Archive for setembro, 2013

No Estranho Mundo da Matrix/DNA Adultos são Canibais de Crianças e Formulas que não Existem, de fato Existem

sexta-feira, setembro 13th, 2013

Frase que me veio na cabeça agora pensando no mundo:

“Não haverá um adulto se não desaparecer uma criança…”

Triste, meio esquisito isso… mas é a pura verdade. Todo adulto só existe porque ele devorou uma criança. Estou errado? Então, pergunto ao Jose, meu amigo adulto: ” Onde esta aquela criança que ha 30 anos atras brincava nas ruas de minha cidade? Aquele garotinho que se chamava Jose? Procurei-o agora e ninguém sabe informar. Não morreu, pois não existe um cadáver. Simplesmente desapareceu. Encontrei na cidade agora, um novo morador, um adulto, que por coincidência também se chama Jose. Estou desconfiado. Acho que vou mandar fazer exame de DNA nesse Jose. Acho que ele comeu o garotinho, e se ele tiver DNA do garotinho, é culpado…

Todo adulto só existe porque comeu, devorou, uma criança, já que o corpo da criança esta dentro do adulto. Este é mais um dos aspectos irônicos desta existência, mas quando elaborei a Teoria da Matrix/DNA encontrei respostas para todos estes problemas. Posso ver bem na formula da Matrix porque isso acontece conosco. Ali, todos os corpos são produtos da evolução do corpo anterior, e o corpo anterior desaparece dentro do corpo posterior. Se você observar a formula, note como F2 é produto da evolução de F1, enquanto F3 é produto da evolução de F2. E isto acontecia já no nosso ancestral não biológico, esta galaxia chamada Milk Way. Mas uma olhada mais profunda vai mostrar que isso acontecia ainda antes das origens das galaxias, nos sistemas atomicos leves, gasosos. Elétrons pulam das camadas 2 para 3… assim quando o 3 existe, não existe mais o 2.
E foi este aspecto da formula que veio desde o Big Bang que deu origem a este horrível fenômeno da existência de presas e predadores. Pois o corpo posterior é sempre o predador do corpo anterior. Em outras palavras, a existência deste mundo material depende que existam predadores devorando vitimas. Mesmo que seja simbolicamente, como no caso humano, que na verdade não devora, não é canibal, o processo é amenizado, trocado, por um processo de transformação.

Nesse ponto, desconfio que a evolução se bifurcou nas galaxias, quando um ramo decaiu e gerou os sistemas biológicos, e o outro continuou a evolução que vinha no sentido do pequeno para o mais grande. Se isto for verdade, galaxias se transformam em universos que devem serem mais complexos que galaxias, talvez ate mesmo auto-conscientes… Bem…neste ponto vou parar por aqui por que não quero fundir minha cuca nesta noite… Mas ficou o aviso: ” Você, adulto, é um canibal. Você devorou uma criança! Pedófilo! Pedofila! Acho que vou levar todos os adultos ao tribunal, mesmo que eu tenha que tambem levar eu…”

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

 

Esta formula existe mas não existe. Como assim?! Ora, podemos trocar estas sete funções ai por sete formas de um único corpo humano progredindo ao sabor de seu ciclo vital. Então onde esta F1 ponha as formas de morula, blástula, feto e embrião; onde esta F2 ponha a forma de bebe, onde esta F3, ponha a forma de criança, etc. Humanos morrem e seus fragmentos voltam para a terra a qual é quem produz uma mulher gravida que vai entrar no lugar de F1. Mas a formula celeste aplicada nos building blocks da galaxia, é perfeita, feita apenas com um corpo se transformando. Porem, não adianta por essa forma do ciclo vital de um corpo humano no papel, porque ela não representa uma situação real. Nunca existem as sete formas ao mesmo tempo. Existem a um só tempo apenas como programadas no DNA, mas não existem como corpo visível. Por isso a formula existe e não existe. Isto acontece porque tens que aplicar o Principio da Incerteza de Heisenberg, pelo qual não é possível fixar o aspecto temporal e espacial de uma partícula ao mesmo tempo. Se fixa uma, não podes medir a outra, e vice-versa. E assim, dentro da Matrix/DNA descobri qual a explicação do problema que fustigou Heisenberg e os físicos ate hoje: acontece que as partículas também estão sujeitas a um ciclo vital, elas também se movem e mudam de forma. Em outras palavras, partículas também são… vivas! Mas tinha que ser assim, senão a Vida não existiria aqui e agora. E também descobri aqui que esse fenômeno já existia antes das origens das partículas, nas ondas de luz natural que se emitiram com o Big Bang: só existe uma faixa de frequência porque dentro dela desaparece a faixa de frequência anterior. Enfim botei a formula ai para veres como que a forma posterior sempre “engole” a forma anterior. Só existe um pulsar na F4 porque ele é produto da transformação de um planeta em F3, e só existe uma estrela em F6 porque ela é produto da transformação de um pulsar em F4. Esse negocio de predadores já existia antes das origens da vida… O que não significa que vamos concordar com isso e não vamos eliminar isso do mundo.

Mas tudo isso levanta uma mais profunda questão filosófica, beirando a metafisica. A existência desse fenômeno “predador & presa”, que é horrível, nojento, pois produz cenas como a de um leão destrocando uma ovelha viva, é o que mais faz os céticos, os ateus, pois nenhum Deus poderia ser tao sádico de ter feito isso. E desde que na Matrix descobri que a luz natural é o braço e a mão de Deus quando ele cria Universos e vida ( ou a mão do que quer que tenha sido o criador deste universo material), e na luz já existe este fenômeno, concluiríamos que isto faz parte do designer, estava na mente do criador. Mas… tenho observado que o mundo evolui alternando caos e ordem, e este fenômeno só vejo nas situações de caos. Por exemplo, na evolução da galaxia para sistemas vivos, foi produto do caos originado pela fragmentação da galaxia. Mas a galaxia caiu porque ela escolheu um caminho proibido na Natureza, o de ser sistema fechado em si mesmo. Então o caos não seria obra do criador, mas sim uma cirurgia corretora de um livre-arbítrio da criatura indo por caminhos proibidos. Isto explicaria porque no reino animal ainda existem predadores.

Cérebro: o “Miror System” ou ” Sistema-Espelho” e a Relação entre Poder e Empatia

quarta-feira, setembro 11th, 2013

Power robs the brain of empathy

http://www.digitaljournal.com/article/356229

By Kathleen Blanchard

Aug 10, 2013 in Science
 – According to scientists, a sense of power shuts down a part of the brain that helps us connect with others.
For their study that builds on past information about how the brain operates, the researchers found that even the smallest bit of power – for instance from a job promotion or more money – can shut down our ability to empathize with others.
– The researchers suspected being in a position of ‘low-power’ would increase resonance in the brain and ‘high-power’ would decrease it.
– The good news Keltner said is that it takes just a bit of coaching to get people in power to regain their empathy and compassion, thanks to a growing field of research.Read more: http://www.digitaljournal.com/article/356229#ixzz2ebH6M8ph
xxxxxx

Minha opinião baseada nos modelos da Matrix/DNA Theory:

As pessoas estão inseridas, conectadas em sistemas, como o familiar, o social, o trabalho, etc. Todo sistema tem uma fase de formação e depois amadurecimento ( e claro, degeneração e morte). Antes de entrar num sistema, os indivíduos tem uma identidade, uma personalidade própria, que é sua “quantidade de poder”. Mas no sistema esta identidade vai enfraquecendo, se transferindo, para juntar-se as perdas das identidades dos outros indivíduos, e formar a nova emergente identidade do sistema, o poder total. Esta identidade de sistema precisa de um gerenciador dentro do sistema, o qual sera aquele que adquirir maior poder. O “poderoso” perdeu também sua identidade própria, agora ele é uma marionete de uma identidade alheia. Essa identidade do sistema não admite expressão de identidades de suas peças, ou melhor, não presta atenção a elas enquanto elas funcionarem como peças de uma maquina mantendo a engrenagem em perfeito funcionamento. Isto é o que confere a peça poderosa um auto-interesse (self-interest) que despreza os interesses das partes. Então a maneira como o cérebro estava hard-wired antes de entrar no sistema vai mudando e o “poderoso” termina por apresentar uma nova hard-wired configuração. É isto que a filmagem esta captando do cérebro.
Qual seria a solução para evitar este mal que é a perda da empatia?
 
Keltner no artigo acima afirma que ” necessita-se um pouco de treinamento para conseguir que pessoas no poder recuperem sua empatia e compaixão, gracas a este novo campo de pesquisa”.
Porem, pela Matrix/DNA, deveríamos aturar preventivamente, antes que o mal se instale. O Keltner esta abordando o assinto depois que a pessoa adquiriu o poder que o vicio. A atuação preventiva seria simplesmente explicar a realidade para todo mundo. E desde a idade da formação do caráter, na fase escolar. Pois o ser humano esta sujeito a cair como escravo perdendo sua identidade sem o perceber. Todo ” poderoso” torna-se escravo da manutenção do sistema que ele criou ou foi inserido, e perde sua humanidade, com prejuízo para sua evolução natural.

My opinion based on models of the Matrix / DNA Theory :
People are inserted , connected into systems , such as family , social, work, etc. . Every system has a training phase and after ripening (and of course , degeneration and death ) . Before entering a system , individuals have an identity , a personality , which is its ” amount of power.” But this identity system will weaken , transferring to join the losses of the identities of other individuals and form the new emerging identity of the system, the total power. This identity system needs a manager within the system , which will be the one to acquire more power . The “powerfull ” also lost its own identity , now he is a puppet of an alien identity . This identity system does not allow expression of identities of its parts , or rather not watch them as they function as parts of a machine keeping gear in perfect working order. This is what gives to the powerful its “self-interest”,  that disregards the interests of the parties . So the way the brain was hard-wired before entering the system is changing and the “mighty ” ends by presenting a new hard-wired configuration. That is what this footage capturing brain .
What is the solution to avoid this evil that is the loss of empathy ?
Keltner in the above article states that ” need a little training to get people in power to recover your empathy and compassion , thanks to this new field of research .”
However , the Matrix / DNA , we put up preemptively , before the evil to install . The Keltner is addressing the nod after a person has acquired the power of the addiction . Preventive actions would simply explain the reality for everyone . And from the age of character building , during school . Because the human being is subject to fall into slavery losing their identity without notice . All ” powerful ” becomes a slave of system maintenance he created or was inserted , and loses his humanity , to the detriment of its natural evolution.

Seria esta uma explicação mais racional do que é Deus?

terça-feira, setembro 10th, 2013

O website “Liberte-se do Sistema” postou hoje um artigo ( “O EfeitoSombra”  – http://libertesedosistema.blogspot.com.br/2013/07/o-efeito-sombra_12.html

sobre sua teoria da diferença entre nos como ego, e nos como luz auto-consciente. Mais uma teoria esotérica que não nos leva a resultados práticos, uma vez que ninguém consegue deitar, desligar seu ego, e ser pura luz. Mas quando eu estava numa situação da vida pratica hoje, de repente me veio uma ideia baseada nessa leitura,que pode ser uma grande descoberta para explicar nossa existência. Alguém dizia na lanchonete que os iluminatti existem e fazem rituais com sacrifícios de crianças, e nos não entendemos como podem ser tao maus porque eles tem outra genética, herdada de alienígenas. Ok, esta é mais uma das teorias das conspirações que abundam na Internet. Então me lembrei que quando estava na selva e via uma presa ser atacada e destrocada por um predador, se pudesse eu atuava imediatamente contra o predador para salvar a vitima, que fosse um jacaré tentando comer uma cobra. E depois eu ia contra a cobra quando ela atacava um ninho para comer os filhotes de passarinhos. Me lembrei das cenas vistas num vídeo de leões atacando o patio de uma tribo africana onde tinha uma duzia de crianças, e os leões destrocando as crianças em pedaços… cena que não consegui assistir. E foram estes acontecimentos da realidade que me fizeram tempos atras começar a criticar os religiosos cristãos quando dizem que existe um Deus assistindo tudo aqui e que esse seria o Deus do amor. Ora, nenhum ser com sentimentos iguais aos dos humanos, com o tipo de amor que nos entendemos entre humanos, permitiria acontecer tais cenas. Então de repente o artigo do Liberte-se foi lembrado. E se na verdade conseguíssemos o estado de luz como auto-consciência… teríamos as mesmas reações dos humanos quando veem cenas de atrocidades  e tortura de humanos?

Hein?!

Claro que não. O horror humano só existe para o ego humano. (Epa… acabei de inventar mais uma daquelas frases de efeito que tem elevado a moral do meu website… kikiki…)

Sinto que de repente o meu tribunal terá mais uma vez que liberar o Réu Divino, julgado pela Sua omissão em prestar socorro,  e solta-lo, deixando-O voltar em liberdade para sua casa. Parece que não tem jeito de pegar esse danado!

XXXXXX

Obs: postei comentario aguardando aprovacao no site do Liberte-se

Estão Imitando A Natureza Quando Ela Aplicou Simbiose Entre Organelas para Construir a Primeira Célula Viva?

terça-feira, setembro 10th, 2013

Programmable glue made of DNA directs tiny gel bricks to self-assemble

http://phys.org/news/2013-09-programmable-dna-tiny-gel-bricks.html

COLA PROGRAMÁVEL FEITA DE DNA DIRIGEM MINÚSCULOS TIJOLOS DE GEL A SE AUTO-ORGANIZAREM

Programmable glue made of DNA directs tiny gel bricks to self-assemble

Tijolos de gel menores que um grão de areia (acima a esquerda) podem serem programados para se auto-organizarem em estruturas complexas. A chave é unir um par de cubos conectores nos quais foram inseridos uma cola imitando o DNA. ( Gel bricks smaller than a grain of salt (top left) can be programmed to self-assemble into complex structures. The key is to attach a pair of connector cubes coated with matching DNA glue on the gel bricks that are meant to pair up. Credit: Peng Yin, Wyss Institute)
Read more at: http://phys.org/news/2013-09-programmable-dna-tiny-gel-bricks.html#jCp

Segundo sugerem os modelos teóricos da Matrix/DNA, quando a ultima forma mais desenvolvida do sistema natural universal que vem evoluindo desde o Big Bang alcança seus últimos limites como hardware para absorver mais informações naturais, ele sai do tronco da arvore da evolução e se torna um galho que seca e se extingue. Mas antes de ser extinto, o sistema em sua meia-vida emite um ramo lateral para fora de si mesmo, contendo suas informações. Isto é observável no fenômeno sexual, quando um humano em sua meia-vida gera filhos, ou numa arvore, quando cai uma fruta madura de um galho carregando sua semente para se tornar nova planta. E assim foi com a galaxia Milk Way (segundo o que deduzi na minha investigação na selva amazônica e que forma o conjunto da Teoria da Matrix/DNA), quando, através de seus astros como as estrelas, começou a emitir suas informações na forma de luz ou energia estelar, para criar a nova forma dos sistemas biológicos na superfície de planetas que apresentem boas condições.

