Posts Tagged ‘homosexualismo’

“Estou presa dentro de um corpo errado. E pensando que esta tortura sera’ por toda a minha vida, nao vou mante-la, prefiro matar esse corpo agora”

domingo, março 18th, 2018

xxxx

https://www.msn.com/en-us/news/us/dear-mommy-i-am-so-sorry-to-do-this-but-i-have-killed-myself-a-transitioning-teens-tale/ar-BBKdtpT?li=BBmkt5R&ocid=spartanntp

Eric Peter Verbeeck, 17, a Key Biscayne honors student, was in the process of transitioning to a girl named Hope. After her March 6 suicide, her mother, Patricia McKay Verbeeck, has a message to other parents of children with sexual identity issues: "Don't slam the door. Expand your hearts."

Existem humanos que amargam e odeiam a sua existencia e a existencia do mundo deste jeito. Querem entao mudar isso, urgente. Mas ao sondar o que poderiam fazer para essa mudanca, descobrem que nao tem como, nao existem alternativas, pois em todos os casos concluem que sao fracos e as forcas inimigas sao mais fortes. Entao vem a ultima alternative: o suicidio. Isto porque entendem que sao uma personalidade diferente da material de seu corpo, que sao separados do corpo, porem, estao aprisionados dentro do corpo que e’ o seu algoz. Suicidio significa matar o corpo para libertar o “eu”.

Se acabei de generalizar num conceito o assunto, sabemos que ele desdobra em muitos casos derivados. Um desses casos derivados do conceito com algumas diferencas e’ justamente o meu caso. tenho a crenca de que nasci num mundo errado, no tempo evolucionario errado, numa familia e casa errada, tudo errado. Mas se a alternative do suicidio tem sido pensada `as vezes – quando a coisa se torna mais insuportavel – eu prefiro a alternativa de lutar com esse corpo errado para tentar consertar o mundo errado, mesmo sabendo que isso tomaria um tempo maior que o tempo da minha vida, mas como um ideal altruistico, isso ficaria de beneficio para os herdeiros.

E agora me deparo com uma noticia – que alias foi a inspiradora deste novo assunto – onde um jovem nascido como homem, de um corpo saudavel e numa familia milionaria que satisfez todas suas vontades nos limites permitidos ao dinheiro, mas com o problema de sentir sexualmente oposto, se suicidou aos 17 anos, deixando uma frase:

“Estou presa dentro de um corpo errado. E pensando que esta tortura sera’ por toda a minha vida, nao vou mante-la, prefiro matar esse corpo agora”

Bem, isso de fato aconteceu e parece estar acontecendo cerca de 1.300 suicidios anuais pela mesma causa, a qual ainda e’ um misterio. Como a causa e’ mais um prejuizo, uma inimiga da Humanidade, Claro que temos de procura-la para elimina-la mesmo que com isso tenhamos que sacrificar algum dos habitos do nosso bem-estar. Entao vamos citar algumas das causas suspeitas ate agora:

– Ao ler a noticia e saber que o ou a jovem viveu numa casa milionaria com uma familia que sempre lhe foi servil,  o primeiro julgamento que me vem como impulse e’: extreme egoism levado a um extreme narcisismo com uma grande dose de heranca do instinto sexual animal com um mente vazia sem nenhuma ideal de transcendencia. Pois ele/ela tinha tudo na vida apenas com um problema de necessidades sexuais inpossiveis de satisfazer. E nao consigo entender/aceitar que um humano coloque sexo como a prioridade em sua vida, e foi o que ele/ela fez. Portanto concluo que o ser era um profundo buraco negro de egoismo, ou egotismo, nao cabendo ali nada que seja relative `a busca de transcendencia desse estado de ser. Entao, a causa seria a mente vazia de um ideal que transcenda o estado do ser;

– Hormonios no gado. O elevado consumo de carne geneticamente modificada pode ser um dos motivos do transgenderismo? Nao sei os detalhes do que a tecnologia esta fazendo na criacao de animais para consumo humano, como bovinos, suinos, aves.  Mas faz sentido suspeitar que aos criadores interessam mais o nascimento de femeas ( para maior producao de leite, mais reproducao, ou mais ovos…). Se estao sendo administrados hormonios ou outras tecnicas com esta intencao, e os futuros pais e futuras gravidas estao consumindo estes produtos na carne, a desordem sexual dos nascidos pode ter isso como uma de suas causas. Seria uma certa forma de castigo, vinganca da Natureza. Pesquisas desta possibilidade deveriam serem feitas.

A formula da Matrix/DNA para sistemas naturais sugere novos insights porque corpos humanos sao sistemas e a formula sugere uma historia universal das origens e evolucao do fenomeno sexual muito antes das origens dos sistemas biologicos, ou seja, da vida. Ao nos retirar do assunto aqui e agora ( homosexualismo humano) e nos remeter a bilhoes de anos atras seguindo o fio da linhagem evolucionaria que culminou aqui e agora com este fenomeno, a Matrix/DNA revela as origens dos cromossomas desde antes das origens da vida e sugere que o bisexismo e’ uma bifurcacao do anterior e inicial hermafroditismo quando neste ser imperava o conflito entre ser sistema fechado ou sistema aberto. O feminismo herdou as tendencias para sistema fechado e o masculinismo para sistema aberto. A formula sugere que as duas tendencias sao opostos extremos e portanto ambos sao errados quando praticados ao extemo ora como dominante ora como dominado. O certo seria um meio termo, ou seja, um cedendo 50% do seu “certo”, enquanto aceitando os 50% de certo do outro oposto. Entao o comportamento correto em termos de sistemas, o certo sera o do equilibrio, do meio-termo. Mas no seu resultado evolutivo, a dupla sexualiodade humana, me parece que o meio-termo e’ o homosexualismo, como uma tendencia a retornar ao hermafroditismo, e isto me parece tambem errado, seria uma inolucao. Como o homosexualismo esta acontecendo e parece que aumentando, e tendo por causa imediato a genetica e/ou a psique, precisamos buscar conhecer tecnicamente o problema, pois e’ uma ameaca de involucao, de degradacao do que temos conquistador ate agora. Sempre tendo em mente que nosso objetivo e’ elevar os humanos e nao diminui-los, temos que abordar o assunto considerando-o uma doenca e o humano atacado por ela sendo uma vitima a ser salva. Continuando a pesquisa esse assunto sob a perspectiva da formula da Matrix/DNA traremos a imagem das origens dos cromossomas para iniciar a busca:

( a continuar)   

Qual a causa natural do homosexualismo? Sugestão da Matrix/DNA

terça-feira, setembro 2nd, 2014

Pessoas normais, não-radicais, se perguntam porque homosexualismo existe? Tem alguma razão oculta ou é puramente um evento ao acaso? É praticamente óbvio que homosexualismo não é vantagem evolucionaria, nem para o individuo nem para a sociedade. Isto se confirma – penso eu – pelo fato que homosexualismo nunca se fixou como mutação permanente, daquelas que são passadas hereditariamente. Então restaria a hipótese de ser produto do acaso, mas dispenso esta porque um acaso não se repete, e hossexuais são fatos repetidos aqui milhões de vezes. Poderia ser o caso de mutação causadora de uma doença, que não se fixa como caracteristica genética mas permanece encoberta, expressando-se esporadicamente. Consultamos os modelos da Matrix/DNA para ver se descobria a causa, principalmente o grafico que sugere como foi a origem e evolução da função dos cromossomos, desde o mundo inanimado. Surgiu uma hipótese complexa que não dá para explicar aqui, mas resumindo, a causa seria relacionada à epigenética. E quando a causa é força que vem do mundo externo adentrando um processo genético, alem da solução inusitada apontada pela Matrix/DNA, tem outras sugestões, no ambito da metafisica, que, se não estão dentro do escopo do mundo tratado pela Matrix, ao menos não está fora das exigencias do racionalismo. Me refiro á solução apontada pela filosofia espiritista: homosexualismo é a encarnação de um homem ou mulher que tenha sido pederasta, para sentir o outro lado das sua ações, o lado das suas vitimas.

Abrimos aqui mais este capitulo para pesquisa pela perspectiva da Matrix/DNA, e abaixo vamos registrando seus avanços:

Nesta nova maneira de interpretar cada detalhe do mundo natural – a Matrix/DNA Theory – surge como uma explicação nova, diferente.  Mas para ver isso é preciso trazer para cá um dos aspectos da fórmula natural para sistemas naturais, pois o corpo humano individual é um sistema em si. ( clique na figura para amplia-la):

Circuíto Sistêmico ou "Software" extraído da fórmula da Matrix/DNA, Revelando o aspecto Hermafrodita

Circuíto Sistêmico ou “Software” extraído da fórmula da Matrix/DNA, Revelando o aspecto Hermafrodita

Homosexualismo está diretamente relatado ao fenômeno “cromossomos sexuais”.  Existe aqui na face da Terra um ffenômeno natural muito complexo denominado “cromossoma” . Como a matéria bruta deste planeta produziu este fenomeno? Pode-se elaborar várias teorias, a verdade ninguem sabe porque tem sido a nós impossivel voltar no tempo e assistir qual foi a história real. Nós podemos acertar como foi que a natureza fez uma criança que vemos apenas agora, porque sabemos como outras crianças foram feitas, mas em relação aos primeiros cromossomos surgidos na Terra, não temos padrões para comparação. Nós podemos imaginar o estado da matéria da Terra anterior ao aparecimento dos primeiros cromossomos apontar as moléculas que existiam e vieram a compor o cromossoma, mas não podemos apontar a fôrça natural que organizou aquelas moléculas da maneira especifica que resultou no primeiro cromossoma. Quando isso acontece – quando não podemos ver o processo, o método, e as coisas ficam muito dificil e penosa para se pensar, tendemos a escapar do problema rebuscando uma hipótese que por ora pareça a mais indicada. Por isso, os humanos se dividem entre os que “acreditam” numa fôrça invisivel não-natural e inteligente, e outros acreditam que tudo foi mero produto de forças e elementos avançando e se misturando por acaso, mantendo os resultados que que se adaptam em sincronia com o meio-ambiente.

Dentro da Matrix/DNA, eu percebí que pode haver uma terceira alternativa, e que a mim me parece mais lógica e racional. Não parecerá racional ao leitor à primeira vista porque ele não conhece a história da origem e desenvolvimento desta teoria, e nem entende seu significado.  Ou talvez porque não exista mesmo racionalidade na teoria, se algum fato real vier provar que esta teoria não traduz o mundo real. Mas vejamos qual é a terceira alternativa.

Nas sopas primordiais de onde emergiram as moléculas orgânicas, haviam atomos cujos elétrons foram invadidos por fótons vindos com a energia solar, a radiação cósmica e eflúvios emanados das reações físicas no núcleo do planeta. Cada fóton tem uma tendencia, um comportamento especifico, adquirido no sistema onde ele existe, que se sobrepõe ao seu comportamento original, assim como cada ser humano de cada cultura adquire um comportamento especifico que se sobrepõe aos seus instintos originais. Ora, os fótons que invadiram os átomos terrestres que se organizavam em compostos não-organicos, vieram todos de uma unica fonte. Seja pela estrela solar, seja pela radiação cósmica, ou seja pelo nucleo de planetas, todos vem de um unico sistema, o astronomico. O qual é um pouco mais complexo que o sistema atômico que o compõe. Então, assim como cada grupo de imigrantes tentam estabelecer no novo país um ambiente modelado pela tendencia adquirida no pais de onde vieram, os fótons de um sistema mais complexo tentam estabelecer este sistema num sistema mais atrasado para onde emigraram.

A Matrix/DNA foi construída pelo caminho reverso do que foram construidas as teorias da evolução e das origens da vida, a abiogeneses. Aquelas tentam reproduzir o estado do mundo antes das origens – seja da vida ou de uma nova espécie – e a partir dele inferir o que deve ter acontecido no desenvolvimento da história. Na Matrix/DNA eu fixei o estado do mundo aqui e agora e tentei calcular o passado, regredindo passo a passo. Com isso cheguei aos sistemas astronomicos e depois aos sistemas atomicos portando diferentes modelos teóricos destes sistemas, diferentes dos modelos teóricos elaborados pelas ciencisa que fizeram o percurso passado, futuro. As propriedades organicas e vitais que são constatadas aqui e agora aparecem como princípios ou forças brutas nos meus modelos de átomos e galaxias, enquanto as ciências academicas não mencionam ou não identificam estas propriedades em seus modelos.

Então, considerando-se o modelo teórico de sistemas astronomicos onde aparecem os principios das propriedades vitais, calculamos quais deveriam ser as tendencias especificas dos fotons que adentraram os atomos terrestres e aí começamos por perceber a explicação do porque alguns atomos terrestres começaram a se comportarem de maneira nunca praticada antes, a se combinarem da maneira que resultou nos compostos organicos, daí às moléculas base das proteínas, do RNA, etc. Percebemos por exemplo, que cada proteina transcreve um pedaço especifico do trecho do circuito sistemico de um sistema astronomico. E aqui chegamos aos cromossomas sexuais.

O sistema astronomico resenhado na figura acima seria a forma dos building blocks das galaxias originais, assim como atomos são os buiding blocks de células e células são os building blocks de corpos humanos. Existem bilhões de corpos humanos diferentes, assim como bilhões de galaxias diferentes, mas os building blocks são os mesmos.  Nos seres vivos, a fórmula que nunca muda, que modela o building block fundamental é um par lateral de nucleotides, building blocks do DNA. Pois os fotons que vieram através da energia solar ou outra fonte, teriam vindo do modelo mostrado na figura. Assumem o comando da maquinaria atomica, assim como virus podem assumir o comando da maquinaria celular, e jogam estes atomos a novas combinações, pois os fotons dentro de um atomo querem se alinharem na mesma sequencia que estavam no sistema de onde vieram, ou seja, os emigrantes da China em New York querem se juntarem em Chinatown.

O modelo acima sugere que as galaxias originais – apesar de serem compostas por elementos brutos, algumas esferas e rodamoinhos em meio a poeiras estelares – já revelavam propriedades organicas vitais numa espécie de cobertura invisivel biológica, apenas detectada quando observamos como estes se conectam, formando um sistema. Assim, extraindo as linhas de uma conexão e observando seu desenvolvimento, percebemos que o resultado final daqueles movimentos mecânicos são semelhantes ao processo e resultado final da reprodução sexual biológica. Então estaria aqui o segredo invisivel inserido nas sopas primordiais terrestres que fez moléculas organicas, manteve a direção do desenvolvimento até criar proteinas, nucleotideos, etc.

O modelo acima indica que a galaxia original era um sistema fechado em si mesmo e hermafrodita. As duas parafernálias sexuais que surgiram nos seres vivos, estão visiveis num unico ser, considerando-se o modelo teórico.  A observação do circuito sistemico, por dentro do qual fluem todas as informações do sistema, revela que ele é esférico e tem uma direção, que vai da esquerda para a direita, no sentido horário.  O sistema completo e funcional precisa ao menos de sete peças, partes, seis localizadas no trecho esférico e uma siando fora, dividindo a esfera em duas meias-faces. Cada peça executa uma especifica função sistemica, “F”. Este circuito é  originado quando a Natureza consegue um corpo unico – digamos, a nebulosa primordial de atomos leves – e consegue penetra-lo com uma onda de luz natural, a qual tem sete vibrações diferentes, cuja sequencia é a base que imprime o ciclo vital num corpo inanimado, num monte disforme de massa. Então quando a onda de luz penetra o corpo inteiro ela o divide em porções, cada uma contendo uma de suas especificas vibrações, o que diferencia uma parte de outra, Depois torna-se natural que estas sete porções sejam mutuamente atraidas de acordo com a sequencia de onde vieram, e quando se conectam completamente, tornam-se um sistema funcional. Se as duas pontas, a inicial e a final – se juntam, o sistema será fechado em si mesmo, isolado do mundo externo; se não se juntam, o sistema será aberto e se comunicará, realizará trocas, com o mundo externo.

Bem, relembradas algumas coisas basicas da longa teoria da Matrix/DNA, voltemos ao homosexualismo e aos cromossomas.

Toda vez que nasce um sistema, ele começa por F1, a energia vai em crescente até atingir F4, que é justamente a metade, formando uma meia-face. Neste ponto a energia começa a decrescer, mas copia a mesma configuração executada na primeira meia-face, surgindo daí a bi-lateral simetria, completando uma face inteira.

( Epa! Surgiu aqui um problema: se a face direita é copia da esquerda, a configuração é a mesma, mas mudam as funcões das partes, e na formula muda as formas das partes, como que nos seres vivos a face inteira revela as mesmas formas e mesmas funções nas duas faces?  resolver isto antes de voltar aqui… Artigo interrompido até que resolva-se este problema.)

