Archive for setembro 8th, 2011

Recursos para Auto-Critica: Estou me Tornando um “Crank”?

quinta-feira, setembro 8th, 2011

Ninguem é capaz de delienar uma exata picture of itself. Os “outros” são sempre melhores nisso que nós. Mas temos que ter desconfiômetros e sempre fazer uma pausa para um exame de consciência: o que estou fazendo (nesta militância pela Teoria da Matrix/DNA), é certo? É racional, ao menos? Por exemplo, o meu desconfiômetro está sempre aptando o alarma me sugerindo que posso estar perdendo o contrôle das rédeas da Razão, que estou me tornando – ou já me tornei – um looser crank. Mas logo em seguida acho que não, não tenho outra alternativa, que estou no caminho certo, etc. Para amenizar este conflito interno e sempre lembrar que nunca devo ser categótrico, afirmativo, tratando-se de uma teoria, é bom ter às mãos para esporádicas consultas e auto-vigilância, alguns recursos para desconfiômetros, como os artigos abaixo.

how cranks and mad scientists are born

How cranks and mad scientists are born

2010 August 13

xxxxx

http://www.skepticblog.org/2010/07/08/martin-gardners-signs-of-a-crank/

Martin Gardner’s Signs of a Crank

by Brian Dunning, Jul 08 2010

xxxxx

Esoterismos Relacionados à Matrix/DNA

quinta-feira, setembro 8th, 2011

CAMINHOS MODERNOS DO CONSCIENTE COLETIVO

A Internet é uma grande ferramenta quase mágica para conectar os bilhões de pedaços separados do consciente coletivo. Porque com a Internet cada um dêstes pedaços tem a possibilidade de alardear que “eu existo e estou aqui… e sugiro que caminhemos nesta direção”. Como tambem serve para cada qual tentar alardear e vender seu produto e assim continuar sobrevivendo da melhor maneira possível.

Com isso, navegando na Internet, ficamos sabendo que existem pedaços de consciência comunicando coisas estranhas, curiosas, algumas das quais nos pegam de jeito e passam a infectar nossos pensamentos como viruses. Será verdade isso tudo que essa pessoa está dizendo?! Mas de onde essa pessoa tirou isto?! Do que é capaz a consciência humana para criar em termos de fantasias… o que é a imaginação… onde ela se alimenta, de onde retira seus building blocks?! Ou isto tudo não será imaginação mas sim intuições, penetrações da consciência em possíveis dimensões desconhecidas? Ou será uma mistura dos dois anteriores, quando a consciência, em estados alterados capta flashs de dimensões não perceptiveis aos sentidos naturais e sem conhecer a totalidade das dimensões ou eventos de onde vem os flashs, ela tece suas interpretações, algumas corretas, outras locupletas de êrros? Onde está a verdade nisso tudo?

By the way – enquanto êste autor da Teoria da Matrix/DNA (que tambem é mais um dos pedaços gritando na Internet de algum canto que tambem existe e tambem tem uma nova sugestão de melhor caminho) acredita que sua cosmovisão é fruto do mais puro materialismo-naturalista, baseada apenas em fatos reais e no que os nossos cinco sentidos percebem de fato – tenho visto na Internet algumas vozes dizendo coisas incomodas porque parecem ser criações misticas irresponsaveis, mas ao lê-las, se depara com coisas inquietantes que se relacionam com o atual estado de entendimento da Matrix/DNA, e mais, estas vozes instigam-me com mágicas e fantasticas possibilidades se eu conduzir a pesquisa nesta e naquela direção, etc. Como despreza-las? Vejamos êste exemplo:

Os 97% do DNA que dizemos ser lixo são informações bloqueadas por alienigenas super-inteligentes do espaço que deixam apenas 3% funcionando porque isto produz uma energia à volta da nossa cabeça ou ao redor da Terra cujos ingredientes são o mêdo, a angustia, o stress, energia esta que é do que se alimentam, portanto aqui fazem a colheita do seu prato predileto, para nosso infortúnio… Mas vocês vieram da Family of Light, vocês são muito superiores do que estas condições suas agora, seu DNA tem doze hélices ao invés das duas que estão funcionado e você, apenas você pode se salvar se fizer isto e mais isto… e veja que não estou vendendo nada, apenas sugerindo exercicios meditativos…etc., e etc.,… Mas aí vem uma grande dissertação com a narrativa de uma incrivel história no passado de guerras entre deuses, etc., porem… que começa a bater muitas coisas com a história que está sendo sugerida pela Matrix/DNA, um produto materialista/naturalista… penso eu. Como escapar dessa teia, tentar ignora-la varrendo-a para debaixo do tapete? Não consigo fazê-lo de todo… para escandalo dos céticos do Universal Skeptical Guide, a coisa fica como um virus que infectou o pensamento e de vez em quando fica retornando… no estilo dos “meme” de Dawkins.

Se apenas ler rapidamente as principais linhas daqueles longos textos esotéricos e sair fora do blog, fico com a consciência pesada sempre achando que estou desprezando algum tesouro para a Matrix/DNA e minha própria cura/salvação/evolução. Por isso, abro êste capitulo e categoria, para aqui ir registrando todo material nessa área que me chamar atenção, esperando que tenha tempo e possa a eles retornar e fazer comparações/pesquisas à luz da Matrix/DNA. Vamos lá então:

1) http://www.themistsofavalon.net/t1854-the-short-comings-of-our-dna-and-the-matrix-my-side-of-the-story

The Mists of Avalon

The Short Comings of Our DNA and the Matrix – My Side of The Story
horus on Wed Feb 09, 2011 11:57 am

(observe que aqui há vários links para correlacionados)

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx