Posts Tagged ‘photon’

Fotons: Importante Fenômeno Natural da Luz para a Matrix/DNA

sexta-feira, novembro 11th, 2016

xxxx

1 – Extraido de https://pt.wikipedia.org/wiki/Radia%C3%A7%C3%A3o_eletromagn%C3%A9tica

Wiki –  Um feixe luminoso é composto por pacotes discretos de energia, caracterizados por consistirem em partículas denominadas fótons. A frequência da onda é proporcional à magnitude da energia da partícula. Como os fótons são emitidos e absorvidos por partículas, eles actuam como transportadores de energia. A energia de um fóton é calculada pela equação de PlanckEinstein:

{\displaystyle \displaystyle E=hf}\displaystyle E=hf.

Nesta equação, E é a energia, h é a constante de Planck, e f é a frequência.

Se um fóton for absorvido por um átomo, ele excita um elétron, elevando-o a um alto nível de energia. Se o nível de energia é suficiente, ele pula para outro nível maior de energia, podendo escapar da atração do núcleo e ser liberado em um processo conhecido como fotoionização. Um elétron que descer ao nível de energia menor emite um fóton de luz igual a diferença de energia. Como os níveis de energia em um átomo são discretos, cada elemento tem suas próprias características de emissão e absorção

Fótons: Luz do Sol influenciando Organismos e Sistemas Biológicos

domingo, novembro 14th, 2010

E experiência cientifica publicada em Nature agitam os misticos que creem em Astrologia

A Matriz veio do Cosmos pois sôbre sua fórmula foi desenvolvido o ciclo vital dos astros que formaram a galáxia. Depois que formou a galáxia a Matriz caiu na Terra, começou a se recompor gerando a matéria orgânica, os aminoácidos, as protéinas e o RNA, e finalmente assumiu a forma biológica de DNA.

Mas como algo tão grande como uma galáxia passa por uma mutação tornando-se tão minuscula como um sistema celular? Nanotecnologia natural. Nosso corpo já faz isso quando resume o corpo de um adulto em informações contidas dentro de cromossomas. E desde que a galáxia é muito mais simples que um corpo humano, possui milhões de vêzes menos informações diferenciadas entre si, é possível em nanotecnologia colocar uma galáxia dentro da cabeça de um alfinete.

Então tivemos que calcular como foi essa queda, essa passagem, e hipotetizamos a existência dos genes semivivos: seriam as partículas de energia ou luz irradiado pelos astros, pelas estrêlas como o Sol. E estamos apostando que estes genes semivivos sejam partículas  “fótons”, ou “fotões”, como se diz em Portugal.

Mas neste processo da macro-evolução os genes não vieram encerrados dentro de um envoltório cromossomico como acontece na transmissão genética biológica, a qual garante a perpetuação de uma unica espécie gerando filhos iguais aos pais. Eles chegam dispersos no tempo e no espaço, se reunem em diferentes quantidades, recompõem diferentes trechos do código astronomico, e com isso geraram essa imensa variedade de espécies de seres microscópicos.

Precisamos agora testar essa teoria. Para tanto vamos reunir aqui tudo o que se refere  à ação da luz solar ou energia cósmica sôbre a Terra, principalmente suas influências nos organismos. Quaisquer informações, comentários, críticas, serão bem vindas.

1) Perinatal photoperiod imprints the circadian clockhttp://www.nature.com/neuro/journal/vaop/ncurrent/full/nn.2699.html

Nature Neuroscience

Published:(2010) DOI:doi:10.1038/nn.2699 – Published online

Environmental factors, particularly light, can markedly influence neural development…

Bem, em suma, o paper descobriu que ocorrem diferenças no desenvolvimento neuronial de embriões devido às variações da luz do sol durante o dia ou estações. Alguns apressadinhos misticos da imprensa correram a anunciar que a Ciência confirmou a astrologia, que a psique do individuo é determinada pela hora que ele nasce, etc., ( ver http://www.naturalnews.com/030698_astrology_scientific_basis.html, o website de Mike Adams intitulado Naturalnews.com e seu artigo: Principle of astrology proven to be scientific: planetary position imprints biological clocks of mammals”,
Learn more: http://www.naturalnews.com/030698_astrology_scientific_basis.html#ixzz185Iqpa3P

…  mas os céticos revidaram desfilando uma centena de razões argumentando que não é nada disso. Necessário voltar a ler e pesquisar todos os correlacionados aos assuntos deste paper.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx