Archive for fevereiro, 2013

Brain Prostheses Create a Sense of Touch in Artificial Limbs – http://www.sciencedaily.com/releases/2013/02/130217084121.htm

domingo, fevereiro 17th, 2013
http://www.sciencedaily.com/releases/2013/02/130217084121.htm

Mais Uma Descoberta Cientifica Reforcando a Teoria da Matrix/DNA:Nao-Linearidade Matematica na Natureza.Human Hearing Outsmarts Physical Limits-http://www.evolutionnews.org/2013/02/human_hearing_o068941.html

sábado, fevereiro 16th, 2013

Mensagem da Matrix/DNA aos Brasileiros no Exterior…Como Eu…

domingo, fevereiro 10th, 2013

Ctib Central do Trabalhador Imigrante

Comentário postado na pagina do Facebook, em:

http://www.facebook.com/ctib.centraldotrabalhadorimigrante

O trabalhador Imigrante esta sendo completamente pisado por uma taxa tributaria, que literalmente depena a classe trabalhadora nos Estados Unidos! o Governo Obama esta tomando todo o Dinheiro do Trabalhador, que paga muito caro para trabalhar. Alem disso a relação trabalho Capital é injusto, e desigual! Alem de não se ter o 13 salário, também não possuímos repouso remunerado, aviso prévio, fundo de garantia, saúde publica, orgazacoes sindicais…! O Trabalhador nos Estado Unidos são completamente fragilizados diante dos patrões, não existe a correlação de forças entre as classes, se faz necessário a criação de Sindicatos de classes nos Estados Unidos. A CTIB conclama os trabalhadores para meditar sobre esse assunto….!

E o nosso comentário postado:

Nós estamos na casa de outros, que nos receberam, então temos que nos adaptar aos seus sistemas. Não foram nossos pais, avôs, que construíram estes paises portanto não temos que dar opinião no sistema dêles. Temos sim que ser militantes ativos e participantes das decisões sociais no Brasil, onde nossos ancestrais trabalharam feito burro para construir aquilo e lá temos direitos iguais a generais, a Eike Batistas, etc.. Para que nossas futuras gerações não sejam expulsas de sua terra pela pobreza como nós fomos. O que vocés estão fazendo desde o exterior, para melhorar o Brasil? Há muito que se pode fazer. Dê uma olhada em meu website ( A Matriz/DNA Universal dos Sistemas Naturais e Ciclos Vitais) quase todo dia um artigo que é divulgado no Brasil e lido pela juventude. Tentemos criar no brasileiro a conscientização de sociedade para combater aquêle indiviualismo incentivando que trabalhem juntos, tomem a posse e assumam as comunidades de bairros, cidades, narrando como vemos os estrangeiros fazendo por aqui. A fórmula da Matrix/DNA descoberta no Amazonas pode ser a fonte de uma nova super-ciência e tecnologia para as nações de terceiro mundo darem a volta sôbre o que as desenvolvidas fizeram de errado e sairem na ponta da frente de uma nova era. Tem sim muito que fazer em nossa terra e muito que ajudar com nossos hospedeiros aqui que merecem nosso respeito e gratidão por nos socorrerem quando precisamos. Sejamos uma força construtiva nêsse mundo, amados brasileiros…

Educação Brasileira: Esforços de Mudança Pela Matrix/DNA

domingo, fevereiro 10th, 2013
Baseado no post do Facebook:
A estreia do Novo Mineirão: uma experiência desastrosa.
– desorganização na chegada.
– desorganização nas filas
– desorganização com os lugares “demarcados”
– desorganização com a venda de comida, com a venda de bebida

E o comentário da Matrix/DNA:

Estive ainda ontem comparando uma brasileira trabalhando ao lado de uma americana, numa ag6encia de viagens aqui em New York. É incrivel a diferença, 10×0 para a americana. Fui lá numa urgencia com um problema para viaja r à noite, precisava formularios do consulado brasileiro, etc., então me atendeu a brasileira, enquanto a americana fazia o serviço dela. A cada pergunta que eu fazia a brasileira dizia “ahh..não sei”, ou então, “tens que ir no consulado”, mas a americana entrava na conversa sugerindo à brasileira “porque você não tenta isso?” ou “faz aquilo”… E acabava resolvendo o assunto. Mas notava-se que o cérebro da brasileira não estava concentrado no cliente, no trabalho e a americana estava totalmente concentrada no trabalho dela e na nossa conversa ao mesmo tempo! Isso só pode ser falha de educação familiar, de bêrço, e escolar. Se fossem americanos fazendo o mineirão isso não aconteceria, pois até em casa depois da meia-noite teria funcionarios pensando na missão, recapitulando todos os passos que iriam acontecer no evento, simulando no computador, detectando possiveis problemas para a equipe resolver. Isso é capacidade de planejamento. Parece que o cérebro da brasileira funciona mais lento e muito anuviado, os neuronios não empregam energia para as conexões requeridas, não consegue pensar em periodos de tempo alem do imediato, do aqui e agora. Mas essa é a grande diferença entre a inteligencia humana e o comportamento dos animais irracionais: a mente poder se ampliar a tempos e lugares alem do imediato. E esse é o segredo do sucesso ou falha nos planejamentos. Digo isso porque nós brasileiros que não ocupamos nenhum cargo de destaque na sociedade temos que nos juntar e resolver este problema PORQUE OS FIGURÕES, dessa elite que há 500 anos está no poder já está provado que nada vão fazer…

Coração: Video Revela que Atual Desconhecimento Deve ser Pesquisa pela Matrix/DNA

sexta-feira, fevereiro 8th, 2013

Alya Red: A Computational heart

http://www.youtube.com/watch?feature=player_detailpage&v=hiKgDOXlPfk

De onde a Natureza obteve informações, mecanismos e processos, para criar aqui as “bombas naturais” como é o coração, o molecular motor da ATP Síntesis?  É certo que no nucleo galáctico já existia uma “bomba mecanica” mas segundo nosso modêlo teórico o cone nuclear não bombeia por impulsos como faz o coração. Ele simplesmenta emite um output quando excede seu volume interno pelo imput de matéria. No coração é uma invasão de elétrons que contrai musculos. De onde vem estes eletrons?

A imagem da agua fluindo nos tecidos semelhante à imagem de uma onda de luz me faz intuir que tudo obedece a um processo de ciclo vital e parece-me que a agua traz os eletrons. Preciso fazer essa pesquisa completa, inclusive comparando os tres ( coração, vortex galactico, motor molecular ATP)

Dinossauros e Evolução: Mais um reforço cientifico para a teoria da extinção por meteórito e a versão da Matrix/DNA

sexta-feira, fevereiro 8th, 2013

Essa pesquisa de como os dinossauros desapareceram é válida pois desenvolve a Ciência mas o aspecto mais importante é que os dinossauros desapareceram, seja qual tenha sido a causa, o que reforça os modêlos da Teoria da Matrix/DNA e sugere uma mudança na nossa interpretação da existência e de nossos valores morais. Mais um artigo interessante e a seguir mostramos aqui os nossos  três comentários postados no artigo:

Chicxulub Asteroid Impact: The Dino-Killer That Scientists Laughed At

SPACE.COM

http://www.space.com/19681-dinosaur-killing-asteroid-chicxulub-crater.html

Referece-se ao “paper” publicado por: Journal Science AAAS.Org

link: http://www.sciencemag.org/content/339/6120/655.summary

em: Science 8 February 2013

Comentários  da Matrix/DNA:

Louis Charles Morelli · New York

The moral lesson that we get from dinosaurs existence is that any species that becomes an extreme selfish and closed system into itself will be discarded by Nature, no matter by which method. This is different from what Darwinism advocates and had became moral values for intellectual elites ( the natural selection of the stronger, fittest, smart, etc.). Where are the wales, the lions, the gorilla, the eagle? If not extincts, all them are going to extinction. Why Nature did not used the top evolutionary shape among reptiles species – dinosaurs – for to be transcended to mammals? Why Nature went back and chose the smaller reptile called cyanodont for to develop pregnancy? While dinosaurs disappeared, the little lizards are still alive today and running in the roof of the Queen’s palace. Every human becoming rich wants to build his/her private paradise instead collaborating for evolution of human species towards the space conquest. This is the choice of becoming a closed selfish individual and family, condemned to be discarded by Nature, using meteors or any other method.
XXX

Louis Charles Morelli · Queens

Today there are lots of new ideas being laughed/dismissed by official academic Science. These ideas are not being considered by rational approach, but by a private interpretation of the world fueled by reductionist method and Physics/Math perspective alone. Half of the real and complete scientific method is being denied: the systemic method.The consequence is that we are driven to see only previous selected data and discriminating others about any real object.If this galaxy has some matter organized by biological or other kind of matter’s organization, Physics, Math, and reductionist method will not be able to grasp it. That’s the cause that the Matrix/DNA theoretical models are ignored, without rational refutation.
XXX

Louis Charles Morelli · Queens

Are there chances for catastrophic events at astronomical scale? It is dependable of the astronomical system age. These systems has a life cycle like our body. At embryonic formation there are chance for catastrophic mutations, at middle age the system is under thermodynamic equilibrium, so, no chances for such events. Our solar system is considered older system (?) and at this age there are catastrophic events due degeneration.These events has the tendency to increase till the systemic dissolution. We need work scientifically fast because we will need to be able for leaving our loved land…

O novo fenômeno do celular/Internet separando as pessoas próximas é inevitável nesta fase da evolução para a supremacia da mente, segundo este video e a Matrix/DNA

sexta-feira, fevereiro 8th, 2013
Cique aqui para ver o video: Comunicação
X
X
Comentário postado no vídeo:
Louis Charles Morelli Na minha opinião duas coisas muito importantes se revelam nêste video.1) Fase de transição do ser humano deixando a herança e instintos animais e entrando na dimensão da auto-consciência. Somos 7 bilhões de fragmentos/genes de uma auto-consciência unica coletiva na Terra ( a qual deve ser o embrião do futuro filho de uma auto-consciencia superior), e ainda no estágio embrionario cada um de nós está isolado como mente dentro de cabeças-ovos. Nossa mente ainda nem abriu seus próprios olhos pois ela não pode ver nem seu próprio corpo e a sua dimensão no mundo. Temos necessidade de nos comunicar como mente e não apenas como os outros animais, isto não é feito boca-a-boca, de embrião para embrião, mas não existe um meio de comunicação direta, apenas estes tipos virtuais através da nuvem da Internet. 2) Somos todos diferentes pois temos aqui a missão dos genes, cada um é uma mensagem unica, uma informação unica, sôbre alguma especifica região do embrião coletivo que estamos construindo. Geralmente nossos vizinhos de missão não nascem perto de nós, estão espalhados, não encontramos meios de nos associar com os que nos rodeiam para o trabalho, etc., por isso buscamos identificar os genes com missões semelhantes à nossa, cujas idêias e preferencias sejam as nossas, através da nuvem da Internet, etc. Por exemplo desde pequeno eu sempre acreditei que não devia ser empregado nem negociante solitario mas sim sócio no trabalho com um numero cada vez maior de pessoas, mas nunca encontrei ninguem por perto pensando o mesmo. Vivo procurando meus semelhantes na nuvem… Não tem que mudar o hábito do celular e computador (isso é natural e inevitavel agora), mas sim mudar a nós tentando se associar em causas, trabalhos e ideais com os que nos rodeiam.

Interessante artigo baseado num experimento/pesquisa cientifica sôbre psicologia das massas.

quinta-feira, fevereiro 7th, 2013

Ignorância sobre a própria burrice pode explicar muitos dos problemas da sociedade

http://hypescience.com/ignorancia-sobre-a-propria-burrice-pode-explicar-muitos-dos-problemas-da-sociedade/comment-page-1/#comment-245516

Por  em 29.02.2012 as 18:45

Interessante artigo baseado num experimento/pesquisa cientifica sôbre psicologia das massas. E a seguir meu comentário postado no artigo (não publicado, aguardando aprovação):

Seu comentário está aguardando a moderação.

Boa iniciativa Natasha para a melhoria da Humanidade. Não que os ignorantes e os burros vão se auto-corrigirem lendo isso mas apontando problemas da sociedade para que todos se conscientizem que existem e precisa-se tentar eliminá-los.Um método para forçar os ignorantes sôbre os fatos invisiveis/atemporais da Natureza é mudar os hábitos com que passam o tempo: diminuir as horas no trabalho mecânico, na vadiagem mental como a telinha, as fantasias religiosas, e nas obsessões animalescas ( sexo, gulas,etc.), canalizando esse tempo livre para a escola naturalista.Portanto são muitos os inimigos poderosos que temos de combater, os produtores dêstes produtos desviadores da evolução do cérebro humano. Mas o que eu disse acima não deve ser radicalizado no militantismo exacerbado porque é óbvio que existem mais causas invisiveis e desconhecidas por mim atuando sôbre a ignorancia e a burrice, e eu seria mais ignorante e burro do que já sou se eu não me avisasse a mim mesmo sôbre êsse detalhe. Existem alguns lembretes que nos podem ajudar a auto-corrigir-nos.1) Nunca se esquecer da imensidão dêste Universo com bilhões de galaxias, trilhões de astros diferentes e bilhões de anos de história desconhecida por êsse nosso microscópico cérebro que ainda rasteja na superficie de um pontinho perdido nessa imensidão. Ainda não sabemos 10% da Verdade; 2) não conhecemos nem um objeto por completo, nem uma pedra comum, pois existimos num mundo sob a hierarquia de sistemas, onde todos contem sistemas menores e estão contidos em sistemas maiores, os quais nos são desconhecidos, mas com certeza suas manifestações atuam e influem em todos os objetos mudando seus comportamentos normais.3)Antes do Big Bang, ou seja lá qual foi a criação dêste Universo, tem que ter havido algo e capaz de atuar com fôrças naturais; apenas o nosso esforço em buscar conhecimento sôbre fatos e eventos naturais nos levaria a conhecer aquela fonte ex-machine, pois através da obra se revela a personalidade do artista. Meus parabéns mas “não puli” em conclusões precipitadas.

