Posts Tagged ‘Teoria’

Os turbilhoes na superfície de Júpiter: Previsão correta e mais uma evidencia para a Matrix/DNA Theory

domingo, setembro 2nd, 2018

xxxxx

Intricate swirls in Jupiter's volatile northern hemisphere are captured in this image from NASA's Juno spacecraft. Bursts of scattered bright-white 'pop-up' clouds appear with some visibly casting shadows on the neighboring cloud layers beneath them.

Aqui estamos realmente assistindo a formação de um pulsar e posteriormente, de uma supernova… segundo meus modelos teóricos compondo a Matrix/DNA Theory. De dentro para fora cresce um germe de estrela, comendo o que resta de nutrientes nas camadas externas através das reações nucleares e a pressão gerada produz gigantescos vulcões com estes turbilhoes na superfície. Quanto mais os nutrientes pesados são processados, maior e mais leve Júpiter fica, e esta leveza o livra da força magnética do núcleo solar ate que ele um dia saia do sistema e vá brilhar como mais uma estrela. Os acadêmicos se riem e acham estranho que eu use metáforas do mundo vivo para descrever fenômenos astronômicos porque eles são misticos duvidando que a Vida foi criada por e dentro de sistemas astronômicos que seriam – segundo eles – não-vivos e por isso precisam de assombrações como o Acaso Magico para explicar origens espontâneas de astros e da vida, o que e’ um absurdo. O tempo com mais informações, sera o juiz de quem esta certo ou errado.

 

Espaço e tempo: Teoria de Seth (Jane Roberts) bate com a sugestão da Matrix/DNA Theory

terça-feira, agosto 28th, 2018

xxxx

WHAT IS THE NATURE OF TIME AND SPACE?

https://www.sethlearningcenter.org/q_time_space.html

“The settings in your physical environment…the physical aspects of life as you know it, are all camouflages.

Matrix/DNA: Camuflagens no sentido de que você chamaria de camuflagens as formas anteriores do seu corpo que não existem mais para você agora, como a forma de morula, blastula, feto, criança, etc… Todas as paisagens físicas do Universo ate agora, todas as vidas da Natureza, foram e ainda são formas criadas na grande obra de gerar uma consciência cósmica, a forma final para o dia do grande nascimento.

The brain is a camouflage pattern. It takes up space. It exists in time. The mind takes up no space, it does not have its basic existence in time.

Matrix/DNA: Grande! Somos habituados a questionar se nossa mente esta dentro da cabeça, ou fora da cabeça, etc. Ora… O cérebro é um objeto físico, então ele toma um lugar no espaço físico. A mente não é um objeto físico, para ela não existe espaço físico, então não faz sentido querer situa-la num ponto do espaço… O mesmo acontece com o tempo: a vida dura 70 anos? Pode ser, para o corpo físico. Para a mente não existe tempo, não existe 70 nem um milhão de anos, ela não tem um tempo para existir ou não.

The reality of the inner universe does not take up space, nor does it have its basic existence in time. Your camouflage universe, on the other hand, takes up space and has an existence in time, but it is not the real and basic universe, any more than the brain is the mind.

Your idea of space is some completely erroneous conception of an emptiness to be filled… True inner space is to the contrary vital energy, itself alive, possessing abilities or transformation, forming all existences, even the camouflage reality with which you are familiar, and which you attempt to probe so ineffectively.

This basic universe of which I speak expands constantly in terms of intensity and quality and value, in a way that has nothing to do with your idea of space. The basic universe beneath all camouflage does not have existence in space at all, as you envision it… Space is a camouflage… ”

Matrix/DNA: Acho fácil perceber como nossa ideia de espaço não tem fundamento na realidade. Suponha que esse aglomerado de galaxias que forma este Universo tenha realmente um limite, chega a certo ponto e terminam as galaxias. O que temos ‘a frente? Espaço? Certamente não o espaço como cremos, o que pode ter é o vazio infinito. Mas se alguém construísse mais uma galaxia e a colocasse depois da ultima galaxia, o intervalo de “nada” que ficasse entre as duas seria por nos chamado de espaço. Seria medido, ate ocupado, ou seja, de repente teríamos materializado este espaço, apenas em nossa crença… O mesmo pode-se dizer que este “tempo”, uma ideia inventada por nos para podermos mediar a sequencia de eventos e situar um evento em tal estado do mundo outrora, não existe de fato, ou como algum tipo de energia, fluido, substancia, etc. 

