Archive for dezembro, 2015

O AMOR ENTROU NESTE UNIVERSO PELAS PORTAS DOS CORAÇÕES DAS MÃES E DAI SE ESPALHOU PARA ENTRAR NOS CORAÇÕES DOS HOMENS

quarta-feira, dezembro 30th, 2015

xxxxx

Post no Facebook: (Dec – 30 2015)

 Me lembrei desta frase que elaborei na selva tempos atras, quando ouvia a musica Love is All numa grande apresentação de Morris Albert no Maracana, no Rio, como mostra o video abaixo.

Esta musica que para mim foi a maior na voz masculina feita ate’ hoje, esta’ esquecida e sabem porque? Acho que e’ devido o tema da musica…

EU ACHO QUE ESSA MUSICA, ESSA LETRA. DEVIA SER UMA MENSAGEM AOS PAIS. Então imagino um palco onde uma orquestra começa tocando uma musica celestial ( como a de 2001, uma Odisseia no Espaço) e numa tela passam cenas de relações entre animais, as mães e seus filhotes. Isto para transmitir a ideia geral embutida no titulo acima.

Uma das favoritas e’ a mãe canguru carregando o filhote na bolsa e quando aparece um tigre, ela esconde o filhote atras da arvore e se entrega ao tigre para salvar o baby. Outra cena aconteceu comigo: um pássaro começou a aprontar um berreiro numa arvore, corri para ver já adivinhando o pior e acho que era uma pintassilva, veio gritando, piando na minha frente como me chamando para a arvore, e me aproximando vi uma enorme cobra enrolada no tronco mas com a boca aberta indo em cima de filhotes num ninho.

Imediatamente dei um murro no rabo que alcancei da cobra, ela se virou rápido e desceu correndo. Depois de matar com tiros e muita raiva a cobra no chão que ainda se voltou querendo me atacar, vi uma semente grande caída, esmigalhei-a e fui ao ninho dar aos filhotes, ou `a mãe. Ela gritou outra vez pensando que eu ia pega-los, mas ao ver a comida e eu saindo de perto do ninho, ela veio e pousou no meu ombro! Nunca, jamais vou esquecer como naquele momento, e na solidão da selva onde so via o terror, o Universo pareceu se abrir num jorro de luz, na minha frente! E ai na minha mente se formou esta frase. ( Bom, nessa época, depois de uns 5 anos de selva eu acho que já estava ficando gaga’, pois minha imaginação via estas visões constantemente).

E depois das cenas dos animais para mostrar que no reino deles a empatia e o desapego ao ego já estava se manifestando na Terra, e embaixo da tela grande o cantor começaria a cantar, sendo que no video se mostrava cenas de amor entre humanos, dos pais com filhos.

A musica do Morris enaltece o amor sexista, entre casais. E’ compreensível porque este tema era o que mais vendia disco naquela era romântica. Mas este tipo de mensagem so e’ apreciada e faz sentido para pessoas entre os 16 e 30 anos. Para os outros o único interesse e’ ouvir a voz e o ritmo. Na maioria dos eventos sociais, não faz sentido apresentar um cantor cantando este tipo de mensagem. Para um filme como Titanic o tema e’ apropriado para ser sua musica, como fez a Celine Dion, Mas para um filme como Star Wars, e este mais recente, escolheram com acerto uma musica do Guns and Roses que se inspira em algo do clima das selvas.

Porem a mensagem aos pais, e a especie de amplificação quase divina que toma aqui a palavra ” amor”, o sentido a que a palavra e’ elevada, cabe na maioria dos eventos, ela e’ para todas as idades, e com isso esta musica continuaria sendo muito lembrada. Fica a sugestão para alguem que possa repetir a voz e o ritmo mas mudando a letra.

Mensagem da Matrix/DNA: Ondas de Ciclos Evolucionarios se Revelam Onde Menos se Espera

quarta-feira, dezembro 30th, 2015

xxxx

Mensagem da Matrix/DNA: Ondas de Ciclos Evolucionarios se Revelam Onde Menos se Espera

Forças e elementos de todas as regiões do Universo convergiram para um pequeno planeta desta galaxia e deste planeta se levantou o gigante da Vida. Tempos depois, vozes poderosas e instrumentos musicais das varias regiões do planeta convergiram para um pequeno palco, e deste palco se levantou este grande espetáculo! E o show da Terra continua… ( Raios… me parece que estou inspirado hoje… escrevendo bonito… mas isto sempre acontece depois que como uma feijoada no sábado…)

https://youtu.be/g5fV2p9lQXY

Cyclic Evolutionary Waves are revealed where less is expected

Forces and elements from all regions of the Universe converged on a small planet in this galaxy and from this planet arose the giant of Life. Later, powerful voices and musical instruments from various regions of the world converged on a small stage, and from this stage arose this great show! And the show of Earth goes on … (the view point of Matrix/DNA Theory)

<iframe width=”1280″ height=”720″ src=”https://www.youtube.com/embed/g5fV2p9lQXY” frameborder=”0″ allowfullscreen></iframe>

Ateus com Dawkins Criam a Banda Ateia Nightwish e Iniciam com um Video sobre a Historia do Universo!

terça-feira, dezembro 29th, 2015

xxx

The Greatest Show on the Earth

http://www.worldreligionnews.com/religion-news/atheism/richard-dawkins-made-a-special-appearance-at-nightwish-concert

Novidade! Nestes tempos em que as religiões evangélicas estão explorando o máximo da musica para converter almas, surge o contra-ataque dos ateus, criando uma banda cujas musicas expressam sua mensagem e como não podia deixar de ser, se apegam sempre nas muletas da Ciência. O papa dos ateus, Richard Dawkins participa da montagem como mentor intelectual. Eles tem esse direito ja que as musicas religiosas se apoiam nas metáforas da imaginação infantil dos humanos. Vale a pena conferir.

