A Formula da Matrix/DNA e o Dilema Existencial Humano.

xxxxx

( Obs: levar esta figura ao power-point para botar numeros nas camisas)

 

Formula da Matrix/DNA: humano como sistema fechado

Formula da Matrix/DNA: humano como sistema fechado

 

Basta escrever o numero F2 no homem que comeca a subir a escada que toda a formula emerge. Assim, F4 sera o homem no topo da escada, F6 o homem caído como cadaver, F7 sera o sistema degradado comecando a se auto-reciclar.

The Matrix/DNA as Software of Astronomical Systems's Building Blocks

The Matrix/DNA as Software of Closed Systems

Muito interessante notar algo. O quadro expressa algo mal, como um ciclo de vida sem sentido, torturado. Enquanto isso, foi exatamente o que aconteceu na Historia Natural quando uma forma nossa ancestral se auto-organizou como sistema fechado em si mesmo, cortando todas as relações com o mundo externo. Fez isto com a intencao de ter o paraíso perfeito apenas para si e viver esse paraíso eternamente.

Para iniciar a abertura deste sistema, ou para evitar que um sistema aberto se torne fechado, o principal recurso esta em F4. Representa a funcao reprodutora do macho no sistema. Ele tem opcao entre duas escolhas. Ou emite sua carga genetica apenas na direcao de F1 ( monogamia), fechando o sistema num rodizio auto reciclável,  ou emite tambem para fora do sistema, fecundando F1s externos, gerando mais sistemas. O que vai determinar o enfraquecimento e morte de si mesmo como sistema, apesar que sua carga genetica continua existindo e proliferando.

E a figura parece ter sido feita propositalmente para mostrar isso. O homem no topo da escada, F4, esta com a mão na cabeca como se estando indeciso, ao ver seu corpo caído e sabendo que isso sera seu futuro, se escolher a opcao sistema fechado. Muito interessante, material para se refletir mais sobre a formula.

No sistema astronomico, F4 é a estrela, como o Sol. No ciclo vital humano, F4 é o adulto iniciando sua maturidade sexual. Na celula é a mitocôndria, que emite ATP para manter com energia F1.

Caminhar para sua morte ou para a sua escravidao eterna?

Assim parece que a Natureza é implacável, insensível com suas criaturas e ja tem a predisposição para puni-las. Mas resta uma remota possibilidade da coisa ser diferente. Nos percebemos e conhecemos apenas esta dimensao material. Um estudo mais profundo dos fenomenos naturais levanta a suspeita de que ao lado deste hardware material caminha um software, invisível a nos. Se o homem escolher a opcao de abrir o sistema – que é a opcao da sua morte imediata – o hardware continuara existindo e se multiplicando no exterior. Para o homem isto não é consolador, pois ele, seu ego, sua personalidade é o que mais lhe interessa e não seu genoma no corpo de outros humanos. Mas se a vida depois da sua morte continua no seu aspecto hardware, porque não tambem no aspecto software? Ninguem pode afirmar sim ou não, pois este nos é invisível, pertence a uma dimensao não tocável ou perceptível aos nossos sentidos.

Enfim, tambem não se pode afirmar que a Natureza seja insensível com suas criaturas, se o software sobreviver.

Tags: , ,

Comments are closed.