From the book, Seth Speaks, page 235:

“As I have said many times, time as you think of it does not exist.”

From the book, The Nature of Personal Reality, page 152:

“…the fact is that all ‘time’ is simultaneous.”

From the book, Seth Speaks, page 245:

“There are an infinite number of inner universes…”

Cometa em explosao?! E’ possivel, pela Matrix/DNA Theory

quinta-feira, julho 12th, 2018

xxxx

Foto de um cometa emitindo uma erupção? Explosões em cometas?

Comest PANSTARRS explodes in night sky

Comet PANSTARRS: Astronomer Michael Jager snapped this incredible photo

Cometa 16 vezes mais brilhante estará visível a olho nu em agosto

http://noticias.band.uol.com.br/ciencia-e-saude/noticias/100000923040/cometa-16-vezes-mais-brilhoso-estara%A1-visa%ADvel-a-olho-nu-em-agosto.html?utm_source=facebook&utm_medium=social-media&utm_campaign=noticias&utm_content=geral

Louis Charles Morelli em julho, dia 12 de 18:

” Cometas – no corpo deste nosso ancestral sistema astronomico que produziu a vida aqui e dentro dele – são produzidos pela erupção de gigantescos vulcões em pulsares e tem como destino ( guiados pela espiral galáctica) o buraco negro no centro do sistema, onde vai influenciar na produção de um novo germe de astro sideral. Portanto a função dos cometas e’ idêntica a dos espermatozoides nos sistemas biológicos. Por isso também a coincidência de suas formas. Cometas que vagam no espaço como este entrando no sistema solar são espermatozoides mortos que não alcançaram seu destino, não fecundaram.” Bem… isto e’ o que sugerem os meus modelos astronômicos na Teoria geral da Matrix/DNA, e, claro, posso estar errado, apesar de já ter muitas evidencias e previsões acertadas. Mas como poderia ocorrer explosão dentro de um cometa? Tenho que investigar como a teoria acadêmica explica isso pois pelo que dizem da constituição interna, nada ha’ para explodir. Na minha teoria e’ possível ocorrer explosão pois a carga “genética” carregada no núcleo de cometas ( que são magmas vulcânicos) age como germes comendo a matéria envolvente e com isso gerando enorme pressão de gás interna.

xxxx

Sobre “comets explosion”( os academicos nada sabem sobre as causas das explosões, as teorias são muito incipientes):

EXPLODING COMET COULD HAVE BLOWN UP WITH CARBON MONOXIDE

Meu comentario postado na Wired em 7/12/18

The astronomical models of Matrix/DNA Theory explains why comets shows eruptions like volcanos: their nucleus are made off magma from giants and olds planets in shape of pulsars. Covered by star’s dusty this magma continuing its reactions, devouring the surround matter. it creates internal gas and pressure. But… The Matrix/DNA does not separates cosmological from biological evolution, where it gets data for its models, and this is weird for official academic astronomic theory…

  • Ciência Humana: As bizarrices estão no mundo natural, não nas nossas teorias… Mas qual a função da teoria senão retratar o mundo real?!

    sexta-feira, julho 6th, 2018

    xxxx

    Todos, mas todos mesmos, fenômenos constatados no espaço sideral que não batem com o modelo da teoria astronômica acadêmica, são chamados de ‘estranhos”, “bizarros” e para explicar todos sempre recorrem a um evento nunca provado: colisões cataclísmicas. Ora, a logica do mundo e’ ditada pela Natureza Universal e não pela mente humana. Se existe um fenômeno natural que a mente humana diz ser bizarro, a bizarrice, o erro, esta na mente humana e não na logica natural. Ou vamos mudar toda a Natureza Universal para satisfazer e se adaptar `a mente humana?

     

    https://hypescience.com/colisao-bizarrices-urano/

    Colisão há bilhões de anos pode explicar bizarrices de Urano

    E meu comentário enviado ao artigo ( nunca sai publicado os comentários na hora. Verificar se são retidos pela moderação) 

    Louis Morello – julho 07/06/18

    Mais uma vez a Mágica Dona Colisão dos Céus vem matar uma inimiga bizarra da Invencível e Eterna Teoria Astronômica dos Homens. Esta teoria virou uma colcha de retalhos tão remendada que se algum não-torcedor dos humanos observá-la, não vai reconhecê-la no modelo original. Mas ao invés de ver que a bizarrice esta no modelo teórico e não nos astros, mantém-no com unhas e dentes. Eu sou torcedor dos humanos e desejaria que nossa visão do mundo esteja próxima da verdade, mas assim não da’. Se houvesse computador e simulação quando a teoria dizia que o Sol roda em volta da Terra, a Mágica Dona Colisão teria mantido integra a crença da Terra fixa no centro com unhas e dentes até aparecer o primeiro satélite.
    Será possível que esse pessoal não desperta para perceber que algo na Teoria Nebular sobre a formação dos planetas e sistemas estelares esta’ muito errado? Basta olhar para o que este sistema astronomico produziu aqui, dentro dele, na superfície de um dos seus planetas, e portanto apenas com forças e elementos dele… os sistemas biológicos, aka “Vida”? Então onde estavam estas forças e elementos no estado do mundo a 3,5 bilhões de anos atras? Caíram de outra galaxia por magica? Primeiro de tudo, este sistema astronomico aplicou aqui o chamado processo do ciclo vital. Onde um corpo surge do material existente, cresce transformando-se em varias formas, amadurece, degenera e morre. Os criados sistemas biológicos inventaram este processo do nada? Por mágica ou novamente por uma colisão salvadora? Não: se este processo foi aplicado pelo sistema astronomico e’ porque ele próprio ele foi formado pelo processo. Apliquei esta possibilidade numa estrela leve formada nos primórdios da nebulosa de átomos e vi nos cálculos simuladores a estrela se transformando e tomando as formas dos outros seis tipos de astros conhecidos, de quasares a planetas a pulsares.
    Oh… mas usar um fato natural comprovado e conhecido por todos aqui como parâmetro para elaborar um modelo teórico astronomico e’ coisa de louco… o certo e’ imaginar o que nunca se viu ( astros surgindo por acaso e geração espontânea na forma que são, como Deus criou todas as especies na forma que estão), isso e’ racional… Urano, terá’ suas bizarrices explicadas quando aprenderem que existiu dois processos de formação dos sistemas astronômicos e saberem calcular como o primeiro processo evoluiu para o segundo, o que ainda não fiz.
    Quando levanto os olhos nus ao céu e vejo o esplendor do estado de ordem, a incrível suavidade e exatidão da mecânica celeste, e não vejo nenhuma colisão, nada que revele o estado de caos desta biosfera a qual o homem projeta ao Cosmos antropomorficamente, e me lembro destas teorias das colisões caóticas, sinto revolta desta heresia contra o gênio da mecânica Newtoniana.

    Analogia entre a Teoria de Teilhard de Chardin e a Teoria da Matrix/DNA

    domingo, junho 24th, 2018

    xxxxx

    https://www.idolbin.com/post/3_z12ishxjqqzofni2l23yx13jbovrehlty

    THE LAW OF COMPLEXITY AND CONSCIOUSNESS and THE OMEGA POINT By TEILHARD DE CHARDIN

    Open debate posted by Mario Falcetti

    ” “For invincible reasons of homogeneity and coherence, the fibers of cosmogenesis require to be prolonged in ourselves far more deeply than flesh and bone. We are not being tossed about and drawn along in the vital current merely by the material surface of our being. But like a subtle fluid, space-time, having drowned our bodies, penetrates our soul. It fills it and impregnates it…” ( read more at the above link)…

    My comments posted at 6/24/18 (published by Disquss)

    Have you noticed that the “fibers of cosmogenesis” works exactly as works the “fibers of embryogenesis”? I can’t understand why humans have the tendency to mystify what we don’t know completely building theories that appeals to non-natural like Chardin did, when we can see that what we know in nature can explain it. The fibers of embryogenesis that build flesh and bones are the proteins carrying on and processing the information in DNA. The Matrix/DNA Theory suggests an identical theory, but it is purely naturalist, never going to metaphysics. The most evolved (complex) realization of biological embryogenesis is human consciousness. Evolutionary cosmogeneses has the goal to produce a cosmic consciousness. What is the problem?!

    Why we need gods, Christo, non-natural, if Nature is showing to us here and now how she works here and there? Each new human brain produced by embryogenesis does no create consciousness, since it was existing here at human species. It means that the informations for consciousness were there, not manifested but in potential state, at the first shapes of a human body, like morulae, blastula, fetus… going to embryo, when it is manifested. It takes 6 or 8 months of embryogenesis. So,,…This Universe works like a cosmic egg where the galaxies are the placenta. Inside the placenta there is a unique system that began at the Big Bang, in shape of atom ( the cloud of atoms was the blastula of cosmogenesis), evolved to stellar systems, to galaxies… all this time consciousness was in these systems, not expressed yet. Embryogenesis takes 9 months, cosmogeneses takes 13,8 billion years, because the astronomical dimension of time, but the two processes are identical. So, in this Universe is occurring a normal common process of genetic reproduction of a conscious natural system beyond and before the Big Bang. Please, Occams razor here, Chardin is not guilty because he did not know genetics, but we know it.

    graphic from external link Teilhard de Chardin The PHENOMENON of MAN Translated by Bernard Wall (important extracts of the book)

    graphic from external link Teilhard de Chardin The PHENOMENON of MAN Translated by Bernard Wall (important extracts of the book)

    Mais um remendo na teoria acadêmica e reforço para a Teoria da Matrix/DNA: Astronomia

    quarta-feira, junho 20th, 2018

    xxxx

    https://hypescience.com/gigantesca-estrela-descoberta-pode-nos-obrigar-a-rever-toda-a-historia-do-universo/comment-page-1/#comment-309702

    Gigantesca estrela descoberta pode nos obrigar a rever toda a história do universo

    Meu comentário enviado ao HypeScience em 20/06/18:

    Diz o artigo: “Nossas descobertas nos fazem questionar nosso entendimento da história cósmica.”

    Ainda não captei qual a causa do bloqueio mental no mindset acadêmico que os impedem de entender a “historia cósmica”.

    Essa mania e teimosia em separar a historia cósmica, com sua evolução cosmológica, da historia da vida na Terra, ou a evolução biológica, e’ irracional. Porque eu estou sendo o único humano a gritar contra esse erro crasso, a ponto de ter desenvolvido modelos teóricos racionais que mostram essa incongruência?

    Astrônomo tem que ser biólogo e biólogo tem que ser astrônomo, se querem entender este mundo e nossa existência nele, porque galaxias estão encriptadas nas unidades de informação da vida e as propriedades da vida estão ocultas mas atuantes nas galaxias, como estão sugeridos em meus modelos e cálculos. As diferenças entre galaxias decorrem das diversidades possibilitadas pela plasticidade e flexibilidade da formula universal para sistemas – a formula Matrix/DNA que sugiro em meu website – e antropologizar projetando nossa realidade e nosso sistema como obrigatório em todas as galaxias e’ ignorar o nosso relativismo como observadores num ponto limitado do espaço/tempo.

    Dai, todos os dias a cada novo dado vindo do Hubble essa gritaria de que precisa rever o modelo teórico, o qual não mais aguenta remendos, e’ preciso ser refeito. Separar a Historia Universal em dois blocos – a cosmológica regida pela Física e Matemática – e a Biológica – regida pela Biologia e Química – seria o mesmo que separar o corpo humano entre carne e esqueleto ósseo: o sistema total não se suporta. E criando estes dois blocos sem nenhum elo evolutivo ( veja em meu site a figura proposta como esse elo, que esta no meu avatar ao lado) e’ criar um abismo inexistente na evolução universal, e para preencher este abismo tem-se que recorrer ao imaginário mistico, criando deuses mágicos, seja o Allah ou o acaso absoluto. Eu vou lutar contra isso nem que seja sozinho ate’ meu ultimo suspiro, pois não consigo entender este bloqueio, a não ser o razoável argumento de que o cérebro humano ainda esteja configurado pela herança animal que se focaliza no imediato incapaz de levantar os olhos para cima e buscar entender a conjuntura que tem de ser unica, unificada. Alguém aqui discorda? Porque?

    Teoria dos Sistemas Aplicada a varios campos praticos. Para ler.

    terça-feira, junho 19th, 2018

    xxxx

    https://professorsauloalmeida.files.wordpress.com/2015/07/ts-renatorochalieber.pdf

    Mais um evento da academia educacional com erros prejudiciais `a formação mental dos estudantes

    terça-feira, março 13th, 2018

    xxxx

    Maior olimpíada científica do Brasil abre inscrições

    https://universoracionalista.org/maior-olimpiada-cientifica-do-brasil-abre-inscricoes/?utm_medium=botao&utm_source=ur&utm_campaign=onesignal

    Maior olimpíada científica do Brasil abre inscrições

    E meu comentario enviado em Mar/13/18 ( aguardando moderacao):

    Pela visão de mundo de alguém fora do sistema educacional, a proposta deste evento não e’ honesta e presta um des-serviço `a evolução da inteligencia humana… mas claro, trata-se de opinião e posso estar errado. No entanto ninguém me provou que estou errado. Se os promotores dizem que o objetivo e’ levar informações cientificas para a sala de aula, porque os principais temas citados no artigo não são informações cientificas e sim teorias elaboradas por humanos. Ninguém ao observar o céu `a noite e nem observando o céu por muito mais tempo do que os primeiros humanos surgiram na Terra pode ter informação cientifica de como astros nascem e morrem. Qualquer evento no céu se da’ em escala astronômica, milhões ou bilhões de anos, ninguém nunca viu as causas formadoras e nem o desenvolver de um germe de estrela. E não se tem dados, não se tem suficientes amostras para afirmar que este processo esta comprovado, como se tem fosseis para estudar as origens e evolução humana. Big Bang? Existem apenas três dados apontando algo como este evento nas origens, mas para se ter alguma certeza sobre estas origens serão necessários milhares de dados. Buracos negros? Existem pontos obscuros e ainda não elucidados no espaço sideral, o que se tem de possível existente nestes pontos são teorias, nenhuma informação cientifica. Eu estou pensando em me inscrever para montar um stand fora do prédio com slides e cartazes falando de outra teoria sobre origens de todos os astros, outra interpretação do Big Bang, mas com certeza não vão permitir pois iria confundir as cabeças dos estudantes. Porque não vão la fora com dados comprovados que derrubariam minhas teorias? Porque não tem. E’ apenas teoria contra teoria, feitas por humanos, pois a Ciência lida com objetos, não elabora teorias. Ora, qual o objetivo? Doutrinar tendo por base uma ideologia mistica que mais parece uma religião ou desenvolver mentes curiosas e abertas para continuarem a busca do que não se sabe? Isso tudo me deixa indignado…

    E meu comentario no Facebook:

    Pais, abram seus olhos, porque a doutrinação religiosa que era feita nas escolas no seu tempo, continua agora doutrinando seus filhos, porem, de deísta virou ateísta. Acho que uma das mais valiosas heranças que se pode deixar aos filhos e’ o domínio deles sobre o que fazerem com sua alma, e isto se faz protegendo-os contra qualquer tipo de doutrinação. Leia minha critica a este evento que adentrara as escolas para perceber o que estou dizendo, porem, não acredite em mim também, tal como os professores nada sei da verdade. A diferença e’ que eu – quando apresento minhas diferentes teorias, sempre lembro que são “teorias”, o que não esta sendo feito na doutrinação escolar. As crianças confiam no que os adultos lhes passam como verdade, não imaginam que os adultos estão mentindo…

    A Teoria Filosofica da Matrix/DNA e’ uma teoria de fato?

    terça-feira, março 6th, 2018

    x

    Segundo Futuyama (pág. 66), as provas mais poderosas, a favor ou contra uma teoria, não são meras observações, mas a conformidade com previsões feitas a respeito do que deveríamos ver se ela (a teoria) for verdadeira, ou se ela for falsa. Ou seja, uma teoria deve não só descrever e explicar os fatos já conhecidos, observados, mas também e fundamentalmente ser capaz de prever fatos novos ainda desconhecidos.

