Posts Tagged ‘Vida’

O significado da vida sem significado ganhando um significado – Mensagens da Matrix/DNA

terça-feira, maio 7th, 2019

xxxxx

Estou preso na rotina do “nascer, aumentar de tamanho, tornar uma maquina de trabalho, trabalhar, casar, trabalhar, gerar filhos, trabalhar, morrer, e meus filhos vão repetir exatamente o mesmo ciclo.”

Aguentamos isso porque acreditamos que é para melhorar de vida. Mas melhorar a vida de quem?

Para melhorar a vida da mafia dos predadores que é para onde você vai se melhorar de vida…Por isso essa engrenagem nunca acaba… a não ser que mudemos a meta para o “melhorar de vida”.

Somente esta nova interpretação e visão deste mundo com seu novo sentido da vida tem a sugestão certa para melhorar a sua própria vida.

O Universo tem algum proposito? E algum proposito referente a vida, ou aos humanos?

terça-feira, abril 30th, 2019

xxxx

Neste video o comunicador de Ciencias e astrofísico Neyl deGrasse Tyson aborda o tema com muita propriedade uma surpreendente sugestao final. Nos temos outra sugestao, que expomos logo abaixo do video.

Neyl Tyson mostra que, racionalmente, baseado nas informacoes que temos até agora, o Universo, ao inves de ser programado para beneficiar nossa existencia, tem feito tudo para matar-nos. Esta certo que nos não temos 0,01% das informacoes para concluir esta question, mas o pouco que temos, indica que Tyson pode estar certo.

Esta teoria vem contra os resultados dos modelos da Matrix/DNA Theory, os quais sugerem que “neste Universo esta ocorrendo um processo de reproducao genetica”, portanto existiria um proposito para a existencia do Universo.

R os resultados sugerem ainda que o objetivo da reproducao não é reproduzir um ser humano que teria feito o Universo com o proposito de se auto-reproduzir, mas sim, o objeto da reproducao é algo que se constitui num sistema natural com auto-consciencia, constituído de um corpo mais luz que materia ordinária, e como quem esta’ agora carregando ou nutrindo o embrião dessa consciencia são – nesta região aqui e tempo agora – seres humanos, a forma humana não é o proposito do Universo, e sim apenas uma forma provisória. Ate mesmo a vida biologica seria uma forma provisória.

Mas vamos esquecer por ora as duas teorias e vamos apelar a uma analogia. O que se passa num corpo humano, uma mulher, quando um novo ser, um intruso, comeca a germinar dentro dela? Pelo pouco que sei, o sistema imunológico vai sentir o novo ser como um intruso e tudo vai fazer para expulsa-lo. Mas ao mesmo tempo o corpo prepara fora do ovo a placenta com nutrientes e acomodações para o novo ser ( a placenta seria correspondente as galaxias e sistema solar). Dentro do ovo foi preparado o liquido amniótico ( o qual corresponderia ao planeta, otimamente adequado ‘a vida). Entao o corpo esta’ tunelado, programado, para produzir e nutrir e manter a vida do novo ser – apenas não avisaram o sistema imunológico.

Poderíamos ate lembrar que o novo ser esta protegido dos ataques do imunológico por uma membrana do ovo, assim como a vida na Terra esta protegida dos ataques vindo do Cosmos pelo campo magnetico da Terra. Realmente tudo muito igual.

Como bem sabe os que nos acompanham, quando temos perguntas sobre distantes fenomenos, eventos, para os quais não temos suficientes informacoes, tem sido o metodo desde o inicio na construcao da nossa visao do mundo, perguntar a questao direto para a Natureza. E ela tem respondido indicando sinais, apontando para algum detalhe existente aqui e agora que seria uma copia do que acontece distante, seja a nivel micro ou macrocósmico. E nessa questao ela nos apontou isso, um corpo humano representando o Universo, e um novo ser dentro deste corpo representando a vida no planeta Terra.

Talvez todas as agressões que a natureza universal tem dirigido contra a vida na Terra correspondam ‘as agressões iniciais que o sistema imunológico dirige ao novo ser. Mas quem determina se o novo ser vence ou não as agressões é o corpo total como sistema, não um subsistema dele, o imunológico.

Mas não poderíamos dizer que o sistema corpo humano vence o imunológico porque ele – a mulher – e simpática ao desenvolvimento do novo ser, e o que determina e a mente dela, que esta inclusive acima das intencoes do corpo.  Pois sabemos dos casos de gravidez não desejada em que a mãe teria por intencao impedir o desenvolvimento do novo ser.

