Posts Tagged ‘individual’

O individualismo moderno x o Principio da Solidariedade Natural

segunda-feira, setembro 10th, 2018

xxxx

Baseado no artigo:

https://www.bonde.com.br/digital-influencers-blog/beirada-niponica/a-chave-liga-desliga-da-solidariedade-384052.html#comentarios

A chave liga-desliga da solidariedade

(ler tambem os comentarios)

Meus comentários enviado ao artigo em Setembro, 10/18 :

Edison,… obrigado pelo texto informativo. Como filósofo naturalista esta é uma informação a ser raciocinada. A primeira lembrança do texto é a frase: “Dividir para reinar”. O estado individualista é produzido pela entidade de um sistema para ela mesma se fortalecer na sua meta ditatorial. Na cosmovisão que elaborei como mais racional (vide meu website), os humanos são 8 bilhões de genes semi-conscientes que carregam em suas cabeças-ovos a construção de cada uma das partes de em embrião de consciência universal – ou ao menos a consciência coletiva deste planeta, como Gaia. Quem não concorda com isso para por aqui, eu vou adiante comparando o quadro descrito em seu texto com o quadro que vemos em embriogênese. Conclusao? O comportamento japonês ( e muitos outros países em igual estado) esta imitando a embriogenese primitiva de animais irracionais, quando deveria buscar o metodo da embriogenese da consciencia. Os genes para animais atuam assim, cada qual cumprindo sua missão sem saber dos outros, quem controla e define o resultado final é a entidade/software do DNA. Nao sei ainda se os genes para consciencias se comportam assim, apenas o que sei da evolução sugere que nunca é certo imitar, manter, e conservar o passado. Mas essa imitação da genética primitiva vem em paralelo ‘a imitação que todos os sistemas sociais humanos criados até agora fizeram do sistema selvagem entre animais irracionais. Na selva ( como nos ares, nos oceanos), o poder e as regras são divididas em três classes sociais, como nas cidades humanas ( grandes predadores, medios predadores e presas). Isso atrasa, atrapalha nossa evolução. Além disso existe um princípio natural fundamental ao qual denomino “princípio da solidariedade”. No início de qualquer nova forma de sistema ( seja do átomo, da galáxia, da célula) surgem dois grupos opostos que se conflitam de onde ou são exterminados ou se fundem obtendo a trascendencia para uma nova forma. De onde extraio meu comportamento preferido: estimular a solidariedade combatendo o individualismo. Acho que os moradores de uma residência deveriam procurar os vizinhos para iniciativas de trabalho como cooperativas de consumo e unidades de produção, autoproteção, influência no sistema social para evitar centralização do poder de sistema, e até mesmo no lazer eles mesmos criarem seus espaços não esperando quem tem como objetivo o interesse pessoal do lucro fazer isso. Algum comentario? Estamos sempre abertos para nos corrigir e aprender com outras mentes. Abracos…

xxxx

Edison, o post da Aline e sua resposta me deram o que pensar na minha cosmovisão, Aline lembrou o gene egoísta e a tendência universal da função feminina nos sistemas naturais. Reparou que o aspecto principal de seu post é relacionado ao sexual? Ela nao correu a outros aspectos, como você (o humanismo) e eu (existencialismo), mas sim focalizada no fenômeno (com quem a/o outra/o dormiu, a que horas chegou, etc.) Provavelmente é uma mulher jovem enfrentando estes problemas agora, e limita as suas reflexões a este aspecto derivativo do sexo). Quando ela resume o relacionamento entre vizinhos a “se meterem para saberem intimidades da vida” ela esquece totalmente o aspecto extrovertido do social, da necessidade de ela mesma criar e desenvolver uma economia e patrimônio social, de atuar para mudar outros contextos sociais irregulares com vítimas, etc. Na fórmula dos sistemas naturais, a função feminina é a força para tornar o sistema fechado em si mesmo, colapsando cada vez mais em direcao ao próprio umbigo até se desfazer como um ponto: a força masculina, oposta, para tornar o sistema aberto, ampliando-se no espaço/tempo sem freios até desintegrar-se. Dois males a serem corrigidos pela inteligencia humana, como sao todos os dualismos opostos universais. Essa introspecção natural desejosa de possuir o paraíso, o maior e melhor castelo possível como rainha, ter seu parceiro submisso ao lado e as crias brincando no pátio, como o próton mais neutron na mansão nuclear e os elétrons rodando na periferia, já foi intuída antes por humanos autores da fábula onde Eva atrai Adão para seu tipo de sistema paradisíaco e daí cai entropicamente na Terra. Ou elas se exorcizam disso, e eles se exorcizam disso, ou nossa evolução vai necessitar nova queda, até aprender que o Universo não aprova esta forma extremamente egoísta e obstaculo ‘a evolucao,  de ser.