Archive for the ‘Science as Official Academy’ Category

Nova onda, novo equívoco: o levante do protesto contra o reducionismo se baseia no mito da emergência mágica

Sunday, May 16th, 2021

Este movimento “emergentista” está sendo conduzido pelo Marcelo Gleiser e sua equipe se seu Cross-Disciplinary Institute. Interessa muito à Matrix/DNA. Aqui um artigo publicado por eles:

Reductionism vs. emergence: Are you “nothing but” your atoms?

https://bigthink.com/13-8/reductionism-vs-emergence-science-philosophy

( Ver website e novo paradigma liderado por Marcelo Gleiser)

Os racionalistas que criticam os misticos espiritualistas estão convidados a criticarem a cosmovisão da Matrix/DNA, com fatos.

Wednesday, May 12th, 2021

xxxx

Parabéns pela lógica. Gostaria que você analisasse e criticasse minha teoria, para eu me livrar dela. Reagi com a mesma lógica sua contra a teoria espiritualista, argumentando que ninguém pode se corrigir e evoluir vivendo sob o ciclo da fraqueza e miséria na Terra. Pagar karma? Ora, as prisões não corrigem, tornam-nos mais criminosos.

Porém, apesar de parecer ser puramente lógica, é possível que haja neste mundo e no nosso inconsciente uma lógica diferente e mais logica ainda, que justificaria este nosso nascimento absurdo aqui. Descobri essa possibilidade numa investigação pelo método naturalista, exclusivamente materialista. Trouxe para a mesa todos os fatos e eventos reais conhecidos e comprovados deste Universo e procurei conectá-los sem as místicas e teorias comuns. Quase fechei o quebra-cabeças, mas sobrou apenas um mistério a resolver: o que era aquela onda de luz original no Big Bang? De onde e como veio? Estudando-a no espectro eletromagnético percebi que ela tem uma anatomia, formando um sistema funcional que se expande e se propaga pelo mesmo ciclo vital que faz nossos corpos se propagarem no tempo e espaço. No meu website podes ver como ela se encaixa na função de fórmula criadora de todos os sistemas naturais, de átomos, a galaxias, e inclusive, da unidade de informação do DNA, a qual é em si um sistema funcional. Mas daí tem dois desfechos surpreendentes:

1) As sete faixas ou micro-ondas são como os órgãos do nosso corpo, porém a nível cósmico, estas faixas produzem sete dimensões ou sete realidades porque cada faixa tem todas suas propriedades em um nível deferente das propriedades das outras seis faixas. Um nível de vibração, intensidade energética, comprimento de onda, temperatura, etc., que cria uma realidade que não se mistura com as outras seis, como sendo sete universos paralelos. Isto sugere a possibilidade de que a minha centelha de Matrix/DNA seja “sete-em-um”, cada qual na sua faixa dimensional. Se isto estiver correto, a minha forma biológica tem que fazer o que convém aos sete, que no seu conjunto compõe o Eu, Superior, mesmo que alguma tarefa não me agrade. Por exemplo, se sujei a casa, eu devo limpá-la.

2) No quebra-cabeças apareceu que, quando eu estava na forma de um ancestral remoto, chamado LUCA – the Last Universal Common Ancestor, vivendo longe daqui, usando a dadiva do livre-arbítrio cometi um erro gravíssimo contra as leis naturais e o propósito da existência de qualquer DNA (genoma), me tornando um sistema fechado em si mesmo, o qual se tornou meu inferno, implorando para dele ser libertado ou a morte eterna, porem quem decidiu foram as minhas outras seis partes, que não são culpadas e não querem morrer, e assim decidimos então que eu mesmo consertasse a burrada que fiz. Tenho o modelo teórico, o retrato falado, deste ancestral como sistema fechado, se desfazendo pela entropia cujos fragmentos caíram nas superficies dos planetas criando este tipo de vida no estado de caos e rastejando como sistema aberto, comendo o pão que o diabo amassou, para retornar ao caminho certo. Como fazendo isso seremos libertados, o que é melhor do que a morte eterna, voce nasceu aqui não satisfeito, porém aprovado pelas outras seis partes suas…., pelo seu Eu superior. Aliás esta história foi narrada na forma da parabola do retorno do filho prodigo e depois numa lenda sobre uma tal de queda de um paraíso, porém como não gosto de religiões, desprezei os insights daqueles autores semianalfabetos. Ele não se suicidou no chiqueiro, porque teve enorme saudade de seus pais, então comeu lama e aguentou porque tinha esperança de retornar.

