Michael Ruppert: Uma Licao de Vida para Mim…e Muita Gente Mais

xxxx

Baseado no video: https://www.youtube.com/watch?v=mQhjqCd7Eec

Com biografia no Wikipedia: https://en.wikipedia.org/wiki/Michael_Ruppert

Michael C Ruppert Collapse From The Wilderness Peak Oil Oelfoerdermaximum fossile Energien Colorado Derivate Zineszins Wachstumsparadigma bumpy plateau Elisabeth Kuebler Ross.jpg Michael C. Ruppert

Isto nada tem a ver com a Matrix/DNA mas com minha vida pessoal e talvez a de muitos mais. Ruppert suicidou-se a poucos dias aos 63 anos, na maior pobreza sem dinheiro para pagar o aluguel depois de ter sido militar na Guerra, policial de Los Angeles, escritor e jornalista famoso que abalou o pais anunciando que a CIA estava traficando drogas, filho de um piloto na Segunda Guerra Mundial e de uma decodificadora de codigos russos trabalhando na CIA. Muito bem informado com teses originais proprias, brilhantes insights sobre leis naturais, evolucao, etc., criador da teoria do pico maximo da producao do petroleo, etc. Com uma tendencia a ver padroes no meio de uma corrente de acontecimentos e conectar estes padroes para criar teorias de conspiracoes. Aqui entro eu.

Ruppert previu com acerto 5 anos antes a crise financeira Americana de 2010. Um brilhante insight seu foi “Fui constatando que a jogada de criar dinheiro falso pelos bancos e’ um Sistema de piramide, a conducao da politica da energia baseada no petroleo e’ outro Sistema de piramide, e’ piramide por todos os lados, mas no fim percebi que isso acontece porque o Sistema global internacional capitalista e’ em si um puro Sistema de piramide, baseado na crenca dos recursos infinitos mas quando quebra derruba tudo e vem o colapso do Sistema.”

Entao Ruppert previu e aceditou fielmente que o Sistema ia ruir por volta de 2012, mas isso nao aconteceu e ele ficou desacreditado, perdido, e na pobreza, se suicidou. Acontece com muita gente e tenho visto muitos velhos que pararam no tempo, andam cabisbaixos, parece que morreram antes de estarem mortos… porque  perceberam tarde demais que o mundo que em que acreditaram, o sentido da vida que perseguiram, nunca existiu.O que aconteceria comigo se amanha alguem aparece com um fato real comprovado derrubando toda a cosmovisao da Matrix/DNA? E por cima algum acontecimento inesperado cortasse minhas fontes de renda, perdesse minha casa, etc.? Suicidio? E’ possivel. Pois eu nao teria mais nenhuma motivacao para sair em campo e recomecar do zero, como fiz muitas vezes antes. Estou muito cansado.

Entao tenho que procurar dentro da minha cosmovisao, enquanto ha tempo, se existem falhas, contradicoes, que as possa consertar agora, ou mesmo que a derrube, antes que algum colapso financeiro me aconteca. Em vista disso, assistindo a vida e palavras de Ruppert, tive um exemplo de como uma pessoa pode ter uma contradicao no mundo que ela acredita sem que ele a perceba em vida. Quando perguntado pelo reporter se Ruppert nao considera que o engenho humano sempre surge quando as coisas ameacam entrar em colapso, ele respondeu que a exaustao do petroleo, etc., sao leis naturais, do Universo, leis fisicas universais contra as quais nao existe engenho humano. Mas depois de muitas outras perguntas ele tece uma mensagem na qual diz que as pessoas devem alimentar a vontade de se sairem das crises e procurar outras alternativas, como o Sistema de producao local, comunidades, etc. E o que e’ isso senao o engenho humano abrindo saidas na ameaca de colapso? Portanto, ele carregava uma contradicao em si e nunca a percebeu.

Os USA sairam da crise e voltou a crescer. Bem sabemos que o metodo foi o governo injetar 1,5 trilhao de dolares na economia a fundo perdido. Mas de onde veio, onde estava este dinheiro? Eu nao sei e imagino o seguinte dialogo entre o Bush  seu secretario:

Secretario: ” Estamos enrascados. Vai quebrar tudo e nao temos uma saida”

Bush: ” Temos sim. Mande o pessoal da maquina imprimir 1,5 trilhao de dolares.”

Secretario: ” Que?! Nao existe lastro para esse dinheiro. Como vamos consertar a economia depois? Como vamos justificar ao mundo essa impressao de dinheiro falso?”

Bush: ” Se nao imprimir-mos hoje quebramos amanha cedo. Se imprimir tertemos ao menos mais alguns anos de vida… e esperar um milagre ou ideia salvadora para consertar isso… O que voce prefere?”