…. Problema acima resolvido: Não existe bi-lateral simetria no estado de sistema perfeito fechado, como existe nos sistemas biológicos abertos.  Porque muda o objetivo da a Função 5, reprodutora. No sistema fechado, F5 reproduz o sistema inteiro, pela auto-reciclagem; no sistema aberto, a F5 se aplica duas vezes: primeiro para reproduzir a meia-face esquerda em meia-face direita, e depois para reproduzir o corpo todo. Mas isto ainda precisa ser melhor estudado. Pois, no sistema fechado, ao produzir a meia-face esquerda as partes executam funções da energia crescente, e quando entra a produzir a meia-face direita, a energia está em estado decrescente, portanto as partes executam funções entrópicas. É preciso saber como F5 atuou no caso do RNA primordial, que era apenas a meia-face esquerda, e então esta foi duplicada como meia face direita, surgindo o DNA. Isto sugere que no par de nucleotideos que forma a unidade fundamental do DNA, um nucleotideo, incluindo sua parte da haste,  tem a energia crescente, e o outro tem a decrescente. Mas apenas as bases mudam, enquanto os elementos da haste continuam iguais ( açúcar e ponte fosfórica).  bem, tem mais problemas aí mas acho que já tinha resolvido isso, preciso procurar onde deixei os papéis e como resolví. Pois os elementos da haste tambem mudam de função: um açúcar representa F1 e o outro, F4.

Voltemos ao texto:

No sistema fechado esta bi-lateral simetria éa penas na quantidade de partes, localização das partes. Alem da diferença das duas energias, existe a de que uma parte é masculina, e a outra, tem o órgão feminino. Isto é que possibilitou a separação em dois corpos com sexos diferentes, mais tarde. Não existe ainda sequer possibilidade para um “terceiro sexo”.

Acontece que X dá uma volta inteira e tem informações do sistema todo, expressa informações totais. Portanto ele tem as informações que Y tem. Este tem claramente as informações da meia-face esquerda. Acontece que Y tambem dá uma volta inteira, pois seu começo vem do fim de X e no seu fim entra em X. Mas apesar de ter a outra metade das informações, Y não as expressa, porque f5 não participa das funções, passa ( o sistema é espiral, e não como está na figura da fórmula, ele cai direto em F1. Então a mulher tem dois X e expressa duplamente o sistema todo, mas se na fusão sexual, um X cai e entra um Y, a parte do X que restou que expressaria a meias-face direita fica dominada porque a parte da esquerda foi duplamente reforçada. Isto significa que o homem apresenta o derivado evolutivo do órgão masculino do ancestral galactico ( o vulcão emitindo cometas no pulsar), mas mantem informações do sexo feminino, em situação de recessividade, que deve estar encoberta em algum lugar. Talvez isto se expressa nas mamilas masculinas, que parece não tem utilidade e não conheço evolucionário biólogo que tenha explicado porque elas estão ali. Da mesma forma a mulher tem em algum lugar a expressão do sexo masculino – pelo que volta a hipótese das mamilas, que mantem a forma de vulcões ejaculando “leite”.

E o que deve acontecer nas raras fusões sexuais em que um individuo apresenta órgãos de um sexo, mas caráter, personalidade, do outro sexo? terá algum motivo evolucionário, será uma doença, ou um evento por acaso?

Não pode ser produto de um propósito evolucionário, pois homosexualismo não é retransmitido hereditariamente, o que significa que a natureza nunca fixou essa mutação genética. Mas tambem não é um acaso, pois o evento tem se repetido milhões de vezes, e um acaso não se repete. Pode ser uma mutação encoberta, como uma doença que não se transmite em todos os filhos mas retorna numa geração seguinte.

Talvez nosso ancestral pudesse ser chamado de homosexual, porque era hermafrodita. Talvez não, pois, talvez, o hermafroditismo cria uma terceira personalidade, que não a homosexual. Mas pode ser que nesse esforço do ancestral astronomico de se reproduzir através dos sistemas biológicos aqui, o ambiente contenha informações que seriam forças mutantes reproduzindo o seu “caráter” nos dois corpos divididos que são dois meio-caraters. Se for isso, o problema diz respeito a epigenética. Algo que transcende o simples processamento de genes na genética, pela atuação do corpo como sistema.

Se é epigenético, o fator causador do hosexualismo é externo ao corpo, uma força que vem do ambiente. E aqui surge mais uma possibilidade, apesar de estar fora do escopo da Matrix/DNA, mas não fora do racionalismo.  Me refiro à doutrina espirita que em algum lugar escreveu que uma pessoa – seja homem ou mulher – com comportamento sexual doentio, como om pederastismo, o abuso de crianças e do sexo oposto, etc., retorna na próxima encarnação com a personalidade do abusado, para experimentar o outro lado, o lado de suas vitimas… isto se encaixaria na epigenética e como terceira alternativa. Mas o assunto fica aberto para pesquisa.