Centenas de Cientistas Assinam Contra a Teoria Evolucionária de Darwin: Discovery Institute and Intelligent Designer

xxxx

Evolução do Ser Vivo Começando Como um Macaco e Terminando Como um Computador

xxxx

Uma lista foi iniciada em 2001 pelo Discovery Institute convidando cientistas que não concordam em parte ou completamente com a Teoria da Evolução Darwinista. Segundo afirmação do Instituto no website “a lista está crescendo e inclue cientistas da US National Academy of Sciences, Russian, Hungarian e Czech National Academies, assim como tambem de universidades como Yale, Princeton, Stanford, MIT, UC Berkeley, UCLA, UNICAMP, USP, e outras.

A lista pode ser vista fazendo download, e consta, por exemplo, de nomes como:

D.R. Eiras-Stofella Director, Electron Microscopy Center (Ph.D. Molecular Biology) Parana Federal University (Brazil)

Aqui mencionamos alguns principais tópicos e argumentos levantados pelo Instituto e cientistas seguidos de comentários da Matrix/DNA Theory. Veja o artigo em:

DISCOVERY INSTITUTE

http://www.discovery.org/

The Center for Science and Culture

A Scientific Dissent From Darwinism.

http://www.dissentfromdarwin.org/about_prt.php

Uma Dissensão Científica do Darwinismo

“Nós somos céticos das afirmações da capacidade da mutação aleatória e da seleção natural explicarem a complexidade da vida. Um exame cuidadoso da evidência a favor da teoria darwinista deve ser encorajado.”

“Durante décadas recentes, novas evidências científicas de muitas disciplinas científicas como a cosmologia, física, biologia, da pesquisa de “inteligência artificial”, e de outras áreas fez com que os cientistas começassem a questionar o dogma central darwinista da seleção natural e a estudar com mais detalhes a evidência que a apóia.

Mesmo assim, os programas das TVs públicas, os documentos das políticas educacionais, e os livros-texto de ciência têm afirmado que a teoria da evolução de Darwin explica completamente a complexidade das coisas vivas. Ao público tem sido assegurado que toda a evidência conhecida apóia o darwinismo e que virtualmente todo cientista no mundo acredita que a teoria é verdadeira.

Os cientistas nesta lista contestam a primeira afirmação e se levantam como testemunho vivo contradizendo a segunda.

xxxx

Resposta da Matrix/DNA:

A Teoria Darwinista é incompleta mas a Evolução Natural – o corpo humano como resultado da evolução que passou por um ancestral comum a todos os seres vivos – é um fato – segundo nossa Teoria. Quanto às mutações aleatórias não seriam capazes por si só, mesmo com o processo da Seleção Natural, de produzir a evolução verificada. Na quase totalidade das ocorrencias acidentais aleatórias resultam degeneração e não melhoria de uma arquitetura natural qualquer. Porem, uma ocorrência acidental pode ser selecionada e incorporada ao processo evolutivo se for selecionada naturalmente pelo agente responsável pela seleção.

A seleção natural sôbre uma nova mutação é sempre realizada pelo ultimo estado evolutivo da matéria, a qual sempre se constitui num sistema natural maior e/ou mais complexo do que o sistema em que se constitue o mutante. Êste sistema ancestral mas hierarquicamente influente no sistema mutante modela o meio-ambiente que o envolve e se insere na sua carga de informações.

Ora, momentos antes da emergência da matéria orgânica e subsequente origens da Vida na Terra, apenas três tipos de sistemas naturais conhecidos existiam: sistemas atômicos, sistemas estelares e sistemas galácticos. Portanto a unica pergunta lógica e racional a ser feita aqui é:

Haveria algum outro sistema natural que ainda desconhecemos influindo nas fôrças e elementos naturais da superficie terrestre? Se sim, teria que ser extra-terrestre, dado o nível do conhecimento cientifico atual sôbre a matéria terrestre. Se não, o primeiro sistema biológico foi resultado da mutação/evolução de apenas um dos sistemas conhecidos ou de uma convergência ativa e sintetizante de dois ou mais dêstes sistemas?

Supor a existência de um invisivel e distante sistema extra-terrestre apenas se desloca para outro lugar a questão da origem do primeiro sistema biológico na Terra, mas não se pode deslocar a origem do primeiro sistema biológico da proveniência natural da mutação/evolução de um sistema natural existindo anteriormente. E o fato de não se detectar em nenhum momento e fato real qualquer influencia de fôrças desconhecidas que viriam de sistemas desconhecidos sôbre a superficie da Terra, torna essa suposição mais metafisica que cientifica.

O sistema natural conhecido mais evoluido que existia dentre os três sistemas existentes e conhecidos no Universo perceptivel a nós era o sistema galáctico, cuja complexidade já era composta por sete partes, ou sete “peças” diferenciadas entre si. Portanto tal sistema provavelmente foi o agente diretor da seleção natural e o agente causador das mutações que conduziram às mutações para melhor, ou maior complexidade.

Portanto, o próximo passo lógico e racional das Ciência Humanas, na busca de uma explicação para a emergência do primeiro sistema biológico, deve ser a busca nos três sistemas anteriores de propriedades similares às que emergiram com o primeiro sistema biológico. Temos um sólido conhecimento do Sistema Estelar principalmente sintetizado e comprovado na Teoria da Mecânica celeste de Isaac Newton. Tinhamos um aparente sólido conhecimento sos sistemas atômicos antes do advento da Teoria Quântica, portanto o mod6elo teórico do átomo continua a ser refeito à medida que mais se revelam as propriedades ao nível quantico. Estariam então no nível mais micro-cósmico dos sistemas atômicos as propriedades que emergiram ao nível dos sistemas biológicos? É possível, porem os fenômenos até agora observados n6esse nível quantico desaconselham tal hipótese devido seus processos serem evidentemente não organizados ao nivel biológico.

Resta então o sistema galáctico, do qual o sistema solar é um sub-sistema e o planeta Terra é como uma partícula. Mas apesar do avanço das observações astronomicas, da descoberta de sete tipos diferenciados de astros, ainda não se sabe como a galáxia configura-se como sistema natural, não se sabe como as partes se conectam e qual a identidade de sistema que emerge destas conexões.

Enquanto não tiver-mos pleno e final conhecimento dêstes sistemas, não pode haver certezas cientificas sôbre as origens da vida e das fôrças que promoveram a evolução biológica.

Por enquanto existem várias teorias racionais, como a própria teoria darwinista, a teoria do Inteligent Designer ( sendo possível que exista um sistema natural desconhecido e que êste seja inteligente), a Teoria da Matrix/DNA que sugere um mod6elo para os building blocks de galáxias como sistema natural com as propriedades verificadas nos primeiros sistemas biológicos. Porem são teorias, e se uma delas for incluida nos textos dos curriculuns escolares, tôdas as outras baseadas em processos naturais conhecidos “tem” que constar tambem dos textos. Porque o estado atual do conhecimento indica que os próximos passos nessa investigação, alem da continuada pesquisa dos três sistemas naturais mencionados, seja o levantamento de evidências favoraveis pelos estudantes adeptos de qualquer delas. Assim como a busca por fatos reais que elimine definitivamente uma das teorias atuais.

xxxx

Tags: , , , , ,