Archive for setembro, 2015

Mensagem da Matrix/DNA sobre a obra de Jordan Maxwell

terça-feira, setembro 29th, 2015

xxxx

Video: O Mundo Interno do Ocultismo Jordan Maxwell – Legendado

https://www.youtube.com/watch?t=3437&v=kw8P77-VD6w

Meu comentario postado no Youtube:

TheMatrixDNA – Set, 29, 2015

42 anos desperdicados sem produzir nada de util para a Humanidade porque o empreendimento comecou e se manteve com uma mente infantil, que acredita em efeitos sobre o mundo humano real vindos de um reino imaginario, nao natural. Se a mente fosse racional, em primeiro lugar, analizaria essa cultura milenar humana certamente manipulada e corrupta a partir das origens corretas do homem, que e’ a hereditariedad vindo dos animais, e nao uma origem criada por magica.  O instinto herdado dos animais explica facilmete porque existe uma ” elite” no poder criadora de uma cultura como ferramenta de manipulacao mental dos servos, nao e’ preciso imaginar ligacoes satanicas ou com planetas exercendo influencias astrologicas, etc.

 

A verdade e’ que o homem animal continua aplicando as regras brutas das selvas no planejamento de todos os tipos de sistemas sociais que existiram. E nas selvas os animais sao divididos em tres classes: a classe dos grandes predadores ( que nos humanos se tornaram os bilionarios, os reis, o cardeais, etc), a classe dos medios predadores, e a classe das presas, que e’ todo humano pobre trabahando como empregado a vil salario.

 

Se antes bastava aos leoes ficarem se espreguicando na sombra no alto da colina a assistirem la embaixo nos campos de relva verde as ovelhas trabalhando submissas, transformando grama em carne, e dai descerem na hora da colheita facil, a sofisticacao da especie humana exigiu dos leoes humanos algumas providencias. O humano veio com a novidade do pensamento e pada domar este os leoes tiveram que inventar uma tecnica entorpecedora. nesta tecnica o maior recurso e’ interpreter todos os detalhes da natureza real de uma maneira errada, mentirosa, mas que atenda aos objetivos de manipulacao.

 

Entao se aparece uma nova descoberta sobre um fato natural, como Darwuin descobriu  a evolucao, eles precisam imediatamente contorcer este fato produzindo uma interpretacao que mantenha as ovelhas aceitando o mundo falsificado por eles. Assim a evolucao se mantem por uma cadeia alimentar que nao pode ser alterada, pis se isto acontecer o mundo acabaria. Etc.

 

O verdadeiro comprometido com os enganados do Sistema nao vai buscar nas origens e historias das palavras humanas argumentos que despertem os engandos , mas sim busca as verdadieras interpretacoes do mundo real, ou seja, ressuscitar a mente natural dos enganados para sua verdadeira criadora, a Natureza. E e’ isso que estamos fazendo na Matrix/DNA Theory. Descobrimos que a cultura transmitida nas escolas esta toda errada. Nunca houve origens da vida neste Universo, o DNA nao e’ um codigo, o Sistema cellular ‘e exatamente igual a um sistema astronomico o qual foi de fato oseu criador, e etc. Desconstruir a cultura corrompida com fatos e nao com jogo de palavras.

Mensagem da Matrix/DNA em 27/09/2015

segunda-feira, setembro 28th, 2015

xxxxx

(postada em Google+ , https://plus.google.com/u/0/communities/117518490246975838002?cfem=1

Do you really believe that the stupid matter of this lost planet invented the extraordinary engineer that is the DNA? And by chance? Now that the academic science have not find a way for proving this absurd “abiogenesis theory”, they are suggesting that another planet or star did it. It is extra-terrestrial abiogenesis theory,
The big problem that our academic mindset can not think the obvious is due centuries of reductive method and the game ideology.
Biological DNA was not produced by a single astronomic body, but, by a system of astronomical bodies. The building blocks of DNA/RNA – a base-pair of nucleotides – are itself a system, a working system, a nannotecnologized astronomical system. It is an entire system that projects itself into another environment ( planets’ surfaces), with more one state of matter – the liquid state, which possibilitates the event of organic chemistry – suffering a mutation, and arising as biological.
The first complete and real living being was a system – the cell system. So, who did it must be a system, and not parts of a system. Entropy attacking astronomical systems can do what our body does: miniaturizes as a microscope genome, inside spermatozoons and ovules. So, an entire system can have its fragments projected into a planetary soup, and from there, lifting up again, with some mutations.
We have discovered that a theoretical model as building blocks of galaxies is exactly equal a building block of the DNA. So, evolution is not merely the Darwinian biological evolution, it is universal, it began at the Big Bang and biological is merely a phase of this cosmological evolution. See at Matrix/DNA Theory, the models of these building blocks and admire how it makes sense.

Another thing that is equal these astronomical and biological building blocks is the wave that results from the spectrum of all electromagnetic radiations, from gamma-ray to radio. This wave can be seen as wave of light. So, any natural wave of light – like those emitted at the Big Bang – has the code for life.

There is no more mystery about life inside this Universe. Matrix/DNA Theory solved everything, this Natural Universal History of 13,7 billion years. Our problem now, our big unsolved mystery is… where come from that light?!  It came together with the Universe, it was existing before and beyond the Universe, but, what is it… we don’t know.
Matrix/DNA Theory is craze now after light and its biologically fragments, the biophotons, which are emitted by stars radiation and cosmological radiation. We are very interested studying the brain and consciousness, because we are suspecting that synapses can produces that ” light” and it has the effect of consciousness.  These are the most important research that our academic sciences should be doing just now, because it could lead us to put a feet beyond the Universe and arriving next to the mysterious source of that natural that has the code for life… and, it seems, for consciousness.
Reductive method did a good job, but, now is time for the systemic method, to see all those details discovered by the reductive method as details of big systems. We need the big picture. For understanding Nature, this world, and knowing how to survive as species in it. Join to us, we are fighting for you and yours next generations.

Como Era a Embriogenese a 10 Bilhoes de Anos Atras

sexta-feira, setembro 25th, 2015

xxxx

 

 

Ancestral Astronomico do Sistema Reprodutor Biologico por MatrixDNA Theory

Ancestral Astronomico do Sistema Reprodutor Biologico (Matrix/DNA Theory)

Ancestral Astronomico do Sistema Reprodutor Biologico (Matrix/DNA Theory)

A extraordinaria engenharia do aparelho reprodutor feminine humano nao foi inventada pela material estupida ( sem inteligencia) deste planeta, como se isso caisse do ceu por acaso e nunca tivesse existido antes. Tambem nao foi feita por um ato de magica de alguma super-inteligencia que precise sempre estar indo a algum lugar do Universo onde precise surgir uma novidade natural, pois bastava inserir um software nas origens do Universo e isto apareceria no seu devido tempo. Entao como surgiu aqui e nestes tempos?

Ora, temos que pesquisar a Historia Natural, retroativamente. E vamos com facilidade ver que ela veio de uma evolucao desde formas de vidas primitivas, como plantas e bacterias. Mas teriam sido as plantas que inventaram isso? Temos que retroagir mais ainda na Historia Natural.

Este Sistema reprodutor, na verdade, e’ um subsistema, uma parte, de outro sistema maior, mais complex, que e’ o corpo humano. Tambem sao sistemas cada planta, cada bacteria. Entao deduzimos que devemos buscar nos outros sistemas que existiam antes dos sistemas biologicos – como os sistemas atomicos e os sistemas astronomicos – se neles nao havia um estagio mais primitivo de sistema reprodutor.

Entao deparamo-nos com o modelo teorico da Matrix/DNA de como seria – ou ainda sera’ – os tijolos basicos, os ” building blocks” dos sistemas astronomicos `a 10 bilhoes de anos atras. Como surgiam os astros celestes? Uma rapida olhada no modelo da Matrix/DNA e um arrepio frio nos corre pelo corpo! Vamos recapitular o modelo no desenho tosco feito na selva a lapis num papel de embrulhar pao…

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Se o astro nasce – vem a luz – na F2 da formula-modelo, entao o que ocorre em F1 deveria ser o estado ancestral do atual sistema reprodutor. E em F1 vemos um turbilhao por dentro do qual o material degradado de um astro ” morto”, passa por uma serie de transformacoes, se mistura com cometas vindos pelo espaco sideral e termina por emitir o que pode se chamar ” a semente de um novo astro, ou nova estrela”. Mas observando detidamente todo o processo, terminamos por perceber que o significado geral, o resultado ultimo deste processo ocorrido nos ceus e’ exatamente igual ao significado geral, o resultado ultimo, da embriogenese de um corpo humano! Ora entao nao foi a material burra deste planeta, nao foram as plantas, nao foram os organismos primitivos e nao foi um ato supernatural que criou aqui o Sistema reprodutor humano… Ele vem de uma evolucao cosmologica cujas pegadas ja conseguimos alcancar ate a 10 bilhoes de anos atras, na formacao de galaxias!

Vamos explicar melhor para quem nao entendeu. Ao se tornar velha, uma estrela como o Sol vai queimando todo seu combustivel, sua energia, e como dejetos vao ficando as cinzas, umns poucos atomos semi-desfeitos, ao que chamanos de poeira estelar. Vemos isso na F7 da formula-modelo acima. Esta poeira eve formar uma nuvem densa, amarelada cinzenta, que ficaria eternamente no espaco, nao se dispersando apenas devido a pouca forca de atracao nos seus fragmentos, o resto da gravidade. Ficaria parade se estivesse num Universo parado, porem ela esta dentro de uma galaxia que gira. E o que acontece com uma nuvem dentro de algo que gira? Comeca a girar tambem, de duas maneiras: uma, em orbita dando voltas pela galaxia, e outra, girando sobre si mesma. Este girar sobre si mesma vai criando um eixo central, na forma de um rodamoinho, um ciclone, ou ainda, um turbilhao. Assim acontece igual a cena que vemos aqui na Terra: no plano mais firme e denso do solo – que ‘e a nuvem – forma-se a ponta do cyclone e na atmosfera menos densa forma-se a boca larga do ciclone. E o cyclone tende a sugar tudo para dentro de si pela ponta. Nos nossos gigantescos ciclones sao colhidos carros, vacas, pessoas, casas, etc., tudo ‘e mexido, trombado, vai tudo se desfazendo em pedacos menores e depois soltos nas alturas do espaco.

A engenharia humana, que tambem nao inventa nada que nao tenha existido antes, intuiu esse processo e com isso criou o liquidificador. Corta-se bananas, macas, morangos, que vao para o fundo do vaso na mesma forma de cone das galaxias, estes pedacos soa postos a girar, se entrechocarem, ate virar um liquido que vai subindo no vaso por que e’ menos denso do que os pedacos no fundo, e pronto… temos a saborosa vitamina. Nao importa que hipoteticas pequenas bacterias que vivem no fundo do vaso digam: ” Oh… estao caindo fragmentos de alguma coisa la de cima”; que outras bacteria vivendo no meio do vaso e que desconhecem a eletricidade, vendo os pedacos girando e mudando de forma, tamanho, digam: ” E’,… neste mundo nao pode ficar parado, tudo se move, pelas forcas fisicas, que criam novas formas ao acaso…”; e que outras bacterias vivendo no topo do vaso digam: ” Esta vitamin surgiu por um acaso que ate parece magica de algum criador supernatural…” Nao importa. Os nossos ciclones na Terra surgem ao acaso e sao sempre destruidores, eles nao montam carros depois de despedaca-los. Isto porque, como podemos ver na formula-modelo, a superficie terrestre e’ bombardeada pro elementos que vem da entropia do Sistema solar, da sua degeneracao rumo a sua morte. Mas os ciclones nas galaxias sao produzidas pela energia crescente da formacao de sistemas, e estes ciclones sim, remontam um Sistema solar morto em um novo sistema. Eles constroem. Assim como a barriga da minha mae me construiu.

Todas as fases da embriogenese humana, a comecar pela fecundacao, sao iguais as fases na formacao de um novo astro celeste. Claro! A Terra e seu sistema a que ela pertence, o solar, so poderia gerar algo pelo mesmo processo que foram gerados. Eles tambem nao criam processos do nada. Se na embriogenese o ovulo e fecundado ao receber um espermatozoide que vem de fora, no ceu o cyclone e sua poeira e’ fecundada por um cometa cheio de nergia/informacao que tambem vem de fora. Ate a forma do espermatozoide continua a ser a forma do cometa, a natureza nao precisou fazer ginasticas aqui para aplicar o seu sempre procsso eterno de formacao de sistemas naturais. E depois vem a morula, a blastula, o feto, que sao todas formas muito mais complexas das formas dentro do cyclone sidereal, porque entre estas formas existem bilhoes de anos de evolucao, de aumento de complexidade.

Mas…. nossa pesquisa vai parar por aqui? Sugere o bom senso que as galaxias tambem nao sao magicas, nao foram elas que iniciaram isso. Uma forma aninda mis primitive desse processo reprodutor deve estar – temque estar – no ancestral dos sistemas galacticos, que sao os sistemas atomicos. Em outra ocasiao vamos tecer algumns comentarios de como este Sistema ja esta encriptado no nucleo atomico quando protons e neutrons produzem seus bebes chamados particulas pions. E para terminar abreviando isso vamos cominicar aqui que  nossa Historia Natural retroativa foi encontrar num tempo muito antes ainda de surgirem os primeiros atomos, a primeira manifestacao deste Sistema reprodutivo. Pasmem! Nao sabemos bem como foi o Big Bang ( a Matrix/DNA esta a dizer que foi o primeiro ato, a pieira forma do ato da fecundacao neste Universo material), mas calculamos que ele emitiu ondas de luz ( se assim podemos chamar o efeito de todas radiacoes eletromagneticas) que se propagaram penetrando a material escura inerte. E ao observar uma onda dessa luz, quase caimos da cadeira! La esta explicito, clararamente, uma forma simplicssima de sistema reprodutor. Vou trazer para ca o grafico da onda e analize-o tal como a Matrix/DNA o fez, colocando mais nomes nas coisas.. Compare a onda com a formula-modelo acima. Veja a faixa ” radio” como F7, a produtora de poeira ( no caso da luz a poeira sao suas particulas fotons). E entao leve essa imagem do ” radio” para antes da faixa ” gamma”, e veja toda onda se reproduzindo….

Mas – uma final pergunta – entao foi a luz que inventou o sistema reprodutor? Eu penso que nao. A onda de luz tambem ja contem em si o sistema reprodutor, entao foi algo que fez a luz, antes do nascimento do Universo, e…. sinto muito mas a matrix/DNA so’ consegue chegar na ulyima fronteira do Universo, para adiante ela nao pode ir. mas poderia, como disse antes, ser um mero software na foma de ondas de luz….. ou entao um processo genetico de reporducao natural, pois o coigo genetico funciona na base dos softwares, quer dizer – os softwares sao imitacoes do processo genetico produzidas pela inteligencia humana que um dia sera uma inteligencia superior capaz de produzir softwares com luz. Tal pai, tal filho!

O grafico da onda de luz pela Matrix/DNA Theory:

Light-The-Electro-Magnetic-Spectrum by MatrixDNA THeory

 

 

Tags/Categorias do Blog: Rank no Google

terça-feira, setembro 22nd, 2015

xxxx

Tag/Categoria ———– Aparece nas PGs ——– Pesquisado ate a pag —– data

abiogenese ————– Nao aparece          ——– 10                                —–    set., 22 – 2015

abiogenesis ————- nao aparece (N/A)   ——-10                               ——       l l

A Gr. Causa Hum —-  aparece na pg 1 ————   01

A matriz              —— aparece 2 na pg 1 por G+      10

astronomia        —— aparce na pg 1 por G+ —— 12

ateismo          ——— N/A     ————————- 10 ———————– set, 22 – 2015

( obs: Fazer pesquisa pondo a tag seguida de The Universakl Matrix, ou A matriz universal, para fazer o google afirmar o blog)

ateismo the universal matrix :  domina a primeira pagina.

biologia     ————

 

 

Biophotons : Prof. Fritz-Albert Popp

domingo, setembro 20th, 2015

xxxx

http://www.biontologyarizona.com/dr-fritz-albert-popp/

Prof. Fritz-Albert Popp

Prof. Fritz-Albert Popp

Prof. Fritz-Albert Popp

“We know today that man, essentially, is a being of light.”

And the modern science of  photobiology is presently proving this.  In terms of healing the implications are immense.  We now know, for example, that quanta of light can initiate, or arrest, cascade-like reactions in the cells, and that genetic cellular damage can be virtually repaired, within hours, by faint beams of light.

“We are still on the threshold of fully understanding the complex relationship between light and life, but we can now say emphatically, that the function of our entire
metabolism is dependent on light.”  ………..Dr. Fritz Albert Popp

Fritz Albert Popp was born in 1938 in Frankfurt / Main.
Diploma in Experimental Physics (University of Würzburg), X-ray circle of the Physics Institute of the University of Würzburg, PhD in theoretical physics (quantum theory of many-particle systems, University of Mainz), Habilitation in Biophysics (University of Marburg) Professor of radiology at the University of Marburg 1972-1980, Appointment as Professor (H2) by the Senate of the University of Marburg, head of research groups in the industry (1981-1983), at the University of Kaiserslautern (Cell Biology from 1983 to 1985), the Technology Centre and the Technology Park in Kaiserslautern (1986 to present).

He has conducted research that confirms the existence of biophotons. These particles of light, with no mass, transmit information within and between cells. His work shows that DNA in a living cell stores and releases photons creating “biophotonic emissions” that may hold the key to illness and health. Popp’s eight books and more than 150 scientific journal articles and studies address basic questions of theoretical physics, biology, complementary medicine and biophotons.

In 1996, Dr. Popp founded the International Institute of Biophysics in Neuss, Germany. This institute is a worldwide network of biologist, chemists, medical researchers, physicists and other scientists at 14 universities and governmental research institutes.

Fritz-Albert Popp (born 1938 in Frankfurt am Main, Germany) is a German researcher in biophysics, particularly in biophotonics.

Biophotonics is a branch of quantum biology dealing with interactions between single-photons and biological matter in order to understand the inner workings of cells and tissues in living organisms. It is probably the best solution for understanding cell function by integrating molecular activities within the living cells.

Fritz-Albert Popp is the inventor of biophoton theory, and has coined the term biophotons which refers to coherent photons emitted from biological organisms. Biophoton theory concerns DNA as the most probable source of biophoton emission.

The biological emission of photons (biophotons) is a term used to describe the permanent ultraweak (1-100 photons/sec/cm2) emission of coherent (phase-locked and/or frequency-locked) photons from living systems. (F.A.Popp 1976) Popp considered it to be a quantum biological phenomenon with bio-informational character distinct from the non-coherent emission of photons as by-products of metabolism, like thermal radiation and bioluminescence/chemiluminescence caused by radical reactions, oxidation etc.

Biophoton/ultraweak photon emission originates from relaxation of electronically excited states of the constituents of living cells, which are generally associated with the presence of an oxidative metabolism that accompanies the production of reactive oxygen species (ROS) which participate in the regulation of a wide spectrum of biochemical and physiological functions.

Biophoton/ultraweak photon emission reflects the pathophysiological state with respect to mitochondrial energy (ATP) production and the susceptibility to oxidative stress which is derived from the excessive production of ROS or a lack of activity for antioxidant protection.

Biophotons consist of light with a high degree of order, in other words, biological “laser” light. Such a light is very quiet (low-noise) and shows an extremely stable intensity, without the fluctuations normally observed in light. Because of their stable field strength, its waves can superpose, and by virtue of this, constructive and destructive interference effects become possible that do not occur in ordinary light.

Because of the high degree of coherence (high degree of order), the biological “laser” light is able to generate and keep order and also to transmit information in the organism

Ultraweak Photon Emission (UPE) or Biophoton emission (BPE) refers to the phenomenon of constant and spontaneous emission of light from all biological systems including humans due to metabolic activities, without excitation or enhancement. This occurs in the visible and UV part of the electromagnetic spectrum at ultra low intensities, on the order of 10-16 – 10-18 W/cm2.

The coherent emission of bio-photons is connected to energy and information transfer processes in the biological organisms, and has been linked to the function of DNA and to gene regulation.

There have been proposed various mechanisms of production, emission, and absorption of bio-photons, which concern metabolic and homeostatic processes, biorhythms, intracellular and intercellular communication, cell growth and differentiation, regulation of biochemical and morphogenetic processes, microtubule function, etc..

Furthermore, this phenomenon has been experimentally verified independently by many governmental and university research laboratories in unicellular organisms, separate cell cultures (which exhibit photon communication that results in synchronization of their emission pattern), tumor cells (which exhibit characteristic photon emission pattern different from normal cells), tissues, organs, plants, animals, and humans.

As for the differentiation in photon emission between health and disease, relative studies concern the effect of microbial infections in biological systems, the correlation with states of health, and new methods of interpretation and diagnosis in pathological states such as cancer and multiple sclerosis.

Further experimental studies have shown that ultraweak photon emission from the surface of the human skin is emitted in the visual and in the infrared spectrum and is also strongly correlated to electrodermal activity (Popp et al., 2006 ).

In cancer diagnostics, the use of near-field electrical measurements (Pokorny et al., 2011 ), besides the far-field method of ultraweak photon emission, utilizes frequency selective (resonant) absorption of electromagnetic waves in malignant tumors.

xxxxxx

Ver aqui em Wikipedia referencias aos artigos/papers de Popp.

https://en.wikipedia.org/wiki/Fritz-Albert_Popp

Biophotons: Biontology Arizona

domingo, setembro 20th, 2015

xxxxx

http://www.biontologyarizona.com/

“A symptom is NOT a disease, but the “disease” attracts the symptom.
A disease is only a “disturbance” in the “quality” of the light by another signal.”

 Institute of Applied Biophoton Sciences, Health Angel Foundation – Biontology.com

Biophoton Light sessions uses the instrument call the “CHIREN™”. Dr. Johan Boswinkel, at the Institute for Applied Biophoton Science in 2012, San Francisco, California.

DNA + Luz + I Ching: Novo Tema a Pesquisar

sábado, setembro 19th, 2015

xxxxx

EL I CHING

Y

LOS MISTERIOS DE LA VIDA

Las Claves Ocultas de la Vida

Autor

Martin Schönberger

Título original

VERBORGENER SCHLÜSSEL ZUM LEBEN

©1973-1981

Traducción

(de la versión en portugués – Ed.Pensamento, Brasil)

Susana H.Rodríguez

Espejo Resonante Blanco

 

http://www.noosfera.cl/noosfera.edu/biblioteca/adn-iching.pdf

Ver capitulo:

EL I CHING COMO FORMULA UNIVERSAL

PREFACIO A LA SEGUNDA EDICION

Desde la primera edición de este libro, hubo un gran número de descubrimientos difundidos en el área de la

genética molecular. Así, se vuelve casi imposible abarcar todas las publicaciones referidas a ese tema. Con la

posibilidad de la manipulación de esos descubrimientos, es evidente el peligro de que, por negligencia o también

por abuso, algunos virus mortales -del tétanos, del cáncer o del colibacilo (que habitan en nuestro organismo) –

puedan poner en riesgo la supervivencia de la humanidad, de la misma manera que la desintegración del átomo.

Entre ese mar de descubrimientos – a partir de aquélla fundamental de los 64 códigos triples -, hay uno de

particular importancia por ser equivalente al principio del código del ADN, y que sólo fue divulgado en 1975. Me

refiero nada menos que el descubrimiento de la “otra mitad” del sistema del ADN, la mitad complementaria del

aspecto material, el único definido hasta entonces.

F.A.Popp, profesor docente del Centro Radiológico de la Universidad de Phillipps, en Marburg/Lahn,

descubrió un sistema complejo, aún apenas parcialmente explorado, de vi-braciones entre frecuencias de

ultrasonido y de luz ultravioleta, manifestando numerosos fenóme-nos tales como absorción, reflexión,

polarización, despolarización, resonancia y hasta la función del láser (con un mínimo de fotones),

interconectado en principio a la estructura químico-física del ADN hasta hoy conocida, y correspondiendo

exactamente a las dos fajas de ondas, formando una unidad con este sistema. Pero eso no es todo. Según

F.A.Popp, el carácter de la onda del ADN también implica la existencia de un sistema universal de comunicación

entre las células del cuerpo, operando a velocidades de impulso mucho mayores que los sistemas humorales y

neurales – únicos hasta ahora conocidos – o sea, a velocidades que oscilan entre la del sonido y la de la luz. Las

bioseñales ultravioletas “cabalgan” en las espirales del ADN, activando codones específicos. Las falsificaciones

de estas señales significan el cáncer; su extinción “apaga la luz” de todo el cuerpo.

Mediante ese descubrimiento, es obvio que la presentación de mi hipótesis – de una corriente de fuerzas

trascendentes e informativas en el ADN – se volvió mucho más fidedigna y vívida de lo que parecía en ocasión

de la primera edición. Ahora también se vuelve claro que la realidad sólo podrá ser abarcada en su totalidad si

hubiera una permanente atención en el presente, en la sincronicidad viva de informaciones (codón) del

procedimiento y el proceso tempo-ral en la forma de una equivalencia psíquica, para la cual sugiero la

denominación “psyhon”. Y que esos dos datos – el substrato ADN y el codón ADN -, que realmente deberían

llamarse “somaton”, respondan por el espectro de la realidad total.

