Posts Tagged ‘Sol’

O real movimento da Terra no espaço sideral

quarta-feira, novembro 28th, 2018

xxxxx

O Sol se move e a Terra acompanha o Sol alem de orbitar em torno dele. No final  o movimento da Terra, se deixasse pegadas no espaço, seria um tubo feito de espiral enrolada… O ponto filosófico da coisa é que nos somos passageiros nesta nave espacial, esta é a nossa viagem da vida, meio tresloucada mas é… Quando vejo este movimento da Terra correndo atras do Sol tenho a impressão que a Terra é como uma mariposa caçando a luz da minha lanterna enquanto ando na selva. E ai olho para a mariposa e pergunto: ” Porque você tem que imitar sua tataravó?”

Uma das consequências disso é que os humanos não conseguem estabelecer um calendário correto, como esta’ muito bem explicado neste vídeo com otina qualidade técnica.

Terra e sua real trajetoria

 

https://www.youtube.com/watch?time_continue=1291&v=IJhgZBn-LHg

Consciencia: o que e’.

sexta-feira, outubro 12th, 2018

xxxx

O psiquiatra Giulio Tononi disse:

“Todo mundo sabe o que é consciência: é aquilo que nos abandona toda noite quando dormimos sem sonhar e retorna na manhã seguinte quando acordamos.”

Existe outro fenomeno similar na Natureza. Todo anoitecer o Sol se esconde de nos e retorna na manha seguinte. Nao seriam os dois personagens – o Sol e a consciencia – tao diferentes, compartilhando o mesmo significado de existencia?

O Sol se poe toda a noite, mas ele não desaparece, não deixa de continuar existindo, no seu lugar. Nao seria a consciencia algo que existe em seu lugar, fora de nos ?

O Sol sai da nossa realidade visual e tátil durante a noite. Mas durante o dia ele volta a entrar na nossa bolha de existencia. Nao haveria atrelada ao nosso cerebro uma bolha na qual a consciencia entra quando acordamos e sai quando dormimos?

Mas ai somos levado a um pensamento exdruxulo, mas alentador: isso quer dizer que a consciencia entra em nos quando nascemos e sai quando morremos. Ela não morre quando morremos.

Se houver um inconsciente coletivo tal como Teilhard di Chardin imaginou, uma especie de camada atmosférica consciente do planeta formada por fragmentos dentro de cada cerebro humano, nos estaríamos inconscientemente vendo o SOL de todos os cantos da Terra onde e’ dia. Pois os 8 bilhoes de olhos – para o inconsciente coletivo seria apenas um so’. Entao no inconsciente coletivo deveria haver apenas uma visao do Sol, mesmo que nos individualmente vemos um fragmento dessa visao. Assim, talvez essa consciencia que vai e volta na verdade e’ uma so, pairando sobre todos nos… O que nos atrapalha e’ que somos uns “bolhas”, e isto acontece por causa do ego egoista individualista.

E la vem alguem querendo mais carona nessa carruagem de opiniões. Ele vem dizendo que a Humanidade e’ um individuo que tapa o olho esquerdo com uma mão e ve o SOL com apenas o outro olho que fica aberto na outra metade do planeta. Depois ela troca os olhos e ve o Sol na metade de ca. E assim vive sucessivamente trocando os olhos… Ele arremata que nunca consegue entender estes comportamentos esquisitos dessa Humanidade.

Eu ando por ai com aquelas arapucas de rede para pegar borboletas, tentando achar e pegar a minha consciencia. Ou a de outro que por acaso esteja perdida por ai. Um dia ainda agarro ela…

O sol muda de tamanho a cada 11 anos e nós não sabemos por quê

quinta-feira, agosto 2nd, 2018

xxxx

Obs: Este artigo fornece informações para calcularmos como foi a mudança do primeiro processo para o segundo processo na formação dos sistemas astronômicos. Nos artigos tem vários links para papers, etc.

The Sun Is Changing Shape And We’re Not Sure Why

http://www.iflscience.com/space/the-sun-is-changing-shape-and-were-not-sure-why/all/

De pulsar a estrela?

De acordo com um novo estudo do Instituto de Tecnologia de Nova Jersey (EUA) e da Universidade de Côte d’Azur (França), o sol se expande e encolhe em um a dois quilômetros a cada 11 anos.

Esses movimentos são como “inalações” e “exalações” muito fracas, com esses quilômetros extras aumentando o raio do sol em apenas 0,00029%, no máximo.

A mudança

A mudança é tão pequena que é incrível que a equipe tenha sequer conseguido detectá-la. Para isso, os pesquisadores se concentraram nos fluxos de plasma que escapam e retornam à superfície solar – fios de gás ionizado altamente energéticos.

Essas ondas de plasma são semelhantes às ondas sonoras emitidas por um instrumento musical. O sol é um pouco como um saxofone: do mesmo jeito que você pode fazer sons diferentes dependendo das chaves que pressiona e do quando expande a tubulação do instrumento, as frequências das ondas de plasma mudam dependendo de quão grande é o sol.

Embora seja uma tarefa complicada, essa alteração pode ser medida com bastante precisão. Foram necessários 21 anos de observações usando dois telescópios espaciais da NASA para alcançar a descoberta.

Essa “respiração” que altera a forma da nossa estrela, como você pode já ter imaginado, tem a ver com o ciclo solar.

Ciclo solar

A cada 11 anos, o sol se move de um máximo para um mínimo solar.

No máximo, jatos solares de intensa atividade magnética ocorrem com mais frequência e se agrupam no equador da estrela. Tais “manchas solares” aumentam as chances de tempestades solares, o que pode significar qualquer coisa, desde auroras mais potentes em nossos céus até problemas nas nossas infraestruturas elétricas. Durante o mínimo solar, manchas solares se tornam mais raras.

