Posts Tagged ‘curriculum’

Curriculuns escolares continuam a induzir os estudantes a danificarem suas vidas, a especie humana e o planeta!

terça-feira, março 6th, 2018

xxxx

No site do BrasilEscola postaram um topico explicando o que e’ macroevolucao. Embutido neste nome e nesta explicacao vai um grande erro que afeta a formacao mental dos estudantes conduzindo-os a continuarem estas erradas interpretacoes do mundo que tanto mal fizeram as anteriores geracoes. Eu nao podia deixar isso passar assim e postei meu comentario no artigo o qual vai copiado abaixo:

Macroevolução

http://brasilescola.uol.com.br/biologia/macroevolucao.htm

E qual o nome da evolucao que iniciou com as particulas no Big Bang e chegou nos sistemas biologicos, ou vivos? Super-macroevolucao? Macro-macro-evolucao? Alguma coisa nao anda bem com estes nomes. E agora surge a Matrix/DNA Theory sugerindo um elo evolucionario entre o ultimo sistema mais evoluido da chamada “evolucao cosmologica”, que teria 10 bilhoes de anos, indo do Big Bang as galaxias, e a “evolucao biologica” iniciando com a primeira celula viva nos ultimos 3,8 bilhoes de anos. Eu apoio porque nao e’ logico crer que a materia estupida deste planetinha perdido na imensidao sideral iria inventar o processo da evolucao, ela deve ser universal, sendo os mecanismos da evolucao biologica uma mera evolucao dos mecanismos da evolucao que ja vinha ocorrendo. Vamos ter que mudar estes nomes pois estes foram criados quando pouco se sabia do universo e a ingenuidade humana ainda se achava o centro do mundo. Como sugere a Matrix/DNA Theory, arbitrariamente separar a evolucao em dois blocos sem nenhuma elo criou-se um abismo entre eles que torna impossivel encontrar uma explicacao natural logica para a emergencia dos sistemas biologicos, e para preencher este abismo so mesmo o pensamento magico imaginando deuses magicos ou acasos absolutos magicos. Esta tudo errado o que significa que esta geracao atual tem nas ciencias bastante trabalho de pesquisa a fazer para consertar isso.

Teoria da Evolução na Escola: Senador na Flórida Quer Prova Científica.

sábado, abril 30th, 2011

Artigo publicado no site-jornal FloridaToday.com …

http://www.floridatoday.com/article/CD/20110413/OPINION01/104130301/Our-Opinion-Evolution-Again–  …diz que o senador Stephen Wise apresentou um projeto de lei recomendando “Uma completa apresentação e critical análise da teoria científica da evolução.”  Claro, a comunidade materialista se levantou em desacôrdo, encabeçada pela NCSE – National Center for Scientific Education, cuja meta principal é ” defending the teaching of evolution in public schools”. Isto porque os materialistas vêm no projeto de lei a intenção de infiltrar a teoria criacionista do Intelligent Designer nas escolas publicas.

Vejamos o artigo (ainda em Inglês e á espera de que alguma alma boa e colaboradora que tenha tempo o traduza), grifando trechos em vermelho que a seguir serão comentados pela cosmovisão da Matriz/DNA
 

Our Opinion: Evolution? Again?
Sen. Wise should give up on this crusade
5:04 PM, Apr. 12, 2011
As Florida entertains starry visions of world class schools and a technologically savvy 21st-century workforce, science plays an ever more important role in the education of our young people.

Our Legislature has implemented improved science standards and it has worked to find ways to gauge how its students are understanding the sciences.

But in the wide world of science — from the creation of galaxies and incredible advances in nanotechnology to the basic introductory studies of botany, biology, chemistry and physics — there’s always the one word that manages to gum up everything. Evolution.