 

Mensagem da Matrix/DNA para as Trocas nos Ministerios da Dilma

quinta-feira, setembro 17th, 2015

xxxx

(Publicado no Facebook, em:

https://www.facebook.com/TheMatrixDNA/posts/10206593382865997

Trocar os cachorros mas mantendo a mesma coleira, nada muda. Voce perde tempo lendo sobre este engodo de trocas no Ministerio? A coleira delimita o espaco ate onde os cachorros podem ir, determina qual o comportamento possivel ao cachorro, etc.

A coleira do sistema social brasileiro comecou a ser feita a 500 anos atras e veio sendo aprimorada pelos seus fabricantes, claro, no interesse deles apenas. Eles sao os fios fortes no emaranhado de conexoes, de fiacoes do sistema, e os fios fortes absorvem a maior quantidade do alimento emanado pelas correntes de energia, o assim chamado campo magnetico. Para os fios finos, mais fracos, pouco sobra. O que precisa mexer, mudar, e’ o sistema, que e’ a coleira que determina o que os governos, os ministros, os politicos, devem e podem fazer. Precisa mudar os fios que conectam as pessoas dentro do sistema, fazer com que os fios fracos fiquem fortes iguais aos outros. Mas quem vai fazer isto? E’ claro que os fios fortes nao vao permitir com facilidade, para eles e’ vida ou morte.

Somente um tipo de pessoas poderia mudar isto. Mas para faze-lo tambem teriam que encarar esta obra como uma questao de vida ou morte, pois vao ter que enfrentar outros desafios e perigos e talvez ate os fortes tambem. Mas nao e’ com guerra, ataque direto, violencia que se faz essa mudanca. Quando escolhem este caminho, como fizeram na Russia, em Cuba, na China, etc., a maioria dos fios fracos se entregam para fortalecer uns poucos fios dentre eles, os quais engordam, e volta tudo o que era antes.

Para faze-lo, os fios fracos tem que imaginar um sistema onde nao exista essa diferenca entre fortes e fracos. E na verdade, na civilizacao moderna, nao precisa mais existir esse negocio de forte leao e fraca ovelha, nao e’ o tamanho do corpo que vale, ja que todo mundo pode hoje ter uma arma e o que determina o resultado de um confronto e’ a arma. Nao existem mais humanos fracos, existem humanos medrosos, acomodados, submissos. Mas como disse, nao adianta apelar para armas para resolver isto, para eliminar a coleira do sistema.

Uma das estrategias para os fios fracos e’ nao se deixarem conduzir nas correntes de energia do sistema, como vem fazendo. Pois quando o fazem geram o abundante campo magnetico de onde os fios fortes se alimentam para ficarem cada vez mais fortes. O que conduz as particulas dentro dos fios numa corrente planejada e’ a cultura do sistema. A maneira como os fenomenos e eventos naturais sao interpretados pela mente dos humanos. E esta ” maneira” pode ser uma simples sofisticacao dos instintos herdados dos ancestrais animais, uma readaptacao as condicoes humanas.

Existem videos na Internet de leoes atacando bufalos e vacas. E muto dificil leoes matarem um bufalo, mas muito facil matarem uma vaca. Porque os bufalos reagem com energia, violencia, movimentam-se, contra-atacam. As vacas ficam paradas enquanto os leoes lhes ficam arrancando pedacos da barriga, costas, pernas, ate cairem para o banquete final. Assim sao os humanos fios fracos no sistema social brasileiro. Se comportam como as vacas e nao como os bufalos.

Existem videos onde os leoes estao quase imobilizando um bufalo, o qual urra, e entao os demais bufalos que estao pastando ao longe vem e etacam os leoes, salvando a vitima. Defesa em grupo, ataque em grupo. As vacas…jamais fazem isto, deixam a companheira urrando e sendo comida enquanto continuam pastando indiferentes. Este instinto esta sendo realimentado culturalmente e sendo inserido na cabeca do fio fraco atraves das escolas, dos simbolos e ceremoniais da “patria”,  dos cultos nas igrejas, etc.

Se a vaca se esperneasse com energia, se jogasse no chao contra e em cima do leao que esta ao seu lado, se nao parasse de maneira alguma, se as outras vacas viessem em bando para ajudar… os leoes teriam que buscar outros territorios. O que hipnotiza e imobiliza a vaca humana sao os lobos travestidos de cordeiros que, por exemplo, ocupando os pulpitos das igrejas, inserem a anestesia cultural deixando a presa facil ao sabor dos vampiros de energias. E os outros lobos nos quadros negros das escolas preparando os bezerros sentados para serem imolados.

Boicote, e nao violencia, e’ a estrategia certa. Os EUA conseguiram se libertarem da predadora Inglaterra iniciando pelo boicote, cortando o envio de suprimentos e nao pagamento de impostos. Isto enfraqueceu o fio forte e o resto foi mais facil.

Quando o escravo negro fugia da senzala para o mato, ele estava praticando o boicote, nao se permitindo deixar sendo conduzido na corrente do circuito de energia do sistema. Escapava da coleira. Os bufalos se rebelam contra a coleira, e as vezes da forma certa, se unindo em bandos para defesa, ataque, e ate’  com algumas estrategias. Os ministerios sao mini-coleiras da grande coleira, trocam-se os cachorros, nada vai mudar.

Assim entendi logo cedo na vida, percebi o meu papel de escravo-cidadao-vaca, me desvencilhei das coleiras e fugi sozinho para a selva amazonica. Mas antes eu tive que ler tudo sobre a cultura planejada dos predadores, entender como e porque assim agem, olhar de novo para a Natureza com olhos de suspeita e perceber que todos os fenomenos e  eventos culturais estao sendo interpretados de uma maneira errada, mentirosa. Tive que criar minha propria visao do mundo, a teoria da Matrix/DNA, a qual fornece novas interpretacoes capazes de des-construir esta cultura. Nao foi facil enfrentar o mundo selvagem natural, mas preferi isto a me submeter ao mundo selvagem humano artificial que domina o Brasil.

E’ preciso corrigir o rumo errado, anti-natural, dessa cultura milenar criada e aprimorada pelos predadores. A Natureza tem seu ritmo e seu proposito, e  a especie que sair fora de sintonia com seu proposito, e’ eliminada, seja humanos ou dinossauros. O proposito da Natureza e’ percebido no ultimo topo evolucionario que ela esta construindo em qualquer dado momento. E hoje ela esta construindo uma nova forma de sistema natural, a qual chamamos de ” auto-consciencia”. Esta auto-consciencia esta dividida entre 8 bilhoes de genes semi-conscientes, alojados dentro de 8 bilhoes de cabecas-ovos humanos. Entao se, como especie, nao queremos ser eliminados, e nao queremos as torturas impostas aos que saem dessa sintonia, temos que facilitar e ajudar a Natureza neste proposito. Temos que manter livres da coleira estes 8 bilhoes de genes, temos que ajudar estes 8 bilhoes de genes nas suas missoes de construirem seus detalhes do corpo final. E quando este sistema conduz a maioria destes genes para dentro de fabricas como maquinas, esta’ entorpecendo, impossibilitando estes genes de se desenvolverem em suas missoes. Esta tudo errado! Mas o conserto nao vai cair do ceu, ele tem que partir de dentro de nos mesmos.

Entao caimos no reino das indagacoes sobre o que faz com que os fios fracos desejam serem tambem fios fortes, pois a verdadeira mudanca so’ ocorre de dentro para fora, de dentro do cidadao-vaca de hoje. Acho que uma das causas para estimular essa mudanca interna e’ a insistente denuncia dos erros de interpretacao do mundo real, que e’ o que venho tentando fazer. Meu slogan nos debates e foruns internacionais e’: ” Nunca houve origens da vida e universos, as galaxias sao o elo evolucionario entre o vivo e o nao-vivo, o DNA nao e’ um codigo.” E a todos que questionam os slogans eu demonstro uma outra versao da Historia. Voltei do mato com arco e flechas e uma lanca para acertar a cabeca da cultura que e’ o coracao do sistema… quer dizer, a fivela da coleira. Claro que nao tenho a pretensao de alcancar e fincar a lanca neste coracao. Mas atiro minhas flechinhas, que podem funcionarem como sementinhas…

 

Origens da Vida: Life’s Building Blocks ( Forum EvC)

segunda-feira, setembro 14th, 2015

http://www.evcforum.net/dm.php?control=page&t=8604&mpp=15&p=1

Origens da Vida: The Seven Pillars of Life (PDF)

segunda-feira, setembro 14th, 2015

xxxx

http://www.sciencemag.org/content/295/5563/2215.full