Veja o outro video deles, ” O Maior Show da Terra”, onde quem apresenta este show e’ a Natureza ( na versão ateísta, claro). Observe no video do lado esquerdo um link para ver a lirica legendada, para melhor entender o inglês.

Acho que a humanidade esta superando o sexismo na musica, onde a maioria das mensagens eram derivados sexuais. Apenas os compositores do Terceiro Mundo continua insistindo na libido solta, e claro, as companhias que exploram isso ainda, no primeiro mundo.

Mas qual seria a próxima onda na evolução da musica? Um retorno ao misticismo? Como são as musicas evangélicas e agora, as ateias? Ou sera uma especie de robotismo? Eu ficaria muito satisfeito se viesse a onda da musica cósmica, para se emparelhar com a religiosidade cósmica de Einstein. Nem ateia nem deísta, apenas agnóstica, que e’ o partido do “eu não sei qual e’ a Verdade, por isso continuo buscando!

Alias, eu mesmo tenho pensado em varias coreografias, ritmos e mensagens agnósticas, daria uma bela banda de rock mixada com orquestra clássica

Richard Hawkins recording with Nightwish in Oxford, England Oct. 2014

Meu comentario postado no video em Youtube:

https://www.youtube.com/watch?v=BwSi2d6QyxQ

Louis Charles Morelli  – Dec – 29 – 2015

Great music and theme, but… a tribute to reason?! What’s the difference between ” the Humanity will be extinct” and the non rationalist claim that “the infidel goes to hell?” Is it a privilege earned the lottery of life when one was born poor in the third world country as the great majority of human beings? Only in the dreams of a British citizen from class media.

I think this message is a bad and good service to humanity. Bad because the humans that inherited from animals the tendency to be greatest and media predators ( the high and media class) will be stimulated to continuing this orgy of consumerism for getting the best of life when still have time, increasing the vampirism over the preys, the workers slaves. Good because this world view is a vaccine against the indoctrination by religion, in the way that the preys will be atheists, and as such they will wake up, will wish the best of life here and now, and…then, the prophecy of Dawkins could be real; the humanity will die.

But, there is a third world view that is beginning to fight also, first fighting and exorcising this animal inheritance as dominant of human brains and then, fighting to the third alternative: before the death of this planet, without this eternal conflict between predators and preys, the human species will spread in the Cosmos. This third vision is agnostic, carried on by Matrix/DNA world view.

Video com o Melhor Debate Entre Religião x Ateísmo e Meu Post Critico

segunda-feira, dezembro 28th, 2015

xxxxx

Richard Dawkins takes on Religion: Al-Jazeera TV

https://www.youtube.com/watch?v=rRd-jlV82BI

E meu comentario publicado no Youtube:

Louis Charles Morelli Dec -28- 2015

Three things I found wrong about Dawkins message:

1) Believing in ” something from nothing” and then, bringing on the belief in billions of universes. why? Nobody can bringing on the Universe over the table for demonstrating a scientific fact about it. So, any hypothesis about the whole universe is merely metaphysics, not Science.

2) Genes are merely a bunch of atoms. Anthropomorphising them, projecting human traits over them, given “personality to them as selfishness, as the rational metaphysic propose to multiply and surviving, is not scientific, because tendencies, proposes, are not real objects, so, Science can not see them in a bunch of atoms. Believing in these things prejudices Science because it selects the next data to be find and build a hand-caped world view.

3) Dawkins comes from class media, so, it can not understand what the real life of a poor and slaved person is. I can, because I was born homeless He does not know that for that person, suicide is the best rational alternative he/she has. Why supporting a life under torture? Being an agnostic, a rationalist, but against any kind of violence against others, I planned my suicide four times, without any religion telling for doing it. So the basics for suicide is economics. And the basics for politics is pure economics. Religion only furnishes the guns. So, if Dawkins is against suicide bombers, why he focus on religion and not on the predation being made by his own social class, when vampirizing the cheap work of slaves? If Dawkins want a better and peaceful humanity, why he does not fight the values coming from Darwinian theory like the survival of the stronger? Natural history has proved it is wrong when leads to suppression and extinction those fittest, like dinosaurs, lions, eagles, wales, etc. All human social systems created till now, included the British social system is based on the wild jungle rules among animals. So, there are the big predators (the high class), the media predators ( the class media) and the preys ( the slaves workers). For a better humanity is necessary to exorcise this animal inheritance that humans are still carrying out as their moral values. But when Dawkins talks about anthropomorphic selfish genes and theoretical concepts like the survival of fittest, the blind force of evolution, etc., he is doing a bad service to humanity.

And is very convenient to him, keeping him safe from the dirty and manual hard work for producing what he is consuming. By the way, Dawkins still is a little better for us, the preys, than Mehdi Hasan, because his doctrine does not indoctrinate the preys to be satisfied and grateful for their stupid life conditions.To the opposite, they teach the preys to be unified against the predators and revolutionairries.

