Archive for setembro 3rd, 2017

Evolução: Problemas na teoria e a educação escolar da teoria

domingo, setembro 3rd, 2017

xxxx

Por James Tour:

https://www.jmtour.com/personal-topics/evolution-creation/

” Evolution is both about the mechanism by which change occurs over time, and the theory of universal common descent. But the mechanismsare unknown and the theory of universal common descent is confronted by issues of uncommonness through ENCODE and orphan gene research. And each year the evidence for uncommonness is escalating.”

Evolution/Creation

About schollar education regarding evolution:

So what should be taught in schools regarding evolution, in my opinion? As I wrote, I am not a proponent of intelligent design for the reasons I state above: I cannot prove it using my tools of chemistry to which I am bound in the chemistry classroom; the same tools to which I commensurately bind my evolutionist colleagues. A better approach would include more teaching about common descent using basic genetics arguments. But there should also be coverage of legitimate scientific puzzles such as macroevolution’s weak underpinning for the origin of body plans, the unexplainable functional differences between the modern human brain and that of other hominids, the ENCODE and orphan gene findings and disagreements, the huge difficulties regarding the theories on the origin of first life, and the mystery of information’s origin in the sequence of the nucleic acids. Such deliberations would be exciting and scientifically enlightening to students, and they would be changing with time as more data becomes available. In a secular classroom, one need not include an intelligent designer in order to provide the students with an appreciation for the science or an overview of the theories’ shortcomings. I think that, upon this approach, diverse camps could respectfully agree and lawsuits would be unnecessary.

A bruta realidade do trabalho do cientista manual moderno perante a impossivel solucao da origem da vida

domingo, setembro 3rd, 2017

xxxx

James Tour ( produtivo cientista, inventor, centenas de papers publicados, e fora da Ciência, declarado criacionista), foi expulso da posição de capataz-professor dos grandes predadores porque não se conformou com as mentiras na cultura humana destinada ao manípulamento das mentes da massa de estudantes. Uma aula de extrema abordagem puramente técnica, a realidade nua e crua, mostrando que a mente humana não pode por enquanto processar a informação de como o mundo pre-biótico conseguiu sequer produzir as moléculas precursoras das moléculas mais complexas, muito menos como conseguiu montar milhões de peças prontas para finalizar com um avião pronto. Retornar a esta aula sempre que nos debates for confrontado pelos arrogantes “cientificistas defensores da teoria da abiogeneses tal como ela esta elaborada hoje. E fazer uma pesquisa sobre James Tour. Não tem como escrever meu livro sem mencionar dados desta palestra.

https://www.youtube.com/watch?v=_zQXgJ-dXM4

A Evolução Biológica foi um desenvolvimento da Evolução da Química?

domingo, setembro 3rd, 2017

xxxx

Obtido em:

https://www.youtube.com/watch?v=mRzxTzKIsp8

What is Chemical Evolution?

 

A evolução química pode, por si só, construir complexas moléculas e até membranas de fatty acids, chegando inclusive ao RNA. Mas para chegar a química orgânica, ou iniciar a evolução biológica é preciso antes conseguir que alguma destas moléculas se reproduzam por si só. E isto ainda não esta’ claro para a Ciência Moderna como acontece.

Então eles estão pensando mais em que significa “reprodução” e uma das palavras que lhes veio `a mente é “repetição”, ou “replicação”. Ora, repetição é um processo muito mais simples que a complexa reprodução, então reprodução pode ter começado por algum processo de repetição. E assim eles vão no estado do mundo antes das origens da vida procurar o que existia que se repetia. Encontram os ciclos repetitivos, como ciclo do Co2, o fato de que nos astros ocorrem movimentos repetitivos como o aquecimento do dia e o esfriamento da noite, as repetitivas erupções dos vulcões, o levantamento e abaixamento das ondas do mar, etc. Estas repetições mexem com as coisas inertes repetidamente e repetitivamente produzem, ou dão nascimento a novas moléculas e sistemas químicos. E daqui vão para o evento onde se formaram as primeiras membranas de fatty acids, como elas mantem unidades de fatty acids dentro delas oferecendo novo e melhor ambiente para elas evoluírem. E daqui pulam para a crença de que reprodução aconteceu de alguma maneira por ai, sem precisar de maior explicação, Tendo a causa principal da vida em mãos – que é a auto-reprodução – eles saltam para a crenca de que a química por produziu a Vida.

Para mim, tendo a Matrix/DNA Theory em mãos e observando seus modelos teóricos, fico com a impressão que os cientistas são tímidos quando se defrontam com o espaço sideral. Pois fizeram uma rápida e curta incursão neste espaço e retornaram correndo. Assim ficam sem conhecer por completo o que são os sistemas que criaram a Terra, a química, e aos quais estas coisas pertencem. Como eu fui mais longe e fiquei mais tempo por la’ procurando, encontrei o mecanismo da auto-reciclagem dos sistemas astronômicos. Ora, auto-reciclagem é repetição e de uma certa maneira, reprodução, inclusive, na auto-reciclagem podem ocorrer mudanças, que geram variações, enquanto que na mera repetição isto não pode acontecer porque então não seria repetição..

Se os meus modelos astronômicos estiverem corretos, a auto-reciclagem dos building blocks das galaxias já apresentavam princípios da reprodução sexualizada que necessita do concurso das funções masculinas e femininas. E justamente isso o que vemos fazendo certos astros num sistema reunindo ambas funções, demonstrando que ele é hermafrodita, tal como a primeira célula viva criada por ele.

Agora os cientistas do Center for Chemical Evolution e outros grupos em volta do mundo estão trabalhando duro tentando provar sua hipótese, ou seja, de que moléculas químicas complexas podem, por si só, iniciarem a se reproduzirem. Ainda não conseguiram, mas pode ocorrer que vejam uma molécula se reproduzir na sua frente e vão sair contando a merecida vitoria. Mas isto só vai acontecer se em tal molécula de alguma forma penetraram os fótons que trazem informações relativas `as funções 1 e 4 da formula universal, ou seja, de vortices nucleares e pulsares… Isto vem por radiação cósmica ( principalmente a função 4) e/ou pelos profundos ventos oceánicos vindos do núcleo terrestre que tem metade das informações para auto-replicação, porem não é fácil que tais informações caiam aqui no mesmo ponto do espaço/tempo e justo encima das moléculas colhidas pelos cientistas.

Mas se isto acontecer, vão ver o certo mas interpretar o mundo errado novamente, pois estão ignorando a força interna `as moléculas dirigindo o evento. Nas origens da vida, que durou bilhões de anos, estas moléculas estavam a céu aberto ou em câmeras marinhas sobre ventos oceânicos, e num planeta continuamente bombardeado por radiação cósmica, o calculo das probabilidades sugere que isto deve ter acontecido.

Estão chegando perto de onde chegou a Matrix/DNA (isto se  a teoria da Matrix/DNA estiver correta) . Mas crer que a evolução química por si só produziu a evolução biológica seria o mesmo que crer que a evolução da carroça por si só produziu a evolução do automóvel, sem ver os agentes ocultos, como a mente humana num caso e a formula da Matrix/DNA no outro, dirigindo a evolução universal.

xxxx

E meu comentario postado no Youtube:

Louis Charles Morelli – 9/3/2017

Congratulations, but,… these scientists are doing a big mistake. They are too shy, timid, when they went to the right place – the astronomic and planetary state of the world before life’s origins – searching for anything that were replicating or doing something repetitive. There is no other way for proving this hypothesis and the answer must be there, of course ( it is not plausible that quantum fluctuations could acting over big complex molecules). By another hand, I kept me about seven years at the virgin biosphere of Amazon jungle looking for explanations about life’s mysteries and like this “reproduction” issue, and found something very rational.

There is no way to explains complex properties of life with our modern current astronomical theories and models. So ( I thought), these models are not complete and a method for searching best models is calculating evolution by its reverse way, starting at the first cell and going back, if possible, till the Big Bang. The results are new models that offers events of self-recycling at astronomical scale where Earth is participating. Self-recycling is another name for repetition, but it can be more complex, included, permitting variation.
So, we have these models resumed at “The Universal Matrix/DNA formula for all Natural Systems and Life’s Cycles Theory” ( you can Google it) and see a model where astronomical bodies composing a system performs the principles of sexual reproduction. Go back to the space – but not to the wrong space – because the answer is there.

DNA, como os virus, e’ morto, apenas se torna vivo dentro de celula viva

domingo, setembro 3rd, 2017

xxxx

Este e’ mais um dos misterios desfiando os modernos biologos? O que e’ DNA? Quando Craig Venter produziu um DNA em seu laboratorio, ele viu que tinha algo morto, sem qualquer reacao. Foi necessario inseri-lo dentro de uma celula viva para ve-lo reagir e tornar-se parte da vida.

Esta informacao foi obtida em:

Genetics, epigenetics and disease

https://www.youtube.com/watch?v=SHpfkNRscOc

O que a Matrix/DNA tem a dizer sobre isso?

E a Matrix universal, e’ algo vivo? A onda de luz que foi sua primeira forma?  A luz tambem so’ expressa seu ciclo ou principio vital quando toca algo organico, ou vivo, e nao rochas?