Lembremos tambem que alguns biólogos destes com mania de emprestar personalidades e propósitos aos genes diriam que seria a genetica dentro do novo ser que faz ele sobreviver porque os genes tem como proposito ultimo a sua reproducao. Eu responderia que assim como a vontade ou propósitos dos humanos nada valeriam contra o Universo, assim os genes dentro do novo ser nada valeriam contra o corpo humano hospedeiro.

Esta questao não poderia deixar de se lembrar das crenças religiosas, como o cristianismo que responderia imediatamente haver o proposito de um Deus, ou o gnosticismo que acredita no demiurgo anjo caído criador de toda a materia e que teremos que destruir a materia, portanto o Universo, para voltar a nossa condicao de espíritos. Nada digo disso porque não tenho informacoes suficientes para aprovar ou desaprovar tais crenças.

Entao, ignorando a mente humana e suas vontades no contexto,  como o sistema corpo humano aloja e ajuda e nutre o desenvolvimento de um intruso? Porque? Parece obvio haver um proposito, mas onde esta o proposito, em que esta o proposito?

Grande pergunta. Que é a mesma em relacao ao Universo.

E a resposta? Por enquanto  a minha é: não podemos saber porque não temos informacoes suficientes para concluir coisa nenhuma. Sinto muito, Mr. Tyson.

O que sobra desta pergunta, me lembro que uma bacteria, tanto pode ser nociva ao nosso corpo, como pode mudar e ser benéfica. Me considerando por enquanto como uma bacteria em relacao ao Universo, eu vou continuar pesquisando o máximo que puder os detalhes dessa natureza universal para mais aprender como viver em sintonia com ela, se ha algo em que eu possa ajuda-la. Pois eu preciso da natureza universal, portanto eu a amo, e vou fazer o possivel para ser uma bacteria benéfica. Por enquanto é a única alternativa racional que tenho.

TED Talk (Felicidade): Aumento dos Números Econômicos vai diminuindo a Qualidade de Vida do Povo

sábado, abril 27th, 2019

xxxx

A maioria dos humanos foram conduzidos a viver em caixas de cimento sem quintais chamados de apartamentos, enquanto passam os dias nas fabricas sem verem a luz do sol. E isso aconteceu enquanto o esforço nacional era aumentar o PIB. E não a qualidade da vida humana. Esta vida sem sentido promove o consumismo e o maior PIB significa maior exploração dos recursos naturais, cuja diminuição vai diminuir a qualidade de vida.

A meta da humanidade deve ser a busca da maior felicidade de todos os humanos, sem excessao. E o primeiro fator que concede mais felicidade humana ( como confirma o autor desta palestra), é a conexão social do individuo. O engajamento dos indivíduos em associações de quadra, de vila, de cidade, de estado e quica, do planeta, sempre sera incentivado pela Matrix/DNA. E a visão de mundo da Matrix/DNA e a que melhor fundamenta o código moral e incentivo a união humanitária quando diz que somos 8 bilhões de genes. o que teria acontecido se todos os genes que fizeram o nosso corpo estivessem plenamente felizes? teriam feito a mais suntuosa obra, o corpo mais perfeito possível. Assim vamos construir o planeta do amanha.

O mais feliz pais no planeta?

Não é a Suíça, nem Dinamarca.

E’ a Costa Rica. Menos consumo, mais vida comunitária. Cada individuo vive assim mais feliz consumindo apenas um quarto do que consome um individuo americano. O maior índice de longevidade do mundo: 78,9%.  Não tem exercito, ótimo sistema educacional gratuito e sistema de saúde do governo. – ” Ao invés de soldados vamos investir nos melhores estudantes que for possível”.

Estas informações vem da palestra no TED do fundador do Índice de felicidade no planeta

https://www.ted.com/talks/nic_marks_the_happy_planet_index/transcript#t-502389

Robert Kenned, deu a mais eloquente desconstrução do produto nacional bruto que já existiu. E ele terminou sua apresentação com a frase, dizendo que “O produto nacional bruto mede tudo, exceto aquilo que faz a vida valer a pena.” Que loucura é essa? Que a medida do nosso progresso, nossa medida dominante do progresso na sociedade, está medindo tudo exceto aquilo que faz a vida valer a pena?

Temos que ensinar ao povo cristão que não estamos a beira do apocalipse e sim galgando a montanha de onde veremos a Terra Prometida.

A seguir a parte final da mensagem da palestra:

Quais são as 5 ações positivas que você pode fazer para melhorar o bem-estar na sua vida? E o ponto disso é que eles não são completamente, o segredo da felicidade, mas são coisas que eu penso que a felicidade pode fluir dali.