Este fenômeno é impulsionado pela atividade magnética no interior do sol. De fato, as ondas de plasma que a equipe do novo estudo rastreou ficam abaixo da superfície da estrela, na ordem de vários milhões de metros.

Os cientistas concluíram que o sol se expande um pouco durante o mínimo e se contrai um pouco durante o máximo solar.

Por quê?

A equipe não sabe porque essa mudança de tamanho ocorre. Os cientistas não têm atualmente uma “teoria” que ligue os deslocamentos às atividades magnéticas internas do sol, mas eles acreditam que haja uma associação. No caso, a “respiração” pode estar relacionada à mudança na orientação dos campos magnéticos que ocorrem durante o ciclo.

A alteração incrivelmente pequena nas dimensões solares não afeta o clima na Terra. Nosso maior problema continua sendo a mudança climática que nós mesmos estamos causando.

As descobertas foram publicadas em um artigo na revista científica The Astrophysical Journal. [IFLS]

Luz e Astronomia: Tipos de radiacoes emitidas pelo Sol

quarta-feira, agosto 1st, 2018

xxxx

Trecho captado num debate na Internet:

“O sol emite diversos tipos de radiações: raios-x, radiação ionizante, radiação ultravioleta, luz visível, radiação infravermelho e até ondas de rádio. O índice UV é o que representa a nocividade para a pele. Não o calor. O Sol tem ciclos, e é ele quem “controla” 95% do clima terrestre. E a Terra não tem QUALQUER influência sobre o clima solar. Somente o contrário.”

Como vem de comentador desconhecido e sem citar fontes, devo pesquisar isso. Surge a hipótese de que o Sol emita talvez ate todas as informações do building block dos sistemas astronômicos. Ou ao menos, a parte das radiações da face direita da Matrix. Pesquisar isso.

 

Previsão da Matrix/DNA Confirmada com a descoberta da onda G no núcleo solar

domingo, agosto 6th, 2017

xxxx

Quando um povo esta’ meio perdido porque esta’ sendo testado pelas crises em suas crenças existenciais, suas interpretações do mundo natural e/ou espiritual, é o momento de grande oportunidade para a evolução provocar as mutações psíquicas ou mentais, no sentido de corrigir os erros e encaminhar este povo para os acertos. `A primeira vista este método da natureza parece desumano, covarde, pois se um ser vivo esta lutando em desespero pela sobrevivência material deveria-se ajuda-lo nessa luta imediata e não levar-lhe filosofias para o cérebro, pois isto o enfraqueceria na luta física real e poderia aniquila-lo. Mas temos observado nas muitas vezes em que a natureza é cruel com suas criaturas que ela parece entender que a tortura da carne não tem importância, talvez porque isso não fere fisicamente a consciência, que é o que realmente lhe importaria. De qualquer maneira o mecanismo sempre funcionou, desde as mutações cosmológicas em átomos e galaxias: um sistema que esta no topo da evolução se acomoda e interrompe sua evolução, a natureza ataca com a entropia que o leva a degeneração e morte, fragmenta-o em seus bits-informação, conduz estes bits a um novo ambiente, ali se confrontam competitiva e caoticamente, mas de dentro do caos eles vão se levantando como o fluxo da ordem e da harmonia que gera o novo sistema a ocupar o topo. Foi nessa mistura alucinante e sofrida do caos que a natureza inseriu novas informações através do ambiente que produziu as novas mutações necessárias.

Muitas nações estão em maior ou menor grau de crises agora, algumas em crise econômica, outras em crise pela insatisfação com o estado da vida, do trabalho, etc. Particularmente o Brasil esta numa crise de identidade e econômica de grande perturbação. O caos se agita, momento oportuno para a evolução universal, que de alguma forma deve inserir na mentalidade brasileira novas informações que produzira nova interpretação da natureza, da existência, uma nova visão do mundo, da qual surgira um novo estado de ordem passada a tormenta, mais sincronizada com a realidade universal.

Como e de onde vira’ as novas informações, quais serão elas. lembre-se que estas informações nada tem a ver com soluções econômicas ou politicas num primeiro plano. Elas são de ordem cosmovisionária, visando alterar operações e conexões entre neurônios do cérebro. Sao as alterações que depois conduzem o povo, inconscientemente, a solucionar os problemas atuais e se estabilizar num n ovo estado de ordem.

Não seria generoso por parte da natureza, por exemplo, focalizar os jovens da classe media que tem como supremo objetivo agora conseguir se instalar em escolas superiores ao mesmo tempo que tenha garantido um certo conforto financeiro, e lhes enviar um novo Jesus Cristo trazendo novas informações e pregando mensagens para a vida depois da morte. Eles estão precisando de um Barrabás, um novo líder forte que derrube os atuais poderosos e traga progresso econômico para eles. Mas a natureza vai fazer assim como fez com os desesperados judeus naquela época.

O que escrevi aqui até agora são conclusões baseadas em fatos reais observados, porem, este conjunto de fatos nos leva irresistivelmente a elaborar novas conclusões, ao que chamamos de teorias, portanto, o que vou expor agora são produtos da minha teoria. Na verdade ( sugere a minha teoria), a natureza bruta se constitui de uma longa avalancha, uma cadeia de causa e efeitos que avança misturando tudo, fazendo e destruindo e refazendo, sem qualquer rumo previsto por ela. Mas infiltrada no meio desta cadeia existe um principio que vem do alem da natureza universal, do antes do Big Bang e de algo alem deste universo percebido por nos. Este principio já produziu em outros planetas algumas formas de vida com consciência bem mais evoluídas que a humana, as quais descobrem o principio e seu objetivo, e então passam a ajuda-lo a progredir, assumindo-o e dirigindo-o a fazer suas transformações em seres de consciência menos evoluídas, como nos humanos. Mas eles não podem modificar o conjunto das forcas e elementos naturais, englobados no que chamamos de leis naturais, pois o proposito deste principio e’ que as consciências se construam por si próprias para serem depois totalmente livres, e isso implica que sejam mantidos certos livre-arbítrios destas criaturas. Eles devem pegar o principio e leva-lo as redondezas das criaturas, disponibilizando-lhes a ingestão ou não destas novas informações. Eles não podem enviarem Barrabás para modificar as estruturas sociais, e sim Cristos, Budas, para atuar a nível mental.

