Archive for the ‘Religion’ Category

Nosso Deus é onda de Luz num movimento de queda e retorno para subir ao reino do Deus d´Ele.

Monday, January 11th, 2021

Pela primeira vez sou informado agora que algumas religiões cultuam um Deus em movimento e não estático como o Deus bíblico. A ideia desse movimento é a de um Deus que existe como uma onda que se propaga, e nisso decai, até se fragmentar, e os fragmentos voltam a reconstruir a onda, retornando o todo á grandeza que era no ponto de partida. Essa informação vem muito reduzida no meio de um debate num vídeo, mas o palestrante deu umas dicas, referindo-se ao hermetismo, a Shiva, o que já me fornece pistas para iniciar uma pesquisa. O que me interessou no momento e vim correndo a registrar, é a semelhança entre essa ideia e um dos resultados sugeridos pela formula da Matrix/DNA. O estalo se deu principalmente quando o palestrante disse a palavra “fragmentar”, pois a formula disse essa mesma palavra quando se refere a ela mesma, como criadora da vida em evolução e o que acontece quando se atinge o ultimo estagio da evolução… uma fragmentação como transição para a transcendência.

E essa ideia me ajudará a aperfeiçoar o resultado. Mas interessante também é que todos os palestrantes concordaram com uma questão: ” Os relatos das experiências de quase morte sempre repetem o narrador dizendo que se viu e se sentiu como um corpo de luz e uma consciência conectada com tudo, que sabia tudo, e tinha imenso poder. Mas se somos seres de luz com poder, porque somos trazidos a este planeta e estas condições carnais tão inferiores, onde nada temos de poder e somos demasiados débeis? Ninguém consegue uma explicação racional para essa questão…”

Mas aí meu coração palpitou mais forte. A formula da Matrix/DNA sugere uma explicação racional. Fantástica, incomensurável, mas totalmente logica e racional porque tem como parâmetro analogias com o que vemos acontecer aqui na realidade.

Para explicar preciso trazer para cá uma figura:

Trata-se de uma figura refeita de figuras originais técnicas, acrescentando propriedades sugeridas pela formula da Matrix/DNA. Os diferentes materiais, elementos irradiam luz e quando essas radiações são conectadas numa única visão dizemos que existe uma onda de luz completa. A formula sugere que com o Big Bang emergiu uma onda de luz que se propagou movida pelo processo do ciclo vital. Disso decorre que nosso corpo, sendo uma forma evolucionaria dessa onda de luz, nasce vindo de uma fonte e se propaga no tempo ( aumentando em idade) e no espaço ( crescendo em tamanho), passando por varias diferentes formas e tudo isto produzido pela força do ciclo vital. As diferentes formas produzidas pelo processo vital na luz original foram estas sete diferentes faixas de frequências, vibrações, cores, etc. A fonte da onda estava localizada antes e além do Big Bang, na figura seria na margem direita, pois a mais elevada energia/vibração do gamma ray indica a fase primeira, da infância. Então a onda começou na direita e foi se transformando, decaindo em energia e quando chega na margem esquerda ela se… “fragmenta”, nas suas partículas, que são os fótons.

Fiquei muitos anos observando e refletindo nesse quadro sugerido pela formula. Pois a coisa toda não fazia sentido racional. A onda de luz original funcionou como o lançamento de um genoma. Os genomas são emitidos por uma fonte (um casal da espécie humana) na direção de uma placenta formada de células ( que é a representante biológica da “placenta” universal formada de células galácticas). No caso do sexo separado e não hermafrodita como é o genoma original, ocorre uma fragmentação do genoma para haver o acasalamento de cada parte entre o masculino e o feminino. O resultado da fragmentação são os genes, que são então individualizados, cada qual por uma informação especifica. A seguir eles reconstroem exatamente o corpo da fonte, um corpo da espécie humana. E quando essa construção está se completando todos os genes sobem como neurônios formando uma só personalidade, uma mente.

Então vamos agora para a onda de luz original. Ela veio de uma fonte. Na falta de outro nome melhor, vamos dar a essa fonte o nome de Deus. Outros podem dar o nome que quiserem, como os materialistas dão o nome de “o minúsculo átomo que explodiu”, etc. Então a onda de luz original que era um genoma seria o genoma de Deus.

Para que Deus emitiria um genoma seu? Porque meu pai e minha mãe emitiram um genoma seu? Para terem um filho.

Então a onda de luz original chega ao seu ultimo limite de expansão e se fragmenta em suas partículas, os fótons, os quais são dispersos no espaço, como partículas inconscientes, simplesmente luz natural e talvez com algum quanta de energia. Espalhados, em estado caótico, como ovos botados fora, a prole abandonada á própria sorte. mas acontece que vieram de um… sistema. A formula mostra como essa onda de luz na figura acima, quando se tem a linha de onda encurvada e unida as duas pontas, forma uma esfera, onde as sete fases se tornam as sete partes, os sete órgãos, de um sistema natural. Vamos trazer a figura da fórmula para lembrar melhor:

A formula universal Matrix/DNA dos sistemas naturais e ciclos vitais

Nesta figura a Função 7 corresponde á faixa “radio” do espectro, enquanto a Função 1 corresponde à faixa do gamma ray. Mas acho que o leitor terá dificuldade em entender isso, então vamos trazer outra figura da mesma formula que pode elucidar melhor. Me desculpem a pobreza desta figura mas ela pe a primeira, a original, que foi feita na selva em cima de uma pedra tendo-se apenas lápis e papel de embrulhar pão:

Observe que a Função 7 ( F7) representa a fase de um corpo que morreu e se fragmenta, sendo seus fragmentos que vão construir F1.

Então voltemos à luz original, ao genoma divino, quando seus fragmentos estão na posição F7, ou vindo de F7. Quem é que, na placenta da minha mãe, comanda os genes dos meus pais a começarem a trabalhar tendo um modelo a ser construído? Por que, cargas d´`agua, um simples punhado de átomos começam a se moverem, procurando seus pares do outro lado, se acasalando, formando uma unidade característica, etc.? Olhe os átomos de uma montanha, os átomos do vento, da agua, porque não fazem isso também? Se são os mesmos átomos!? No meio da matéria estupida de uma placenta, ou de um planeta, não pode existir tal comando, nem tal modelo, isto seria supernatural. Qual a explicação?

O comando não vem de fora, mas de dentro dos átomos, quando formam os genes. E esse comando de dentro não é nada fantasmagórico, é simplesmente natural, é a anatomia interna do gene. A fisiologia, como nossos corpos tem um aspecto interno fisiológico, uma anatomia. E essa anatomia, todas estas partes, em conjunto, movem o corpo fazendo tudo, desde a digestão, a respiração, a reprodução. São sete propriedades vitais, cada uma oriunda de princípios que compunham as sete faixas do genoma de Deus, da onda de luz original.

Cabe aqui um adendo. Os fótons são partículas-informação da onda de luz, como são os genes, partículas- informação da espécie humana. Quando separados vagando no espaço, fótons entram dentro dos átomos e se alojam dentro de elétrons, prótons, como os vírus numa célula. Então assumem a maquinaria do átomo, como os vírus assumem a maquinaria da célula dirigindo-a para os reproduzirem. Os fótons, ou a informação isolada do foton, querem reproduzir o sistema de onde vieram, o genoma de Deus. Assim procuram e quando encontram outros fótons que são suas sequencias no sistema divino dentro de outras partículas dentro de outros átomos, dirigirem estes átomos a se combinarem. Para isso os fótons lançam fios energéticos de luz que produzem aqueles efeitos fantásticos quânticos do emaranhamento. Os cientistas veem uma partícula na Inglaterra mudar uma partícula na China sem ver o fio conectando as duas, porque os humanos não veem a luz original, muito menos as sinapses entre suas partículas. Mas estes fios são como as sinapses entre neurônios, assim vão se formando as networks de fótons que são os fantasmas construindo os sistemas naturais como o DNA e corpos humanos e galáxias. Chegam ao incrível fato de adentrarem uma sopa na Terra primitiva e dela levantarem a Vida!

Agora fica difícil explicar porque os possíveis leitores não conhecem os aspectos dos genes e do DNA que a formula tem sugerido. Ela diz que DNA é uma pilha de sistemas, de copias derivadas de um único sistema, o qual é sua unidade fundamental de informação, e essa unidade é exatamente igual a formula da Matrix/DNA. Faltou colocar na figura azul acima um outro ciclo vital que só descobri mais tarde, que é o da unidade fundamental do DNA. Esta se constitui em dois nucleotídeos paralelos com suas quatro bases, e mais a base uracila do RNA, a qual performa a função 5. Cada base nitrogenada e os dois açucares laterais mais a uracila são cada uma das sete funções da formula.

Então cada unidade do DNA é uma copia do sistema universal, e a soma de todas as unidades , que forma a totalidade do DNA, resulta novamente na reprodução do sistema universal… ou, em outras palavras, da onda de luz original.

Mas acontece um detalhe demasiado importante, fundamental nessa historia toda: a energia, ou fluxo de energia informação que corre no circuito que liga todas as partes é o processo do ciclo vital. E quando este está operando num corpo, não tendo como existir a forma de adolescente sem existir a forma de baby antes ou de adulto depois, ele conecta todas as partes sempre naquela eterna sequencia ensinada pela luz original. De maneira que o ciclo vital corre numa sequencia inquebrantável, nenhum humano ancião pode se esquecer que teve a forma de baby, de adolescente e tudo aquilo é hoje seu corpo. As unidades do DNA também. Os genes também. Os fótons também.

Enfim, para encurtar, quando os fótons são dispersados da luz original e ficam atarantados, movendo-se caoticamente, eles se diferenciam em sete cores, sete anatomias internas, sete informações diferentes, sete funções diferentes. cada foton isolado deve se sentir no desespero, como se o fígado do meu corpo de repente se visse separado fora do corpo, sozinho na noite fria. Ele iria ficar desesperado por retornar ao corpo e iria se situar exatamente ali no seu lugar, entre o estomago e o pulmão. Assim acontece com estes fótons. Isolados estão no desespero, procurando nos outros fótons quem é um estomago e quem pe um pulmão para ele se encaixar no meio, mas assim já teríamos três conectados, na mesma sequencia das faixas da onda de luz. Enfim, os fótons fragmentos tem um tendência: a de reconstruírem o sistema de onde vieram. Assim como os genes expulsos de um corpo humano, e caídos numa placenta, existem para reconstruir o corpo humano de onde vieram.

