Archive for the ‘Evolução Biológica’ Category

Cosmic Natural Selection: Fisicos comecam a entrar na Evolucao Biologica

sábado, março 30th, 2019

xxxxx

https://www.youtube.com/watch?v=v6ef99T-IJE

xxxx

No video abaixo, pela primeira vez na historia da comunidade cientifica, um fisico ou cosmologista anuncia uma teoria que parece copia da teoria da Matrix/DNA que foi registrada a 30 anos atras. Lee Smolin diz que ” ao inves de buracos negros serem como estao sendo teorizados, com interna extrema singularidade, talvez eles nada tenham de singularidade mas sim sejam instrumentos de reproducao dando origens a novos universos”. Justamente o que Matrix/DNA escreveu, combatendo a teoria dos buracos negros e se adiantando com a sugestao de que no lugar de buracos negros existem vortices nucleares executando a funcao de gestação e desenvolvimento de germes de novos astros.

https://www.youtube.com/watch?v=mbYLTqvo774

Meus comentarios postados neste video:

This is pure Matrix/DNA Theory, registered copyrights 30 years ago. The theory introduces a model of astronomic building blocks of galaxies where inside the nucleus there is a vortex mixing interestellar dusty and magma from pulsars generating seeds or germs of new astronomical bodies, a similar process of sexual reproduction. Since the model is identical with the building blocks of DNA, the author, Louis Morelli deducted that Biological Evolution was not invented by Earth, it is merely a sequitur of Cosmological Evolution. It is good that Lee Smolin be the first cosmologist arriving to similar deductions.
I like this idea. I have a question. How did the first universe creating black hole get formed in this theory of cosmological natural selection?
How the first human woman got her reproductive apparatus, the womb, etc.? By evolution from simplest species, some of them have no womb, as reptiles laying eggs out. So our universe got black holes and was reproduced throught black holes coming from less evolved cosmological species…
xxxxx

A Historia da Vida e as derivas continentais

sexta-feira, fevereiro 22nd, 2019

xxxx

O átomo de carbono foi o primeiro grande azar dos seres vivos. Mas veja que temos a oportunidade de corrigir isso.

sábado, janeiro 12th, 2019

xxxx

Por ser a copia mais fiel do nosso pecador antepassado (a Via Láctea como sistema fechado em si mesmo, extremamente egoísta) , o átomo de carbono foi pela galaxia o selecionado e o mais indicado para o processo de reprodução do malfadado antepassado na forma de sistema biologico, ao qual denominamos de “vivos”. E agora para que nos livremos dessa maldição desse pecado original porque aconteceu antes das nossas origens, não tem como mudar a matéria do corpo humano baseando-a em outro átomo, por exemplo, o nitrogênio. A unica alternativa para esta inteira biosfera e para nos que somos parte dela, escapar de se efetivar como reprodução do estupido ancestral que “caiu” derrubado pelas leis naturais maiores do Universo, seria depurar o nosso átomo de carbono de sua densidade material, destrona-lo de sua dominância entre os outros átomos, depurando assim nosso corpo físico para permitir o desenvolvimento do feto de auto-consciência. Mas para isso teremos que ter a vontade para faze-lo, conhecer o método de como faze-lo, e esse conhecimento depende antes de conhecer a verdadeira Historia Natural Universal, entendendo porque que nosso ancestral “criador” celeste selecionou o átomo do carbono para ser o senhor dominante dos átomos nos corpos dos seres vivos.

As figuras a seguir ajudam a entender a herança do carbono desde nosso criador ancestral astronômico:

Fig.1 –

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Fig 1 – Neste desenho (feito rudemente nas condições precárias na selva amazônica), esta’ o modelo teórico do building block das galaxias, a “Formula da Matrix/DNA no seu estagio evolucionário de sistema astronômico”. Este building block ( ou tijolinho principal) esta fielmente reproduzido com átomos e moléculas como building block do DNA, a essência da “Vida”. E isto significa que houve uma direta transmissão genética do sistema astronômico onde surgimos e existimos para os sistemas biológicos, como são os corpos humanos. Se isto foi produzido por alguma entidade divina, esta passagem do macroscópico para o microscópico estava nos planos divinos antes ou na hora que criou o Universo. Se esta passagem ocorreu através das teorias cientificas como a abiogêneses, isto significa que havia um proposito pre-estabelecido que produziu a vida, ao contrario do que acreditam – que a Vida teria surgido por acaso. Não existem argumentos contra fatos, e o fato e’ que nosso DNA existia antes das nossas origens e ele veio das estrelas.

Note que trata-se de um circuito esférico e que representa um ciclo vital de um único objeto, ou corpo material (click na figura para ver ampliada). Tudo começa com uma nébula de átomos gasosos e/ou poeira cósmica oriunda da morte de um sistema anterior. Pela dinâmica do Universo a nuvem inicial gira sobre si mesma criando um vórtice turbilhonar ou rodamoinho no centro, na figura representado por F1. No interior do turbilhão formam-se esferas chamejantes constituídas de massa e energia, as quais são ejetadas (F2) imitando o nascimento de seres vivos, estas esferas são cobertas por camadas de poeira em diferentes temperaturas e estados de densidade que vão formar as placas tectônicas transformando o bolido em planetas. Quando um planeta vagando no espaço cai na orbita de uma estrela (F3), a energia/luz desta reativa o germe no núcleo e o qual começa a se alimentar das partículas nos átomos das camadas, indo formar o pulsar (F4). O pulsar ( no papel de macho do sistema), começa a “ejacular” cometas que levam energia para o centro da nebulosa (F5) para reiniciar novo ciclo quando o sistema morrer (imitando exatamente o processo de reprodução dos seres vivos). Do pulsar emerge uma estrela supernova (F6) a qual queima seu resto de material tornando-se cadáver estelar (F7), cuja matéria fragmentada vai refazer a nebulosa inicial em F1). O primeiro building block não tinha estrelas ativas para reativar o germe, mas isto foi feito num estagio primordial quando apenas existiam os átomos gasosos, como o carbono. Naquele estagio quem realizou esta dinâmica de transformações foi a onda ou ondas de luz vindas do Big Bang, e como mostro em outro artigo neste website, aquelas ondas contem em si a formula para construir ciclos vitais na matéria gasosa. Em outras palavras, ondas de luz primordiais continham em si o código para construir sistemas naturais, ou seja, o CÓDIGO DA VIDA. Nós somos agnósticos, o que significa que nada sabemos e nada temos certeza do que existe na metafisica alem das fronteiras materiais deste Universo natural, mas como existem os que tem fé em um tipo de entidade sobrenatural criadora, um Deus, por assim dizer, deveria se alegrar com esta possibilidade de que “Deus cria universos e vidas usando a luz como software geral, o que O engrandece e O restitui ao seu merecido nível de grandeza cósmica, depois de ter sido tão rebaixado pela antropomorfização como projeção da pequenez humana”.

 

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Fig 2 – O ciclo vital formando o building block de galaxias originais como circuito esférico no centro da figura é comparado com o ciclo vital humano. Observe que a formula da Matrix/DNA enquanto estava no estágio evolucionário dos astros era ( ou é) hermafrodita. Em F1 ela expressa a função geradora feminina e quando chega em F4  ela expressa a função geradora masculina ( no caso humano, o jovem tornando-se maturamente sexual como adulto e no caso astronômico, tornando-se um pulsar).

The Universal Matrix/DNA

The Universal Matrix/DNA

Fig 3 – Destes circuitos – presentes em todos os tipos de sistemas naturais – extraímos a “alma” dos sistemas naturais, uma espécie de software acompanhando todas as formas de um corpo sistêmico, o qual foi primeiro formado como ondas de luz ( como explico em outro artigo aqui). Esta especie de “alma” sera’ a Matrix Universal, que tem funcionado como o DNA funciona para todos os seres vivos, enquanto a Matrix funciona para todos os sistemas, de átomos a galaxias a células vivas.

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

Note que a Matrix surgiu primeiro apenas como a anatomia de uma onda de luz e veio desde então adentrando a massa/energia material modelando essa matéria em formas que reproduzem suas sete partes, ou frequências de ondas. Nesta evolução da matéria a Matrix só pode expressar a forma de corpo em que ela se encontra em dado momento, apenas mais tarde ela consegue expressar todas as formas num só sistema, o que aconteceu na forma biológica. Portanto, enquanto na sua fase de formação astronômica ela expressa separadamente as formas criadas, não existe um sistema astronômico fixo representando o building block. Assim era ( ou ainda é) com a Matrix enquanto se encontra no estagio de formação dos sistemas atômicos. Começando com o primeiro semi-átomo, o hidrogênio, este apenas materialmente expressa a função F1, apesar de eletromagneticamente já conter os princípios gerais da formula Matrix, cujas outras funções são apenas suas camadas eletrônicas. A presença de ao menos um elétron numa destas sete camadas eletrônicas faz o átomo expressar apenas a função correspondente. Quando a evolução na formação dos átomos chega no carbono, que contem seis elétrons ( numero atômico 6) e no núcleo seis prótons, seis nêutrons, a Matrix esta com sua formula completa de ciclo vital ( excetuando-se F5, pois átomos materiais não conseguem efetivar sua auto-reciclagem, ou se ressuscitarem). Por isso o carbono era o representante fiel da Matrix vinda do espaço sideral quando ela aqui iniciou a formação da forma biológica do sistema natural universal, por isso ele foi selecionado a compor e dominar os corpos dos seres vivos.