13:32

E a primeira delas é conectar, seus relacionamentos sociais são os conectores mais importantes da sua vida. Você investe seu tempo com as pessoas que você ama que você poderia investir, e energia? Continue investindo.

A segunda é ser ativo. A maneira mais rápida para se livrar do mau humor: saia, vá dar uma caminhada, ligue o rádio e dance. Ser ativo é ótimo para nosso humor positivo.

 A terceira é notar. O quão atento você é às coisas que acontecem pelo mundo, às mudanças de estação, às pessoas ao seu redor? Você percebe o que está borbulhando dentro de você e tentando emergir? Baseado em muitas evidências por atenção, terapia de comportamento cognitivo, [muito] forte para nosso bem estar.

A quarta é continuar aprendendo e manter é importante — aprender durante todo o curso de uma vida. Pessoas mais velhas que continuam aprendendo e são curiosas, elas possuem resultados de saúde muito melhores do que aqueles que começam a se acomodar. Mas não precisa ser educação formal; não é baseado em conhecimento. É mais curiosidade. Pode ser aprender a cozinhar um novo prato, pegar um instrumento que você esqueceu desde a infância. Continuar aprendendo.

E a última é a mais “anti-economia” das atividades, doar. Nossa generosidade, nosso altruismo, nossa compaixão, tudo está interconectado ao mecanismo de recompensa do nosso cérebro. Nos sentimos bem se damos algo. Podemos fazer uma experiência onde você dá a dois grupos de pessoas cem dólares de manhã. Você diz a um grupo que é para gastar com eles mesmos e ao outro para gastar com outras pessoas. Meça a felicidade deles no final do dia, aqueles que saíram e gastaram com outras pessoas estão mais felizes do que aqueles que gastaram consigo.

xxxxxx

A especie humana sera extinta? Como respondem os materialistas e a Matrix/DNA

quinta-feira, abril 25th, 2019

xxxxx

( extraído de: Theskepticalzone.com)

Question:

It is possible for the human race to become ‎totalmente ‎extinct? Does the free will we have been endowed with make even that awful fate possible, or do you think that, because of the particular interest God has in us (we being created in His image, for example) this is not something that would ever be allowed to happen? In a word, should we take steps to ensure that there will still be human life in 100 years, or (assuming–at least for the moment–that the apparent dangers to our continuance haven’t just been fabricated somehow) homo sapiens are safe in God’s hands.

Answer:

I note that all but a small fraction of species have gone extinct — those alive today. And we seem to be in the midst of another mass extinction. I read that the average life span of a species generally is about 15 million years, about 20% of which is spent actually branching from a parent species. I can’t speak for theists, but most estimates I’ve read predict a relatively short life span for humans, certainly far less than one million years.

Also, they predict a population implosion after the planet’s carrying capacity for humans has been exceed by a large enough margin for long enough, making recovery unlikely due to resource depletion (read: fresh water). Human population growth since the scientific revolution has resembled bacteria more than it has resembled other mammals. I note also that reducing our carbon footprint will be achieved by reducing our population, and probably no other way. But nobody seems to be willing to mention this.

The consensus, as I read it, is that high intelligence is NOT a positive survival characteristic. That experiment might never be attempted again.

xxxxx

E como a Matrix/DNA responderia:

Futurologia com insuficientes dados ou dados confusos é perda de tempo. Ao inves desta abstração devemos voltar os olhos para a pratica. Pelas teorias mais convincentes correntes, o planeta e o sistema solar não tem sido estáveis, com períodos curtos de mudancas que teriam dizimado a humanidade. Talvez agora o sistema esteja numa fase mais madura, estável, e permaneça estável por milhoes de anos. Ou talvez não.

A atual aceleração na mudanca do polo magnetico e os constantes eflúvios de explosões solares são preocupantes. Tambem preocupante é que qualquer mudanca que não seja geologicamente devastadora deverá provocar uma guerra atômica ( por exemplo, falta de agua potável a um pais com arsenal nuclear), a qual pode completar um processo de extincao.

Pela visao de mundo da Matrix/DNA, o mais importante não é se a especie humana será  extinta, mas sim se o feto de auto-consciencia sendo gestado aqui vencera o período de incubação sem ser abortado morto, ou se terminara esse processo em outra especie, talvez ainda, em outro planeta. Cremos que nos estamos e nos somos esta consciencia e não este corpo. Se isto for verdade, devemos buscar a eternidade da consciencia e não da humanidade. Esta seria prejudicial nos mantendo prisioneiros.

Se realmente existe a consciencia e o feto dela aqui, cremos que ela está garantida na sua sobrevivência. Existiriam muitas inteligências mais evoluídas no Universo assistindo para sua proteção, porque para eles seria de um interesse supremo, quase mortal. E se de fato neste Universo está ocorrendo uma reproducao genetica como sugerem nossos modelos teóricos, muito provavelmente seria a reproducao de algo com consciencia, e de nivel cosmico, entao definitivamente ela estaria garantida. Mas para que ela esteja garantida não é necessario garantir a sobrevivência da humanidade antes que termine seu período de gestação. Aparelhos gestores poderiam serem substituiveis.

Portanto vemos que não existe sentido ou lucro em investir tempo e massa cinzenta nesta futurologia. Temos sim que nos voltar-mos para o fator pratico da questao. Temos que manter o planeta apropriado para sustentar a vida. Temos certeza que certos detalhes se continuados vao interromper a sustentação da vida. Entao temos que nos concentrar nestes detalhes para elimina-los, se nos for possivel. Uma vez concluído que seja possivel, devemos iniciar a atuar imediatamente, assumindo o compromisso total pelo que é possivel ao individuo fazer. Por exemplo, metropoles acima de 500.000 pessoas determinam que o espaco ocupado por elas perca as propriedades de suportar o ecossistema da vida natural. Se moramos em uma dessas metropoles temos que nos mudar para cidades menores e denunciar com veemência os que estao contribuindo para seus crescimentos. Por este raciocínio que me ocorreu apenas agora, percebo que tenho mais um motivo moral para mudar de onde estou morando ( New York City). Com certeza, a partir de agora vou procurar a mudanca, esta a utilidade pratica desta questao. Tenho que vender o carro e dar um jeito de usar transporte publico e de preferencia não a petroleo. Tenho que ser mais rapido nos banhos desperdiçando menos agua potável. Etc. Assim é o que devemos fazer e é a única coisa que podemos fazer. O resto, o que vai acontecer, so podemos deixar por conta dos dados que desconhecemos.

 

 

 

Cientistas acordaram a maquinaria de um cérebro morto, mas não o principio vital na formula do cérebro

sábado, abril 20th, 2019

xxxxx

A sugestão que vem dos modelos teóricos da minha “Matrix/DNA Theory” fazem sentido aqui. Tanto o cérebro como a vida são produtos de uma formula natural que produz os sistemas naturais. Um novo ser nasce vivo porque o interruptor que ligou o funcionamento da vida foi acionado a bilhões de anos e continua transferindo esse principio vital de geração a geração. Uma vez que um ser foi desligado dessa corrente, pode se fazer toda a maquina do cérebro funcionar, que o principio não retorna e o ressuscitado sera um zumbi sem auto-consciência. Por isso também sera impossível tornar o computador ou robot mais poderoso com inteligencia artificial em algo vivo, pois só existe uma vida neste planeta rodando a 3,5 bilhões de anos.

Cientistas acordam cérebro morto e questionam noção de vida

https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/ciencia-e-saude/2019/04/18/interna_ciencia_saude,750236/cientistas-acordam-cerebro-morto-e-questionam-nocao-de-vida.shtml

 

A Historia da Vida e as derivas continentais

sexta-feira, fevereiro 22nd, 2019

xxxx

Cresce no mundo cientifico a intuição de que a derrota para as grandes doenças se deve a um erro na visão acadêmica do mundo. E a minha diferente visão do mundo esta sugerindo outra estrategia de combate. Veja aqui.

sábado, fevereiro 2nd, 2019

xxxxx

E’ preciso lembrar que esta e uma questão fundamental para a humanidade agora, uma questão de vida e morte: dependemos do conhecimento correto para eliminar estas doenças milenares que continuam nos torturando e matando aos milhões.

O trecho a seguir foi inspirado na seguinte frase que obtive no trailler do documentário:

Atacando um  tigre pelas costas

(Os correntes dogmas da biologia são: que a vida e mecanicista e nos somos predeterminados pelos nossos genes, e como estes dogmas são disseminados através da mídia e as instituições dominantes. A questão a ser perguntada é : ” E se o nosso fundamental conhecimento do funcionamento da vida estiver errado?”

(” On the back of an tiger”

” The current dogmas of biology: that life is mechanistic and we are predetermined by our genes, and how all this is disseminated­ through the media and establishment. The question is then asked:

What if our fundamental knowledge of the workings of life is wrong?)

http://perceivethinkact.com/

Um indicio de que o dogma reducionista não deve ser apropriado é o seguinte…

Um paciente entra no consultório do medico e desfila uma lista de sintomas: falta de apetite,desanimo, suor frio, desinteresse sexual, depressão, etc. O medico houve tudo aquilo e reduz a uma solução simples, receitando uma droga feita de serotonina, uma substancia neurotransmissora. Na maioria dos casos o paciente termina com a erupção de algo realmente grave, como um Alzheimer, um câncer, etc. Isto não esta’ funcionando.

Pelo paradigma da Matrix/DNA e corpo humano é um sistema natural, e complexo, mas este sistema é configurado ‘a imagem e semelhança da mesma formula do building block do código genético. Como sabemos que o organismo inteiro foi construído por aqueles buildings blocks, não é surpresa que o corpo todo imite o building block, pois o organismo é uma auto-projeção ampliada do seu criador. O corpo-sistema apresenta seis ou sete órgãos principais, cada qual com uma função especifica, os quais imitam cada uma das seis ou sete moléculas e suas funções especificas no building block genético, isto o que encontrei no desenvolvimento desta teoria.

Mas acontece que na Matrix/DNA – apesar de buscarmos conhecer todos os dados obtidos pelo método reducionista, que desvendou o corpo internamente ao nível molecular, nos adicionamos o paradigma sistêmico. Então, nos olhamos para um corpo humano e tentamos desenhar mentalmente o que é invisível, as sinapses dos fios de conexões que saem do corpo e entram no ambiente externo, e o inverso, as conexões, influencias, do meio externo sobre o organismo. E acontece que a Matrix/DNA esta’ sugerindo que o ecossistema que nos envolve tem uma configuração, um circuito sistêmico de interações, cuja imagem e funcionamento é exatamente a imagem e funcionamento da mesma formula que esta na estrutura do corpo todo conectando órgãos e substancias, e esta no seu nível microscópico molecular, o mesmo building block do DNA. E assim suspeitamos que qualquer variação na configuração do corpo-sistema, que cause um desvio ou uma interrupção ou um ponto de carga congestionado, tira o corpo organismo da sintonia, da mesma vibração e funcionamento dos sistemas microscópicos e macroscópico ambiental. Ai estaria a causa destas doenças mortais como câncer, Alzheimer, e por isso os sintomas são muitos pois a formula do sistema modelando o meio-ambiente tem muitas características, e bastante complexa. Um ponto de disfunção no circuito de um sistema, perturba o fluir no circuito do sistema todo e pode leva-lo a se desintegrar totalmente.

Então o que estaria causando estas doenças seria mais algum tipo de comportamento irregular do ser humano, seja mal habito alimentar, seja algum vicio ou algum elemento químico no alimento, no ar, ou uma soma de varias irregularidades. Elas surgiriam da distorção no circuito sistêmico do corpo, ou no circuito sistêmico do meio-ambiente, ou ambos. Como tenho a formula sobre a qual esta construída a biosfera terrestre e o organismo humano, se desenvolver-mos os instrumentos de medição e observação adequados, mais especializados na captação de fótons e suas networks, iniciaremos uma nova abordagem cientifica que pode nos levar a vitoria.

Mesmo sem os recursos tecnológicos, já estou prevendo com algumas intuições alguns aspectos do planeta com essa biosfera, modelados pela formula, que pode lhes dar uma ideia do nível de grandeza que estamos entrando. Por exemplo, a crosta terrosa foi sendo modificada assim como internamente vão sendo modificados os tecidos e Órgãos de um feto humano, e se no final o organismo tem seis a sete órgãos com funções especificas, o planeta também acabou se configurando com sete ilhas-continentes, cada uma com características sutis inclusive a nível de campo magnético. Porque? Uma mesma e unica formula modela astronomia, biosfera e biologia. Para o berço de um exemplar individual humano a formula construiu a placenta que tem sua imagem de pera com um cabilho que são os tubos de nutrientes adentrando a placenta; depois , com a evolução, para construir o berço do coletivo destes indivíduos, ou seja, a humanidade, a formula modelou os continentes na forma de pera tendo como cabilho as foz dos grandes rios que adentram os continentes deflagrando a produção dos nutrientes. E assim vai, podemos vencer estas doenças malignas que tento tem torturados nossos irmãos e irmãs em especie, ou ao menos avançar com a nova estrategia ao mesmo tempo que vamos conhecer mais do mundo a nossa volta o que poderá nos servir para tratar de uma nova doença fatal e gigantesca, que não afeta o individual mais vem para afetar o coletivo total, que e a doença no planeta e sua biosfera, a mudança climática.

