Posts Tagged ‘direita’

A Direita, a Esquerda, e o DNA-Lixo: Como e porque cada um tem uma das três ideologias

domingo, novembro 18th, 2018

xxxx

Humanos se dividem por ideologias, ditas “direita” e “esquerda”. Cada qual acredita que está ao lado da Verdade Última. E sabemos que não sabemos qual e` a Verdade Última, ou se existe mesmo uma. Disso se deduz que ambos estão investindo suas vidas numa aposta, e no escuro. Uma roleta russa.

Sei que nessas alturas tanto os direita como esquerda estarão afirmando que não existe roleta russa, que eles estão no caminho certo porque eles sabem a Verdade. Não, não sabem. São mentes inferiorizadas porque não conseguem em seus raciocínios considerarem as imensidões desconhecidas deste mundo no tempo e no espaço.

Quanto aos não-direitistas (que inclue os ideólogos esquerdistas e a massa neutra), creio ser mais fácil detectar a causa do porque assim o são. Veem e sentem na ideologia direitista os fenômenos do parasitismo, do comensalismo ou predatismo, e da vitima. E` natural que todo humano sinta aversão ao parasitismo e predadorismo porque estes lhes causam as doenças e mortes. Mas tanto os direitistas quanto a grande massa do povo parecem não interessados em atuarem contra estes males que vem da Natureza bruta projetados nos seus sistemas sociais. Assim como muitos humanos aceitam passivamente as doenças, a existência de vírus e bactérias, e ate mesmo as suas tragédias perpetradas por grandes animais predadores – porque acreditam que nada se possa fazer contra elas – assim a grande massa aceita a existência de humanos parasitas e predadores. Conformam-se com o que acreditam que o mundo é e não poderia ser mudado. A falta de uma cosmovisão racional os impede de verem que na Natureza existem os estados de ordem e de caos, que constituem ciclos que se alternam, e que a biosfera deste planeta emergiu do estado de caos, e que e` possível que a inteligencia possa transformar o caos em ordem. Onde não exista parasitismo e predadores. O atraso na vinda dessa cosmovisão racional e` perpetrado pelos predadores da direita quando inventam as religiões sugerindo que o mundo dos humanos e` assim no estado de caos e sempre sera enquanto o estado de ordem vira apenas depois da morte, e as enfiam nos cérebros dessa grande massa.

Mas o que dizer dos esquerdistas militantes por sua ideologia? Vamos pular eles e falar primeiro dos direitistas. O que se passa na cabeça de um direitista quando ele vê os “pobres”? Na minha opinião, não se passa nada de racional. Apenas funciona neste momento a psique modelada por uma carga genética que foi herdada dos antepassados irracionais que fizeram o papel de predadores e nos quais a incipiente psique e conhecida como “instintos animais”. Mas vamos pula-los também por ora para analisar um fenômeno que vai influenciar nossa investigação e ser decisivo na conclusão final. Trata-se de definir antes o que é o DNA para sondar-mos o que não podemos conhecer ainda, ou seja o futuro da evolução desse DNA.

A Ciência teorizou, e creio já existir evidencias suficientes para demonstrar que essa teoria tem substancia real, que o DNA e constituído de uma pequena fracão de genes ativos e uma grande quantidade de material genético inativo. E nos tempos passados deram o nome a essa porcão inativa de DNA lixo.

Sabemos que na Natureza, o individual se projeta a si e suas propriedades, quando constrói o coletivo. Isso vem desde a Física quando átomos individuais se agregam e formam sistemas estelares quase a sua imagem e semelhança, e depois isto se repete no caso dos corais e arrecifes, e até mesmo na embriogênese quando uma célula inicial tem suas organelas imitadas como órgãos do organismo complexo. E no caso do DNA-lixo vemos este mecanismo se repetir em todos os tipos de sistema social que os indivíduos humanos tem construído até agora. No sistema social coletivo, os poucos genes ativos se tornam os ricos dominantes predadores e a grande porcão do DNA-lixo se torna a grande massa dos pobres.

Então creio que ainda é um produto do instinto natural o tipo de fenômeno que acontece na cabeça de um direitista quando vê um pobre. Ele não apenas repete a forma como o leão vê as suas presas – que ele tem que mata-las porque para isso foi feito com caninos, garra e maior força física, e tem o direito adquirido natural de devora-las se tiver fome. Ele não apenas repete esta fase evolutiva no passado mais recente, mas naturalmente, inconscientemente, se torna marionete da Natureza a enxergar o significado oculto na projeção do DNA-lixo sobre o sistema social.

Então creio que talvez inconscientemente, se o direitista tiver esta informação cientifica, imediatamente sua mente vai sugerir a ele que a evolução vai um dia eliminar, descartar totalmente, o DNA-lixo e vai deixar sobrar apenas a porcão elitista dos genes ativos. Somado este instinto inconsciente com o instinto herdado dos animais mais recentes, determina-se assim todo seu comportamento, suas atitudes em cada detalhe da vida, e suas crenças, inclusive mistica e ideológica.

Mas temos um grande problema aqui. Já se vão talvez três bilhões de anos que o DNA-lixo esta colado aos genes ativos e nunca foi eliminado. Então não é racional acreditar que sera’ eliminado. Pode ser e pode não ser, mas a aposta mais racional é que não sera’ eliminado porque por todo o tempo passado nunca foi.

E as mais recentes noticias que vem dos laboratórios de pesquisa é a crescente descoberta de que do DNA-lixo vem sinais, funções que atuam nos comportamentos dos genes ativos, talvez apenas suportando-os ou talvez,… controlando-os. Existe inclusive uma equipe de pesquisadores reunidos num projeto que esta’ se ocupando apenas de estudar o DNA-lixo, é desta equipe que esta vindo estas descobertas. Tanto são os acúmulos das descobertas que automaticamente a comunidade cientifica esta evitando falar em DNA-lixo, pois esta parecendo que não se trata de lixo.

A Matrix/DNA tem uma sugestão. Os grandes trechos do DNA-lixo são de letras repetitivas insinuando que nada significam. Então encontra-se trechos como AAAAAAATTTTTTTTTTT…. repetindo as bases a perder de vista. De onde veio isto, porque o DNA é assim? E` porque o DNA registra a evolução no seu tempo certo, ou seja, os eventos são ordenados na correta sucessão que ocorreram. E acontece que a evolução de uma certa característica forma uma sub-estrutura que sera alocada para um ponto, mas precisa que aquele ponto tenha outra estrutura já pronta. Se a outra demora mais, é preciso no código preencher o tempo de espera, e o DNA faz isso repetindo as bases, dando tempo ao tempo para chegar na hora certa. Um exemplo talvez infeliz que me ocorre agora seria  quando o DNA esta’ construindo o esqueleto ósseo, faz os maxilares e já devia fazer os dentes ósseos porem estes vão depender de raízes e partes molas carnosas, que apenas virão depois. Enquanto a operação do osso espera, tem que ser anotado o tempo no DNA senão ele reinicia com os ósseos em tempo errado. Creio que a repetição das bases para ficar fazendo hora é um grande truque.

Mas a Matrix/DNA tem outra sugestão que é de se ficar arrepiado: os trechos do DNA de longas cadeias repetitivas e que pouco atua nada tem de inútil ou lixo. São os registros de quando o DNA não existia como biológico mas sim era a Matrix eletromagnética ou mecânica astronômica construindo os nossos antepassados sistemas astronômicos. E ali o tempo na escala astronômica e onde as coisas são feitas mais separadas e depois superpostas, é preciso deixar no código estes tempos certos registrados. Como os nossos antepassados – átomos, estrelas, planetas – criaram a base para quando chegasse a vida e suportam a vida, assim é o DNA que parece inativo, as bases e o suporte para os genes ativos. Os sinais e atuações que se observa vindo deles são como as chuvas no planeta que ocorrem necessariamente, ou como a diferença entre o dia e a noite que ordena aos genes ativos quando devem descansar ou atuar. E’ uma sugestão fantástica mas que para mim, faz perfeito sentido. Não vejo como poderia ser de outra forma. Por isso a Natureza nunca o descartou!

Mas como as Ciências não conhecem a Matrix/DNA e jamais acreditaria nessa sugestão, a continuidade da crença em que o DNA tem lixo e` conveniente principalmente para os direitistas se justificarem nas suas ações predatórias contra a grande massa dos pobres.

A minha grande pergunta aqui é se a grande massa dos pobres serão eliminadas naturalmente ou serão dirigidas pela Natureza a romper a divisão entre ela e os ricos gerando um sistema final igualitário? Pois com certeza, o mundo biológico vai mudar do presente estado de caos para o próximo estado de ordem, e esta’ divisão ali não cabe, não se encaixa. No DNA os genes ativos aprenderão a resolver tudo sozinhos sem mais precisar do suporte e talvez controle do ex-DNA-lixo a ponto que a inatividade total dos componentes do ex-DNA-lixo seja finalmente descartada na transmissão hereditária?

Creio que uma inteligencia alienígena, vinda de fora do mundo biológico, não teria uma resposta a esta pergunta. Simplesmente ninguém pode ter certeza de futuro algum e esta inteligencia sairia de fininho lavando as mãos, como quem não tem nada a ver com isso. Mas nos humanos, estamos dentro do mundo biológico, e sabemos que nossas atitudes agora podem interferir no nosso destino, se para melhor ou pior, como esta sendo o presente caso do clima planetário. Me prece que não podemos simplesmente lavar as mãos, vamos ter que estudar esse problema mais a fundo para nos dirigir a uma decisão, a qual sera uma aposta, sujeita a sorte ao asar, que sera determinada pelo futuro. Vou apostar em que o ex-DNA-lixo e a grande massa dos pobres serão eliminados? Ou em que esta divisão entre genes mais ativos, e agora, esta carga genética menos ativa, sera eliminada? Quando entrar-mos no estado de ordem?

Cada um terá que escolher em qual dos 50% de possibilidades vai apostar. Alias, esta escolha já foi feita quando decidimos ser ou direitista, ou esquerdista, ou massa neutra. Os direitistas acreditam piamente que o que consideram ainda “lixo”, vai ser eliminado e com isso se convencem que tem de planejar as coisas para o mundo em que existirão apenas eles, enquanto os esquerdistas se convenceram que a divisão sera rompida e tem que planejar o mundo que sera igualitário, e nesse meio, a massa neutra esta convencida que não se deve quebrar a cabeça com essa questão porque o mundo e` assim e sera ele quem vai decidir contra qual decisão nada podemos fazer.

Existe agora os debates e as vezes confrontos mortais entre direitistas e esquerdistas porque cada qual acredita tanto em sua aposta que quer convencer os opositores a mudarem sua aposta. E como humano, eu não tenho como ficar de fora destas três tendencias, me parece que ninguém tem. A natureza sempre apresenta inicialmente dois extremos conflitantes entre si e uma terceira alternativa que e` o equilíbrio no sistema depois que os dois conflitantes se exauriram. Então a natureza estaria sugerindo que quem esta certo nessa briga e` a massa neutra? Ela vai herdar a Terra depois da guerra? Mas ela realmente representa a terceira alternativa, a do equilíbrio? Qual a terceira alternativa entre eliminar o ex-DNA-lixo, ou eliminar apenas os genes ativos porque são predadores? Seria a de eliminar ambos ou não eliminar nenhum?! Ou ainda, conservar apenas os considerados bons de cada parte, mantendo uma mistura final dos dois?

Não me apraz a ideia de que o DNA inteiro sera eliminado, isto seria a extinção total da vida biológica. Não me apraz a ideia de que não sera’ eliminado nenhum e mantido o estado atual, pois creio que esta’ vindo o estado de ordem que não admitiria essa divisão. Não me apraz a ideia de que os genes ativos seriam os eliminados, pois isto eliminaria a possibilidade de continuar a evolução. Não me apraz a ideia de que o ex-DNA-lixo sera’ eliminado, pois esta hipótese estaria querendo inserir arbitrariamente na Natureza um mecanismo que nunca aconteceu em 3,5 bilhões de anos da existência do DNA.

Apenas me apraz por ora, considerando meus parcos conhecimentos e limites cerebrais, que haverá a normal e comum transcendência de especies, pela qual uma especie atinge seus limites evolutivos sendo transformada numa nova especie mais complexa. E isto significaria que o atual DNA biológico deixara de ser biológico, sera’ transcendido para algo diferente mais complexo. O que, por tabela, implica que os sistemas sociais humanos deixarão de serem sistemas sociais, para serem algo diferente e mais complexo. E aqui minha preferencia é reforçada porque a possibilidade aqui é que não exista mais “sistema” no que se refere ao agrupamento entre humanos, e se não existe sistema, não existe núcleo e periferia, todos são iguais, o tal sistema igualitário final.

Epa… mas dissemos antes que sistema igualitário é a bandeira dos esquerdistas. Não, não é. Mas vamos pular isso agora e vamos trazer outro detalhe influente nesse assunto.

Outro item que esta’ influenciando minha escolha é o resultado final sugerido pela minha teoria cosmovisionária, a Matrix/DNA. Este resultado pode ser definido por:

” O significado universal da existência dos humanos aqui e agora é o de que os humanos executem a função de genes inconscientes de que são genes, e do que estão construindo. E outra auto-projeção do passado no futuro, onde o passado genético se torna presente dos organismos construído por aquela genética. Naquela existiam genes construindo algo sem saberem o que estavam construindo. Mas o que os humanos estão construindo como genes? Um cérebro capacitado a ser a placenta final ótima para gerar uma parte, ou uma característica, da nova forma do sistema universal, denominada de auto-consciência. Assim os humanos são unidos a milhões ou trilhões de outros genes inconscientes que existem espalhados neste Universo, cada qual construindo uma característica especifica do grande embrião final. Nesse sentido, cada humano como um gene, possui, alias ele é, uma informação unica e especifica da característica que todos estão construindo. cada humano é uma mensagem, uma informação pessoal, intima, unica, intransferível e… indestrutível. Porque o Universo esta’ tunelado para esse grande processo genético de reprodução do que o criou, e este tunelamento garante que não pode ser destruída uma informação genética.

Se isto for verdade, se os resultados sugeridos pela Matrix/DNA estiverem corretos de acordo com a realidade final, isto sugere que o futuro nos aguarda com a solução do igualitarismo. Porque todos os oito bilhões de humanos terão que serem livres, capacitados usufruindo dos mesmos recursos materiais, para poderem executar sua missão individual. E em todos os sistemas sociais criados até agora, a grande maioria dos humanos tem sido algemados, proibidos de desenvolverem o cérebro como se necessita. Os direitistas acreditam que o povo “não precisa estudar, pois tem que cavar buraco e apenas isto”. Mas a Natureza não esta’ de acordo, e até agora ela eliminou e continua eliminando todos os grandes predadores que tentam impor num território suas regras, se acomodaram num modelo de vida, se tornaram becos sem saída, fecharam as portas a sua evolução, e foram eliminados, seja por meteoros, por escassez, tragedias climáticas ou ataques viróticos… A Natureza é lenta, espera, porque ela atua na escala astronômica do tempo e não na escala humana, mas executa.

Mas existe um porem… sempre existem os porems…

Isto não explica 50% dos fatos que vemos neste Universo relativos aos fenômenos naturais do lado do mal em relação aos humanos. Na placenta na barriga da minha mãe não existia 50% de genes predadores causando carnificinas sobre outros genes e moléculas (bem… em relação a estas parece que sim, existia), nem 50% de forcas e elementos naturais tentando impedir o bom desenvolvimento do feto. Então a Matrix/DNA ainda não explicou a causa destes 50% do mal, o que é a metade do mundo. Um Universo tunelado para um processo embriogenético não poderia conter  nenhum mal. Apenas o bem.

Alem disso, existe outro processo natural que não casa bem com essa visão cosmovisionária. Me refiro ao fenômeno dos… “ovos botados fora com a prole abandonada a própria sorte”. Num Universo tunelado só deveria existir o processo dos… “ovos mantidos dentro até o nascimento e prosseguindo depois sendo mantidos protegidos ate ao menos sua maturidade”. Mas desde as primeiras bactérias ate os repteis, a evolução produziu os ovos botados fora, de maneira que inclusive algumas destas criaturas como geradoras devoravam os próprios filhotes ao emergirem de dentro dos ovos. De repente algum réptil ( segundo a Ciência teria sido o cinodonte) se condoeu de amores pelos ovos e seus rebentos que resolveu fazer o heroico e torturante, fatal e mortal muitas vezes, sacrifício de manter o máximo possível os ovos dentro, cuja evolução acabou produzindo os mamíferos. Estou trazendo a lembrança deste fenômeno aqui porque isso explicaria aos humanos o porque estão tão fragilizados sujeitos a tantas tragedias lhes ceifando a saúde a e vida, como predadores, parasitas, e tempestades geológicas ou climáticas. Isto esta sugerindo que a Natureza aplica esse mecanismo dividido em duas fases ( primeiro os ovos fora e em seguida, os ovos dentro), toda vez que vai produzir uma nova especie, ou forma de sistema natural. Alias, a Matrix/DNA, no seu modelo teórico astronômico, mostra que essa divisão entre ovos fora e dentro  já existia desde a formação dos sistemas galácticos, e na mesma sequencia, esta é uma lei universal. Se assim for, temos tudo para deduzir que este novo sistema sendo gerado aqui e dentro de nossas cabeças, encontra-se na primeira fase da evolução, somos como ovos botados fora sujeitos a todo tipo de tragedias. Assinando carta aberta para os 50% do mal atuar a vontade sobre nossas costas. Então novamente vem este estranho paradoxo. Mas…

A mesma Matrix/DNA, quando nos dirige na escrita narradora da Historia Natural Universal, relata um episodio em que quando estávamos na forma de um antepassado muito longínquo – mais exatamente na forma de sistema astronômico – cometemos um gravíssimo erro. O qual teria ou criado ou aberto as portas aos 50% do mal. Não vou copiar aqui este longo texto, apenas resumindo, nosso ancestral escolheu a opção proibida de ser um sistema fechado em si mesmo como um paraíso eterno para si, cortando relações com o resto do mundo e fechando as portas `a sua própria evolução,… e do qual herdamos o tal gene egoísta. isto explicaria tudo mas ai traz uma nova questão. Isto implicaria que os genes neste processo de construção possuem a faculdade do livre-arbítrio, ou seja, a capacidade de se desviarem do projeto universal para criarem um embrião diferente. As vezes numa embriogênese resulta algum tipo deformado, de monstro, mas não creio que foi por ação dos genes, e sim por alguma força alheia externa.

Estaria este Universo tunelado inclusive para suportar e conter as imprevisíveis possibilidades de criaturas com livre-arbítrio? este Universo teria sido tunelado para produzir apenas os 50% do bem, mas mantendo oculto como potencial latente, os 50% do mal, e adequado para suportar as investidas deste mal, adequado para suportar os desvios para mundos monstruosos criados pela imprecaução do livre-arbítrio, de maneira que no final estes 50% do mal ativados pelos erros do livre-arbítrio, desapareçam no resultado final em que o mundo final criado pelas criaturas seja exatamente a imagem e semelhança do criador?!!!

Seria uma versão da fabula do filho prodigo. Você esta’ livre para construir e experimentar todos os tipos de mundo que na sua mente acreditar que seja melhor do que o reino de seu pai, e as portas desta casa serão mantidas abertas porque com certeza iras procurar e não iras achar, porque eu procurei no mundo todo também e não achei outra coisa melhor, esta’ é a ultima possibilidade da extrema perfeição, e com certeza construirás um mundo igualzinho a este, onde pensaras que és o deus criador. E um dia sabendo que seus pais existem em outro mundo vai convida-los a sua casa, e sua mãe dirá ao seu pai: “Mas esta é exatamente a nossa casa!”…  E seu pai sorrindo respondera’ ” Deixe nosso filho acreditar que ele criou esta casa, se ele precisa sentir que é Deus e que é o Senhor aqui, nos não precisamos sentir isso, não lhe neguemos sua felicidade”.

Esta’ explicado o porque optei, depois de tantas considerações, a opção do sistema social humano igualitário necessário para que haja a transcendência? E porque temos tantos obstáculos nessa vida? Mas cuidado! Eu particularmente acredito que não tenho nenhuma ideologia, não sou partidário nem da direita, nem da esquerda, nem da base neutra, mas eu não acredito no que meu julgamento conclui sobre mim mesmo. Afinal fiz a escolha de uma aposta, que é diferente de todas as outras apostas existentes, mas é uma aposta e se lhe falo sobre minhas razoes, é porque mesmo inconscientemente eu estou tentando convence-lo a mudar sua aposta. Não o faça sem muito raciocinar antes, posso estar todo errado.

Falta ainda explicar o que se passa na cabeça da esquerda, do porque ela quer um mundo igualitário. Eu penso que não querem o mundo igualitário e vou explicar.

Todos os sistemas sociais humanos criados ate agora nada mais são que mera imitação do sistema ecológico desta biosfera. Tanto nas selvas, quanto nos áreas, quanto nas águas dos rios e oceanos, observamos a mesma divisão do poder por classes de animais. Existem os grandes predadores ( leões, dinossauros,anacondas, nos continentes, aguais nos ares, tubarões nas águas, etc.), os médios predadores (lobos, raposas,bagres, abutres), e existem as presas (ovelhas, coelhos, pombas,etc.).  Pois todos os sistemas sociais – seja o comunismo, a monarquia, o feudalismo, o Egito dos faraós, o capitalismo, etc.) apresentam as mesmas três classes na divisão do poder: a classe oligárquica, a classe media, e a massa dos pobres. Se a massa dos pobres é inerte, acomodada, mentalmente condicionada pela oligarquia, e a classe media é uma especie de capataz da oligarquia, de onde surgem os militantes esquerdistas contra a oligarquia e nisso, contra a classe media? A unica resposta que encontro são mutações genéticas. De dentre as três cargas genéticas ocorrem mutações criando lobos e raposas com tendencia a serem, na vida real, a oligarquia, destronando os leões. Ora, estes lobos não sonham com um sistema igualitário, sua investida é para manter o sistema dividido. Se apresentam um discurso a favor da redenção dos pobres é um esforço em substituir o condicionamento mental pela religião por outro tipo de condicionamento mental que lhes proporcionara’ o apoio das massas na sua luta de conquista.

Já expliquei porque não sou nem direitista nem da classe neutra e agora explico porque não sou também esquerdista. E acho que estas três posições derivam da herança dos instintos animalescos, e o homem sábio deve procurar sempre cada vez mais se distanciar dessa herança vergonhosa, que foi um período triste na evolução porque caímos devido ao erro no antepassado, procurando se auto-exorcizar destes três instintos, somente assim estaremos acessíveis as forças que nos trazem a transcendência dessa especie para algo mais ampliado ao nível cósmico. E uma escolha sofrível porque estimulamos inimigos nas três classes, tendemos a sermos isolados, não pense que é fácil, mas a esperança é que cresça o nosso numero para que possamos ter uma comunidade e alguma força para também participar nos nossos destinos com nossa opção.

 

Como surgiu essa hipocrisia de “direita = bem/esquerda = mal”. Nao seja esquerdista, seja transformador.

domingo, setembro 23rd, 2018

xxxx

Direita x Esquerda, não! E' conservador x transformador

Direita x Esquerda, não! E’ conservador x transformador

Os partidos e movimentos tachados de “esquerdistas”, ou “left”, jamais deveriam mencionar as palavras direita ou esquerda em relacao a politica, economia, sistema social, etc. Muito menos aceitar quando alguem fala estas palavras, para não ser conduzido como marionete a perder no debate e suscitar no publico leigo sentimentos de aversão. O mundo e’ redondo e esta sempre girando, não existe nenhum ponto fixo de referencia para dizer “este lado e’ esquerdo ou direito”, apenas a cultura predadora dominante adotou isso por conveniência, desde os inícios da criacao desta doutrina, como explica este texto:

” Curioso notar que a associação de esquerda/ruim e direita/bom está presente no Oriente médio tanto para árabes como judeus, e impregnou nossa cultura ocidental. O lado direito é mencionado positivamente mais de 100 vezes na Bíblia. Jesus senta à direita do Deus-pai. A esquerda aparece só 25 vezes – e quase sempre negativamente. Isso teve consequências desastrosas na Idade Média: Pela lógica, a Igreja entendeu que a esquerda estava ligada ao Diabo. Durante a Inquisição no século XII e a caça às bruxas organizada pelos protestantes na América no século XVI vários canhotos foram torturados e queimados como bruxos.”

http://www.saindodamatrix.com.br/

Assim de chofre, eu sugiro que estes movimentos sempre contestadores do poder estabelecido, cujos agentes sempre serao, obviamente, conservadores, se chamem de “transformadores”, ( que e’ justo o oposto de conservador), e comecem a impor este nome nos debates ou entao, saiam sem aceitar o debate se insistem em esquerda ou direita. A Natureza e’ transformadora, ela não conserva nada eternamente, assim o transformador se torna o naturalmente certo e o conservador, contra as leis naturais. Os transformadores que tem aceitado a alcunha de esquerdistas tem sido burros…

O fenômeno do dualismo universal infiltrado no inconsciente coletivo na forma das ideologias

sexta-feira, abril 20th, 2018

xxxx

Quando a ideologia fala mais alto que a coerencia

http://cardoseando.blogspot.com.br/2015/12/quando-ideologia-fala-mais-alto-que.html

Excelente texto mostrando o irracionalismo em aderir a ideologias da direita ou da esquerda.

Combate as ideologias de direita, esquerda e centro, expressadas nos debates da Internet

quarta-feira, março 14th, 2018

xxxx

Num texto de teor cientifico, revelando um paper cientifico publicado na Nature, num website divulgador de Ciências, um ideológico direitista sentiu que a revelação e’ perigosa para sua doutrina e entrou com o seguinte comentário:

“Não fala merda, comunista!!!!
Traga estudos internacionais, mais antigos.
Porque estudos recentes são vendidos!!!!!!!!”

Eu então reagi defendendo o autor do artigo respondendo com o seguinte texto, o qual manterei copiado aqui para sempre usa-lo quando estes reacionários intervem na Internet:

 

” Chiiii…, parece que os porcos descobriram este nosso adorado nicho e espaço intelectual e vieram querer transforma-lo no seu chiqueiro também. Por estas palavras se percebe claramente o teor do veneno reptiliano ejectado, a agressividade provinda da fúria de vulcões internos em chamas clamando por violências, tipico dos grandes predadores. Nenhum dado cientifico, nenhum “paper” com informações contraditórias, apenas a costumeira tentativa de distorção do que e’ atividade sublime humana como a busca suprema de conhecimentos pelo valido método naturalista cientifico, por não possuírem-na e não entender que ela possa existir nos outros humanos. Então projetam a sua conservada herança animalesca de instintos primários como a do predador ideológico de “direita” ou presa ideológica de “esquerda”, mas aqui isso não pega porque os residentes aqui já’ se auto-exorcizaram de ambos os instintos. Sua perda de tempo se pensa que seu “noise fanfarrão” vai perturbar nossas altaneiras ondas de comunicação.

Choooo satanás… vai embora daqui pois aqui não tem “instintos de presas covardes e doceis submissas a escravagismos”. Palavras-jargões como “comunismo, capitalismo,e outros ismos” que foram inventadas pela cultura dominante predatória milenar não nos surte efeitos pois aprendemos a desimpregnar os fatos reais de suas coberturas ladinas culturais visando a dominância pelo condicionamento mental das presas, e palavras como “m…” que você lida no dia a dia e a nos torna-se impossível repetir porque se referem aos limos repugnantes da existência, também não funcionam aqui. Procure se auto-exorcizar deste repugnante animalismo ou perderas o bonde da transcendência em que estamos a bordo, como aconteceu com todos os grandes predadores sendo extintos por se tornarem becos sem saída…

E o segundo comentario:

Mas porque esta ridícula repetição do ponto de exclamação? Na sua mente distorcida você acredita que isto passa a impressão de voz gritante e potente revelando autoridade? Ja não usam mais os textos inteiros com letras maiúsculas naquela flagrante falta de educação e civismo? Mas aqui ninguém teme e aceita gritos, nos expulsamos para fora. Admiramos vozes que expressam conhecimento citando fatos naturais reais comprovados ou inteligentes conceitos sobre estes fatos, expressados civilizadamente. Provavelmente deves aderir ao uso daquele pedaço de pano inútil colorido que chamam de gravata adornando feministicamente o pescoço de quem deveria ser macho mas que e’ acreditado como sendo simbolo de autoridade e dominação. Ora, aqui não tem o povão/presa que vocês lidam la’ fora, entrastes na porta errada. Ouviu!!!!!!!?????

E o terceiro comentario:

“Não fala merda, comunista!!!!
Traga estudos internacionais, mais antigos.
Porque estudos recentes são vendidos!!!!!!!!”

Louis Morelli, em Mar/14/18

Observem no comentário de Alexandre de Brito como funciona a estrategia da patrulha ideológica da cultura milenar iniciada pelos trogloditas com maior força física impondo sua voz em volta da fogueira nas cavernas. A sua psique primitiva crente em que nasceram mais fortes por terem sido escolhidos por alguma força sobrenatural e vendo que nestas narrativas impressionavam os mais fracos, os conduziram a escrever os grandes livros lendários das grandes religiões para manter o condicionamento mental das presas e ordem nos seus territórios. Mas quando novas descobertas impossíveis de serem ocultadas vão contra seus textos sagrados, e mentiras defendidas a longo tempo, sutilmente re-interpretam os textos realçando outras passagens que podem ser torcidas para se ajustarem `as novidades. Assim, neste continuar doutrinador, agora são obrigados a lidarem com as descobertas cientificas e sua grande escritura que e’ a coleção de papers encriptados nos jornais de cada disciplina. Mas quando uma novidade descoberta se revela como ameaça `a sua estrategia doutrinadora, novamente rebaixam textos para selecionarem os que lhes convêm. Assim quando uma novidade não lhes convêm e’ … como disse o Alexandre?… e’ uma matéria de “estudos recentes são vendidos” enquanto os papers que lhes interessam são propagandeados como ” estudos internacionais mais antigos”. Não e’ o cumulo da burrice acreditar que nos aqui caímos nessa? A nos nao interessa se este estudo favorece homossexuais socialmente e desfavorece a interesseira monogamia imposta pelo sistema para manter os escravos trabalhando, o que nos interessa e’ o que a Ciência descobre de revelador sobre os objetos que Ela investiga na mesa do laboratorio. Essa interferência dos instintos baixos humanos na comunicação cientifica, apesar de estar espalhada por toda Internet pela patrulha ideológica, não vai funcionar, eles se esqueceram que os outros humanos evoluem.