Quando a formula da Matrix foi plantada na superfície terrestre como uma espécie de semente, primeiro ela criou o ser unicelular que é hermafrodita. Então, no estado em que a formula veio, como hermafrodita, podemos ver o estado em que se encontrava os elementos macho e fêmea ( na figura abaixo), de cujo estado se originaram os cromossomas X e Y nos sistemas biológicos. Como simples curiosidade lembre-se da leitura de Gênesis, que sugere ter existido antes um paraíso perfeito ( que seria a maquina perfeita galáctica), onde existia uma arvore (cuja forma imita exatamente a forma da galaxia, inclusive com os frutos maduros amarelos nas pontas dos galhos imitando as estrelas nos braços espirais da galaxia, as folhas opacas imitando os planetas, etc.), onde teria existido Adão e Eva, e uma cobra ( cuja forma de serpente engolindo a própria cauda representa exatamente o circuito sistêmico de um sistema fechado que se auto-recicla como era o building block das galaxias) dando um conselho (para usarem o livre-arbítrio e escolherem a forma egoísta de sistema fechado), e depois a Queda, de onde os descendentes de Adão e Eva foram transformados em filhos da necessidade e num mundo infernal ( como a fragmentação e debandada dos fótons do sistema galáctico chegando na superfície da Terra e iniciando a reconstrução do ancestral celeste). Desta fantástica intuição vista nos escritores antigos estamos suspeitando que essa historia no seu aspecto cientifico esta registrada no DNA no centro dos neurônios, e casos alterados mentais produzem flashes de cenas daquela época, o que se torna as intuições com interpretações misticas equivocadas dos escritores. Se eles tivessem o conhecimento de astronomia e biologia que eu tinha quando entrei na selva, estes flashes teriam sido interpretados mais corretamente, e outra teria sido a lenda do Gênesis. Mas isto é apenas mais uma interessante hipótese que emerge de meus cálculos. Observe a figura 4:

Fig 4 – O circuito esférico é parecido com um cabo elétrico carregando internamente a corrente elétrica e alternando-se com as chaves liga-desliga, por isso, na figura azul acima, inclui a figura de um sistema elétrico domestico. Quando a chave esta em “liga”, o sistema expressa a parte ou órgão correspondente. Mas no caso da formula Matrix, o circuito esférico carrega a corrente das informações do sistema. Observe que quando chega em F4 o circuito se bifurca, lançando um ramo lateral que se constitui em F5 e retorna direto para o núcleo. Com isto, o circuito esférico total, de F1 a F7 contem todas as informações expressadas, enquanto o circuito meia-lua ou meia-face que vai de F1 a F4 expressa apenas a metade das informações, apesar de conter em si todas as informações também. Quando a formula passa do estagio astronômico para o estagio biológico, o circuito total torna-se o cromossoma feminino X, enquanto o meio-circuito torna-se o cromossoma masculino Y. No caso da reprodução sexual biológica, se a célula inicial tiver a combinação XX, o copro sera feminino, e se tiver XY sera masculino, porque a função de F4, masculina, é expressada duas vezes tornando-a dominante na construção do corpo.

Circuíto Sistêmico ou "Software" extraído da fórmula da Matrix/DNA, Revelando o aspecto Hermafrodita

Circuíto Sistêmico ou “Software” extraído da fórmula da Matrix/DNA, Revelando o aspecto Hermafrodita

Fig 5 – O desenho artístico de um átomo de carbono, no qual não se revela as sete camadas eletrônicas:

 