Os primeiros sistemas que os fótons formam serão as partículas elementares, depois os átomos, depois as galáxias, depois os humanos, depois a consciência cósmica e por fim, o emissor deles. Reconstroem a onda de luz original. Esta faz um retorno ao Big Bang, e chega nele na forma da fonte que a gerou. Deus…

isto significa que quando a onda de luz fez o ciclo completo, ou seja, ela foi e retornou, recomposta, quando ela retorna não chega mais ao Big Bang, ao evento de fecundação, mas sim na forma de embrião, provocando um evento de… Big Birth!

Do Big Bang ao Big Birth! Nada de sumiço total num Big Crunsh, nada de Eterno Retorno infinitamente. Cada ciclo forma um ser como nunca houve igual antes, a evolução continua ao infinito.

Vai nascer para o outro lado do Universo, na forma de um baby.

Todos em um. Uma so personalidade, uma só mente. Todos os fótons separados, isolados, são agora um. Antes tiveram que formarem pacotes de fótons, pacotes na forma de átomos, depois pacotes mais complexos na forma de galáxias, depois pacotes mais complexos na forma de humanos, depois pacotes mais complexos de consciências humanas… enfim o ultimo pacote, completo, uma só consciência… cósmica.

Mas para chegar ao estado de recompor a onda de luz total, comeram o pão que o diabo amassou, conheceram muitos momentos de dor, tragédias, mas venceram todas e continuarem determinados, sempre em frente. O deus além do Universo, acima da placenta, não podia fazer muito para ajuda-los, pois Ele é tão natural como uma mulher humana gravida. Ela não pode fazer muito para ajudar os genes construindo seu baby. E aunda tem o caso do livre-arbítrio, cada baby faz de si a aparência que preferir, o pai não impõe modelos. Mas no caso universal, divino, nada a que se preocupar, porque a maior sabedoria consegue determinar que a gestação será bem sucedida.

Mas porque Deus se reproduz? Para que precisa de filho, e no outro lado do Universo? E apostando-se que existam muitos outros universos, onde estariam sendo gerados muitos outros filhos, e talvez universos novos vindos atrás de universos desfeitos como a placenta, para que deus precisa de muitos filhos?

A humanidade tem 50.000 anos ou 200 milhões de anos, sei lá… neste tempo já teve milhões ou bilhões de gerações. Em cada geração os indivíduos produzem filhos que vão constituir a geração seguinte. E enquanto isso vai ocorrendo a evolução, um engrandecimento da espécie.

O nosso Deus, aquele que está lá agora nas portas de saída do Universo, esperando o dia do Big Birth, é natural. Lá fora do Universo, tem outro reino, ele tem bilhões de copias de sua mesma espécie, formando uma humani… glup…. digo, uma deusidade, igual formamos a humanidade. Lá fora é tudo igual aqui dentro. São deuses ao lado de outros deuses, são deuses acima de deuses, deuses abaixos de deuses, etc. E talvez exista até a diversidade de espécies evolutivas de deuses, sendo uma espécie de deus na fase correspondente ao macaco, outros deuses na forma de homo sapiens, outros na forma de pira consciência, isto vai ao infinito.

A questão que aqueles estudiosos das religiões não conseguem explicar ( porque caímos nesta condição inferior, se somos poderosos seres de luz) está explicada.

E aqui vou encontrando explicações para as perguntas que me faço quando humanos dizem estarem recebendo mensagens de extraterrestres oi de espíritos, ou sei lá mais o que ( me permitam agora uma viajem nos reinos da especulação metafisica). Eles dizem que podem viajar até a Terra, em naves que aqui podem ou não se manifestarem como matéria, etc. Porque eles tem corpos e consciências muito superiores. se um extraterrestre viesse pessoalmente me dizer isso a primeira pergunta que faria seria: “E vocês não sabem que vocês somos nós?”

Alias, algumas mensagens insinuam que eles sabem, e por isso nos acompanham tomando cuidado de nós.

Nós humanos, somos pequenos pacotes daqueles fótons da onda de luz original. Mais exatamente, em nível de complexidade, somos fisicamente o terceiro pacote, e mentalmente estamos compondo-nos como o quarto pacote. Temos o corpo físico carnal na terceira dimensão. e a consciência como entrada na quarta dimensão. Somos uma das faixas da onda de luz. mas assim como não pode existir um adulto humano se não tiver existido uma criança humana, assim não pode existir um terceiro pacote senão existir todas as outras seis formas de pacotes. Somos pequenos fractais, fractais dentro de fractais maiores. Temos uma forma correspondente a este nível mais denso da matéria enquanto outras formas nossas estão existindo em outra faixas vibracionais. Onde não existe este tempo que conhecemos, lá o passado e o futuro estão dentro do mesmo ponto do presente. O que se move dentro destes fractais e conecta estes fractais é o movimento de nosso Deus. Ele pertence a uma espécie que também está se perpetuando, evoluindo, sempre em frente adentrando o infinito.