Mas enquanto tudo isto estiver apenas na minha cabeça e eu estiver sozinho e sem os recursos técnicos, resta-me continuar assistindo a carnificina e ver diminuir nossas esperanças de que venhamos a vencer as batalhas finais.

 

 

O que acontece com a auto-consciência na hora da morte: mais uma teoria

quarta-feira, janeiro 30th, 2019

xxxxx

(corrigir ortografia)

Mulheres gravidas podem sofrer acidentes e morrerem, mas se o feto não foi  atingido diretamente ele pode sobreviver por mais algum tempo. Cientistas criaram especies de barrigas substitutas em tubos de ensaio e neles inserem o feto ainda com vida. E’ possível terminar a gestação destes fetos no tubo de ensaio ate o nascimento saudável.

Um ser humano carrega e nutre um feto de auto-consciencia numa especie de placenta que chamamos de “cerebro”, o qual esta dentro de uma especie de ovo que chamamos de “cabeca”. Porem, acontece que todos os seres humanos, sem excessao, morrem ainda “gravidos”. A questao e’: o feto de auto-consciencia morre junto ou a Natureza tem algum tipo de mecanismo que transporte estes fetos para uma especie de barriga substituta?

Porque nao? Ate agora, tudo o que foi feito tecnologicamente pelo homem, tem sido encontrado um aspecto da Natureza que ja fazia aquela tecnologia. O homem nunca cria algo do nada, que nunca existiu antes. Primeiro ele descobre conscientemente ou intuitivamente como a Natureza funciona, como Ela resolve um problema, como ela constroi uma caracteristica ou um sistema, e entao ele reproduz o processo utilizando fisica, matematica, ferro, plasticos, ao inves de quimica, biologia, carne ou osso. So existem avioes voando no ar porque havia perante os olhos do homem passaros com asas voando no ar.

Mas o que seria, ou sera’, a barriga substituta feita pela Natureza? Onde ela estariam localizadas? Numa dimensao material captável aos nossos sensores? Como seriam – ou serao – estas especies de barrigas de aluguel? para fetos de auto-consciencia?!!

Nao faz nenhum sentido a evolucao ter construido o feto, o prototipo, de um novo sistema natural, que nunca iria se tornar terminado, realizado, distribuido pelo nascimento. E` evidente que na Natureza existe o fenomeno da consciencia, nos humanos somos dotados deste atributo, ninguem pode negar. Mas nos nao podemos aponta-lo, nao podemos ve-lo, nem toca-lo. Sera a consciencia apenas mais um tipo de sensor natural tal como os existentes que produzem a sensacao ou proriedade do sabor, o tato, a audicao, a visao? Pode ser, mas nos ja localizamos os elementos materiais e descrevemos a quimica que produz estas sensacoes. Quanto a consciencia, ainda nao conhecemos sua “substancia material”, nem descrevemos o seu processamento.

Estudiosos existem que acreditam piamente que a consciencia nada mais seja que uma propriedade que emergiu por acaso a partir do desenvolvimento do cerebro, e que ela deve, de alguma forma, se constituir apenas de algum elemento existente nas reacoes eletro-quimicas e suas “sinapses”. Existe, por exemplo, no TED TALK, video com uma palestra de um dos gurus da neurologia moderna altamente considerado no seu meio academico – se nao me engano por nome de Antonio Machado – defendendo com enfase esta crenca. Sim, crenca por enquanto, pois a neurologia ainda nao demonstrou como os neuronios se relatam ou se conectam com os pensamentos.

Existe a outra possibilidade de que a consciencia tenha sim, uma especie de substancia, e que ate seja uma especie de corpo-sistema proprio, o qual seria o responsavel pelos processamentos de informacoes que sentimos ocorrer e do qual constatamos efeitos. Deve ter uma substancia que de alguma forma se relaciona com as substancias materiais do cerebro, pois a consciencia – neste caso o seu outro nome, “a mente”- tem uma forssa propria que consegue mover a materia. Basta sua mente querer mover um dedo que esta’ inerte, e o dedo se move, comprovando que a mente, mesmo que seja abstrata, fantasmagorica, tem forssa material.

Nos dois casos ja teorizados pelos humanos – sejam as eletro-quimicas sinapses, seja a substancia plasmatica de uma dimensao material nao captada pelos nossos sensores – a consciencia teria uma substancia propria. Esta substancia morre, desaparece, quando o cerebro morre, desaparece? Ou ela tem sua fiacao de conexao com o cerebro – o seu cordao umbilical com o cerebro – rompido e transplantado, como fazemos com os tubos de ensaio?

