Posts Tagged ‘religion’

A desilusão e a barbara moral das religiões biblicas

Wednesday, December 4th, 2019

‎”Se houver um Deus, Ele terá que implorar meu perdão.”

Uma frase que foi esculpida nas paredes de uma cela de campo de concentração durante a Segunda Guerra Mundial por um prisioneiro judeu.

” Pai, o Pai, porque me abandonastes?

Segundo a Biblia, ultima frase de Jesus Cristo morrendo torturado na cruz.

Minha madrasta foi uma autentica serva do Deus sugerido pela Biblia que ela leu e releu e sabia cada paragrafo de cor. Doava muito alem do dizimo para a igreja e seus bazares beneficentes e passava mais tempo ajudando na igreja que em casa. Quando adoeceu aos 75 anos com Alzheimer, nunca mais apareceu ninguem da igreja para ajuda-la e ficou mais de des anos vegetando num sofrimento horrível com essa doenca que paralisa todo o corpo. Qual seria a frase dela para o Deus da Biblia quando morreu?

Eu nunca vou aceitar nenhum tipo de intermediário entre eu e Deus. Nem humano, nem extraterrestre, nem espíritos, nem antigos judeus humanos. Claro que os tres exemplos acima mostram que o relacionamento entre Deus e humanos é totalmente diferente do relacionamento entre humanos e o Deus descrito na Biblia. E não consigo entender como os seguidores da Biblia em pleno século XX não entendem isso.

O custo desse erro infantil, fatal, o alto preço a pagar, é o individuo fazer coisas na vida sem inteligencia firmada na realidade porque fez as coisas na vida firmadas numa crença, num Deus errado, coisas que acarretam estas consequências no final da vida.

Se voce analisar corretamente, perceberas que nos tres exemplos acima os tres individuos fizeram as coisas que resultaram naturalmente, fisicamente, nas trágicas consequências. Fizeram o que a Biblia mandou e se f…

Procure voce o tipo de Deus que sua intuição sugerir e fique com Ele, apenas você e mais ninguem. E não queira prega-lo a outros que pelas suas intuições diferentes pensarão num tipo de Deus em alguma coisa diferente do seu, e talvez os deuses dos outros estejam mais perto da verdade que o nosso.

Os defensores deste livro escrito por bárbaros alegam que se nao fosse a biblia nao haveria como civilizar uma especie que nasce com os instintos barbaros da besta fera. Dizem que se existe moral nesta civilizacao é porque ela veio de Deus – mas do tipo de Deus bárbaro, vingativo, cruel, imaginado por eles, o qual nada mais é que uma auto-projecao do barbarismo selvagem que estava encriptado na mente dos autores. Abaixo esta uma lista feita por um anonimo das morais sugeridas na Biblia:

Your Morality Came From God?? What you really mean is your morality came from the bible. You are presuming god wrote the bible despite all evidence to the contrary. Biblical morality is so insane and so out of date, even the most fanatical Christians ignore it, while giving it lip service. e.g. beat your wife and kids. dash out the brains of babes of neighbouring tribes. do not use antibiotics. force women to marry their rapists. keep slaves. kill anyone who eats leftovers on the third day. kill adulterous women. kill all Ameleks or any of dozens of other ethnicities. kill all Sunday shoppers. kill all brides without hymens. kill all gays, not just refuse to make them cakes. kill all prostitutes. kill all unwed mothers. kill all witches. kill anyone of a different religion and all their non-Christian friends. kill anyone who cuts his hair or beard. Elsewhere it condemns you for not trimming your beard. Elsewhere it demands rounded and square shapes. You can’t win. kill anyone who eats a shrimp, lobster, owl, rabbit, rare roast, snail, hare, clam, shrimp, oyster, camel, pork, swan, owl, eagle, osprey, bat, dog, locust, beetle or dozens of other animals. kill anyone who grows more than one species of plant in a field. kill anyone who owns a painting. kill anyone who rakes leaves on Sunday. kill anyone who says the word god. kill anyone who wears more than one type of fibre in his clothing. kill anyone with a statue in their yard. kill anyone with a tattoo. kill females who speak in public. kill sassy teens. obey rules involving ritual uncleanliness of menstruation. you must sacrifice animals. you must sacrifice your first born to Yahweh on an altar. you must use separate cookware and dishes for milk and meat. you must love your enemies. you must sell all you have and give the proceeds to the poor. Take no thought for the morrow. Become a homeless person. you must abandon your family. being horny is equivalent to adultery, but only for heterosexual males. This encourages real adultery on the grounds of being hanged as a sheep as a lamb. The purpose of this law is to keep males perpetually guilty and hence easy to manipulate. This is just the fantasy of a paedophile priest, who inspired Islam’s 72 virgins. It is ok to beat your slaves so long as they do not die immediately. JWs claim the bible commands no blood transfusions, even if it means death. There is no such commandment. Transfusions were not invented until 1818. There are commandments about eating blood, but JWs ignore the other dietary commandments. That’s not morality. That is obsessive-compulsive disorder. None of those commandments makes any sense except avoiding shellfish in a world without refrigeration, but there is no need to kill anyone. But you don’t behave like a barbarian even though you ignore the bible. So you must have some other primary source of morality namely what your culture considers acceptable behaviour and what your legal system says is acceptable. You can’t be serious proposing biblical morality to be enforced with law. You need to read the bible cover to cover before making such a preposterous claim.