OLYMPUS DIGITAL CAMERA

Assim como uma célula inicial reproduz sua inteira arquitetura como um organismo multicelular, assim foi nas origens da vida quando o átomo de carbono começou a se compor como molécula multiatômica. Porque o átomo não podia se reproduzir crescendo e dividindo-se por mitose como as células, ele iniciou esta evolução capturando ou ligando-se a outros tipos de átomos que expressam as outras funções da Matrix, formando assim os primeiros aminoácidos, e com estes formando as moléculas complexas como RNA, proteínas e por fim o DNA. O que não pode ser esquecido é que toda essa evolução dos sistemas biológicos – os seres vivos – esta’ ainda sendo dirigida como mero processo de reprodução do ancestral celeste, o qual, por que era dotado de livre-arbítrio, sem inteligencia ou consciência própria, apenas obedecendo a tendencia das leis da matéria – que é a busca da acomodação eterna num estado de equilíbrio termodinâmico, ou sistema fechado em si mesmo – seria um desastre para nos se viesse a se concretizar plenamente. Pois o nosso ancestral é uma maquina perfeita, funcionando como um relógio, mas uma maquina estupida, sem consciência de sua existência, e isto faria desta total biosfera na superfície deste planeta uma reprodução biológica desta maquina, na qual a especie humana seria apenas mais uma parte, uma peça, robotizada e estupida. A presença e tentativa da consciência se instalar nos sistemas biológicos na forma humana vem de outro nível do Universo, acima das galaxias, mas ela obedece ao mesmo principio de evolução dirigido pelo principio do ciclo vital, por isso, em nossas cabeças-ovos, que tem como a função de placenta o nosso cérebro, esta’ a germinar um feto de auto-consciência cósmica. Mas se vencer o processo de reprodução do ancestral celeste este feto pode ser abortado e/ou aprisionado, suprimido, o que levaria a biosfera a se constituir tecnologicamente numa maquina perfeita e nos, nela, como peça estupida, robotizada, vivendo como num paraíso auto-suficiente mas sem futuro, apenas aguardando que as transformações do planeta e do sistema solar extingua a vida aqui.

Por isso insisto em divulgar esta cosmovisão, nos temos a opção de escolha, mas apenas se soubermos que existe esta opção de escolha, e soubermos o que existe para escolher, entre o que escolher, qual o caminho a seguir. Nenhuma outra cosmovisão ou conhecimento humano esta’ nos mostrando e alertando sobre esta ameaça que paira sobre nos, a qual, ao mesmo tempo, e uma grande oportunidade para transcender-mos esta forma física e psíquica animalizada. Mas sempre insisto e lembro que elaborei apenas uma cosmovisão “teórica”, e apesar de eu ver nesta cosmovisão maior logica e racionalidade do que em todas as outras existentes que conheço, não tenho certeza absoluta de que isto é a verdade enquanto não conseguir provar factualmente a existência da Matrix/DNA, por isso, o leitor, a leitora, deve raciocinar sobre o que estou sugerindo, e dirigir seus caminhos pela sua própria cabeça. A unica coisa que imploro aos leitores é lerem e raciocinarem sobre o que encontrei como resultado das minhas erradias e debeis pesquisas, feitas nas condições rudes da selva com o cérebro torturado retornando as condições dos primatas selvagens, pois sinto que essa reflexão e extremamente necessária nesta altura da nossa evolução. Quando vejo a juventude ignorando a vida e origens naturais, se apegando a aparelhos eletrônicos como celulares e computadores, cada vez mais escrava da atenção em imagens dos videos nas redes sociais, e vídeo-games, sinto um frio no estomago porque pressinto a dominância da maquina celestial mecanizando os seus cérebros, sinto que o feto de auto-consciência se contorce em agonia ameaçando ser abortado, e como tenho como unica missão e amor na vida a busca de deixar uma geração no caminho mais próximo do ideal para melhorar suas condições de existência, só me resta gritar a existência desta cosmovisão. Mas uma andorinha só não faz verão, se não houver leitores e racionando sobre este tema, acho que nada poderá salvar as futuras gerações. Pense nisso, por favor! Ignore-me totalmente se concluíres que estou dizendo asneiras, pois nem eu sei se estou certo ou errado, me submeto ‘a sua vontade e decisão, mas que ela seja sua decisão e sem a minha influencia.

Apenas para acrescentar entendimento, permita-me apresentar a figura do que denomina “a onda de luz primordial contendo em si, como sua própria anatomia, o principio do ciclo vital, o qual nada mais é que o principio do código da vida porque e’ o principio que organizou a matéria bruta e caótica na primeira forma do sistema universal natural do qual a forma de corpo humano e apenas mais um estagio de sua evolução:

Fig 5: Uma onda de luz inicia-se com uma fonte externa e propaga-se nas dimensões do tempo e espaço pelo mesmo processo do ciclo vital pelo qual nasce e cresce e se desenvolve um corpo humano. Ela nasce como “raios gama” e morre fragmentando-se em suas partículas, os fótons. Estes adentram os elétrons nos átomos e tentam assumir sua maquinaria interna para dirigi-los a se combinarem reproduzindo a anatomia da onda de luz. Os fótons deixam os átomos combinados no processo da radiação eletromagnética, e esta radiação é o que vemos como luz, cujo conjunto forma o que denomino “onda de luz” secundaria produzida no espectro eletromagnético.

Light-The-Electro-Magnetic-Spectrum by MatrixDNA THeory

xxxx

A seguir, o texto de uma seita com seu link abaixo que inspirou-nos neste artigo:

Mudando a densidade do carbono

Nos estamos limpando a básica densidade do carbono fora de nossas subatômicas e molecular estruturas, e tornando menos densos e mais refinados, e nisto estamos ancorando na nossa real cristalina estrutura, a qual e de base silicato cristalino.

Isto e como pegar  um átomo de carbono na sua mais densa forma e tentando alquimicamente mudando em mais refinados estados de padrões oscilatórios de mais eleadas vibrações. Assim, este e nosso objetivo nestes tempos, como natural parte do processo de Ascensão. Portanto, e importante manter isso em mente…

(traduzido em parte do texto abaixo:

Shifting Carbon Density

… there were groups of souls (see Soul Matrix) that were responsible to anchor and work with the first five DNA strands and to participate in the Earth experiment in working with those particular levels of consciousness. Our original goal was to re-evolve the divine human template to its original intention which was as a 12 strand DNA, which would mean 12 simultaneous dimensions of existence while still retaining a particular type of form. The form would not be this dense, in terms of the carbon material our physical elemental body is comprised of at this time. It would be more of a silicate or etheric Plasma Waves type of nature. So, this is where we are going, we are clearing the carbon based density out of our molecular and Subatomic structures, and becoming less dense and more refined, in that we are starting to anchor more of our actual crystalline structure, which is of a silicate crystalline base. We can imagine that as we go through this transformation it can be very intense at times. It’s like taking the most dense carbon form, a Carbon Atom and attempting to alchemically shift that into more and more refined states of oscillating patterns of higher vibration. So, that is our goal at this time, as a natural part of what the Ascension process is. So, it’s important to keep that in mind.

https://ascensionglossary.com/index.php/Silicate_Matrix

Este texto esta numa especie de Wikipedia da seita, cujo link para pagina principal e`:

https://ascensionglossary.com/index.php/Main_Page

O principal website da seita e`:

ENERGETIC SYNTHESIS

https://energeticsynthesis.com/

Veja como a Natureza criou o fenômeno da produção de óvulos – Embriogêneses

domingo, agosto 26th, 2018

xxxx

O Ovulo do Mês e o Germe estelar do Seculo

O Ovulo do Mês e o Germe estelar do Seculo –

Imagem: Jacqeus Donnez, “Observação laparoscópica da ovulação humana espontânea”, Fertility and Sterility 2008

Você está testemunhando a ovulação de um óvulo humano real, capturado no ponto de ruptura folicular. Cerca de 20% das mulheres que ovulam podem sentir a ovulação, uma sensação conhecida como “Mittelschmerz”, que em alemão significa “dor do meio” em tradução livre.
O termo refere-se a uma dor abdominal ou na região pélvica inferior, que ocorre no meio do ciclo menstrual. Algumas mulheres são tão sensíveis que conseguem até mesmo identificar qual dos dois ovários forneceu o óvulo naquele mês.
No entanto a Mittelschmerz é totalmente diferente das cólicas menstruais. Além de se tratar de uma resposta benigna do corpo, geralmente não dura mais do que algumas horas.
Mas aqui fica um alerta: a dor abdominal e pélvica pode significar muitas outras coisas. Por isso, mulheres, caso sintam qualquer desconforto na região, procure um médico.

Porem, para filósofos e pesquisadores que apreciam o conhecimento mais profundo sobre este Mundo, vejamos porque existe este fenômeno natural…

Observação da Matrix/DNA:

Ok. Mas como e de onde a matéria estéril, burra, de um planeta que era turbulento e nada tinha de vida na sua superfície, tirou a ideia para chegar a esta magnifica cena, a este curioso fenômeno natural de extraordinária engenharia?

Resposta:

A Natureza Universal não pode criar novas informações por magica, tudo o que Ela produz é feito com informações que Ela recebeu no instante inicial deste Universo, informações na forma de partículas fótons da onda de luz original. Assim como hoje tudo o que é feito num embrião humano sendo gestado depende de informações existentes no momento da fecundação do ovulo. Essa onda contem em si, ou melhor, ela é, a formula para criar  um sistema universal que iria se desenvolver pelo processo do ciclo vital, portanto, o sistema iria mudar de forma muitas vezes, cada vez mais complexas. Como o corpo humano depois da fecundação começa a mudar de forma – desde a morula, a blastula, o feto… até o adulto, o idoso… um fenômeno produzido pelo processo do ciclo vital. Assim foi formada a forma do sistema atômico, do galáctico, da célula vegetal, animal, etc., tudo numa mesma e unica linhagem evolutiva universal. Então…

Nós podemos ver na formula para sistemas naturais quando ela tinha formado os building blocks das galaxias, este mesmo mecanismo, praticamente esta mesma imagem, quando um germe de um novo astro é liberado do vórtice turbilhonar ( o equivalente astronomico ao folicular humano). Infelizmente o desenho explicitando isto foi feito em rudes condições na selva amazônica, mas creio ser suficiente para se notar a semelhança (clique na imagem para amplia-la):

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos – Matrix/DNA Theory

Vemos o vórtice turbilhonar que se forma numa nebulosa de poeira e gases estelar, e como, apos receber massa degradada e as informações mais energias dos cometas que fazem a função de espermatozoides, liberando as esferas amarelas, que correspondem aos óvulos no nível biológico, as quais vão ser os germes nos núcleos dos novos astros. E para clarificar mais, vejamos a formula universal para sistemas naturais no aspecto de um diagrama de software. O folículo representa a Função 1 e o óvulo a Função 2:

The Universal Formula of MatrixDNA as Software/Closed System

The Universal Formula of MatrixDNA as Software/Closed System

E meu comentário postado no Facebook em 26/08/18:

Veja como a Natureza criou o fenômeno da produção de óvulos – Embriogêneses

Eu nunca vi com meus olhos a imagem de um ovulo nascendo e sendo liberado como nesta imagem, mas vi esta mesma imagem com a mente que estuda, faz os cálculos certos e desenha as imagens mentais. Porem as imagens que vi se referiam as origens da Vida quando da sopa primordial emerge a primeira célula viva, e se referiam ao ambiente celeste nas origens dos astros… Mais uma evidencia e sugestão de que estou no caminho mais certo que o mundo acadêmico nas universidades… Infelizmente, eu preferiria ser o errado e eles o certo, pois seria mais fácil mudar uma cabeça do que assim, com milhões de cabeças duras que estão mentalmente bloqueadas e não querem mudar, evoluir… E por isso 90% da Humanidade continua em péssimas condições de existência e parece que a sua totalidade esta indo numa direcao muito errada…

Razão pela qual não se achou ainda o primata ancestral dos humanos: hibridismo

sexta-feira, agosto 24th, 2018

xxxxx

Denny inherited one set of chromosomes from her Neanderthal ancestors, depicted in this model.Credit: Christopher Rynn/University of Dundee

Denny inherited one set of chromosomes from her Neanderthal ancestors, depicted in this model.Credit: Christopher Rynn/University of Dundee

Cruzamentos férteis entre diferentes especies: Neanderthals e Denisovans

Observe que já se sabia que o homo sapiens tenha vindo de uma linhagem de Neanderthals:  Before the discovery of the Neanderthal–Denisovan individual, whom the team has affectionately named Denny, the best evidence for so close an association was found in the DNA of a Homo sapiens specimen who had a Neanderthal ancestor within the previous 4–6 generations3.

Artigo na Nature:

Mum’s a Neanderthal, Dad’s a Denisovan: First discovery of an ancient-human hybrid

22 AUGUST 2018

https://www.nature.com/articles/d41586-018-06004-0

Paper Original:

The genome of the offspring of a Neanderthal mother and a Denisovan father

https://www.nature.com/articles/s41586-018-0455-x

Abstract

Neanderthals and Denisovans are extinct groups of hominins that separated from each other more than 390,000 years ago1,2. Here we present the genome of ‘Denisova 11’, a bone fragment from Denisova Cave (Russia)3 and show that it comes from an individual who had a Neanderthal mother and a Denisovan father. The father, whose genome bears traces of Neanderthal ancestry, came from a population related to a later Denisovan found in the cave4,5,6. The mother came from a population more closely related to Neanderthals who lived later in Europe2,7 than to an earlier Neanderthal found in Denisova Cave8, suggesting that migrations of Neanderthals between eastern and western Eurasia occurred sometime after 120,000 years ago. The finding of a first-generation Neanderthal–Denisovan offspring among the small number of archaic specimens sequenced to date suggests that mixing between Late Pleistocene hominin groups was common when they met.

Origens dos Animais: Ediacaranos a 571 milhões de anos?

sábado, agosto 18th, 2018

xxx

https://hypescience.com/cientistas-repensam-teorias-sobre-a-evolucao-apos-estudar-alguns-dos-primeiros-animais-do-planeta/?utm_source=onesignal&utm_medium=push_onesignal&utm_campaign=newpost_onesignal

Cientistas repensam teorias sobre a evolução após estudar alguns dos primeiros animais do planeta

Como os membros da biota ediacarana foram agora classificados como animais, podemos datar a origem do reino animal pelo menos no momento em que esses fósseis apareceram. Os membros mais antigos desses grupos são conhecidos como “rangeomorfos” (da ordem Rangeomorpha) e aparecem no registro fóssil há aproximadamente 571 milhões de anos, no final do período Ediacarano.