Vamos supor que a resposta correta sera a de que sim, a Natureza possui o processo, o mecanismo, de manter esta substancia e seja la que tipo de arquitetura ela se constitui, em outro local, como um tubo de ensaio, ou uma nevoa desta substancia em uma dimensao ainda nao captada pelos nossos sensores. E nem pela propria consciencia como uma especie de novo sensor. Como vamos buscar esta substancia, procurar estes tubos de ensaios naturais, pesquisar isto tudo, seja cientificamente em laboratorio, ou atraves de processamentos mentais? Temos como recurso ou tecnica avancada nesta pesquisa cientifica o ramo da neurologia, mas ela nao dispoe dos instrumentos tecnologicos para captar esta substancia.

A teoria que me ocorreu nesta noite enquanto pensava nisso, foi a de que a Natureza poderia ter um mecanismo realizando este processo de salvar todos os fetos de consciencia dos cerebros humanos que morrem simplesmente tendo como os tubos de ensaios, os outros fetos de cerebros que estao em outras barrigas gravidas. Porque nao?!

Nos extraimos um feto ainda vivo de dentro da barriga de uma mulher falecida e o transportamos para um tubo de ensaio que reproduz as condicoes da barriga humana. Criamos do nada esta tecnica? Ou fomos conduzidos a fazer isto intuitivamente porque nosso DNA e o cerebro que ele constitui sabe que a Natureza faz exatamente isso? Esta e uma hipotese ainda, mas me parece muito logica, racional, apesar de algo, uma especie de resistencia emocional ou cultural, nao me deixa acreditar piamente nisso como os neurologistas acreditam na consciencia eletro-quimica sem te-la visto.

Um feto humano dentro de uma barriga que ainda nao tem o cerebro completamente formado e portanto nao tem ainda a propriedade de auto-consciencia de sua existencia como individuo unico, separado do mundo, nao tem a menor nocao de que o mundo nao se resume aquilo que e` seu muninho, o inteiror da barriga, o oceano de placenta e liquido amniotico, etc. Ele jamais poderia ter a ideia de que existe a forma humana que ele proprio esta indo adquirir, jamais poderia imaginar que alem das paredes do seu pequeno universo o mundo verdadeiro se abre com uma enorme complexidade. O feto nao sabe qual sua substancia fisica e nem ve sua forma fisica, nao tem olhos abertos para ver seu proprio corpo. Pois eu sinto, quando tento afastar o ego que sou eu, quando tento me afastar do meu cerebro, quando insisto em acreditar que sou apenas uma bolha contendo um naco de consciencia que borbulha no meio de um infinito oceano de substancia consciente, sinto que sou uma entidade sem olhos, que nao sei qual a forma de meu corpo, nem qual a minha substancia. Suponho que como consciencia estou na mesma situacao do feto ainda em formacao, aprisionado em uma especie de celula escura, limitado e separado do mundo por uma caixa craniana ossea. Mas talvez este “eu sinto” nao seja um normal produto natural, talvez seja inexistente, artificialmente criado por um desejo impossivel. Quem pode saber? Se voce tem alguma crenca a respeito sera apenas isto, sua opiniao, nem eu nem ninguem mais tem como provar nada aqui. Se voce quer afirmar que voce sabe da verdade – como afirma o neurologista Antonio Machado e seus seguidores –  entao traga um cerebro vivo para um tubo de ensaio reproduzindo a cabeca humana para a mesa do laboratorio, mostre os processamentos eletro-quimicos, mostre a substancia dos pensamentos, mostre os fios que ligam estes pensamentos aos neuronios, etc. Sem isto, tens apenas teorias, como eu, mas que já são alguma coisa, pois precisamos de teorias para guiar nossas pesquisas. Como os neurologistas desta linha de crenca continuam pesquisando, testando, sua teoria, o que acho valido, heroico, a humanidade precisa disto. Nos nao podemos continuar a ser esta manada desembestada num vale sem saber o que nos espera a frente, se um abismo onde todos cairemos ou um oasis onde todos vamos encontrar a sabedoria. precisamos saber o que somos, para que estamos aqui, para construir-mos nossa estrada a frente sabendo para onde vamos, que o mundo, a Natureza, estara aprovando a nossa existencia.

