DNA: A imagem real e a razão de comunicação dos genes a distancia não-linear

xxxxx

https://www.statnews.com/2016/03/31/dna-shape-double-helix-dekker/

Episode 5: Everything you thought you knew about the shape of DNA is wrong

 

Quando um conhecedor de assunto situado muito longe da visão e vida das pessoas comuns, precisa comunicar, falar deste assunto, ele tem que buscar no lugar onde estas pessoas vivem, imagens, objetos, que sirvam como analogias e usar símbolos como metáforas. Nao tem como conduzir uma mente a ver acertadamente uma imagem um evento que acontece num mundo que ele nunca viu, nunca viveu.

Este foi o problema por exemplo dos primeiros visionários da historia, os quais criaram estas cosmogonias, mitos, esoterismo, e religiões a partir de visões de flashes que popocavam em suas imaginações, algumas reais lembranças do passado em outros mundos de seus ancestrais, que permanecem registradas na memoria do DNA. Mas foi também o problema da Ciência em muitos casos, com a diferença de que a Ciência fala de coisas eventos vistos ou tocados pelos nossos sensores mesmo que indiretamente, através de sensores eletromecânicos como os microscópios e telescópios. O macro-grande e o micro-pequeno são dimensões mundos nunca vistos pela mente comum, então como explica-los… No caso do DNA os observadores de microscópios recorreram a analogia com uma escada em caracol, a qual existe no mundo real da mente comum. Mas a medida que a ciência se aprofunda, os próprios observadores ova corrigindo suas primeiras impressões errôneas com instrumentos de pesquisa mais poderosos e a educação tem que avançar para o alvo correto, sem analogias, os educadores são obrigados a causarem um certo desconforto publico quando revelam que a analogia não era a realidade, a coisa e’ mais complexa. Então mutas pessoas já em idade avançada que desde a infância viram a escada de caracol associando-a com a imagem do DNA, de repente percebem que viram a coisa fantasiada, a vida toda. Vamos ver neste video como a realidade e’ tao diferente:

Tags: