Posts Tagged ‘Paraiso’

Adão e Eva e o Paraíso, a Queda,… esta sendo provado pela Matrix/DNA?

quarta-feira, agosto 9th, 2017

xxxxx

Num debate na Internet consegui explicar uma das teorias da Matrix/DNA de forma nunca pensada antes. Registro aqui o debate para pensar nisto:

luvdomus  – 4 hours ago – 8/9/17:

The ‘jump” of abiogensis was a series of very small steps over millions of years.

There was no origins of life, so, no jump of abiogenesis. Biological systems (aka,life) were built by the building blocks of this galaxy, which worked as photons-genes and became the building blocks of DNA. All known properties of life were existing in less evolved state at this galaxy, by entropy its information fail to Earth surface, as the initial conditions. See at my avatar and website the face of LUCA ( the Last Universal Common Ancestor) the evolutionary link between inorganic and organic, but it never came to Earth, it is surrounding us in the sky. Ok I described my theory. But you said “The ‘jump” of abiogenesis was a series of very small steps over millions of years”, in an affirmative way. You was not there, you have not watched it, so you need to advise that you have a theory. Time and more data will solve which is the best.

+Luvdomus – Why do you believe it happened by small steps? Science has never shown life to come from non life in small steps or big steps ever. So why would you believe it?
+Luvdomus – that’s because bacteria and viruses also play a roll in the complexity of life , this video did not get to that yet. Also 4 billion years of evolving matter to living things is hardly a jump. Do you really understand how long 4 billion years is ?

Smoothsay2 Smoothsay 

+Santana – Do you really believe that chemicals could assemble themselves into DNA that is programmed to build cells, rna, cellular machinery, & self correcting rna polymerase transcription functions & reproduction systems? Rather a wild accident isn’t it 4 billion years or 100 billion years do you actually believe this would happen?

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli 48 minutes ago

Smoothsay2 – Now, imagine this belief growing. Then they will write their sacred book. ” There was a talking rock radiating light that separated the waters of the Red sea and came to Prophet Darwin saying that…”
I suspects in this way were wrote the Kuran, the Bible, etc. and, do you believe that till today there are people believing in that?! But, for telling the thru, I found that Genesis is the correct scientific description of the events that brought life and the man to Earth. It is the right description of LUCA (the Last Universal Common Ancestor) and the events creating life here. If you see and understand how works the system called LUCA ( its face is at my avatar – the life cycle of any astronomic body like Earth, and the building blocks of galaxies), you will discover all Genesis’s symbols there: the system was a paradise for X and Y (Adam and Eve), in shape of an apple, with a systemic circuit in shape of a snake, the spiral galaxy seems a tree, etc. In fact, X convinced Y to eat the apple ( which means the selfish state of closed system). And attacked by entropy the system falls to planet’s surface, in shape of genes-photons, which guided the terrestrial atoms to build aminoacids, molecules, RNA, till the first cell, which is the exactly biological copy of our sinner ancestor… the Milk Way.

Genesis is all about metaphors describing the scientific complexity for lay man! But how any ancient man knew that? 2 theories: 1) our ancestor and those events are registered at our DNA ( the junk DNA) which are at the center of our neurons and altered mental states produces flashes from that memory. Since ancient man did not know nothing about astronomy, he found the way to explain it by metaphors. 2) Aliens were here and told it… I don’t see another alternative, since I can not believe that a God of a multiverse came here…

oz surveillance oz surveillance1 minute ago

Louis Charles Morelli – the problem with metaphorical ideas is they are subject to any kind of interpretation so you will always will be able to make them match with any scientific or metaphysical theory.