nao faria nenhum sentido lgogico que a evolucao natural tenha trabalhado durante 13,8 bilhoes de anos sempre seguindo uma mesma orientacao – a de construir formas de sistemas cada vez mais complexos a partir dos sistemas menos complexos que que ela propria ja construiu – e ter chegado a este ponto de construir cerebros-placentas onde gesta fetos de um sistem muito mais complexo que denominamos de auto-consciencia, para deixar todos estes fetos desaparecerem, seem dar continuidade a esta evolucao. Nao e possivel e nem mesmo pode ser considerado como plausivel que a nossa epoca e nos mesmos sejamos um momento unico e especial na historia deste mundo – o meomento que a evolucao natural chega a seu fim. Se todos os fetos de consciencia morrem aqui, o Universo quedou-se patinando num pantano do qual nunca vai se desvencilhar? mas o Universo muitas vezes anteriormente chegou ao ponto de patinar onde se suporia que ele estancaria, no entanto, ele sempre conseguiu sair e se mover em frente. ja nos primeiros instantes na formacao das primeiras particulas, a tendencia da materia nestas de buscar o equilibrio termodinamico e se estabelecer eternamente neste estado confortavel deve ter feito a evolucao patinar, mas algo dentro dela, uma especie de motor, de forssa alem da substancia material, funcionou com eficiencia. Nao,… a teoria de que todas as consciencias aqui morrem nao faz sentido logico, nao esta de acordo com o que temos observado da historia real deste mundo. O mais logico e supor que as conscinecias nas cabecas dos humanos nao morrem e continuam sua evolucao. That’s it!

Mas se um feto de consciencia, numa especie de bolha invisivel a nossa visao, e separado e liberado do cerebro de um corpo morto, e em seguida transportado pelo simples fluir dos processos naturais para outro cerebro em estagio de formacao, qual o estagio do feto de cerebro apropriado como recipiente, qual configuracao de DNA se assemelha nos dois casos, como a Natureza faz isso? A bolha de consciencia liberada fica em alguma dimensao esperando que apareca um feto apropriado onde baixar, ou ela fica procurando, ou tudo funciona como nas ondas de aguas no fundo oceanico quando femeas expelem ovulos aleatoriamente na agua os quais se encontram acidentalmente com espermatozoides lancados aleatoriamente e se unem automaticamente?

Com estas questoes malucas no meu cocuruto encontro por acaso na Internet pessoas postando figuras de bolhas fantasmagoricas dentro de quartos ou mesmo ao ar livre, rondando os humanos. sao pessoas que se dizem dotados de clarividencia e que veem estas coisas. Alguns chegam a postar figuras que dizem serem fotos reais, que desenvolveram cameras especiais que captam estas “bolhas”. Um exemplo que tem me chamdo atencao e de vez em quando volto a dar uma olhada apareceu no meu Google+, um autor chamado…

 

Origem da Vida: Vídeo pro-Design Inteligente em Português

quarta-feira, janeiro 30th, 2019

xxxx

Artigo publicado no Blogger “Design Inteligente” em 29 janeiro/2019, indica o video que esta tambem no Youtube

http://designinteligente.blogspot.com/2019/01/a-origem-como-comecou-vida-na-terra-em.html?utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter&utm_campaign=Feed%3A+DesignInteligente+%28Design+Inteligente%29

 

Meu comentario enviado ao blog D.I (aguardando moderacao)

Existe uma terceira alternativa sem ser as teorias do materialismo cientifico e do Design Inteligente, que se chama “Teoria da Matrix/DNA”. Surgiu da anatomia comparada entre sistemas vivos e os não-vivos, pela qual se encontrou um elo evolucionário entre a primeira célula e esta galaxia. Assim O DNA biológico foi transmitido e evoluiu de uma ancestral astronômico, o qual veio de um ancestral atômico e o ultimo ancestral foi encontrado nas origens, na forma de onda de luz. Como não nos é possível ir alem do Universo, fica o mistério de quem aqui inseriu ou transmitiu transmitiu o primeiro genoma composto de informações na luz. Então fica ao seu critério preferir quem e’ o autor de fora do Universo, porque aqui dentro esta tudo resolvido..

Cientistas da Rutgers pesquisam proteínas da origem da vida

domingo, janeiro 27th, 2019

xxxx

http://socientifica.com.br/2018/11/cientistas-identificam-proteina-que-pode-ter-existido-quando-a-vida-comecou-peptideo-primordial-pode-ter-surgido-4-bilhoes-de-anos-atras/

Peptídeo primordial pode ter surgido 4 bilhões de anos atrás

Os pesquisadores projetaram uma pequena proteína sintética que envolve um núcleo de metal composto de ferro e enxofre. Essa proteína pode ser repetidamente carregada e descarregada, permitindo que ela transporte elétrons dentro de uma célula. Tais peptídeos podem ter existido no alvorecer da vida, movendo elétrons em ciclos metabólicos precoces. Crédito: Vikas Nanda, Rutgers University