Posts Tagged ‘Jennifer Lopes’

O Fim do Sexo e os Filhos Sintéticos

sábado, julho 17th, 2010

Com a fantástica façanha do Venter Institute produzindo uma nova espécie da vida, a partir de agora, se você quiser ter um filho com alguém especial para você, digamos, com a Jennifer Lopes ou Tom Cruise, bastar dar uma gorjeta para o garçon que os servir no restaurante para que êle lhe dê o garfo que usaram. Junte ao garfo uma amostra de seu DNA, leve a um laboratório e em 9 mêses terás vosso filho.

Depois de milênios da tortura massacrante e enfadonha do velho método de fazer bebês, os humanos tanto reclamaram que foram atendidos. Acabou-se aquela ginástica forçada, cansativa, aquela huminhação animalesca, estamos na era dos filhos sintéticos. Mas vou explicar o método do laboratório:

Tendo um exemplar do DNA, os cientistas os põe numa substância que colore cada elemento, cada base ou aúcar da haste, com uma cor diferente. Depois passa um foco de raio laser na fita do DNA e as cores vão sendo registradas num computador. Desta maneira, no final o computador copiou o DNA, o qual é jogado no lixo. Agora o código da vida da Jennifer ou do Tom está na forma de software dentro de um computador. Basta trazer quatro garrafas contendo bases e açucares feitas sintéticamente e ir lendo o código no monitor, arranjando as bases como manda o computador e pronto: temos dois DNA’s sintéticos, artificiais.Em seguida cruza os dois, bota o resultado numa garrafinha de proveta e espera nove meses…

Semana passada o Presidente Obama pediu uma investigação urgente sôbre o feito do Venter Institute, houve uma reunião do Committee on Energy and Commerce, iniciando a operação chamada “Effects of Developments in Synthetic Genomics”, onde um membro do Comitê disse ao Dr Venter:

– “I kind of like the traditional way of making human beings. It is fun and it is recreational, therapeutic, and there are a lot of positives and you have these little babies that you get to let your wife raise. I mean, it is a fun thing. I am trying to understand the significance of what has transpired.”

Tradução: “Eu sou do tipo que ainda gosta do jeito tradicional de fazer seres humanos. É divertido, prazeiroso e é recreacional, terapêutico e há muitos fatôres positivos, além de você ter êstes pequenos bebês que deixam sua espôsa feliz. Quero dizer, esta é uma coisa boa. E eu estou tentando entender a significância do que tem sido noticiado.” 

 Outro político que é republicano perguntou:

– “Quer dizer que o senhor não apenas criou uma nova espécie de seres vivos, mas também excluiu os genes que faziam os bichinhos produzirem coisas ruins e inseriu outros programando-os para fazerem o que o senhor quis?! Isso quer dizer que podemos programar os novos bebês americanos que vão nascer para votarem no Partido Republicano?!”

 Assistindo isso o LULA pulou da cadeira e ordenou: “Corram lá, comprem a fórmula, o computador dêsse homem, quero aqui todos os bebês votando no PT!”

 Brincadeiras a parte, não tenha dúvidas que a vida humana mudou na semana passada e partiu para um destino jamais imaginado antes. O que vem ainda por aí… apenas agora os futurólogos estão acordando, se recuperando do choque e começando a digerir a coisa…Mas tenha certeza: nunca mais nossa vida será a mesma! A nova espécie é filha de um computador!

Craig Venter

 

FIM