Matriz/DNA: “Mas a própria comunidade cientifica, em suas teorias cientificas, não está obedecendo à crença de que a apalavra Evolução cola tudo entre si, da criação das galáxias à botânica. Pois por exemplo, na Teoria da Abiogênese, a passagem da matéria inanimada para a Vida teria sido um acontecimento fortuíto, não teria obedecido os três postulados básicos da teoria da Evolução: VSI – Variation, Selection,Inheritance. Então por essa teoria a botânica e a biologia, ou seja, a Vida, não está colada pela Evolução ao que existia antes: átomos, planetas, galáxias. Ou tem falhas na Teoria, nêstes três postulados, ou o Senador está certo. Outro caso é a passagem do cérebro do macaco para a auto-consciência. Como a Teoria da Evolução cola os dois?! Por outro lado, a Teoria da Matriz/DNA quando apresenta a fórmula da Matriz/DNA, cola tudo.”

That word is back again this year, in Senate Bill 1854, introduced by state Sen. Stephen Wise, R-Jacksonville. The bill addresses the teaching of the Bill of Rights, the Declaration of Independence, the flag, the Holocaust, even kindness to animals. And, in one fragment, it demands: “A thorough presentation and critical analysis of the scientific theory of evolution.”

There he goes again. Sen. Wise used identical language in a previous bill that failed to become law. It’s almost pitiful, that this is what the deniers of evolution are reduced to. In this country, lawmakers have mandated teaching only the Biblical story of creation. The courts killed it. Then it was creationism. Dead. Intelligent design. Dead. So now it’s a “critical analysis.”

There are several problems here.

First, “a thorough presentation and critical analysis” of any area of science is a career, not a unit in a high-school course.

Matriz/DNA: “Muito Correto”.

Second, how “thorough” do we want this? Should teachers present the theories of the Flying Spaghetti Monster (Pastafarianism), a satirical intelligent design concept that has found great popularity on the Internet?

Finally, why just evolution? Why not invite “critical analysis” of the Holocaust or our basic rights?

This state has big issues to face. It has budget problems measured in the billions. It has teachers rebelling against new ways of grading them and paying them. It has students who aren’t measuring up to their peers in the rest of the world. And we’re going to nitpick about evolution.

Matrix/DNA: “Mas êstes macro-problemas que não apenas o setor educacional mas todos os outros estão enfrentando são causados pela falta de visão das gerações anteriores que não possuíam uma correta visão da realidade do mundo e por isso não fizeram o planejamento adequado. É claro que os seres humanos desde a juventude devem serem ensinados também na filosofia de pensar e analizar os horizontes mais amplos, além do imediatismo.”

As innocuous as this small section of the bill seems, it should be removed. The injection of religion into a scientific theory — which obviously is what SB 1854 seeks to foster — has no place in the public school classroom. Period.

Matrix/DNA: ” O problema é que existem êrros nos textos do material didático atual e equívocos na mente do Senador. Se o senador é criacionista e pretende imiscuir sua religião êle está errado. Mas a teoria do Intelligent Designer tem reais tópicos cientificos, como a irredutível complexidade dos sistemas biológicos à sôpa primordial terrestre composta pelos ingredientes sugeridos pela Ciência, o desenhista inteligente pode ter sido um natural extraterrestre, etc., e acho que ela deve ser mencionada no texto escolar… sem religião. Do Brasil aos Estados Unidos o texto escolar quando vai falar das Teorias do Big Bang,  teorias das origens de galáxias e estrêlas, assim como a Teoria da Evolução, começa corretamente mencionando a palavra “teoria” mas logo a seguir começa a falar em “certeza”, em “verdade cientifica”, tanto que no final do texto a criança acabou doutrinada, ou seja, se esqueceu que se tratam de teorias e não se apercebe que, na verdade, os adultos quase nada sabem disso, está tudo ainda para ser pesquisado. Pronto. Matou-se o livre-pensamento, a liberdade da criança, e tal como os filhos dos fundamentalistas islâmicos, jamais vão ter a capacidade para analizar criticamente o que os adultos lhe passaram. Porque Louis Morelli foi o unico homem informado com o conhecimento moderno cientifico e com o conhecimento antigo religioso que encontrou uma terceira teoria alternativa obedecendo tôdas as leis cientificas comprovadas e ao mesmo tempo deixando uma porta aberta para a existência dos deuses das várias religiões? Porque na selva o homem é doutrinado pela Natureza, e esta é a única escola, a unica Mestra confiável.”