A função de Jesus foi tao sutil que talvez ninguém mais a tenha percebido ate’ hoje. E para inserir este Jesus em nosso meio, basta a consciências extraterrestres mais evoluídas, procurarem um embrião em formação que esteja morrendo antes de se formar, inserirem um software programado no seu DNA, e faze-lo reviver sob o domínio deste software.

A maior causa dos sofrimentos e conflitos entre humanos naquela época eram as lendas religiosas deturpando totalmente os objetivos do principio cósmico, então a mensagem teria que estremecer os velhos testamentos e apresentar um novo. Se ainda perduram resquícios na mentalidade humana atual, a dominância dos velhos testamentos foi substituída por outra dominância relativa a visões do mundo, a dita visão materialista cientifica. E qual a origem desta nova visão?

A maior causa de conflitos hoje deve-se `a formação do cérebro no meio do caos selvagem passando pelos animais que transferiram para o homem sapiens suas configurações neuroniais, nas quais a divisão dos indivíduos e do poder se deve aos três instintos básicos: o de grande predador ( que nos sistemas sociais humanos tem produzido as aristocracias dominantes); o de médio predador ( produzindo as classes medias) e a das presas ( produzindo a grande massa dos dominados). O objetivo supremo do principio vital e consciente é exorcizar do cérebro humano estes 3 instintos. Como o mais difícil é purificar o crebro com tendencia a grande predador pois eles se acomodam pela força e privilégios que desfrutam objetando as mudanças, Jesus trouxe informações em mensagens e atuou como exemplo a ser imitado visando amenizar as três tendencias, mas principalmente mensagens que tocassem mais fundo a tendencia a grande predador. Dois mil anos depois – o que e’ quase nada para o tempo cósmico do principio – pouco influenciou, mas pelo menos a barbárie dos chefes inquisidores brutais das religiões foi em algum grau menor, amenizada.

Não existem seres mais práticos, pragmáticos, utilitaristas, na luta pela sobrevivência e busca de conforto, do que os animais irracionais. Herdamos o cérebro deles e com isso nossa moderna e dominante visão do mundo é a cientifica, extremamente utilitarista, pragmática, exclusivamente pratica, sem qualquer poesia, emoções, etc., atributos trazidos pela consciência. Hoje os tais extraterrestres enviariam softwares que fariam seus portadores estremecerem as bases dessa mentalidade, que são as erradias interpretações dos fenômenos naturais com os quais o método cientifico trabalha. reinterpretando, corrigindo a visão de mundo, conduz-se os cérebro a se re-configurarem no caminho certo.

Pois este autor aqui não recebeu nenhum software nem nunca teve nenhuma experiencia alienígena, mas foi la’ passar sete anos nas noites solitárias a conversar com a natureza virgem para tentar consertar sua herdade visão do mundo que ele intuía estar errada. Esta dentro das possibilidades humanas se corrigir sem precisar da interferência externa, pois a natureza também contem em si o principio da autocura. O resultado do coloquio noturno e secreto com a natureza foi uma nova visão do mundo que me obriga a reinterpretar todas as interpretações que os cientistas tem feito sobre cada nova descoberta de fato real que fazem. Não que eu acredite como religioso na minha visão do mundo e nas interpretações que ela sugere, pois sei que meu primitivo cérebro não seria capaz de processar as informações complexas da Verdade. Mas como também não acredito nas interpretações dos cientistas, e as minhas tem ganhado nos últimos 30 anos, continuo insistindo com elas, afinal, elas me conduziram a exorcizar de mim os três instintos, então, deve ser experimentada, pois se elas não são a Verdade, parecem terem avançado mais na sua direcao que a materialista.

Reinterpretar as interpretações da academia que opera o método cientifico. Isto implica coisas complexas como acrescentar e diminuir detalhes nos atuais modelos teóricos de átomos, galaxias, células, cérebros, código genético, etc. Então vou, para finalizar este longo artigo, apenas citar um exemplo do ocorrido hoje que ilustra como estou fazendo este trabalho. Logo de manha ao buscar as noticias cientificas na Internet me deparei com uma que tem um efeito espetacular no meio acadêmico intelectual e cientifico. O titulo é:

Descoberta dá início a uma nova física solar

no link:

http://hypescience.com/segredo-nucleo-sol/

3948293487 core 1

Resumindo muito e num linguajar popular para leigos como eu, a noticia diz que, apesar de sempre terem acreditado que as esferas concêntricas de diferentes matéria solar tenham suas rotatividades iguais, na mesma velocidade, descobriram que o núcleo do Sol gira 4 vezes mais rápido que a ultima camada da superfície. Com isto descobriu-se que o núcleo solar é conduzido por uma especifica forma de frequência de onda, a denominada onda G, a qual é diferente do tipo de onda que opera na sua superfície, a onda P. Ora, esta descoberta tem muitas implicações, e uma delas significa que vão ter que repensar e refazer muitos conceitos teóricos do seu modelo teórico solar. Inclusive falam na noticia que esta descoberta traz novas informações sobre como foi as origens, a formação do Sol e do sistemas solar.

Pois por inacreditável que possa ser, eu fiz um modelo teórico astronomico na selva a 30 anos atras, muito diferente da teoria acadêmica, que previu exatamente a descoberta deste exato resultado. Não apenas parecera inacreditável para o publico, mas é definitivamente inacreditável para os acadêmicos, pois eles se recusam sequer a dar uma olhada nos meus modelos. Não adiantaria eu gritar que o que vale na Ciência é a teoria com maior capacidade de previsão, a que tem apresentado mais previsões que foram confirmadas, eles não aceitam que alguém fora de seu meio pudesse fazer tal coisa, assim como os acadêmicos e reitores religiosos da Idade Media não aceitaram sequer olhar para a teoria de Copérnico, ela não fazia qualquer sentido face sua visão do mundo.

