Archive for setembro 10th, 2018

Ciclo Vital: Livro comprado para ler

segunda-feira, setembro 10th, 2018

xxxxxx

Life cycles: reflections of an evolutionary biologist

https://www.amazon.com/dp/0691033196/ref=rdr_ext_tmb

 

Formação da Psique Brasileira: Errada, porém, qual a solução?

segunda-feira, setembro 10th, 2018

xxxx

https://www.bonde.com.br/digital-influencers-blog/beirada-niponica/dekasseguis-brasileiros-em-baixa-453019.html

Dekasseguis brasileiros em baixa

Envelhecidos e sem terem aproveitado as oportunidades de crescimento que o mercado proporcionou, pararam no tempo, e os que estão por aqui, continuam no chão das fábricas e nos serviços insalubres.
Poucos aprenderam a falar o idioma, outros nem adequados à cultura local estão.
Definitivamente os dekasseguis brasileiros estão em baixa.
Continuam vivendo em guetos, fazendo seus churrasquinhos nos finais de semana, esperando o tempo passar para ver no que tudo isso vai dar.
A dificuldade de integração com os nativos, a desunião na comunidade e a falta de interesse em adquirir novos conhecimentos deixaram os conterrâneos para trás na corrida por uma condição profissional e pessoal melhor

xxxx

meu comentario enviado ao artigo em set/10/18

Edison, eu gostaria de focar outro problema: qual a causa na formação da psique brasileira que produziu estes efeitos, que prejudicam-nos? Sem saber causas, não se encontram as soluções definitivas. Creio ser obvio que a causa esta’ no tipo da educação dos pais, das escolas, do governo. Impressionante é que os filhos e netos de japoneses, com uma educação paterna tão diferente, tenham desta forma sido influenciados pela educação escolar e social brasileira. Que povos com genética diferente convergiram para o mesmo tipo de psique acho ser prova de que a causa negativa não é genética, ao menos, não exclusivamente genética. Na minha opinião tudo começa a partir do colonialismo português, que modelou o governo e a educação social e escolar, extremamente para causar o individualismo, observando a cartilha maquiavelica do “dividir para reinar”, e incutir o complexo da inferioridade evolutiva, para tornar o servo submisso voluntário. Fui imigrante brasileiro nos USA, onde me naturalizei tornando-me cidadão americano e como veterano hoje procuro analisar estes imigrantes. Salvo a diferença de que daqui a maioria dos brasileiros enviavam dinheiro para o Brasil e retornaram com posses, os que foram ficando caíram na mesma situação do Japão. Nao entendi quando você insiste em notar em que erraram ao não estudarem se aperfeiçoando na profissão, pois acho requerer algo impossível, já que o imigrante, tanto la como ca, trabalha 70/80 horas semanais, não tem como evoluir e nem procurar convívio social. O mais notório é a incrível incapacidade de se associarem para coisas úteis, como comprar em conjunto e economizar, somarem economias e investirem como grupos, como fazem outras etnias melhor sucedidas aqui. Entao a solucao, na minha opinião, é detectar e combater em todos os detalhes os estímulos ao individualismo egoísta e ao complexo de inferioridade profissional. Quando fazes isto angarias de todos o mau olhado do ódio (exemplo, o post do Carlos aqui), pois estas criticando na alma, porém, não vejo outra solução. Voce ve?

O individualismo moderno x o Principio da Solidariedade Natural

segunda-feira, setembro 10th, 2018

xxxx

Baseado no artigo:

https://www.bonde.com.br/digital-influencers-blog/beirada-niponica/a-chave-liga-desliga-da-solidariedade-384052.html#comentarios

A chave liga-desliga da solidariedade

(ler tambem os comentarios)

Meus comentários enviado ao artigo em Setembro, 10/18 :

Edison,… obrigado pelo texto informativo. Como filósofo naturalista esta é uma informação a ser raciocinada. A primeira lembrança do texto é a frase: “Dividir para reinar”. O estado individualista é produzido pela entidade de um sistema para ela mesma se fortalecer na sua meta ditatorial. Na cosmovisão que elaborei como mais racional (vide meu website), os humanos são 8 bilhões de genes semi-conscientes que carregam em suas cabeças-ovos a construção de cada uma das partes de em embrião de consciência universal – ou ao menos a consciência coletiva deste planeta, como Gaia. Quem não concorda com isso para por aqui, eu vou adiante comparando o quadro descrito em seu texto com o quadro que vemos em embriogênese. Conclusao? O comportamento japonês ( e muitos outros países em igual estado) esta imitando a embriogenese primitiva de animais irracionais, quando deveria buscar o metodo da embriogenese da consciencia. Os genes para animais atuam assim, cada qual cumprindo sua missão sem saber dos outros, quem controla e define o resultado final é a entidade/software do DNA. Nao sei ainda se os genes para consciencias se comportam assim, apenas o que sei da evolução sugere que nunca é certo imitar, manter, e conservar o passado. Mas essa imitação da genética primitiva vem em paralelo ‘a imitação que todos os sistemas sociais humanos criados até agora fizeram do sistema selvagem entre animais irracionais. Na selva ( como nos ares, nos oceanos), o poder e as regras são divididas em três classes sociais, como nas cidades humanas ( grandes predadores, medios predadores e presas). Isso atrasa, atrapalha nossa evolução. Além disso existe um princípio natural fundamental ao qual denomino “princípio da solidariedade”. No início de qualquer nova forma de sistema ( seja do átomo, da galáxia, da célula) surgem dois grupos opostos que se conflitam de onde ou são exterminados ou se fundem obtendo a trascendencia para uma nova forma. De onde extraio meu comportamento preferido: estimular a solidariedade combatendo o individualismo. Acho que os moradores de uma residência deveriam procurar os vizinhos para iniciativas de trabalho como cooperativas de consumo e unidades de produção, autoproteção, influência no sistema social para evitar centralização do poder de sistema, e até mesmo no lazer eles mesmos criarem seus espaços não esperando quem tem como objetivo o interesse pessoal do lucro fazer isso. Algum comentario? Estamos sempre abertos para nos corrigir e aprender com outras mentes. Abracos…

xxxx

Edison, o post da Aline e sua resposta me deram o que pensar na minha cosmovisão, Aline lembrou o gene egoísta e a tendência universal da função feminina nos sistemas naturais. Reparou que o aspecto principal de seu post é relacionado ao sexual? Ela nao correu a outros aspectos, como você (o humanismo) e eu (existencialismo), mas sim focalizada no fenômeno (com quem a/o outra/o dormiu, a que horas chegou, etc.) Provavelmente é uma mulher jovem enfrentando estes problemas agora, e limita as suas reflexões a este aspecto derivativo do sexo). Quando ela resume o relacionamento entre vizinhos a “se meterem para saberem intimidades da vida” ela esquece totalmente o aspecto extrovertido do social, da necessidade de ela mesma criar e desenvolver uma economia e patrimônio social, de atuar para mudar outros contextos sociais irregulares com vítimas, etc. Na fórmula dos sistemas naturais, a função feminina é a força para tornar o sistema fechado em si mesmo, colapsando cada vez mais em direcao ao próprio umbigo até se desfazer como um ponto: a força masculina, oposta, para tornar o sistema aberto, ampliando-se no espaço/tempo sem freios até desintegrar-se. Dois males a serem corrigidos pela inteligencia humana, como sao todos os dualismos opostos universais. Essa introspecção natural desejosa de possuir o paraíso, o maior e melhor castelo possível como rainha, ter seu parceiro submisso ao lado e as crias brincando no pátio, como o próton mais neutron na mansão nuclear e os elétrons rodando na periferia, já foi intuída antes por humanos autores da fábula onde Eva atrai Adão para seu tipo de sistema paradisíaco e daí cai entropicamente na Terra. Ou elas se exorcizam disso, e eles se exorcizam disso, ou nossa evolução vai necessitar nova queda, até aprender que o Universo não aprova esta forma extremamente egoísta e obstaculo ‘a evolucao,  de ser.

Imagens cientificas para alterar no Powerpoint

segunda-feira, setembro 10th, 2018

xxxx

https://smart.servier.com/

3000 free medical images

to illustrate your publications and Powerpoint presentations