Posts Tagged ‘galaxia’

As dimensões da galaxia e do Universo, inimaginaveis! A probabilidade de vida lá fora.

domingo, abril 14th, 2019

xxxx

A via láctea tem 100 mil anos luz de diâmetro – e isso é algo muito, mas muito grande!- e existem cerca de 250 bilhões de estrelas como o sol apenas dentro dela, cada uma com alguns planetas em suas órbitas! Astrônomos afirmam que o número de galáxias conhecidas no universo chegue a 150 bilhões!!!! Agora, multiplique 150 bilhões por 250 bilhões, e multiplique o resultado por 5 , que é uma média conservadora de planetas que orbita cada estrela, e diante da magnitude assustadora da quantidade de planetas conhecidos no universo, você não terá nenhuma dificuldade em chegar a brilhante conclusão de que, delirante não é quem acredita em vida inteligente extraterrestre, mas precisamente quem não credita!

Somos micróbios e nosso sistema solar e um grão de areia. E micróbios não tem cerebros capacitados sequer para pensarem boas teorias sobre a existencia de humanos.

E não se esqueça que apenas vemos a materia iluminada por apenas uma das sete faixas da onda de luz. Entao é possivel que ao nosso lado e talvez compartilhando o mesmo espaco existam ao minimo mais 6 universos, seis dimensoes diferentes das quais não podemos fazer a minima ideia.

Matar, morrer, ferir, tentar impor, ter ideologia e ser radical nela, baseando-se numa visao de mundo, com fé que esta é a Verdade Ultima, é o mais absurdo desvio de um cérebro.

Circuito sistêmico de galaxia pela ciência oficial – Comparação com Matrix/DNA

domingo, março 31st, 2019

 

xxxxx

Temos na primeira figura o modelo teórico do circuito vital de uma galaxia da Teoria Cientifica. Nas segunda e terceira figuras, a formula da Matrix/DNA e o modelo teórico do building block das galaxias. Ocorreu a mudança de uma primeira galaxia primitiva formada por simbiose para galaxias de segunda geração formadas por auto-reciclagem. Pesquisar as diferenças e localizar quem e quem nas duas figuras.

Vamos ter que responder muitas perguntas sobre o modelo cientifico.

  1. Qual tipo de astro observado denominam de supernova? Supernova por definição seria o tipo de estrela mais nova de todas? Teria então a menos nova? Como e quando viram um astro explodir? Tem fotos, filmes? Ou dizem que “quando vemos tal situação e porque uma supernova explodiu…” não pode ser aceitável porque o fato real que tem e a situação, agora, senão se viu diretamente a causa da situação, qualquer causa sera teórica, sujeita a comprovação.
  2. Notar que o buraco negro e o fim do circuito. Então o que acontece com um buraco negro como fim do circuito? Sera eternizado infinitamente naquela forma ou vai mudar ou vai desaparecer? O que foi observado? Se nunca se observou o destino do buraco negro o que se tem não e fato cientifico, e sim teoria.
  3. Diz no modelo que se a supernova tem massa acima do limite vira buraco negro. Mas o que determina qual o limite de massa? Quando foi observado uma massa acima do limite, ou abaixo, virando buraco negro ?

galaxia circuito sistemico pela Ciencia 6E o desenho do circuito do fluxo interno de informação da fórmula da Matrix/DNA na sua versão de sistema perfeito fechado, na forma de diagrama de software

 

Matrix/DNA: O template para todos os sistemas naturais, de átomos a nucleotideos a galáxias e células. O circuíto energético padrão.

Matrix/DNA: O template para todos os sistemas naturais, de átomos a nucleotideos a galáxias e células. O circuíto energético padrão.

 

 

No céu, o espermatozoide também nada na direção do óvulo!

sábado, fevereiro 2nd, 2019

xxxx

Photo

,,, este quadro me lembra a incrível semelhança entre o mecanismo da fertilização no céu que da’ origem a uma nova estrela e o processo da fertilização que da origem a um novo humano. Mas apenas descobri isso porque a pesquisa me tinha sugerido que o elo intermediário entre a galaxia e o homem, a primeira célula viva também apresenta o mesmo processo envolvendo RNA, nucléolo, e DNA. Um pulsar com um gigantesco (e duro, de ferro) vulcão lembrando a genitália masculina emite um bólido de magma que ao cair no espaço sideral adquire a forma de cometa (a forma do espermatozoide). Caindo na linha espiral galáctica o cometa e dirigido em queda ao centro da galaxia onde existe uma bela e luminosa quasar, lembrando a beleza feminina.

No núcleo da galaxia, depois que o cometa passa o horizonte de eventos que se constitui no corpo da quasar, ele adentra um vórtice nuclear, representando a genitália feminina. Onde fica a rodopiar a ate ser fragmentado liberando a energia do magma que se mistura com a poeira estelar dentro do vórtice. Essa mistura de massa e energia se torna outro bólido que é expelido para a espiral galaxia agora fazendo o caminho inverso. Enquanto se distancia o germe de massa incandescente e coberta com camadas de poeira do horizonte de eventos, camadas que vão se tornaram as placas tectônicas tornando-se num planeta… e depois segue tornando-se o macho pulsar que depois na senilidade irrompe como uma estrela… O que significa que no centro da galaxia foi gerada uma nova estrela! Tudo igual! Se este meu modelo astronômico teórico estiver correto – já existe mutias evidencias que assim sugerem – descobrimos uma das maiores maravilhas da natureza… alem de aprendermos um novo significado para nossa existência.

Mas no céu também tem percalços, problemas. Se o pulsar volta-se de costas para o sistema, que e sua moradia, de costas para a quasar e ejacula… digo… emite o magma na direção oposta, para fora do sistema, ou este cometa se perdera’ no espaço como estes que passam por aqui, ou chegara numa outra quasar em outra galaxia… Traição! Por isso os homens são como são, esta’ na nossa natureza herdada dos céus… Mas com a consciência temos que mudar instintos que vieram dos ancestrais primitivos.  Afinal é isto que produz a diversificação de formas das galaxias, senão seriam todas exatamente iguais., pois como notastes, as galaxias são hermafroditas..  Por isso a primeira célula viva na Terra, era hermafrodita: linhagem paternal evolutiva direta! O mundo fica cada vez mais fascinante `a medida que vamos descobrindo seus segredos íntimos. Senão existe na natureza este mecanismo de emitir óvulos e esperma no espaço sideral, os peixes primitivos não teriam existido pois fazem a mesma coisa emitindo tudo ao léu na água do oceano. Incrível como se encontram e se fecundam!

Veja como isso acontece no céu por este desenho rude que desenhei sobre os joelhos com lápis e papel de embrulhar pão na selva amazônica, limpando o suor da face e enxotando aqueles vampirinhos piuns e carapanãs que me sugavam o sangue a ponto de queimar a pele… Mas valeu… a selva me torturou mas deu o maior tesouro do mundo… uma evolução no conhecimento… se eu acertei, ou ao menos um sonho lindo… se errei… Apenas o tempo com o  avanço da Ciência e Tecnologia nos poderá  dizer.

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Sistema-Elo Entre os Sistemas Naturais Não-Vivos e os Sistemas Biológicos

Human and Earth Life Cycle by MatrixDNA

Human and Earth Life Cycle by MatrixDNA

Cresce no mundo cientifico a intuição de que a derrota para as grandes doenças se deve a um erro na visão acadêmica do mundo. E a minha diferente visão do mundo esta sugerindo outra estrategia de combate. Veja aqui.

sábado, fevereiro 2nd, 2019

xxxxx

E’ preciso lembrar que esta e uma questão fundamental para a humanidade agora, uma questão de vida e morte: dependemos do conhecimento correto para eliminar estas doenças milenares que continuam nos torturando e matando aos milhões.

O trecho a seguir foi inspirado na seguinte frase que obtive no trailler do documentário:

Atacando um  tigre pelas costas

(Os correntes dogmas da biologia são: que a vida e mecanicista e nos somos predeterminados pelos nossos genes, e como estes dogmas são disseminados através da mídia e as instituições dominantes. A questão a ser perguntada é : ” E se o nosso fundamental conhecimento do funcionamento da vida estiver errado?”