    Bem,… a teoria da Matrix/DNA tem 33 anos, e de la’ para ca’ tenho na medida do maximo possivel acompanhado as novidades e descobertas em preticamente todas as disciplinas cientificas. E todas estas descobertas foram previstas pelas formulas e modelos, portanto, mostrando que a teoria de alguma forma interpretou a Natureza tao corretamente que foi capaz de prever o que a Natureza faz que nao conheciamos ainda. E como a teoria foi elaborada baseada em fatos empiricos do conhecimento popular geral e fatos comprovadamente cientificos, alem de ter obedecido todas as leis naturais ja detectadas e que eram do meu conhecimento, mais ainda, e principalmente, que a teoria discorre obedecendo os quesitos da logica formal sem em nenhum momento apelar para imaginarios magicos ou eventos que tivessem vindo de fora da longa cadeia de causas e efeitos que se iniciou com as origens do Universo, segundo sua interpretacao semelhante `a Teoria do Big Bang,

    Os sistemas naturais que surgiram na superficie da Terra nao inventaram ou criaram por magica um recipiente de memoria e processamento de informacoes como acreditam ateus e deistas. A teoria defende que este recipiente vieram por ecvolucao e transmissao genetica dos sistemas naturais anteriores e inclusive indica onde estao nestes sistemas, como siatemas astronomicos, atomicos, e a primeiro forma universal de sistema natural, que foram as ondas de luz. Claro, como toda teoria quando relata o seu topo ela apresenta os resultados de seus calculos, os quais estarao a frente do conhecimento de seu tempo, e que serao sujeitos a comprovacao cientifica. Se o conhecimento total destes sistemas revelarem a nao existencia dos pressupostos da teoria, ela sera’ mudada desde a sua metade ate seu topo ja que a sua base esta confirmada, e se o conhecimento comprovar a existencia dos pressupostos ela deixa de ser teoria para se tornar fato.

    A Matrix/DNA pode descobrir o processo pelo qual o sistema solar foi formado

    sexta-feira, março 2nd, 2018

    xxxx

    A teoria academica atual, chamada de Solar Nebula Theory nao funciona. Sao varios os problemas constados que vao contra a teoria e ainda nao foram solucionados. Por exemplo:

    1. os iniciais pedacos de rocha nao teriam como se agregarem para formar planetas e antes, teriam se chocado e desintegrado.
    2. a elevada densidade de Mercurio
    3. A teoria diz que mercurio nao poderia ter um campo magnetico, mas ele tem e e’ forte;
    4. a teoria supoe que Venus foi formado no mesmo tempo e mesmo processo que a Terra, porem Venus apresenta muitas diferencas, como nao ter placas tectocnicas, nao ter lua, etc;

    Sao dezenas ou centenas de problemas em todos planetas e luas contra a teoria academica, como se pode ver neste video ( o video foi produzido por motivos religiosos e ideologicos os quais nao me interessam, mas os fatos e as informacoes apresentadas sao de nossa utilidade):

    Our Created Solar System – What You Aren’t Being Told (youtube)

    https://www.youtube.com/watch?v=Gr8Az3QQZdI
    A matrix/DNA tem o processo ( symbiose entre as diferentes formas de astros produzidas pelo mecanismo do ciclo vital), pelo qual foi formado os originais building blocks de galaxias, e as primeiras galaxias devem ter se formado pelo mesmo jeito. Porem este modelo nao explica como foram formados os sistemas solares, pois tal como a celula passou por dois processos diferentes de formacao, tambem os sistemas astronomicos de ultima geracao foram formados diferente dos originais. O nosso problema e’ calcular como foi essa transformacao do primeiro processo para o segundo processo, para entao apresentar o processo da formacao solar. Mas temos uma vantagem porque temos as pistas para descobrir essa formacao. Temos que estudar as diferencas na celula entre o primeiro metodo da simbiose e o segundo metodo da simples replicacao. Anotadas e calculadas estas mudancas entao devemos projeta-las sobre o modelo do building block ate obter o modelo que funcione da formacao do sistema solar.