Os meus modelos interpreta uma galaxia como tendo sido formada numa primeira geração pelo processo da simbiose e depois as outras gerações aprenderam a se replicarem. Sugere que os sete tipos principais de astros conhecidos – desde planetas, estrelas, quasares, pulsares, etc. – são apenas diferentes formas de um único astro inicial – uma estrela gasosa – na qual estava aplicada o mesmo processo vital que faz hoje um corpo humano se modificar em diferentes formas ao longo de sua vida – formas tao diferentes como a morula e’ de um adolescente, ou um embrião é diferente de um adulto. Sugere que o sistema formado pela simbiose destas formulas e’ exatamente igual a uma unidade fundamental de informação do DNA biológico, sugerindo então que existe uma especie de DNA universal para todos os sistemas naturais, animados ou não. E sugere ainda que esta formula é o principio vital universal que se manifestou pela primeira vez na forma da onda de luz completa pelos sete tipos de radiações conhecidas.

Ora, estas sete radiações diferenciadas entre si, apresentam especificas faixas de frequências com suas especificas vibrações. Como seu espectro geral chamamos de onda de luz, notamos que as intensidades e comprimentos destas faixas estão numa sequencia que corresponde exatamente a mesma sequencia de diferenças de intensidades de energia ao longo da vida de um corpo humano. A primeira faixa da onda, a dos raios gama, é a da maior intensidade pois ela acabou de nascer, de ser emitida pela sua fonte. Da mesma forma, as primeiras formas de um novo corpo humano, estão numa faixa em que a energia é a mais inquieta, mais intensa, que suas formas posteriores, como jovens, adultos, etc.

Se o processo de formação dos sistemas astronômicos e seus astros individuais imitam o processo da formação dos corpos humanos e da onda de luz, isto significa que o Sol existe condizido por um espectro invisível destas mesmas ondas, nesta mesma sequencia. Estas ondas concêntricas tem inicio certamente no núcleo solar. E no inicio a energia é mais inquieta, mais intensa. Então qual seria das esferas solares aquela que rodopiaria mais rápido? Certamente não as ultimas da estratosfera solar, nem a da superfície, mas justamente a do núcleo. E não foi justamente isto que confirmaram agora?

Mas qual a importância de um zé ninguém mudo e isolado no mundo estar mostrando para ninguém ver ou ouvir, provas de que ele esta interpretando a natureza com mais acertos que as interpretações da academia que domina a sociedade humana?

Como eu disse no inicio, quer queiram ou não, a natureza aproveita as fases de crises para estremecer nossas estruturas físicas o que pode nos levar a mutações mentais. Assim, através de cirurgias dolorosas, ela vai, inconscientemente, tentando ajustar todos seus elementos, suas criaturas, na avalancha de causas e efeitos. Quando isso acontece a tragedia abate a muitos, que caem para não se levantarem mais ou como moribundos. Mas ao mesmo tempo existem nossas consciências irmãs mais evoluídas que tentam atuar antes que estas tragedias aconteçam, enviando-nos softwares que tentam nos levar a mudança por nos mesmos, o que seria muito menos sofrível. Porem, ainda existe em nos a capacidade de produzir-mos estes softwares nos mesmos, no caso do nossos irmãos não aturarem a tempo, ou não funcionarem tao rápido. Quando estou informando estas acertadas previsões, se alguém estivesse lendo-as, automaticamente sua visão de mundo estaria sendo mutada, sem precisar passar por cirurgias dolorosas. Nisto veja importância no que faco e por isso vou continuar insistindo… a toda vez que sair mais uma descoberta cientifica. Raios, eu já sabia da frequência G no núcleo solar a 30 anos…

 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

(Artigo da ScienceAlert ja’ traduzido pelo Hypescience)

A região mais interna do Sol está obviamente escondida de nós, e parece que isso permitiu que o núcleo de nossa estrela escondesse um enorme segredo. Pela primeira vez, os cientistas conseguiram medir com precisão a rotação do núcleo solar, revelando que ele não gira à mesma velocidade que a superfície – mas quase quatro vezes mais rápido.

Os pesquisadores consideravam a possibilidade de que a rotação do núcleo do Sol não pudesse acompanhar a sua parte externa, mas até agora não havia como saber com certeza – e muitos assumiram que todo o Sol se movia da mesma forma, em um movimento integrado.

Mas os dados mais recentes, obtidos pela Agência Espacial Europeia (ESA) e o Observatório Solar e Heliosférico da NASA (SOHO), fornecem a primeira evidência de um tipo de onda de gravidade de baixa frequência (onda g, não o mesmo que ondas gravitacionais) que reverberam através do Sol, o que acabou se tornando a chave para capturar a rotação do núcleo da estrela.

“Estivemos procurando essas ondas há mais de 40 anos e, embora as tentativas anteriores tenham insinuado as detecções, nenhuma foi definitiva”, diz o astrônomo Eric Fossat, do Observatório da Côte d’Azur, na França. “Finalmente, descobrimos como extrair inequivocamente sua assinatura”.

Até agora, os cientistas haviam conseguido medir ondas de alta frequência, chamadas ondas de pressão ou primárias (ondas p), que passam pelas camadas superiores da estrela e são facilmente detectadas na superfície solar.

Em contrapartida, as ondas g oscilam profundamente no interior solar e, embora possam nos falar sobre o comportamento do núcleo, elas não possuem assinatura clara na superfície.

“As oscilações solares estudadas até agora são todas ondas sonoras, mas também deve haver ondas de gravidade no Sol”, explica Fossat, “com movimentos ascendentes e descendentes, bem como horizontais, como ondas no mar”.