Comunicação com Deus Pela Linguagem das Côres do Espectro das Ondas de Luz

quarta-feira, fevereiro 6th, 2013

A ainda teórica fórmula da Matrix/DNA está me conduzindo a situações que jamais foram imaginadas por mim e qualquer outro ser humano. Uma destas ultimas situações é a descoberta de que as ondas de luz natural contem a fôrça que imprime o processo do ciclo vital a porções de massa material, ou seja, a luz imprime vibrações que dão vida á matéria. Se isto for verdade, a luz seria os braços e as mãos de Deus quando faz Suas criações, ou se o que havia antes do Big Bang não era um Deus mas sim outro sistema desconhecido, a luz seria a forma como aquele sistema ex-machine se propaga. Nos dois casos a luz seria o elo fundamental entre nós e seja lá o que for que criou êste Universo.

Se a luz é o Elo, e sendo qualquer onda de luz natural, uma sequencia de vibrações por nós vistas em sete diferentes principais cores, assim como ela tem sido o código da Vida, ela pode tambem ser o código de uma forma de comunicação com o Criador. Basta substituir cada letra do alfabeto da linguagem entre humanos por cada uma das cores da luz e montar palavras, frases, sentenças. E projetar mensagens amplificadas para o Cosmos, como a NASA está enviando sinais para qualquer direção do Universo esperando que alguma forma de vida inteligente em algum outro astro os capte e responda. Pela lógica tem que haver inteligencias superiores às nossas ( assim como tem que haver as inferiores) e se a fórmula da Matrix/DNAn estiver correta, se essa propriedade da luz estiver correta, inteligencias superiores já a devem conhecer, e se captarem sinais transmitidos por esse código derivado da luz natural, será facil para eles entenderem, decodificar, e nos mandar respostas no mesmo código.

Em vista disso vou tentar aqui desenvolver um código na linguagem das cores da luz. Se conseguir tempo livre para fazer isso e terminar este trabalho posso manda-lo como sugestão para a NASA, e se ela não o considerar, eu mesmo posso tentar obter um aparelho emissor de raios X e mandar isso para o espaço. ( Num belo dia chegará um disco voador na Terra desembarcando direto no meu quintal e os meus amigos de Facebook na Internet Inter-galactica descerão felizes para o jantar…he…he… e eu vou ficar todo cheio de orgulho vendo a inveja dos vizinhos…he…he…)

A seguir a figura em que se baseará êste código:

Light - The Electric-Magnetic Spectrum by Matrix/DNA

Light - The Electric-Magnetic Spectrum by Matrix/DNA

A =  (_)

B = (_)

C  = (_)

D = (_)

E = (_)

F = (_)

G = (_)

H = (_)

I = (_)

J = (_)

L = (_)

M = …

Mensagem da Matrix/DNA Aos Jovens da Terra

terça-feira, fevereiro 5th, 2013

Se alguem me tivesse dito na minha juventude o que vou passar aqui aos jovens agora, teria salvo a minha existência na Terra porque teria suprido com conteúdo, substancia, ideal, o meu estado consciente. Os jovens estão intimamente se culpando por estarem sendo individualmente inuteis para a sociedade, a familia, mas é justo essa inutilidade que está fazendo o jovem util para a Humanidade e êle não está percebendo isso. E essa inutilidade pode lhe prover os meios de satisfazer suas necessidades, basta êle apreciar compartilhar em rêde o tempo perdido nessa falsa “inutilidade”.

Para começar seria bom que assistissem um vídeo rápido ( link: http://www.cpflcultura.com.br/2009/12/01/integra-desafios-contemporaneos-o-trabalho-marcos-cavalcanti/) com o depoimento de uma menina, intitulado “Pro dia Nascer Feliz”. Keila da classe média baixa, aos 15 anos chegava da escola e começava seu tédio depressivo, ia para seu quarto ouvindo musica não querendo sair e pensando em suicidio. Ela não tinha motivação para participar do mundo material, via um futuro vazio e negro. Sua escola criou um franzine, convidou os estudantes a participarem, ela escreveu textos e poesias, e para sua surpresa houve repercussão, sua familia sempre  lhe foi negativista quando expressava seu consciente poético e escritor.  Ela ficou surpresa quando soube que conseguia fazer pessoas chorarem ao ler suas poesias. Mas então ela tinha alguma força, capaz de alcançar pessoas, influir no mundo externo?! Porem veio o fim do segundo grau, ela foi trabalhar numa fábrica dobrando calças para embalagem, acabou as escritas, passa horas na Internet observando, procurando não sabe o quê, agora ela pensa no suicidio novamente. A auto-consciência de Keila é como uma borboleta leve flutuando na escuridão, que não encontra um lugar sólido onde pousar e exercer sua existência.

Nós humanos estamos passando por uma frase de transição evolutiva muito profunda e imperceptivel, eliminando as ultimas amarras que nos aprisionaram nesta biosfera selvagem caótica e cortando o cordão umbilical com as heranças animalescas. Estamos começando a saltar fora da orbe terrestre e ganhando o espaço sideral, cada dia passando mais horas na nuvem da Internet, dando tempo cada vez mais ao eu mental que tratando das coisas relativas à existência do animal. Esta fase tem um problema resumido na frase de Nietzche: ” O ser humano é uma ponte: perigosa travessia.”

Fomos criados e modelados por uma biosfera que foi produzida pelo estado de caos e não pelo estado de ordem da Natureza que sentimos existir quando levantamos os olhos e vemos a harmonia eterna dos astros no céu. Fomos obrigados a erigir um sistema social que imitasse o sistema selvagem, baseado na competição pela sobrevivencia e na divisão entre prêsas e predadores. É esse face negativa do nosso mundo imediato, ambiental, imerso nas hipocrisias das gerações anteriores, que ainda rege o mundo moderno, que Keila inconscientemente não suporta. Não suportamos mais o modêlo herdado dos animais porque somos diferentes, somos humanos, em nós o cérebro sofreu uma mutação profunda a qual ainda não sabemos acausa e não entendemos.

Mas eu gostaria de pedir sua atenção nestas duas imagens:

Cérebro e Medula Espinhal

Cérebro e Medula Espinhal

Ovulo e Espermatozóide

Ovulo e Espermatozóide

Notas uma semelhança? Penso ver uma relação entre  a forma do atual estado evolutivo do cérebro humano onde está sendo gerada uma recém-formada auto-consciência  com a forma de um momento da fecundação que gera um corpo humano. O ser humano tem o cérebro na forma oval com uma cauda como extensão, chamada medula espinhal. É exatamente a imagem de um óvulo com a cauda de um espermatozóide para fora. É a imagem de um processo de fecundação e criação de uma nova criatura. A criatura que êsse cérebro está gerando chama-se “auto-consciência”, a qual apareceu a apenas alguns minutos em relação à idade do Universo e é ainda tão embrionaria que nem sequer abriu seus olhos para ver seu próprio corpo mental. Essa “auto-consciência” é o novo “eu” mais desperto próprio destas ultimas gerações de humanos. Já não se é mais material como o mundo que nos rodeia. Mas o mental está ainda aprisionado, algemado, dentro da dimensão do seu ovo, da cabeça humana: nem mesmo consegue se comunicar com seus iguais, seus irmãos gêmeos, que estão dentro de outras sete bilhões de cabeça. Sentimos que nossa mente parece ser maior que nossa cabeça, que o eu consciente está fora da cabeça, mas nossa mente não consegue dar um passo sózinha.  O sentimento de solidão e impotência é total. Imagino a nossa auto-consciência no estado desta imagem:

Mente em Formação Ligada ao Cérebro

Mente em Formação Ligada ao Cérebro

Está acontecendo agora no cérebro de uma pessoa já feita, o mesmo que aconteceu nos 4 ou 5 mêses da sua gestação embrionária com os seus genes que faziam ainda a forma do feto. Naquela época havia um grupo de genes muito infelizes. Eram os genes superiores, não os que fazem pés, barrigas, mas os que fazem o sistema nervoso, a visão, o hipocampo, os órgãos sexuais definitivos, os seios nas meninas e a barba nos meninos. Os chamados genes retrógrados, que só podem entrar em ação depois que todos os genes de espécies inferiores montaram a infra-estrutura. Agora quem está ainda na fila de espera para entrar em ação são os genes dêsse novo sistema muitissimo complexo que é a mente, depois que os inferiores ( nas formas animais) terminarem a construção do cérebro. Keila é um gene superior na fila de espera e é essa espera que ela não está suportando.

Haveria alguma ocupação para Keila agora que a faria suportar com alegria essa espera? O “eu” de Keila é sua dimensão auto-consciente. Como essa mente poderia se desalgemar, como se libertar  da prisão mesmo que seja apenas abrindo uma janela na caixa-cela para visualizar e viver a sua mesma dimensão no mundo exterior ? Como preencher êste tempo de espera sendo um pouco feliz se tiver a certeza de que se é util?

Ora, a solução está clara. Ajudar os genes inferiores a terminarem seu trabalho o mais rápido possível. E estudar, treinar-se a si mesma junto com os outros genes superiores para desempenhar sua missão que está por vir, com maior facilidade. Mas os genes inferiores não podem evoluir o cérebro se tiverem a maior parte do seu usado numa fábrica ou outra ocupação bestializante rotineira, e a outra parte do tempo ocupados com misticismos, futebol e novela. O intelecto dêles não está puxando a formação estrutural final do cérebro da espécie. Precisa-se mudar suas ocupações. Torna-los mais tecnológicos para produzirem mais em muito menor tempo, por exemplo. Ao ajudar os genes inferiores, êstes aumentam sua produção, a qual aumenta o valor monetário, cujo aumenta retorna beneficiando Keila. Se Keila estiver bastante motivada a estudar e se treinar, ela estará mais bem informada em algumas áreas que os seus iguais, então ela poderá compartilhar seu cohecimento, o qual vai influir na produção aumentando-a ainda mais, o que retorna ainda mais para Keila. E a maioria dessas atividades Keila pode fazer parte dela apenas na “malhação física” e outra parte sendo “a pseudo- inutil compartilhadora de conhecimento util na Internet”. Porque o novo mundo que estamos entrando é o mundo mental, é o inicio da abertura dos canais de comunicação numa nova dimensão mental, comunicação não-oral, não possivel de ser transmitida pela boca, pois é comunicação direta mente-a-mente, transmitida por sinais que têm de atravessar as paredes de nossa cela craniana e se infiltrar nas paredes das celas onde estão aprisionados os nossos semelhantes, e isso só é possivel se a nossa emissão for lançada no ar, na nuvem,… da Internet.

Os velhos cientistas estão debatendo um tema novo. O que foi que deflagrou o Big Bang? Já não é mais época de questionar se houve ou não o Big Bang. As evidencias comprovadas se acumularam, não dá mais para duvidar disso. Porem os velhos cientistas não mudaram os velhos métodos reducionistas e a crença de que a pespectiva da Física e da Matemática deveria interpretar o Big Bang. Essa pespectiva os tem conduzido a uma unica idéia: o criador do Universo, o estopim do Big Bang, foi um microscópico e super denso simples átomo. Pura Física calculada pela Matemática.

Mas as ultimas gerações tem que vir com intuições ao nivel mais complexo exigido dos que constroem fases, formas, mais evoluidas da auto-consciencia. Estas intuições os fazem notar coisas tão simples que passaram despercebidas às gerações anteriores, como a de que o formato do cérebro com sua cauda extensão do sistema nervoso é à imagem e semelhança de um óvulo sendo fecundado por um espermatozóide.  Parece uma percepção simples, mas não é: ela muda a essencia do Big Bang. Essa intuição leva à uma seguinte descoberta: a de que o nosso próprio corpo teve como instante inicial tambem um grande explosão, que foi o subito rompimento do invólucro espermático no centro do óvulo. Ora, o Universo não é mágico e o jovem de hoje sabe que Deus, ou seja lá qual o nome de algum criador, não iria transgredir Suas próprias leis naturais com mágicas. O Universo não pode criar novas informações do nada. Êle só sabe fazer novos sistemas pelo mesmo processo que êle foi feito. E o processo pelo qual nosso corpo foi feito foi o de um óvulo sendo penetrado por um espermatozóide. Isso é confirmado porque estamos vendo ser o mesmo processo pelo qual 6ele está criando o novo sistema mental. Então êsse processo muda a velha interpretação Física e Matemática do Big Bang. Antes do instante inicial do nosso corpo havia uma fonte, a que transmitiu as forças e as instruções para nossa criação: a espécie humana. Haviam nossos pais. Então antes do instante inicial do Universo não havia um microscópico átomo. Se aqui está sendo gerado uma auto-consci6encia, se existem genes para isso, é porque o sistema que está gravido gerando o Universo, é tambem auto-consciente. O Big Bang não foi uma explosão do criador, assim como o nosso big bang não foi a explosão de nossos pais. Então êste Universo é uma espécie de ôvo cósmico, onde está ocorrendo um processo de reprodução genética. Mas não é uma reprodução qualquer. O embrião aqui está tomando a forma de auto-consciencia, uma nova substancia que emerge de relampagos nas sinapses elétricas está se consolidando como uma espécie de plasma luminosos. Aqui tem genes para construirem mentes, bebês na forma mental. Então o Universo não é apenas um ovo, é uma espécie de cérebro. E a ultima foto do Cosmos enviada pelo ôlho espacial que está se aprofundando no espaço sideral deixou todo mundo aqui embasbacado: a imagem do Universo, com suas galaxias de braços espirais, é exatamente a imagem do cérebro humano, com seus neuronios e extensões axiais. Aleluia!