(” On the back of an tiger”

” The current dogmas of biology: that life is mechanistic and we are predetermined by our genes, and how all this is disseminated­ through the media and establishment. The question is then asked:

What if our fundamental knowledge of the workings of life is wrong?)

http://perceivethinkact.com/

Um indicio de que o dogma reducionista não deve ser apropriado é o seguinte…

Um paciente entra no consultório do medico e desfila uma lista de sintomas: falta de apetite,desanimo, suor frio, desinteresse sexual, depressão, etc. O medico houve tudo aquilo e reduz a uma solução simples, receitando uma droga feita de serotonina, uma substancia neurotransmissora. Na maioria dos casos o paciente termina com a erupção de algo realmente grave, como um Alzheimer, um câncer, etc. Isto não esta’ funcionando.

Pelo paradigma da Matrix/DNA e corpo humano é um sistema natural, e complexo, mas este sistema é configurado ‘a imagem e semelhança da mesma formula do building block do código genético. Como sabemos que o organismo inteiro foi construído por aqueles buildings blocks, não é surpresa que o corpo todo imite o building block, pois o organismo é uma auto-projeção ampliada do seu criador. O corpo-sistema apresenta seis ou sete órgãos principais, cada qual com uma função especifica, os quais imitam cada uma das seis ou sete moléculas e suas funções especificas no building block genético, isto o que encontrei no desenvolvimento desta teoria.

Mas acontece que na Matrix/DNA – apesar de buscarmos conhecer todos os dados obtidos pelo método reducionista, que desvendou o corpo internamente ao nível molecular, nos adicionamos o paradigma sistêmico. Então, nos olhamos para um corpo humano e tentamos desenhar mentalmente o que é invisível, as sinapses dos fios de conexões que saem do corpo e entram no ambiente externo, e o inverso, as conexões, influencias, do meio externo sobre o organismo. E acontece que a Matrix/DNA esta’ sugerindo que o ecossistema que nos envolve tem uma configuração, um circuito sistêmico de interações, cuja imagem e funcionamento é exatamente a imagem e funcionamento da mesma formula que esta na estrutura do corpo todo conectando órgãos e substancias, e esta no seu nível microscópico molecular, o mesmo building block do DNA. E assim suspeitamos que qualquer variação na configuração do corpo-sistema, que cause um desvio ou uma interrupção ou um ponto de carga congestionado, tira o corpo organismo da sintonia, da mesma vibração e funcionamento dos sistemas microscópicos e macroscópico ambiental. Ai estaria a causa destas doenças mortais como câncer, Alzheimer, e por isso os sintomas são muitos pois a formula do sistema modelando o meio-ambiente tem muitas características, e bastante complexa. Um ponto de disfunção no circuito de um sistema, perturba o fluir no circuito do sistema todo e pode leva-lo a se desintegrar totalmente.

Então o que estaria causando estas doenças seria mais algum tipo de comportamento irregular do ser humano, seja mal habito alimentar, seja algum vicio ou algum elemento químico no alimento, no ar, ou uma soma de varias irregularidades. Elas surgiriam da distorção no circuito sistêmico do corpo, ou no circuito sistêmico do meio-ambiente, ou ambos. Como tenho a formula sobre a qual esta construída a biosfera terrestre e o organismo humano, se desenvolver-mos os instrumentos de medição e observação adequados, mais especializados na captação de fótons e suas networks, iniciaremos uma nova abordagem cientifica que pode nos levar a vitoria.

Mesmo sem os recursos tecnológicos, já estou prevendo com algumas intuições alguns aspectos do planeta com essa biosfera, modelados pela formula, que pode lhes dar uma ideia do nível de grandeza que estamos entrando. Por exemplo, a crosta terrosa foi sendo modificada assim como internamente vão sendo modificados os tecidos e Órgãos de um feto humano, e se no final o organismo tem seis a sete órgãos com funções especificas, o planeta também acabou se configurando com sete ilhas-continentes, cada uma com características sutis inclusive a nível de campo magnético. Porque? Uma mesma e unica formula modela astronomia, biosfera e biologia. Para o berço de um exemplar individual humano a formula construiu a placenta que tem sua imagem de pera com um cabilho que são os tubos de nutrientes adentrando a placenta; depois , com a evolução, para construir o berço do coletivo destes indivíduos, ou seja, a humanidade, a formula modelou os continentes na forma de pera tendo como cabilho as foz dos grandes rios que adentram os continentes deflagrando a produção dos nutrientes. E assim vai, podemos vencer estas doenças malignas que tento tem torturados nossos irmãos e irmãs em especie, ou ao menos avançar com a nova estrategia ao mesmo tempo que vamos conhecer mais do mundo a nossa volta o que poderá nos servir para tratar de uma nova doença fatal e gigantesca, que não afeta o individual mais vem para afetar o coletivo total, que e a doença no planeta e sua biosfera, a mudança climática.