Esta ai, em todo seu esplendor e acao, o tal do “engenho humano”. ( Claro, a coisa nao deve ter sido assim, isto e’ apenas minha imaginacao, mas seria um real exemplo simples de engenho humano, que o pobre do Ruppert jamais poderia imaginar)

E’ isto que preciso procurar na cosmovisao da Matrix/DNA. Um pensamento comeca por um estimulo externo qualquer ou um novo rearranjo das ideias quando pensamos. Cada pensamento tem um ciclo de vida assim como nosso corpo: ele surge de uma fecundacao, entrando por F1 na formula da Matrix, que deve ser o hipocampo, dai se mistura com as informacoes da memoria , depois a memoria agregando a si informacoes, tal como F1 entra na zona de poeira do horizonte de eventos e cresce se agregando a poeira envolvente,  e o pensamento se torna crianca, jovem, chega ao cortex ( que na formula e’ F4, na galaxia e’ o pulsar), e no cortex ja vislumbra uma conclusao e dai geralmente retorna despencando como o cometa em F5, para F1, o hipocampo, como o cometa retorna para o black hole para ser memorizado, e ai’ e’ registrada a conclusao, para o resto da vida. Dificilmente o pensamento passa direto por F4, que e’ o cortex, e vai direto para o hemisferio direito, onde receberia uma critica feroz.

Mas dai surgem os muitos erros e desvios da personalidade e crencas absurdas. Nao vigiamos a vida dos nossos pensamentos, nao vemos seus erros cometidos em suas vidas e passamos a viver em cima de mais uma conclusao, uma crenca, irreal.

Entao o certo e’ se manter vigilante a cada pensamento  adquirir a tecnica de quando o pensamento chega em F4, o pulsar, ele retorne a F1, mas nao para se eternizar ali  e sim para se ver a si proprio e auto-criticar-se, fazendo o vortice do hipocampo re-misturar as informacoes na memoria para ver se produz novamente a mesma conclusao anterior. Rever-se, analisar-se a si proprio. E’ isto que se deve fazer com nossas visoes do mundo. A todo momento auto-critica-las procurando contradicoes. O que Ruppert nao fez e isto lhe custou tao caro que o levou ao suicidio.

Existe contradicoes na Matrix/DNA? Existem contradicoes na sua crenca, na sua visao do mundo? Temos que procura-la, e se ela existe, conserta-la antes que ela torne nossa velhice um inferno e pode ate’ nos matar, como tem acontecido a muitas pessoas.

Mas neste momento uma nova ideia me surge na mente. Um pensamento vendo-se a si mesmo. Isto lembra que uma ideia sobre o que seja auto-consciencia e’ a capacidade que a materia adquiriu de perceber-se a si mesma como existindo no mundo. O pensamento ve-se a si mesmo quando um ser tem o hemisferio direito tao ativo quanto o esquerdo, o que nao e’ o caso da especie humana neste momento. Mas a tecnica de segurar e rever o pensamento no trajeto entre cortex e hipocampo tambem pode significar a criacao de auto-consciencia…?! Preciso pesquisar isto.

E’ isto que acho maravilhoso na Matrix/DNA, o que a torna bem diferente da visao de mundo do Ruppert. Ela me retroalimenta de energia a cada instante estimulando minha vontade de continuar vivo e lutar, pois existe a cada dia mais coisas a pesquisar a descobrir. A diferenca e’ que a Matrix/DNA e’ uma meta universal, infinita, que nao vai se extinguir enquanto eu estiver vivo. Ja Ruppert tinha uma cosmovisao limitada baseada no local, no estado do Sistema social humano, que e’ finito pois muda-se sempre, e essa visao de mundo tinha um fim predeterminado, que era o colapso do Sistema. Como a humanidade conseguiu passar a crise em 2012 e continuou o Sistema a crescer, rompeu a previsao limitada de Ruppert, sua cosmovisao ruiu por terra quando ele ja estava velho e cansado e ruminando a pobreza… isto explica seu suicidio. O certo e’ nos propor uma meta na vida que sabemos nunca iremos cumpri-la totalmente, nunca iremos alcancar seu topo final em vida, assim vamos morrer no meio do caminho, no meio da batalha, sem sentir a morte.

Por exemplo, muitas meninas e rapazes se propoe uma meta na vida muito simples e finite, que e’ se adorner o amximo possivel para ser aceito e admirado pelas pessoas ( com a intencao inconfessavel de assim usar as pessoas a seus pes). Dai vem as longas horas na frente do espelho fazendo maquiagem, a malhacao exacerbada na academia, preocupacao com roupas, cabelos, etc.  Mas chega um momento na vida que nao tem mais maquiagem que disfarca as rugas e a face se desfaz. Nao existe ginastica que elimine a barriga e queda dos musculos. Entao conheci uma mulher assim, que passou a vida limitada nesta preocupacao enquanto  o cerebro e a ignorancia com o resto do mundo foram se atrofiando, e seu limite foi alcancado,nao tinha mais sentido na vida, aos 60 anos. Hoje ela tem 92. O que aconteceu? Ela entrou em Alzheimer, foi ficando distante, totalmente paralizada, sendo alimentada pelos outros na boca, esta’ vegetando, e sinto muito, pois e’ uma pessoa muito querida. Mas bem que eu tentei desperta-la para uma vida mais intellectual e socialmente ativa antes, nao teve jeito. Trace uma meta tao grande que lhe seja impossivel alcancar m vida, deixe-a a ser continuada pelos seus herdeiros, a antevisao do sucesso da humanidade e o saber que voce participou, contribuiu, e’ a alegria que mantem sua chama viva e brilhante passando pela morte sem que a percebas.

Sagrada seja a sabedoria!

Tags: ,