PESQUISA:

HERMETISMO, DEUS EM MOVIMENTO… GOOGLAR ISSO.

AllatRa: a verdadeira história das mentirosas religiões? ( vídeo legendado)

Wednesday, December 9th, 2020

xxxx

#ALLATRA#Verdade#Joio

Verdade e o Joio

725 views•Sep 30, 2020


AllatRa TV em Português

First Things: Influente jornal religioso na América

Monday, November 2nd, 2020

First Things

https://www.firstthings.com/

“. . . the most important vehicle for exploring the tangled web of religion and society in the English-speaking world.”
Newsweek

AMERICA’S MOST
INFLUENTIAL
JOURNAL OF
RELIGION AND
PUBLIC LIFE

2020/11/november-1-cover

Sobre a filosofia passiva oriental e os efeitos das vibrações

Monday, September 7th, 2020

Fico incomodado, irritado, quando vejo as cenas dos humanos na Índia e na China, totalmente subjugados em situação de real miséria material e atraso evolucionista. Não tenho certeza de nada, principalmente da minha visão do mundo, mas não evito a vontade de aplicar uma força que suspeito iria mudar aquela situação para melhor. Suspeito que a causa do atual estado naquelas regiões está no estado mental da maioria da população, e este estado mental foi construído por uma visão de mundo, a qual deve certamente estar errada, em dessintonia com as leis naturais. A força quer transformaria para melhor seria a que emana da visão de mundo que denomino Matrix/DNA. Essa visão sugere que não sejamos passivos, e como consequência disso, procuro ser ativo inclusive na luta para a desconstrução daquela visão do nundo errada. Por isso publico respostas nos comentários de propagandas daquela filosofia oriental, como a seguir:

https://www.linkedin.com/in/ratanshalini10/detail/recent-activity/

No alt text provided for this image
WRONG (Matrix/DNA))

Meu comentário publicado:

Louis C. Morelli  – 9/7/2

My opinion: is this kind of indoctrination applied by the 1% of India that built a country with more than a billion person as slaves of misery. Merely my opinion: do not give up to others what belongs to you as co-owner of this planet. Fight for it.

O qual foi seguido do seguinte comentario:

 K Bharath Kumarout – 11h

Unless you act towards what you want you will never get it just by relaxing and doing nothing Dr.Shalini Ratan

E a resposta da autora:

Dr.Shalini RatanAuthor – .9h

So you mean to say the Quote is Incorrect, or may be Osho did not know what he was saying..

E minha resposta:

Louis C. Morelli : 

Dr.Shalini Ratan Yes, Osho was human, and no microscopic human knows the cosmic thru. An example: in this corrupted social system, almost all jobs are corruptions, and as such, they have its specific vibration. If your vibration comes from you as a elevated ethics and moral, the vibration of that job never will couple with your vibration.

Cristo e a inversão da configuração neuronial dos predadores

Saturday, June 20th, 2020

Vídeo: Após chamar fiéis pobres de “encardidos”, pastor pede desculpas

https://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil/vídeo-após-chamar-fiéis-pobres-de-“encardidos”-pastor-pede-desculpas/ar-BB15J4yG?ocid=spartanntp

Postei os seguintes comentarios no Instagram do pastor acima, ( em 20/06/20):

https://www.instagram.com/p/CBi5kuFFv3W/

Como explicar uma psique que consegue torcer os musculos da face e mante-los enquanto fala assuntos sem qualquer motivo para riso? ( em todos os videos e o tempo todo este individuo fala rindo)

Como explicar uma mente que atua na vida como o oposto a alguem ( a Jesus) que usa como herói- produto para vender e ganhar seu dinheiro? ( este individuo atua como pastor evangélico e vacilou se traindo numa conversa com sua esposa onde confessa que vê os pobres fieis de sua igreja como “sujos, encardidos,”)

Bem… os evolucionistas que creem que o homem veio dos animais, e sabem que dentre estes tem o instinto para predador, não tem dificuldade em explicar a capacidade estratégica do predador, portanto eles explicam os dois fenomenos acima. O que não se consegue explicar bam é como tem individuos humanos que ainda mantem o instinto para presa, que fazem sacrifícios dos filhotes para doarem ao predador, mas que como as presas na selva, não saem correndo ao menor sinal que conhecem para detectar um predador. Existe sinal mais desmascarador do que risos sem motivos na era da venda de imagens?

Bem… o cantor americano que dizia na musica: “Smiling faces, doesn´t tell the thru” ( Faces risonhas não dizem a verdade)… era um sábio!

Pessoas deixando as igrejas do “Deus-Cristo” e indo para o ateísmo ao invés do “Extra-terrestre-Cristo”

Thursday, May 28th, 2020

As informações abaixo foram obtidas num comentario no Instagran, no link:https://www.instagram.com/p/CAsq1PMlAOc/

2700 people leave the American Institutional church every day.

85% of them describe it as moving forward spiritually.

78% say they still love God although their concepts of what that might mean now differ very broadly.