Fantástica indicação da previsão da Matrix/DNA sobre “dois processos para formação de galáxias”?

sexta-feira, junho 15th, 2018

xxxx

http://www.pnas.org/content/early/2018/06/04/1720167115

Neste paper da PNAS, pela primeira vez vejo mencionado   com grande insistencia os termos “first generation”, and “second generation” referindo-se a nebulosas estelares e pre-condicoes de formação do sistema solar. Assim de chofre sem ler cuidadosamente o paper, estou entendendo que separaram a formação destes sistemas em duas fases porque numas amostras de material interestelar so’ aparecem moléculas e elementos nao-organicos, e em outras amostras aparecem estes ingredientes acrescentados de carbono organico…! Isto e’ fenomenal para o modelo teórico astronomico da Matrix/DNA.

Primeiro porque fui o primeiro ( a 35 anos atras) a sugerir como resultados dos meus modelos que – assim como a célula vital teve duas fases ou dois processos diferentes de formação ( a primeira quando formou a primeira célula e a segunda quando a célula aprendeu a se reproduzir e formou todas as outras posteriores – também a formação de galáxias e/ou sistemas estelares tiveram dois processos de formação, pelo mesmo motivo. Como na teoria tratamos da formação do building block de galáxias, não pudemos ate hoje calcular como teria sido a transformação da primeira para a segunda fase, pois isto envolveria um estudo químico muito complexo e detalhado. Com isto ficamos sem afirmar um modelo de formação da Via Láctea e do nosso sistema solar, por não saber-mos se pertencem `a primeira ou segunda geração.

Se nos debates e fóruns da Internet em que participei esta alusão a dois processos de formação produziu nos interlocutores discredito, incompreensao e ate’ ironías, acontece que eles ainda nao sabiam destes recentes estudos e revelações dividindo as gerações pela Ciência Astronômica Oficial.

Outra grande e espetacular possibilidade que surge com estas recentes descobertas vai de encontro com outra sugestão feita a 35 anos atrás: a de que os sistemas astronômicos são internamente exclusivamente físicos e mecânicos, porém já apresentam uma cobertura de organização orgânico-biológica da matéria, a qual evoluiria para os princípios da origem da vida. Quando eu dizia isto então, os ouvintes iam ao delírio do criticismo. Pois neste paper se descobre que o carbono organico ja existia nas nebulosas pre-solares de segunda geracao e inclusive era forte catalizador na agregação de grandes compostos de elementos inorgânicos.

E para quem não percebeu ainda, a propalada transformação do inorgânico para o orgânico que sempre e’ acreditada nas teorias das origens da vida existentes, pode estar errada, e pode estar certa a minha teoria quando sugeriu ha’ 35 anos atras que esta transformacao se deu fora e antes da formação da Terra. Assim como a minha teoria está sugerindo que a teoria evolucionista darwiniana esta demasiado incompleta porque  a evolucao biologica neste planeta foi e e’ afetada por variáveis vindas da evolucao cosmologica ainda desconhecidas de quem não conhece a minha teoria.

Um dos textos do paper referindo-se a duas diferentes gerações:

” We interpret these observations as evidence for two sequential generations of aggregation, possibly in different environments. GEMS are thus first-generation aggregates in which subgrain mantles may have played a role in the aggregation (or accretion) process. The second generation of aggregation involved sticking of GEMS grains, crystals, and nanoglobules, also perhaps facilitated by a second generation of mantles, to form the aggregate structure with organic matrix observed in cometary IDPs…. 

Espero que tenha tempo, condições financeiras e disposição para retornar a este paper com link acima para fazer uma detalhada pesquisa nos papers derivados e relacionados ao tema. São centenas, milhares de indicações, evidências, como estas, que me fazem suspeitar que realmente a minha teoria tenha uma forte conexão com a realidade da natureza universal…

mais evidencias astronomicas para o modelo da Matrix/DNA: estrelas velhas quietas x novas inquietas

segunda-feira, junho 4th, 2018

xxxx

http://mensageirosideral.blogfolha.uol.com.br/2018/05/30/estudo-com-estrela-similar-ao-sol-ajuda-a-explicar-evolucao-da-vida-na-terra/

Estudo com estrela similar ao Sol ajuda a explicar evolução da vida na Terra

Meu comentario enviado ao artigo (checar se foi publicado)

Sao trabalhos assim que podem se tornar o ‘breakthrough” em Ciencias, e obter uma descobertas que revolucione o estudo das origens e evolucao da vida na Terra. parabens `as astronomas brasileiras. Existe uma possibilidade inversa: que as invasoes solares tenha fornecido elementos catalizadores ou informacoes decisivas para mudancas ou desenvolvimento de uma vida que teria estado bilhoes de anos parada, como sugerem os meus modelos na Teoria da Matrix/DNA. Afinal, nao foi esse “boost” vindo de meteoritos e cometas que trouxeram elementos faltantes?

Broto do Feijão Encurvado: Mais evidencias para a formula da Matrix/DNA

terça-feira, maio 22nd, 2018

xxxx

Asaptacao vegetal da F1 da formula MatrixDNA

https://www.facebook.com/PenseCiencia/photos/a.478735305648883.1073741828.474008256121588/840990512756692/?type=3&theater

Sabe o brotinho de feijão no algodão que nasce curvado?

Quando o broto tem que atravessar a terra ele deve proteger as primeiras folhas que vão surgir, por isso ele brota curvado, protegendo a gema apical.

Comentário da Matrix/DNA:

Exata copia e aplicação da Natureza da formula denominada Matrix/DNA.

Forma errada de ensinar a pensar a realidade da Natureza. Plantas não tem cérebros, não podem prever o futuro, então não e’ “ela não atua com o proposito de proteger de proteger as primeiras folhas que ainda vão surgir”. Não pode ser por esse motivo que o germe na semente brota curvado. A seguir as simples leis naturais, a tendencia do germe e’ botar na direcao da porcão de terra acima dele que estiver mais quente, e por isso, ele já brota procurando e se dirigindo na direcao da luz do Sol. Então porque o broto agora neste tempo da sua evolução, esta brotando curvado? Existem duas respostas possíveis. Uma e’ que tempos passados uma ou mais sementes tinham alguma matéria dura acima dela (pedra, rocha, etc.), e seu talo não conseguia subir em linha reta, mas seu crescimento imperativo o fez contornar a pedra. Aconteceu que algum talo conseguiu aflorar a superfície e salvar o germe, o qual se reproduziu com esse registro em sua genética, iniciando uma mutação. Como no lugar havia muitas sementes nesta situação, os germes que não conseguiam aflorar a superfície não deixavam prole, enquanto os curvados se reproduziam mais e esta mutação se estabeleceu definitivamente.

A segunda resposta e’ um complemento da primeira, porem e’ outra teoria mais “abstrata”, reduzida a um pequenos circulo de observadores da Natureza Universal e não apenas local. Estes descobriram uma formula abstrata que suspeitam existir realmente devido o acumulo de evidencias já compiladas, e segundo esta formula, os brotos se desenvolvem encurvados por primeiro imperativo da lei natural. Desde que a formula seria a responsável universal que a Natureza aplica sempre que cria qualquer nova forma de sistema natural, organizando massa de simples sistemas para construir sistemas mais complexos, ela atuou também na evolução dos vegetais. A formula para o entendimento humano e’ representada e desenhada como a figura de um diagrama, e basta comparar a cena do talo encurvado com a figura para se entender como e porque o talo se encurvou e se fixou assim. Na formula o germe representa a função sistêmica F1 ( ver figura abaixo), e a emissão do germe fora do casulo o faz mover-se encurvado para a esquerda, no sentido horário, tornando-se F2. Portanto, esta característica de talos se encurvarem ao nascer e’ um mecanismo real natural que já estava a disposição das unidades de informação do DNA do broto vegetal, pois a mesma formula esta copiada, reproduzida, nestas unidades do DNA. Portanto, os primeiros brotos nos primórdios dos vegetais nasceram encurvados por lei herdada do sistema gerador ancestral, mesmo que seu “instinto” o fizesse tender para nascer na direcao da luz. Seia mais difícil explicar se ele se apresentasse agora em linha reta ao invés de encurvado.

FORMULA DA MATRIX/DNA:

 

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

 

 

Mutações no DNA são filmadas quando estão ocorrendo!

quinta-feira, março 15th, 2018

xxxx

https://www.youtube.com/watch?v=Vi38IqxkW68

Mutating DNA caught on film

http://www.sciencemag.org/news/2018/03/mutating-dna-caught-film

Mutações no DNA fazem células de tumores crescerem fora de controle, mas elas também geram variações que capacitam organismos a se adaptarem a seus ambientes e evoluírem.

Ate’ agora, biólogos tem tido somente rudes métodos para estimarem a razão media e efeitos das mutações. Mas em um novo estudo, biofísicos documentaram mutações individuais enquanto elas aconteceram nas células de bactérias.

Estas mudanças ocorrem na mesma razão no tempo – opostos a erupções ao acaso – e somente 1% são mutações mortais.

Todas bactérias de mesma especie parecem ter a mesma razão de mutações – cerca de uma mutação em cada 600 horas em bactérias normais, e cerca de 200 mutações por cada 600 horas em bactérias sintetizadas geneticamente e artificialmente para mutarem numa razão mais rápida.

( continuar lendo e traduzindo artigo)