Louis Charles Morelli Louis Charles Morelli1 second ago

oz surveillance _ Ok, then, I will invite you to a challenge:
Find the scientific theory that matches with the following:
1) We built this modern city where humans will live as a paradise. But like the Brave New World of Huxley and under the Big Brother, humans will be stupid and stagnating in this shape forever. Take the red pill if you want living here;
2) Outside there are those humans cities in state of chaos, lots of problems, misery, diseases, etc. But, those people will be opened to their evolution, they could reach the galaxies. Take the blue pill if you want that.
This was the exactly situation the author described with Eve offering the apple: eat the apple, the red pill, standing forever in this “jungle” paradise I built for us; do not eat the apple and we fall in chaos far away from here…
We found that the vital principle is encoded in a light wave, like that emitted after the Big Bang. The code worked matter and built the atom system, the star system, and when went to build the galactic system… matter was reaching its supreme goal, which is to be a closed system at eternal termodynamic equillibrium.
The code could doing a choice, unifying with matter and living that paradise; or fighting matter, suffering at chaos but keeping the state of opened system, opened to its own evolution. The red pill or the blue pill?
The code choose the paradise, from the Universe came the Clausius Law, the entropy that produces the death of any system. The code falls at planets, here we are. Please, find the scientific theory that matches this metaphora like the Matrix/DNA Theory – a merely philosophical naturalist theory, matched it… Good look…
E um dia depois, retorno ao debate porque uma grande, espetacular descoberta cientifica foi anunciada ( Cientista tem notado uma explosão de luz quando um óvulo humano é fertilizado), confirmando varias teorias que eu tinha escrito no debate ( e acrescento abaixo a figura do espectro eletromagnetico interpretado pela Matrix/DNA que foi a base inicial dos calculos que me levou `as previsoes acertadas aqui).
To everybody debating with me in this thread: please, see how and why the Matrix/DNA world view during the last 30 years has confirmed hundreds of its previsions. Two days ago I wrote here: ” We found that the vital principle is encoded in a light wave, like that emitted after the Big Bang”. Today I am reading the news: ” Bright flash of light marks incredible moment life begins”. I have wrote here that in this Universe is occurring a natural genetic process of reproduction of the unknown thing that triggered the Big Bang as an act of fecundation. And I wrote here that evolution is expanding like waves in the water: each new wave carries own the dust of the last wave and reaches more dust ahead. So the second wave of evolution receives the systems from the first wave, aggregating new information, evolving it and throwing it to next wave. The last wave has repeated all step of all waves before, that’s why a new shape, like a human embryo, repeats all evolutionary shapes. It means that the first moment of human life repeats the first moment of the Universe when the “life” of a universal natural system is began. It was a genetic code encoded by photons, then evolved to an atom like the first cell; to a nebulae of galaxies like the blastula… and so on.

So,… every time that the universal system is recreated, the event of the Big Bang is repeated! What happens at the fecundation of the Universe, 13,8 billion years ago, happens at the fecundation of any animal ovule. It is light everywhere, because the universal code for life first came in shape of a light wave!

 

Why? Because this Universe is not a magician. It can not create new information than those inserted in it at the act of its creation. It can not creating things by another method than that it was created. Anther method would means ” never existed before new information”, and this would be magics

What you see and think is new information is merely the result of fuzzy logics, the mixing of two or more standard information generating the possible levels of sub-information between them.

I will research now what is the secret of zinc atom, it must have some property that something at the Big Bang had. But, as I said thousand times, the big secret of genome, or DNA, is that its electrons are occupied by photons with information of the life’s code. So, that light saw by scientists occurs when the male counterpart that contains the half of the code’s network meets the another half and the entire network flourishes… the mechanism is repeated when a supernova is born, as you can see at Matrix/DNA astronomical models. Three days ago another great prevision was conformed: #0 years ago when I got the copyright of this theory it contained that a star’s nucleus has a dynamics like the first frequency of light wave, which is the strongest. So, the nucleus should have a rotation fast than the above spherical rotations… This whole theory is results from calculations applying the most natural logic as I was studying the biosphere at Amazon jungle… and its right previsions has suggested that nature does not plays dice with its creatures, although we insist to play dices with her.
Light-The-Electro-Magnetic-Spectrum by MatrixDNA THeory
A little bit of information about this issue – how to interpret the graphic ( click the image for seeing bigger):

At the extreme right ( before the gamma ray), there is the source of the wave. At the gamma ray occurs the event of fecundation ( it can be fecundation for a new  universal system, like the Big Bang, or the fecundation of an ovule, or the gestation of anew astronomical body, which begins by the nucleus, that’s why I predict the strongest vibration, or rotation, at Sun’s nucleus). See that the wave is merely the process of life’s cycle, so, the genetic code that became very complex today, at its begining was too much simple, merely the process of life’s cycle. At another articles here I describe how this light wave becames the Matrix/DNA formula.

Decifrado o segrêdo da fruta comida por Eva e Adão no Paraíso?

quinta-feira, junho 9th, 2011

Question:  “What was the Fruit of the tree of Knowledge of Good and Evil that was supposedly eaten by Eve and then offered to Adam?”

Cassiopea: “Knowledge restriction Encoding.”

Português: Qual foi a fruta da Arvore do Conhecimento do Bem e do Mal que foi supostamente comida por Eva e então oferecida a Adão?

Cassiopéia: Código Restritivo do Conhecimento.