Almost nobody embarks on the process of deconstruction because they don’t care. It’s generally because they do care! In multiple studies done of thousands of dechurched consistently under 1% are found to have left solely “because they are hurt.” Those who leave have usually been more active in their faith, they are more likely to have been in leadership than their peers who remain in church.”

Bem, este numero não significa que o cristianismo esteja diminuindo, porque se por dia saem 2.700, não diz quantas crianças são levadas e inscritas na Igreja pelos pais por dia.

O que me interessa aqui é que se estão indo para o ateísmo, vejo isso como prejudicial, é a outra face da religião errada. Suspeito que a maioria esteja indo para o agnosticismo, e isto, a meu ver, é bom, pois mantem a mente aberta de quem não tem como saber a verdade nesta forma humanoide. Mas estas 2700 pessoas não sabem que existe uma terceira alternativa, não conhecem a hipotese do “deus natural” sugerido pela minha Teoria da Matrix/DNA. Então este é um motivo que anima a escrever o livro e divulgar essa teoria. Pela teoria do deus natural, o qual preferimos chamar de a fonte criadora do principio da ordem física, é plenamente possivel que Cristo tenha existido aqui e que alguns relatos da biblia referindo-se a palavras dele seriam sensatamente razoáveis. Mas este Cristo seria um extra-terrestre com consciencia muito mais evoluída que a humana e portanto seria benéfico à causa humana. A teoria da medica Monica de Medeiros sobre a e.t. Shellyana e a ideia de Sananda, é uma possibilidade racional, a meu ver.

No entanto, esta teoria pode tambem não convencer, porque não tem a resposta para a questão que está levando as pessoas a perderem a fé no deus biblico, que e´: porque existe tanto mal no mundo, se existe um Deus bom e todo-poderoso? De onde vem os 50% do mundo que se refere ao mal?

A Matrix/DNA, quando segue os rastros do mal, chega nas ultimas fronteiras do Universo e entende que os rastros continuam alem deste limite, para alem do Universo material. O bem tambem se estende para alem do universo, mas este sugere sua fonte: o genoma inscrito na onda de luz vem de um ser natural com corpo de luz e banhada em auto-consciencia. Mas o que existiria alem do Universo que não pertence a este ser natural, que seria outra fonte, tambem natural, do mal? Sem explicação.

O eterno dualismo dos opostos que se vê em todo o universo tambem existe alem do universo. Como? Porque?

xxxxx

Meu comentario posted no Instagran:

jonsteingard: When it happened to me, as a philosopher, I collected all scientific and empriric real data, put everything on the table, and tried to solve the puzzle. I got more philosophycal questions than answers. Then, I went to leave alone in the Amazon jungle, and there I got a new world view, which is just a third alternative. Our DNA is coming from non-living DNA, a kind of Matrix/DNA that arrive to this Universe in the time of the Big Bang in shape of light wave, which I called “the genome of a non all-powerfull god but a kind of natural non magic parents. So, instead going to atheism ( which is the another face of religion), I suggest you to look this third alternative with open mind at my website ” The Universal Matrix/DNA formula of all Natural Systems”. Cheers…

Porque existe o encontro entre um vírus assassino e um humano suicida?

Wednesday, April 29th, 2020

Ele morreu com apenas 24 anos, pelo coronavirus. Era incrível sua felicidade a vida toda, nunca foi visto sem estar rindo e brincando. Super saudavel. E devotado suporte de Trump, atuando como militante nas campanhas dele, etc.

COVID-19 victims’ stories: Ben Hirschmann

Robert Hirschmann remembers his son’s last days before he died at home from the coronavirus: “This is a hole in your heart that will never be filled again.”APR 26, 2020

https://www.cbsnews.com/video/covid-19-victims-stories-ben-hirschmann/

Vamos tentar analizar este evento natural:

O vírus é invisível, donde se conclui que o humano é pego de surpresa, traiçoeiramente. Então não teria nexo dizer que o humano que se encontra com o vírus procurou seu suicídio. Mas acontece que humanos procuram suicidios pelo tipo de seus comportamentos anteriores, os quais dirigem humanos ao encontro com o vírus.
Claro, cada pessoa vai interpretar esta história à sua maneira, baseada na sua interpretação geral da natureza real e sua metafisica mistica, todos nos temos isso.
Acho que o ateu não vai se dispor a analizar, saltando imediatamente para a conclusão de que “foi simples acaso, ele foi no lugar e hora errada, e o virus estava lá, o encontro entre os dois obedeceu os simples processos naturais. Sendo a mais bem elaborada e mais complexa arquitetura construída pela sorte, dentre os varios eventos ao acaso, ele aproveitou isso enquanto pode, e se maravilhou pelo que a sorte pode produzir”.

Acho que o religioso, principalmente doutrinado na crença do conteúdo de um livro chamado Bíblia que conta as histórias e mitos dos judeus a milhares de anos atrás, também não vai investir sua mente numa análise profunda de cada detalhe desta historia para ver se aprende algo mais sobre o mundo real. Ele vai repetir o que sua religião diz: ” É… Deus tem suas razões ( para produzir esta historia com virus e humanos sendo torturados e mortos pelos virus) e não somos nós que vamos saber como Deus pensa…”

Agora, eu não acho como um filósofo naturalista vai reagir, porque sou um deles, então tenho certeza de como eles reagem. Enquanto assistem a historia, cada detalhe vai-lhes trazendo ‘a lembrança detalhes de outras histórias reais sobre a natureza real que se assimilam. No final do video, a mente do filósofo esta fervilhando com todos aqueles detalhes, os quais incluem desde o que aconteceu recentemente como o que aconteceu com partículas nas origens do Universo, ou da extinção dos dinossauros. Eu particularmente na primeira menção da palavra vírus minha mente correu na formula da Matrix/DNA para ver o que é, como veio a existir, qual o significado da existência dos vírus, e na fórmula focalizo a Função Sistêmica numero 5 (F5). aem seguida, busco as causas da origem do personagem. Nasceu na classe média americana da Carolina, seu pai era policial, sua mãe advogada. Disto procuro deduzir a vida infantil, a educação, que formou o carater do personagem. Com estas duas criaturas identificadas, vou analisar como e porque vírus e o humano Ben se encontraram num mesmo ponto do espaço tempo e como, porque, neste encontro ocorre o fenômeno em que o virus mata o humano.
Os humanos sabem que virus matam, assim como leões matam, por isso existe falta de logica racional num humano se ele desafiar um leão. Ben não foi surpreendido por um inimigo invisível, ele sabia da pandemia. Ele desafiou o virus. Isto significa que ele tinha problemas no raciocinio: ao inves de raciocinio logico racionalista tal como a natureza fez ao criar este cerebro no mundo real, ele estava desviado para o tipo de raciocinio magico, mais virtual que real. É tipico dos misticos, religiosos, ideologos, etc. Dirigido pelo pensamento mágico seu corpo foi desafiar o leão de mãos vazias. Talvez convencido por outros humanos com pensamento magico: pode ir no meio daqueles indivíduos porque eles não trazem o virus. Ou seja, existe o leão, mas ele esta preso fora, não vai aparecer no encontro. Ninguém poderia afirmar que os indivíduos não levariam o virus, se tivessem o raciocínio lógico, o qual estaria bem informado pelos cientistas, principalmente que pessoas podem estarem com virus, espalhando o virus, sem o saberem.
Sei que ler a descrição do comportamento do filósofo naturalista ( e não dos filósofos acadêmicos do ar condicionado, que são experts em florear e entreter seus discursos sobre abstratos, e nao sobre o real) é maçante, tedioso, mas também o é escrever, e o filosofo naturalista aguenta firme o desconforto escrevendo porque ele quer uma explicação racional. Os religiosos do tipo ateu e deista já teriam chutado o balde desde o inicio, saindo com seu julgamento definitivo.
Ambos, o pai e a mãe de Ben cometeram na vida um infringimento de uma lei natural. A de que: “Comerás o teu pão, dormirás na tuas casa, vestirás suas roupas, e tudo o mais que consumires, pelo suor de seu rosto e calejar de suas mãos. Pois no mundo real nada do que consomes cai do céu gratuitamente. E se consomes algo concreto sem ter produzido algo concreto de igual sacrifício no trabalho para dares em troca, certamente estarás se apropriando do trabalho, tempo, e vida de outro humano.” Advogados e policiais nada produzem de concreto com suas mãos. Eles procuram escaparem dessa maldição da Natureza, se aproveitando de uma falha no sistema social, sempre criado por predadores de humanos. Um sistema social criado por um filósofo naturalista jamais teriam estas brechas, não precisaria de advogados e policia, pois a visão do mundo na base do sistema social teria configurado as operações mentais de todos para não infringirem as normas do sistema e quando um doente mental o fizesse, a função de polícia e de júri seria exercido pela comunidade. Criado nesse lar com esse erro Ben não perceberia por si mesmo o erro e tenderia a ser mais um errado igual. Esse foi um dos desvios da lógica natural que ajudou a conduzir Ben ao encontro com o virus.
Em seguida, o filosofo naturalista nota que Ben imita seu idolo, Trump, desprezando o poder do virus, baseado na auto-segurança erigida pelo estado do pensamento mágico. Esta auto-segurança vem da infância mental da humanidade ( tão fantasista como é a infância dos indivíduos humanos) na forma do representante da psique construída pelo instinto a predador inscrito na genetica dos ancestrais animais habitantes das selvas. O leão nasceu com a maior força do mundo vivo, nada o ameaça, ele é o dono, o rei supremo de seu território e automaticamente com ódio devora e mata suas presas. Para ele aquele estado do mundo é eterno, um leão nunca pensa no futuro e muito menos que possa existir alguma ameaça de que aquele mundo seja mudado. Como esse estado mental se transfere para a recem-criada psique do humano ainda primitivo? Este humano nasce brincalhão, com a psique povoada de fantasias, conversando com amigos fantasmas imaginarios. estes amigos fantasmas foi quem produziu os objetos ‘a sua volta, tudo usado como brinquedos. Então no humano primitivo os amigos fantasmas se tornam deuses, responsáveis pela criação de tudo que existe no mundo. E para o humano cuja psique tem o instinto para predador dominante, ao invés do instinto para presa típico dos escravos conformados, ele nasce privilegiado e deve passar a vida se deleitando nestes privilégios, pois assim Deus o quer. Para Trump é inadmissível que venha um inimigo invisível com poder destruindo suas presas e território, seu Deus subconsciente jamais permitiria isso, isso mudaria um mundo que é imutável.
Ben estava fazendo tudo certinho na infância para se tornar mais um patrão e ele se dirigiu mais para ser um patrão político. Inconscientemente, ele não podia evitar o semblante sorridente quando se aproximava de pessoas, fas parte da função, serão seus futuros eleitores. E não poderia ter evitado se inscrever na militância dentre os políticos, especialmente os republicanos que representam mais o seu caráter.
Vírus é a ferramenta concreta, material de um operador invisível mas que tem uma força material para operar essa ferramenta, assim como nosso pensamento tem a força invisível para mover nosso dedo. Pelo que vejo na formula da Matrix/DNA, virus vem como dois grupos opostos entre si: um pode ser para o bem de certas criaturas, outro para ser o mal. Na formula, virus representa F5 que é o responsável pela perpetuação de um sistema fechado em si mesmo, ou, como o oposto, o responsável pela perpetuação de sistemas abertos. Tudo depende da direção em que F5 é ejetada, se para dentro ou para fora do sistema. Se for para dentro, ele é bom para o sistema e mal para tudo que esteja fora, e vice-versa. O coronavirus é mal para a criatura humana, um sistema aberto. Sei que ele foi produzido por um sistema fechado, com as forças e elementos naturais desta galáxia, que é um sistema fechado. Ele vai definir a criatura humana como uma inimiga, uma intrusa de sistema aberto dentro do seu sistema fechado.
E aqui chego ao pico máximo do mistério, daqui vai surgir uma lição me mostrando o que um humano deve fazer de sua vida para não ser pego por ele e quiçá, o que fazer para vencer a guerra contra ele. Mas aqui todos os dados formam um quadro muito confuso ao observador, pois um personagem do conflito nasce como X dentro de um sistema X para atuar como X contra um personagem que nasce como Y, dentro de um sistema aberto Y… A coisa fica confusa porque Ben era um representante do tipo de sistema fechado, X, porque sua mente revelava o egoismo dos sistemas fechados, mas tinha a anatomia interna de sistema aberto… e isso tudo torna o quadro confuso. Quando chego neste ponto de qualquer meditação pelo metodo filosofico naturalista, já estou muito cansado mentalmente, costuno parar aqui, apenas registrando o que foi escrito, e isso fica no subconsciente voltando ‘as vezes a tona e muitas vezes, sem querer, surge uma resposta racional. Ohhh… espera aí… Ben tinha a psique fechada, o virus representa um sistema fechado, os iguais se auto-identificam, se relacionam festivamente, Ben e o virus se encontraram numa festa do partido republicano… Não,… não, acho que forcei demais, vamos pausar por aqui… prometendo que volto no dia que pintar uma solução racional. Raios, a vida dos religiosos ateus e deistas é muito mais fácil…

Coronavirus maior entre fanaticos religiosos: Deus errado?

Monday, April 27th, 2020

A praga assola os tementes a Deus em Israel

Ultraortodoxos, que são um décimo da população, concentram um terço dos casos de coronavírus

https://brasil.elpais.com/internacional/2020-04-26/a-praga-assola-os-tementes-a-deus-em-israel.html?utm_source=Facebook&ssm=FB_BR_CM&fbclid=IwAR1p93OPUhNL8i4OI2YMX_eL0_6qTxcrRbXNkNoJXRv6kFW4YeTMgvLwvfY#Echobox=1587930916

Qualquer outra cosmovisão prejudica a aceitação da cosmovisão da Matrix/DNA. Enquanto não sei qual a cosmovisão mais correta, não posso ser contra outras cosmovisões, mas vou, pelo interesse da minha cosmovisão, coletando e registrando os fatos reais que as desaprovam. E nesta notícia tem um fato real nesse sentido.

São cultuadores do Torah:

https://en.wikipedia.org/wiki/Torah

Absurdos do cristianismo

Thursday, February 20th, 2020

Cuidado! Se você frequenta como penetra uma igreja de Jesus Cristo tendo na consciência que cometeu pecados, Jesus pode te infectar com virus! Isto de fato aconteceu na Coreia!
O eloquente pastor da igreja Shincheonji Church of Jesus veste o manto de Jesus e afirma que ele levará 144.000 pessoas com ele para o céu, seus corpos e almas, no dia do Julgamento Final. Então entra na Igreja uma crente no pastor portando o coronavirus da China e infecta já 82% dos outros crentes, dentro da Igreja! Mas como que Jesus, tendo falado a este seu servo para escolher 144.000 pessoas, pô-las dentro da Sua igreja, está vendo uma mulher infectada com virus (Ele ve e sabe tudo), entrando na Igreja e espalhando o virus entre os Seus escolhidos, não toma nenhuma providência para impedir?!