Esta equipe de cientistas estão descobrindo a cola programável. Trata-se a grosso e rápido modo, de inserir numa peça uma substancia sintética que imita um pedaço do DNA, e noutra peça, numa determinada posição, inserir a substancia que imita o pedaço seguinte do DNA. Como estes dois pedaços tendem naturalmente a se atraírem e colarem, as duas peças ficam coladas!

Segundo a Teoria da Matrix/DNA eles nada mais estão fazendo que imitar o que a Natureza fez aqui nas origens da Vida. Existe uma diferença entre macro-evolução universal e a micro-evolução biológica: na micro, o pacote genético de informações é transmitido encerrado dentro de um involucro, como no caso humano, os genes masculinos vão dentro de uma capsula como o espermatozoide; mas no caso da macro-evolução os bits-informação não são contidos dentro de capsulas, portanto são emitidos espalhados para o espaço exterior. Quando bits se reencontram em alguma superfície de astro favorável, eles automaticamente se atraem mas apenas na mesma sequencia que estavam ao constituírem o sistema galáctico, quando se colam, dois a dois, depois se colam entre pacotes, pedaços, etc. As vezes o refazimento de um trecho do circuito sistêmico já reconstrói algumas estruturas funcionais que apresentam meia-vida, como no caso dos vírus. Mas a tendencia de todo pedaço é procurar seus antigos vizinhos e reconstruir o circuito sistêmico inteiro, mutado devido as diferentes circunstancias nas superfícies planetárias. Por isso surge a diversidade de especies de vida na Terra e suspeitamos que o macaco foi a ultima especie que finalmente absorveu todas as informações genéticas da galaxia. E assim a Natureza construiu a primeira célula viva, quando, inicialmente fez moléculas, depois as uniu formando organelas, e depois, como sugere a teoria simbiótica de Margullis, uniu organelas num sistema final.

Este processo astronômico de emissão de suas informações genéticas espalhadas no tempo e espaço esta inserido no fenômeno dos seres aquáticos que botam ovos ou emitem espermatozoides na água. Estou citando este detalhe para lembrar que na elaboração da teoria eu nunca dei um salto no escuro, nem mesmo levado pelo excesso do exercício na Matemática, pois cada passo dado teve antes que procurar na natureza um fato, um parâmetro real comprovado para embasar a conclusão do passo anterior. Se não vejo buracos negros aqui no sistema solar, não posso acreditar que dentro de nuvens de poeira em galaxias distantes existam tais fantasmas, só porque o Stephen Hawkins não controlou seu excesso matemático o qual sugeriu a existência de tais fantasmagóricas estruturas. PAGE preciso alternar o exercício intelectual com iguais intervalos de tempo dispendidos na pesquisa de campo, arregaçando as mangas e pondo as mãos na massa, inclusive indo la no meio da selva onde ainda jazem intocados os testemunhos das origens da Vida, senão nossa mente saindo voando sem controle. Mas entendendo que devido sua doença, Stephen não pode fazer isso. Na Matrix/DNA o que esta escondido naquelas regiões são vórtices rotativos, como os tornados que vejo se formarem aqui, uma vez que ao calcular botando-os la, se obtém todos os efeitos que vemos nas suas redondezas. Isto é logica formal estrutura em parâmetros naturais. Mas ainda assim tenho certeza que a Teoria da Matrix/DNA esta incompleta ou pode ate mesmo estar errada, pois continuo levantando o tapete da Natureza e descobrindo a cada dia que existem mais e mais importantes e decisivos detalhes por trás de todos estes fenômenos naturais, como foi a recente descoberta ” teórica” aqui que a Luz Natural é a força inicial que imprime o processo do ciclo vital na matéria inerte. O que me levou imediatamente a reconstruir meu modelo do Sistema Solar, acrescentando a ideia de que a magnetosfera do Sol imita a eletrosfera dos átomos, e então cada planeta em sua orbita esta situado numa especifica faixa de vibrações… A logica diz ser assim pois os sistemas estelares foram construídos pelos átomos, e devem te-los feito a sua imagem e semelhança, como todo pai faz seus filhos. Mas aqui estou fugindo do assunto e tornando a coisa mais complicada…

Alguns misticos religiosos insistem no argumento do “watchmaker”, ou fabricante de relógios, para justificarem sua crença de que um Deus teria estado aqui fabricando as organelas e depois juntado-as num sistema funcional. Enquanto isso a Teoria da Matrix/DNA sugere outra explicação para a origem da Vida, porem não descarta totalmente a possibilidade do argumento mistico quando ela aponta para o sistema que gerou o Universo com uma serie de dados sugerindo que tal sistema era ou ainda é auto-consciente. Afinal, uma entidade maior que este Universo não precisaria descer em cada planeta para fazer um trabalho que qualquer ser mais inteligente poderia ter programado desde sua posição alem deste Universo. Mas o que me interessa aqui nesta noticia é que alem de mais uma vez a logica racional da Matrix/DNA resistir e ser confirmada por mais uma informação cientifica, tal tecnologia pode alavancar nosso poder sobre as condições materiais da nossa existência. Imagine por exemplo, que você, dentro de um tanque cheio de água, ponha separadas todas as peças de um automóvel, e deixe la, como se fazem nas culturas dos laboratórios. Algum tempo depois as peças se juntarem nas posições desejadas e surgiu o automóvel pronto! Se a Natureza fez isto com algo mil vezes mais complexo que é a célula viva, porque não podemos fazer com nossas meras bugigangas tecnológicas?

Alguém ai poderia fazer o que estou tentando fazer aos trancos e barrancos apenas tendo gastos sem lucro material algum, ou seja, ajudar a divulgar uma noticia no Brasil que serve como estimulante ao marasmo cientifico e tecnológico em que o Brasil caiu porque os colonizadores botaram na cabeça dos brasileiros um complexo de inferioridade dizendo que não são capazes de criar nada útil tecnológico? Alguém que saiba traduzir esta noticia para o português? Meu tempo hoje não me permite faze-lo. Observe que estes cientistas estão descobrindo um novo produto, um novo tipo de cola, que vão patentear e amanha poderá estar nas prateleiras dos supermercados rendendo bilhões de dólares! A Teoria da Matrix/DNA esta sugerindo através de seus modelos que tem muito trabalho ainda por fazer nas áreas cientificas e tecnológicas, que não fizemos nem uma minima porcentagem ainda das imensas possibilidades que a Natureza oferece. Quem tivesse lido os originais desta teoria a 30 anos atras poderia ter tido a ideia de fazer essa cola, a teoria dava a formula de graça!

XXXXXXXX

Paper publicado em Nature.com

DNA-directed self-assembly of shape-controlled hydrogels

http://www.nature.com/ncomms/2013/130909/ncomms3275/full/ncomms3275.html

Abstract

Using DNA as programmable, sequence-specific ‘glues’, shape-controlled hydrogel units are self-assembled into prescribed structures. Here we report that aggregates are produced using hydrogel cubes with edge lengths ranging from 30 μm to 1 mm, demonstrating assembly across scales. In a simple one-pot agitation reaction, 25 dimers are constructed in parallel from 50 distinct hydrogel cube species, demonstrating highly multiplexed assembly. Using hydrogel cuboids displaying face-specific DNA glues, diverse structures are achieved in aqueous and in interfacial agitation systems. These include dimers, extended chains and open network structures in an aqueous system, and dimers, chains of fixed length, T-junctions and square shapes in the interfacial system, demonstrating the versatility of the assembly system.

XXXXX

Meu Post no artigo da Phys.org 

A Natureza aplicou este processo a 4 bilhões de anos atras. Isto é tele-transporte de sistemas naturais. Quem leu os originais da Matrix/DNA Theory a 30 anos atras poderia ter tido esta ideia de imediato. Ela explica como a Natureza aplica exatamente este processo, utilizando fótons, nas origens da matéria orgânica e moléculas, e depois na simbiose das organelas que formaram a primeira célula viva. Na macro-evolução universal, quando o mais evoluído sistema astronômico, como a Via Láctea atinge seu limite de evolução, emite suas informações através de radiações estelares que são espalhadas no tempo e espaço. Ao se re-encontrarem na superfície de planetas, cada bit-informação procura seu antigo vizinho no circuito sistêmico para juntar-se, formar pedaço, pacotes de pedaços, ate obterem um arquitetura que seja copia química/biológica do ancestral astronômico ( e no meu website mostro como a célula é copia exata do building block das galaxias. O mesmo processo foi aplicado quando organelas separadas foram unidas para formarem o primeiro sistema celular. Se estão usando um elemento químico, saibam que existe o próximo passo para a pesquisa usando luz natural, pois a cola por fótons deve ser muito mais eficiente, como sugere os modelos, Todos os sistemas naturais tem um circuito interno e quebrando-o em pedaços, levando-o para outro local, o sistema se auto-organiza novamente.

Em Ingles: 

Na Phys.org

Anyone who has read the original Matrix / DNA Theory 30 years ago could have had this idea immediately. Its models explains exactly how Nature applies this process using photons, at the origins of organic matter and molecules, and then the symbiosis of organelles that formed the first living cell. In macro-universal evolution, when the more evolved astronomical system, like the Milky Way reaches its limit of evolution, it sends its information through stellar radiation that are scattered in time and space. Upon re-encounter at the surface of planets, each bit-information seeks his former neighbor in that systemic circuit to join, form pieces, packs of pieces until obtaining an architecture that is the chemical/biological copy of the astronomical ancestor (and on my website is showed as the cell is an exact copy of the building blocks of galaxies. The same process was applied as separate organelles were united to form the first cellular system. If you are using a chemical element, know that there is a next step for research using natural light/photons as glue, which  should be much more efficient, as suggested by the master Nature.

xxxxx

Postado no :

NEXTBIGFUTURE

http://nextbigfuture.com/2013/09/dna-glue-could-help-reconnect-injured.html

MASHABLE

http://mashable.com/2013/09/10/programmable-dna-glue/?utm_campaign=Mash-Prod-RSS-Feedburner-All-Partial&utm_cid=Mash-Prod-RSS-Feedburner-All-Partial&utm_medium=feed&utm_source=rss

NEWSVINE

http://louismorelli.newsvine.com/_news/2013/09/10/20427400-dna-glue-could-help-reconnect-injured-organs-or-build-functional-human-tissues

R&D MAGAZINE

http://www.rdmag.com/news/2013/09/dna-glue-directs-tiny-gel-%E2%80%9Cbricks%E2%80%9D-self-assemble

Nature applied this process since the Big Bang: it is about reproduction and tele-transportation of light waves and natural systems. Anyone who has read the original Matrix / DNA Theory 30 years ago could have had this idea immediately. Its models explains exactly how Nature applies this process at the origins of organic matter and molecules, and then the symbiosis of organelles that formed the first living cell. In macro-universal evolution, when the more evolved astronomical system, like the Milky Way, reaches its limit of evolution, it sends its information through stellar radiation that are scattered in time and space. Upon re-encounter at any ” soup” at the surface of planets, each bit-information seeks his former neighbor in that  astronomical systemic circuit, for to join, forming  pieces, packs of pieces, until obtaining an architecture that is the chemical/biological copy of the astronomical ancestor (on my website is showed how  the cell is an exact copy of the building blocks of galaxies). If you are using a chemical element, you must know that there is a next step for research using natural light/photons as glue, which  should be much more efficient, as suggested by those models. All natural systems have an internal circulatory circuit, which, when breaking it into slices can be self-assembled at other place. Since that systemic circuits were created from action of light waves upon inertial mass, if we breaks light waves into slices of frequencues or smaller slices, they can self-assembly the whole wave at other place.

POST ACRESCENTADO EM:

http://phys.org/news/2013-09-programmable-dna-tiny-gel-bricks.html

http://nextbigfuture.com/2013/09/dna-glue-could-help-reconnect-injured.html

Avatar

TheMatrixDNA  TheMatrixDNA

Nature has applied this process not from life’s origins but since the Big Bang! The circulatory internal circuit of natural systems were created by light waves emitted at the Big Bang. Any wave is shared into frequencies, the slices continues having its own dynamic force and when the slices are transported to other place they has the tendency to re-build the whole wave.The Matrix/DNA models are suggesting that any light wave is the first code that imprints dynamics, coordinated movements, to inertial mass like dark matter, ether or other thing that fits spaces.The different shapes of frequencies/vibrations are the original cause that produces bodies being transformed into several shapes during its life’s cycles. Congratulations to Peng Yin and his team at the Wyss Institute, this discovery is a great breakthrough that will open a vast new field in Science and technology

(PARA ENTENDER MEU POST, VEJA O MODELO DA MATRIX/DNA SOBRE O ESPECTRO DE UMA ONDA DE LUZ)

Light - The Electric-Magnetic Spectrum by Matrix/DNA

Checksum no DNA e no Cosmos?! Como e Porque Vivemos numa Matrix da Realidade Simulada

segunda-feira, setembro 9th, 2013

Checksum discovered in DNA: More evidence of Simulation Theory?

http://www.abovetopsecret.com/forum/thread832446/pg5

Tentando ligar a Natureza Universal com uma Metafisica atraves da Matematica como se esta tenha sido o metodo usado pelo metafisico para criar o nosso mundo material. O recurso do checksum corrigiria todos os desvios garantindo que a evolucao de dirija a um objetivo predeterminado. Muitos topicos novos a conhecer e pesquisar aqui. (Obs: nao estou podendo registrar uma conta devido e-mail errado. Tentar com outro IP)

Topic started on 20-4-2012 @ 11:24 PM by FlySolo

” Binary, zeros and ones, Phi, the Golden Ratio, Fibonacci sequence, PI, oh how I wish I could fully understand it all. But what does it all mean? Why do these numerical patterns continue to be discovered in the laws of physics right down to the fiber of our core being, DNA?”

PESQUISA: 

SIMULATION THEORY

Wikipedia: Simulated reality is the hypothesis that reality could be simulated—for example by computer simulation—to a degree indistinguishable from “true” reality, and may in fact be such a simulation. It could contain conscious minds which may or may not be fully aware that they are living inside a simulation.

Artigo pela Matrix:

A palavra “simulação” quando aplicada ao intelectual estudo da existência humana, foi corrompida, adquiriu novo significado, principalmente depois do filme ” Matrix”, de maneira que os jovens aprendizes encontram dificuldades para entender o que seria essa suposta simulação da realidade natural. Precisamos recuperar o inicial significado da palavra porque de fato existimos dentro de uma simulação, uma corrupção da realidade natural, mas sem que esta corrupção tenha sido causada por forças ocultas, pois a simulação é uma propriedade intrínseca a realidade natural, ela pode ser produzida pela própria Natureza, e este é o caso da simulação que estamos vivendo.

Como  e porque a Natureza criaria situações mentirosas, ilusionistas, dentro dela mesma, e qual o final resultado deste truque natural, como ele esta afetando nossas vidas?

Eu acho que esta fora de duvidas que o nosso mundo – tenha sido criado por alguma entidade divina ou pelo mero acaso – sempre mostrou desde o inicio que ele esta estruturado no que denominamos “super-simetria”, ou seja, num dualismo dos extremos. Este dualismo é o responsável por ver-mos todos os fenômenos naturais em dois estados diferentes, opostos entre si. No tocante ao fenômeno natural que chamamos de “temperatura”, se existe o super-quente, tem que existir o super-frio; se existe o comprido, tem que existir o curto; se existe o sexo feminino, tem que existir o masculino,…  e assim são todos, mas todos mesmo, os fenômenos naturais. Existe um outro processo na Natureza que ninguém pode ter duvidas também: estes dois extremos entram em conflitos entre si, criam o fenômeno da dominância e recessividade, dos dominantes e dominados, e as vezes entram em equilíbrio termo-dinâmico quando as forças opostas são iguais, e nestes estados de equilíbrio, se fundem, tornam-se um só, o qual se torna por sua vez, uma nova forma na Natureza, uma nova substancia, um novo corpo, assim como quando dois corpos humanos de sexos diferentes se unem e geram um novo corpo ao qual denominamos de ” baby”. Estamos de acordo que existem realmente estas coisas denominadas ” dualismo”, conflitos entre opostos, equilíbrio e geração de terceiras formas? Então vamos prosseguir…

As origens naturais da simulação

No tocante a este problema da simulação da realidade num plano separado da realidade estrutural do mundo, ela é causada pelo dualismo que existe no fenômeno denominado “sistema natural”.  A Natureza tem uma força dentro dela que faz com que a matéria – inicialmente espalhada, sem forma, e no estado de massa e/ou energia se movendo de forma caótica – se condense formando “corpos materiais”, e depois essa força faz com que estes corpos sejam diferentes uns dos outros, e depois conecta estes corpos entre si numa certa sequencia que no final se torna um sistema dinâmico, funcional. Assim foi criada  a primeira célula viva, pela simbiose entre diferentes moléculas e organelas, e assim foram criadas as primeiras galaxias pela simbiose entre os sete diferentes tipos de astros no céu. Os humanos aprenderam a imitar este método da Natureza:  extraímos minério de ferro, borracha, etc. e fazemos diferentes peças com estas substancias e depois conectamos estas peças entre si ate conseguir-mos um sistema funcional, na forma de um automóvel, um avião, um computador, etc. Pois bem… Acontece que os sistemas feitos pela Natureza também estão sujeitos ao dualismo universal, por isso podem ser ” sistemas abertos”, ou seus opostos, que são os sistemas fechados em si mesmos. Mas estes dois tipos de sistemas são dois estados proibidos pela Natureza, assim como ela tem proibido ate agora que qualquer um dos opostos domine o Universo. Se não fosse esta proibição, por exemplo, o estado de super-quente ou super-frio teria dominado o Universo e estagnado tudo, ou destruído tudo. O estado de sistema aberto total é proibido de vencer e se instalar no Universo porque um sistema neste estado não se controla a si próprio e desaparece por total dissipação, desmanchando-se totalmente; por sua vez, o estado de sistema fechado em si mesmo, também perde seu auto-controle, e se ele dominasse o Universo, se tornaria uma arquitetura eterna, paralisando a evolução natural numa forma provisoria, primitiva. O nosso problema como humanos é que herdamos essa força da Natureza, cujo progresso sem nosso auto-controle é proibido e punido pela Natureza.

Então, a Natureza tinha um problema. Sua meta suprema é a evolução (ao menos é a unica explicação racional que posso extrair de todos os fenômenos naturais que conheço e do porque vejo meu próprio corpo surgindo como uma massa disforme chamada morula, e vai evoluindo para blástula, feto, embrião, ate chegar neste carcamano velho e burro que aqui esta escrevendo isso para ele mesmo tentar organizar suas ideias e curar um pouco sua burrice). Se a meta suprema da existência deste mundo material é a evolução, partindo da simplicidade para construir arquiteturas, sistemas, cada vez mais complexos, então a Natureza não tinha outra alternativa senão obter a evolução através da criação de sistemas. Mas qualquer sistema material já trás em si embutido um principio de auto-corrupção, que é a tendência a ser sistema fechado ou aberto. A Natureza precisa então criar sistemas, mas antes disso, criar um processo corretor, dirigente, que impeça os sistemas de alcançarem seu desejo final, porque este desejo não interessa a Natureza. Alguém aqui já ouviu falar no “checksum”, que seria uma propriedade do DNA corrigir suas copias erradas por mutações casuais, e que agora alguns físicos geniais estão maravilhados porque estão suspeitando que o checksum também existe no Cosmos inteiro, dentro de equações da String Theory, o qual impediria que a evolução se desvie de um caminho pre-determinado – assim como o DNA e o ambiente intra-uterino tentam impedir que seja abortado uma forma fetal provisoria  ao inves de nascer um bebe humano?  Bem, isto tudo é ainda teorias, mas servem aqui para ampliar nossos horizontes mentais. Porem, como funciona este instrumento corretor dos sistemas da Natureza?

Ora, todo sistema natural obedece a dinâmica, ao processo, denominado “ciclo vital”. Todo sistema nasce, cresce, amadurece, degenera e desaparece. Em que fase do ciclo vital de um sistema você aplicaria o elemento que impeça sua tendencia natural, de se tornar sistema fechado ou aberto ao extremo? Pense num sistema, como uma arvore, por exemplo. Ora, bem no meio da fase em que o sistema esta amadurecendo. Você derruba a fruta madura, amarela da arvore, antes que ela apodreça. Assim ela pode apodrecer no solo, mas a sua semente não seguira o processo da degeneração, ela estacionou na forma de amadurecimento e assim ela foi novamente plantada, ela vai se transferir para um sistema novinho em folha, no qual ela não poderá instalar seu sonho de sistema aberto ou fechado. Tu ta pensando que a natureza é burra como este velho aqui?! Num é não!

Acontece então que todo sistema natural amadurece, e então entre em deterioração, degeneração, ate desaparecer. Mas esta fase de degeneração depois do amadurecimento não esta em sintonia com a realidade da Natureza, a qual nunca amadureceu ainda, nunca entrou em degeneração total. Vemos degeneração de sistemas dentro da Natureza, mas não degeneração da Natureza total, do Universo. Ate pode ser que esta degeneração total esteja ocorrendo, mas não é isto que sugerem as evidencias que conheço agora. Medições sugerem que o Universo esta se expandindo, aqui na Terra vejo a cada dia alguns humanos se tornando cada vez mais complexos.

Então, de repente, um sistema natural esta caminhando num sentido contrario ao que a Natureza esta caminhando. O sistema tende a ser sistema fechado ou totalmente aberto, enquanto a Natureza demonstra que ate agora ela nunca foi e não é nem sistema fechado nem totalmente aberto, dissipativo. O sistema depois de amadurecido só tem uma alternativa a seguir: sua deterioração e morte. A Natureza nunca demonstrou que esta seguindo esta alternativa. Existe portanto uma dessintonia entre a realidade dentro de um sistema e a realidade fora do sistema. A esta dessintonia o intelecto humano, que já a percebeu intuitivamente, esta chamando de ” SIMULAÇÃO”.  Mataste a charada?

Estas a perceber que estas coisas de que andam falando desde os velhos e sentados filósofos gregos, como a caverna das sombras do Platão, ou a realidade ilusória do sonho de Buda, e que ate um filme fizeram, denominado “Matrix”, não tem nada de metafisico, nada de sobrenatural, nenhum plano de extraterrestres tentando nos escravizar? Como corpos naturais somos sistemas naturais, e como tais, temos a tendencia a caminhar numa direção diferente da que a Natureza esta caminhando, por isso, quando criamos nossos sistemas sociais – estes que regulamentam como cada um de nos deve se comportar socialmente – criamos sistemas corretos para curtos prazos, mas errados em relação a longo prazo. Como temos a tendencia a conservar o conforto adquirido pelo sistema que criamos, extrapolamos o curto prazo em que eles corretamente  se aplicam, e ai entramos em conflito com o mundo, que é uma força muito mais poderosa.  A Natureza avança criando ambientes, situações, para seus sistemas ideais, sempre se transformando,  e nesse ponto, um sistema que se mantem depois de seu tempo, é um sistema de realidade simulada, falsa. destinado a ser destruído pela Natureza, que seja por meteoritos caindo do céu ou por aquecimento global, ou ainda por pestes e vírus mortais… ou por nos mesmos, quando funciona antes o nosso instrumento de auto-cura.

Corpos humanos são sistemas naturais que emergiram das selvas, as quais são componentes desta biosfera caótica que emergiu na superfície deste planeta. Estes corpos humanos cortaram fora a selva, fizeram terraplanagem acertando os relevos dos terrenos, cobriram o solo com camadas de asfalto e/ou vegetação conveniente, construíram cidades de cimento e se instalaram dentro destas cidades. Vivem atualmente não num ambiente desenvolvimento naturalmente pelas forças naturais, mas num ambiente transformado pelas suas tendencias. Como o homem é produto do meio, e desde que o meio atual é produto do homem, as novas gerações cada vez mais vão se distanciando do caminho que a Natureza esta seguindo. Imagine isso num gráfico cartesiano, onde a linha da evolução do homem se torna uma linha obliqua enquanto a linha da evolução natural permanece uma reta horizontal. O espaço entre as duas linhas, que esta aumentando em distancias entre si, é o espaço onde estamos construindo um mundo simulado, é onde esta a simulação, o reino da Matrix. Todas estas cidades de blocos de cimento, estas ruas ocupadas por motores e maquinas moventes, este solo coberto por um tapete de asfalto e cimento, sera, certamente, removido, destruído, pela Natureza. A não ser que acordamos a tempo, controlemos este instinto de “Matrix”, dentro de nos, esta pecaminosa tendencia de ser extremados sistemas fechados ou abertos,e consertamos o erro, enquanto a linha evolutiva da Natureza ainda nos fornece algum tempo.

 

Dos trogloditas na caverna foi criado um novo sistema, denominado “sistema familiar”. Todo ser humano responsável, consciente, sociável, mantenedor do equilíbrio social, defende com unhas e dentes a instituição familiar. Esta forma de família é denominada nos meios intelectuais de “família nuclear”, pois ela tem sido o centro, o alicerce, o núcleo, de todos os tipos de sistemas sociais inventados pelos humanos ate agora, desde o feudalismo ao capitalismo, ou comunismo, etc. Longe de mim pensar em eliminar este costume das pessoas em constituírem a família nuclear. Mas…

De repente apareceu um plebeu que ganhava a vida como qualquer carpinteiro mas que tinha umas ideias esquisitas. Uma destas ideias era justamente a de que tem algo errado com o sistema familiar nuclear. Este algo errado impediria o que para ele era seu sonho: um mundo em que todos os pais e mães fossem seus pais e mães, em que todos os irmãos e irmas fossem seus irmãos e irmas… E ele chamou esse novo mundo de seus sonhos de ” sagrada família universal”. Seria uma forma nova de sistema familiar, social. Ele representou o estado da fruta madura que tenta sua auto-cura antes de caminhar para sua degeneração. Em outras palavras, o filosofo plebeu acreditou que, contra todas as nossas melhores intenções, o que pensamos ser a unica e melhor forma de existir-mos… esta errada. Mesmo para mim, que desde ao nascer fui deserdado de qualquer pedaço de chão e escravizado pelas famílias nucleares, isto não me parece bom, não consigo digerir esta ideia, não consigo ver nenhuma melhor alternativa para manter a sociedade dos humanos senão mantendo a família nuclear. Mas esta minha dificuldade estaria no fato de que, como sistema natural que sou, tenho uma tendencia corrupta em relação a tendencia da realidade natural. Que sociedades estruturadas em cima de elementos que tendem a se perpetuarem e alcançarem o estado de sistema fechado em si mesmo, são sociedades simuladoras da realidade natural, mas que não são a realidade natural… e nunca o serão. Se insistir-mos, vamos degenerar, a Humanidade vai desaparecer, a Natureza vai retornar aos macacos e recomeçar aqui tudo de novo.

Uma das minhas missões aqui nesta vida que impus a mim mesmo, depois que elegi a visão de mundo da Matrix/DNA como a mais racional, é criticar para mudar os inúmeros conceitos errados que povoam a mente moderna derivados ou criados por esta cultura humana, a qual é virtual, pois os conceitos, as definições, as interpretações, não se aplicam a realidade natural. Isto porque eu quero ter a certeza que esta Humanidade da qual faço parte, tenha um futuro, não desapareça simplesmente e de forma dolorosa, anulando todos os esforços que fiz para mudar a vida absurda que tenho vivido. Você precisa entender que a partir do momento que criamos uma direção diferente da que a natureza continua seguindo, fomos obrigados a ” errar” de proposito em todas as nossas interpretações dos fenômenos naturais, daqueles que já conhecíamos e daqueles que estamos descobrindo. Nossas Ciências se tornaram a nossa fatal armadilha e estamos enfiando esse erro, esse pecado, na cabeça de nossas crianças dentro da educação familiar e dentro das escolas. Se o mundo é redondo e corpos humanos não são plantados no solo, não existem mão direita e mão esquerda, isto é conceito errado, mas então os dominantes puxam a sardinha para sua brasa se dizendo direitistas enquanto aos outros se referem como esquerdistas porque perceberam que uma mão – a qual resolveram chamar de ” direita” – é mais esperta e produtiva que a outra. Cria-se uma cadeia de erros, isto é a cultura virtual, isto é um mundo mental artificial, nos mesmos criamos a nossa “Matrix”.  Acho que já esta na hora de saber-mos o suficiente da realidade natural para nos auto-corrigirmos em nossas tendencias puramente materiais, que se tornaram em nossos instintos animalescos, dar-mos oportunidade para se desenvolva aqui a nova forma de sistema natural que a Natureza esta construindo dentro das nossas cabeças, esta coisa chamada ” mente”, ou “auto-consciência”. Não adianta espernear, não adianta rebuscar justificativas falsas, não adianta tentar ser-mos “espertos”, de nada vai adiantar o uso da força com policias e exércitos: a realidade natural não concorda com nossos sonhos, nossos desejos atuais, e ela sempre venceu, e se preciso, ela nos derrotara, como faz inexoravelmente com todo fruto maduro que foi separado da arvore da evolução. Acho que deu para elucidar de uma vez por todas aqui este problema da simulação da realidade em que estamos vivendo.

Joias colhidas nos Comentarios: 

reply posted on 21-4-2012 @ 03:09 PM by MrXYZ (pag.5)

reply to <a,href=”http://www.abovetopsecret.com/forum/thread832446/pg5#pid13955464″ target=”_blank” rel=”nofollow”>post by MESSAGEFROMTHESTARS
Again: Math is simply what we humans use to express things in an ordered manor. Just because we use the same approach to build computers doesn’t mean nature or the universe is somehow automatically designed by some creator. Math is a tool we humans use, nothing more…

Estrelas estão em crise de identidade, mais um problema para a Cosmovisão Acadêmica

domingo, setembro 8th, 2013

Little star or big planet? Dim brown dwarfs illuminate the difference

http://www.latimes.com/science/sciencenow/la-sci-sn-cold-brown-dwarf-star-gas-giant-exoplanet-20130906,0,367285.story

Brown dwarf, failed starThis artist’s conception portrays a free-floating brown dwarf. A new study using data from NASA’s Spitzer Space Telescope shows that several of these failed stars are warmer than previously thought.(JPL-Caltech / NASA / September 5, 2013)

Post da Matrix/DNA no artigo:

Como identificar se um corpo humano é um adolescente ou um adulto jovem? Fácil para humanos, mas difícil para alienígenas. Nos somos os alienígenas em relação as estrelas.O modelo astronômico da Matrix/DNA Teoria pode resolver este problema, enquanto o modelo da Teoria Acadêmica Oficial talvez nunca o fará. A diferença esta na teoria da formação dos astros, seu desenvolvimento e  significado de existência. Enquanto a Teoria Oficial acredita na geração espontânea dos astros, a Teoria da Matrix/DNA sugere que astros se transformam, mudando suas formas, da mesma maneira que corpos vivos mudam suas formas devido o ciclo vital. Em outras palavras, astros também tem ciclo vital. Então, as principais características para classificar os astros em especies são: idade, forma, brilho, temperatura, posição na orbita estelar. A Matrix/DNA sugere que planetas gasosos gigantes desenvolvem gigantescos vulcões cujas erupções os tornam pulsares e depois que se afastam de sua estrela se tornam supernovas. Infelizmente a Teoria da Matrix/DNA ainda não pode ajudar nesta classificação porque ela entende que galaxias obedecem a dois diferentes processos de formação ( assim como os sistemas celulares) e não se sabe ainda como identificar em qual dos processos tal astro foi formado.

NOTAS DO ARTIGO

” Is it time for a stellar identity crisis? Astronomers studying cold brown dwarfs have found that the boundary between star and planet might be much blurrier than once thought.

” So these brown dwarfs, which sit on the scale between normal stars and gas-giant planets, can bridge the gap in scientists’ knowledge.”

These brown dwarfs are essentially the D-listers of celestial Hollywood – their career goals to become stars never quite took off. That’s because these relative lightweights never became dense enough in their cores to start their hydrogen-fueled nuclear fusion engines.

Ultra-cool brown dwarfs, described in the last two years using NASA’s Wide-field Infrared Survey Explorer telescope, are the coldest of the bunch, and very dim and small. They generally sit right around the borderline between a tiny star and a really big gas giant – 13 Jupiter masses.

And given the number of properties the two share, studying these brown dwarfs and their atmospheres could help astronomers understand exoplanet atmospheres too.

Post em INGLES:

How to identify if a human body is a teenager or a young adult? Easy for humans but difficult for aliens. We are aliens in relation to stars. The astronomical model of the Matrix / DNA Theory can solve this problem, while the model of  current Academic Theory perhaps never will. The difference is in the theory of the formation of the stars, their development and meaning of existence. While the Official Theory believes in spontaneous generation of astronomical bodies, the Theory of Matrix / DNA suggests that they are transformed, one into other, changing its forms, just as living bodies change their forms due the life cycle. In other words, they also has life cycle. Then, the main features to classify the stars in species are: age, shape, brightness, temperature, position in the stellar orbits. The Matrix / DNA suggests that giant gas planets develops gigantic volcanoes whose eruptions make them as pulsars, and after that moves away from its star becoming supernovae. Unfortunately the Theory of Matrix / DNA still can not help in this classification because she understands that galaxies obey two different formation processes (as well as cellular systems) and do not yet know how to identify which of the processes such star was formed.

Os Sinais destes Tempos indicam Evolução da Matrix Fechada ou Erupção da Consciência?

domingo, setembro 8th, 2013

ACTIVISTPOST

10 Signs the Global Elite Are Losing Control

Read more at http://www.activistpost.com/2013/09/10-signs-global-elite-are-losing-control.html#GUMgwqTmeY4KqBGi.99

” Karma is coming for the elite in a big way. As the Powers That Be head toward a devastating defeat in their war plans for Syria, signs are emerging that their rule over humanity is rapidly diminishing.

Over the last decade the global elite have been on a mad dash to consolidate power over the world. It’s always been their plan like some evil villain in a comic book, but after 9/11 the plan went into overdrive and then turbo charged during the financial crisis of 2008.

Yet it’s doomed to fail because humans are meant to be guided by their own free will, not controlled like livestock. The more the elite try to control humanity, the more entropy occurs. Entropy, for those who don’t know, is the lack of order or predictability; a gradual decline into disorder.

Although the elite still enjoy a huge wealth advantage over the masses, they are now resigned to behaving like tyrants to maintain control. This, in turn, exposes their dark side which has been cleverly concealed for ages. Not anymore.

Read more »
xxxxxxxxxxxxxxx
Quem vai ganhar?
A Teoria da Matrix/DNA esta sugerindo que existem duas forças contrarias tentando ganhar o controle da Humanidade e determinar seu destino. A Força da reprodução de LUCA (the Last Universal Common Ancestor) que tende a fazer da biosfera na superfície da Terra – sua herdeira direta – um sistema biológico fechado em si mesmo, mecanicista, a sua imagem e semelhança. E a Força da reprodução do sistema que gerou o Universo, o qual tenta reproduzir sua propriedade de auto-consciência, portanto, mantendo a Humanidade como sistema aberto para alem dos limites do Universo material. O autor do website acima tende a ser um mensageiro ativista da auto-consciência e aponta detalhes importantes acreditando que eles favorecem sua causa. A elite tem sido a imitação do papel do predador na selva e parece ser o suporte infra-estrutural sendo usado pela força de LUCA para construir sua identidade de sistema. Se esta havendo resistência com manifestação de livre-arbítrio por parte dos dominados, isto indica forte presença da força auto-consciente. Mas pode ser o contrario: o oculto atua com estrategia fazendo o adversário mostrar seus últimos focos de resistência para elimina-los definitivamente. Portanto, por enquanto, eu não tenho como concluir nada.

Ventos magnéticos vindos do espaço sideral para o Sistema Solar muda direçao

sábado, setembro 7th, 2013

Uma informação e confirmação de um tópico importante nesta noticia: Forças, electromagnetismo  ventos galácticos e ate mesmo átomos como hélio vem do espaço alem do sistema solar. Cientistas se admiram que eventos na macro-escala astronomica podem ocorrer em curtos periodos de tempo

” Our heliosphere, which is inflated like a balloon by the sun’s solar winds, deflects powerful cosmic rays, much the way the earth’s magnetic field shields us from much of the sun’s radiation. But the heliosphere doesn’t block everything. Certain uncharged particles from interstellar space, such helium atoms, can enter and be tracked by spacecraft.”

A strange interstellar wind blows through our solar system

http://www.latimes.com/science/sciencenow/la-sci-sn-interstellar-winds-mysteriously-change-20130906,0,1470097.story

 

Interstellar winds

Interstellar winds appear to have changed direction, and scientists aren’t certain why.(NASA/Goddard/Adler/University of Chicago/Wesleyan University / September 6, 2013)

the interstellar winds that gust through our heliosphere — the vast bubble of magnetism that surrounds the sun and planets — has changed direction over the last 40 years.

“it was very surprising to find that changes in the interstellar flow show up on such short time scales because interstellar clouds are astronomically large,”

“Previously we thought the very local interstellar medium was very constant, but these results show just how dynamic the solar system’s interaction is,”

It remains unclear to scientists exactly why the interstellar wind would change direction

Meu Povo! Não Existe esse negocio de Mão Direita e Mão Esquerda

sexta-feira, setembro 6th, 2013

Imagine dois homens, um de frente para o outro. E Joaquim diz: ” Esta bem. Para acabar esse problema de como vamos dividir essa terra, vamos dizer que tudo o que esta a nossa direita pertence a um e tudo que esta a nossa esquerda pertence a outro. Para definir quem vai ser dono do que, vamos tirar cara ou coroa na moeda. Se sair cara, eu fico com a direita e você com a esquerda. E vice-versa se sair coroa. Certo?”

Ai o João responde: ” Tai… gostei da ideia. Atire a moeda.” E deu cara. O Joaquim correu a dizer: ” Então tudo o que esta aqui,  a nossa direita me pertence e tudo o que esta aqui, a nossa esquerda, te pertence. Certo?”

Havia um problema. Todos os dois já tinham percebido que as terras de um lado tinha algumas vantagens. E era o lado que ia caber ao Joaquim. Então o João correu a se defender.

” Esta errado. O lado direito é esse aqui, ta vendo, onde estou apontando com meu braço direito.”

Joaquim que estava de frente ao João correu  a retrucar: ” Exatamente. O lado direito é para onde estou apontando com meu braço direito. É este aqui e não esse ai…”

Para encurtar, o que era direita para Joaquim, era esquerda para João. E agora? E qual a causa que faz acontecer este tipo de problema?

A causa esta num dos maiores erros crassos que a humanidade vem cometendo. Não existe esse negocio de mão direita nem mão esquerda. Para se dizer ou se entrar num acordo que algo esta a direita ou a esquerda e preciso um ponto de referencia. Por exemplo um poste a nossa frente. Podemos dizer que estamos vendo uma pessoa a direita ou a esquerda do poste, usando como ponto de referencia o que estendemos ser o lado esquerdo e direito do nosso corpo. Mas qual o ponto de referencia que usamos para dizer qual é o lado direito ou esquerdo do nosso corpo?! Se o mundo é redondo!?.

Hein?!!! Repita que não ouvi bem sua resposta.

Para se dizer que tal lado é direito ou esquerdo, duas ou mais pessoas tem que concordarem que um ponto qualquer, fixo, seja a referencia. Mas não ha nada fixo neste mundo, tudo esta em movimento. Vamos usar o Sol, a Lua? Estes dois parecem serelepes que não ficam quietos, basta dar um cochilo aqui e eles já trocaram de lugar.

Eu vou tentar pesquisar quem foi o primeiro carcamanjo na historia da humanidade que um dia falou em ” meu lado direito, ou minha mão direita…” Ele estava se baseando em que? Se o mundo fosse quadrado, ou se o mundo tivesse lados, daria para entender, mas com um mundo redondo não entendo…

Vou pesquisar e um dia volto para continuar este assunto… se achar a resposta antes de morrer… Enquanto isso o João e o Joaquim vao ter que procurar outra maneira de dividir as terras.

Desbancando a Cultura Virtual: ” Brasileiros, Natureza nada tem de feminino nem masculino”

sexta-feira, setembro 6th, 2013

Quem disse a portugueses e brasileiros que Natureza é feminina?! Num forum em inglês quando entrei em debate com um inglês ele me fez ver um erro clássico que eu nunca tinha percebido antes. Quando eu precisei escrever em Inglês ” a Natureza não se defende mas ela se vinga”, o inglês disse que não entendeu e me perguntou de onde tirei a palavra ” she”. Eu disse que em portugues nos nos referimos a Natureza com o pronome feminino, não dizemos ” o Natureza” e nem “ele” para a Natureza. Mas de onde tiramos a ideia que Natureza é algo feminino, ele perguntou… Eu me remexi todo, procurei la no fundo do bau, nas origens das palavras, e não consegui responder. De fato, não faz sentido pensar sobre Natureza como algo feminino , nem masculino. E nesse ponto os povos que pensam em Natureza sem definir gênero sexual esta totalmente certo. Espera ai… deixa-me buscar no Wikipedia a definição da palavra Natureza:
http://pt.wikipedia.org/wiki/Natureza.

Natureza – Wikipédia, a enciclopédia livre

pt.wikipedia.org

A natureza, em seu sentido mais amplo, é equivalente ao “mundo natural” ou “universo físico”. O termo “natureza” faz referência aos fenômenos do mundo físico, e também

Vemos que o texto em português já começa dizendo ” a natureza”. Porque não ” o Natureza”? Vamos ver o que diz o wikipedia em Ingles: ” Nature, in the broadest sense, is equivalent to the natural, physical, or material world or universe. “Nature” refers to the phenomena of the physical world, and also to life in general. It ranges in scale from the subatomic to the cosmic.”.
Entendeu a diferença? Em Inglês, se começa dizendo Nature, não se aplica nenhum artigo antes. A seguir se refere ao natural dizendo “it”, que e um pronome sem distinção de sexo. Parece que não, mas no arranjamento final dos cérebros estes pequenos detalhes acabam fazendo grande diferença nos julgamentos finais e isto é uma das causas das diferenças entre as culturas de diferentes povos. Estamos errados, mas como vamos consertar isto agora para não ensinar as próximas gerações a terem seus cérebros hard-wired de maneira errada?!