Posts Tagged ‘autocura’

A Formula Universal, Matrix-DNA, Pode Cometer Erros Contra Si Própria, Corrigidos pelo Mecanismo da Autocura, como o DNA.

quarta-feira, março 29th, 2017

xxxx

Acabei de descobrir que a Matrix/DNA Universal pode cometer erros contra ela própria, e entre outros efeitos disso, indica que de fato existe o livre-arbítrio… ate’ um certo limite, desde a era das partículas, dos átomos, das galaxias…

Mas no código que ela carrega – para produzir sistemas naturais impregnados do ciclo vital – já veio encriptado o mecanismo de autocura, o qual e’ responsável pela entropia, degeneração, auto-reciclagem ou morte, onde ocorre a mutação que elimina o erro e o novo renascimento como uma oportunidade para trilhar o caminho requerido pelo Universo.

Os biólogos já perceberam que o DNA tem a capacidade de corrigir erros nas translações dos genes, mas desconhecem a causa e o mecanismo. Agora sabemos a causa e o mecanismo…

A Matrix errou, quando, por exemplo, saiu da nebulosa de estrelas para se tornar sistemas galácticos fechados em si mesmos, cortando relações com o resto do mundo e assim fechando as suas portas a sua própria evolução. Assim ela existiu por bilhões de anos quando a sutil e sorrateira entropia começou a produzir-lhe as dores do mal funcionamento sistêmico. Ela praticamente morreu como sistema fechado tornando-se sistema aberto na forma de sistemas biológicos, quer dizer, vivos. Erro, experimento do erro, constatação do erro, desespero do erro estar fadado a ser eterno, principio de autocura, morte, queda, caos, mutação, renascimento, como sistema aberto. estudando este processo podemos saber algo do que os biólogos ainda não conseguiram desvendar: como funciona, qual a causa, do mecanismo corretor de erros do DNA.

A origem deste mecanismo e’ ainda mais profunda e se perde nas noites do tempo, ou seja, vai para alem do Universo e do Big Bang. Esta origem vemo-la na onda de luz original emitida junto com o Big Bang – ou vinda antes e produzindo o Big Bang. Ao se expandir na substancia espacial – a dark matter – a onda de luz que tinha encriptado o código para criar sistemas  inclusive os vivos, vai perdendo suas partículas fótons que saem do fluxo central, e quando ela se enfraquece ela se desintegra no resto que ainda existe de fótons. estes fótons começam a fazer o caminho reverso na forma de energia negativa e luz negra. O final sera estes fótons recompor a onda de luz original retornando a fonte de onde veio. Assim a própria luz erra ao se expandir onde não devia, morre, se desintegra, muta, e retorna para renascer da forma correta. Autocura… E como ela retorna impregnada de auto-consciência, podemos dizer que a autocura possibilita a transcendência.