Existiria Gaia? E Ela estaria atirando virus microscópicos contra os virus humanos?

Ebola, Vaca Louca, Gripe Suina, Gripe Aviária, COVID-19, SARS,… uma história de bombardeios consecutivos e persistentes contra uma espécie… Um evento que se repetiu uma unica vez não foi produzido pelas forças caóticas do acaso, ele veio de alguma camada invisivel de alhguma faceta da ordem natural. Então qual será o rpincipio natural emitindo raios de sua força que se materializaram na forma destes virus?

Esta pergunta me surgiu quando li um panfleto no seguinte link:

O Filósofo (@ofilosofo_) • Instagram photos and videos

https://www.instagram.com/p/CPEQz7hj0h4/

Claro que este tema deve ser trabalhado pelos filósofos. Como filósofo sendo induzido por este inteligente panfleto a pensar no consumo humano de outros animais e na existência destes virus, e tentando ver os fios invisíveis que tecem esta interação entre estas duas espécies, me vem à mente a teoria de Gaia, do James Lovelock, da Lynn Margulis e do Teilhard du Chardin.

Se este planeta produziu com sua matéria estes sistemas biológicos, organismos com propriedade vital, de onde ele obteve as informações materiais para fazer isto? Sugere a razão que a mais provável hipótese é que ele as obteve de si mesmo, e as propagou pelo processo que ele aplicou que conhecemos hoje, o genético. Mas se foi isso, este planeta é semi-vital, um organismo. E como tal tem uma força vital com um instinto, o qual deve ser um protótipo de subconsciência que se espalha como bolhas na sua atmosfera que aloja sua camada mental condensadas nas cabeças das suas criaturas que perfazem esta biosfera. Isto seria Gaia, tal e qual imaginaram aqueles grandes pensadores.

Isto explicaria este fenômeno de interação mortal entre humanos e virus. O instinto de Gaia não veio de algum instinto fraternal cósmico, pois esta biosfera foi produzida pelas forças do caos, as quais se movem como ondas que crescem e se colapsam se auto-devorando para assim ressurgirem auto-recicladas, como funcionam as marés, pois nisto consiste esta carnificina da cadeia alimentadora ecológica. Mas quando uma de suas espécies se torna muito poderosa extinguindo as demais, Gaia aciona suas micro forças como setas caóticas venenosas e certeiras, assim temos virus dizimando humanos. É como um terremoto na dimensão quântica chacoalhando a sua dimensão macroscópica.

Talvez exista neste mundo várias camadas inferiores de consciências nascentes que se apresentam como as camadas da cebola, constituindo diferentes dimensões, uma delas sendo a camada de Gaia embutida no inconsciente coletivo pensado por Chardin, Jung, e até o grande mistico Pietro Ubaldi com sua teoria das nuvens de nourées… A mente do filósofo é util porque se adianta na escuridão ainda não penetrada pelo método científico e sonda seus arredores elaborando as teorias que abrem caminho para os cientistas… De onde Gaia obteve as informações para dotar suas criaturas com sistema de defesa imunológica, se ela não já possuía um protótipo em si mesma? Agora os virus contra Gaia são humanos e os anticorpos virais produzidos por Gaia é o SARS-COVI? Meras hipóteses, mas com consideráveis fatos arrolados como evidências.

Tags: