Archive for março, 2016

Mãos na Disclose tv: Comentário Postado

quinta-feira, março 31st, 2016

xxxxx

(O Disquss disse que meu comentario foi detectado como spam, por isso talvez nao seja publicado. Talvez porque inseri um link para meu artigo. Verificar next day se saiu, senão re-publicar tirando o link e pondo o nome do artigo para googlarem.)

http://www.disclose.tv/news/do_you_have_the_letter_m_on_your_palm_there_is_something_very_special_about_you/125732

Louis Morelli – Posted in 03/31/2016

The real signal in ours hands is that its shape and fingers coordinations are just the same shapes of ours bodies during a life time. The palm is yours body as embryo into yours mother, the smallest finger is you as baby, the other is the teenager, the other is the young adult sexually completed, the next is th old adult and the thomb is the senior going to die. If you grasp it, you will create good music expressing yours life, etc. Is it merely 6 coincidences in one? No, the reason is that everytime a new being needs and has the strong will for getting a new apendice/acessory for survival, Nature throught the building block of DNA emits the formula called Matrix/DNA, which can create any model fitted to the needs and the systemic functions of that formula are delivered for to be expressed or not. If you knows the shape of the building block (four nucleotides) you can mimic that shape with yours two hands linking the four fingers as the four nitrogenious base, the two palms as the 2 sugars and the thombs as the two streams of DNA. Everything explained in http://theuniversalmatrix.com/….

O maior Debate da Historia da Internet já conta com 489.925 Posts !!! – Bill Nye

quinta-feira, março 31st, 2016

xxxxx

O video publicado em Aug 23, 2012, e já rendeu 7,153,340 visitantes, mas não e’ isto que impressiona. O que impressiona e’ a militância aguerrida destes visitantes, expressada no turbilhão de discussões acaloradas que se segue no Youtube:

xxxxxx
… there is no other logical explanation for the diversity of species and all the other alternative ideas are very weak in comparison.

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – 03/30/2016

+Sahil Kumar – Of course, there is another logical explanation that makes the natural process of evolution more acceptable. It is MatrixLight/DNA: ” Diversity, in universal macro-evolution happens because the genome of a prior natural system is not transmitted as a whole package inside an envelope, like occurs at micro-biological evolution. The genes/information are spread in time and space, by all galaxies, and if they meet at some place at the same time, they joining trying to reproduce the system from where they came from. It happens that these ” smallers and diversified packages” can have a life of their own, if they gets the central nuclear informations. Transformation of species can occurs if it is accessible to new information entering their DNA.” – By the way,… LUCA was in the sky, and diversification here, at least at the microscopic world, were created one by one… by a non-magician natural system.

xxxxx

I’m just wondering, if DNA is so complex, how does evolution play a role in it? How was it created by something so accidental like the “Big Bang”?
Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli – 03/30/2016

+TheStichedHuman Hummm… Let’s go to think about the same scene of Big Bang and the following complexity happening here and now? The “explosion” of a spermatozoon’s membrane inside an ovule. It is an event by chance because it could not happen. Then, inside the ovule begins the morula, which becomes more complex as blástula, etc. I elaborated the MatrixLight/DNA world view asking straight on to Nature – in the real Amazon jungle were still exists the witness of life’s origins – all my questions. And Nature always answered questions about the longest times and spaces, pointing out a sample here and now. Why? Nature does not plays dice with its creatures. This Universal Nature is not magician, so, it can not creates new information from nothing. If it produces a new natural system here, called human body, it will apply the method itself was created. That’s why yours fist moment of existence happened with a big bang inside an ovule. That’s why a morila mimics a atom nebulae, the blastula mimics the sky full of galaxies, and so on… yours personal history is the history of this Universe. Why are you wasting time, spending a lot of energy, elaborating complex theories like ” a Omnipotent God” or ” Everything came from Nothing”… if all answers are just here, facing yours eyes? Go to see my website and wander how yours natural origins is divine.

Atheism is stupid as it is so obviously false on every level. God reigns supreme in the temple of heaven. He clearly created all things, but atheists say that didn’t happen, not realizing that evolution is fantasy. So answer me now, why are atheists so stupid?

Louis Charles MorelliLouis Charles Morelli – 03/30/2016

+Navin Smith Atheism is stupidity because it is the other side of the coin which has as one side, creationism. it is ” The coin of the Absurd”. The unique rational state for human beings is agnosticism: ” I don’t know anything about metaphysics”
2 words for Louis C Morelli: agnostic atheism .

Louis Charles MorelliLouis Charles Morelli1 second ago

+ergonomover – Nope… The danger of atheism is that it leads you to believe in something, at least, in the world. But, you knows that if you clean all empty space from galaxies and stellar systems, and after that, cleaning the empty space inside the atoms and particles, this whole Universe’s matter could fit in a tea spoon. Maybe resting only a black liquid substance and a microscopic point of light. So,… This world does not exists, really, man!
We can’t explaining how and why but the true is: “IT DOES NOT EXIST” If you believe that science can to solve this mystery alone, your are being driven to beliefs like Lawrence Krauss ” From Nothing came Everything”, which is such absurd like creationism. There is a point in space /time when all our known natural laws are reversed to its opposite. Only this way there is a logical explanation for this world. Our little brain can not process a image of a world that had a beginning from Nothing, neither a world that had no beginning. There is no third alternative. Yes I am agnostic, not atheist, because after that point in space/time, all impossibles can b possible… till… magical gods…. which does not know that we exists here.

Hologramas: Impressionante video sobre uma tecnologia que pode desviar a humanidade do futuro como estupidez robotica

quarta-feira, março 30th, 2016

xxxx

O video torna-se mais interessante do meio para o fim com as demonstrações em cena. Apesar do objetivo claro de comercio para se vender um novo produto e/ou obter financiamentos para a pesquisa, e das projeções no palco não serem reais hologramas, o significado desta tecnologia e’ de grande beneficio para a humanidade conforme explico no comentário abaixo que foi postado no Ted Talks. Para quem se interessar, clique no link e assista no Ted onde tem captions e transcript, ou seja o texto todo do video escrito.

A futuristic vision of the age of holograms

[ted id=2461]http://[ted id=2461]

 

http://

LM – Louis Morelli –  Posted 03/30/2016

The best benefit for human kind from this technology would be to bringing back to the biological brain the control for building theoretical world views that is today under the power of the electromechanical brain. About half a century who is invading the invisible and untouchable microscopic and macroscopic dimensions are mechanical sensores connected to a mechanical brain, selecting and ignoring data that biological sensors should not do it. If we can reproduce those places and projecting the human being for feeling the place, maybe we will have time for discovering that the academic modern world view is totally mystified by the machine.

A biological brain and its natural sensors, doing a research at the Amazon jungle by seven years, feeling and asking Nature its secrets, it got a very different world view, called The MatrixLight/DNA Theory. And asking why this modern civilization went to a such wrong way the answer is: ” What do you want? Life at Earth have as host a system that can be described by Newtonian mechanics; the real researcher today is an electromechanical brain that has been modeling the biological brain for to fit between the researcher and the host. It is not weird that this civilization is going to the stupid system of the Brave New World under the Big Brother”. Yes, Mr. Alex Kipman, keep the good job, you have a heroic mission ahead, and we are hopeful that this technology be successful.

xxxx

Complemento do meu post:

Machines today are guiding the human mind far away off the natural universe and I never saw nobody describing how it is happening. The human being have a biological brain and its sensors for perceiving and translating the world into their natural reasoning, which was built by the same ” living” world. The machine has an electromechanical brain and its mechanic sensors which are reaching the microscopic and macroscopic world that humans can’t reach. So, it is not a living observer perceiving these dimensions of the world, it is a being that only knows and talks Physics which is mechanic related and Math which is linearly mechanic oriented. Which will be the final meaning and result of this process?

The first incursion to these invisible dimensions, the humans drove the eletromechanical brain under informations and rules of humans. The machine’s sensor captured data and gave it back to humans. Based on these new data, humans re-programed the machine for new incursions. And more machine’s selected data, ignoring those that belongs to life’s phenomena, because the machine can not grasp them. At a given point was not anymore the biological brain drivingthe wprld’s knowledge, but the feed back from the computer’s brain. And Physics, with its language that is Math dominated human sciences and minds.

So, the new world view is not based on human life like were the ancient religions with living Gods, it is based on the machine’s history of existence.

– The machine began with the explosion motor, so the universe began with a Big Explosion;
– The meaning of machine existence is processing imputs, priducing outputs and going back to the same machine, so there was a smaller atom containing all matter and energy that grows, producing black holes that captures entire galaxies devoring them for going back tothe extreme singulairty sand to be the same atom, in a eternal return;
– The “life” of a machine is its steams and gearsthat makes runs ahead and back whithout any jump to some kind of transcendence, this is the meaning of life being transmitted by humans science just now.

We arrived to the absurdity of believing in ghosts in the sky, like black holes and infinite Nothing that produces something! Or to believe that a bunch of atoms packed as gene have external and future purposes like to replicate themselves by any way…

This Alex’s talks, be it merely a commercial intention like several comments are suggsting here, or not, is very hopeful that we could excape from the matrix that we created for us as a trap. We can not touch, smell, feeling the microscopic and macroscopic dimensions, but we must not believe in any intermediary for doing it for us.

I lived seven years in Amazon jungle as a solitary naturalist philosopher studyng that biosphere and asking the reason of our existence, and that experence made me returning like an ancestor semi-monkey feeling nature how our ancetors felt it. Every projection that I did from my perceived dimenrsion trying to elucdate those untouchable dimensions, I felt life running there. I composed a new world view where this natural universe is more living than mechanical, but when I came out, I saw this world view made by the eletromechnic brain and its sensors. I am sure

A Visão Profética ou Remota Explicadas pela Matriz/DNA (The Evolution Return)

terça-feira, março 29th, 2016

xxxx

(Tese em construção:

  1. – Refazer o gráfico pois as setas estão na direcao errada?
  2.  – Continuar pesquisa abaixo )

the-prophetic-vision.jpg

Uma visão futurista, profética, pode ser uma visão genuína do passado, uma certeza subconsciente que aquilo, aquela cena é real, mas como não se lembra o acontecimento e não se distingue o ambiente, situa-se-o no futuro. Ex.: os lagartos de 45 milhões de anos atras poderiam ter flashes de memoria da existência de dinossauros, quando estes estavam extintos a 15 milhões de anos antes. Mas os antepassados dos lagartos os viram, as imagens podem serem registadas na memoria e expressadas depois nos descendentes. No gráfico, a linha vermelha C>A, indica como, na Evolution Return, o tempo retorna do futuro em direcao do passado, em termos de historia real, porem ‘e ignorado pelo processo da Evolução que apenas conta o tempo que gerou acréscimos de complexidade.

Milhões de textos foram escritos e bilhões de discussões orais foram travadas ( e textos e discussões continuam) por seres humanos sobre relatos de imagens e eventos  não pertencentes ao nosso mundo material captado pelos nossos cinco sentidos. São relatos situados no passado – como a de Adão e Eva no Paraíso, ou da cabeça de um dragão emergindo da água de um lago no caso do I Ching – como são relatos situados no futuro – notadamente as visões de Nostradamus. Tais visões foram divididas em dois grupos: visões proféticas e visões remotas.  Porque é que algumas pessoas relatam estas coisas e porque estes relatos tornam-se fonte de pensamentos para a maioria dos seres humanos? Tem algum fundamento tais relatos e tem alguma explicação a recepção de tais relatos pela maioria das pessoas?

Como o mais extremista racionalista que existiu dentro da comunidade de investigação dos fenômenos naturais ( a Teoria da Matriz/DNA é prova disso) eu comecei minha vida filosófica tendo aversão por estes relatos e pelos tratamentos que receberam da maioria das pessoas, pois para mim qualquer relato de algo que não fosse contido dentro da dimensão material abordável pelos nossos sentidos e instrumentos científicos não deveria receber qualquer consideração. Mas então aconteceram comigo ou ao meu redor experiencias físicas que tocavam de perto o conteúdo de alguns destes relatos, às quais não encontrei explicação racional  e como não aceitava deixar qualquer evento real sem explicação,   pus o tema na linha de preocupações para estuda-los a fundo buscando uma explicação racional.

Três experiências pessoais relacionadas à imagens alienígenas:

1)      Uma das maiores surpresas na minha vida aconteceu nos primeiros dias logo após a “descoberta de LUCA”. Luca é o resultado final dos cálculos de como seria o sistema natural mais evoluído que existia a 4 bilhões de anos atras, portanto, momentos antes do inicio das origens da Vida. Tais cálculos me levaram ao espaço sideral buscando em que teria dado a evolução dos sistemas estelares se aplicando o Darwinismo e cheguei ao modelo de um sistema termodinâmico como uma maquina tão perfeita que quase alcança a definição do moto contínuo. Um sistema puramente mecânico mas que teria sido o ancestral da Vida. E nos dias seguintes com a profusão de revelações contendo explicações para os fenômenos naturais que nunca tinham sido explicados antes, uma foi das mais surpreendentes: Luca já era do conhecimento humano a 4 ou 5 mil anos atras pois ele estava perfeita, fielmente descrito – apesar de que em metáforas e parabolas – tanto na Biblia, como no I Ching, como nas Stancias de Dziian da Doutrina Secreta.

Impossível! Se usei os mais modernos conhecimentos jamais imaginados pelos autores mesmo de um século atras, para ver tal imagem desenhada num papel, como alguns primitivos humanos de 5 mil anos atras viram tais imagens?! Claro, esta questão nos abala profundamente ( um dos abalos é descobrir que todo seu trabalho em busca de novidade foi em vão, pois aquilo era mais velho que minha avó) e portanto tinha que ser investigada.

2)      Pessoas analfabetas certamente em estados alterados mentalmente me descreveram pessoalmente a visão de imagens jamais vistas em nossa realidade mas que estavam previstas nas nossas mais complexas teorias. Me refiro aos diagramas sobre particulas elementares, buracos negros, fluxos de energia nos sistemas nervosos e ainda, nativos semi-analfabetos do Brazil relatando visões idênticas às dos chakras e kundaline relatadas por pessoas que viveram na Asia a 5 mil anos atras. Impossivel! Claro que isso merecia uma investigação séria.

3)      Visão noturna de objetos luminosos no espaço na década de 1980 que geraram profusão de comentário popular sobre naves extraterrestres, comunicações com seres extraterrestres, etc. Minha suspeita de tratar-se de meros meteoritos continua sob suspeita devido a vários detalhes daqueles comentários serem realmente merecedores de investigação e colocarem o fenômeno da “visão relativistica” sob investigação.   

    Por mais que tenha buscado nas opiniões mais céticas de racionalistas e em todas as fracassadas experiencias cientificas feitas sobre experiencias análogas às minhas pessoais experiencias, ninguém tem nenhum fato nem contra nem a favor. E sem fatos não existe conhecimento, apenas conjecturas, as quais não interrompem minhas investigações. Até neste momento atual, minhas investigações me conduziram a certas hipóteses e conclusões totalmente diferentes do que qualquer outro ser humano obteve, por isso creio valer a pena o registro para conhecimento de outros que estudam o tema. Em súmula, a síntese do que cheguei até agora está explicita no gráfico acima. Nas linhas seguintes irei direto à descrição do gráfico para as pessoas que não se interessam pelo assunto das visões mas que se interessaram por saber onde nos conduz a teoria da Matriz/DNA. Para aqueles que se interessam no assunto e querem se aprofundar no tema, como eu, seguír-se-á uma compilação sucinta do que existe publicado sobre o tema das visões assim como uma lista de obras a serem lidas, sob o titulo “ O que diz a literatura existente a respeito das visões”.

 the-prophetic-vision.jpg 

Descrição do Gráfico:

Num gráfico cartesiano tendo como coordenada vertical, Evolução, e como coordenada horizontal, o tempo, observa-se que a cêrca de 60 milhões de anos atras, a evolução desviou-se de seu caminho, pois a espécie dos répteis deixaram de evoluir e apenas aumentaram e estabeleceram fixamente o que tinham conquistado. Em outras palavras diz-se que a espécie se super-especializou num modo de vida, tudo fez para acomodar-se e defender este modo de vida, de maneira que interrompeu a evolução e a partir daí se tornou um beco sem saída, como um ramo de uma arvore que seca e se extingue. O que temos hoje de fato indiscutível é que existem répteis e existem mamíferos e existe transformações na hereditariedade de seres vivos e tudo isso nos leva a varias interpretações dentre as quais a eleita cientificamente é a interpretação compilada no que se resolveu denominar “Teoria Darwiniana da Evolução”. Neste trabalho considerei esta teoria a mais razoável mas acrescentei alguns pormenores sugeridos pela teoria da macro-evolução da Matriz/DNA.

Disto tudo se deduz que os mamíferos não emergiram dos dinossauros, por motivos óbvios, como questão da diferença de tamanho, e por deduções retiradas dos fósseis em nosso poder – não discutindo aqui se um dinossauro é mais evoluído que uma lagartixa ou não ( pois para mim parece óbvio que o dinossauro se tornou mais complexo que a lagartixa), tambem parece-me óbvio que o dinossauro atingiu mais complexidade que alguns de seus correligionários de tamanhos médios, os lagartos, crocodilos, etc. E são nestes que vamos nos focalizar porque nos parecem os mais indicados donde se encontrará a espécie exata que saiu desta linha evolucionaria para se tornar no primeiro mamífero. Portanto a linha da Evolução que não havia parado em lagartos e crocodilos seguiu até os dinossauros para aí se perder no vácuo com a extinção destes, e tempos depois recomeçou nos lagartos  e destes deu mais um salto transcendental para uma nova e mais complexa espécie.

Mas o que isto tem a ver com profecias, visões remotas, etc. ?  – “Peraí…”Visões sôbre coisas inexistentes na nossa realidade atual e relatadas como sendo do passado seriam facilmente explicadas se fizer-mos como sugere a Teoria da Matriz: o nosso DNA guarda em sua memória eventos do seu passado, não apenas do período que existe na espécie humana, mas como também dos períodos que existiu nas espécies dos répteis, das bactérias, dos sistemas astronomicos até seus remotos tempos quando se desenvolvia em meio à espécie dos átomos. Por exemplo, a cena do Paraíso descreve o corpo astronomico da nossa espécie ancestral que denominamos LUCA.

Então, no gráfico, estas visões estariam situadas na linha vermelha “L1”.Mas é a linha vermelha “L2”que mais nos interessa aqui pelo seu surpreendente inusitado: ela sugere a capacidade de nosso DNA passar para nossa mente imagens que ele tem registradas do passado mas mascaradas de futuro…! Para explicar o que acontece com humanos temos primeiro que fazer uma analogia com o que acontece com lagartos. 

Observe L2. O ponto “A” representa o ponto da Evolução quando o lagarto era o animal mais evoluído, ou mais complexo do planeta, porem a cerca de 45 milhões de anos. Mas ele está no mesmo nível da evolução do lagarto a 60 milhões de anos. Com uma diferença fundamental: o lagarto dos 60 milhões de anos convivia com dinossauros, enquanto o dos 45 milhões não, pois estes haviam sido dizimados provavelmente por um meteórito. Se realmente o DNA guarda registrado em sua memória eventos do passado distante – principalmente daqueles que foram os mais marcantes – o lagarto dos 45 milhões de anos teve registrado em sua memória o evento de uma noite de terror quando quase toda a Vida na Terra desapareceu logo à visão de uma bola de fogo caindo do céu. Em que ficamos então? Se o meteorito caiu na época que existiam dinossauros – nos 60 milhões de anos – o evento está no futuro em relação ao lagarto dos 65 milhões de anos atras, mas no passado do lagarto de 45 milhões de anos atras. Mas em que passado se o dinossauro está no futuro evolucionário dos lagartos?!

É uma visão genuína do passado, uma certeza subconsciente que aquilo, aquela cena é real, mas como não se conhece o acontecimento, situa-se-o no futuro.

Mas então… as visões de Nostradamus e dos autores do apocalipse eram relacionadas ao passado, registradas na memória de seus ancestrais, e devido serem muitas antigas e se aplicarem a ambientes que mudaram de alguma maneira, eram-lhe flashes de imagens muito confusas.

Por exemplo… imagens (reais) de meteóritos caindo do céu, causando dilúvios e incêndios e arrasando a vida na Terra. As imagens de fundo dos ambientes não deviam se encaixarem muito nas imagens dos ambientes da época de vida do autor por isso ele intuitivamente teria que buscar uma época para aquilo acontecer. Como não havia relato em nenhuma tradição ou cultura humana daquilo, deduzia-se que existem previsões, e sugeriam uma situação futurística. O embaçamento das imagens forçavam interpretações pessoais. Ora, disto tudo resultaram textos escritos por um autor humano, que foram entendidos como textos proféticos, e de fato se verificou a ocorrência de eventos mesmo depois da morte deste autor demasiado semelhantes com o que ele havia descrito. 

É preciso entender que a Evolução não conta o tempo como nós contamos. Para nós o tempo é linear, sempre vai do passado para o futuro, como sucessão continua de causas e efeitos. Para a Evolução só tem sentido em contar o tempo da sucessão de acréscimos da complexidade. Para nós. ao tempo que vem dos lagartos, é somado o tempo que passa pelos dinossauros, e tudo somado ao tempo dos mamíferos. Para a Evolução, ao tempo que vem dos lagartos é somado o tempo dos mamíferos… o tempo dos dinossauros nunca existiu, pois eles não entraram no tronco da arvore da evolução. Eles se desviaram do tronco e se tornaram um galho que secou e desapareceu.

Se você, ao chegar aos 20 anos, se dividisse em dois, cada qual seguisse seu caminho. 30 anos depois seu sósia que levou uma vida errada morreu, você continua vivo, mas você diria que tem 80 anos? De maneira alguma, você vai jurar que tem 50 e estará certo nisso. Esta foi a sucessão de causas e efeitos que você mediu como tempo e deu seu resultado final. A Evolução tambem. Ela nada tem a ver com dinossauros. A linha da Evolução se faz curva, mas a Evolução, personificada no DNA, pensa que é uma reta. E isto vai estourar no pobre ser humano, cuja mente se torna consciente dos fatos ao longo da história porem está construída sobre o pilar do DNA. Chega ao ponto de tortura mental que faz acreditar ser possível ver o que não existe, ou seja, o futuro.   

 O que diz a literatura existente a respeito das visões.(profecia, visão remota, ideo motor effect, etc.)

O que diz o Pensamento Cientifico Reducionista? Uma inicial busca em Wikipedia nos mostra o seguinte: No sentido religioso, uma profecia é a mensagem que tem sido comunicada a um profeta a qual o profeta deve comunicar a outros. Em geral, esta mensagem pode envolver: inspiração divina, revelação, ou interpretação. Mais especificamente, ela pode ser uma professada predição psíquica. Em contrapartida, no sentido anti-religioso, de acôrdo com os céticos, muitas das aparentemente confirmadas profecias podem ser explicadas como coincidências ( possivelmente devido à grande margem de não-substanciação ou vagos conceitos da própria profecia), ou que algumas profecias foram realmente inventadas depois do fato ocorrido para que ele se encaixasse nas promessas do passado. Whitcomb, em ” A Companhia dos Mágicos “, observa: “Um ponto a relembrar é que a probabilidade de mudanças num evento para se aproximar de uma profecia existe… A acuidade ou produto de qualquer profecia é alterada pelo desejo e obras do visionário e daqueles que ouviram a profecia. Algo como: “a humanidade deixou-se destruir pelo aquecimento global, mesmo sabendo de antemão e tendo recursos para evitar tal destino, porque se entregou passivamente à fatalidade devido suas crenças nas profecias do fim do mundo.

(Continuar este estudo)

Hot Jupiters Sugerem que O sistema Solar e’ de um Tipo Raro na Galaxia

terça-feira, março 29th, 2016

xxxx

Planetas gigantes como Jupiter, porem mais gasosos e mais quentes, já estavam previstos existir pelo modelo astronomico da Matrix/DNA Theory antes do primeiro ter sido encontrado. A teoria sugere que eles tem que existirem em todos os sistemas completos. e que estão a um passo de se tornarem pulsares. No modelo/formula da Matrix/DNA eles devem ocupar o lugar da Função 4. O sistema solar não os tem.

Nos últimos anos foram encontrados tantos que os astrônomos estão desconfiando que os sistemas que os possuem são a regra, e o caso raro seria o nosso sistema. Se o nosso sistema e’ de um tipo raro isso vai dificultar a ossa pesquisa visando comprovar ou desaprovar a teoria. Neste artigo, dizem:

 

VIDEO: NASA Investigating the Mystery of Migrating ‘Hot Jupiters’

” At first, hot Jupiters were considered oddballs, since we don’t have anything like them in our own solar system. But as more were found, in addition to many other smaller planets that orbit very closely to their stars, our solar system started to seem like the real misfit.

Greg Laughlin

Greg Laughlin

“We thought our solar system was normal, but that’s not so much the case,” said astronomer Greg Laughlin of the University of California, Santa Cruz, co-author of a new study from NASA’s Spitzer Space Telescope that investigates hot Jupiter formation.”

Feto e Suas Formas nas Primeiras Doze Semanas

segunda-feira, março 28th, 2016

xxxx

Toda Materia e Energia do Universo Cabe Numa Colher de Sopa! Este Mundo Naãooo Existe! E Agora?

segunda-feira, março 28th, 2016

xxxx

A não ser que não existe estes espaços vazios. Eles compõem um outro mundo muito maior que o nosso. De maneira que para este outro mundo, ate’ nossos planetas e estrelas são cisquinhos, passando dentro dos espaços dos seus grandes átomos. Por isso nosso complexo sensorial não percebe, não se da’ conta de sua existência. Mas mesmo assim, deveria haver pontos de choque, contacto, por exemplo, quando uma estrela ou planeta se chocaria com uma das partículas dos grandes átomos. E pode ser que isso acontece, esteja acontecendo perante nossos olhos. Seriam os vasos de estrelas ou galaxias inteiras sendo engolidas por buracos negros. Os buracos negros seriam as partículas dos átomos de um mundo maior….

