Posts Tagged ‘ciência’

Origens da Vida: Ótimo video da “Ciencia Primitiva”

Saturday, January 18th, 2020

Opiniao da Matrix/DNA:

Nao existem “origens”, isto seria um milagre, tudo vem de transformacoes na materia. Entao de onde veio a vida? Nao veio, o seu problema esta novamente nas palavras. O que denominas vida sao sistemas naturais, do tipo biologico. Estes sistemas vieram da transformacao evolutiva dos sistemas que existiam: atomicos, astronomicos, e inclusive, ondas de luz. Os quais sao igualmente animados e apresentam todas as propriedades dos sistemas biologicos, de formas mais simples – magneticas, mecanicas, etc. Querem comparar um sistema ( no caso, biologico), com ingredientes separados, e claro, assim nao vao nunca saber como os ingredientes inorganicos produziram sistemas naturais, porque isso nunca aconteceu. A nova Teoria da Matrix/DNA soluciona todas as questoes neste otimo video. Aguarde o livro com estas explicações, ” O Genoma de Deus”.

Pergunta de um leitor:

Rogerio Catatau -11/Jan/20 A muito se buscam a origem da vida , mas uma pergunta também nos causa curiosidade : Como os homens e animais descobriram no sexo a multiplicação, dizem que os seres humanos possuem inteligência, mas também os mais diversos tipos de seres possuem o conhecimento de forma natural , então fica a dúvida, como se desenvolve ou desenvolveu está informação dobre sexo e multiplicação dentre os mais diversos seres, como se originou está consciência entre estes ! ?

Resposta da Matrix/DNA:

Rogerio, o nome “sexo” e’ uma palavra referente a um processo natural que se iniciou dentro de atomos logo apos o Big Bang ( entre protons e neutrons) e veio evoluindo, existindo nos sistemas astronomicos ( entre pulsares e buracos negros), todos hermafroditas, e que chegou a nos, sistemas biologicos, atraves da primeira celula que tambem era hermafrodita. A separacao entre sistema com dominancia do macho e sistemas com dominancia da femea ocorreu porque os sistemas biologicos sao abertos, enquanto os anteriores eram fechados em si mesmos. Veja na Teoria da Matrix/DNA como os cromossomas X e Y ja existem em sistemas astronomicos muito antes dos “vivos” surgirem.

Comentario:

Universo Transante – 4 anos atrás É a representação da ciência de forma simples e didática, para que leigos possam entender, muito bom e obrigado por postar.

Resposta da Matrix/DNA:

Mas de uma “Ciencia” ultrapassada, ideologica, que resiste em dar o seu proximo passo evolutivo. Limitada ao metodo inicial, reducionista. O proximo e mais evoluido metodo e’ o sistemico, o qual esta ausente nas universidades e todo meio academico. Eo qual ja resolveu esta questao. Aguarde o livro – O Genoma de Deus – elaborado pela abordagem sistemica da Matrix/DNA Theory.

Ciência e Tecnologia no Brasil: projetos do novo Ministro

Thursday, October 10th, 2019

xxxxx

https://www.correiobraziliense.com.br/app/noticia/politica/2019/10/09/interna_politica,795858/marcos-pontes-prefiro-trabalhar-a-ficar-cacarejando.shtml

Em entrevista, o ministro de Ciência e Tecnologia detalha a reformulação de toda a pasta a fim de colocar o país na rota da inteligência artificial, e aponta outros detalhes para os próximos anos de governo

– Metas:

 – colocar o país na rota da inteligência artificial,

 – promover o uso da Base de Alcântara, para funcionar em 2021,

 – expandir a cobertura de internet a todas as regiões do Brasil,

– incrementar os centros de inovação,

 – concluir o acelerador de partículas, (Projeto Sirius)

 – criar um instituto de pesquisas oceanográficas, algo que o Brasil ainda não tem.

