A posicao desidiologica da Matrix/DNA perante evento politico na USP

xxxx

Um auto-exorcizado dos instintos animais que não tem mais ideologias não torce para nenhum dos dois lados nesta ocorrência ( ver artigo e video com links abaixo). Porem, com certeza a USP consome ao menos algum centavo do dinheiro publico, quer dizer, do meu dinheiro. E isto me obriga a entrar na ocorrência. Nao admito que nenhum professor onde meu dinheiro esta sendo consumido desperdice o tempo de aula onde deve ser ensinado apenas a materia especifica, para falar a favor ou contra qualquer ideologia, politica, religiao, minorias, etc. Este professor tem que ser punido com uma suspensão de no minimo 6 meses e uma multa para me devolver o dinheiro gasto.
 
Mas temos tambem que sempre vigiar e criticar onde se expressam os instintos animalescos tendentes a grandes e medios predadores e presas, para elevar a humanidade ‘a sua transcendencia. Ou seja, onde o instinto predador se expressa – como no caso deste debil mental ainda animalizado, com diploma – temos que nos vestir de presa e e usar o discurso da presa para contra-atacar seu discurso; onde o instinto de medio predador se expressa geralmente usando como muleta a ideologia comunista que seria o governo pelas presas, temos que nos vestir de predador e usar o discurso do predador para contra-atacar seu discurso. Entao vamos contra-atacar o discurso deste predador?
 
Simples. Se a escola não expulsa-lo, os alunos devem se retirar da classe quando esse extremado conservador do instinto predador herdado dos animais carnívoros entrar… Eu apenas lhe faria uma pergunta: “Mostre algum calo nas maos, ou prove que alguma vez na vida produzistes algum dos produtos de necessidade básica que consumistes, alem de tudo que voce vampirizou dos pobres, a quem deve sua vida parasitaria, a escola em que ganhastes seu diploma, e até a roupa que vestes pelas quais voce fingiu que pagou escudado na sua gang de parasitas que não pagam o real valor do trabalho produtivo  dos pobres…”
Onde o comentario foi publicado:

Tags: , ,