Nucleotídeos “não” são bases nitrogenadas. Nova pista para identificar as bases na formula

segunda-feira, março 28th, 2016

xxxx

Esta informação esta’ em:

https://www.sciencedaily.com/releases/2016/04/160427080733.htm

“DNA is made from four different monomer molecules called nucleotides: nucleotide A binds weakly to nucleotide T, whereas nucleotide C binds strongly to nucleotide G,”

Sempre tive dificuldades em traduzir o nome que aprendi na escola ” bases nitrogenadas” para o inglês, e tenho usado “nitrogenous bases”. Segundo a corrente informação, em inglês não existe nada com esse nome, e o que deveria ser base nitrogenada e’ apenas chamado de nucleotideos.

Nunca mais usar o nome “nitrogenuous bases”

Notar tambem algo que nao sabia: Adenina se conecta com Timina, fracamente, enquanto Citosina se conecta com Guanina, fortemente.

Preciso observar a formula tentando ver se ha’ razão para algumas conexões entre as funções são mais fracas e outras mais fortes… Epa… já entendi… As conexões da face esquerda devem serem fortes, pois a energia no circuito esta’ em sua fase crescente, ate’ chegar ao F4. Depois começa a entropia, e obviamente deve enfraquecer as conexões, pois a energia esta’ em decrescente.

E isto me fornece mais uma pista para identificar quem e’ quem nos nucleotideos. Se A e T são mais fracos, então um e’ F6 e o outro, F7, enquanto C e G devem ser F2 e F3. Então:

Adenina: F6 ou F7

Timina : F6 ou F7

Citozina: F2 ou F3

Guanina: F2 ou F3

De Unicelular para Ser Multicelular, Obtido em Laboratório!

domingo, março 27th, 2016

Multicellular Life Evolves in Laboratory

http://www.wired.com/2012/01/evolution-of-multicellularity/

E’  mais uma evidencia para a formula da Matrix/DNA. E’ como se a evolução aqui, ampliando todos os detalhes, órgãos, genotipia e fenotipia, na mesma proporção de porcentagem, ou mesma taxa de razão, de um pequeno individuo, numa sua copia, muito maior. Parece mesmo que a evolução se propaga como ondas circulares a partir de um núcleo central, de maneira que o template de cada lado do núcleo se torna o template de cada lado do circulo de ondas.

Evolucao: Dois Bons Argumentos Contra

domingo, março 27th, 2016

xxxxx

  1. I don’t believe it is correct ( theory of evolution). I could give reason after reason without once bringing God into the topic. Nobody should have to look further than their own species to realize that there may be a flaw or two in the theory. If you can find even one flaw in the logic that defies the theory, then the entire theory is wrong.Take the human knee joint for example. It is the only joint of its kind. No other species has it. It has not been found anywhere in the fossil record. It is unique to humans. It can be broken down to no less than 16 crucial parts. Meaning that with just one of those parts missing or damaged the knee no longer functions. Are we to believe that evolution caused all 16 parts to come together simultaneously? That’s not how evolution works, according to what the theory claims. Many small mutations over long periods of time. If the human knee joint did evolve over time, how did the early forms of humans get around before all 16 parts came together to work? They certainly could not have been walking on two legs. And if they weren’t walking, why would the knee joint evolve into the most complex joint we know of? Until all 16 parts were present the knee would have been useless. And if it were useless, wouldn’t evolution have done away with it, instead of continuing to evolve it into a fully functioning, complex 4 bar hinge joint?

xxx

2) Here is how the imaginary part is supposed to happen: On rare occasions a mutation in DNA improves a creature’s ability to survive, so it is more likely to reproduce (natural selection). That is evolution’s only tool for making new creatures. It might even work if it took just one gene to make and control one part. But parts of living creatures are constructed of intricate components with connections that all need to be in place for the thing to work, controlled by many genes that have to act in the proper sequence. Natural selection would not choose parts that did not have all their components existing, in place, connected, and regulated because the parts would not work. Thus all the right mutations (and none of the destructive ones) must happen at the same time by pure chance. That is physically impossible. To illustrate just how hopeless it is, imagine this: on the ground are all the materials needed to build a house (nails, boards, shingles, windows, etc.). We tie a hammer