Descoberta mais uma astronômica evidencia favorecendo meus modelos astronômicos: Uma estrela comportando-se como velho planeta!

segunda-feira, dezembro 28th, 2015

xxxx

Foram captadas tempestades na superfície de uma estrela semelhantes a tempestades que ocorrem em Jupiter. Isto e’ uma grande surpresa para o mundo todo que foi ensinado nas escolas, pela visão de mundo acadêmica, menos para mim que ja havia previsto isso a 30 anos atras, baseando-se na minha diferente visão do mundo.

Sinto muito mas já esta na hora de darem o braco a torcer, reconhecendo que vocês perderam esta, e me devem uma cerveja. ( Deixa-me ver: são 8 bilhões de perdedores, cada um manda uma cerveja, terei 8 bilhões de cervejas… to rico!!!! E depois, para comemorar… vou pagar uma cerveja para cada habitante da Terra! Iac…iac…)

-” Mas ai’… você vai ficar pobre de novo, seu burro!”

-” Uai… tinha que ser o mais burro da Terra para ver o céu diferente de todo o mundo, não e’? Acontece que as vezes todo mundo erra e o burro acerta…”

A notícia esta’ no link:

Planetary Storm On A Stellar Object

Astronomers have found a stormy dark spot on a small star.

https://briankoberlein.com/2015/12/17/planetary-storm-on-a-stellar-object/

E meu comentário postado naquele artigo ( aguardando moderação):

 

Louis Charles Morelli
Louis Charles Morelli says: 

Which is the exactly data that we use for saying that a human body is a teenage or an adult? An adult or a senior? There isn’t because teenage shape and adult shape were not formed separated.It is one shape transforming into another due the force of life’s cycle.

For the origens of life making rational sense, we need a different astronomical model, in which the force of life’s cycle is present. The stupid matter of this planet did not invented by the first time in the Universe this force that makes a body rolling through transformations. Our own planet and star must be formed and are evolving under this force. For to fit the seven properties of life inside an astronomical model, I elaborated the model called Matrix/DNA Theory. Since there is no data against this model, it is plausible.

My trouble is that the theory is suggesting that there is two process for astronomical system formation, like there is two process for biological cell formation. The first one, and original, is the process of symbioses, linking into a systemic circuit at least seven different shapes of same body. So, mitochondria were microorganisms evolved from the shape of another microorganism called ribosome, and so on. Pulsars are the shapes that sucedes old and gaseous planets. Next shape was a supernova.

The second process is when the first original system learns how to reproduce itself. Astronomical system’s reproduction are made off self-recycling, as suggested by Matrix/DNA formula. And I have not get the picture how this self-recycling happens in details, so, the second generations of galaxies and stellar systems is not well defined.

By the way, this news is welcome because, like about one thousands recently photos and data has showed, they are more evidences reinforcing Matrix/DNA models. Or do you think that the Milk Way is not the creator of life inside it?

Informação e a Origem da Vida: Video com Tese do Intelligent Designer

segunda-feira, dezembro 28th, 2015

xxxx

Information Enigma

https://youtu.be/aA-FcnLsF1g

Informativo video, mas como foi feito com uma previa intenção e baseada no julgamento humano, não sendo portanto a voz da Ciência pura, certamente o video distorce as sequencias dos fatos reais naturais.

De acordo com o que penso ter descoberto na selva, os autores do video tem razão em acreditar que era necessário a pre’-existência de informações existindo fora da matéria bruta terrestre para que esta matéria pudesse gerar a vida. E com isso eles cantam sua crença: Intelligent Designer (ID). Mas então seus oponentes materialistas sugerem que as informações armazenadas pela vida surgiram por acaso, devido a infinitas tentativas em tempos tao longos como bilhões de anos.

A resposta do ID foram os cálculos matemáticos das probabilidades, mostrando que o numero de possibilidades para que a Natureza encontrasse o numero correspondente a ” sistema celular vivo” são infinitas, impossível de ter sido identificado no tempo da origem da vida. Os materialistas voltaram a carga com a teoria de que a natureza não procurou o numero certo para sistema celular vivo, mas sim simplesmente as forças em movimento poderia ter produzido qualquer outra coisa, mesmo outro tipo de sistema vivo; aconteceu ser este, por acaso.

Os ID insistem que todos os eventos por caso apenas destroem ou deterioram qualquer sistema complexo, não tendo nunca os materialistas demonstrado algum evento por acaso que tivesse construído algo novo e melhor do que os elemento existentes no momento do acidente.

Antes de ir para a selva eu suspeitava que os ID estavam corretos na hipótese de que teve de haver informações previas, mas não tinha fé que estas informações tenham vindo de alguma inteligencia e ainda mais, supernatural. E na selva so vi caos e péssimo designer, o que afastou de vez a ideia de inteligente projeto. Suspeitava que um evento por acaso possa resultar em uma nova mistura que sobreviva e se adapte melhor ao ambiente que os elementos misturados. Mas a vida para chegar aonde chegou teria exigido milhões de eventos por acaso dando resultados melhores, e ai não podia concordar, pois isso não seria mais acaso, seria a regra. E se havia uma regra, tinha que haver o legislador.

A solução que encontrei foi elaborar um modelo do estado atômico e astronomico do mundo antes da origem da vida que serve perfeitamente como o conjunto das informações previas que fizeram o primeiro sistema celular vivo, ou antes, o primeiro building block do DNA. Isto resolve os problemas dos dois lados. O que tenho a fazer agora e’ esperar que seja comprovado que o átomo e a galaxia seja tal como os meus modelo teóricos ainda, e não tal como os modelos teóricos acadêmicos em que os dois grupos estão acreditando, Se minha teoria estiver correta, a evolução utilizou mutações por acaso, se a seleção natural os tenha aprovado, mas, isto seria uma raridade, porem possível. E se a minha teoria estiver correta ainda, as previas informações que existiam para formar o primeiro ser vivo, Já existiam antes das galaxias e dos átomos. Portanto se houve alguma inteligencia como fonte destas informações, deste programa genético computacional que esta na essência da vida, esta inteligencia teria atuado antes e alem da origem do Universo. Por enquanto dentro deste universo observável e captável pela nossa inteligencia, todas estas informações estão limitadas dentro do Universo e todas tem origem natural. Então vamos ter que esperar o dia que possamos sair do Universo para ter a resposta certa.

O problema que vejo nos dois grupos e’ que assim estão desviando o caminho da Ciência e mesmo da Razão Pura Natural, do único caminho em que existe de fato Ciência. Pois uma teoria preconcebida e fixada na mente do cientista so’ vai lhe iluminar para fazer experiencias e criar novos instrumentos de pesquisas que venham a detectar fatos reais que somem `a sua teoria. Com isso seleciona-se alguns dos fatos ainda desconhecidos e ignora-se todos os demais desconhecidos. Se o caminho da Ciência pura vai de Norte para Sul, um grupo esta indo de Norte para Oeste e outro, de Norte para Leste. E se a minha teoria e’ o caminho que vai de Norte para Sol, vou ter que esperar terminar estas duas jornadas errantes, esperar que a Ciência se levante de seus escombros e reencete seu verdadeiro caminho. Se ao menos eu tivesse uma alma, que depois de morto pudesse sentar no sofa ao lado do Inteligente Designer assistindo esta briga na televisão… Não, não,… não iria querer isso, porque estaria assistindo todas as torturas de humanos que ainda vão decorrer devido esta brutal perda de tempo e conflito idiota. Ninguem provou que a galaxia seja igual seu modelo teórico, que um quasar ou uma estrela nasça de acordo com sua teoria, que o imenso espaço vazio dentro de um átomo não contenha forças e elementos ainda desconhecidos, que a teoria das Cordas esteja errada quando sugere que existem 11 dimensões, etc. e etc., então como e’ que podem ter fé’ numa hipótese sobre de onde vieram estas informações?!! Por favor, deixem as mentes dos jovens alunos abertas para escolherem seus caminhos, e deixem a Ciência livre para caminhar seu caminho!

Links Utilizando o Site da Matrix/DNA

sábado, dezembro 26th, 2015

xxxxx

O PDF abaixo utiliza varias imagens e inclusive um item como referencia:

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática Área: Física Luis Adriano Pedrosa

http://www1.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20140721092520.pdf

xxxxxx

No Slideshare copiaram estra imagem:

http://pt.slideshare.net/bionara/para-3s-reviso-metabolismo-de-controle

O DNA
e a Auto Duplicação
REPLICAÇÃO
http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=86

O Principio Antropico

sábado, dezembro 26th, 2015

xxxxx

A matrix/DNA Theory se alinha ao lado dos cientistas e pensadores que suspeitam que i Universo foi “tunelado” para a vida, o que se chama tambem ” principio antropico”. O texto encontrado abaixo em PDF e’ elucidativo:

PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS – Programa de Mestrado Profissional em Ensino de Ciências e Matemática Área: Física – Luis Adriano Pedrosa

http://www1.pucminas.br/imagedb/documento/DOC_DSC_NOME_ARQUI20140721092520.pdf

O texto a seguir, publicado no site HowStuffWorks encontrado no endereço <<http://ciencia.hsw.uol.com.br/principio-antropico.htm> é incluído neste apêndice, com o intuito instigar indagações filosóficas e suscitar no aluno do Ensino Médio a necessidade de pensar sobre a vida e o Universo com uma visão diferenciada.

Como funciona o princípio antrópico

Tudo leva a crer que a existência de vida na Terra decorra de uma enorme e complexa coincidência de múltiplos fatores. Mas há cientistas que pensam diferente. Para uma parte deles não foi o acaso que fez isso acontecer. Esses cientistas têm procurado provar que o propósito de existência do Universo e de todas as leis que o governam é justamente possibilitar o surgimento de vida inteligente no nosso planeta. Assim, do Big-Bang ao emaranhamento quântico, tudo conspira intencionalmente para um único fim: a existência do ser humano, o nome dessa controversa ideia, que coloca o homem não só como centro mas também como a razão de ser do Universo, é princípio antrópico. Assim o Universo seria do jeito que é não por acaso, mas sim pela simples razão de que ele se desenvolveu sob medida para permitir o florescimento da vida humana. Essa visão quase divina da existência e do significado do Universo, levada adiante por importantes cientistas, é inspirada por várias “coincidências” que possibilitam a existência da vida, como a massa dos elétrons, a força da gravidade, as propriedades especiais dos átomos de Carbono. Qualquer pequena alteração nesses elementos – como a variação de apenas 1% na força da gravidade – eliminaria a possibilidade do surgimento de seres vivos. Por conta disso, os cientistas têm estudado, desde a segunda metade do século 20, a possibilidade de haver uma ligação direta entre a existência de vida inteligente sobre a face da Terra e a origem do Universo. O princípio antrópico prevê também que o nosso Universo é apenas um dos vários que existiriam num “multiverso”. Apesar de parecer ficção científica, a ideia de múltiplos Universos, sendo que alguns deles seriam adequados à vida, vem da teoria da inflação caótica desenvolvida pelo cosmólogo russo Andrei Linde, da Universidade de Stanford (EUA), nos anos 1980. Assim, existiria um “Universo” bem 90 maior do que o nosso, que seria apenas uma parte desse multiverso. Infinito em extensão, o multiverso conteria cada forma possível de “Universos”, alguns similares ao nosso, outros com leis físicas distintas e, segundo o princípio antrópico, elas seriam incompatíveis com a existência de vida. Mas foi na década anterior ao surgimento da teoria de Linde que o astrofísico Brandon Carter, da Universidade de Cambridge (Reino Unido), criou o termo “princípio antrópico”, para expressar que as propriedades do Universo são do jeito que são para possibilitar a existência da vida humana. Leia na próxima página como uma parcela do pensamento científico caminhou até chegar à polêmica teoria do princípio antrópico.