Lendo por curiosidade o website http://www.cassiopaea.org/cass/matrix_dna_illusions_alchemy.htm , onde pessoas fazem perguntas a uma entidade espiritual chamada Cassiopea, me deparei com o trecho acima. Mas é justamente o que os modêlos da Matriz/DNA estão sugerindo! Como pode duas pessoas,vindo por caminhos tão diferentes chegarem à mesma Roma, à mesma solução?!

A autora do artigo lida com a área mística enquanto a Matriz/DNA nasceu de uma investigação exclusiva e extremamente materialista. Mas o resultado final é um encontro!

A Matriz/DNA sugere o modêlo do estado do mundo momentos antes de surgir a vida na Terra. Como estavam organizados os astros celestes, como e de onde a Terra veio, o que existia na Terra, quais foram as forças naturais e ingredientes que atuaram nos três bilhões de anos em que a vida estava sendo forjada lentamente a partir de uma sôpa caótica. Bem, êsse modêlo sugere que o ápice da evolução antes do primeiro ser vivo tinha sido a formação de uma galáxia. E o modelo mostra a foto de como era o sistema galáctico, um sistema de extraordinaria engenharia, semi-mecânico/semi-biológico, contendo um ciclo vital, etc. Mas era um sistema fechado em si mesmo, com pretensões de ser eterno nesta forma. No circuito que conecta as partes, ou seja, os astros, corria um fluxo de informação que em dado momento se dividia, e baseando-me no que fazem quando ocorre essa divisão, concluí que é exatamente o que fazem os cromossomas X e Y na geração de um novo ser. Ou seja, o sistema era hermafrodita, mas em dado momento ele se bifurca em masculino e feminino e volta a ser hermafrodita logo depois. Como o sistema em tudo parece ser um verdadeiro e perfeito paraíso para a vivência de seres masculinos e femininos, estas três palavras – paraíso, masculino e feminino – me fêz a contragosto lembrar da fábula na Biblia, de Adão e Eva. Muito mal para o mais fiel e disciplinado materialista de todos os tempos, pois assim tive que ser para descobrir a Matriz/DNA.

Logo em seguida os modêlos da Matriz/DNA sugerem como foram os passos evolutivos que transformaram o sistema galáctico no primeiro sistema celular, biologico. Primeiro, o sistema perfeito foi atacado pela entropia degeneradora.  O sistema se desfêz em seus bits-informação, os quais vagam no espaço e caem na superficie de planetas como a Terra. O processo continua com eles se reencontrando, se reunindo na mesma configuração anterior e por fim se produz o sistema celular.

Agora vem a analise existencial de todas essas ocorrencias. O fim ultimo buscado nesse evento foi transformar um sistema fechado em sistema aberto.  O paraiso se torna o ambiente caótico primitivo da terra aberto a todas as possibilidades evolutivas, quando o sistema anterior havia trancado suas portas ao processo da evolução. Mas foi assistindo um filme ( O Admiravel MundoNovo, extraído do livro de Aldous Huxley) que houví uma frase que me calou fundo. O lider maioral diz a um rebelde:

– “Mudar? Mudar para melhor?  Isto não pode acontecer, não tem como. Aqui tudo é perfeito, estamos n aextrema perfeição.  Qualquer mudanca seria uma perturbação ao sistema inteiro, ao que é perfeito.”

Ora, o rebelde que havia nascido de maneira diferente,  fora daquele mundo, estava vendo que ali tudo era artificial, havia extrema felicidade das pessoas mas não havia mente, não havia aquilo que nós humanos temos e que nos fazem inquietos e que não sei explicar o que é, mas sem o qual, eu não queria existir. Então, do ponto de vista dos habitantes daquele paraiso tudo era perfeito, mas do ponto de vista humano, faltava algo, o principal, talvez a liberdade e a expectativa que existe quando podemos avançar no desconhecido, progredir. Eu sei que é ininteligivel isso. Progredir como, para onde, se já se alcançou a ultima perfeição? Não temos a resposta mas somos humanos, não queremos aquele paraiso perfeito e ponto final. Nós não nos entendemos, mas entendemos que queremos algo que não sabemos o que é, e vamos viver em busca dêsse algo.

Aqui está o Código de Restrição ao Conhecimento. No paraíso perfeito!

Segundo os modêlos da Matriz/DNA, a parte da matéria desse mundo  com que nos relacionamos tem uma força invisivel evolutiva. Isto tambem é exdruxulo, ininteligivel, pois como poderia existir uma força com um objetivo, sendo ela mesma parte da matéria? Sem nenhuma mentalização?  Mas acontece que essa porção de matéria com a qual nos relacionamos tem funcionado desde as origens doUniverso, como um computador, ou como um cérebro humano. Existe essa força invisivel que exerce a função de um comando de instruções ao qual vamos denominar de software mental. E tem a parte exclusivamente fisica, corporal visivel que vamos chamar de hardware carnal. Se os modelos estiverem corretos, a mente humana é hoje o ápice da evolução de sua própria entidade, ela surgiu por sua conta e risco no Big Bang de forma muito simples, impregnada nas particulas, deu um salto evolutivo habitando os átomos, depois as galaxias, passou pelos animais irracionais onde estava acordando e veio despertar no homem.

Mencionei esta questão do software e hardware apenas para explicar o que era Adão e Eva a 4 bilhões de anos atrás. Era esse software, num estado ainda primitivo mas já poderoso, que construiu seu corpo material na forma da galaxia semi-biológica. Ora, como disse antes, se supormos que os dois fluxos de informação que correm no circuito daquele sistema fossem algo inteligentes e sensiveis como os humanos, eles teriam a vida que pedimos a deus.  24 horas por dia com a boca aberta e o suculento manah caindo de graça, enquanto os dois se encontravam em ininterrupto orgasmo, como só seria possivel a um hermafrodita. Então, dando nomes humanos aos dois fluxos, podemos escolher Adão e Eva,… porque não?

E qual seria a principal preocupação de Adão e Eva? Observe bem que aqui, o paraiso não teria sido feito por Deus e presenteado aos dois. Não, quem fez aquele paraiso foram os dois mesmos, na forma da mente da matéria, um sistema em equilibrio termodinamico perfeito, o qual é, todos sabemos em Fisica, o supremo objetivo de todas as forças naturais constantes na matéria.

Foi Adão e Eva quem construiram aquele paraíso e a julgar pelo resultado final, o fizeram contra a vontade da lei maior do Universo.  Qual é esta? Evolução. É a unica coisa, o unico processo que a Matriz/DNA identificou como ininterrupto desde o Big Bang, que passou pela evolução sub-atomica, pela cosmológica, entrou na biológica e agora parece estar entrando na evolução mental. E se qualquer porção da matéria se recusa a evoluir o que acontece? A lei maior do Universo, a evolução, se aplica usando a entropia que é a lei da morte. Isto porque toda vez que o sistema ápice da evolução encontra um confortável  modo devida, tenta se acomodar e parar ali, interrompendo sua evolução. Para não perde-lo para sempre, o Universo, ou seja lá algum Deus acima dele, aciona a morte que desintegra o sistema e leva suas particulas-informação a reiniciar por outro caminho. Então, como os modêlos da Matriz/DNA sugerem que o processo de transição entre a mecanica astronomica e a vitalidade biológica houve uma queda, daí concluimos que Adão e Eva fizeram algo contra a vontade de um regulador, fizeram um falso pararaiso.  Qual seria então o maior medo de Adao e Eva, mesmo que fossem inconscientes na materia de que tinham feito para si um corpo que o Universo ou Deus não aprova?

O mesmo medo do lider maioral do Admiravel Mundo Novo.

– “Mudar?! Mundanças? Essa é a pior e mais terrível palavra que jamais pode ser pronunciada no nosso mundo  perfeito”

Mas quem, qual força natural dentro do paraiso perfeito iria se dirigir ou ser dirigida na direção de alguma mudança? Nenhuma. Porque e para que? Ali dentro do paraiso, tanto o software como o hardware não conheciam nada mais alem dele. Não existia mundo lá fora. O sistema era auto-reciclavel, ou seja, ele iniciava e terminava em simesmo. O sistema era um restritor do conhecimento. Se algo ali dentro de repente intuisse que existe algo mais a conhecer, teria sido um defeito de fabricação. Como foi o rebelde no filme.