O conflito da Religião com o Acaso na Teoria da Evolução, e a tolerância da Matrix/DNA

Wednesday, October 16th, 2019

xxxx

Randomness and religion

https://en.wikipedia.org/wiki/Randomness

Randomness can be seen as conflicting with the deterministic ideas of some religions, such as those where the universe is created by an omniscient deity who is aware of all past and future events. If the universe is regarded to have a purpose, then randomness can be seen as impossible. This is one of the rationales for religious opposition to evolution, which states that non-random selection is applied to the results of random genetic variation.

Hindu and Buddhist philosophies state that any event is the result of previous events, as reflected in the concept of karma, and as such there is no such thing as a random event or a first event.

Na teoria da Matrix/DNA existe e não-existe randomness. O destino do Universo esta pre-determinado, aqui esta ocorrendo um processo de reprodução genética, o embrião vai nascer e o Universo sera descartado como a placenta ( a não ser que seja possível existir uma força mais potente que o universo, vinda de fora, e interrompa a gestação, pois o ser que fecundou esta gestação não é magico, nem omnipotente, é simplesmente um ser natural). Então num processo de reprodução, todos os passos no aumento da complexidade são interpretados pelos humanos como sendo um processo de evolução, o que esta certo, relativisticamente falando. Se todos os passos estão pre-determinados, não teria lugar para acontecimentos ou estruturas formadas pelo acaso no tronco da arvore da evolução. Mas acontece que em paralelo a arquitetura que esta sendo o objeto da reprodução, o mundo esta se movendo, acontecimentos acontecem… (bah…), chuvas chovem, e as vezes estes acontecimentos penetram a dimensão da arquitetura. Podem causar um repentina mutação genética, mas geralmente são logo descartadas pela Natureza quando não batem com o template, o genoma, sendo seguido. Porem, ainda por acaso, pode ser que um evento ao acaso produziu uma mutação que é exatamente a mutação que a Natureza ia produzir a seguir, e nesses casos, para que a Natureza iria descartar e refazer o mesmo? Creio mesmo que a Natureza nem pode saber o que fé mutação programada ou mutação ao acaso. Não, a mutação ao acaso é selecionada pelo template, que é a forma final da especie sendo reproduzida, e mantida no tronco da arvore da evolução. No conflict with randomness.

xxxx

PESQUISA SOBRE A TEORIA DO ACASO:

Randomness

From Wikipedia, the free encyclopedia
Randomness is the lack of pattern or predictability in events.[1] A random sequence of events, symbols or steps has no order and does not follow an intelligible pattern or combination. Individual random events are by definition unpredictable, but in many cases the frequency of different outcomes over numerous events (or “trials”) is predictable. For example, when throwing two dice, the outcome of any particular roll is unpredictable, but a sum of 7 will occur twice as often as 4. In this view, randomness is a measure of uncertainty of an outcome, rather than haphazardness, and applies to concepts of chance, probability, and information entropy. ( continua…)











Religiões: Origens e evolução – scientific paper

Friday, October 11th, 2019

xxxxxx

Hunter-Gatherers and the Origins of Religion

https://link.springer.com/article/10.1007/s12110-016-9260-0

( não li o paper – Ler que é de livre  acesso )