Princípio antrópico: um Universo feito sob medida para o homem

A ideia de que o Universo foi feito sob medida para possibilitar a existência do ser humano remonta à fundação da ciência ocidental. No século 17, cientistas britânicos como Isaac Newton e Robert Boyle acreditavam nisso. Mas no começo do século 20 essa ideia tinha pouca credibilidade e soava mais como um pensamento esotérico do que como ciência. Apesar disso alguns cientistas, como o naturalista Alfred Russel Wallace, continuavam a arriscar suas reputações ao declararem que o Universo é do jeito que é para produzir um mundo que permitisse o desenvolvimento da vida até o surgimento do ser humano. Segundo o princípio antrópico, o Universo foi feito sob medida para possibilitar a existência de vida inteligente na Terra Esse antropocentrismo exacerbado recebeu um golpe quase fatal com a teoria da relatividade de Albert Einstein. Associada às descobertas que os 91 astrônomos tinham feito sobre a natureza do Universo nas primeiras décadas do século 20, a teoria de Einstein mostrava que a compreensão do Universo só seria possível a partir das complexas equações da relatividade geral, o que colocava o ser humano como um mero figurante nessa história toda e não como o ator principal. Mas algumas coincidências existentes no Universo continuaram a intrigar vários cientistas. Uma delas mostrava que a proporção entre o tamanho do Universo visível e um elétron é igual à proporção com que a intensidade da força eletrostática entre os elétrons e os prótons excede a força gravitacional entre eles. Enquanto para alguns isso tratava-se de uma incrível coincidência, para outros sinalizava que existia alguma conexão ente a Física aplicada ao Universo e a das partículas subatômicas. Um dos cientistas que deu atenção a esse fato foi o físico britânico Paul Dirac, ganhador do Prêmio Nobel. Para ele essa relação refletia uma lei fundamental da Física, o que levava a uma previsão assustadora. Se a relação entre essas duas proporções deve ser sempre a mesma, como o cosmo está em expansão e seu tamanho está aumentando, essa proporção só permaneceria igual se a força da gravidade estivesse enfraquecendo com o passar do tempo na mesma taxa com que o Universo se expande. Nos anos 1950, o astrofísico Fred Hoyle, colega de Dirac na Universidade de Cambridge e um dos mais brilhantes cientistas do século 20, descobriu uma outra incrível coincidência que relacionava diretamente as propriedades do Universo com a existência de vida na Terra. Hoyle investigava a origem dos elementos químicos quando recorreu a uma inesperada solução. Segundo a pesquisa de Hoyle, os mais simples e comuns elementos químicos, o Hélio e o Hidrogênio, parecem ter sido criados com o calor provocado pelo Big-Bang, o processo que supostamente deu origem ao Universo. Reações nucleares no interior das estrelas poderiam ser a resposta para a formação dos demais elementos, principalmente o Carbono, essencial para a existência de vida. Mas para isso acontecer o Carbono deveria apresentar uma ressonância que Hoyle não conseguia encontrar. Para superar o impasse, ele recorreu de forma pioneira ao princípio antrópico: essa ressonância no Carbono tinha de existir, senão não haveria vida. Pouco tempo depois, pesquisadores identificaram a ressonância conforme Hoyle havia previsto. O uso que Hoyle fez do princípio antrópico para prever uma propriedade fundamental dos átomos foi recebida com ceticismo pela comunidade científica. No entanto, nos anos seguintes a teoria ganharia novos impulsos.