O modelo do sistema fechado é a mesma figura de uma serpente engolindo a própria cauda. Quer dizer, a cauda está inserida na boca dela, mas ela não come a sua cauda, e sim absorve o que a cauda excreta, que é o sistema inteiro se esvaindo como fluxo de informação. Então encontramos a serpente da fabula biblica. E sabemos que é coisa falsa, errada, representa o fechamento das portas á evolução. A serpente é a figura, a planta do projeto. Um projeto que fecha as portas ao conhecimento do bem, do mal, a todo conhecimento que exista fora dele. Quando o sistema social fechado em simesmo se instala, o feminino se acomoda primeiro em sua índole, se acomoda em seu lar palacial, só falta dominar o macho, mante-lo no quarto nupcial enquanto o mundo brinca lá fora ao seu redor como fazem os demais astros. Esta é a base dos sistemas sociais fechados das abelhas e formigas onde o feminino é a rainha, soberana. O macho tem a indole contrária, de sair para a aventura, mas… qual macho resiste a uma bela Eva num palacio tendo tudo de graça? Adão sucumbiu ao projeto feminino. Adão comeu a maçã ofertada por Eva. O mundo iria parar eternamente. Estava totalmente inibida qualquer adição de qualquer novo conhecimento, nada poderia ser mudado.

E nós, esse DNA/Matriz que se reergue a duras penas, estamos pagando o pato do êrro de nossos avós, que na verdade eram nós mesmos bilhões de anos atras.

Está ou não decifrado o segrêdo da maçã?

A Matriz/DNA e a Bíblia:O Éden existiu e estava registrado na memória humana?

domingo, novembro 28th, 2010

Eu fui um autêntico cético, agnóstico e material naturalista desde criança, senão não teria descoberto a fórmula da Matriz/DNA. Lí a Bíblia na juventude assim como li vários outros livros “sagrados” das outras religiões mas a todos afastei por julga-los meras mitologias antigas.

Porem quando descobri a Matriz/DNA e comecei a estudar as implicações do diagrama deu-me um certo mal estar porque fui percebendo que ela já estava revelada nos principais simbolos das religiões, desde o I Ching à cosmologia da Doutrina Secreta traduzida por Helena Blavastky. Mas a minha maior surpresa se deu num relance quando uma torrente de simbolos começou a dançar em minha mente perante a fórmula: lá estava a serpente, a maçã, a árvore, os principios masculino e feminino, o perfeito Paraiso e… não apenas isto, mas inclusive toda a história da Queda… exatamente igual a descrita no capitulo da Gênese, na Biblia! Está tudo inscrito na fórmula da Matriz!

Como bom cético e naturalista fiquei atordoado! Como foi possível que este povo, desde a 5.ooo anos atrás, desde o fundador das ciências ocultas Schimeon Ben Jochai, souberam de um fato que apenas agora, aplicando os mais modernos conhecimentos da atualidade, como a Relatividade Geral, a Quantica, o DNA, os teoremas matemáticos como o da Simetria CPC, etc., estamos descobrindo?! Quer dizer: sem sabê-lo, estávamos redescobrindo-o?!

E como bom naturalista procurei uma explicação naturalista tendo como base os mapas da Matriz/DNA. Teriam os antigos sido visitados por extraterrestres que passaram o ensinamento das causas do porque existimos aqui? É possível, porque não? Teria o Deus conforme acreditado pelos cristãos ter vindo aqui revelar isso, ou mandado um mensageiro? Não gosto desta alternativa: a triste realidade da minha vida e o que tenho observado de feio e horroroso neste mundo indicam que, se existe uma inteligência suprema, ela é totalmente diferente da humana, sem as emoções, paixões, perdões, sentimentos de amor que a mente humana apresenta. Um Deus todo-poderoso e vendo tudo por aqui, se tivesse uma inteligência à imagem e semelhança da humana jamais permitiria a horrível cena de um cordeiro ou uma criança sendo esquartejada e devorada por uma fera. Teria esse Deus uma inteligencia tão diferente da nossa, tão fria e mecânica, que não haveria possibilidade de comunicação entre nós, devido o total disparate entre nossas lógicas.

Então como os antigos souberam disto, ou ao menos tiveram tamanha intuição aproximada de uma realidade a bilhões de anos de distancia?! Logo encontrei uma solução que pode ter sido a real: sendo os astros e átomos nossos ancestrais e sendo a mente um mero processo evolutivo presente naqueles objetos desde antes do Big Bang, o Paraíso alcançado pela nossa matéria a 10 bilhões de anos atras estava registrado na memória dos antigos, a qual, por ser mais frêsca e pura que a nossa moderna, produzia flashs de imagens do passado, os quais eram mal interpretados, supersticiosamente, pelos antigos, por lhes faltarem os conhecimentos que temos hoje. Eu acho esta alternativa perfeitamente lógica, racional.  Isto teria contribuido para o nascimento das religiões. As quais, agora estamos vendo através da fórmula da Matriz, tinham, tôdas elas, a Matriz como um denominador comum entre elas.

Bem, agora descobriram um sítio arqueológico e a opinião primeira é que se trata da representação do Éden, feita a 10.000 anos atrás! Antes do nascimento das grandes religiões e feito por homens-macacos! Vamos deixar este artigo registrado aqui, fazer mais pesquisas sôbre tudo o que publicaram até agora e acompanhar aquelas escavações com interesse. Quem sabe quando tudo tiver limpo e puder-mos ver o quadro completo, não descubramos estupefatos que tudo nada mais é que a fórmula da Matriz esculpida em pedras?! Bem vamos ao artigo:

Este artigo foi visto no site Depijama:

http://www.depijama.com/ciencia/descoberta-arqueologica-pode-ser-o-jardim-do-eden/

sob o título:

Descoberta arqueológica pode ser o Jardim do Eden 

(inserir aqui a picture salva em my pictures)

 Um pastor curdo, andando sozinho no deserto em 1994 fez o que pode ser a maior descoberta arqueológica de todos os tempos. Uma descoberta que pode revolucionar a história das religiões e desvendar a verdade sobre as histórias bíblicas do Jardim do Éden.

Andando com seu rebanho em uma tarde de verão ele encontrou duas pedras com um formato estranho. Voltando a aldeia resolveu contar sobre seu achado. Afinal as pedras poderiam ser algo importante.Poucas semanas depois a notícia da descoberta do pastor de ovelhas chegou ao conhecimento dos curadores do museu da cidade de Sanliurfa que entrou em contato com o German Archaeological Institute em Istanbul e, no final de 1994 o arqueólogo alemão Klaus Schmidt chegou ao sítio de Gobekli Tepe. O que o Sr. Schimdt encontrou pode mudar a história da humanidade.

 Em um momento de rara concordância, arqueólogos de todo o mundo concordam com a importância do sitio de Gobekli Tepe. E deixa a grande maioria deles estupefatos e excitados. Uma descoberta digna dos filmes de Indiana Jones, só que na vida real, documentada e registrada.

O que o pastor de ovelhas encontrou foi a parte superior de dois monólitos em forma de T as primeiras de um sítio muito maior composto de monumentos, paredes e colunas de pedras, cobertas de entalhes de animais: Javalis, patos, serpentes, leões.

Os entalhes apresentam algumas figuras que parecem humanas, com os braços estilizados e, funcionalmente, todo o conjunto parece ser um templo ou um lugar para rituais.

Para datação, foram escavadas 45 destas “pedras” que estão organizadas em círculos, mas medições geomagnéticas indicam que existem algumas centenas de outras pedras esperando para ser escavadas.

Até agora é isso. Gobekli Tepe poderia entrar para a história como sendo o Stonehenge turco não fossem alguns fatores que tornam esse sitio único, chegando ao limite do fantástico e extraordinário.

O primeiro detalhe surgiu da datação por carbono. As pedras têm entre 12000 e 13000 anos. Ou seja, foram construídas 10.000 anos antes de Cristo. Para comparação, as pedras de Stonehenge foram levantadas 3000 anos antes de Cristo e as pirâmides de Gizé são datadas de 2500 anos antes de Cristo. Colocando o sitio de Gobekli Tepe como o mais antigo achado arqueológico da história, batendo os concorrentes com vantagem astronômica.

As pedras são anteriores a idade do bronze, a escrita, a cerâmica. São anteriores a tudo que conhecemos e como diabos os homens das cavernas fizeram tal obra?

O Sr. Schimdt especula que, durante décadas, grupos de caçadores ocuparam o lugar durante a construção, vivendo em tendas e caçando e comendo. Pontas de flechas encontradas no local suportam essa versão e confirmam a datação dos monumentos.

Por si só, a revelação que caçadores pré-tudo, tiveram a capacidade de construir um monumento como o encontrado em Gobekli Tepe, muda toda a concepção histórica que temos da evolução humana. Dotando os homens deste período de uma sofisticação inimaginável até agora. Quase como se os Deuses tivessem descido dos céus para construir Gobekli Tepe por conta própria.

É aqui que entra a conexão bíblica.

O Sr. Schimdt acredita que Gobekli Tepe seja um templo do que conhecemos hoje como o Jardim do Éden. Para entender como um cientista chega a uma conclusão destas precisamos entender que, para muitos de nós, o Jardim do Éden não passa de uma lenda ou uma metáfora da pureza da humanidade no começo dos tempos.

Para os estudiosos a história contém uma função didática e pode ter sido uma forma de registrar os traumas sofridos quando fomos forçados a deixar a caçada pela agricultura. Como está descrito na bíblia, logo no primeiro livro, de forma poética.

