Posts Tagged ‘voto’

A Matrix/DNA e o Sistema Humano Social

sexta-feira, junho 26th, 2015

xxxx

Uma sugestão para estimular o engajamento das pessoas-ovelhas num rebanho auto-defensivo contra as pessoas-predadoras, mas ao mesmo tempo educando as duas para ultrapassarem os limites de seus pequenos horizontes individualistas, é a seguinte_

Pegar este tema e tentar divulga-lo o máximo possível para atingir diretamente as pessoas-ovelhas. Cartas no correio, e-mails, telefone, discurso na praça publica, conversa no botequim ,etc. O objetivo é obter destas pessoas a assinatura numa carta e/ou e-mail onde estará a foto, nome, etc., dos políticos de sua cidade, seu estado,etc. Alem de envia-los aos políticos, devemos manter o registro de todas as cartas e no final de mandato de cada politico, enviar a pessoa-ovelha que assinou a petição, se o politico lutou, votou a favor ou apresentou o projeto para votação. Se o politico falhou nisso, na carta resposta ao assinante vai a foto do politico sob um enorme X vermelho, dizendo – Votar neste, ou nesta, nunca mais!

Para mostrar como pode funcionar, aqui vai o que acontece em países do primeiro mundo-

TELL YOUR STATE LEGISLATORS: SUPPORT THE “OUT OF NETWORK CONSUMER PROTECTION ACT”

Traducao| Diga ao seu legislador que suporte o Ato de Proteção ao Consumidor

– contra as cobranças jurídicas por mafias de advogados pagos pelos carteis de empresários. A minha reação quando recebo uma carta de um escritório de advogados cobrando uma conta que fiz no hospital privado e imediatamente mandar um e-mail ao dono do hospital avisando que aconteça o que acontecer eu nada responderei enquanto a conta não for retirada da mafia e retornada ao hospital. E a outra iniciativa e continuar convidando as pessoas-ovelhas – como sou por condição de nascimento – a formar uma forte associação, ter também mafia de advogados  para enfrentar a mafia do inimigo. Hospitais e qualquer sistema relacionado a saúde não pode ser privatizado. E um absurdo que a desgraça de seres humanos atacados pelas doenças seja motivo de lucro e riso para outros humanos. Isto é imitar a selvageria dos animais na selva onde predadores se comprazem ao detectarem vitimas enfraquecidas.

The “Out of Network Transparency Act” will protect us from surprise medical bills by prohibiting out of network billing in urgent and emergency situations and by letting consumers know they are dealing with an out of network provider before they get care — and a nasty bill.  But there’s something else. By limiting out of network charges in our health care system, everyone will benefit from lower health care costs.  And that is something we can all agree is needed.

Please ask your state Senator and Assembly members to vote “yes” on this bill and do everything they can to ensure it becomes law.

SEN. TERESA RUIZ

District: SS-NJ029
Phone:(609) 847-3700
Fax:(609) 633-7254
Email:SenRuiz@njleg.org

Your email has been sent.

HON. GRACE SPENCER

District: SH-NJ029A
Phone:(609) 847-3500
Fax:(609) 292-2386
Email:AswSpencer@njleg.org
Your email has been sent.

HON. ELIANA PINTOR MARIN

District: SH-NJ029B
Phone:(609) 847-3500
Fax:(609) 292-2386
Email:AswPintorMarin@njleg.org
Your email has been sent.

Thank you for taking action!

xxxxxx

Este movimento surgiu porque muitos americanos que trabalharam 30 anos numa fabrica para terem uma aposentadoria tranquila, de repente caem num hospital que cobra U$ 500.000,00 dólares por 20 dias de internamento e uma cirurgia, e como seus seguros de saúde não cobrem essa quantia, a mafia dos advogados estão lhe tomando suas casas…resultado? Velhinhos na rua… é o castigo por terem se comportado nos 30 anos como ovelhas individualistas porque se acomodaram num trabalho… que enriqueceu os acionistas do tal hospital… Alimentaram monstros para engoli-los depois… e a seus filhos…

Para a Matrix-DNA e para mim em particular… we don\t care. Cada qual leva sua vida segundo sua visão de mundo. Se me manifesto e luto contra este tipo de comportamento entre predadores e ovelhas é porque o meu supremo objetivo em existir no meio da Humanidade, baseado na visão de mundo da Matrix/DNA, é que todos os humanos tenham tempo de sobra na vida para dedicaram ao crescimento intelectual que vem do conhecimento da maior quantidade possível de detalhes sobre o Universo natural, pois todo ser humano carrega uma cabeça-ovo onde esta sendo gestada um embrião de auto-consciência,e este deve ser o melhor método para uma correta e saudável embriogênese par a consciência cósmica.

Esta certo que existem pessoas que realmente se esforçaram com disciplina acima da media para conseguir uma qualidade de vida melhor do que a que a maioria se acomoda. Trabalharam de fato com a mão na massa produzindo sem vampirizar a energia de escravos, geraram apenas o pequeno numero de filhos que podiam sustentar com seu trabalho de fato, e agora não são obrigadas a pagar o mesmo e ter o mesmo tratamento inferior das pessoas que assim não se esforçaram. Então como resolver isto_ Ora, juntem’se em sua associação de esforçados iguais e empreguem os profissionais de saúde, instalem seus hospitais, mas sabendo que terão de custeá-lo por completo, e se quiserem usar a capacidade ociosa para atender o publico, seus preços e atendimento devem sr os mesmos dos estabelecimentos públicos. Mas estes não visam lucro, porem inserem nas contas uma pequena porcentagem para manutenção e investimento, o que pode interessar aos privados tambem.

 

Lista de Reinvidicações para Candidatos a Cargos Publicos que Pedem Meu Voto. Participe!

segunda-feira, junho 18th, 2012

Vou iniciar aqui nêste website uma “Lista de Reinvidicações para Candidatos a Cargos Publicos que Pedem Meu Voto”. Só voto num que “prometer” que vai lutar pelos ítens, e depois de eleito, se não o fizer, vou persegui-lo tentando de qualquer maneira expulsá-lo do cargo e fazê-lo pagar meu tempo perdido.

Se tiver oportunidade imprimirei esta lista e enviarei a todos os candidatos antes de qualquer eleição, desde municipais à presidência da republica. Avisarei que votarei se algum candidato enviar resposta por escrito e contendo maior numero de ítens que terá seu projeto lançado.  Claro que sózinho não resultarei em nenhuma diferença, mas terei cumprido com minha obrigação moral. Se alguem quiser discutir a lista, ou umprimir e assinar comigo a lista, será bem-vindo, deixando comentário abaixo.

xxx

1) Tôdas as cidades devem publicar balanço mensal de tôdas operações envolvendo qualquer centavo e todos os habitantes serem facilitados/incentivados a fiscalizarem a contabilidade. Assim deverá ser feito com todos os estados e finalmente com a nação. Imediatamente!

xxx

2) Proibição de instituições privadas que negociem o “dinheiro”, como bancos, financeiras, seguradoras, etc.

Deve ser criada uma legislação estabelecendo que cada cidade brasileira deverá ter apenas 3 estabelecimentos autorizados a manipularem dinheiro, seja nas operações de empréstimos, seguros, depósitos de dinheiro pertencente a individuos, etc. O primeiro será chamado Banco do Brasil, de propriedade de todos os cidadãos brasileiros, em cotas rigidamente iguais; o segundo será chamado de Banco do Estado de … ( o nome do Estado em que se encontra), de propriedade de todos os habitantes daquêle Estado; o terceiro será o Banco da Cidade de …, de propriedade de todos os habitantes da cidade, em cotas rigidamente iguais. Tôdas decisões acima de um estipulado valor serão resultantes de eleição em assembléias de todos os proprietários e abaixo do valor estipuado serão da responsabilidade dos trabalhadores em tais estabelecimentios. Mensalmente o estabelecimento deve publicar para conhecimento de todos, tôdas suas operações e movimentos de qualquer centavo.

