Archive for janeiro 22nd, 2013

Câncer: Bits-Informação denominados “Protooncogenes”, do DNA-lixo, Inativos, Retornam à Atividade.

terça-feira, janeiro 22nd, 2013
Combate ao Câncer
http://www.combateaocancer.com/o-que-e-o-cancer/
Como surge o câncer?

As células que constituem os animais são formadas por três partes: a membrana celular, que é a parte mais externa; o citoplasma (o corpo da célula); e o núcleo, que contêm os cromossomas, que, por sua vez, são compostos de genes. Os genes são arquivos que guardam e fornecem instruções para a organização das estruturas, formas e atividades das células no organismo. Toda a informação genética encontra-se inscrita nos genes, numa “memória química” – o ácido desoxirribonucleico (DNA). É através do DNA que os cromossomas passam as informações para o funcionamento da célula.

Uma célula normal pode sofrer alterações no DNA dos genes. É o que chamamos mutação genética. As células cujo material genético foi alterado passam a receber instruções erradas para as suas atividades. As alterações podem ocorrer em genes especiais, denominados protooncogenes, que a princípio são inativos em células normais. Quando ativados, os protooncogenes transformam-se em oncogenes, responsáveis pela malignização (cancerização) das células normais. Essas células diferentes são denominadas cancerosas.

Pesquisa:

Wikipedia (Portugues): Proto-oncogene

Um proto-oncogene é um gene normal que se torna um oncogene devido a uma mutação ou ao aumento de expressão gênica. As proteínas resultantes podem ser denominadas “oncoproteínas”.[1] Os proto-oncogenes codificam proteínas que ajudam a regular o crescimento e a diferenciação celular. Os proto-oncogenes também estão frequentemente envolvidos com a transdução de sinal e com a execução de sinais mitóticos, geralmente através de seus produtos proteicos. Com suaativação, um proto-oncogene (ou seu produto) se transforma em um agente indutor de tumores, um oncogene.[2] Exemplos de proto-oncogenes incluem RASWNTMYCERKTRK. A expressão de oncogenes pode ser regulada por microRNAs(miRNAs), pequenos RNAs com 21-25 nucleotídeos de comprimento que controlam a expressão por downregulation.[3] Mutações nesses microRNAs podem levar à ativação de oncogenes.[4] Os RNAs mensageiros antissenso podem, teoricamente, ser utilizados para bloquear os efeitos dos oncogenes

Oncogene

Oncogene é a denominação dada aos genes relacionados com o surgimento de tumores, sejam malignos ou benignos, bem como genes que quando deixam de funcionar normalmente, transformam uma célula normal numa célula cancerosa. As versões de função normal de oncogenes, os proto-oncogenes, são genes responsáveis pelo controle da divisão celular (mitose), da diferenciação celular e da tradução proteica. Após sofrer uma mutação génica somática, por exemplo, uma translocação, amplificação ou mutação pontual um proto-oncogene torna-se eventualmente um oncogene.

Muitos oncogenes já foram identificados, os principais dos quais relacionados ao surgimento do câncer de mama.

Formação de tumor a partir de oncogene

Durante a divisão celular, é usual ocorrer erros genéticos durante a replicação do DNA. Erros esses que são normalmente corrigidos pela maquinaria de reparo de DNA. Quando a maquinaria de reparo de DNA falha em consertar um erro na sequência de DNA que corresponde ao proto-oncogene, esse erro é mantido, ou seja, ocorre uma mutação. Duas situações poderiam ocorrer, considerando tal mutação:

  • O produto proteico de um proto-oncogene continua activo e funcional – como em uma mutação silenciosa, onde a troca da base azotada permite manter o mesmo aminoácido.
  • A mutação confere características oncogênicas às proteínas que antes controlavam a divisão celular. O produto proteico do que era um proto-oncogene passa a apresentar acção deficiente ou fica inactivado – por ex., por mutação que insere códon de parada ou altera a fase de leitura do RNAm – deixando de existir qualquer controlo da divisão celular. Quando isto ocorre diz-se que o oncogene foi ativado

Ingles: Wikipedia

Oncogene

Oncogene e Causa do Câncer: Mutação Causa Hiperatividade

Oncogene e Causa do Câncer: Mutação Causa Hiperatividade

An oncogene is a gene that has the potential to cause cancer. In tumor cells, they are often mutated or expressed at high levels.

