Cérebro Humano Evoluiu Devido Cozimento do Alimento – Mais Informações Sobre o Cérebro

xxxx

O que ha’ de especial no cérebro humano, que nenhum outro animal tem?

(Nao responda que e’ cabelo penteado pois isto e’ consequência daquela coisa especial. A palestra em video esta legendada em português (clique subtitles e escolha na lista de idiomas), com a excelente qualidade da organização Ted Talks, neste link:

https://www.ted.com/talks/suzana_herculano_houzel_what_is_so_special_about_the_human_brain

A cientista e neurologista Suzana H. Houzel tem uma postura filosófica nas Ciências, o que a induz a notar interessantes detalhes da Natureza que ainda ninguem estudou e isso induz a fazer Ciências, ou seja, pesquisa, experimentos. Suas descobertas e teorias são valiosas.

Algumas das importantes informações:

1) O cérebro consome 25% da energia do corpo, o que obriga os animais inferiores a gastar mais tempo se alimentando ( de 8 a 14 horas por dia), e quando o humano passou a cozinhar o alimento esse tempo decaiu, ate a 1 hora diária de hoje;

Então o grande salto evolutivo do cérebro humano seria impulsionado quando alguem começou a cozinhar um alimento?

2) ” O cerebro humano tem 86 mil milhões de neurónios, 16 mil milhões dos quais estão no córtex cerebral, e se considerarmos que o córtex cerebral é o local de funções como a perceção e a lógica e o raciocínio abstrato, e que esses 16 mil milhões é o máximo de neurónios que qualquer córtex tem, acho que esta é a explicação mais simples para as nossas capacidades cognitivas notáveis. Mas igualmente importante é o que os 86 mil milhões significam. Porque descobrimos que a relação entre o tamanho do cérebro e o seu número de neurónios podia ser descrita matematicamente, podíamos calcular como o cérebro humano seria se fosse feito como o cérebro de um roedor, cujos neuronios são maiores que os nossos. O cérebro de um roedor com 86 mil milhões de neurónios pesaria 36 kg. Isso não é possível. Um cérebro tão grande seria esmagado pelo seu próprio peso, e este cérebro impossível estaria num corpo com 89 toneladas.”

3) 06:45 – Isto traz-nos já a uma conclusão muito importante, que é que nós não somos roedores. O cérebro humano não é um grande cérebro de rato. Comparados com um rato, podemos parecer especiais, sim,mas isso não é uma comparação justa de se fazer, dado que sabemos que não somos roedores. Somos primatas, pelo que a comparação correta é com outros primatas. E aqui, se fizermos as contas,descobrimos que o primata genérico com 86 mil milhões de neurónios teria um cérebro de cerca de 1,2 kg, o que parece mesmo certo, num corpo de cerca de 66 kg, o que no meu caso é exatamente correto,o que nos traz a uma muito pouco surpreendente, mas ainda incrivelmente importante conclusão: eu sou uma primata. E todos vós sois primatas.

 

E Darwin também era. Adoro pensar que Darwin teria realmente apreciado isto. O seu cérebro, como o nosso, foi feito à imagem do cérebro de outros primatas.

4) 12:27 – Então qual é a vantagem humana? O que é que nós temos que nenhum outro animal tem? A minha resposta é que temos o maior número de neurónios no córtex cerebral, e penso que é a explicação mais simples para as nossas notáveis capacidades cognitivas. E o que é que fazemos que nenhum outro animal faz, e que eu acredito ter sido fundamental para permitir-nos atingir aquele grande, o maior número de neurónios no córtex? Em duas palavras, nós cozinhamos. Nenhum outro animal cozinha a sua comida. Só os humanos o fazem. E penso que foi assim que pudemos tornar-nos humanos.

 

Tags: ,