A seguir, discussão sôbre o tópico: ( para maior esclarecimento deve-se recorrer à Wikipedia e digitar: http://pt.wikipedia.org/wiki/Dinheiro )

Dinheiro não é um recurso natural, não é produzido por nenhum ser humano nem grupos/emprêsas privadas, não se reproduz por si só, não gera cópias de si mesmo. Dinheiro é produzido pela totalidade do povo de uma nação, através da delegação do cumprimento do ato a alguns de seus cidadãos e uma máquina. A finalidade da produção do dinheiro na forma de papel ou moeda com a assinatura de posse da nação é servir como simbolo abstrato representando produtos reais que por algum motivo não podem ser seguro/transportado por individuos no sistema de trocas dêstes produtos entre pessoas. Os cidadãos responsáveis pela fabricação de novo dinheiro só podem fazê-lo perante autorização do Congresso Nacional após livre deliberação entre partidos e instituições sociais quando for produzido acréscimos de bens/produtos arrolados no Produto Interno Bruto. Portanto cada unidade fundamental de dinheiro existente representa um objeto material concreto. O dinheuro na forma de papel ou moeda ou qualquer outra forma, não pode ter finalidade comercial, não pode ser vendido, comprado, pela simples razão que símbolos abstratos não possui existência real natural.

Porque o dinheiro é necessário?

Imaginemos uma situação – num mercado publico. João tem uma montanha de sal. Pedro, seu vizinho tem uma quantidade de sapatos. João quer um sapato e então oferece a Pedro uma quantidade de sal. Mas Pedro recusa, não precisa de sal, e diz que precisa de parafusos. Porem quem tem parafusos é Joaquim que está longe do mercado e João não pode oferecer sal a Joaquim em troca dos parafusos que Pedro quer. Os três são arrolados numa video-conferencia e discutem valores. Mas Joaquim não quer nem sal, nem sapatos. Quer 10 quilos de Manteiga, o qual pertence a Anastácia.  Chegam à conclusão que um par de sapatos vale 100 quilos de parafusos, o qual vale 300 quilo de sal, o qual vale 10 quilos de manteiga. Mas Anastácia não quer sapatos, parafusos, sal, quer um vestido. Esta situação faz o povo entender que o sistema de trocas é um leque que se abre sem fim conectando muitos agentes separados territorialmente, é preciso um elemento que faça a conexão entre êles. Então decide arbitrariamente que um par de sapatos, 300 quilos de sal, 100 quilos de parafuso, 10 kg de manteiga, t6em um valor comum o qual é simbolizado no papel com o numero 50. Imprime-se esta nota com aquiescência de todos.

Mas o problema agora é como inserir esta nota no mercado. Não se pode entregá-la a alguem em particular, sem que êste alguem entregue ao Estado o produto correspondente. Mas o Estado tambem não pode receber qualquer produto em troca de um papel sem utilidade para consumo. Na operação acima é evidente que o primeiro portador do dinheiro deveria ser João, que deu inicio à operação. Mas se João entregar 300 quilos de sal ao Banco para obter a nota de 50,00 e com ela comprar o sapato, como fica? E o Banco não pode receber 300 quilos de sal. Então essa entrega do sal e a posse dêsse sal pelo Banco não existe na realidade, mas pode ser virtualmente criada como um simbolo abstrato. É… vou ter que continuar isso depois… senão aparecer alguem que entenda de economia aqui criticando isso tudo e assim ajudando a resolver o problema…

xxx

3) Leis limitando trocas e comércios com produtos da China e tigres asiáticos.

Todo o trabalho produtivo manufatureiro do mundo restá sendo feito na China enquanto o resto do mundo fica desempregado, devido a um comportamento nocivo que degenera o valor do trabalho. Crianças brasileiras estão sem escolas, sem tratamento de saíde, sem produtos necessários à suas vidas com dignidade porque seus pais estão sem oportunidade de trabalho, portanto esta medida não pode ter qualquer tipo de contemplação e tem que ser tomada com urgência. Quem for contra é inimigo declarado de cidadãos brasileiros. Nenhum produto daquêles países podem entrar no Brasil, com excessão de algo aprovado em assembléia nacional.

4) SUICÍDIO VOLUNTÁRIO ASSISTIDO:

(Ver artigo: http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=1493 )

O candidato, no tocante a esta causa, deve primeiro procurar quais são os ítens na legislação que influem negativamente e podem ser usados pelo sistema judiciário em prejuízo da causa. Em seguida apresentar projetos retirando-os. Não creio ser o caso de criar uma lei aprovando o suicidio voluntário assistido, pois esta lei é natural e direito jhumano, e sim o caso de retirar os quesitos contra os direitos humanos.