Archive for maio 31st, 2012

As formigas continuam a nos surpreender com sua sabedoria. Veja mais um interessante vídeo.

quinta-feira, maio 31st, 2012

O que é que gratifica animais sociais como formigas, abelhas e humanos com uma vantagem evolucionária? A esta pergunta cientistas tem respondido: a capacidade de desenvolvida comunicação. E o cientista autor do vídeo abaixo sugere uma surpreendente novidade: “A principal forma de comunicação entre as formigas é o cheiro, uma variedade dêles que podem formar palavras, frases, textos, e êstes cheiros vem de substancias produzidas no corpo da formiga, como hormonios.”

Bem… de fato, comunicação é uma característica comum a tôdas as três espécies. Mas não estou entendendo como funcionam as operações cerebrais dêstes meus companheiros de causa na investigação dos místérios da Natureza, os quais foram educados nas universidades enquanto tive essa educação no mundo selvagem da selva amazônica tambem. Pois existe uma outra palavra-chave, uma característica emergente nova, que apenas existem nestas três espécies: ” SISTEMA”. Os individuos se organizam num “sistema”, ao qual denominamos “social”. Creio que a diferença entre nossas formas de ver o mundo está em que na universidade somos condicionados pelo método cientifico que é reducionista e prova disso é que as ciências dos sistemas naturais está paralizada, negligenciada, desde que os matemáticos e cibernéticos como Wiener e Rosenthal se apossaram da atitude pioneira de Bertallanffy ao erigir a Teoria Geral dos Sistemas e a desviaram para sistemas artificiais computacionais. Enquanto isso, na selva, os nativos na sua simplicidade e desconhecimento cientifico acreditam que quando ocorre uma eclipse da lua é porque ela está menstruada, ou seja, tudo estaria conectado num universo vivo que funciona como um sistema.

Enquanto “sistema” é uma característica apenas destas três espécies, a comunicação não é. Vemo-la entre pássaros, baleias, e agora estamos descobrindo que ela existe até entre as criaturas mais primitivas como os corais, pois o “quorum sensing” é uma forma de comunicação. Porque ela não gratifica tambem as outras espécies? “Porque não é tão desenvolvida”- responderiam. Eu sou cuidadoso com essa palavra, “desenvolvido”, porque acho que ela é relativa: animais ou até plantas só precisam se comunicarem até que conseguem praticamente satisfazerem suas necessidades primárias. Para que bactérias iriam desenvolver mais sua comunicação? Para debater filosofia?

A captação da característica “sistemas” me fêz sair correndo atrás dos modêlos da Matrix, pois é a unica fonte existente no conhecimento da humanidade sugerindo a fórmula de um sistema natural perfeito e completo. Como estaria êsse fenômeno denominado “cheiros”,  representado na fórmula? Ou melhor: quais seriam os elementos e fôrças eletro-magnéticas, atômicas, astronômicas, que foram os principios ancestrais dessa forma mais complexa que emergiu nos sistemas biológicos?

E o que achei nos modêlos? Estas substancias, hormonios, são a contrapartida biológica dos trechos do circuito da fórmula universal para sistemas naturais, e a soma dêstes “trechos” resulta no circuito completo. Ora o circuito inteiro produz a “identidade”, a “personalidade própria” do sistema, que é superior e diferente a cada uma das personalidades de suas peças. Portanto é o sistema que, para funcionar e encontrar seu ponto ótimo de equilibrio termo-dinamico, faz as suas peças, que nêste caso particular, são as formigas, se conectarem, e para isso aplica o que denominamos “comunicação”. O que era simples campos de fôrças magnéticas nos sistemas astronomicos foram mais sólidamente materializados na superficie terrestre na forma de hormonios quando a fórmula natural queria erigir sistemas sociais entre seres vivos mais primitivos. Assim como já descobrimos aqui que a mesma função de expressar trechos do circuito sistêmico nos sistemas celulares é executada pelas proteínas. Se queres entender mais profundamente o que são proteínas pense em veículos de comunicação.

A causa fundamental do sucesso dos sistemas sociais é o fenômeno sistêmico, a comunicação é apenas um de seus efeitos. Vejamos o excelente video e depois a seguir descrevo o motivo do debate e a explicação mais detalhada da minha teoria.
xxx

xxx
Estas três espécies são as três mais evoluídas e que melhor qualidade de vida conseguiram, dentro de suas respectivas grandezas: formigas dentre os insetos rastejadores, abelhas dentre os voadores, humanos dentre os mamiferos. É possível que os cientistas tenham razão e quem sou eu para questiona-los? Porem estou suspeitando que a comunicação é apenas um efeito de algo que vem antes, de uma outra causa fundamental. Os cientistas não conhecem a Teoria da Matrix/DNA – e se ouvissem ela ser definida em poucas palavras, como por exemplo –  “A Matrix é o código genético universal que vem evoluindo incorporada em átomos, galáxias e seres vivos. ” – fatalmente mandariam parar imediatamente e diriam não mais querer ouvir falar sôbre tamanha incoerência. Mas até agora ninguem mostrou em têrmos racionais e fundamentados na lógica natural pura o que de real e natural a proíbe de existir, e onde está essa incoerência. A meu ver, a cosmovisão acadêmica, ao separar a evolução cosmológica da evolução biológica, é que é a incoerente. Portanto, considero essa teoria ainda uma científica possibilidade e sendo assim comparo todos os fenômenos naturais que vou conhecendo com a lógica da fórmula da Matrix, enquanto ela resistir a êsse teste. Por exemplo, observo detalhadamente os sistemas sociais de formigas, abelhas e humanos, e vejo-os a todos como mera cópia reprodutiva da fórmula sistêmica da Matrix em diferentes regiões e tempos e com diferentes materiais. Já tenho registrado aqui vários artigos cada qual mostrando como cada detalhe dos sistemas sociais de formigas, abelhas e seres humanos, são reflexos de detalhes da fórmula da Matrix. Ora, o sistema social destas três espécies apresentam uma grande quantidade de características em comum. Mas todas estas caracteristicas comuns estão presentes tambem em mais três sistemas, se êstes realmente são como a Matrix sugere: o sistema galáctico original, os sistemas atômicos e o sistema nucleotideo. Por ultimo tôdas estas caracteristicas são encontradas tambem em outro lugar: na fórmula da Matrix!

Suponhamos por um breve momento que a teoria está mais certa que errada e a Matrix exista. O que salta de imediata à nossas conclusões é que a comunicação não é a resposta certa. Pois as partículas de átomos e os astros de galáxias não devem se comunicarem. E no entanto apresentam as mesmas caracteristicas, a mesma vantagem evolucionaria, e a mesma qualidade de existência. Portanto, quando comparamos as três espécies citadas acima, não apenas entre si, mas acrescentando mais outros tipos de sistemas naturais, a comunicação deixa de ser uma caracteristica comum. Isto se a teoria da Matrix estiver mais certa que errada.

Sequindo ainda essa suposição, a comunicação de todos os indivíduos de um sistema social, é um fenômeno recente, pois existiam sistemas sociais antes de aparecerem os seres vivos que não possuem essa propriedade. Existe nêstes sistemas primordiais sim, um principio, um protótipo, de comunicação, mas ela é restrita a apenas dois indivíduos, ou duas peças, ou seja, é uma comunicação que só existe entre pares. A comunicação entre um par qualquer de individuos não é captada pelo restante da população. Essa comunicação inanimada, primordial, abstrata é efeito da fôrça do ciclo vital que já atuava sõbre particulas de átomos e astros de galáxias. Para ilustrar vamos recorrer ao corpo humano. Sob o efeito do ciclo vital êsse corpo muda de forma a cada minuto que uma célula morre e sua cópia vem substitui-la, mas sempre com alguma minima diferença. Para facilitar nosso entendimento vamos negligenciar as milhares ou milhões de formas diferentes que um corpo humano apresenta ao longo de 80 anos de vida, e vamos agrupa-las em dez principais: as formas de mórula, blastula, feto, embrião, bebê, criança, jovem, adulto, idoso e cadáver. E agora uma pergunta estupida: existe alguma forma de comunicação entre estas formas de um unico corpo?

A uma pergunta esdruxula talvez surja uma resposta interessante: “Impossível, pois nunca duas formas existem ao mesmo tempo. Quando uma forma está existindo, tôdas as outras não existem.” Mas… será mesmo?

A Matrix sugere que existe uma situação em que duas formas suscessivas de um ciclo se comunicam. É quando um grupo de ciclos vitais se juntam e formam um sistema.

Hã?! É o método usado pela Natureza para montar os sistemas naturais inanimados, como átomos e galáxias. Antes das origens de tais sistemas existem apenas um tipo de corpo, com uma só forma. Por exemplo quando a nebulosa de átomos se dividiu em muitos corpos contendo colonias de átomos. Todos os corpos eram de um unico tipo, uma forma. Mas alem dêsse corpo, no Universo existe ondas de luz, cada emissão de luz contem sete tipos de vibrações ( desde o raio X ao infravermelho e o radio, etc.). E é interessante notar que estas vibrações se transformam, e sempre numa mesma sequencia. Esta propriedade de transformação em sete formas de frequencias faz com que uma emissão de luz apresente uma fôrça idêntica à força do ciclo vital. Então suspeitamos que ao incidir e penetrar um daqueles corpos originais de mesma espécie, e ao ser aprisionada dentro dos corpos, a luz modela a matéria do corpo no sentido em que ela é movida. Isto, transporta para os corpos a propriedade dos ciclos vitais. Então aconteceu que aquela forma de corpo original começou a se transformar até apresentar milhões de formas diferentes mas vamos resumir em poucas formas principais: neutrons, protons, eletrons para as particulas, e estrêlas, pulsares, planetas, buracos negros, etc., para os astros.

Flutuando no espaço sideral, agora teriamos milhões de astros e em muitas formas diferentes, mas espalhados ao acaso, caóticamente. Porem existia um motivo para duas formas diferentes se aproximarem e orbitarem-se mutuamente: o elo do ciclo vital entre um jovem e um adulto, ou entre crianças e adolescentes, o qual torna-se difuso entre duas formas distantes, por exemplo, entre idosos e adolescentes. A Matrix está sugerindo que o Universo tenha uma substancia de fundo que seja uma espécie de luz natural universal, talvez efeito do Big Bang, tão forte que nos cega os olhos e por isso estamos vendo-a com olhos cegados e pensando que é matéria ou energia escura. Essa matéria escura apresentaria a mesma propriedade das sete vibrações e portanto o Universo seria dividido entre regiões por intensidade de vibrações, o qual seria o fator que mantem e expressa um elo entre dois astros suscessivos. Isto será testável e provado quando tiver-mos meios, por exemplo, de medir a fôrça gravitacional no inteiro Universo. Mas pode ser que não precisemos apelar para essa matéria escura “viva”, talvez a aproximação entre duas formas vizinhas e suscessivas de um ciclo vital seja automatica, natural. É este elo proporcionado pelo ciclo vital que a Matrix sugere ser os primórdios da primeira comunicação no Universo. ANTES DAS ORIGENS DOS SERES VIVOS.

Se não for a comunicação, então o que é que existe na Natureza que gratifica os corpos mateirias que se tornam unidos num sistema social? Ora a pergunta já se respondeu: sistemas naturais.

Êstes sim, existem antes dos seres vivos e desde os momentos iniciais do Universo, e provavelmente ainda antes dessa origem. Sistema é a caracteristica comum que está presente em todas estas espécies de corpos mateirias, de átomos a formigas. E sistema é algo que está gravado num par de nucleotideos, que é a unidade fundamental de informação no RNA e DNA. Mas a forma do sistema que está ali gravada é a mesm forma para sistemas galácticos. Conclue-se então, enfim, que quem dá essa vantagem evolucionaria é a fórmula da Matrix Universal.