Princípio antrópico: o Universo depende de nós para existir

Não se sabe por que as propriedades encontradas no cosmo têm o valor que têm. Talvez por que eles sejam os únicos valores possíveis para elas. Assim, pode ter sido uma combinação fortuita deles que levou ao surgimento da vida ou, então, pode-se supor que a vida é tão adaptável que ela floresceria de diferentes formas em Universos com outras propriedades. A energia propulsora do Big-Bang teria desenvolvido a ideia de um processo de inflação caótica criadora de vários Universos Esses não são os únicos argumentos para questionar o princípio antrópico. Na segunda metade do século 20, uma série de evidências derrubaram o raciocínio de Paul Dirac a respeito do enfraquecimento da gravidade, elemento que sustentava sua tese da conexão entre a Física do Universo e a das partículas subatômicas. Apesar disso, a ideia do princípio antrópico conquistou outros adeptos no meio científico e ganhou força a hipótese de que os valores de determinadas constantes no cosmo não são simples coincidência. Em 1973, o astrofísico Brandon Carter, da Universidade de Cambridge, criou o nome de princípio antrópico para essa ideia. Mais do que isso, ele estabeleceu duas variáveis para ele. O princípio antrópico fraco, que diz que o fato de existirmos coloca limites para certas propriedades do Universo, e o princípio antrópico forte, que prevê que o Universo é impelido a ter propriedades compatíveis com a vida inteligente. 93 A ideia do princípio antrópico levou alguns cientistas a imaginarem que o nosso Universo seria apenas uma parte de algo muito maior, que eles chamaram de “multiverso”. Assim, nesse “multiverso” há uma probabilidade de algumas partes oferecerem condições para o surgimento da vida, da mesma forma que durante uma partida de pôquer algum participante poderá conseguir um royal straight flush. O físico russo Andrei Linde, a partir da teoria da inflação cósmica proposta por Alan Guth, que explica a energia propulsora do Big-Bang, desenvolveu a ideia de um processo de inflação caótica. Esse processo poderia ter produzido uma variedade de Universos. O físico norte-americano Lee Smolin foi mais longe e sugeriu que nesses vários Universos que surgem há uma espécie de evolução darwiniana, que os levaria a tornarem-se adaptados para a existência da vida. A visão de Smolin, que centra seus argumentos em torno da relação entre os buracos negros e a produção dos elementos químicos necessários para o surgimento da vida, está alinhada com as leis da Física e pode significar um novo impulso à teoria do princípio antrópico. Apesar do princípio antrópico ainda soar como algo além dos domínios da ciência, como se fosse um axioma teológico, muitos cientistas importantes, principalmente aqueles que são estudiosos dos mecanismos quânticos, têm se dedicado a ele. Uma das mais recentes especulações a respeito do princípio antrópico foi construída pelos físicos John Barrow e Frank Tipler. Segundo eles, o Universo é constituído com um número infinito de informações que, em algum momento no futuro com computadores capazes de processá-las, poderiam ser combinadas de forma a atingirem as complexas fórmulas exigidas para o surgimento da vida. Fonte: “HowStuffWorks – Como funciona o princípio antrópico”. Publicado em 13 de novembro de 2009 <http://ciencia.hsw.uol.com.br/principio-antropico.htm Acesso em 22/10/2013)

A Evolucao vem de Baixo(Inferior) para Cima(Superior) ou de Cima para Baixo? Ninguem Pode Ainda Saber…

sábado, dezembro 26th, 2015

xxxx

Parece-nos obvio que a evolução tem caminhado do simples na direcao do cada vez mais complexo. Isto sugere que a evolução venha de baixo, do inferior, na direcao do topo evolucionário, do superior.

Na verdade, o pensamento acadêmico que esta na moda nesta época não aceita dizer que a “evolução vai na de…” pois para eles, a evolução e’ cega, e simplesmente um jogo de forças empurra e entra ou passa onde existe espaço e oportunidade. Eu não conheço nenhum fato real comprovado que possa derrubar esta afirmação deles, mas tambem não conheço nenhum fato real que a comprove. Primeiro porque, simplesmente a evolução ainda esta acontecendo, nos humanos somos produto dela, estamos dentro dela, e quem esta dentro da evolução não pode conhecer a sua verdade. So depois quando a evolução parar desaparecer poderemos afirmar se havia algum proposito ou não na evolução. Segundo porque creio que o modelo astronomico desta moda atual esta incompleto ou errado e portanto, não temos a correta informação de como era o estado do mundo antes do inicio da evolução biológica e não temos sabedoria dos elementos todos astronômicos interferindo nesta evolução biológica. Terceiro porque se existir a Matrix/DNA, a evolução tem que ter tido um proposito, obedeceu uma direcao.

Mas com direcao ou sem direcao, a evolução biológica tem mais evidencias a seu favor que a teoria criacionista, então esqueçamos a questão do proposito. E a evolução universal (cosmológica mais biológica) segundo as academias de Ciências desta época, tem vindo de baixo para cima, no sentido de que o simples era o inferior e o mais complexo e’ superior.

Mas sera mesmo?

Se eu fosse um minusculo microbio inteligente dotado de telescópio e habitando o meio de um ovulo não fecundado, eu iria assistir o big bang de uma nave extraterrestre chegando ao centro do ovulo. A nave-espermatozoide desastrada ( pois seus ocupantes se esqueceram de fazer uma fechadura que permitisse abir a nave por dentro para poderem sair), teria sua membrana rompida bruscamente e logo a seguir se formaria uma célula, Esta se tornaria a morula, a blástula, o feto, etc. e no fim, olhando pela janela, veria um ser na forma humana dando adeus para meu pequeno universo. Acabei de ver a evolução de baixo para cima, do simples ao mais complexo. E acreditaria piamente nisso.

Mas ai um outro microbio vindo de outra região me pegaria pela pata e me levaria ate um lugar dizendo: “Veja para trás, antes de começar essa evolução.” E veria um casal na mesma forma de humanos. Foi a especie humana que deu inicio aquela evolução e com o proposito de obter outra criatura humana. Isto significa que toda aquela historia que eu assisti estava sendo dirigida por uma mão invisível, que eu jamais poderia acreditar estivesse ali.

E sabemos que a evolução tambem não começou com aquele casal de humanos. Ela vem de muito tempo antes passando por formas, especies, que o microbio resumido ao seu pequeno universo jamais vai ver.

Então vamos ter que ir antes do Big Bang do Universo, e alem do Universo, para ter a resposta cientifica a esta pergunta. E outra coisa: A Natureza imediata daqui esta “afirmando” a evolução não acontece as cregas, que ela tem um proposito, o mesmo proposito que tinham nossos pais quando começaram nossa Historia. Mas ainda existem menos de 50% de chance de que a hipótese da evolução cega poderia ser a correta alternativa.

Os que acreditam que a hipótese da evolução cega perfaz mais que 50% de imediato criticariam a maneira como exponho a questão dizendo que não existe o menor sentido em comparar a embriogênese com a evolução. Bem,  eu responderia:

1) E voces estão comparando a evolução cega com uma ocorrência onde o livre e bruto jogo das forcas e elementos naturais possam produzir um sistema funcional e melhor adaptado ao ambiente que os sistemas que foram chocados ou misturados, ao acaso. Por favor, me mostrem essa ocorrência, e repetida milhões de vezes, que foi a quantidade de vezes que a evolução apresentou um novo tipo de sistema natural.

2) A longa cadeia de causas e efeitos que começou no Big Bang ou antes dele produziu aqui e agora uma evidencia para a evolução com proposito – a qual e’ a embriogênese de um sistema biológico -me diga em que momento no passado alguma forca ou elemento fora dessa cadeia veio de maneira que tenha mudado os resultados do mesmo processo no passado. Esta cadeia de causas e efeitos esta aqui perante os nossos olhos mostrando como ela faz novos sistemas naturais. Voces dizem que a nível de evolução universal foi diferente. Me mostrem essa diferença. Me mostrem o elemento ano-natural ou sobrenatural que atuou nesse meio tempo.

3) A Matrix/DNA esta sugerindo que nunca houve abiogênese, mas sim aqueles milhões ou bilhões de anos na formação de moléculas ate chegar a’ primeira célula completa biológica nada mais foi que um processo de embriogênese astronômica com mutação devido a mudança de ambiente no processo reprodutivo. Provem o contrario. Voces dirão que o onus da prova cabe ao proponente da teoria. E eu respondo que teoria quem esta propondo são vocês, com o nome de abiogênese. Eu simplesmente estou reproduzindo e projetando no passado o que meus olhos estão vendo aqui e agora. E eu quero ver uma outra historia onde ocorreu um processo chamado abiogênese. Voces estão apelando para a imaginação, para o pensamento magico como qualquer outra religião, eu estou simplesmente sendo racional. Eu perguntei `a natureza la no meio da selva como ocorreu as origens da vida no passado e ela me respondeu mostrando uma macaca dando cria a uma nova vida logo ali perto. E eu não penso que  Natureza jogue dado enganando suas criaturas.

E aqui o leitor pode ter uma súbita visão esclarecedora do que consiste o amago da teoria da Matrix/DNA. Durante toda a evolução biológica dos seres vivos teve uma essência passando por dentro de cada criatura, uma essência que nunca morreu, nunca parou de crescer, evoluir: o DNA. Mas na minha cosmovisão, não existe separação entre evolução biológica e o mundo onde ela apareceu, no qual, dizemos que ocorreu a evolução cosmológica, desde as partículas as galaxias. Então, se foi assim , o que aconteceu na verdade foi a evolução de um único sistema natural, que primeiro se chamou sistema-partícula ( formado de quarks, leptons), sistema atômico, astronomico, biológico… Assim como o corpo humano pode ser dividido em sete formas principais durante sua vida – a forma de embrião, baby, criança, etc. – assim esta acontecendo com o sistema universal. Se as formas do corpo humano mudam devido a uma forca que denominamos ” ciclo vital”, então o sistema universal tambem vem mudando de forma pelo mesmo principio. Mas enquanto a forma biológica apresenta como essência codificadora isto que chamamos de DNA, não podemos transferir essa biologia para evolução cosmológica. Ou seja: o sistema universal tambem deve ter sua essência universal, a qual atravessou todas as especies do sistema. Uma Matrix Universal. Entendeu agora?  E’ na busca da prova desta teoria que tenho empenhado minha vida.

Mas qual a importância deste artigo? Não e’ mera discussão sobre teorias. A visão de mundo da matrix/DNA esta sugerindo a nos um guia pelo qual pautar-mos a direcao da nossa vida aqui e agora. Ela diz que somos aqui na Terra 8 bilhões de genes que evem serem somados a uma quantidade muito maior existindo em outras regiões do Universo, e nossa missão e’ construir o filho daquilo ou daquele que acionou o Big Bang. Como sabemos da embriogênese que depois de terem feito seu trabalho e terminado  obra, os mesmos genes que vieram dos pais sobem a cabeça do novo ser e todos tornam-se uma so’ personalidade, a qual ‘e realmente o filho, assim temos nosso futuro assegurado. E uma explicação sobre a razão da nossa existência, não e’ muito importante?

 

 

Brasil e o Novo Surto do Virus de Babies com cérebro deformado: Sugestão de Procedimentos

quarta-feira, dezembro 23rd, 2015

xxxxx

Brazil declares emergency after 2,400 babies are born with brain damage, possibly due to mosquito-borne virus

http://www.msn.com/en-us/news/world/brazil-declares-emergency-after-2400-babies-are-born-with-brain-damage-possibly-due-to-mosquito-borne-virus/ar-BBnR8pk?li=BBnb7Kz

Louis Charles Morelli ·

Works at Self employed
Brasil North-East ( the mean focus of these mosquitoes) and West Africa is a direct line of intense traffic. Since that the virus had popped up for the first time in the West Africa nation of Cape Verde, which has no Brasil’s health control level, maybe the number of babies are greater in Cape Verde. There are tribes that sacrifices baby born in these conditions, it is not reported and the country has no enough statistics. Panama and Honduras also faces West Africa. It is time for the World Health Organization making an inspection in West Africa, before it will be too later. Remember what happened with HIV and ebola?
Carlos Tavares

The virus most likely came from Brazil to Cape Verde, just like Dengue did. Cape Verde, as an island nation, is much easier to control epidemies than Brazil. The statistics are not alarmant for adults, however, due to this being new on the country scene, there are no reports on babies affected.
FYI, Capeverdeans don’t sacrifice babies
We are a homogeneous nation, we have no tribes
Like · Reply · 2 · 5 hrs
Louis Charles Morelli ·

Carlos Tavares: Oh, a “caboverdiano”, good. Congratulations pelo grande intelectual e democrata presidente, Jorge A. Fonseca. So, when the article says “the virus had popped up for the first time in the West Africa nation of Cape Verde”, is it wrong? And, since that Cabo Verde is the most developed nation in its surroundings, it is more one indication for what I am suspecting: the virus came to Cabo Verde from poor nations inside the continent, where the health system didn’t detected it yet. I said “World Health Organization making an inspection in West Africa”, not directly to Cape Verde, since that we are worried about all babies, be them Brazilian or African. But If I am from any nation I would welcome the help from WHO, it is grateful. And, please, read my post again I didn’t say that are tribes in Cape Verde. I think that sacrificing damaged fetus by abortion is practiced at all countries. I am a voluntary for going to West Africa and I hope you do so, then, we will meet there.Obs: I think that the virus came from Cabo Verde because Charles Darwin has visited the island at 1832 and got the virus, that is the explanation that his offspring – the evolutionary atheists – was born with damaged brains…. (kikiki… this is a joke, I love atheists). Cheers…
Tradução do Facebook:
Louis Charles Morelli · Dec 23 2015
O alarma e’ gravíssimo e como não vi ninguém fazendo o obvio que deve ser feito, publiquei um comentário no Washington Post que hoje trouxe a noticia: ” Brazil declara emergência depois de 2.400 babies nascidos com cérebro danificado.” Ora, isto requer ação rápida e todas as alternativas devem serem tentadas. ‘E fácil ter o mapa mundial na cabeça e ver que o estado de Pernambuco, onde surgiu os primeiros e maioria dos casos, esta na costa Leste do Brasil que da’ de face com a costa Oeste da Africa, justo nas areas de Cabo Verde, onde surgiu o virus. Mas como estas pequenas nações africanas não possuem o nível de controle da saude como o Brasil, não existe eficiente estatísticas, e muitas tribos sacrificam recém-nascidos com defeitos sem comunicar autoridades, a pergunta vem de imediato: quantos casos, ou como esta o virus espalhado nestas nações? Observe que os outros dois países mais atacados – Panama e Honduras – tambem estão de face com o Oeste da Africa, e devido a comum etnia destes povos costa-a-costa, o trafico ‘e intenso. Então a Organização Mundial de Saude deveria já estar naquelas nações africanas, em Cabo Verde, fazendo uma inspeção rigorosa. Ou vamos esperar para repetir o que aconteceu com o HIV e o Ebola que começaram na Africa, mas esperaram o virus se espalhar por todo lado antes de conte-lo na fonte?! Voces que estão no Brasil, questionem o governo se a OMS já foi para la, senão, que o Brasil vá’, e imediatamente! Não tem festa de Natal num caso grave como este. Eu me disponho como voluntario para ir hoje!
xxxxx

Matar ou não todos os mosquitos? veja isso:

Wayne Smith · Dec – 24 – 2015

Mosquito larvae consume a lot of organic matter in wetlands, helping recycle nutrients back into the ecosystem. The larvae provide food for fish and other wildlife. They pollinate flowers. They are crucial to orchids
xxxxx

Interessante discussao:

Jane Rausch ·

I only read a micro amount of comments but not many are mentioning how poluted the waters are in Brazil. Once these mosquitos get there, by however means, the waters are ripe there for a myriad amount of infestations. The OCC should be held responsible for any sickness among our atheletes during the events.
Like · Reply · 6 hrs
Sasha Strachan

Maybe no one is mentioning it because polluted water has nothing to do with mosquitos. All they need is warm temperatures, plants, still water and of course blood for oogenesis. When the article is about an outbreak of disease due to polluted water, feel free to post to your heart’s content. Until then, let’s keep it on point and stick with the actual salient facts.
xxxxx

E este comentario e’ comovente…

Teresa Weaver ·

Think about the first time you held your own baby….that feeling that came over you of love, fear and the instict to protect like an animal. Please re-read the story, carefully. Now let’s begin again.“What do you need Brazil? What can we as fellow humans do to help you? We have so much compassion and empathy because we Americans love our children as much as you do yours and it is so hard to imgine this happening. Our drugs, supplies and medical/public health professionals are available to support you in this urgent health crisis that involves your most innocent and vulnerable.” I cannot personally say this, but this is what I expect to see our country’s reps do.

Don’t want to be too “judgy” here, but if you don’t get that, you surely have issues finding your soul. I do not throw those (soul) type comments out and am disgusted when I hear them served up with a steaming pile of BS in a PPH bashing comment, but this is one time I felt it fit the circumstance. These are Brazil’s (and other countries’) innocent babies, just as important to them as ours are to us. It’s just the right thing to do.