Sabemos que a mudança foi traumática por que fósseis da época mostram que os efeitos dessa mudança. As pessoas cresciam menos e menos saudáveis enquanto seus corpos se adaptavam a nova dieta e aos rigores da agricultura primitiva. Certamente essa mudança não foi realizada por vontade própria. Alguns historiadores acreditam na extinção de animais ou em fatores climáticos capazes de forçar essa mudança.

O Sr. Schimdt acredita em outra possibilidade.

“Para criar este templo, os caçadores devem ter se reunido aqui em grande número. E, uma vez que a obra estava concluída, devem ter se congregado em adoração. Neste momento eles devem ter percebido que seria impossível alimentar tanta gente com caçadas e coleta… então eu acredito que a religião tenha motivado a agricultura.”

Para suportar essa versão está a certeza histórica de que, a mudança para a agricultura ocorreu nesta mesma região. O que não sabemos ainda é o que motivou essa mudança. Os primeiros porcos e ovelhas domesticados são de uma região a cem quilômetros de Gobkli Tepe. O trigo que comemos hoje descende do trigo plantado nas colinas de Gobekli Tepe a milhares de anos e cereais como o arros e a aveia também podem ter sua origem traçada até essa região do mundo.

Isso não é tudo. Além de mudarem para uma forma mais trabalhosa de vida esses primeiros fazendeiros tiveram que enfrentar um desastre ecológico. O estudo do solo da região deserta que temos hoje indica que há 10.000 anos essa região foi um verdadeiro “paraíso” na Terra. Uma região cortada por rios, planícies, montanhas e vales verdejantes. A agricultura destruiu tudo isso, talvez no primeiro desastre ecológico da história.

Há medida que campos eram plantados e árvores derrubadas o micro clima da região mudou, a terra foi exposta a erosão e a terra da fartura tornou-se a terra do suor e trabalho árduo.

Por certo, alguns vão dizer que essas teorias não passam de pura especulação, por mais evidência histórica que as comprovem.

A Bíblia nos diz que o Éden estava entre 4 rios incluindo o Tigre e o Eufrates. GobeKli Tepe está entre o Tigre e o Eufrates. Um texto assírio antigo coloca Beth Eden (a casa do Éden) a 100 km de onde está Gobekli Tepe. Um outro livro do antigo testamento diz que as crianças do Eden estavam em Thelasar, uma cidade síria próxima a Gobekli Tepe. A própria palavra Eden tem origem na palavra suméria para planície e Gobekli Tepe se encontra na planície de Harran.

Quando colocamos tudo isso junto com as recentes descobertas históricas e o suporte de descobertas anteriores ficamos claramente tentados a colocar o Eden em Gobekli Tepe. Se assim for, parece que a coisa acabou mal. Foram encontrados esqueletos (Crânios) adultos no que pode ter sido os primeiro rituais de sacrifício humano da história.

Há, mais ou menos, 8000 anos os habitantes da região enterram todas as construções de Gobekli Tepe em toneladas de areia, criando as colinas artificiais onde o pastor de ovelhas costuma levar seu rebanho para pastar.

Eu praticamente traduzi a matéria original, por achar que valia a pena. O autor do texto original também escreveu um livro: The Genesis Secret by Tom Knox is published by Harper Collins on March 9, priced £6.99. To order a copy (P&P free), call 0845 155 0720. Aguardo, anciosamente, minha cópia.

Da Queda dos Quatro Personagens do Paraiso se Levanta o Homem ?!

sexta-feira, abril 10th, 2009

cranfall.jpgEm outra parte deste web-site descrevo a maior surpresa do mais extremista materialista e conhecedor da Matriz quando se depara com o Genese, o I Ching e a Doutrina Secreta: a Matriz estava ali descrita fielmente em tres diferentes formas de metaforas e parabolas!

O passado longinquo registrado como memoria genetica emerge das profundezas do cerebro na forma de intuicoes como flashes esporadicos e ininteligiveis, a Razao desperta tenta interpreta-los e assim surgem os mitos como bases sagradas das religioes. (caramba! hoje estou gastando…) … Mas com isso, este materialista tem recolher o rabo, enfiar a viola no saco, e estudar humildemente aquelas escrituras, pois ali deve ter coisas sobre a Matriz que nos ainda nao vimos. Engracado e’ que estamos fazendo justamente o caminho inverso dos autores sagrados: enquanto eles viram o quadro real e dai extrairam o quadro interpretativo virtual, nos estamos vendo o quadro interpretativo virtual (feito por eles) para dai extrair mais elementos do quadro real. Claro que devemos ficar atentos para nao adicionar elementos inexistentes e mistificar a Matriz. Mas veja onde este exercicio  (irrresistivel) esta’ nos levando!   

Agora me ocorre que o nosso ancestral no Paraiso nao era apenas os fluxos de informacoes masculino e feminino que os sagrados denominaram Adao e Eva; nem era apenas a serpente que simboliza nosso gene egoista; tambem nao era apenas o ambiente total paradisiaco, orgasmico, mecanicista,  que Adao e Eva construiram como suas confortaveis extensoes e que se tornaram seus proprios corpos. Nao… em nosso verdadeiro e total ancestral havia algo mais.

Seja o que for o Universo observavel – ou um ovo cosmico fecundado, ou o simples hardware de um computador hospedando um software vivo, que no final das contas podem ser a mesma coisa – a auto-consciencia e’ mais uma das formas que a criatura sendo gerada adquire enquanto se desenvolve intra-uterinamente. Se a auto-consciencia ‘e a ultima forma dessa criatura, quando for completada ela vai nascer no dia do Big Birth, e o Universo inteiro material sera’ descartado como e’ a placenta no dia do parto. Se a auto-consciencia nao e’ ainda a ultima forma, … nao importa muito agora; o que importa ‘e que com a forma da auto-consciencia j’a vamos tendo uma ideia mais aproximada da forma do ser ou sistema que gerou este Universo, seja se reproduzindo geneticamente ou seja criando e lancando softwares vivos.

Em todas as possibilidade vistas acima, se extrai sempre a mesma e unica conclusao: o ser ou sistema que estava atras do Big Bang e’ nosso ancstral. Se nao for nosso genitor(a) direto, como parece mais indicado.  

Mas foi este ser que apareceu no Paraiso na forma de Deus. Termodinamicamente falando – ou seja, na versao mecanicista ou minha visao naturalista – Ele se transmuta numa simples forca bruta mas poderosa, universal, a forca mortal da entropia. Ele vem com o chicote na mao para tirar dali os tres elementos – os “humanos”, a serpente, e o proprio paraiso ao transformar tudo na terra esteril – ele destroi, limpa tudo. Desta forma ele representa a meia face da Natureza relativa ao sistema aberto, como representa a mae gravida que forca o embriao resistente e chorao a nascer, expulsando-o de onde ele estava acomodado.

Acho que ja’ naquela forma astronomica, a mente que vinha dormindo na pedra, sonhando no atomo, ja’ tinha adquirido alguma nocao auto-consciente, e depois de quase uma eternidade degustando o mesmo parque de diversoes cercado por todos os lados, nao aguentava mais e preferia pagar qualquer preco para sair dali. Ate’ mesmo se suicidando. Acho que a coisa vai por ai’, mas como estamos apenas tentando extrair os conceitos morais e licoes de aprendizagem de apenas mais dos eventos que constituiram nossa historia, de apenas mais um rolar da engrenagem do hardware fisico, nao vou gastar mais tempo nisso agora, o tema vai ficar em aberto para correcoes e acrescimos sempre que algo novo nos fornecer mais elementos para raciocinar.

O que eu quero ja’ deixar assentado aqui, e’ a nova ideia de que nos, humanos podemos ser um conjunto final tipo 4 em 1, ou 4×1. O paraiso representando nosso corpo fisico num extremo esforco narcisista de estetica vaidosa e vazio mental; a serpente representando nosso gene egoista que tenta interromper o proposito supremo da existencia do Universo, assim como o embriao acomodado se agarra na placenta, resiste ao nascimento, tanto que sai par a luz deste mundo frio e vazio, chorando; Adao e Eva representando a personalidade humana com suas emocoes oriundas do desenvolvimento miscigenado entre instintos herdados dos animais e de LUCA mais as intuicoes do divino; e Deus representando a nossa consciencia, ou, quando muito, o software vivo que deflagrou o Big Bang.

Somos 4 em 1? Dentro de nos esta’ todo aquele paraiso, que com todos seus personagens, se colapsaram, foram fragmentados em bits e misturados e tornados poeira da terra da qual se levantou voce, Homem ou Mulher, como a Fenix se levantou das proprias cinzas?

Fantastica ideia! Que Adao, a serpente, mesmo o paraiso, possam estarem encriptados em meus genes, e’ uma possibilidade que ja me ocorreu varias vezes e achei ate’ natural. Mas agora tambem Deus…!