Archive for the ‘Fractal Universal as Matrix/DNA’ Category

Circadian Rythym: the big puzzle…

Sunday, January 5th, 2020

Without an alarm or other external source for waking us up, what prevents our brains from being asleep forever?

The scientific explanation: You have a really complicated internal clock called your circadian rythym that helps you know when to sleep and wake up. In short you have neurons that run in a loop, activating and deactivating themselves (a bit like a Redstone clock actually if you play minecraft), and similar proteins too that inhibit their own production so they come in waves. Essentially, using these complicated systems and synchronizing them frequently with light and other stimuli, your body can determine when to sleep, when to wake up, how to regulate temperature, and so on. This system would wake us up after about eight hours of sleep by stopping melatonin, and increasing seratonin, dopamine, acetylcholine, and norepinephrine production. Without the external cues though our body has a tendency to drift from 24 sleep cycles to slightly longer cycles (anywhere from 15 minutes to several hours longer, depending on the study.)

What are these self-inhibiting proteins and how does this work? It’s actually called CLOCK (I know, biologists are great at naming things. Stands for Circadian Locomotor Output Cycles Kaput) and it can bind to its own section of the DNA and prevent it from being transcribed. So as more of it is made, the higher the chance it is bound more often and less of it is produced, then as it degrades over time it begins to be produced more and more again, restarting the cycle.

The Matrix/DNA comments: Self-inhibiting proteins and self-activated or self-deactivated neurons?! Ok if you believe in it. I am sure it is not a proved scientific fact. How it could be? Any kind of “self” implies a command coming from inside. Proteins and neurons are merely a bunch of atoms. There are no self-rolling stones. I think the problem here is the conflict between reductionist/systemic mindset. It is an opened question waiting for work by opened minds. At Matrix/DNA world view we believe that all these movements are result of the flow of information/energy that runs inside a circuit of a dynamic formula which can be designed as a simple diagram software. It happens that we are detecting this formula every time we see a new natural system. This formula is the software behind a fundamental unit of information of DNA ( two lateral opposite nucleotides), it is the template of brain anatomy, as well the template of any building blocks of astronomic systems. So, the circadian rythym in a human body is produced at same time by the bigger astronomic fractal as the smaller genetic DNA fractal totally synchronized. The formula is the master, neurons and proteins are the soldiers. Soldiers at work are not self-something. But, like the reductionist can not show the internal trigger of selfies in neurons and proteins, we can not show also the internal and external formula, which must be composite by a network of photons.

SirWallaceIIofReddit – answering to Matrix/DNA comments:

They are definetely real, like just finished reading about them in my text books real. The proteins work like I described in my other comment, inhibiting the DNA that codes for them, but I did oversimplify the neurons thing. They are actually cirquits of neurons. The super simplified version would be a two neuron systems. One of them is inhibitory and one excitatory, and both send signals to the other. The excitatory one activates, activating the inhibitory one, which deactivated the excitatory one, which stops activating the inhibitory one, and so on and so forth, creating a reliable rhythm. As for the second half of your post I’m a little confused, could you try to explain it a different way?

MatrixDNA answering to SirWallace:

I agree with your description about what we see, our disagrement is about the explanation and the primary causes. I think that it would be good for you trying to look at a new perspective of the brain – which is at my website ( I don’t want divulgation here but there is no other way). It has a lot of food for thought and new discoveries. The brain is itself a natural system and all natural systems are build by a unique natural formula, which is at my website. Then, if you superpose the brain’s anatomy upon the formula, you can see the systemic circuit flowing and activating glandules, neurons, proteins, etc. The hippocampus is upon F1 and the cortex is upon F4. Pay attention that the formula is divided into two halves. The left side is energy up, the right side begins entropy, so, is energy down. So, a neuron is not inhibitory or excitatory by itself, it is the systemic flow that control them; if the flow is up, the neuron is activated while the other os kept entropically null. When a protein ( or the code for it) meets its counterpart of the other half, both are out. I know that you will not understand it now, it is not a complex issue, but it is different from everything we have learned. In theory, it has worked very well for me… Cheers…

https://www.reddit.com/r/askscience/comments/ejsa6q/without_an_alarm_or_other_external_source_for/

Porque os pobres não se associam a outros pobres contra as mafias predadoras: as causas vem das origens do Universo!

Friday, January 3rd, 2020

Tudo o que existe aqui e agora na Natureza, são evoluções de tudo que era simples nas origens do Universo. Inclusive os instintos animais, que evoluíram para os comportamentos humanos, tem seus princípios e causas nas forças naturais regulando o microcosmo que ainda mantem o estado inicial do Universo. E se não detectamos estas causas a 13,8 bilhões de anos atras, nada entendemos do porque humanos se comportam do jeito que o fazem.

Por exemplo, eu nunca entendi e aceitei o extremo egoismo dos pobres que são incapazes de associarem em cooperativas e associacoes para consumirem e produzirem em grupo defendendo-se das grandes mafias corporativas. Isto revela ignóbil burrice, como se fossem cegos ou animais irracionais, e pagam com sangue e suor inclusive de seus filhos devido este defeito nas suas psiques.

Porque é assim? Porque existe este fenômeno na Natureza, já que humanos são corpos naturais? De onde veio os mecanismos, processos e forças naturais que se juntaram aqui e agora produzindo este fenômeno na frente de meus olhos? ( assim vive a raciocinar os filósofos naturalistas). Justo agora lendo sobre mais uma descoberta cientifica, fui descobrir onde e como o fenômeno que vejo entre humanos agora esta também ali, dentro dos átomos, a 13,8 bilhões de anos!

Uma força muito importante que esta empurrando, obrigando, a evolução mental dos humanos é o método cientifico criado por eles. A cada nova descoberta das invisíveis dimensões microscópicas e macroscópicas se desvelam vários mecanismos e processos existentes na Natureza que ainda se desconhecia. E justo agora leio sobre mais uma descoberta que veio justo elucidar este defeito racional entre os pobres.

Acima das famílias dos pobres existe sempre um grupo de predadores humanos dominantes que elaboram as regras sob as quais os pobres devem viver. E como estrategia de dominação existe o lema “dividir para reinar”, do qual produzem varias situações para impedirem os pobres de se reunirem principalmente para conversarem ou militarem com alguma estrategia para obterem mais liberdade. Assim, enquanto dentro das casas dos pobres existe uma forte interação entre os membros das famílias, essa interação enfraquece um pouco na relacao entre vizinhos e some totalmente na interação entre famílias do mesmo bairro e mesma cidade. A força que emana da classe dominante, assentada como governo, começa a se apropriar das famílias impondo regras sociais, encargos ou benefícios, de maneira que as famílias começam a se desligarem porque “cada um tem que cuidar da própria pele quando o leão ataca ou quando os recursos são limitados”: primeiro minha família, em segundo vem minha família, depois os vizinhos, os deserdados sem família e casa, etc. Os pobres são maioria, tem a força e se quisessem ninguém os dominariam, mas o instinto de ovelha que vem dos instintos das forças internas dos átomos os enfraquecem.

A cosmovisão da Matrix/DNA já elucidou a causa primeira universal da existência do egoismo nos animais e humanos, trata-se da força atômica da repulsão que se torna com a evolução a tendencia dualista natural para se ser sistema fechado em si mesmo, e a força oposta que é o altruísmo, a tendencia a ser sistema aberto as relações com as partes adjacentes do sistema a que se pertence e entre os diferentes sistemas.

A cosmovisão da Matrix/DNA também já detectou que tudo neste mundo natural esta representado como fractais, uma enorme hierarquia de fractais, uns dentro dos outros. Assim cada nível e fractal ( como um corpo humano) é composto pelo fractal microscópico ( átomos, células, que compõem estes corpos) e influenciado pelo mesmo fractal a nível macroscópico ( o meio ambiente, o sistema astronômico que o envolve, etc.)

Juntando tudo isso para estudar o motivo do defeito associativo entre os pobres, aprendemos que este motivo resulta da soma do auto-egoismo individual produzido pelas unidades fundamentais dentro de seus corpos mais a força que vem de cima, do grupo predador dominante.

Mas porque tem que ser assim?! Porque esse “bad”, péssimo design na Natureza? de onde vieram os elementos que convergiram para produzir este tipo de influencias micro e macro sobre a psique humana?! Onde estavam e como eram estes elementos e forças nos nossos ancestrais sistemas astronômicos e atômicos? Aqui vem a resposta:

No artigo intitulado “Existe um Grande Mistério Oculto Dentro de Cada Átomo do Universo”, num paragrafo se lê:

What exactly happens inside atoms?
Fontes: https://www.space.com/mystery-of-proton-neutron-behavior-in-nucleus.html
(Image: © Shutterstock)

” Enquanto os quarks (leia-se: “os humanos membros de uma família”), que são as partículas subatômicas que compõem os núcleos dos átomos, interagem fortemente dentro de cada proton e neutron (leia-se: “dentro das suas casas”), os quarks em diferentes protons e neutrons ( leia-se: “em diferentes casas”), não podem interagirem muito entre si. A força dentro dos núcleos ( das casas, das quadras, das vilas) é tao forte que ela eclipsa a força conectando os diferentes núcleos de diferentes átomos (das diferentes casas).

Imagine você sentado em sua sala conversando com dois amigos e com as janelas fechadas. O trio dentro da sala são os três quarks que normalmente compõem um proton ou um neutron. Uma leve briza esta soprando la fora. A briza é a força que conecta os protons e neutrons dentro da sala aos outros protons e neutros que estejam na sala da casa vizinha. Mesmo que entre uma pequena lufada da briza dentro da sua sala ( a família vizinha teve a luz cortada por falta de pagamento) isto pouco ou em nada afetará você. Mas se a força de conexão dentro de uma família fosse igual entre famílias vizinhas, ao invés de apenas os membros da outra família ter que lutar para pagar a luz, agora seriam o dobro, ou multiplicados por todos os vizinhos conectados.

Acontece que alem e acima dos quarks, dos protons, dos neutrons, existe a força do sistema atômico, que mantem conectados inclusive os elétrons a estes núcleos. Esta força chamada de interação fraca pelos físicos, é na verdade , e representa, a força da classe dominante através de seus governos nas sociedades humanas. Como nuvens que pairam no céu, dela vem tempestades que imitam o rugir dos leões nas colinas, e podem causar grandes estragos nas famílias, se as famílias não obedecerem as regras de ordem.

A cosmovisão da Matrix/DNA me levou a descobrir que o mistério/causa da incrível organização das sociedades de formigas e abelhas nada mais é que a copia do circuito de conexões entre as partes do sistema universal representado pela formula da Matrix/DNA. Não são formigas – seres praticamente sem cérebro – que inventaram aquele tipo de organização, a divisão dos papeis e funções de trabalho, etc. – mas sim seus corpos sem intelecto apenas obedecem as forças de conexão que vem doas átomos que compõem seus corpos reforçadas pelas mesmas forças que vem do fractal que a as envolve, expressado através do ambiente biosférico e astronomico em que existem.

Mas isso justamente acontece também com os humanos que ainda não possuem um intelecto formado pelas reais interpretações dos fenômenos naturais providos pelo método cientifico. Sem ter conhecimento das forças externas que os prejudicam, não são motivados a resistirem, lutarem contra e elaborarem seu próprio código de comportamento, visando seu beneficio.

Conclusão final: Por isso os dominantes colonialistas tudo fazem para evitarem que os povos dominados estudem Ciências e que sejam mantidas as religiões criadas por eles. E daqui extraímos o que temos a fazer para eliminar mais esta situação da sociedade humana: lutar para divulgar e atrair o interesse dos pobres para os fenômenos reais da natureza. Como aconteceu comigo agora lendo um artigo que nada tem a ver com comportamentos humanos, a imagem formada no cérebro pelo ensino destes fenômenos vai bater com a imagem de uma situação real acontecendo dentro da anatomia do próprio cérebro, a nível atômico, e assim ocorre a auto-identificação, e desta, o despertar.

xxxxxxxxxx

Trecho real do artigo em singles:

While quarks, the subatomic particles that make up nucleons, strongly interact within a given proton or neutron, quarks in different protons and neutrons can’t interact much with each other, he said. The strong force inside a nucleon is so strong it eclipses the strong force holding nucleons to other nucleons.

“Imagine sitting in your room talking to two of your friends with the windows closed,” Hen said.

The trio in the room are three quarks inside a neutron or proton.

“A light breeze is blowing outside,” he said.

That light breeze is the force holding the proton or neutron to nearby nucleons that are “outside” the window. Even if a little snuck through the closed window, Hen said, it would barely affect you.

https://www.space.com/mystery-of-proton-neutron-behavior-in-nucleus.html

There’s a Giant Mystery Hiding Inside Every Atom in the Universe

The network of biophotons of living systems reflects into the cosmic light wave background?

Thursday, October 24th, 2019

xxxx

https://www.meetup.com/Philosophy-in-Manhattan/events/261143577/

This little thought experiment from Ancient Greece illustrates the philosophical problems: “A man named Theseus has a ship. After a storm rips the main sail, he replaces it. Some time later, a wooden plank on the main deck warps, and is replaced. Pulleys rust and are replaced. None of this happens over night, but occurs gradually. Imagine fifteen years have passed and every piece of the ship, and every bit of tackle, the pitch and tar, the ropes, the rudder, and every other bit of material on the ship has been replaced. The ship now has none of its original components.” The question is this: Is this still Theseus’s Ship? If it is, how is it that all of the substance of a thing can change, and yet it remains the same thing? If it is not Theseus’s ship, at which point did it cease being the same ship? How much change can a thing go through without its identity changing?

This issue is related to an article in PDF, here:

https://www.dropbox.com/s/vama1noev0omp3s/Identity%20and%20Personal%20Identity.pdf?dl=0

My suggestion posted for Justine: (10/19/19)

By the way, as a naturalist philosopher I am long time thinking these questions and elaborated a general theory about, which suggests that the answer lays on systems and its emerging property called identity. Someone could suggest this question to Liam Ryan. Ships are not systems, but human bodies are and the identity of it as natural systems is composed by a network of biophotons. I can show how atoms and galaxies has this network composed not by biophotons, but by photons. If my theory about natural light wave is right, it has an internal anatomy identical to the process of life’s cycles, so, must have a universal cosmic wave background that reflects and absorbs all these biophotons networks. Then
, a natural system can changing entirely from living to nonliving that the network will be kept in the cosmic background. Ok, this need lots of technical details which are at my website.

Raios, havia um meetup neste domingo sobre este assunto na casa da Justine, quando fiquei sabendo não havia mais vagas, ai alguem desistiu, a Justine me avisou no sabado com o post abaixo, e eu nao vi a resposta dela… raios, raios e raios, diabos…

Justine : Louis, a spot has opened up tomorrow if you’d like to sign up.

xxxx

 











Proton: Astonishing Image

Thursday, September 19th, 2019

xxxxx

colorful balls in the middle of black background

A proton is made of a swarm of quarks and gluons, as imagined in this illustration. ILLUSTRATION: CERN

 

Mais uma nova descoberta sobre este mundo que deve obrigar os filósofos de plantão a repensar tudo o que acreditam e imaginavam conhecer. Uma mudança no conhecimento do mais intimo da matéria tem que corresponder a uma mudança na inteligência e na mais cósmica das consciências. Como fica agora o novo mundo com este novo próton?!

Por isso é bom estar sempre procurando o que a humanidade vai descobrindo e se desenvolvendo em todos seus aspectos. Principalmente no que se refere ao conhecimento da Natureza, deste mundo, do qual dependemos mortalmente. Sempre fizemos uma ideia errada de como seria a imagem do núcleo de um átomo – este elemento que é mortalmente importante em nossa existência, pois cada ser humano é dono de trilhões, quatrilhões deles: tanto os trilhões que constituem seu corpo como os que constituem seus objetos e propriedades, e o mundo em geral.

Nossa imaginação imaginava um núcleo formado de bolinhas brilhantes amarelas como o Sol, que seriam os prótons, misturadas com igual quantidade de bolinhas escuras, que seriam os nêutrons. E emanando delas, do núcleo, uma serie de ondas em camadas magnéticas, pelas quais orbitariam os elétrons. E eu ficava surpreso quando estas pessoas céticas pregavam com imposição que ” que nada, nosso corpo não tem campo magnético, não tem essas coisas de energia aparecendo nas fotos, isso tudo é misticismo!”. Mas como não se num átomo 95% é campo magnético, e somos constituídos de átomos…, o certo é dizer que somos mais magnetismo que carne e osso…”

Mas de fato não conseguimos imaginar a realidade mais profunda das coisas, então para não complicar nossas vidas e não fundir nossa cuca, vamos embalar com o povo na ideia da carne com osso. “Não pode! Você tem que entender que se você enfia uma agulha cujos átomos tem a vibração P no seu corpo onde os átomos tem a vibração X, vai haver tempestades do choque entre diferentes vibrações, então não enfie agulha no seu corpo…” – ” Ora, fica mais fácil dizer que se enfiar agulha na carne vai doer”. ” mas assim você não entende o que é dor, um conflito de vibrações com ressonância nos átomos dos sensores no seu cérebro que…” – ” Louis, por favor, cale a boca, pare de complicar…” – “” Mas é por causa desta atitude que os humanos ainda sentem dores. Uma questão de vibrações a nível profundo da matéria é tratada por médicos que lidam com carne e osso quando devia ser tratada por físicos quânticos…” – “Cale a boca Louis!”

Agora de repente uma imagem que me ocupou a mente por toda a vida e que me desviava do maior conhecimento da Natureza foi derrubada em um flash do olhar, menos de um segundo! O próton continua sendo como uma bolinha, mas que complexidade! nada do sol luminoso amarelo, parece mais como um montículo feito de muitos ingredientes, sementes, como ervilhas, feijão, semente de girassol, lentilhas, grãos de arroz, milho… tudo misturado, e tudo cozido, porque esta tudo colado entre si! São como um armazém de sementes de todas as agriculturas… agora dá para entender porque os átomos formaram tantas coisas, tantos objetos, tantas especies de vida diferentes… eles tinham as sementes, as informações para tudo isso! E… epa… sim… vou comemorar, porque eu cantei essa bola a 30 anos atrás, apesar de não ter a ideia exata do que isso significava. Previ isso mas não por intuição ou inteligência e sim porque meus cálculos apontavam essa solução. O que mais é a fórmula da Matrix/DNA que estou defendendo que deve existir na Natureza com informações para tudo, senão a criadora de sistemas complexos assim, com as informações para tudo neste Universo? Ganhei mais uma, você tem que pagar a próxima cerveja… taí a imagem como mais evidências para minha teoria…

Na minha teoria, existe uma formula universal que  contem todas as informações para construir e de fato construiu todos as formas de sistemas naturais, de átomos a galaxias a corpos humanos, cujas formas são apenas variações de um único sistema surgido no Big Bang inicialmente na forma de uma onda de luz natural que se propaga no tempo/espaço ao desenvolver uma anatomia própria pela força do ciclo vital e de cuja anatomia emergem todas as informações.. ou seja, uma especie de genoma. Como o átomo foi uma das primeiras formas do sistema criado por essa formula/genoma, a onda de luz impregnou-o com as informações que estavam registradas nela. Como essas informações tornam a onda de luz algo muito complexo, que o próton tenha nascido com essa complexidade estava automaticamente previsto na teoria. Se fosse uma simples bola de luz homogênea, o próton não se encaixava nos meus cálculos da macro-evolução universal.

E você deve comemorar também porque esse átomo ai muito mais complexo e rico em detalhes e informações vale muito mais que o átomo antigo, e como você é dono de uns quatrilhões deles, seu corpo aumentou de valor… Quando você publicar aqueles anúncios que esta vendendo dois quilos de gordura da sua barriga, não se esqueça de corrigir o valor…











The Universal Algorithm Formula of Matrix/DNA For All Systems

Tuesday, May 26th, 2015

xxxx

Matriz Universal: Software de Sistema Fechado

The Universal Matrix/DNA Formula for Closed Systems

The Matrix/DNA formula as a closed system algorithm (exists only at atomic and astronomical scales):
F1) Are there are raw ingredients in space, in the form of mass and energy, and swirling due rotation of space?
If yes, form a whirlpool mixing raw ingredients and cooking them until bubbles are ejected to the external space. The bubbles will be the core of a new astronomical body;
If not, don’t form the whirlpool.
2) The bubble adds more raw and frozen ingredients in the space?
If yes, continue heading into the sidereal space, now under the names of “star-seed” inside a “planet”;
If not, be undone as a bubble.
3) The planet passes close to a star?
If yes, get in their orbits;
If not, continue wandering in space to unravel.
4) The nucleus is reached by the star’s energy?
If yes, start nuclear reactions feeding on the outer layers of ingredients, i.e. the geological layers. Go to F6;
If not, become a moon.
5) Is the nuclear reaction evolving and eating the layers to the surface?
If yes, the pressure form the volcanos ejecting comets (carrying on active nuclear reactions for to activate the whirlpool) and  falling internally on the galactic’s spiral towards the core. Go to F1;
If not, freeze like a moon.
6) The nuclear reaction reached the final surface layer?
If yes, self-collapsing becoming a star supernova;
If not, freeze like moon.
7) Were sold out the energy particles within the atoms of the nutrients’ layers?
If yes, self-dissolves into fragmented in ingredient mass to form new whirlpool, and self recycles yours body.
If not, become a giant dead planet of inert gas.

The Matrix/DNA formula for opened systems:

1) Being yourself an electromagnetic structure, or atomic, or astronomic, or biological, repeat all steps to F5;

2) Do you want to perpetuate this form of body/life’s cycle/closed system?
If Yes, go internally to the nucleus and repeat his eternal cycle;
If not, go externally to relate to the outer unknown.
Note: For example, if you’re a man, and married, drive all your F5 for a unique and same woman, reproducing only a unique type of DNA. If you’re a man, and celibate, drive your F5 to the largest quantity of different women, producing diverse kinds of DNA. Other example: drive yours behaviors to be an extreme nationalist or to be opened to globalization. Or other: as a bird in Galapagos, keep yourself in Galapagos eternally or immigrates to the next island for to be found by Darwin as mutated and naturally selected.

– See more at: http://theuniversalmatrix.com/pt-br/artigos/?p=9279#sthash.oijK1n4s.dpuf











Fractals, Mandelbrot: Developing the Idea of Matrix/DNA as the Universal Fractal

Saturday, November 12th, 2011

The spetacular art-work of HTwins.net (see The Scale of the Universe) has a chapter about Mandelbrot Fractals. If we could unifying the world vision of Matrix/DNA with the tecnical knowledge and resources these people has we could doing wonderful work. See the link:

http://htwins.net/mandy/

And my comments sent to them:

from: Louis C. Morelli

Hey, about Mandelbrot fractals.

With matemathics Mandelbroth got not only a source for art but arrived next to the fundamental secret of nature. The natural fractal will be, when discovered, an unimaginable richest source for videos like yours. I would appreciate if you analysing my suggestion about the natural fractal. I made a model of it (it is in my website “The Universal Matrix/DNA of Natural Systems and Life’s Cycles” – google it).

The core idea is: Nature has used since the Big Bang a kind of formula for doing matter and organizing it into systems. This formula is a single diagram of software which is replicated as material hardware, then, we have from atoms to galaxies to cells and human bodies, all based in this “fractal”. The difference is that here we are dealing with a living world under evolution and not mechanical like the production of Mandelbrolt fractal. The formula itself is under evolution and began as quantum vortexes – the shape I made is the phase as astronomical building block. I have no idea how to translate this formula into matemathical algoritms for computer simulations, but, maybe you will be able to do it. As I said in my homepage, feel free for using anything, because your job is benefic to Humanity.