Usando alguns dados de observação de 16 anos do SOHO, os pesquisadores conseguiram isolar uma espécie de onda g chamada modo g, analisando quanto tempo leva para uma onda sonora viajar através do Sol e chegar de volta à superfície novamente: uma viagem de 4 horas e 7 minutos.

Combinando as leituras, eles descobriram uma série de modulações – como um movimento de ondas subaquáticas – que mostrava como as ondas g estavam chacoalhando o núcleo do Sol.

Os resultados sugerem que o núcleo do Sol gira em torno de uma vez por semana, que é quase quatro vezes mais rápido que a superfície solar e as camadas intermediárias, que variam, girando em 25 dias no equador e 35 dias nos pólos.

“Este é certamente o maior resultado da SOHO na última década, e uma das melhores descobertas de todos os tempos da SOHO”, diz Bernhard Fleck, cientista do projeto SOHO e do Goddard Space Flight Center da NASA.

Volta ao início

Quanto à forma como essa discrepância rotacional surgiu, o melhor palpite dos pesquisadores é que é uma espécie de volta aos primórdios do Sol. Eles acreditam que, de alguma forma, a radiação e o vento solar projetados a partir do Sol são, de fato, capazes de diminuir a velocidade de rotação das regiões externas, (NÃO) , mas é um fenômeno apenas superficial, que deixa a rotação do núcleo intacta.

“A explicação mais provável é que essa rotação do núcleo é um resquício do período em que o Sol se formou, há cerca de 4,6 bilhões de anos”, diz o astrônomo Roger Ulrich, da UCLA. “É uma surpresa, e emocionante pensar, que podemos ter descoberto uma relíquia do que o Sol era quando se formou pela primeira vez”.

Em suma, é uma descoberta maciça para os astrônomos, e agora que finalmente confirmamos a presença de ondas g no Sol depois de persegui-las por tanto tempo, os pesquisadores dizem que estão apenas começando. “É muito especial ver o núcleo do nosso próprio Sol para obter uma primeira medida indireta de sua velocidade de rotação”, diz Fossat. “Mas, mesmo que essa busca de décadas tenha terminado, uma nova janela da física solar começa agora”. 

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Noticia no Science Alert ( no comments)

Scientists Just Revealed a Hidden Secret About The Sun’s Inner Core

http://www.sciencealert.com/scientists-just-revealed-a-surprising-secret-about-the-sun-s-hidden-core

xxxxxxxx

O paper publicado no Journal “Astronomy&Astrophysics”

O PDF  de 17 paginas e’ free para leitura

Asymptotic g modes: Evidence for a rapid rotation of the solar core

https://www.aanda.org/articles/aa/abs/2017/08/aa30460-17/aa30460-17.html

Abstract ( e minha pesquisa)

Context. Over the past 40 years, helioseismology

(ver helioseismology)

has been enormously successful in the study of the solar interior. A shortcoming has been the lack of a convincing detection of the solar g modes,

( ver solar g modes )

which are oscillations driven by gravity

(ver oscillations driven by gravity)

and are hidden in the deepest part of the solar body – its hydrogen-burning core. The detection of g modes is expected to dramatically improve our ability to model this core, the rotational characteristics of which have, until now, remained unknown.

Aims. We present the identification of very low frequency g modes in the asymptotic regime

(ver isso)

and two important parameters that have long been waited for: the core rotation rate, and the asymptotic equidistant period

(ver)

spacing of these g modes.

Methods. The GOLF instrument on board the SOHO space observatory has provided two decades of full-disk helioseismic data. The search for g modes in GOLF measurements has been extremely difficult because of solar and instrumental noise. In the present study, the pmodes of the GOLF signal are analyzed differently: we search for possible collective frequency modulations that are produced by periodic changes in the deep solar structure. Such modulations provide access to only very low frequency g modes, thus allowing statistical methods to take advantage of their asymptotic properties.

Results. For oscillatory periods in the range between 9 and nearly 48 h, almost 100 g modes of spherical harmonic degree 1 and more than 100 g modes of degree 2 are predicted. They are not observed individually, but when combined, they unambiguously provide their asymptotic period equidistance and rotational splittings, in excellent agreement with the requirements of the asymptotic approximations. When the period equidistance has been measured, all of the individual frequencies of each mode can be determined. Previously, p-mode helioseismology allowed the g-mode period equidistance parameter P0 to be bracketed inside a narrow range, between approximately 34 and 35 min. Here, P0 is measured to be 34 min 01 s, with a 1 s uncertainty. The previously unknown g-mode splittings have now been measured from a non-synodic reference with very high accuracy, and they imply a mean weighted rotation of 1277 ± 10 nHz (9-day period) of their kernels, resulting in a rapid rotation frequency of 1644 ± 23 nHz (period of one week) of the solar core itself, which is a factor 3.8 ± 0.1 faster than the rotation of the radiative envelope.

Conclusions. The g modes are known to be the keys to a better understanding of the structure and dynamics of the solar core. Their detection with these precise parameters will certainly stimulate a new era of research in this field.

xxxxx

Preciso agora ( depois de uma pesquisa sobre frequência G, etc.) ver quais as novas implicações para esta nova interpretação de uma estrela como o Sol. Por exemplo,

  1. esta sugerido que o núcleo imita F1, o estado embrionário no circuito sistêmico. Quais serão os outros seis estados do Sol? Seria as faixas das orbitas dos planetas outros estados, inclusive vibratórios, da mesma onda?
  2. os astrônomos sugerem que esta descoberta lança nova luz sobre a formação do sol. Para a Matrix/DNA, devo pensar se ela pode ajudar a calcular a segunda fase das formações dos sistemas astronômicos, ou como eles evoluíram da formação por simbiose para a formação por auto-replicação.

xxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

Questao postada no sub-reddit, topic Science > Asttrophysics

 

The spetacular discovey is that the sun’s nucleous rotates 4 times fast than its surface and has a “frequency G”. It happens that the Matrix/DNA Theory has an astronomic model which 30 years ago predict these discoveries. The model suggests that the sun’s nucleous performs the function F1 of a universal formula for systems. But, the F1 at galaxies suggests the existence of a rotative vortex replacing the theoretical existence of black holes. Now we have the problem: is the sun’s nucleous the origins of a “dust’s star formation” or the origins of a black hole? You can see the news at ScienceAlert:https://www.sciencealert.com/scientists-just-revealed-a-surprising-secret-about-the-sun-s-hidden-core

Mensagem da Matrix/DNA

domingo, agosto 6th, 2017

xxxx

Mas um grande dia de comemoração pela turma de um só’ da Matrix/DNA… Ha’ 30 anos registrei os copyrights dizendo que o sistema solar tem ondas concêntricas com faixas esféricas de diferentes frequências e vibrações na mesma sequencia de uma onda de luz. E que portanto o núcleo solar devia ter a primeira faixa, da conhecida onda G, que e’ a de mais intensa energia. Pois apenas nesta semana a comunidade acadêmica cientifica, contra tudo o que diziam suas teorias e contra tudo o que negaram quando eu dizia isso nos debates interneticos, descobriram e confirmaram não apenas que as ondas G estão no núcleo solar, como também descobriram seu obvio efeito: que o núcleo solar gira mais rápido que a superfície. Quatro vezes mais rápido!
O futuro sempre desmentiu as mentiras, sempre clareou os fatos. Naquela época os donos das universidades não queriam admitir, mas o futuro desenterrou os papeis empoeirados de Copérnico, um zé’ ninguém, foi o primeiro a descobrir que o Sol não gira a nossa volta, como desenterrou dos porões da biblioteca os papeis de Mendell, outro que morreu desconhecido, para mostrar que ele foi o primeiro a descobrir a genética…Ora, de alguma maneira o futuro desenterrara meus copyrights no Rio e em Washington e mostrara que fui o primeiro a ver as ondas G no núcleo solar, o primeiro a dizer que nunca houve origens da vida aqui, o primeiro a dizer que o DNA vem desde o Big Bang, que não existe código genético, o primeiro a unir a evolução cosmológica `a evolução biológica com um elo evolucionário que ainda desconhecem. o primeiro a elaborar um modelo teórico do átomo e da galaxia mais próximo da verdade… E o primeiro a descobrir que neste universo esta ocorrendo um processo de reprodução genética de um sistema natural consciente que deflagou o Big Bang como num ato de fecundação, e que nos, humanos, somos partes dos genes meio-conscientes que esta construindo este embrião… Que fui o primeiro a descobrir no céu, os astros possuem ciclo vital igual a nos, que formam famílias, namoram, se casam, se reproduzem como nos e as estrelas, como mães atarefadas a manterem seus rebentos planetas protegidos debaixo de suas asas gravitacionais enquanto os nutre com seu néctar energético… O futuro talvez descobrira que fiz algumas teorias erradas também, mas as corretas suplantam, portanto, estou no meu direito quando tomo no presente uma cerveja para antecipar uma comemoração que por certo acontecera quando não mais estiver por aqui… Um brinde `a onda G!
Para um cidadão comum parece não ter nenhuma vantagem em saber estas coisas distantes do macro e microcosmo mas na verdade existe uma grande vantagem – fundamental – se sua visão do mundo aponta para um significado sublime para nossa existência, e as previsões de sua visão vão sendo todas confirmadas – pois isto confirma o significado da existência e este me indica que passaremos por todas as mortes e o nosso futuro sera grande…
Para quem quiser ver a noticia desta descoberta:

Veja porque a minha teoria explica mais racionalmente que a teoria academica, como e porque o sistema solar produziu a vida dentro dele

domingo, julho 30th, 2017

xxxx

No artigo com link e titulo abaixo, o autor faz um brilhante trabalho explicando informcoes cruciais para se entender o Sol. Porem, trata-se de uma interpretacao do Sol pela otica da academia cientifica desta era, e como sabem, tenho insistido que existe outra interpretacao mais logica e racional tendo-se em vista o que o sistema solar produziu aqui sob nossas vistas: a Vida! Acho que fui feliz num comentario postado no artigo chamando a atencao para este problema:

Fim do Sol

O Fim do Sol

http://fisicameuespacotempo.blogspot.com/2011/05/o-sol-um-dia-vai-acabar.html

O Sol um dia vai acabar?

E meu comentario postado no artigo:

Louis Charles Morelli – 30/Julho -07/2017

 Andre, perdao por invadir seu espaco, e com uma observacao “far away off the beam”, como alguns astronomos Americanos tem me dito. Mas se gostas de entender a natureza universal mais que defender as teorias humanas, forneco “good food for thought”. Voce diz no comentario que ainda tem muitos detalhes a acrescentar no texto acima, e penso que conheco todos, porem, mesmo assim, voce nao acha que essa teoria academica esta super-reduzindo a complexidade de dois astros – o Sol e a Terra – que juntos tinham todas as forcas e elementos naturais necessarios para produzirem a primeira celula viva dentro deles? Onde e qual era a forca ou elemento que transformou materia inorganica em organica? Qual a forca que dirigiu atomos terrestres a novas combinacoes resultando nas primeiras moleculas quimicas organicas? Qual elemento do sistema solar sabia se auto-replicar, ou ao menos ja continha os principios fisicos para tal mecanismo? E assim por diante… se o sistema solar nao tinha algum destes principios, teriamos que acreditar que algo veio de fora do sistema solar para produzir a vida na Terra, o que nao e’ la’ muito cientifico.
Pois bem. Com estas perguntas passei 7 anos estudando a biosfera amazonica, buscando tambem as causas de suas origens, e os resultados sempre apontavam que a luz solar trouxe muitas mais informacoes do que sabemos. Buscando como estas informacoes estariam inseridas nestes astros, acabei por desenvolver um diferente modelo ou teoria astronomica, o qual contem todas aquelas forcas e elementos necessaries para produzir o que vemos aqui. Mas claro, nao sou astronomo, e mero filosofo brasileiro, ninguem vai sequer pensar no assunto, entao so’ me resta deixar o tempo fornecendo mais dados para testar qual teoria esta certa. Se voce tiver interesse em ver um trabalho que parece for a de foco em relacao `a visao academica official atual, digite: http://theuniversalmatrix.com  Abracos….

Website Agressivo no Marketing: Investigação de Tecnicas

segunda-feira, abril 18th, 2016

xxxx

 Sol-pela-Matrix/DNA.jpg

Sol-pela-Matrix/DNA.jpg

Como fazer as imagens aparecerem no Google e os textos nas buscas? As imagens devem ser gif,jpg,etc.? O  titulo deve ir dentro ou fora da imagem? A palavra do titulo deve ser a tag?

Experimentar esta dica:

A comment about images – When you name an image that you’re going to post, use descriptive dash or underline separated words and include your name. For example: black-cockatoo-print-by-debi-dalio.jpg. This will help people who do image searches find you

1 – Imagem de Sol, muito procurada nas pesquisas:

https://upload.theuniversalmatrix/commons/thumb/b/b4/The_Sun_by_the_Atmospheric_Imaging_Assembly_of_NASA's_Solar_Dynamics_Observatory_-_20100819.jpg/305px-The_Sun_by_the_Atmospheric_Imaging_Assembly_of_NASA's_Solar_Dynamics_Observatory_-_20100819.jpg

Sol

Sol

  • Dia 4/21/2016
  • Nao esta aparecendo a minha no search
  • https://upload.wikimedia.org/wikipedia/commons/thumb/b/b4/The_Sun_by_the_Atmospheric_Imaging_Assembly_of_NASA’s_Solar_Dynamics_Observatory_-_20100819.jpg/305px-The_Sun_by_the_Atmospheric_Imaging_Assembly_of_NASA’s_Solar_Dynamics_Observatory_-_20100819.jpg
  • Vou experimentar este lomgo adress na minha imagem, mudando o https para o meu

 

2 –  Talvez tenha imagens ligadas a palavras em ingles ou outros idiomas e estas imagens não apareçam nas buscas de outros idiomas que não o ingles. Então copia-se estas imagens e poe-se o nome em portugues, espanhol, etc.

 

3 – Escolher a mais bonita ou informativa:

Mensagem Mistica Em Acordo com MatrixLight/DNA

sexta-feira, março 18th, 2016

xxxxx

www.comandoestrelinha.ning.com

O DNA, NA VERDADE, É UM PORTAL PARA DIMENSÕES SUPERIORES

Estamos aqui, uma vez mais, acolhendo-os com a nossa profunda gratidão assim como o nosso reconhecimento por sua coragem e disposição, a disposição de ancorar as energias intensas que estão banhando a humanidade. Essas cachoeiras energéticas em que vocês estão navegando, começam a abrandar-se. Quase podemos sentir o suspiro coletivo.

As ondas de energia celestiais foram ancoradas na matriz da Terra. Essas sementes vibratórias foram plantadas na consciência da humanidade. Agora, essas sementes do despertar precisam ser cultivadas para despontarem. Esse processo será exclusivo de cada pessoa, no entanto, já começou.

Há os que leem essas palavras que estão conscientes e que deram boas vindas à recalibração e à redefinição. Mesmo que vocês não tenham certeza do que isso signifique exatamente, o seu conhecimento interno, e a sua consciência percebem que alguma coisa profunda aconteceu.

Vocês podem começar a promover a própria transformação e recalibração. Imaginem que as ondas galácticas, que vocês estão experimentando, desencadearam aspectos e capacidades latentes mantidas no seu DNA. Compartilhamos que o DNA é um projeto galáctico.

O DNA é realmente um portal, um acesso para as dimensões superiores. Vocês estão lenta e suavemente sendo convidados a perceber que são viajantes cósmicos. Vocês estão se conscientizando de que não são limitados às ilusões da terceira e quarta dimensões.

Percebemos que a sua experiência de terceira dimensão é muito real. Se vocês pudessem, apenas por um momento, considerar que a possibilidade tão real poderia ser apenas um holograma ou jogo holográfico… Sabemos que essa afirmação incita todas as suas crenças e argumentos limitados, porque, a partir de nossa observação, vocês realmente vivenciaram a sua realidade como real e sólida.

Portanto, gostaríamos que vocês considerassem que a realidade em que estão lendo nossas palavras fosse apenas uma realidade. Agora, pondo de lado isso que é aceitável, nós os convidamos a expandir os seus pensamentos para a possibilidade de que vocês são capazes de passar para os reinos superiores da verdade e luz.

A fim de promover a recalibração que vocês experimentaram, a fim de fortalecer a expansão e desenrolar o seu DNA, é importante que mantenham os pensamentos e sentimentos de que poderia ser possível.

Vocês foram informados de que o seu estado mental e as emoções que são geradas por esses pensamentos e crenças afetam o modo em que o DNA de toda e qualquer célula reage. Vocês são poderosos nessa capacidade de influenciar a própria expansão pessoal.

Assim, a energia galáctica e as dádivas que vocês experimentaram deram partida ao seu despertar cósmico. Muitos chamaram isso de consciência crística e consciência búdica. Poderíamos dizer que são vocês tornando-se conscientes do seu SELF multidimensional magnífico.

Gostamos do exemplo da lagarta se transformando em borboleta, porque é uma simples ilustração do que a humanidade está experimentando, um a um. A lagarta não tem ideia que será transformada em um SELF que pode voar.