Mas enquanto tudo isto estiver apenas na minha cabeça e eu estiver sozinho e sem os recursos técnicos, resta-me continuar assistindo a carnificina e ver diminuir nossas esperanças de que venhamos a vencer as batalhas finais.

 

 

A Via Láctea colidiu com outra galaxia justo quando houve aqui a Cambian Explosion?

terça-feira, outubro 9th, 2018

xxxx

Milky Way nearly collided with a smaller galaxy in cosmic fender bender

In a contest between our galaxy and the Sagittarius dwarf, the winner is clear… unless you were an unlucky star.

http://www.astronomy.com/news/2018/09/milky-way-nearly-collided-with-a-smaller-galaxy-in-cosmic-fender-bender

Matrix/DNA comment: (posted on reddit at 10/09/18)

Matrix/DNA astronomic models suggests this is possible. The seeds for life are spreaded by the building blocks of galaxies. A new galaxy must have different building blocks which means different seeds, which could be the increase in diversity. A far away hypothesis, but it is possible.

ESAGaiaMilkyWay

Matrix/DNA: A Via Láctea colidiu com outra galaxia justo quando houve aqui a Cambiam Explosion?

 

Galaxia com gas da periferia colapsando para o nucleo, evidencia para os modelos da Matrix/DNA

domingo, setembro 30th, 2018

xxxx

https://en.wikipedia.org/wiki/Cyclic_group#/media/File:Hubble2005-01-barred-spiral-galaxy-NGC1300.jpg

Hubble2005-01-barred-spiral-galaxy-NGC1300.jpg

Barred spiral galaxy NGC 1300 photographed by Hubble telescope. In the core of the larger spiral structure of NGC 1300, the nucleus shows its own extraordinary and distinct “grand-design” spiral structure that is about 3,300 light-years (1 kiloparsec) long. Only galaxies with large-scale bars appear to have these grand-design inner disks — a spiral within a spiral. Models suggest that the gas in a bar can be funneled inwards, and then spiral into the center through the grand-design disk, where it can potentially fuel a central black hole. NGC 1300 is not known to have an active nucleus, however, indicating either that there is no black hole, or that it is not accreting matter. The image was constructed from exposures taken in September 2004 by the Advanced Camera for Surveys onboard Hubble in four filters. Starlight and dust are seen in blue, visible, and infrared light. Bright star clusters are highlighted in red by their associated emission from glowing hydrogen gas. Due to the galaxy’s large size, two adjacent pointings of the telescope were necessary to cover the extent of the spiral arms. The galaxy lies roughly 69 million light-years away (21 megaparsecs) in the direction of the constellation Eridanus.

xxxx

Pelos modelos teóricos da Matrix/DNA, os building blocks dos sistemas astronomicos, quando atingem a ultima metade da vida, tem sua periferia colapsando internamente na direcao do centro, ou nucleo. Como esta constatado nesta galáxia. Resta saber se:

  • as propriedades do building block se projetam como propriedades das galaxias. Provavelmente sim, haja visto que num caso similar, as propriedades da celula original se auto-projetam como propriedades do organismo.
  • Se esta galáxia e’ de primeira ou segunda geracao. Na segunda geracao o processo de formacao e’ diferente da primeira, assim como todas as celulas posteriores tiveram formacao por um processo diferente da celula original.
  • Se tem uma espiral dentro da outra pode ser uma extensão evolucionaria do aspecto também sugerido pelo modelos da formacao de particulas nas origens do Universo em que as particulas surgem como turbilhoes em dois grupos – um girando a direita e outro a esquerda – e com sua propagação se tornam dois vortices, um crescendo a partir de um ponto e o outro decrescendo a partir da aureola externa para se tornar um ponto. Assim, talvez esta galáxia seja resultado ou da fusão de duas galaxias ou ela esta sedimentando os dois tempos de formacao num so tempo.

Luz Ilusória: Eu estou vendo galaxias, ou gases, ou poeira?

terça-feira, agosto 28th, 2018

xxxxx

Se o Universo for uma especie de maquina, ou de organismo, ou alguma coisa entre os dois, nos ainda não temos tecnologia para descobri-lo. O Universo pode ainda não ser um sistema na sua totalidade, mas sim um aglomerado de sistemas, então estas maquinas ou organismos poderiam ser suas galaxias, constelações, etc. Lembre-se sempre que, em relacao ao Universo,  nos somos como aquelas pequeninas partículas dentro de átomos ( nosso sistema solar) dentro de células ( a nossa galaxia Via Láctea),  que apontássemos nossas lentes para o ambiente ao nosso redor dentro do corpo humano ( o nosso Universo), e veríamos o pâncreas, o figado, apenas como nuvens de gases e poeira, os prótons de outros átomos seriam nossas estrelas, etc. Jamais estas partículas poderiam sequer imaginar que estão dentro desta coisa chamada de organismo, ou corpo humano. Da mesma forma, é insano e irracional escolher qualquer teoria ou hipótese sobre o Universo como certa.

Então quando ouvires ou ler estes arrogantes e pobres humanos que existem aos montes na Internet dizendo que tem certeza que o Universo começou com um Big Bang, ou “que já sabemos como funciona este Universo”, não se deixe iludir, ninguém sabe nada, ainda, mas nunca deixe de ver, seguir, as imagens e real dados que estão sendo divulgados dia a dia, pois isto em muito nos ajuda na evolução mental, a ser melhores humanos mais sintonizados com as verdades da Natureza que não começa nem termina neste planeta e sim, Ela é o Universo inteiro, ampliando nossos horizontes mentais. As informações abaixo ajudam-nos a entender o quão pouco ainda temos de tecnologia e conhecimento desse imenso Universo que ha’ apenas um século começamos a ver que existe alem da nossa galaxia, alem de melhor informar os amadores a astrônomos que tem telescópios em casa. ( texto obtido em:

https://www.zooniverse.org/projects/zookeeper/galaxy-zoo/talk/1268/570127?comment=944770

Galaxias são feitas de bilhões de estrelas. Estrelas brilham, então nos as vemos pela luz que emitem. Galaxias estão muito distantes e por isso nos não podemos ver suas individuais estrelas. Nos apenas vemos agrupamentos de estrelas num brilho só. As cores são misturas de branco-azulado, branco ou avermelhado, como na imagem abaixo:

not gas but stars

Existem bilhões de estrelas nesta galaxia

Veja em: https://www.zooniverse.org/projects/zookeeper/galaxy-zoo/talk/subjects/20284233

“Gas”

Existe gás em galaxias, a maioria são gases constituídos de hidrogênio ou gases de oxigênio. Gás não brilha, então nos não podemos ver gases em nossas imagens obtidas pelos telescópios. Se uma galaxia esta’ muito distante ela parece uma nebulosa, mas ainda são estrelas que estamos vendo, e não nuvens de gás. Ocasionalmente a luz ultravioleta ou Raios-X pode brilhar no gás de hidrogênio e fazer o gás iluminar como uma lampada fluorescente, e emitir luz em agradáveis cores de azul escuro, azul claro, verde ou vermelho.

voorwerpje Vermelho é gás de hidrogênio aquecido, branco são estrelas. Esta galaxia é identificada como 1237668348137177128
( ver mais em:

(https://www.zooniverse.org/projects/zookeeper/galaxy-zoo/talk/1269/582784?comment=967386)

“Poeira estelar” e plano ou disco de poeira

Poeira significa pequenas moléculas. Poeira não brilha, mas nos podemos ver seus locais e posições quando ela bloqueia a luz de uma galaxia atras dela.

Example Alt Text Disco de poeira com uma galaxia atras.

Ver mais em: https://www.zooniverse.org/projects/zookeeper/galaxy-zoo/talk/subjects/20283682

Centro da Via Láctea: mais recente imagem artística obtida. Buraco Negro ou Olho do Turbilhão?

quinta-feira, agosto 2nd, 2018

xxxx

Estonteante imagem mostra a visão mais clara já feita do centro da Via Láctea

“A imagem incrível foi criada a partir das observações do novo rádiotelescópio MeerKAT, na África do Sul. Seus 64 pratos coletam ondas de rádio de todo o universo, usadas neste caso para construir um retrato… Não podemos observar Sagitário A* em luz visível, porque ele está envolto em espessas nuvens de poeira e gás. Com a tecnologia um radiotelescópio deste porte, no entanto, os cientistas conseguem espiar através da poeira… “O centro da galáxia era um alvo óbvio: único, visualmente impressionante e cheio de fenômenos inexplicáveis – mas também notoriamente difícil de fotografar usando radiotelescópios”…

Essa imagem inclui filamentos perto do próprio buraco negro, que não aparecem em nenhum outro lugar da nossa galáxia. Esses filamentos são longos, estreitos e magnetizados. Sua origem é um mistério…”

xxxx

Pesquisa: Radiotelescopio

Wikipedia: Contrastando com um telescópio óptico, que produz imagens a partir da luz visível, um radiotelescópio observa as ondas de rádio emitidas por fontes de rádio, normalmente através de uma ou um conjunto de antenas parabólicas de grandes dimensões.

… Muitos dos corpos celestes, como os pulsares ou galáxias ativas (como os quasares), produzem radiação em radiofrequência e são, portanto, observáveis na região rádio do espectro electromagnético.

… Radio telescopes are the main observing instrument used in radio astronomy, which studies the radio frequency portion of the electromagnetic spectrum emitted by astronomical objects, just as optical telescopes are the main observing instrument used in traditional optical astronomy which studies the light wave portion of the spectrum coming from astronomical objects.

… Since astronomical radio sources such as planets, stars, nebulas and galaxies are very far away, the radio waves coming from them are extremely weak, so radio telescopes require very large antennas to collect enough radio energy to study them, and extremely sensitive receiving equipment. Radio observatories are preferentially located far from major centers of population to avoid electromagnetic interference (EMI) from radio, television, radar, motor vehicles, and other manmade electronic devices.

Via Lactea: espaco cheio de poeira baseada em carbono

quinta-feira, junho 28th, 2018

xxxx

Milky Way is full of ‘space ‎graxa‎,’ study finds 

https://www.msn.com/en-us/news/technology/milky-way-is-full-of-space-grease-study-finds/ar-AAzgB4t?ocid=spartanntp

Na Matrix/DNA encontramos a explicacao do porque o carbono foi selecionado como atomo basico para compor os corpos vivos: e’ o atomo mail fiel como copia da formula da Matrix/DNA. O presente estudo neste artigo inclusive relaciona o carbono com materiais organicos e origens da vida.   Agora esta informacao de que este atomo ‘e um dos principais components do espaco galactico nos leva a suspeitar que tambem entendemos porque e como os sistemas galacticos foram formados: a mesma formula. Mas isto siginificaria que o carbono foi produzido antes das origens da galaxia. Sendo um atomo leve, gasoso, nao seria surpresa.

Scientists have found heavily abundant 'space grease', or aliphatic carbon, in space.

© D. Young Scientists have found heavily abundant ‘space grease’, or aliphatic carbon, in space.

Campo magnetico das galaxias: Importante na busca de entendimento do Universo

terça-feira, agosto 29th, 2017

xxxx

(Este artigo tem muitas novas informações sobre campo magnetico, portanto devera ser traduzido e analizado pela Matrix/DNA. Abaixo meu comentario postado no artigo)

https://www.seeker.com/space/astronomy/magnetic-field-5-billion-light-years-away-offers-insight-into-our-universe

Magnetic Field 5 Billion Light-Years Away Offers Insight Into Our Universe

The most distant galactic magnetic field that has ever been observed provides intriguing clues about the evolution of magnetism in the unfolding universe.