O jovem não tem porque se entristecer, se julgar inutil, impotente. Êle tem mais é que vibrar, comemorar, seu destino é sublime, grandioso, e isso, mesmo estando sem fazer nada. Cada gene é um pacote unico de informações, de maneira que se um unico gene não cumprir sua missão, o bebê nasceria aleijado. E claro está que uma inteligencia superior à nossa, que está aguardando o nascimento dêste bebê, tomaria todas as providencias para que todos os genes cumpram suas missões a contento.  Mesmo que Keila se suicidasse agora, ela nunca poderá evitar, estar presente dentro do corpo que ela está pré-determinada a construir, ela não terá como recusar o convite de festejar o dia do Big Birth.

Estamos saindo da Era Industrial e entrando na Era do Conhecimento. Claro, conhecimento é a substancia e o alimento, é a placente com os elementos nutritivos que estará como reserva alimentar para o novo embrião se alimentar enquanto não abrir seus próprios olhos. Mas conhecimento do que? A que tipo de busca de conhecimento devemos nos dirigir? Ora, tambem a solução aqui é muito facil. O bebê que vai nascer no Big Birth não é a auto-consciência da existencial individual de um ser humano. É a auto-consciência do todo, do Universo, é o Universo que vai se despertar para o fato que é, e existe. É êle mesmo se auto-projetando, transformando seu corpo material nas informações que são os tijolinhos do seu corpo mental. Éstes tijolinhos são informações de cada minimo detalhe de seu corpo material. Então agora sabemos que tipo de conhecimento devemos buscar: conhecer cada detalhe da Natureza, e a Natureza é o Cosmos. O método para essa busca por enquanto mais apropriado continua sendo o mesmo: o método cientifico. “Se queres conhecer a Mim; se queres entender como penso; procure observar e entender a Minha Obra, pois é através da obra que se revela o caráter do Artista”. E qual a obra que temos aqui e agora, perceptivel aos nossos sentidos, senão a Natureza, ampliada ao nivel do Universo?

A tecnologia é produto da descoberta de mecanismos e processos da Natureza, os quais são imitados com novos materiais e adaptados às condições e dimensões humanas. Isto significa que quanto mais souber-mos da Natureza, mais poderosa será a nossa tecnologia, ou seja, a tecnologia disponivel para os genes terminarem mais rapido suas construções da infra-estrutura. Será então assim, observando cada detalhe, aprendendo e colhendo os dados que vão sendo descobertos, e passando-os na rêde para serem fisgados pelos genes que estaremos sendo uteis. E existem muitas maneiras de começar a fazer isto agora sem nenhum recurso adicional. Vou explicar porque. A vacina contra a paralisisa foi descoberta por um unico pesquisador, que fêz tudo e o fêz porque não era um assunto tão complexo. Mas o Projeto Genoma exigiu um exército de pesquisadores do mundo todo, cada um contribuindo com seu quinhão. E o conhecimento do genoma revelou que as milhares de doenças que ainda não são curadas, não são produzidas por um unico gene, mas por sistemas, seja o inteiro DNA, seja o corpo humano, ou seja inclusive a radiação do sistema solar.  As novas tecnologias envolvem tanta complexidade de sistemas que ninguem pode ter todas as informações, estas são lançadas na rede, realimentadas, para serem fisgadas por todos.  A maioria dos novos planetas e fenomenos cósmicos estão sendo descobertos por amadores observadores dentro de suas casas com pequenos instrumentos. Todos estão buscando informações na Wikipedia que tem textos sendo escritos até por indios, pois existem informações nas quais êles são os experts. O Google vale duzentos milhões de dolares, exatamente o valor da Petrobras mais o valor da Vale do Rio Doce juntos, mas o Google não vende uma agulha, apenas compartilha conhecimento, cedendo-o gratuitamente. E assim como o Google não precisa ter máquinas, caminhões, você tambem, jovem, não precisa nada disso.