 – fazer este ano, o Congresso aprovar o acordo de salvaguardas tecnológicas,

 –  definir um modelo de negócios com o empresariado nacional e internacional e comunidades locais,

–  Assim que sair a política de materiais avançados, vamos lançar o primeiro laboratório de grafeno, nióbio e terras raras.

 – incentivar os jovens para as carreiras de ciência e tecnologia, que é uma coisa de que eu gosto muito

 –  Fizemos algumas mudanças no ministério este ano, de forma que ele não fique só nas políticas públicas e nas regulações, mas que também apoie a chegar a um produto final. Há uma grande quantidade de conhecimento acumulado nas teses de mestrado, doutorado e pós-doutorado, mas que, no final, termina num protótipo que fica num canto do laboratório cheio de poeira. A gente precisa pegar esse conhecimento e transformar em novos produtos, novas empresas e novos empregos. 

– Ainda não somos um país inovador. Existe um índice de inovação que é calculado sob a análise de 78 indicadores, ou mais, e o Brasil está em 66º lugar. Em termos de produção de conhecimento, nós estamos entre 12º e 14º. Ou seja, a gente está muito bem em publicações e muito mal, no meu ponto de vista, em inovações. O ideal para um país como o nosso era estar entre os 20 primeiros.











Ideologia da Ciencia Academica Oficial e Predador/Presa: como surgem e se consolidam

Friday, July 19th, 2019

xxxxx

A pessoa se forma em algo ( uma visão do mundo antropomórfica, como o leão acredita que o seu território com suas presas foi criado para ele, é extensão dele), se especializa nesse algo, faz mestrado, doutorado sobre esse algo, e assim por diante, colocando um bloco sobre outro, formando a imagem.

Quando nos desobedecemos as disciplinas clássicas, criamos novas disciplinas e formatos. Isso é descolonização do conhecimento.

Narciso (o predador ou o teórico cientificista da elite) é um jovem caçador, amaldiçoado a amar a própria imagem. Quando olha seu rosto refletido no espelho d’água, ele se encanta, e passa o tempo todo se olhando, falando, e querendo beijar-se. Eco ( a presa, ou o aluno) é apaixonada por Narciso, o segue, mas ela é uma ninfa amaldiçoada a apenas repetir as últimas palavras proferidas por Narciso ( as presas repetindo os salmos religiosos inventados pelos predadores ou os alunos repetindo as frases de impacto dos professores). Na lenda, tanto um como outro são metáforas interessantes, para pensar o que tem sido o grupo social no poder e o conservadorismo da paixão pelos valores coloniais ( dos predadores e presas).

Assim acontece a maldição do país colonizado, que continua medíocre enquanto celebra o pacto com Narciso e ignora a própria historia para idolatrar a historia falsa cantada por Narciso ( o povão brasileiro idolatrando a história da bíblia dos judeus).

(Texto extraído do livro “Plantation Memories”, traduzido para o português como “Memorias da Plantação – Episódios do Racismo Cotidiano” , Edit Cobogó, de Grada Kilomba, pensadora e artista de descendência angolana radicada em Berlim). Mas ai tem minha opiniao critica abaixo:

xxxxx

Meu comentario postado no Instagram da Grada Kilomba:

https://www.instagram.com/p/B0GwzLSIA63/

Aprovo a atividade de falar alto tentando desmascarar os predadores. Mas as presas são a outra metade da culpa. Os países dirigidos por negros e as comunidades rurais negras da Africa continuam imitando a selvageria das nossas origens vindas da selva. Porque Kilomba não vai la gritar alto para tentar fazer aquele povo dar um salto evolutivo intelectual rumo a boa convivência, a busca de atuar na ciência e tecnologia que constrói o poder de seus predadores? Esse eterno choro como auto-comiseração dos fracos nunca produziu nada para os fracos, pois ninguém convence leões a aposentarem seus caninos e tornarem-se vegetarianos. A estrategia correta seria fazer as presas crescerem seus chifres e defenderem-se e avançarem tecnologicamente em bloco coeso.