Só pode ser porque Ele viu que na Igreja tinha penetras pecadores que não podem ser inseridos nos 144.000…
Eu fico bobo como e porque aquela mente infantil dos babyes crendo que tem amigos invisíveis com quem conversam se estende a individuos na vida adulta, que continuam a crer em amigos fantasmas. Estas pessoas nunca amadurecem?
Eu suspeito que tem de existir super-consciências muito mais evoluídas que o meu feto de consciência humana. Que podem até saber que existe esta humanidade na Terra, e de vez em quando dão uma olhada no global aqui. Mas claro que eles não pensam como humanos, e sabem o que é melhor fazer para a evolução dos humanos. Talvez até, de vez em quando, se encarnam em algum humano, como Buddah, Jesus Cristo, e vem trazer as mensagens certas que vão impulsionar nos humanos a sua auto-exorcização dos instintos animais.

Mas se eles nunca tomaram nenhuma atitude drástica é porque não podem interferir no processo da evolução, isto tem que ser feito por escolha dos humanos, e certas mensagens são apropriadas para ajudar neste processo.

Eu confesso que pratico um método de meditação tentando fazer meu feto de auto-consciencia emitir sinais de particulas de luz ao espaço sideral tentando ser ouvido por consciencias evoluídas. E a súplica que envio é que venham ajudar com alguma providência possível a eles, os humanos sendo torturados. Mas ler livros de adultos ignorantes antigos que mantinham as fantasias da mentalidade infantil por conveniencia ( pregar é apenas falar e ganhar dinheiro escapando do trabalho duro a que todos os humanos foram condenados ao nascer) inventando amigos sobrenaturais praticando magicas aqui, não sou louco para tanto. Então, se eu vivesse nesta cidade da Coreia, eu jamais teria entrado nessa igreja para ouvir este pastor parasita e não teria sido um dos 82 que foram conduzidos agora ao seu inferno…

Diz a lenda que todo ano no Natal, Jesus desce do céu e passa a tarde toda conversando com o Papa no jardim do Vaticano. E nestes milhares de anos sempre ao se despedir Jesus diz: ” Ainda não foi desta vez que entramos num acordo, vocês meus fiéis não entenderam nada, mas vamos continuar tentando…”

Ai o Papa retruca: ” Mas a extrema direita está insaciavel, vampirizando cada vez mais o sangue do povo pobre. Você não pode fazer um passe de mágica para contê-los ou elimina-los?” – e Jesus responde:

“Se você conter ou eliminar as feras da selva, o gado vai apenas engordar, nunca vai vencer sua preguiça e tentar observar, raciocinar, sobre os detalhes da Natureza, esta minha Obra, para aprender os processos a imitar que os levaria a sua transcendência. E se multiplicando sem freios e sem predadores, iriam devastar a vegetação, se auto-exterminando a si proprios. Então, isto não seria pior do que lhes continuar dando uma oportunidade?”


A noticia pode ser vista em:

https://www.theguardian.com/world/2020/feb/20/south-korean-city-daegu-lockdown-coronavirus-outbreak-cases-soar-at-church-cult-cluster

“Shincheonji claims that its founder, Lee Man-hee, has donned the mantle of Jesus Christ and will take 144,000 people with him to Heaven, body and soul, on the Day of Judgement.”

Saturday, February 1st, 2020

Great! “Points for Reform” of Christianity, by minister John Shelby Spong

https://en.wikipedia.org/wiki/John_Shelby_Spong

Spong’s “Twelve Points for Reform” were originally published in The Voice, the newsletter of the Diocese of Newark, in 1998.[13] Spong elaborates on them in his book A New Christianity for a New World:

!) Theism, as a way of defining God, is dead. So most theological God-talk is today meaningless. A new way to speak of God must be found.
2) Since God can no longer be conceived in theistic terms, it becomes nonsensical to seek to understand Jesus as the incarnation of the theistic deity. So the Christology of the ages is bankrupt.
3) The Biblical story of the perfect and finished creation from which human beings fell into sin is pre-Darwinian mythology and post-Darwinian nonsense.
4) The virgin birth, understood as literal biology, makes Christ’s divinity, as traditionally understood, impossible.
5) The miracle stories of the New Testament can no longer be interpreted in a post-Newtonian world as supernatural events performed by an incarnate deity.
6) The view of the cross as the sacrifice for the sins of the world is a barbarian idea based on primitive concepts of God and must be dismissed.
7) Resurrection is an action of God. Jesus was raised into the meaning of God. It therefore cannot be a physical resuscitation occurring inside human history.
8) The story of the Ascension assumed a three-tiered universe and is therefore not capable of being translated into the concepts of a post-Copernican space age.
9) There is no external, objective, revealed standard written in scripture or on tablets of stone that will govern our ethical behavior for all time.
10) Prayer cannot be a request made to a theistic deity to act in human history in a particular way.
11) The hope for life after death must be separated forever from the behavior control mentality of reward and punishment. The Church must abandon, therefore, its reliance on guilt as a motivator of behavior.
12) All human beings bear God’s image and must be respected for what each person is. Therefore, no external description of one’s being, whether based on raceethnicitygender or sexual orientation, can properly be used as the basis for either rejection or discrimination.