Aplicando o método da anatomia comparada entre sistemas naturais e observando os sistemas na selva amazônica, eu teorizei uma fórmula que seria exatamente a unica coisa necessaria para uma inteligência organizar a matéria em sistemas e fazer o Universo com tudo que ele contem hoje. Faz 30 anos que estou testando essa fórmula e ela emerge como a fôrma para tudo o que conheço na Natureza.  Acontece que a formula é o calculo de como seria o DNA se, ao invés de ser apenas o nosso biológico, êle fosse um DNA de todos os sistemas do Universo, de átomos a galáxias. Êle os faria como faz os corpos dos seres vivos. Denominei a fórmula de Matrix/DNA Universal, mas como sou cético e desconfiado, continuo a pensar que é apenas um modêlo teórico, por enquanto.  Quando penso que antes do meu Big Bang haviam meus pais e me fizeram apenas lançando uma fórmula, justamente o DNA, me pergunto: “Porque a face universal do DNA, a Matrix, não seria o DNA de Deus, a Sua fórmula que gera universos como êste?”

Acontece que os modêlos da Matrix/DNA estão quase me fazendo “pirar”, pois à toda hora leio a ultima pesquisa cientifica, ou observo mais um detalhe da Natureza, informando que ainda se desconhece alguns de seus mecanismos, e basta bater os olhos nos modêlos e ver e ver êstes mecanismos. Eles sugerem como foi que a Natureza resolveu seus problemas. Assim, no meu website já se acumula ao milhares as areas de pesquisas abertas precisando de trabalho urgente, simples trabalhos como o de pesquisar na Wikipedia como funciona o ciclo do nitrogênio na Terra,por exemplo. Qualquer dos meus genes semelhantes pode participar destas pesquisas enquanto está na Internet colhendo informações relacionadas aos assuntos que estão sendo pesquisados, e espalhar essa  informação para todos envolvidos na pesquisa. Qualquer pessoa que conhecer a f;ormula vai sempre vê-la em novos detalhes da natureza que ainda não vimos e vai sentir a vontade de ampliar o conhecimento sôbre o detalhe. Sugestôes de curas para a a maioria das grandes doenças, por uma nova abordagem nunca tentada antes, estão paradas em algum ponto porque não tenho tempo de procurar informações, as quais estão na nuvem.  O que estamos descobrindo não está sendo transmitido aos  pesquisadores dos laboratórios e estudantes. É preciso compartilhar informações, isto acelera o processo evolutivo da Humanidade, e o feed-back funciona, os beneficios retornam a todos, a todos recompensando.

Mas como cheguei à Matrix/DNA, se minha juventude foi perdida, exatamente como a da Keila? Eu tambem chegava da escola e pior, sendo órfão, vivendo em casas de outros, tinha que ficar parado, manietado. O futuro cada vez se tornava mais negro. E veio o diploma escolar, veio a primeira fábrica, aí sentí que iria perder minha mente, o mundo ficou insuportável. Tão insuportavel que fugí dêle para viver sózinho com os bichos no meio da selva amazônica. Mas havia uma pequena diferença entre eu e Keila. Eu era um rato de biblioteca, lia inclusive livros pesados de universitarios estudando geologia, quimica, física, etc,. e devorava-os para ageuntar o “ficar parado sendo visto como inutil”. Eu não sabia para que estudava aquilo, certo era que nunca iria utilizar nada daquele conhecimento inutil, mas aquilo funcionava como uma droga, uma valvula de escape, eu me esquecia que estava nêste absurdo mundo material e ficava viajando no meio de palavras como demoglobina, gene cprk, mercado da concorrencia perfeita, a monada de Leibniz, o arquétipo de Platão, e os raio a quatro. Ah… se naquela época eu tivesse um computador, a Internet… Quando caí na selva tive que conhecer cada detalhe dela se quisesse sobreviver, porem eu já conhecia quase tudo de suas constituições microscópicas, atômicas… Vendo a mesma Natureza bruta que os índios veêm, mas com aquelas informações sofisticadas na mente, eu refletia de uma maneira nova, e assim me apareceu a Matrix/DNA pela primeira vez. Uma coisa aprendí de fato: não existe conhecimento inutil se êste conhecimento é sôbre a Natureza. A formação da nossa mente depende de um cérebro completado e êste é feito com informações e conecxões neuroniais projetadas a partir do estado da Natureza.

Mesmo que a fórmula da Matrix/DNA seja comprovada estar parcialmente errada ou que não existe na realidade, estou através dela cada vez mais consolidando uma imagem da personalidade, de como pensa, o Artista invisivel que esculpiu essa Natureza. Venha conosco ficando aí mesmo ou se deslocando. cada vez iremos mais nos aproximando e unidos num sistema social onde ser util é apenas empregar o potencial mental, dar-lhe vida, libertando-o. E assim que serás mais util e assim que nos encontraremos um dia na maior festa de todos os tempos, na comemoração do nosso Big Birth. Nós vamos nascer para a luz, para a dimensão da auto-consciência, para o mundo do Artista, e Êle vai estar lá!