me,” which is ultimately a fiction of the mind. This withdrawal must have been so complete that the suffering self collapsed as if the plug had been pulled out of an inflatable toy. What was left was my true nature as the ever present “I AM”: consciousness in its pure state prior to identification with form. You may also call it pure awareness or presence.

xxxx

Pelo pouco que sei de Tolle, ele teve sorte de cair no momento exato: nao sei porque mas nos anos de 2.000, o publico estava procurando e consumindo muitos livros de auto-ajuda, pensamento positivo, etc. E ele tinha uma mensagem prometedora, era afinal um exemplar vivo bem suscedido no que todos buscavam.

Mas como todos os outros livros e seus autores, o conselho de Tolle era impraticavel, por isso seu ensinamento, nao compreendido, caiu na inutilidade, nos tempos de hoje. Pois o que Tolle pode fazer e fez, ninguem na vida moderna consegue fazer. Apos o evento psiquico, ao conseguir a sublimacao mental, ele caiu na rua como um sem-casa, mendigo. Parou de estudar, de trabalhar e ficou dois anos sentado em bancos de praca. E nunca mais iria voltar a uma vida profissional, nao fosse algumas pessoas se acercando dele e fazendo perguntas. Ele foi arrancado da sarjeta pelo publico. Como copiei logo abaixo um texto do Wickipedia, sua familia aguentou-o nestes dois anos com casa e comida, mas o repreendia dizendo que tornara-se irreesponsavel e insano.

Quem consegue repetir isto na vida moderna? Ou melhor, quem vai querer conhecer o Nirvana, alcancar a sublimacao mental, a tal preco? Ninguem. Por isso a tecnica que ele ensina para se obter o que ele obteve nao funcionou para mais ninguem. E poucos tem uma familia que os suportariam como paria.

Alem disso, mesmo que alguem conseguisse faze-lo, mas que nao fosse rico para se auto-sustentar, e tivesse que voltar ao trabalho professional, `a rotina do dia a dia dentro de uma fabrica, um escritorio, etc., quem iria conseguir ” contemplar e se admirar do presente… e para o resto da vida ficar neste estado? Ora o ambiente obrigatyorio para 90% ou mais da populacao mundial e’ o incomodo ambiente rotineiro do trabalho na repetitive e enfadonha producao em serie. Que mundo bonito existe para quem esta dentro de uma fabrica na maior parte do seu dia?

Portanto, se todos conseguissem a transcendencia para o estado de consciencia cosmica, a economia do planeta parava e todos morreriam rapido. A conclusao inevitavel e’ que Tolle esta’ sendo um professor do mal. O relato de sua experiencia unica e’ de grande ajuda para a busca do entendimento do que somos, como funciona o cerebro, que existiria uma divisao entre mente e consciencia, etc. Isto ao menos para minhas pesquisas e os paralelos que vejo entre esta experiencia e o que estao sugerindo meus modelos teoricos, tem inestimavel valor, poiss me ajudara a desenvolver mais minha busca.

Entao a diferenca entre a pregacao do Tolle e a minha esta nisso. Tambem ninguem vai largar tudo para se isolar na selva por sete anos, ou ninguem vai ter a sorte que tive em tropecar com Serra Pelada, conseguir por sorte a propriedade de um estabelecimento commercial que me pagou as despesas de manutencao na selva e me permitia retornar ao contacto com humanos em alguns meses por ano. Mas eu nao estou ensinando como conseguir um evento psiquico de transformacao de nivel mental evolutivo. Estou pregando uma promessa para se obter fatos concretos baseados num metodo de busca que lida apenas com fatos concretos, que sao do conhecimento publico. A visao de mundo onde somos 8 bilhoes de genes construindo a nos mesmos em um pode gerar uma comportamento humano coletivo que ao pouco vai mudando o Sistema, a economia baseada na auto-sustentabilidade da formula liberando a humanidade do trabalho rotineiro, e assim com o ambiente mudado e adequado para receber o que Tolle se tornou, este e’ um caminho palpavel e racional. Porem nao e’ o caminho do milagre facil e rapido de Tolle, e’ um caminho arduo e demorado.

https://en.wikipedia.org/wiki/Eckhart_Tolle

Tolle stopped studying for his doctorate, and for a period of about two years after this he spent much of his time sitting, “in a state of deep bliss,” on park benches in Russell Square, Central London, “watching the world go by.” He stayed with friends, in a Buddhist monastery, or otherwise slept rough on Hampstead Heath. His family thought him “irresponsible, even insane.”

Pesquisa da Matrix:

Tolle me fez notar algo que nao havia pensado. O Sistema-formula tem uma entidade abstrata que suplanta e governa seu interior, suas partes. Seria o software do hardware. No caso de Tolle, o nivel psiquico dos pensamentos mais o Sistema nervosa simpatico seria a sub-entidade de cada parte, enquanto o Eu separado dos pensamentos, a consciencia normal de Tolle e dos humanos normais seria a entidade superior das partes. Ou seja, cada parte teria uma fracao da entidade total do Sistema. Quando Tolle perde a sub-entidade individual – a cosnciencia da parte do Sistema – ele suplanta-se como Sistema e cai na esfera da hierarquia dos sistemas, ou seja, cai num Sistema superior ao humano, o qual ele interpreta como cosnciencia universal, do cosmos. Entao ele era – e todos humanos normais sao – e em yermos de software da formula, um fractal menor dentro desse mesmo fractal, porem maior.

A Diferenca nas Transformacoes Mentais Entre Hindus e Matrixianos

segunda-feira, março 20th, 2017

xxxx

Interessante e diferente do comum o que se ouve neste vídeo. Nao cabe a mim julgar se o orador realmente conhece algo a mais ou nao, porem, e’ fato que de qualquer maneira ele mostra problemas comuns por angulos que nao tinhamos pensado. Se voce apreciou este video, sugiro que veja outro onde ele narra a historia de sua aprendizagem na India, o quual e’ mais interessante ( link: https://www.youtube.com/watch?v=Umr61UnQvuE – Isso Existe – um filme sobre Sri Prem Baba – Versão em português )

Abaixo vai a analise da Matrix/DNA num comentário publicado no Youtube.

https://www.youtube.com/watch?v=RpARf15IctI

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – Mar/03/20/2017

Existem vários caminhos para transformações do estado mental, inclusive os mais impróprios, como o percorrido pelo escravo que foge da senzala para tentar sobreviver solitário no meio da selva bruta. Eu fiz este caminho, então obviamente a minha transformação foi para algo diferente desta ocorrida com Sri Baba. Suspeito que as formas em que somos transformados por diferentes caminhos são fracões de uma forma final, a transformação definitiva para o transcendental. As imperfeições e soluções auferidas na minha transformação são diferentes das de Sri Baba. Mas se eu acreditar que a minha alcançada nova cosmovisão é a correta, e as outras são meros paliativos, as minhas soluções tornam-se impraticáveis e inúteis. Portanto, creio que urge – antes de tentar atuar no mundo externo – uma confrontação entre as novas cosmovisões e suas sugestões.

O que ambos percebemos e nos aflige, é a concordância de que a consciência alojada nos cérebros humanos corre risco de extermínio antes de amadurecer e aflorar livre. E ambos ficamos angustiados pela nossa debilidade em produzir as mudanças necessárias para evitar este terrível destino. Tenho razoes para crer que já existe considerável numero de meio-transformados, e nos mais diversos caminhos, e para suspeitar que o nosso encontro e debate poderia ao menos diminuir esta debilidade de cada um, de cada linhagem transformativa como esta da Índia. O guru deveria se lembrar que nem a milenar linhagem hindu conseguiu algum sucesso de mudança em seu próprio pais, onde a miséria e a superpopulação explodem.

Na selva o buscador pode chegar aos chakras, `a luz pertinente ao hemisfério direito cerebral. Mas percebe-mo-la por outro angulo e sob diferente estado físico/emocional. E’ a soma das observações relativísticas de cada observador no seu ponto do espaço/tempo que pode dar uma compreensão sobre a totalidade do fenômeno. E somente assim teríamos uma chance de descobrir o que realmente aconteceu de errado e continua acontecendo com a bolha de consciência universal e a especie em que ela encarna na Terra.

Sem conhecer de fato a causa, nunca atinaremos com sua solução. O guru fala num código divino. Tem ele percebido e entendido de fato este código fluindo nesta Natureza? A minha privada transformação mostrou o código na onda de luz invisível aos olhos humanos ( só veem um sétimo dela, a faixa da onda denominada branca ou “visível”) e nela o código encriptado. E alem disso, nos forneceu elementos para tentar montar sua Historia, desde as origens deste Universo. Nesta Historia se percebe claramente onde e porque se iniciou a distorção que ora nos ameaça, ainda tempos antes das origens da vida neste planeta. A linhagem transformista dos autores da Bíblia perceberam flashes deste evento e interpretaram-nos `a sua forma, na fabula da queda do paraíso. Pela maneira como eles distorceram os eventos tais quais eu os percebo, aprendi que nos é impossível deixar de projetar nossa condição humana e psique nestas interpretações, levando a resultados improdutivos e inclusive debilitando a capacidade de autocura humana.

Eu sei que a Bíblia começa com uma verdade fantasticamente superior `a capacidade de imaginação humana, mas depois deste começo ela erra quase tudo. Porem também sei que não estou exorcizado desta falha de projeção humana em eventos com leis e ambientes que nada tem a ver com existência humana, portanto, sei que minha cosmovisão deve conter erros. Porem, também sei que na do guru existem erros de suas interpretações. Por isso repito que precisamos encontrar um canal para expor na mesa nossas visões e estuda-las com um olhar somado impessoal, senão, não conseguiremos evitar a tragedia. (qualquer curiosidade veja meu trabalho digitando ” A Matriz Universal dos Sistemas Naturais e Ciclos Vitais”.

O Mistério e as Nossas Conquistas da Dimensão Quântica: Informativo Video

sexta-feira, março 10th, 2017

xxxx

Quantum Fields: The Real Building Blocks of the Universe – with David Tong

 

https://www.youtube.com/watch?v=zNVQfWC_evg

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli Mar-03/10/2017

Matrix/DNA Theory suggests the patterns that are missing to Physics and Math in this equation, but, the patterns are biological. The fundamental unit of life – DNA – is merely an evolved shape of a kind of DNA building galaxies and atoms,and at universal scale we call it “the Matrix/DNA” and we have it as a intelligible formula. What’s this fluctuations in the vacuum? Think about your body composed by hard bone skeleton surrounded by soft meat and liquid substances. The method and approach by Physics and Math can grasp the bone skeleton, but the meat and liquid substances appears as these quantum fluctuations, where a whole very complex world exists. So, this is what Physics and Math are describing very well when seeing particles, forces, energy, etc.: the skeleton of the Universe, the fossils of our ancestrals systems that became the frame for life. We can not understand the deep meanings of the skeleton without seeing the biological cover. It is the meat and substances that creates and produces the skeleton. Matrix/DNA has found that a single light wave like those emitted at the Big Bang has the code for life, it appears to be a living thing. So, this talk from Physics and Math perspective of the Universe should be followed by a talk from the Matrix/DNA world view. It would be very interesting. This equation will be more significant seeing how it fluctuates moved by the force of vital cycles composing a operating complete natural system.
xxxx
https://www.youtube.com/watch?v=zNVQfWC_evg