Como até agora ninguém me apresentou um fato ou evento real conhecido que derrube essa teoria, estou suportando comer lama nesta prisão motivado pelo significado existencial que emerge desta teoria: “Somos 8 bilhões de irmãos genes semiconscientes que juntamente com mais bilhões de outros irmãos espalhados neste Universo estamos construindo um embrião de autoconsciência num corpo de luz para nascer além deste Universo no dia do Big Birth. Assim você é – como qualquer gene – o único portador de uma informação específica, intransferível e indestrutível cuja missão é inseri-la na Grande Obra, e de quebra, tens o desejo de ajudar todos os irmãos genes a cumprirem as suas missões, porque se um apenas não o fizer, nasceremos com um aleijão…

Como você pegou no pé dos espiritualistas com exemplar logica racional, imploro-lhe que busque a falha aqui também e apresente o desejado fato que possa me derrubar, pois o que me interessa é a Verdade.

Os humanos estão desprezando a Mestra Natureza para consultarem Oráculos pseudo-naturais

Saturday, May 8th, 2021

No artigo com link abaixo, se revela como a moderna intelectualidade acadêmica está se perdendo em masturbações mentais infindáveis que os afasta cada vez mais de sua mãe Natureza. Bastaria voltarem sua atenção para a face linda que a natureza nos mostra, nos afaga e nos suporta aqui e agora, e conversarem com ela, pedindo-lhe as explicações sobre nossa existência, mas não preferem transportar suas mentes num barco à deriva num oceano infindável de elocubrações mentais que não vão conduzi-los a lugar algum. Fico indignado e por isso me pronuncio como nos dois posts copiados abaixo…

Artigo publicado na Tecmundo em 05/05/21:

O que existe além do universo? A resposta pode dar dor de cabeça

https://www.tecmundo.com.br/ciencia/216787-existe-universo-resposta-dar-dor-cabeca.

Minha resposta:

Imagem

Louis Charles Morelli • May, 28, 21 • edited

O Universo dos físicos e matemáticos é mágico. Ele cria informações do Nada, por mágica. Por exemplo, no universo dos físicos a vida surgiu depois dos átomos e galaxias, e como as propriedades vitais não existiam nos seus modelos teóricos de átomos e galaxias, só podem ter sido criadas por acaso, propriedades vindas do Nada. Tudo bem, porém não posso aceitar esta teoria. Pois tudo indica que o corpo humano com vida foi produzido por este Universo, e porque ele tinha informações para isso. Mas assim como o corpo humano precisa de uma infraestrutura sólida como o esqueleto ósseo, a vida primordial precisava de uma estrutura solida para iniciar. Sistemas atômicos e astronômicos são o passado estrutural da vida complexa, constituída de sistemas biológicos, e os físicos, com a lógica matemática, estão limitados ã captação das coisas deste esqueleto cósmico estrutural. Porém olho novamente para um corpo humano, vejo que tem esqueleto mais simples coberto pela carne mais complexa e quando estudo a história deste corpo descubro que a carne produz esqueletos e não que esqueletos produzam a carne. Então projeto minha inquirição para o antes do Big Bang produtor deste esqueleto, e somente uma solução é possível: seja lá o que for que deflagrou o Big Bang, que iniciou a construção deste esqueleto fisico-mecanico cósmico, TINHA VIDA! Era algo vivo, ou ao menos, continha as leis e propriedades da Vida!. Isto é aplicar a Navalha de Occam neste mistério, pois a solução se torna simples, tudo o que existe aqui se tornam evidências e nosso Universo não é misticamente mascarado de magico. Ele só pode criar coisas pelo mesmo processo e informações que ele foi criado. No primeiro instante da fecundação de um ovulo ocorre um relâmpago de luz, um micro-big bang como no primeiro instante deste universo. Nunca esse moderno mindset acadêmico dominado por físicos + matemáticos vão conseguir elaborar a Teoria do Tudo, sem a participação dos experts em leis e informações da Vida, como biólogos, neurologistas, etc. O mindset acadêmico se tornou mistico pois inclusive acredita que a evolução que vemos nos sistemas biológicos também foi criada aqui vinda do Nada, pois não procuram o elo evolucionário vindo da evolução cosmológica que dirigiu toda a existência dos nossos ancestrais sistemas astronômicos e atômicos.

O mesmo artigo republicado no facebook – A Ilha do Conhecimento

E minha resposta:

A minha investigação privada apontou uma resposta: Antes e além do que nossos sensores (naturais e artificiais) captam e denominamos Universo existe uma extensão mais complexa dele, no qual existem seres “naturais”, não mágicos, cujos corpos são constituídos de um fluído semelhante a luz e autoconsciência. Estes seres se autorreproduzem por um processo semelhante ao genético/computacional quântico fecundando regiões externas preenchidas com matéria/energia escura em eventos que denominamos Big Bangs. Do Big Bang se expande esse fluido luminífero no qual estão encriptados todas as informações para construir uma placenta e um ser (ou uma ninhada de vários seres) que será seu filho. Todos os trilhões de mínimos detalhes conhecidos deste universo hoje são incontestáveis evidências desta teoria. Alguns exemplos: 1) Nos 9 meses da gestação de um corpo humano uma célula inicial se transforma em várias novas formas que apresentam as mesmas formas do período da evolução cosmológica: filogenia biológica recapitula ontologia cósmica; 2) A unidade fundamental de informação do DNA é composta de seis moléculas (dois açucares nas hastes e 4 bases) cujo conjunto é um sistema e funcional. Este sistema é exata reprodução do sistema mais simples que produz os sistemas astronômicos e veio de outra sua forma mais simples ainda que produz os sistemas atômicos, o qual é a exata forma da onda de luz completa visível como espectro eletromagnético, o que significa que nosso DNA foi emitido do Big Bang como onda de luz contendo um código; 3) No microciclo da gestação de um corpo humano se expressa a autoconsciência vinda de seus pais, enquanto no macro ciclo da gestação deste ser cósmico essa autoconsciência vinda de seus genitores se expressa nos 13,8 bilhões de anos; 4) Um corpo humano surge de uma fonte e se propaga no tempo ( aumentando sua idade) e no espaço ( crescendo em tamanho) pelo processo do ciclo vital que produz as transformações das suas 7 formas notáveis (feto, baby, criança, etc.), na mesma exata sequência constatada na propagação da onda de luz primordial, revelando igualmente a causa como sendo o mecanismo do ciclo vital que transforma as formas, as propriedades gerais como intensidades, frequências, comprimentos de ondas, nas sete faixas do espectro eletromagnético. Portanto, não apenas a vida biológica, mas todos os sistemas naturais, desde aquela onda primordial foram formados e evoluem pela mesma formula vital. Desafio todos os humanos, todos os religiosos, cientistas, materialistas, místicos, ateus, capitalistas ou comunistas, etc., a apresentarem um único fato conhecido e comprovado que derrube esta cosmovisão. Se queres saber o que existia antes do Universo equipe-se com uma sonda e camera com poderosa lente situando-a na região microscópica de um ovulo no instante que ele é fecundado. O “spark” ou clarão de energia no momento da fusão dos dois gametas iluminando todo o universo intraovular será à imagem e semelhança do spark inicial do Big Bang na dimensão macrocósmica… e então olhe para alem do ovulo e veja os dois seres que o produziu… Big Bang na dimensão macrocósmica… e então olhe para além do ovulo e veja os dois seres que o produziu…

0 que existia antes do Big Bang? (Diferenças entre a teoria Acadêmica e a Teoria da Matrix/DNA

Friday, April 23rd, 2021

A teoria acadêmica está explicada no artigo com link abaixo:

https://revistagalileu.globo.com/Ciencia/Espaco/noticia/2018/03/stephen-hawking-explica-o-que-existia-antes-do-big-bang.html

Stephen Hawking explica o que existia antes do Big Bang

Tópico foi abordado em entrevista feita pelo astrofísico Neil deGrasse Tyson – 05 Mar 2018

Teoria da Matrix/DNA:

Hawking ignorando duas regras basicas da Filosofia Naturalista: 1) Ninguém pode saber a Verdade de um sistema existindo apenas dentro dele; 2) Para qualquer mistério sobre a Natureza Universal, calcule como a Natureza confecciona tudo o mais aplicando sua navalha de Occam, a qual possibilita a maxima economia de energia e todos os ingredientes e com a maior simplicidade. Quando na selva amazônica me bateu uma enorme vontade de saber de onde e como esta Natureza surgiu, como de costume nestas ocasiões eu me ajoelhava ao seu solo e num buraquinho murmurava minha pergunta, logo me veio uma intuição: peguei meu microscópio atrelado a uma camera e filmei o interior de uma cotia logo que ela terminou um ato sexual. Vi o espermatozoide vencedor chegar ao centro do ovulo, se fundir com o genoma feminino, mas neste momento uma maravilhosa surpresa: um spark de energia muito rápido clareou e se expandiu por dentro de todo o óvulo (para quem não sabe, tem videos no youtube filmando isso acontecer em humanos). Foi como um Big Bang! Microscópico para mim, mas macroscópico para o universo ovular, pois a luz inundou todo seu espaço. Em seguida se formaram grupos de genes como bolinhas que pareciam uma nebulosa de átomos; em seguida vieram as células que me lembraram os aglomerados de galaxias; em seguida um feto começou a se formar passando pela forma de sapinho, peixe, mamífero quadrupede, e um sistema biológico completo e vivo! A ontogenia biológica do resultado final atual do universo recapitulando a filogenia cósmica! Me ajoelhei outra vez no solo da mãe Terra molhando-o com minhas lagrimas e sussurrei bem baixinho no buraquinho: “Obrigado Grande Mestra! Mais uma vez me satisfizestes minha preferência pelas explicações mais lógicas, mais racionais, e menos místicas. Como retorno prometo-lhe que vou evoluir, vamos singrar o Cosmos, e vamos ultrapassar o evento do Big Bang para encontrar que tipo de pais e reino deflagraram aquele flash que criou a cotia e voltarei aqui neste buraquinho, para lhe contar o que vimos e resolver este grande mistério que, bem o sei, também tem feito é seu mistério e tem lhe feito perder noites de sono”……. Cá, entre nós, falando sério agora, a premissa mais logica que pode existir é que esse Universo não é magico, ele não pode criar informações do nada, portanto ele só pode criar criaturas pelo mesmo processo que ele foi criado. Segundo: A Física e a Matematica, quando aplicadas a sistemas biológicos como nossos corpos, são eficazes, mas estão limitadas a captar apenas o que contém o esqueleto ósseo e param nas suas fronteiras. A partir daí começa a carne mole, a complexidade aumenta, e esta termina onde começa a mais complexa região cerebral com sua consciência, reinos distantes dos tentáculos da Física e seu idioma, a Matematica, e sua arte, a mecânica. Aplicada no Universo, ela desvenda tudo do eletromagnetismo dos átomos, da mecânica das galaxias,… mas…, mas…, não é o esqueleto que produziu a carne e a consciência, e sim o contrário. Querem que o esqueleto do Universo tenha criado sua carne e mente, contra toda logica natrual que observamos aqui. Para uma Teoria do Tudo e os mistérios além desse imediato “todo contido neste sistema”, será necessário a contribuição de biólogos, neurologistas e até filósofos reduzidos a semi-macacos que vivem nas selvas murmurando questões nos buraquinhos do solo e elaborando teorias sobre o Big Bang, as quais seriam prontamente queimadas se apresentadas perante a inquisição do peer-review acadêmico… Estudo e respeito essa teoria da turma do Hawking, porém, não entendo porque desprezam a navalha de Occam trocando-a pela mística que acredita em mágicos átomos deuses.

Sci-hub: Website que permite ler os scientific papers

Monday, April 19th, 2021

xxxxx

https://sci-hub.se/

Terei que rever todos os artigos mencionando scientific papers que não pu de ler

Basta copiar o DOI no paper e colar na busca e clicar “open”. Ex:

https://doi.org/10.3389/fpsyg.2018.01475 ( esta copiado inteiro no meu PC, documentos

Naturalismo: Website Principal

Monday, April 12th, 2021

Xxx

https://infidels.org

THESECULARWEB

https://qr.ae/pGT98m

Naturalistica explicacao para a existencia do Universo

Monday, April 12th, 2021

https://infidels.org/library/modern/quentin_smith/natural.html

A Natural Explanation for the existence and laws of our Universe

Resumidamente o autor – um fisico – parte da hipotese alem dos atuais modelos cosmologicos de uma oscilante espuma quantica inicial, produzindo forcas ja com propriedades e aplicando a estatisca quantica, que gerariam os elentos mais coplexos de hoje. Ele nao mostra as causas anteriores. Mas e’ uma das poucas teorias naturalistas.

Interessante notar uma mesma intuicao para a exitencia do universo que Matrix/DNA teve : um sinal de luz anterior. No paragrafo em que o autor expoe uma definicao para o que e’ um universo, ele fala de uma lei basica gerando todas as demais leis, que seria um sinal de luz viajando num espaco vazio de vacuo a 186.000 km/s.