Most normal cells undergo a programmed form of death (apoptosis). Activated oncogenes can cause those cells, that ought to die, to survive and proliferate instead. Most oncogenes require an additional step, such as mutations in another gene, or environmental factors, such as viral infection, to cause cancer. Since the 1970s, dozens of oncogenes have been identified in human cancer. Many cancer drugs target the proteins encoded by oncogenes

Oncogene Journal – Nature Publishing

http://www.nature.com/onc/index.html

Ignorar Informações da Economia, Ciências e Politicas Sociais Te Torna Ruim Para Ti e para a Humanidade. Veja Como e Porque.

terça-feira, janeiro 22nd, 2013
Surpreendente, inusitado e ótimo artigo apareceu no ” PAPODEHOMEM”  sob o titulo,

O mal é a falta de atenção

http://papodehomem.com.br/o-mal-e-a-falta-de-atencao/
escrito por por 
em 22/01/2013 às 0:01
E abaixo segue a lista de comentários onde eu postei o seguinte:
Avatar
TheMatrixDNA •  7:10 PM – Jan – 22 – 2013

Por exemplo eu fui menor abandonado vivendo nas ruas e por isso sempre observei as suas familias por uma diferente perspectiva: os inves da sua familia nuclear ser uma instituição sagrada e louvavel, ela é a fonte de muitos males, inclusive culpada pela existencia dos sem-familia que se tornam seus salteadores e culpada dos sem-familia como eu passar a vida como escravo no trabalho sujo e barato. A verdadeira sagrada familia seria aquela que foi sonhada por um ingenuo e idealista carpinteiro, na qual, “todos os irmãos, todas as mães, são tambem igualmente meus…”. Por isso fugi para o meio da selva amazonica, viver isolado no meio dos animais foi melhor: sofria muitas dores fisicas mas era mentalmente livre. E a selva me sugeriu uma nova visão do mundo a qual explica de maneira diferente as causas que corrompem o carater humano e gera a alienação que os tornam cegos para seus maus comportamentos. Estas causas vêm do sistema natural astronomico que criou-nos como sistemas biológicos, e elas vêm na forma de forças inseridas em particulas de luz, os fotons, que atuam como genes de nosso ancestral astronomico. Mas esse nosso ancestral é composto de hardware e software, e o software pode ser hermafrodita ou bi-sexual, dependendo da forma do sistema que ele estiver atuando. Por isso os antigos videntes tiveram a intuição de que teria existido ancestrais inteligentes e divididos em dois sexos (o software astronomico chamdo de Adão e Eva). Estes genes invadem a terra, penetram seus atomos, inclusive os do nosso corpo e tentam reproduzir o sistema de onde vieram. Acontece que o sistema ancestral astronomica é uma espécie de maquina quase perfeita, um sistema fechado em si mesmo que cortou relações com todo o resto do mundo e ele foi criado por nossas formas não-vivas ancestrais, Adão e Eva, porque sucumbiram aos encantos e tendencia da materia, que é se tornar um sistema em equilibrio termodinamico para descanso da inerte massa porem sob intensa vibração para a inquieta energia. Esse ancestral é explicado um pouco pela mecanica newtoniana e estes fotons-genes que representam o nosso carater de bilhões de anos atras sao uma força nos dirigindo a nos tornar-mos apenas uma peça na engrenagem de uma maquina. Somos dirigidos por dentro de nós (nosso DNA) e por fora de nós ( o total ambiente do mundo externo) a ser-mos mais um exemplar do estremo egoismo constituindo os sistemas fechados em si mesmos. Por isso não percebemos a hipocrisia de nossos comportamentos e quando o percebemos – como você começou a fazê-lo neste artigo – não temos força para resisitr e idéias para mudar. Apenas o conhecimento do inimigo, seu desmascaramento, como a Matrix/DNA está fazendo, poderia nos dirigir aos comportamentos que salvassem a nossa auto-consciencia de cair nas garras dessa maquina como escrava estupida e prisioneira. Bem… isso foi o que concluí após sete anos observando a natureza no meio da selva, o espaço estrelado que me envolvia e fazendo perguntas, conectando os fatos e eventos…mas posso estar todo errado. E tomara que esteja!