Genoma do tubarão branco é decodificado – com informacoes para Matrix/DNA

xxxxx

https://www.pnas.org/content/116/10/4446

https://socientifica.com.br/2019/04/20/selecionamos-os-maiores-avancos-cientificos-de-2019-ate-agora/

Em 18 de fevereiro de 2019, cientistas anunciaram que terminaram a decodificar o genoma do tubarão branco (Carcharodon carcharias). Como o maior peixe predador da Terra, o sucesso evolutivo dos tubarões sugere uma riqueza de informações genéticas possíveis, desde o aumento da cicatrização de feridas até uma notável tolerância a danos no DNA. Ao dizer isso, não podemos perder de vista que os tubarões evoluíram do resto do reino animal há 400 milhões de anos, antes mesmo que os primeiros anfíbios aventureiros deixassem os oceanos para terra seca. As adaptações genéticas que esses animais vêm desenvolvendo contidas em seus DNA, que os cientistas agora decodificaram, oferecem muitas possibilidades no mundo da saúde e da medicina. Com toda essa informação genética, revelou o estudo, o grande tubarão branco tem um genoma 1,5 vezes maior do que o de humanos.

PNAS: Sharks show a limited repertoire of olfactory genes but an expanded vomeronasal (VR2) gene family, suggesting an alternative mechanism underlying their vaunted sense of smell. ( Qual pode ser um mecanismo alternativo do olfato comum maritimo?)

The 4.63-Gbp white shark genome contains 24,520 predicted genes, and has a repeat content of 58.5%

 

 

Tags: ,