Vocês estão no processo, o maravilhoso e emocionante processo de tornar-se um ser cósmico de pura luz.

O objetivo é compreender que vocês estão em uma realidade que existe no tempo e no espaço, e também reconhecer que estão livres para se movimentar entre as dimensões além do tempo e do espaço. Não precisa ser um ou outro.

Enquanto vocês são caminhantes terráqueos dispostos, aqui, a contribuir para a elevação da consciência da humanidade nos reinos da causa, vocês também são seres incríveis de luz divina, aqui, para ancorar uma Nova Terra, aqui para transformar todas as energias desqualificadas que mantêm esta realidade de terceira dimensão na ilusão das limitações.

Reivindiquem o seu poder pessoal; saibam que o seu DNA foi disparado para permitir que todos os seus dons e capacidades incríveis viessem à tona. Isso ocorre no nível atômico, celular, do seu ser. O influxo dos raios gama começaram o processo de expansão das faixas do seu DNA, de uma hélice dupla para as suas doze faixas multidimensionais originais.

Percebemos que o que estamos compartilhando pode não ser exatamente claro. Todavia, queremos que vocês saibam que estão na mais surpreendente transformação. Houve uma tremenda mudança e vocês começarão a ver o que poderia ser chamado de mudanças milagrosas ocorrendo em sua realidade.

É importante que se apropriem dessa possibilidade. É importante que ancorem essa possibilidade de verdade. Permitam-se brincar com as possibilidades de serem ilimitados. Como se pareceria ou sentiria. Permitam-se imaginar realmente as possibilidades impressionantes e magníficas.

Expandam-se para além do que vocês pensam que seja possível em sua vida e em suas experiências pessoais, bem como no mundo físico que vocês observam. Lembrem-se, com frequência, de que vocês são ilimitados; vocês estão despertando para a sua essência verdadeira de luz divina.

Comecem o dia declarando: “Estou plenamente encarnado e ancorado neste planeta, e conectado com a Fonte Divina.” Esta é uma poderosa afirmação que traz a sua consciência multidimensional divina para a sua forma física.

Continuem a perguntar-se como poderia esta realidade ser ainda melhor. Comecem a visualizar exatamente as coisas que vocês gostariam de ver em seus noticiários. Lembrem-se de não pressionar contra as coisas que gostariam de ver transformadas. Em vez disso, imaginem as soluções reais para essas questões e desafios com que a humanidade se depara.

Lembrem-se, vocês fazem parte da solução; vocês não são apenas observadores ou juízes. Reivindiquem o seu poder e conscientização pessoais de que as suas opiniões, pensamentos, sentimentos quer amplificam as ações e eventos desqualificados, quer elevam e transformam qualquer padrão de violência, preconceito ou ódio.

Trata-se de uma mudança que ocorre internamente, no entanto, uma vez que ocorra, vocês começam a mostrar uma atitude, uma frequência, uma vibração que realmente se junta a vibrações semelhantes de amor e perdão no coletivo e uma realidade diferente surge.

Nós os convidamos para começar a invocar as suas capacidades e dons que foram ativados. Pratiquem enviar uma mensagem mental ou telepática a um amigo. Deem-se um momento para perguntar mentalmente e saber quem está telefonando antes que vejam a identidade. Pratiquem utilizar a sua imaginação muitas vezes ao dia. Permitam-se ver ou imaginar um evento se manifestar de um jeito que agrade a todos. Gastem alguns minutos alinhando suas ações com os seus pensamentos mais elevados.

Percebam que vocês estão conectados com o campo energético dos demais, portanto, comecem a observar quando vocês ainda são influenciados pelas atitudes ou emoções alheias. O melhor e mais rápido método de lidar com isso é dizer frequentemente para si mesmo: “Toda energia que não me pertence, eu envio de volta abençoada e transformada. Invoco a minha energia de volta abençoada e transformada e a integro com facilidade e graça.”

Isso é como lavar as mãos energeticamente. Devido ao fato de que as suas capacidades empáticas ou clarissencientes foram plenamente ativadas, e estão aumentando, essa é a primeira linha de ação que realmente transforma e altera a energia alheia.

Cada vez que vocês enviarem energia/emoções abençoada e transformada para alguém, vocês estão oferecendo-lhes uma bênção da graça e estão fazendo a sua parte em transmutar as energias desqualificadas. Pouco a pouco, vocês estão enviando pacotes de luz de consciência para todos que vocês encontrarem.

Comecem a se envolver com o campo quântico em que vocês existem de uma maneira que seja agradável e estimulante para o melhor e mais elevado bem de todos. Lembrem-se de que vocês são criadores, então, criem projeções solidárias e de vida sustentável neste campo quântico e neste jogo holográfico. Sejam gentis consigo mesmos, ao permitir que essas mudanças internas, dons e capacidades suavemente lhes sejam revelados.

Este é um momento emocionante e comemoramos a sua expansão consciencial para o verdadeiro ser cristalino, semente estelar, que vocês são. Vamos continuar a recordá-los da sua natureza verdadeira e ilimitada e de tudo o que é possível.

Estamos sempre disponíveis como estão outros seres de luz e amor nos reinos não-físicos. Convidem-nos para a sua consciência, sua vida e tudo o que está ocorrendo em seu planeta. Juntos apoiaremos o verdadeiro despertar e ascensão da humanidade para as dimensões superiores de amor e luz

Sol, Sun`s flares, Magnetic Field, etc. Suspicious Observer, bom site e videos.

segunda-feira, julho 27th, 2015

xxxx

Suspicious Observers

http://www.suspicious0bservers.org/

Suspicious0bservers.org is the home of an online research community investigating solar activity, climate change, earthquakes, and more.  There are +230,000 Observers in our community.  Hundreds of hours of additional content are available when you become a member.  Eyes open, no fear.

Space Weather | Solar Activity | Weather | Earthquakes | Climate Change