White holes : Zel’ dovich and Novicov proposed the existense of reverse black holes, called white holes, wich, insteead sucking matter, vomit matter. (PURA MATRIX/DNA THEORY !)

O efeito Dunning-Kruger… e o efeito Kruger-Dunning (ou efeito Matrix/DNA)

Monday, March 22nd, 2021

Geralmente, arrogantes PHDs, ficam abismados com a desinformação do outro que vem de fora do colégio, sem ter conhecimento das informações que o outro tem… (Louis Morelli)

Este tema me foi inspirado numa conversa no Instagram. Um comentador postou o seguinte comentário ( que foi copiado da Wikipedia):”

efeito Dunning-Kruger é um fenômeno que leva indivíduos que possuem pouco conhecimento sobre um assunto a acreditarem saber mais que outros mais bem preparados, fazendo com que tomem decisões erradas e cheguem a resultados indevidos; é a sua incompetência que restringe sua capacidade de reconhecer os próprios erros. Estas pessoas sofrem de superioridade ilusória.

Ele escreveu isso para reforçar uma frase que era assunto do debate, do romancista Willian Golding:

” Eu fico abismado com a facilidade com que pessoas desinformadas chegam a certezas, a opiniões inflamadas quando não tem qualquer base para julgamento”

Bem… isso tudo me levou a lembrar uma situação comum que tenho enfrentado quando falo da cosmovisão da Matrix/DNA. Sei que os acadêmicos e seus estudantes, ao iniciarem a me ouvir, imediatamente julgam que estão na frente de um individuo semianalfabeto, desinformado, sem nenhuma base real para sua crença.

Em seguida me vem na mente uma frase: ” A arrogância de todas as academias de cada época” “

Mas sempre que vou citar a Matrix/DNA faço questão de avisar que não se trata de ciências acadêmicas, que não é uma teoria cientifica tal como entendido na academia, que não tenho certeza da realidade ou comprovação da teoria, portanto não defendo-a com opiniões inflamadas. E a seguir puxo os interlocutores para ter como base do debate apenas os fenômenos reais naturais, limpando-os de teorias e interpretações humanas. Mas ai ocorre que eles respondem fugindo do fato real que aponto e apresentam papers de outros fatos mais distantes, os quais engrossam o cabedal de suas visões do mundo.

Por exemplo, quando mencionei a um acadêmico as sugestões resultantes das formulas da Matrix/DNA explicando porque existem e porque adquiriram a forma que tem hoje, as mãos humanas, eles não ouviram, não prestaram atenção no que dizia e puxaram os papers da biologia evolucionaria trocando o fato “mão” pela palavra abstrata “evolução”, a qual não era no momento representada como fato ou objeto real. Sim, concordei, a evolução explica isso, mas não pelos mecanismos da teoria da evolução darwiniana que trata da evolução biológica apenas se esquecendo da evolução universal. “As mãos são como são devido ao longo processo da evolução… que tenham a mesma forma da unidade de informação do DNA e que na sua forma imita um quadro de uma mulher barriguda dando luz a um baby mindinho, e depois os outros 4 dedos se assemelharem em função com as outras formas do corpo humano , são meras coincidências, baboseiras, nada tem a ver com ciclos vitais, auto projeção genética, etc. Retruco que não entenderam, que de fato a forma das mãos nada tem a ver com o ciclo vital do corpo, mas tanto a mão como o corpo foram feitos pelo mesmo agente, cujo metodo de fazer suas coisas vem de uma formula que constrói as peças como um sistema que é por sua vez construído pelo processo do ciclo vital, e portanto tanto a amo como o corpo estão revelando um criador comum… eles não respondem porque já não estão mais ouvindo. E assim morre o diálogo, eles continuam especializados na certeza de que as espécies criaram s mãos humanas pelo simples adaptar de suas necessidades. Se eu responder que não pode ser isso porque se fosse nossas mãos teria o formato mais eficiente de polvo com tentáculos e não estas mãos… eles não estão mais ouvindo-me.

E eu me pergunto quem realmente é o desinformado aqui? Não será aquele que fica abismado com a desinformação do outro porque esta desinformado sobre quais informações o outro tem? Seguindo este pensamento me veio a lembrança do dualismo natural e postei o seguinte comentário:

” Você está justamente cometendo o erro que críticas, Mr. Golding, julgando as bases de outros sem conhecê-las. Você deve saber que esta Natureza e’ dualística. Então porque não fizeste a pergunta: qual o oposto do efeito Dunning-Kruger? Qual o efeito Kruger-Dunning? Não existem especialistas humanos em fato ou evento natural algum, porque todos se estendem para campos desconhecidos e são afetados por estes campos. Ex: uma pedra e o campo magnético terrestre ou os raios cósmicos. Apenas outro exemplo: os especialistas do sistema geocêntrico ensinando nas escolas medievais começaram a ser questionados por outsidders que sem os recursos dos especialistas perceberam ou intuíram o sistema heliocêntrico tendo por base suas experiências do dia a dia. Devagar com o andor, meu caro,…

Suspeito que quando Darwin apresentou sua teoria aos teólogos logo viram nele o efeito Kruger… Assim deve ter acontecido com Mendell e suas ervilhas, o que fez sua obra ser relegada ao porão de uma biblioteca empoeirado por 60 anos… não será o caso da Matrix/DNA se ela estiver muito errada…

O clitóris e a anatomia do pênis partilham a mesma origem embriológica e cosmológica

Friday, March 19th, 2021

O clitóris e a anatomia do pênis partilham a mesma origem embriológica.

Pense fora e além da doutrina educadora que doutrina você.

A pergunta racional ao ver isso é: Como e de onde a Natureza tirou a ideia para fazer isso, essa fantástica engenharia?

O procedimento correto é buscar a resposta onde? Ora, claro, na Natureza, e no tempo passado anterior de quando ela criou isso. Como Ela não é magica, os ingredientes e os processos, mecanismos, para criar isso tem que estarem presentes nela mesma no momento e estado do mundo daquela época.

Como estavam estes dois órgãos na primeira célula, hermafrodita? Pelo que sei ninguém buscou porque a doutrina impede raciocinar com a lógica natural, então está aí sua oportunidade de pesquisar como cientista ou apenas filosofo pensador.

Em seguida, quais eram as substâncias, as forças naturais e as arquiteturas naturais existentes a 4 bilhões de anos que já tinham em si todas as informações para criar isso? Tinha um planeta dentro de um sistema solar dentro de uma galáxia. Onde estavam os protótipos do pênis e do clitóris? Ninguém perguntou isso, você terá muito trabalho a fazer.

Eu tentei fazer tudo isso e cheguei a surpresas estonteantes. Primeiro, você vai notar que os modelos teóricos astronômicos, as teorias das origens e funções dos astros, etc., ensinadas nas escolas estão todas erradas porque estes modelos não poderiam ter produzido os sistemas biológicos, aka, a vida. É como o modelo geocêntrico nas escolas medievais estava todo errado. A evolução começou com a origem do Universo e não na Terra. Tudo que existe de fenômeno natural veio sendo desenvolvido passo a passo desde o Big Bang.

Resumindo, meus resultados indicaram como protótipos do pênis e do clitóris era um mesmo fenômeno natural (no meu website tem artigos explicando os pormenores): gigantescos vulcões em planetas velhos chamados de pulsares emitindo magmas que continham as informações do astro que se tornavam cometas e depois os espermatozoides. O órgão feminino veio do vórtice nuclear que se forma em toda nebulosa estelar e que gera as sementes dos novos astros, tudo igual nossa embriogênese. E daí por diante, ao se ver a luz clara do mundo com os olhos puramente naturais e a razão pura construída pela Natureza, muda sua mente totalmente. As Ciências Humanas ainda está aí toda para ser corrigida e desenvolvida. Você se habilita?

Núcleo da Terra: O que a Ciência Acadêmica sabe de fato? De fato, nada, mas tem evidencias para boa teoria.

Wednesday, January 27th, 2021

xxxxx

Why is the earth’s core so hot? And how do scientists measure its temperature?

Quentin Williams, associate professor of earth sciences at the University of California at Santa Cruz offers this explanation

  • October 6, 1997

https://www.scientificamerican.com/article/why-is-the-earths-core-so/

Why is the earth's core so hot? And how do scientists measure its temperature?
Credit: Getty Images

” How do we know the temperature? The answer is that we really don’t — at least not with great certainty or precision. The center of the earth lies 6,400 kilometers (4,000 miles) beneath our feet, but the deepest that it has ever been possible to drill to make direct measurements of temperature (or other physical quantities) is just about 10 kilometers (six miles). Ironically, the core of the earth is by far less accessible more inaccessible to direct probing than would be the surface of Pluto. Not only do we not have the technology to “go to the core,” but it is not at all clear how it will ever be possible to do so. “